Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

O CURANDEIRO -- Suzanne Lie

O CURANDEIRO

Do livro “ReconstructingReality” 

(Reconstruindo a Realidade)

Por Suzanne Lie PhD

 

Após comungar com sua amada Natureza Venusiana, Shatureestava pronta para rever a vida seguinte.
Quando ela entrou em sua sala abobadada, ela foi diretamentepara a sua cadeira, mas seu Guia a deteve.

Você não precisa maissubir ao domo. Ao invés de subir, permita sua própria consciência projetar oholograma.
Lembre-se, querida,você não é limitada à sua parte que está na minha frente.
Feche seus olhos epermita a visão de Arcturo hexadimensional dar ignição à memória e à conexão àsua totalidade.

Shature fechou os olhos e lembrou-se de Lamerius, seu eucompleto.
Como seres andróginos unidos, eles viajaram pelo vórticepara Arcturo.
Shature lembrou-se da luminosidade de seu corpo estelarhexadimensional e pôde sentir o vórtice no coração.
A cápsula estava ao redor deles e o amor incondicionalpreencheu sua consciência.
Então ela ouviu um lindo tom que foi acompanhado de umestouro de luz tão forte que penetrou em seus olhos fechados.

Ela abriu os olhos e viu na sua frente um Curandeiro NativoAmericano.
Ele permanecia silenciosamente em todo seu esplendor puro erégio.
Ele era magnífico.
Usava um lindo traje cerimonial feito de pele de búfalo e umenorme colar de garras de urso.
Seu cabelo estava penteado em tranças longas e seu rosto pintadocom três faixas vermelhas em cada face e uma imagem que parecia o sol em suatesta.
Em uma mão ele segurava um chocalho e na outra um cachimbo.

Eu sou How-ta-shai. Euretornei para a Superalma na sétima dimensão no final de minha experiênciafísica. Em resposta ao seu chamado, eu me juntei a você através deste hologramade sua criação.

Como soube que euestava chamando? – Shature disse perplexa.

Querida, tal como vocêestá observando as vibrações do seu eu em uma densidade mais baixa, nós daSuperalma estamos observando você.

Sim, claro. – Shatureestava começando a entender.
Tanto quanto a vidaque eu tenho agora está além da concepção do meu eu tridimensional, a vida daminha Superalma está além da minha concepção.
Antes de começar suahistória, você poderia falar mais sobre a Superalma?

Claro, feche seusolhos novamente e ouça minhas palavras com o seu coração.
Tal como você tem brilhadouma luz em partes do seu eu, sinta a luz brilhando em você.
A Superalma é como umlago situado no pico da montanha mais alta.
Este lago está cheiode água imaculada vinda do céu.
Muitos rios fluemdesse lago em todas as direções que por sua vez formam outros lagos maisafastados ainda da montanha.

Desses lagos fluemoutros rios secundários que também têm lagos, e assim por diante, até que aságuas da vida chegam às areias dos grandes oceanos.
Quando essas águasencontram a Mãe Oceano, elas tocam os seres que nadam nas águas da vida e oschamam para reentrar nas correntes de seu nascimento e gradualmente nadaremascendentemente até finalmente estarem seguramente no lar, no lago imaculadooriginal da Fonte.

Shature ouviu um tilintar de sinos e novo flash de luz a fezabrir os olhos e virar a cabeça.
Era Rahotep, ou melhor, um holograma dele.

Eu também ressoo naSuperalma.
Eu retornei paraassisti-la na compreensão do que How-ta-shai tem para dizer.

Ele caminhou e se juntou ao curandeiro.
Shature viu à sua frente a projeção de duas poderosasvibrações mais altas de seu ser total.
Ela olhou ao redor para encontrar seu Guia e descobriu quenovamente ele tinha ido embora.

Você está indo bem,minha criança. – ela ouviu em seu interior.
Procure por orientaçãodentro de você agora.
Lembre-se: nós estamosjuntos na Unidade.
Se você me quiser,tudo que precisa fazer é me chamar e eu responderei.

Shature quase lamentou a perda dele, mas ela não poderiamanter a vibração dessa emoção em seu eu expandido.
Na verdade, ela não era mais apenas a Shature.
Ela novamente era Lamerius, porque a alta faixa vibratóriada sala chamou Lamire.

Lamire, você estácomigo outra vez, ela sorriu.

Eu estou sempre comvocê.

Rahotep e How-ta-shai sorriram e disseram: Nós todos somos projeções da mesma Superalmae somos totais na Unidade.
A nossa parte rotuladacomo Shature está permitindo sua consciência expandir para a concepção de maisdo que uma realidade.
Você está despertandosua consciência multidimensional.

Shature começou a se sentir orgulhosa e novamente descobriuque ela não poderia ressoar a esse sentimento também.
Ela percebeu que tinha a memória de orgulho tal como elatinha a memória de ser como Shature.
Ela entendeu o que Rahotep e o Curandeiro disseram.
Agora ela mantinha em sua consciência todas as realidadesque ela tinha revisto.

Ela esteve em Atlântida, na Terra das Fadas, na Inglaterralogo após a queda de Atlântida, na Itália do Século XIII, na Polônia do SéculoXX, na Inglaterra e Estados Unidos do Século XIX e no Egito antigo.
Ela esteve nas praias das falésias vermelhas de Vênus e eraum ser estelar em Arcturo.
No AGORA sempre presente, ela abraçou tudo que ela haviarevivido.
Ela sentiu sua forma expandir até que finalmente ela estavasem forma.
Ela era uma partícula de luz no oceano infinito deresplandecência.

Lentamente ela começou a se contrair e sua resplandecênciase retraiu.
Shature a pulsou novamente para fora e ela ficou mais fortee brilhante.
Ela vivenciou o fluxo e refluxo de sua emanação até quegradualmente retornou ao holograma de Shature.
Sim, ela também era um holograma.
Ela era uma projeção de forma a partir da Fonte, e nãoimportava quantas projeções diferentes existissem, todas elas vinham da mesmaFonte.

Gradualmente sua percepção voltou à sala abobadada eHow-ta-shai estava perante ela.
Rahotep deixara seu holograma de forma e retornara àSuperalma, mas ela sentia a presença dele em seu interior junto com os outros.
Ela sorriu e How-ta-shai respondeu com um sorriso.
O brilho nos olhos dele mostrava a resplandecência de toda acriação.

How-ta-shai estava sentado com suas pernas cruzadas e com umgesto pediu para Shature fazer o mesmo.
Assim que ela sentou, uma pequena fogueira se manifestouentre eles e uma tenda os cercou.
Shature fixou seus olhos na fogueira e esperou porHow-ta-shai começar sua história.

Vou lhe falar primeiroda morte da nossa parte que já foi conhecida como How-ta-shai, disse oCurandeiro.
Enquanto falo comvocê, feche os olhos e veja a história conforme eu a conto.
Ouça-me com o seucoração e escute a minha verdade.
É a tradição de nossopovo ensinar contando estórias, e eu desejo compartilhar essa tradição com vocêagora.

How-ta-shai começou a balançar seu chocalho e cantoubaixinho enquanto a tenda se enchia de memórias.
Ele apontou para a sua direita e numa esteira grosseiraestava um homem velho pálido à beira da inanição.

Era como eu parecia naminha morte.
Meu povo foi derrotadoe nós fomos aprisionados dentro de um forte do homem branco.
Nós não podíamos vernossas amadas planícies, caçar búfalo ou ter nossas tradições sagradas.
Nós éramos um povovencido.

How-ta-shai tirou seu foco da fogueira que estava observandoe olhou Shature diretamente nos olhos.

Você percebe o temadas realidades que a Superalma escolheu para você ver?

Sim, respondeuShature.
São sociedades, ou eu,em transição e o medo que vem com a mudança.

Sim, nós da Unidadefocalizamos nossa consciência em você para que você possa ser nossarepresentante na terceira dimensão.
A Terra em que vocêvai reentrar está à beira de uma grande transição que afetará esse universomultidimensional inteiro.
Nós, as muitas vidasque você viu, percebemo-nos como fracassos em uma época.

Essa lembrança ressoaem nossa consciência coletiva.
Você assistiu e curouas realidades que não atingiram o despertar espiritual.
Aqueles de nós queaprenderam a se conectar com nossos eus superiores enquanto estávamosencarnados fomos capazes de nos curarmos e retornamos para as nossas vibraçõesmais altas.
Agora eu lhe falosobre minha própria frustração enquanto encarnado para que você possa ver queaté o fracasso é um sucesso se pudermos nos integrar com o Espírito.

Mas, por que fui escolhidapara ser a representante? – perguntou Shature.

Sua realidade deShature em Atlântida representa a iniciação de nossa Superalma na limitação eseparação da terceira dimensão.
E também foi uma vidaem que você se conectou com a grade de luz que cerca o Planeta Terra.
Você será convocadapara outra vez se conectar conscientemente com esta grade de energia quandovocê reentrar na terceira dimensão.
Mas agora me permitavoltar à minha história.
Nós que fomos capazesde nos elevar acima das limitações do mundo físico desejamos instruí-la pelo compartilhamentode nossas experiências.

Como eu disse, nóséramos um povo vencido e toda a minha força espiritual e insight não puderamfazer nada para impedir nosso destino.
Havia apenas umapequena vitória que eu tentava conseguir.
Eu queria fazer osCasacos Azuis permitirem que levantássemos nossas tendas fora do forte ondepodíamos pelo menos ver as planícies e o nascer e pôr do sol.

Somente homens velhos,como eu e mulheres e crianças restaram.
Os poucos guerreirosque ainda viviam estavam feridos ou aprisionados na casa de ferro dos CasacosAzuis.
Se conseguíssemosapenas uma pequena vitória, então talvez pudéssemos manter nossos Espíritosvivos até um dia melhor.

Mas vou começar minhahistória em um tempo mais feliz.

How-ta-shai apontou agora para a sua esquerda e havia ummenino esfregando o sono de seus olhos enquanto surge de suas peles.



(Continua)
  
 



Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Suzanne Lie

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Loucos com a iluminação -- Adamus via Geoffrey

Loucos com a iluminação

Adamus Saint Germain  - Maio / 2015

Através de Geoffrey Hoppe 

Tradução: Silvia Tognato Magini


 
Geoffrey Hoppe, canalizador de Adamus (Saint Germain) e Tobias

O grupo de Conselheiros do Keahak™, que inclui o Dr. Doug Davies, Alain Bolea, Linda e eu estávamos conversando no telefone na semana passada. Linda e eu tínhamos acabado de voltar de do workshop Kasama em Kauai. Durante o curso da nossa discussão, todos nós notamos como as energias ultimamente têm sido duras. Cada um de nós experienciou isto em nosso próprio caminho, e nós todos nos exasperamos pela intensidade do que estávamos sentindo. Dr. Doug, um astrólogo talentoso, não pôde correlacionar quaisquer influências astrológicas específicas para a situação, e após 30 minutos de comiseração e especulação, finalmente, decidimos perguntar a Adamus porque tudo estava tão intenso ultimamente.

Nós raramente chamamos Adamus para canalizações pessoais. Faz bem mais de um ano desde a última vez, mas todos nós sentimos a intensidade em um nível tão profundo que nós decidimos ver o que ele tinha a dizer. Nós nos reunimos em uma teleconferência alguns dias depois e começamos a sessão, como de costume, com a respiração de Linda.

Adamus foi muito mais casual do que o habitual, muito diferente da maneira como ele vem durante um Shoud ou em um workshop. Parecia que ele estava bem ali com a gente, com as pernas cruzadas, sentado em uma grande poltrona tomando uma xícara de café expresso. A energia da sessão privada, literalmente, mudou a forma como todos nos sentíamos, e suas palavras foram inspiradoras. Eu gostaria de compartilhar alguns dos comentários de Adamus com vocês porque eu acho que muitos Shaumbra estão experienciando a intensidade energética no momento. Eu fiz uma edição menor para maior clareza, mas de outra forma estas são palavras de Adamus:





Sob as circunstâncias, vocês estão fazendo tudo incrivelmente bem. Costumava ser que aqueles que estavam passando pela ascensão incorporada teriam de ser levados para o campo e isolados de outras pessoas. Eles eram colocados lá para que pudessem passar por sua loucura longe dos outros.

Vocês estão, essencialmente, reordenando tudo dentro de vocês, sobre o que, naturalmente, nós já conversamos antes, mas agora vocês estão realmente vivendo-a. E há um ponto - há muitos pontos na verdade - onde nada faz sentido.

A maneira que vocês têm se conectado com si mesmos esta mudando toda. Temos conversado sobre isso antes extensivamente ao longo dos anos, mas agora vocês estão passando pelos níveis mais profundos disso.

Vocês vão descobrir que estão hipersensíveis as coisas - a sons, a luz, que seja a luz do sol ou a luzes em um edifício ou até mesmo  sensibilidade a luzes fluorescentes. Vocês estão muito, muito sensíveis as energias das outras pessoas, dos pensamentos e das suas emoções delas e particularmente sensíveis, curiosamente, a aqueles que suprimem as emoções. É mais fácil para vocês lidarem com as pessoas que estão com as emoções na frente delas, pois suas emoções estão abertas e fluindo. Mas algumas pessoas seguram as coisas e não as deixam fluir para fora. Vocês estão muito cientes destas coisas e isso incomoda vocês, porque sabem que não é certo, não é natural, mas ainda assim vocês pode sentir o que elas estão suprimindo.

Vocês se tornam muito sensíveis à alimentação. A única coisa que torna isso difícil é que as coisas com que vocês são sensíveis mudam quase que diariamente. Alguns de vocês aqui, e muitos Shaumbra, estão experimentando sensibilidades no estômago e nos intestinos e, em seguida, no dia seguinte você está tendo sensibilidade para as coisas na mente.

Está tudo mudando, e é por isso que eu digo que, sob as circunstancias, vocês está fazendo muito bem. Vocês ainda são capazes de funcionar (principalmente) na sociedade, para fazer o seu trabalho. Vocês acham que existe uma necessidade intensa de um monte de tempo para si mesmos, porque, bem, vocês precisam disso. Você precisam dessa integração.

E onde outrora poderiam encontrar alguma sensação de alívio em seu estado de sonho, mesmo lá está provando não ser mais nenhum refúgio para você, porque a mesma coisa está acontecendo, não apenas neste nível humano, mas em outros níveis.

Basicamente, há uma tremenda quantidade de questionamento do seu velho eu. Você está questionando-o porque você está realmente começando a integrar o seu novo Eu, e essa é a boa notícia. Mas você está integrando esse novo Eu e isso causa uma quantidade quase obsessiva de questionar o seu antigo eu. Por favor, entendam que tudo isso é bastante natural. Ninguém provavelmente terá que arrastá-los fora e trancá-los no campo em algum lugar.

A mente vai tomar uma posição subordinada em sua vida, em seu pensamento, mesmo em coisas como planejamento, mas mais em coisas como a sua paixão, à medida que a força criativa chega. E, como eu mencionei no Shoud (abril),  a maioria dos seres humanos usam um pequeno grau de criatividade simplesmente para resolver os problemas da vida, mas isso é uma grande subutilização da criatividade. O que está acontecendo agora é a energia criativa Kyeper está vindo dentro de você, através de você isso está desorientando a mente completamente. Esta confundindo a mente e, é claro, a mente, então se reprimi. Ele entra em seu modo de tentar descobrir tudo, e ela não pode. Eventualmente, a mente vai fazer a sua própria forma de rendição. Ela se tornara subordinada ao Eu Sou e ao Eu criativo. Mas agora ele está lutando pelo seu trabalho. Ela está lutando para fazer o que foi treinada para fazer, e ela simplesmente não entende o Kyeper, o criativo.

De certa forma, vocês estão, na verdade, se dividindo. E enquanto isso pode parecer ser um pouco neurótico, não é porque você vai estar se dividindo de novo e de novo e de novo. Mas em vez disso estas personalidades, esses eus em contradição uns com os outros ou sem saber uns do outros, eles vão estar muito conscientes. De certa forma, vai ser como conduzir muitas vidas, mas fazê-lo de uma forma muito compatível e de uma maneira muito graciosa. Nós vamos aprofundar nisto no Keahak V. Você vai experimentar ser muitos - o E - de uma forma que o eu singular não poderia imaginar. Uma vez que você chega a este ponto - o ponto de diversificação do eu - há um monte de desconforto temporário. Há um monte de caos mental. É o que vocês estão enfrentando ultimamente.

Na iluminação, o mestre pode ser em um dia apenas um ser humano normal, e no momento seguinte naquele mesmo dia o Mestre pode ser um ser iluminado, e no momento seguinte ser tanto iluminado e ainda adormecido. Você pode estar muito sensível e no momento seguinte muito insensível de uma forma física e emocional, ou você pode estar dos dois modos ao mesmo tempo.

Você está no ponto de diversificação do Eu, e sim, isso é muito, muito desconfortável neste momento. Mas depois que você começar a se acostumar com isso, você percebe que isto é uma incrível dança. Não é Aspectologia. Essa é uma situação diferente. Eu a chamo de "Diversitologia: Loucos com a iluminação."
Geoffrey Hoppe 


Tradução: Silvia Tognato Magini - silvia.tm@uol.com.br




Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Geoffrey Hoppe

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Arcanjo Gabriel - 30 de Abril de 2015

As Qualidades do Amor - Verdade

Arcanjo Gabriel

Através de Marlene Swetlishoff



Amados,

Vamos lhes fazer um discurso sobre a qualidadedo amor conhecida como Verdade. Uma pessoa que incorpora a qualidade da verdadeem seu interior, sempre aparece para os outros exatamente como ela é, e ela éhonesta em todas as coisas que ela fala e faz. Ela permanece verdadeira àintegridade de seu ser espiritual e com a sua divina essência. Ela é aberta etransparente e faz isso sem pretensão. Ela sabe que se ela quiser obter osmelhores resultados em qualquer situação que se apresentar, ela precisa sercompletamente verdadeira. A maior qualidade que atua na vida de uma pessoa é aqualidade da verdade. A verdade não apenas tem o poder de aplicar em uma pessoao seu valor pessoal, sua magnificência para enobrecer e elevar a vida dapessoa, mas isso pode também atrair também, respostas beneficentes de vida.Quando as pessoas são verdadeiras e honestas umas com as outras, elasincorporam uma crença geral na prática de valores como a integridade, decênciae virtudes.

A verdade se torna a sua própria base deconhecimento e ela irá sentir isso claramente em seu interior, sem anecessidade nem de pensar ou meditar sobre isso. A sua voz interior é a conexãonão audível entre o espírito e a luz da verdade e ela percebe claramente emcada momento de sua vida o que está ou não está em harmonia com as leis naturaisdo Criador, e assim, portanto, propicia assim o que é para o seu mais elevadobem acontecer.

O princípio da verdade é a orientação à luz daconsciência em sua busca para se tornar consciente da realidade e das suasmanifestações. Ao escolher a verdade em troca da falsidade e decepção, a pessoase alinha com a realidade divina e com o fluir espiritual da vida. Sendoverdadeira consigo e com as qualidades divinas, a pessoa irradia luz para todosverem.  Sendo verdadeira consigosignifica permanecer centrada e ancorada no lugar, por honrar a si em todas ascoisas que faz. A verdade tem haver em se ter coragem de dizer no quê a pessoadá significado e no que ela quer dizer ao fazer o que ela ama, e através daverdade ela ama o que ela faz, em todas as coisas. É ser verdadeira aos seusvalores não importando o que os outros possam pensar a respeito dela.

Ser verdadeira quer dizer praticar o manifestarexternamente o que o seu eu interno sabe de forma intuitiva. A pessoa entãodescobre que a verdade é libertadora, alegre, abundante e empondera aexperiência, e de que a verdade vem do amor e da boa vontade de honrar aimportância de cada relacionamento que ela tem com os outros, e especialmentecom a pessoa que ela é com ela mesma. 

A pessoa ao viver dentro da verdade, issopromove a mesma verdade nas outras pessoas. Isso empondera a cada um e dá a elaobjetividade para ser verdadeira consigo. Quando as pessoas compartilhamhonestidade entre si, a acerca de seus sentimentos e das suas necessidades, émais provável que cada uma tenha as suas necessidades encontradas.Verdadeiramente pessoas felizes têm compromisso para um viver positivo. Elaluta para ter conhecimento verdadeiro de suas forças e fraquezas, e para sabero que ela realmente quer.

Ela luta por autenticidade e por sua evoluçãopessoal acurada, de modo que ela vive em um estado de integridade consigo.Viver de forma verdadeira é um processo longo de vida, à medida que cada pessoagradualmente chega cara a cara consigo e faz escolhas para confrontar as coisasa cerca delas que poderiam ser usadas para “algum trabalho” e para olhar acerca de seu comportamento honestamente, e para fazer o que é certo para si. Àmedida que a pessoa experimenta a liberação e emponderamento de viververdadeiramente, ela aprende a fazer as suas correções imediatamente, com graçae facilidade crescentes, e no processo ela se torna mais feliz e inteira.

Nada é mais poderoso do que a verdade. A verdadedeveria ser a base de todas as crenças de uma pessoa. A pessoa pode fazer a suaparte sendo um bom exemplo, e por ter coragem de ser verdadeiramente honestaconsigo e com os outros. Ao fazer as coisas e sendo exatamente quem ela é, apessoa irá ser mais feliz e irá atrair a bondade das pessoas que ela quer emsua experiência de vida.  Quando ela vivea sua verdade ela ganha um senso de autoconfiança, a sua vida flui harmoniosamentee ela simplesmente introduz a facilidade no trabalho de suas vidas. Os seuspensamentos, ações e palavras estão todas em alinhamento com quem ela realmenteé, e para onde, ela vê a si mesmo indo.

Ela vive a sua vida usando o seus talentosnaturais e habilidades. Ao viver a sua verdade ela o faz propositadamente sempretensões. Tudo que ela faz reflete a escolha que ela faz. Vivendo a sua vidade forma autêntica é desafiante, porque isso demanda uma contínua expansão emseu horizonte, mas, a recompensa desse esforço vale a pena. No processo deviver uma vida mais autêntica, conectada com a sua verdade e seguindo o seuchamado, a  sua vida se torna mais cheiade significado e mais genuína. O caminho mais simples de uma pessoa viver a suaverdade é deixar a expectativa dos outros para trás, vivendo da maneira comoela sente que vale a pena.

Quanto mais a pessoa conhece o seu eu autêntico,tanto melhor ela pode entender o mundo a sua volta, também. Ela desenvolve umentendimento mais profundo das outras pessoas, da condição humana e do mundo.

Ela se sente plena nos propósitos, no que tangeas suas intenções, com alegria quando ela faz algo que eleva os outros, e aalegria que ela sente em servir contribui para a felicidade das pessoas em suavolta. Ao praticar hábitos de servir por pequenos meios na vida de uma pessoa,no interior de sua própria família, tal como gastar mais tempo com as suascrianças, ou fazendo algo surpreendente para o seu cônjuge, isso leva a umsentimento de felicidade interna. Por procurar fora e por praticar ações ehábitos que uma pessoa conhece, faz com que ela se sinta bem interiormente e apessoa sendo verdadeira consigo. Essa consciência individual se torna um hábitode visualização a cada dia, como um dom seu como sendo um recipiente feliz quecomeça a desfrutar disso ao máximo. Ela experimenta o estado desustentabilidade da paz interna verdadeiramente. Desejo que vocês deem um saltogrande através daquilo que os nutre na centelha divina e que lhes ajuda aconduzi-los a vivenciarem o seu verdadeiro poder e cheios de vitalidade. 

EU SOU Arcanjo Gabriel


Tradução Helena Renner

Permissão é dada para compartilhar essa mensagem desde que ela seja postada em sua íntegra, sem rasuras ou emendas, nada sendo alterado, estando incluído o nome da autora, os seus direitos autorais e os seus dois websites.

www.therainbowscribe.com

www.movingintoluminosity.com

NOTICIA IMPORTANTE PARA TODOS OS LEITORES DE EDMONTON, ALBERA NO CANADÁ. VOCÊS ESTÃO TODOS OCNVIDADOS PARA REUNIREM-SE AOS GRUPOS DE DISCUSSÃO DOS DISCURSOS SEMANAIS DE ARCANJO GABRIEL. MAIS INFORMAÇÕES ESTÃO DISPONIVEIS NO LINK A SEGUIR http://www.meetup.com/Polishing_the_Diamond

Grata por incluírem os links acima ao publicarem essa mensagem 



Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Marlene Swetlishoff

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Você sofre de ansiedade? -- Emilce Shrividya Starling,

Você sofre de ansiedade?

Por Emilce Shrividya Starling 


Perceba que quando você tem umpensamento de medo, de aflição, de ansiedade, as frases em sua mente começamcom um Se...



Comece a identificar as frasescomo “Se eu perder meu namorado, se meu marido me trair?” “Se eu não passar noexame?” “Se eu não conseguir esse emprego?”



Você sofre de ansiedade? Vive com a mente agitada,preocupado e aflito com o futuro? Está sempre pensando que algum acidente podeacontecer com seus familiares? Tem a sensação de que algo de ruim podeacontecer a qualquer momento?



Já percebeu como sua respiraçãofica acelerada e o coração bate mais forte quando alimenta esses pensamentos eessas emoções? Não pense que só você já sentiu isso. Todos nós, envolvidos navida moderna e apressada, já passamos por isso. É humano e natural sentir isso.



O problema é quando essessintomas se instalam em situações cotidianas, sem um motivo aparente. Quando aansiedade se torna como uma “gaiola emocional”, como uma prisão interna quelimita, tolhendo as iniciativas e o prazer de viver livremente.



Para a preservação e evolução,o ser humano, através dos tempos, se defendeu sentindo medo e agitação para tomar asatitudes de se defender ou lutar. Hoje não temos mais o perigo de um animalselvagem nos atacar a qualquer momento, mas alguns acham que um perigo podeocorrer entre o agora e o daqui a pouco. Vivem com medo da violência, dosladrões, do que pode lhes acontecer.



Muitos assumem compromissos etarefas além de suas possibilidades. Exigem muito de si mesmos com cobranças eperfeccionismo. Vivem correndo contra o tempo, apressados, com horários rígidospara tudo. Antecipam as situações, vivendo com muitas expectativas. E, comcerteza, o estresse se instala, podendose agravar para transtorno de ansiedade, fobias e até a síndrome do pânico.



Passam a ter sintomasfisiológicos como falta de ar e taquicardia; sintomas comportamentais, quandoevita certos lugares e pessoas (como elevador, viajar de avião, ir ashoppings); sintomas psicológicos, com sentimentos de inquietação.



Viver desse modo, sempre sobtensão, tira a paz de espírito e equilíbrio,atrapalha os relacionamentos, a vida familiar, a habilidade no trabalho,alegria dos momentos de lazer.



O que fazer? Como mudar essessintomas físicos, psicológicos e essas emoções negativas?



Compreenda que tudocomeça na mente. Em cada palavra, em cada frase, em cada pensamento.



Pensamentos de medo, aflição eansiedade começam com "Se".



Perceba que quando você tem umpensamento de medo, de aflição, de ansiedade, as frases em sua mente começamcom um Se...



Comece a identificar as frasescomo “Se eu perder meu namorado, se meu marido me trair?” “Se eu não passar noexame?” “Se eu não conseguir esse emprego?” “Se eu não conseguir me expressarbem nessa reunião?” “Se eu ficar corado de vergonha, tímido, sem palavras?” “Seeu perder meu emprego?” “Se eu ficar doente com câncer?” Se um acidenteacontecer com meu filho nessa viagem do colégio?” “Se uma tragédia acontecercomigo ou com minha família, ou com o planeta Terra?”. “E se... E se...”.



Na maioria das vezes, a mente negativa, cria essasarmadilhas com pensamentos que atemorizam, que descontrolam as pessoas.



Para começar a mudança interior, para tercontrole sobre essa conversa interior, é preciso fazer a identificação dessespensamentos. Perceber que as possibilidades de acontecer esses pensamentosnegativos são pouco prováveis.



O primeiro passo para umatransformação verdadeira é observar esses pensamentos negativos. Éidentificá-los.



Para mudá-los é importanteracionalizar esses pensamentos, desmontando cada pensamento de antecipação,cada pensamento de ansiedade com discernimento e argumentos reais.



Questione o pensamento negativo.



Não acredite nessa mente inimiga.Duvide desses pensamentos. Questione essas dúvidas, esses medos e fobias.



Com a prática de questionarcada pensamentonegativo que surgir, você vai adquirindo uma mente clara e calma. Edesse modo, pode avaliar melhor quais as reais probabilidades dessespensamentos serem coerentes com a realidade.



Outros passos importantes:Descubra sua capacidade, seu valor. Melhore suaautoestima acreditando mais em você mesmo. Aprenda a viver o momentopresente, sem ter previsões assustadoras pelo futuro.



Pratique esses ensinamentos eperceba como é bom desfrutar de sua vida diária, sem estresse, com prazer etranquilidade. Fique em paz!



Emilce Shrividya Starling 




Autor: Emilce Shrividya Starling 
Fonte: https://universonatural.wordpress.com




Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Emilce Shrividya Starling

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Nenhuma doença é contagiosa -- Guias via Taryn

Nenhuma doença é contagiosa

Guias Angélicos 

Através de Taryn Crimi


Hoje gostaríamos de focalizar sua atenção na saúde de seu corpo humano e a qual propósito serve a doença. Há muitos em seu mundo que estão experimentando alguma forma de "vírus" que provoca desconforto em seu vaso físico. Há várias crenças muito difundidas sobre como esses "vírus" se espalham e também a qual propósito eles servem.

Hoje é nossa intenção compartilhar com vocês nossa perspectiva em como pode ser de serviço para vocês. Uma crença muito comum entre o coletivo humano é que vocês podem "pegar" um vírus de outro; que ele é facilmente passado de uma pessoa para outra.

A mídia está transmitindo várias advertências sobre muitos tipos deste "vírus da gripe" e as medidas que vocês podem tomar para se proteger. Porém, da nossa perspectiva, isto não protege o público de experimentar este vírus, mas sim, ajuda a continuar a ampliar ainda mais seu alcance. A razão é: ele é continuamente trazido à atenção da consciência coletiva e, portanto, muitos agora estão focalizados em como o vírus é contagioso. Lembrem-se de que o que vocês esperam é o que vocês manifestarão em sua realidade física.

Nós lhes diremos qual o verdadeiro propósito a que um "vírus" serve e que é simplesmente eliminar aquilo que não é mais necessário. É o modo como o corpo remove resíduos tóxicos e libera aquilo que não mais serve a vocês. Os sintomas mais comuns do "resfriado comum", gripe, ou de uma infecção respiratória é eliminação de resíduos, porém, cada "vírus" elimina o resíduo através de orifícios diferentes. Não importa: todos são utilizados para servir ao mesmo propósito.

Contrário a muitas crenças, não existe vírus que seja realmente contagioso. Vocês não podem "pegar" uma doença de outra pessoa. Então vocês podem querer saber: como então tantos ficam doentes ao mesmo tempo? Nós diremos que é por duas razões muito simples: uma é a crença que diz que se vocês estiverem perto de outra pessoa doente, vocês também provavelmente ficarão doentes por causa da propagação dos "germes" do outro. E a segunda razão é a necessidade de seu corpo eliminar células, que não têm mais uso em seu corpo.

Apesar disso, nós queremos lhes informar que sentir-se doente não é necessariamente para seu corpo expelir resíduos e remover aquilo que não tem mais uso. A doença simplesmente é uma forma de resistência que foi criada por vocês, devido à sua resistência de liberar e deixar ir aquilo de que vocês não precisam mais. Portanto, o corpo não tem outra escolha do que expelir essas toxinas através de medidas mais extremas, que deixam o corpo se sentindo mal, drenado e exausto.

Em um mundo onde todos estão focalizados no que precisa ser feito, em um mundo que vê o descanso como preguiça, seu corpo é forçado a fazê-los ouvir suas necessidades por medidas extremas. Quando vocês se sentem mal, drenados e exaustos, vocês então são forçados a finalmente ouvir seu corpo e descansar. O descanso é o que seu corpo tão desesperadamente deseja e ele encontrará qualquer meio necessário para garantir que ele tenha o que necessita.

Como nós previamente expressamos, nós não vemos o descanso como sendo improdutivo, de modo algum. É enquanto vocês estão quietos e em descanso que vocês conseguem realizar o máximo. Há aqueles de vocês que sabem que isto é verdade e, portanto, dão as boas-vindas ao tempo de tranquilidade para permitir que a sincronicidade flua para suas vidas.

Vejam vocês: seu corpo está sempre processando resíduos e removendo aquilo que não é mais necessário. Então vocês podem dizer: então por que há a necessidade de experimentar ficar doente? Não há. É somente a resistência que vocês criaram que não permite a eliminação adequada desses resíduos, e seu corpo não tem outra escolha além de "lutar" contra os resíduos que se permitiu aumentar.

Vocês então podem se perguntar: por que resistir à remoção do que vocês não precisam? Lembrem-se de que o que acontece no nível físico, primeiro é manifestado em um nível emocional e espiritual. A resistência não se origina do físico, mas do corpo emocional e espiritual. Existem muitos medos, crenças e pensamentos que são limitantes para seu ser, mas muitos têm medo de deixá-los ir por causa do medo de mudança.

Há determinadas épocas, quando o coletivo como um todo está pronto para eliminar o que não é mais necessário. Essas ocasiões são mencionadas por sua mídia e pelos profissionais de medicina como epidêmicas; significando que a maioria da população em áreas particulares está experimentando sintomas similares de uma doença. Entretanto, nós vemos esta situação de modo diferente. É porque há muitos de vocês prontos para remover outra camada que se permitiu ficar latente em seus vasos físicos.

O coletivo como um todo está pronto para liberar mais crenças limitantes. Este novo ano trouxe consigo energias poderosas de liberação e muitos de vocês estão experimentando isto a nível físico e também a nível emocional. Muito que agora vem à tona precisa ser liberado. Muitos de vocês estão experimentando uma grande liberação de emoções, pensamentos, crenças e medo que não ressoam mais com a vibração mais alta a que vocês recentemente se elevaram.

Vocês acabaram de passar por um tremendo vórtice de energia que ajudou a eliminar grande quantidade de densidade que previamente foi permitida que os impedisse de recuperar seu verdadeiro poder. O que acontece em um nível emocional e espiritual sempre se manifestará em um nível físico também. E esta é a razão de porque tantos de vocês são afetados por estes chamados "vírus". É uma manifestação física coletiva de limpeza.

Nem todos serão atingidos por seus efeito, alguns conseguirão remover com sucesso e limpar essas emoções sem os efeitos colaterais adversos. Há outros que simplesmente escolheram não participar da limpeza coletiva desta vez. Sempre há pelo menos uma ou duas pessoas em determinada área que estão "doentes" em certa época. Então, por que o "vírus" não se espalha nessa ocasião? Vocês somente experimentarão aquilo com que vocês ressoam.

Como um coletivo, muitos estão ressoando com a energia de limpeza, eliminação e remoção daquilo que não é mais necessário. Esses vírus estão no ar o tempo todo, então por que vocês somente são afetados por eles de vez em quando? Novamente, é porque vocês somente experimentarão aquilo com que vocês ressoam.

Primeiro vocês manifestam em um nível espiritual, então em um nível emocional e aí vocês verão refletido em um nível físico. Então alguns perguntarão: então se considera uma boa coisa experimentar uma doença? Vocês são os únicos que podem determinar se algo é considerado uma "boa" experiência ou uma "má" experiência. Com certeza, nós desejamos enfatizar de que apesar de experimentar a limpeza de uma doença pode servir a um grande propósito, vocês não têm que experimentar o desconforto de estar doente.

Seu corpo tem a capacidade de eliminar uma grande quantidade de resíduos a qualquer momento sem efeitos colaterais adversos para vocês. É somente quando vocês resistem à liberação desses resíduos que ela normalmente se manifesta como uma doença. Quanto mais vocês resistirem ao fluxo e à liberação do que não mais lhes serve, mais tempo sua "doença" irá durar. Há alguns que experimentam um vírus "24 horas" enquanto que outros se sentem doentes por várias semanas. Novamente, a experiência é sua para criar.

Então, apesar de vermos um grande benefício e propósito que esses vírus cumprem vocês não têm que experimentar doença para seu corpo remover a densidade que vocês estão preparados para liberar. Queremos deixar bem claro este ponto. Como sempre, vocês são os construtores e criadores de sua realidade.

Nós simplesmente queríamos compartilhar com vocês a nossa perspectiva para ajudá-los a entender melhor esta manifestação física geral e ajudar a diminuir o medo que se tem em relação a "pegar" esses vírus.

Esperamos que de alguma forma nós tenhamos sido úteis.

No amor e na luz

Nós somos seus Guias Angélicos



Taryn Crimi


Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com




Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Taryn Crimi

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Rússia diz que espaçonave Progress entrará na atmosfera nesta quinta -- Cássio Barbosa


Rússia diz que espaçonave Progress entrará na atmosfera nesta quinta

Posted by Thoth3126 on 07/05/2015





E lá vem abaixo a espaçonave russa Progress


No dia 28 de abril, o módulo de carga russo Progress foi lançado com a missão de entregar aproximadamente duas toneladas de suprimentos e equipamentos aos astronautas da ISS – o módulo espacial em si tem quase 7 toneladas de massa.

A missão previa um acoplamento rápido. Depois de umas quatro órbitas, o módulo seria guiado até se prender à ISS no dia 1º de maio.

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Rússia diz que espaçonave Progress entrará na atmosfera nesta quinta

http://g1.globo.com/

Quinta-feira, 07/05/2015, às 08:37, por Cássio Barbosa

Depois que sua carga fosse transferida, iria permanecer conectada por uns 6 meses, sendo usada como depósito de lixo descartado pelos astronautas e depois iria ser lançado de volta à Terra. Guiada pelos técnicos da agência espacial russa Roskosmos, a Progress iria se desintegrar sobre o Oceano Pacífico pondo fim a uma missão simples de reabastecimento.

Mas a coisa não foi bem assim.


A nave de carga não tripulada russa Progress M-27M, que ficou fora de controle desde seu lançamento, na semana passada, deve cair sobre o oceano

Um segundo e meio antes de os foguetes do terceiro estágio se desligarem, o controle da missão perdeu a telemetria tanto do módulo, quanto do próprio foguete, um Soyuz 2-1A. Radares em Terra que acompanham os objetos em órbita mostraram que o módulo tinha atingido uma órbita 30 km mais alta que o esperado, num sinal que os foguetes da Soyuz funcionaram mais do que deviam. Esses radares também detectaram a presença de pelo menos 40 objetos espalhados no entorno do módulo, sugerindo que a Soyuz acabou atropelando o módulo assim que os dois se desprenderam.

Logo em seguida ao desacoplamento do módulo, a telemetria mostrou que os dois painéis solares se abriram normalmente, mas não foi possível confirmar que as antenas de navegação conseguiram se abrir, nem se o sistema de propulsão continuava pressurizado.

Algum tempo depois, a telemetria confirmou que o sistema de propulsão tinha sido seriamente danificado, pois perdera pressão e para aterrorizar todos na missão, o download das imagens da câmera de navegação mostrou que a Progress estava girando em um dos seus eixos de navegação a uma taxa de uma volta a cada 1,5 segundos.

Até aí as notícias eram ruins, sabia-se que a missão estava perdida, pois não seria possível acoplar a Progress na ISS. Só que elas foram ficando piores. Com esse giro descontrolado, os painéis não conseguiam ficar apontados para o Sol, fazendo com que o módulo não fosse abastecido pela energia solar. À mercê das suas baterias, a Progress aguentou ainda um dia, enquanto os técnicos tentavam a todo custo estabelecer contato com o módulo. Na verdade contato até que tinha, mas muito rápido, sem que fosse possível transmitir nenhum comando.

Nesse ponto da história, com a missão perdida, os técnicos queriam um contato mais estável para tentar controlar os movimentos da Progress. Se ela estava girando em um só eixo, essa tarefa seria fácil, ao menos na teoria. Mas qual o interesse em se tomar o controle do módulo se a missão estava perdida? Justamente isso: controlar o módulo.


O controle da missão de abastecimento, perdeu o foguete, um Soyuz 2-1A.

Quando se perde uma missão espacial, o protocolo é retirar a nave de órbita ou colocá-la em outra órbita que não atrapalhe ninguém. O melhor é se livrar do pepino espacial, forçando a nave condenada a reentrar na atmosfera, numa atitude controlada para “mirar” em uma região da Terra que não ofereça perigo a ninguém. Só que 24 horas depois de chegar ao espaço, as baterias secaram e se a comunicação era intermitente, agora morrera definitivamente. Resumindo: existe um pepino espacial de 7 toneladas sobre nossas cabeças sem nenhum controle.

Nessas condições, é apenas uma questão de tempo para que a Progress entre novamente na atmosfera. O que acontece é que a órbita da Progress (e mesmo da ISS) não é tão alta, em torno dos 200 km. Nessa altura, apesar de rarefeita, a atmosfera exerce um arrasto aerodinâmico considerável que vai freando os objetos em suas órbitas.

No caso da ISS, volta e meia sua órbita precisa ser corrigida por meio de disparos de foguetes para que ela suba mais um pouco. Quem não tem essa possibilidade, como a condenada Progress, vai caindo aos poucos. Quanto mais ela é freada, mais ela cai em uma região em que a atmosfera é mais densa. Mais densa, a atmosfera oferece mais resistência freando mais, acelerando a queda e assim vai.

Mais ou menos a 100 km de altura, a resistência do ar já começa a ficar tão grande que a nave começa a se despedaçar e, mais importante, o atrito começa a esquentar o módulo. Viajando a quase 28 mil km/h, rapidamente o módulo atinge temperaturas da ordem de milhares de graus, de modo que além de se despedaçar, começa a derreter. Esse é o processo usado para eliminar o lixo espacial que, de maneira controlada, é bastante seguro.

Só que a Progress não tem controle, não é possível direcioná-la para que sua desintegração final ocorra sobre o oceano. Isso porque nem todos as componentes da nave se desintegram nesse processo. Por exemplo, os motores e o sistema de exaustão dos foguetes são feitos para resistirem às altas temperaturas, senão não funcionariam, o que faz com que essas peças acabem sobrevivendo à reentrada. Mas e aí?



É possível saber onde a Progress vai cair?

Sim, mas apenas algumas órbitas antes de acontecer, tipo 3-4 horas antes apenas. Isso porque os cálculos dependem de fatores que podem variar muito, como a altura e a densidade da atmosfera. Esses dois parâmetros dependem fortemente da atividade solar: em épocas de alta atividade solar, a atmosfera se expande e aumenta o arrasto em órbitas mais altas, implicando em um decaimento mais rápido. O máximo que dá para fazer é usar modelos matemáticos que se adaptam às condições atuais do ciclo solar. Esses modelos apontam que a Progress deve entrar na atmosfera terrestre a partir das 19h13 desta quinta-feira (7). Todo o processo deverá durar até 22h51, ou seja, quase um dia inteiro.


Inicialmente, a previsão era que isso ocorresse entre os dias 7 e 9 de maio. A informação foi atualizada nesta tarde pela Roscosmos, agência espacial da Rússia.

Existe risco da Progress cair no Brasil?

Sim, existe, afinal a Progress sobrevoa o país de vez em quando, mas as chances são muito pequenas! Olha só, se a gente considerar os limites em latitude dos extremos brasileiros ao norte e ao sul, as chances da Progress cair em terra firme (em qualquer lugar do planeta compreendido nesses limites) não passam de 40%. Em outras palavras, mais de 60% de chances dela cair no oceano, ou sobre a Antártica.

Vai dar para ver seus destroços?

Vai, se tiver alguém para ver é claro. Há vários casos de registros de reentrada de lixo espacial, mesmo de dia, mas se a Progress cair sobre o oceano ou em algum lugar remoto do planeta, ninguém vai estar lá para ver. Lembrando que algumas partes devem sobreviver ao atrito com a atmosfera chegando ao solo, ou caindo no mar.

Já vivemos uma situação parecida no final de 2011. A sonda russa Phobos-Grunt foi lançada no dia 8 de novembro daquele ano e, após estabelecer uma órbita baixa na Terra, deveria disparar seus foguetes e rumar a Marte. Ocorre que a segunda parte nunca aconteceu, e a Phobos sofreu do mesmo arrasto que a Progress está experimentando agora.

Finalmente, dia 15 de janeiro de 2012, a sonda reentrou na atmosfera indo parar no sul do Oceano Pacífico com 20 ou 30 fragmentos, totalizando 200 kg de destroços, caindo no mar. Autoridades russas disseram na época que um fragmento teria caído em Goiás, mas nem a FAB, nem ninguém relatou qualquer coisa.

Moral da história: desde que a exploração espacial começou, ninguém nunca foi atingido por um fragmento de lixo espacial. Vamos acompanhar os acontecimentos, mas nada de grave deve acontecer.

ACOMPANHE A TRAJETÓRIA DA QUEDA DA ESPAÇONAVE RUSSA

De acordo com os cálculos, a reentrada do módulo russo na atmosfera terrestre se daria às 22h36 (horário de Brasília) da noite desta quinta (7). A margem de erro é de 2 horas para mais e para menos – ou seja, a “janela” de reentrada vai desde às 20h36 até 00h36 de amanhã (8).


O cálculo da trajetória provável da queda da espaçonave russa. Imagem: Spaceflight101.com

Com essas informações é possível mostrar as órbitas que vão ocorrer nesse período de 4 horas e o resultado está na figura acima. As linhas amarelas representam essas órbitas do módulo e fica claro que nenhuma delas cruza o Brasil, nem os EUA, Europa e Austrália.

Por outro lado, China e Índia, dois países muito populosos estão no caminho. Como eu disse no post publicado mais cedo, existe o risco dos destroços da nave russa caírem em terra firme, mas a maior parte do trajeto da Progress, seguindo as linhas que representam suas órbitas, está sobre o Oceano Pacífico.

Destinada a levar duas toneladas de suprimentos para a Estação Espacial Internacional, a nave não-tripulada Progress M-27M está fora de controle após a ocorrência de uma falha assim que foi colocada em órbita, no dia 28 de abril.

Imagens:
Destroços do módulo ATV1, da Agência Espacila Europeia (Nasa) – Módulo Progress (Oleg Artemyev)

Mais informações em:
  1. http://thoth3126.com.br/inedito-meteoro-na-russia-foi-explodido-por-um-ufo-filme/
  2. http://thoth3126.com.br/explosao-e-queda-de-meteoro-na-russia-destruicao-e-feridos/
  3. http://thoth3126.com.br/cometa-ison-podera-causar-imensa-chuva-de-meteoros/
  4. http://thoth3126.com.br/meteoro-na-argentina-explosao-em-novas-imagens/
  5. http://thoth3126.com.br/nasa-chuva-de-meteoros-e-estrelas-cadentes-imagens/
  6. http://thoth3126.com.br/meteoro-explode-sobre-a-espanha/
  7. http://thoth3126.com.br/meteoro-da-russia-enorme-fragmento-com-570-quilos-foi-resgatado/
  8. http://thoth3126.com.br/russia-meteoro-explode-sobre-murmansk-video/
  9. http://thoth3126.com.br/meteoro-russo-mostra-que-20-milhoes-de-rochas-espaciais-ameacam-a-terra/


Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

17Share on Facebook (Opens in new window)17
4Click to share on Twitter (Opens in new window)4
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

URL: http://wp.me/p2Fgqo-8vj




Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Cássio Barbosa

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

O Livro perdido de Enki – 11ª Tabuleta -- Zecharia Sitchin

O Livro perdido de Enki 

 11ª Tabuleta

Posted by Thoth3126 on 08/05/2015

O Livro Perdido de ENKI 

 The Lost Book of Enki 

 Memórias e profecias de um ”deus“ extraterrestre:


Faz cerca de 435.000 anos que astronautas de outro planeta e sistema solar chegaram à Terra em busca de ouro. Depois de aterrissar num dos mares da Terra, desembarcaram e fundaram Eridú, “Lar na Lonjura”.

Com o tempo, o assentamento inicial se estendeu até converter-se na flamejante Missão Terra, com um Centro de Controle de Missões, um espaçoporto, operações de mineração e, inclusive, uma estação orbital em Marte. Este livro conta a história desta saga extraterrestre, contada pelo próprio Enki.

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

O Livro Perdido de ENKI – The Lost Book of Enki– Memórias e profecias de um ”deus“ extraterrestre de Nibiru

http://www.bibliotecapleyades.net

Partes anteriores em:
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki/
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-atestado/
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-primeira-tabuleta-parte-1/
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-primeira-tabuleta-parte-2-final/
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-terceira-tabuleta/
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-quarta-tabuleta/
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-quinta-tabuleta/
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-sexta-tabuleta/
http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-setima-tabuleta/

Sinopse da Décima-Primeira Tabuleta

1. A terra do espaçoporto, Tilmun, declara-se zona neutra.
2. Concedido a Ninmah, que recebe o nome de Ninharsag.
3. Marduk consegue as Terras Escuras, os enlilitas conseguem as Terras de
Antigamente.
4. Os netos de Marduk brigam, Satu (Seth) assassina a Assar (Osíris).
5. Fecundando-se a si mesmo, Haste (Ísis), a esposa de Assar(Osíris), engendra ao Horon (Hórus).
6. Horon (Hórus) vence ao Satu (Seth) em batalhas aéreas sobre o Tilmun.
7. Os enlilitas consideram prudente preparar outro espaçoporto.
8. Dumuzi o filho de Enki, e Inanna, a neta de Enlil, apaixonam-se.
9. Por temer às conseqüências, Marduk provoca a morte de Dumuzi.
10. Procurando seu corpo, Inanna morre e posteriormente é ressuscitada.
11. Inanna lança uma guerra para capturar e castigar Marduk.
12. Os enlilitas entram em seu esconderijo no Grande Monte (Pirâmide de Quéops, no Egito).
13. Os enlilitas selam a câmara superior para sepultar vivo a Marduk.
14. Sarpanit, a esposa de Marduk, e Nabu, seu filho, rogam por sua vida.
15. Ningishzidda, conhecedor dos segredos do Grande Monte, chega até Marduk.
16. Marduk, depois de lhe ser perdoada a vida, vai para o exílio.
17. Enki e Enlil dividem a Terra entre o resto de seus filhos.
18. O triunfo de Ninurta e as Grandes Pirâmides.

A DÉCIMA PRIMEIRA TABULETA

Elogiem a Ninharsag, a pacificadora na Terra!, proclamaram em uníssono os Anunnaki. Durante o primeiro Shar depois do Dilúvio (n.T. entre 10.986 a.C e 7.386 a.C), Ninharsag as engenhou para moderar os humores. Nibiru, a que terei que reabastecer de ouro, estava por cima das ambições e rivalidades existente entre os Anunnaki na Terra. Lentamente, a Terra voltou a se preencher de vida; com as sementes de vida que preservou Enki, o que tinha sobrevivido por si só se acrescentou na terra (plantas), no ar (aves e pássaros) e nas águas (peixes e mamíferos aquáticos).


Os Igigi são retratados na Bíblia como os Anjos Caídos.

Mas o mais precioso de tudo, descobriram os Anunnaki, foram os próprios seres remanescentes vivos da Humanidade! Como nos dias passados, quando foram criados os Trabalhadores Primitivos, os Anunnaki, poucos e esgotados, clamaram de novo por Trabalhadores (escravos) Civilizados. Para quando terminou o primeiro Shar depois do Dilúvio (n.T. ano de 7.386 a.C), a pacífica trégua se fez em pedaços por causa de um acontecimento inesperado. A erupção do conflito foi agora entre os clãs de Marduk e Ninurta, não entre os de Enki e Enlil: entre os próprios filhos de Marduk, ajudados pelos Igigi, rompeu-se a tranqüilidade.

Durante o tempo que Marduk, Sarpanit e seus filhos esperavam no Lahmu (Marte) a passagem do Dilúvio, os seus dois filhos varões, Assar (Osíris) e Satu (Seth), se apaixonaram pelas filhas de Shamgaz (Semjaza, o chefe dos anjos caídos), o líder dos Igigi; quando voltaram para a Terra, os dois irmãos se casaram com as duas irmãs, Assar (Osíris) escolheu à chamada Haste (Ísis), Satu com a chamada Nebat (Néftis) se comprometeu. Assar optou por viver com seu pai Marduk nas terras escuras (Norte da África, o atual Egito, desde o Sudão mais ao sul), Satu fez sua morada no Lugar de Aterrissagem, onde moravam os Igigi, com seu líder Shamgaz. Shamgaz (Semjaza) estava preocupado com os domínios na Terra: Onde serão senhores os Igigi?

Assim incitava Shamgaz aos outros Igigi, do qual Nebat falava com Satu diariamente; Estando com seu pai, Assar será o único sucessor, herdará as terras férteis (do Rio Nilo)! Assim lhe diziam Shamgaz e sua filha Nebat a Satu dia após dia. Pai e filha tramavam como reter a sucessão só em mãos de Satu. Em um dia propício fizeram um banquete; a ele convidaram ao Igigis e aos Anunnakis. Assar, sem suspeitar de nada, também chegou para celebrar com seu irmão. Nebat, a irmã de sua esposa, preparou as mesas, também pôs banquetas aos pés, Nebat se embelezou; com uma lira na mão, cantou uma canção ao capitalista Assar.

Satu, diante dele, elegia fatias de carne assada, com uma faca lhe servia pedaços de churrasco. Shamgaz, em uma grande traição, oferecia a Assar vinho novo, uma mescla feita por ele, em uma grande vasilha, suficientemente grande para tomá-la em consideração, pôs-lhe o vinho preparado com especiarias. Assar estava de bom humor; ficou de pé e cantou alegremente, acompanhando-se com címbalos na mão. Mais tarde, viu-se vencido pelo vinho misturado, caiu ao chão, com muito sono. “Vamos levá-lo para que durma profundamente”, disseram os anfitriões aos demais no banquete. Levaram a Assar para outra câmara, puseram-no em um ataúde, fecharam o ataúde com fortes presilhas, ao mar o arrojaram. Quando chegou a Haste a notícia do acontecido, ela elevou lamentos a Marduk, o pai de seu marido.


Ísis, Osíris (no trono) e Hórus, o deus representado com cabeça de falcão.

Assar foi brutalmente arrojado às profundidades do mar para que morresse, se teria que encontrar o ataúde com rapidez! Revistaram o mar em busca do ataúde de Assar, encontraram-no à beira da terra escura. Em seu interior jazia o rígido corpo de Assar, o fôlego de vida havia partido das suas entranhas pelo seu nariz. Marduk rasgou suas roupagens, jogou cinzas sobre si mesmo em desespero. Meu filho! Meu filho!, gritava e soluçava Sarpanit, grande era seu pesar e sua luta. Enki estava abatido e chorava: repetiu-se a maldição de Ka-in!, disse a seu filho Marduk em sua angústia. Haste elevou um lamento às alturas, fez petição a Marduk de um herdeiro para vingar-se. Satu deve encontrar a morte.

Me deixe conceber um sucessor de sua própria semente (de Assar), que seu nome se recorde por seu genoma, e que a sua linhagem sobreviva! Isso, ai, não se pode fazer!, disse Enki a Marduk e a Haste. O irmão que assassinou, o irmão do irmão deve ser castigado e preso, por isso se deve perdoar a vida a Satu, de sua semente deve conceber um herdeiro para Assar! Haste ficou desconcertada por estas voltas do destino; muito turvada pela revolta, tomou a determinação de desafiar as normas. Antes que o corpo de Assar fosse envolto e posto em uma mortalha, para ser preservado em um santuário; de seu falo, Haste extraiu a semente (o sêmen) de vida de Assar. Com esta semente, Haste foi fecundada e concebeu, um herdeiro e um vingador de Assar nasceu.

A Enki e a seus filhos, a Marduk e a seus irmãos, Satu disse: Sou o único herdeiro e sucessor de Marduk, da Terra dos Dois Estreitos serei o senhor! Ante o conselho dos Anunnaki refutou Haste a reclamação: Estou com o herdeiro de Assar, com seu filho. Entre os juncos do rio se escondeu com o menino, para evitar a ira de Satu; Horon chamou o menino, educou-o para que fosse o vingador de seu pai. Satu estava desconcertado com isto; Shamgaz não abandonava suas ambições. De ano terrestre em ano terrestre, os Igigi se propagavam do Lugar de Aterrissagem, até os limites do Tilmun, a região sagrada de Ninharsag, chegaram-se a aproximar. Os Igigi e seus Terrestres amenzaban invadindo o Lugar dos Carros Celestiais.

Nas terras escuras, o menino Horon se converteu em um herói com os rápidos ciclos vitais da Terra, Horon foi adotado por seu tio avô Gibil, ele o treinou e o instruiu. Gibil forjou para ele umas sandálias aladas para remontar-se no ar, era capaz de voar como um falcão. Gibil fez um arpão divino para ele, suas flechas eram projéteis poderosos. Nas terras altas do sul, Gibil lhe ensinou as artes dos metais e da ferraria. Gibil revelou a Horon o segredo de um metal chamado ferro. Dele, fez armas. Horon, de humanos Terrestres leais levantou um exército. Partiram para o norte, através de terra e rio (atual Nilo), para desafiar a Satu e aos Igigi.



Quando Horon e seu exército de Terrestres chegaram à fronteira do Tilmun, a Terra dos Projéteis, Satu enviou a Horon um desafio: Só entre nós dois é o conflito, nos encontremos na luta um a um! Nos céus do Tilmun, Satu esperou em seu Torvelinho o combate com Horon. Quando Horon se remontou no céu como um falcão para ele, Satu lhe disparou um dardo envenenado, como o aguilhão de um escorpião caiu sobre Horon. Quando Haste viu isto, lançou um grito ao céu, invocou a Ningishzidda. Ningishzidda baixou desde seu navio celestial, chegou para salvar o herói para sua mãe. Com poderes mágicos, Ningishzidda converteu o veneno em algo benévolo para o sangue, à manhã seguinte, Horon estava curado, havia voltado dentre os mortos.

Depois, com um Pilar ígneo, como um peixe celestial com aletas e uma cauda de fogo, Ningishzidda proveu a Horon, os olhos do Pilar trocavam suas cores do azul ao vermelho e de volta ao azul. Horon se elevou no Pilar ígneo para atacar o já triunfante Satu. Perseguiram-se por toda parte; feroz e mortal foi a batalha. Ao princípio, o Pilar ígneo de Horon recebeu um impacto; depois, Horon alcançou a Satu com seu arpão. Satu bateu contra o chão; Horon o amarrou. Quando Horon chegou ante o conselho com seu tio cativo, viram que ele estava cego, com os testículos esmagados, agüentava-se em pé como um cântaro descartado. Que Satu viva cego e sem herdeiros! Assim disse Haste ao conselho. O conselho determinou sua sorte, que terminasse seus dias como um mortal, entre os Igigi (n.T. entre os Anjos Caídos).

Declarou-se Horon triunfador, para herdar o trono de seu pai Assar; sobre uma tabuleta de metal se inscreveu a decisão do conselho, no Salão de Registros a puseram. Em sua morada, Marduk estava feliz com a decisão; mas estava com pena pelo que tinha acontecido: Embora Horon, um filho de Assar, seu filho era, do Shamgaz o Igigi era descendente, um domínio, um lugar como os atribuídos aos Anunnaki, não se tinha dado a ele. Depois de perder a seus dois filhos, Marduk e Sarpanit procuravam distração um no outro. Com o tempo, outro filho lhes nasceria; chamaram-lhe Nabu, o Possuidor da Profecia.

Vem agora o relato de por que se construiu na lonjura um novo lugar dos carros celestiais, e do amor de Dumuzi e Inanna, que Marduk rompeu com a morte de Dumuzi. Foi depois da luta entre Horon e Satu, e sua batalha aérea sobre o Tilmun, quando Enlil convocou a seus três filhos em conselho. Com preocupação pelo que estava acontecendo, disse-lhes: No princípio, os Terrestres se fizeram a nossa imagem e semelhança, agora, os descendentes dos Anunnaki são feito à imagem e semelhança dos Terrestres! Então, foi Ka-in o que matou a seu irmão, agora um filho de Marduk é o assassino pelo seu próprio irmão!

Pela primeira vez, um descendente dos Anunnaki levantou um exército de Terrestres, pôs em suas mãos armas de um metal, que era segredo dos Anunnaki! Dos dias em que Alalu e Anzu puseram a prova nossa legitimidade, os Igigi não deixaram de provocar transtornos e de romper as regras. Agora, as balizas (as Pirâmides de Gizé, no Egito) para se aterrissar na Terra estão situados nos domínios de Marduk, o Lugar de Aterrissagem está em mãos dos Igigi, agora, os Igigi estão avançando para o Lugar dos Carros Celestiais, dizem que, em nome de Satu, vão estabelecer-se em todas as instalações do Céu-Terra! Assim disse Enlil a seus três filhos, e propô-lhes tomarem medidas contra isso.



Temos que estabelecer em segredo uma nova instalação Céu-Terra alternativa! Que se estabeleça na terra de Ninurta além dos oceanos (n.T. Situada na Planície de NAZCA, na América do Sul, no pés da Cordilheira dos Andes), em meio de Terrestres de confiança! Assim ficou a missão secreta em mãos de Ninurta; nas terras montanhosas (Cordilheira dos Andes) além dos oceanos, junto ao grande lago (Titicaca), levantou um novo Enlace Céu-Terra, pô-lo no interior de um recinto; aos pés das montanhas onde se pulverizavam as sementes (pepitas) de ouro, escolheu uma planície de chão firme; sobre ela fez várias marcas para a ascensão e a descida (das espaçonaves Anunnaki).

As instalações são primitivas, mas servirão para seu propósito! Ao seu devido tempo, Ninurta declarou a seu pai Enlil: Dali podemos continuar as remessas de ouro em pó a Nibiru, dali, em caso de necessidade, também poderemos ascender aos céus exteriores Naquele tempo, o que começou como uma bênção, terminou como um feito horrível. Naquele tempo, Dumuzi, o filho mais jovem de Enki, se apaixonou por Inanna, a filha de Nannar. Inanna, neta de Enlil, ficou cativada pelo senhor do pastoreio. Um amor que não conhece limites os consumiu, a paixão inflamou seus corações. Muitas das canções de amor que, a partir de então, se cantaram durante muito tempo Inanna e Dumuzi foram os primeiros a cantar, narrando o seu intenso amor através das canções.

A Dumuzi, seu filho mais jovem, Enki lhe atribuiu um grande domínio por cima do Abzu; Meluhha, a Terra Negra, chamava-se, ali cresciam árvores de terras altas, suas águas eram abundantes. Grandes touros vagavam entre os trechos de seu rio, muito numeroso era seu ganho, chegava prata de suas montanhas, seu cobre brilhava como o ouro. Dumuzi era muito amado; depois da morte de Assar, era o favorito de Enki. Mas Marduk estava ciumento de seu irmão mais jovem. Inanna era muito amada por seus pais, Nannar e Ningal, Enlil se sentava junto a seu berço.

Era formosa, além de toda descrição, competia em artes marciais com os heróis Anunnaki. De viagens nos céus e de navios celestiais tinha aprendido com seu irmão Utu; os Anunnaki lhe deram de presente uma nave celeste, para que perambulasse pelos céus da Terra. Depois do Dilúvio, na Plataforma de Aterrissagem, Dumuzi e Inanna puseram os olhos um no outro; a dedicação dos Montes artificiais (as pirâmides de Gizé) foi para eles um quente encontro. No princípio estavam indecisos, ele do clã de Enki, ela da linhagem de Enlil. Quando Ninharsag trouxe a paz entre os clãs em disputa, Inanna e Dumuzi engendraram para estarem juntos e longe dos outros, para se dedicar a amarem-se.

Enquanto passeavam juntos, diziam-se palavras doces de amor um ao outro. Permaneciam um ao lado do outro, o coração de um conversava com o coração do outro; Dumuzi rodeou com seu braço a cintura dela, desejava tomá-la como um touro selvagem, Deixa que te ensine! Deixa que te ensine!, dizia Dumuzi a Inanna. Brandamente, ela o beijou, e logo lhe falou de sua mãe: Que mentira poderia lhe contar a minha mãe? O que contará você a Ningal? Vamos falar com minha mãe de nosso amor! De contente, aspergirá perfume de cedro sobre nós! Os amantes foram ao lugar onde vivia Ningal, a mãe da Inanna, Ningal lhes deu sua bênção, a mãe de Inanna aprovou a Dumuzi. O Senhor Dumuzi, é digno como genro de Nannar!, disse-lhe. O mesmo Nannar deu a boa-vinda a Dumuzi como noivo; Utu, o irmão da Inanna, disse que assim seja!

Possivelmente seus esponsais tragam verdadeiramente a paz entre os clãs!, Disse Enlil a todos. Quando Dumuzi falou com seu pai e a seus irmãos de seu amor e de seu compromisso, Enki também pensou na paz através desse casamento, deu sua bênção a Dumuzi. Dos irmãos de Dumuzi, todos exceto Marduk se alegraram com a notícia. Gibil forjou um leito de esponsais de ouro, Nergal enviou-lhes pedras lápis lazúli. Doces tâmaras, a fruta favorita de Inanna, puseram em abundância junto ao leito de núpcias, sob a fruta esconderam as pepitas de lápis lazúli para que Inanna as descobrisse. Como era costume, enviou-se uma irmã de Dumuzi para que perfumasse e vestisse a Inanna, Geshtinanna, a-que-há-de-ser-curada, era seu nome. Revelou-lhe Inanna o que havia em seu coração, de seu futuro com Dumuzi lhe disse: Tenho a visão de uma grande nação, Dumuzi se elevará como um Grande Anunnaki.


A grande pirâmide de Gize, usada como prisão contra Marduk na guerra entre os “deuses”

Seu nome será exaltado sobre outros, eu serei sua esposa-reinante. Compartilharemos um status principesco, juntos submeteremos aos países rebeldes, eu darei status ao Dumuzi, dirigirei o país retamente! Geshtinanna deu conta a seu irmão Marduk das visões de governo e glória de Inanna. Marduk se inquietou enormemente com as ambições de Inanna; à Geshtinanna contou um plano secreto. Geshtinanna foi até seu irmão Dumuzi, à morada do pastor. Encantada à vista e perfumada, disse-lhe assim a seu irmão Dumuzi: antes que sua jovem esposa durma entre seus braços, deve ter um herdeiro legítimo, nascido de uma irmã! O filho de Inanna não terá direito à sucessão, não crescerá sobre as joelhos de sua mãe!

Ela pôs a mão dele em sua mão, apertou seu corpo contra o seu. Irmão meu, eu deitarei contigo! Noivo, contigo teremos um par de Enki! Assim sussurrou Geshtinanna a Dumuzi, para que surgisse algo nobre de seu ventre. Em seu ventre derramou Dumuzi o seu sêmen, e logo dormiu com as carícias dela. Durante a noite, Dumuzi teve um sonho, visualizou uma premonição de morte: No sonho, viu sete bandidos malvados que entravam em sua morada. O Senhor enviou-a por ti, filho de Duttur!, diziam-lhe. Afugentavam as suas ovelhas, levavam-se a seus cordeiros e seus cabritos, tiravam-lhe seu direito de senhorio, arrancavam-lhe de seu corpo a túnica real, tiravam-lhe e lhe rompiam o bastão de pastoreio, jogavam no chão sua taça. Nu e descalço o levaram preso, punham-lhe grilhões nas mãos, o deixavam moribundo em nome do Falcão e do Pássaro Principesco.

Inquieto e assustado despertou Dumuzi na metade da noite, contou-lhe seu sonho a Geshtinanna. O sonho não é favorável!, disse-lhe Geshtinanna ao conturbado Dumuzi. Marduk te acusará de me haver violado, enviará emissários malvados para que lhe prendam. Ordenará que te julgue e te desonre, para desunir a relação com uma enlilita! Dumuzi gritou como uma besta ferida: Traição! Traição!, gritou. A Utu, o irmão de Inanna, pediu ajuda, a ele enviou uma mensagem; pronunciou o nome de seu pai Enki como um talismã. Dumuzi escapou através do deserto do Emush, o Deserto das Serpentes, correu para ocultar-se dos malfeitores até o lugar das cataratas. Onde as abundantes águas fazem lisa e escorregadia as rochas, então Dumuzi escorregou e caiu; uma avalanche de água destroçou entre a branca espuma seu corpo sem vida.

Vem agora o relato da descida de Inanna até o mundo subterrâneo, sob o Abzu, e a Grande Guerra Anunnaki, e como Marduk foi enterrado vivo no Ekur (dentro da grande pirâmide). Quando Ninagal recuperou o corpo sem vida de Dumuzi das águas do grande lago, levou-se o corpo até a morada de Nergal e Ereshkigal no mundo subterrâneo, sob o Abzu. Sobre uma laje de pedra ficou o cadáver de Dumuzi, um filho de Enki. Quando se enviou a Enki palavra do que tinha acontecido, Enki rasgou a roupa, jogou cinzas sobre sua cabeça. Meu filho! Meu filho!, lamentou-se por Dumuzi. Qual pecado hei cometido para ser assim castigado?, perguntou em voz alta. Quando vim de Nibiru à Terra, EA, Aquele Cujo Lar É as Águas, era meu nome, com a água obtínhamos a força (hidrogênio) de propulsão para os Carros Celestiais, nas águas eu mergulhei; depois, uma avalanche de água varreu a Terra (Dilúvio), nas águas se afogou meu neto Assar, pelas águas agora está morto o meu amado filho Dumuzi!

Tudo o que tenho feito, eu o fiz com propósitos justos. Por que sou castigado? Por que se tornou contra mim o Fado? Assim chorava e se lamentava Enki. Quando através de Geshtinanna se descortinou a veracidade do acontecido, a angústia de Enki se fez ainda maior: Agora, Marduk, meu primogênito, também sofrerá por sua própria ação! Inanna se preocupou e, logo chorou pelo desaparecimento e a morte de seu amado Dumuzi; depois, foi velozmente até o mundo subterrâneo, sob o Abzu, para enterrar o corpo de Dumuzi. Quando Ereshkigal, sua irmã, soube da chegada de Inanna às portas do recinto, Ereshkigal suspeitou de um plano por parte de Inanna. Em cada uma das sete portas, a Inanna se foi retirando cada um dos seus equipamento e das armas que ela levava, depois, nua e indefesa ante o trono de Ereshkigal, foi acusada de intrigar para ter um herdeiro de Nergal, irmão de Dumuzi!

Tremendo de fúria, Ereshkigal não quis escutar as explicações de sua irmã. Solte contra ela as sessenta enfermidades, ordenou-lhe furiosa a seu vizir, Namtar. Com o desaparecimento de Inanna no mundo subterrâneo, sob o Abzu, se preocuparam enormemente seus pais, Nannar foi discutir o assunto com Enlil, Enlil mandou uma mensagem a Enki. Enki soube o que tinha acontecido por Nergal, seu filho, marido de Ereshkigal, com argila do Abzu Enki forjou dois emissários, seres sem sangue humano, imunes aos raios da morte, enviou-os ao mundo subterrâneo sob o Abzu para trazer de volta a Inanna, viva ou morta. Quando chegaram ante a Ereshkigal, Ereshkigal ficou confundida com o aspecto dos dois seres: Serão Anunnakis? São Terrestres?, perguntou-lhes desconcertada. Namtar dirigiu contra eles as armas mágicas de poder, mas saíram ilesos os dois.

Tomaram o corpo sem vida de Inanna, que estava dependurado em uma estaca. Os emissários de argila dirigiram sobre o cadáver dela um Pulsador e um Emissor, depois aspergiram sobre ela a Água da Vida, puseram em sua boca a Planta da Vida. Depois, Inanna se moveu, abriu os olhos; Inanna se levantou dentre os mortos. Quando os dois emissários estavam preparados para levar Inanna de volta ao Mundo Superior, ela lhes ordenou que tomassem também o corpo sem vida de Dumuzi. Nas sete portas do mundo subterrâneo sob o Abzu foi devolvido a Inanna seus equipamentos, suas armas e atributos. À morada de Dumuzi, na Terra Negra, ordenou aos emissários que levassem o amante de sua juventude, para lavá-lo com água pura, para ungi-lo com doce azeite, para envolvê-lo depois em uma mortalha vermelha, e pô-lo sobre uma laje de lápis lazúli; logo, lavrou para ele um lugar de descanso nas rochas, para esperar ali o Dia do Ressurgimento.


Reprodução em uma estela de Inanna, depois Ishtar e finalmente Astarte, a deusa da fertilidade, do amor, da guerra e do sexo. Ela foi particularmente adorada no norte da Mesopotâmia, pelos assírios na cidades de Nínive, Ashur e Arbela (Erbil). Além dos leões em seu portão, seu símbolo é uma estrela de oito pontas. Ishtar segurando seu símbolo, Museu do Louvre Um tipo de descrição de Ishtar / Inanna
O leão era o seu símbolo (detalhe da Porta do Templo de Ishtar )
No panteão da Babilónia, ela “era a personificação divina do planeta Vênus

Quanto a ela mesma, Inanna se dirigiu para a morada de Enki, queria uma retribuição pela morte de seu amado, exigia a morte de Marduk, o culpado. Já houve suficiente morte!, disse-lhe Enki. Marduk foi o instigador, mas não cometeu assassinato! Quando Inanna soube que Enki não ia castigar a Marduk, Inanna foi a seus pais e a seu irmão. Elevou seus lamentos ao alto céu: Justiça! Vingança! Morte a Marduk!, pediu. Na morada de Enlil se reuniram seus filhos, Inanna e Utu, reuniram-se para um conselho de guerra. Ninurta, que tinha derrotado ao rebelde Anzu, argumentou a favor de fortes medidas. Utu lhes informou de palavras secretas trocadas entre Marduk e os Igigi. Marduk, uma serpente maligna, devemos libertar a Terra de sua presença! Enlil concordou com eles. Quando se enviou a demanda da rendição de Marduk a Enki, seu pai, Enki convocou em sua morada a Marduk e ao resto de seus filhos. Embora ainda chorando a meu amado Dumuzi, devo defender os direitos de Marduk!

Embora Marduk tivesse instigado o mal, por um mau fado, não por mão de Marduk, Dumuzi morreu; Marduk é meu primogênito, Ninki é sua mãe, está destinado para a sucessão. Devemos lhe proteger todos da morte às mãos de Ninurta! Assim disse Enki. Só Gibil e Ninagal tiveram em conta a chamada de seu pai; Ningishzidda se opôs, Nergal vacilava: Só ajudarei se ele se encontrar em um perigo mortal!, disse. Foi depois disso que uma guerra, de desconhecida ferocidade até então, explodiu entre os dois clãs. Foi diferente da luta entre Horon e Satu, descendentes de Terrestres: esta foi uma batalha entre os (“deuses”)Anunnaki, nascidos em Nibiru. A guerra começou por meio de Inanna, que cruzou com sua nave celeste os domínios dos filhos de Enki. Inanna desafiou Marduk ao combate, perseguiu-lhe até os domínios do Ninagal e de Gibil.

Para ajudá-la, Ninurta disparou os raios fulminantes de seu Pássaro da Tormenta contra as fortalezas do inimigo, Ishkur atacou dos céus com relâmpagos abrasadores e trovões demolidores. No Abzu, varreu os peixes dos rios, dispersou o gado pelos campos. Marduk se retirou para o norte, ao lugar dos Montes (pirâmides) artificiais; lhe perseguindo, Ninurta aspergiu com projéteis venenosos aquelas moradas. Com sua Arma Que Despedaça lhes roubou os sentidos às pessoas daquelas terras, os canais que levavam às águas do rio se tingiram vermelhos de sangue; os resplendores do Ishkur convertiam a escuridão das noites em dias chamejantes.

Enquanto as devastadoras batalhas avançavam para o norte, Marduk se hospedou no mesmo Ekur, Gibil desenhou um escudo invisível para este, Nergal elevou até o céu seu olho que tudo vê. Inanna atacou o lugar escondido com uma Arma Brilhante, dirigida com um corno. Horon chegou para defender a seu avô; o resplendor da arma lhe danificou o olho direito. Enquanto Utu mantinha à distância os Igigi e a suas hordas de Terrestres para além do Tilmun, os Anunnaki, os que apoiavam a um e a outro clã, cerravam batalha aos pés dos Montes (pirâmides) artificiais. Que se renda Marduk, que termine o derramamento de sangue! Estas palavras transmitiu Enlil para Enki. Que falem irmão com irmão!, enviou-lhe uma mensagem Ninharsag a Enki.

Em sua guarida, dentro do Ekur (a grande pirâmide de Gizé), Marduk seguia desafiando a seus perseguidores, da “Casa Que Como uma Montanha É” fez seu último baluarte. Inanna não podia superar a imensa estrutura de pedra, seus flancos lisos desviavam as armas dela. Depois, Ninurta se inteirou de que havia uma entrada secreta, encontrou uma pedra giratória no lado norte! Ninurta atravessou um escuro corredor, chegou a grande galeria, sua abóbada reluzia como um arco-íris com as multicoloridos emissões dos cristais. No interior, alertado pela intrusão, Marduk esperava a Ninurta com as armas dispostas; respondendo com armas, destroçando os maravilhosos cristais, Ninurta seguiu subindo pela galeria.

Marduk se retirou até a câmara (do Rei) superior, até o lugar da Grande Pedra que pulsa. Em sua entrada, Marduk baixou os fechamentos de pedras descendentes, que impediam qualquer entrada. Inanna e Ishkur seguiram a Ninurta ao interior do Ekur; ficaram a pensar o que podiam fazer. Que a hermética câmara oculta seja o ataúde de pedra de Marduk!, disse Ishkur. Ishkur prestou atenção aos três blocos de pedra, dispostos para deslizar-se para baixo. Que morra lentamente, sendo enterrado vivo, assim seja cumprida a sentença de Marduk!, Inanna deu seu consentimento. Ao final da galeria soltaram os três os blocos de pedra, cada um deles fez descender uma pedra para tapar, para encerrar a Marduk como em uma tumba selada por pedras gigantes.

Vem agora o relato de como Marduk foi salvo e partiu para o exílio, e de como se desmantelou o Ekur e se reorganizou o comando sobre as terras e sobre os humanos que nelas habitavam. Longe do Sol e da luz, sem comida nem água, Marduk foi enterrado vivo dentro do Ekur; Sarpanit, sua esposa, elevou um lamento por sua prisão e castigo sem julgamento. Acudiu a Enki, seu sogro, chegou a ele com seu jovem filho Nabu. Marduk deve ser devolvido para estar entre os vivos!, disse-lhe Sarpanit a Enki. Ele a enviou a Utu e a Nannar, que podiam interceder ante a Inanna. Rogou que dêem a vida de volta ao senhor Marduk! Deixem que siga vivendo humildemente, deixará de lado qualquer governo! Inanna não se aplacou. Pela morte de meu amado, o Instigador deve morrer!, replicou Inanna.


Representação de Marduk (Baal-Lúcifer) ou Merodaque, COM O SEU DRAGÃO, como é apresentado na Biblia, foi um deus protetor da cidade da Babilônia, pertencente a uma geração tardia de deuses da antiga Mesopotâmia. Era filho de uma relação incestuosa entre Enki e Ninhursag. Foi pai de Dumuzi (que seria o bíblico Tamuz) que corresponderia ao deus egipcio Amun. A sua consorte era Sarpanit.

Ninharsag, a pacificadora, convocou aos irmãos Enki e Enlil, Marduk deve ser castigado, mas não merece a morte!, disse-lhes. Viva Marduk no exílio, que entregue a Ninurta a sucessão na Terra! Enlil se sentiu agradado com suas palavras e sorriu: Ninurta era seu filho, de Ninurta ela era a mãe! Se entre sucessão e vida tenho que escolher, o que posso eu, um pai, dizer? Assim respondeu Enki, com o coração doído. Em minhas terras se estendeu a desolação, a guerra deve terminar, pelo Dumuzi ainda estou de luto; que Marduk viva no exílio! Se a paz deve voltar e Marduk viver, temos que chegar a acordos vinculantes!, disse Enlil a Enki. Todas as instalações que enlaçam céu e Terra se devem confiar só ao meu comando, o governo sobre a Terra dos Dois Estreitos deve dar-se a outro de seus filhos.

Os Igigi que seguem e apoiam a Marduk devem renunciar ao Lugar de Aterrissagem e abandoná-lo, na Terra Sem Retorno, não habitada por nenhum descendente (humano) de Ziusudra, deve exilar-se Marduk! Assim declarou Enlil, energicamente, pretendendo ser o principal entre os irmãos. Enki reconheceu em seu coração a mão do fado: Assim seja!, disse inclinando a cabeça. Só Ningishzidda conhece as entranhas do (piramide) Ekur; que ele seja o senhor de suas terras! depois de que se anunciassem as decisões dos Grandes Anunnaki, se chamou a Ningishzidda para o resgate. Seu desafio era como tirar Marduk das vísceras seladas pelos blocos de pedra gigantes; para liberar ao que vivo está enterrado, deram-lhe uma tarefa inconcebível.

Ningishzidda contemplou os planos (plantas) secretos do Ekur, planejou como evitar os bloqueios: Marduk será resgatado através de uma abertura superior cinzelada (que será aberta) na rocha!, eles disse aos líderes. No lugar que eu lhes mostrar, cortarão uma (nova) entrada nas pedras, de ali, um sinuoso passadiço lhes levará para cima, criando um conduto de resgate. Atravessando vãos ocultos prosseguirão até o centro do Ekur, no vórtice dos vãos, através das pedras se abrirá uma passagem. Abrirão uma entrada até o interior, evitando assim os bloqueios; continuarão por cima da grande galeria, levantarão os três blocos de pedra, e chegarão à câmara superior, a prisão mortal de Marduk!

Mais tarde, os Anunnaki, dirigidos por Ningishzidda, seguiram o plano esboçado, com ferramentas que racham as pedras fizeram a nova abertura, criaram o conduto de resgate, chegaram ao interior do monte artificial, abriram uma saída. Evitando os três blocos de pedra, chegaram à câmara superior, sobre uma pequena plataforma levantaram os restelos; resgataram a Marduk desacordado. Com cuidado baixaram ao seu senhor pelo sinuoso conduto, levaram-lhe até o ar fresco; no exterior, Sarpanit e Nabu esperavam pelo marido e pai; foi uma alegre reunião. Quanto a Marduk seu pai Enki transmitiu os termos para a sua liberação, Marduk se enfureceu: Tivesse preferido morrer que renunciar a meu direito de nascimento!, gritou. Sarpanit tomou em seus braços a Nabu.

Nós somos parte de seu futuro!, disse-lhe ela brandamente. Marduk se enfureceu, Marduk se humilhou. Rendo-me ante os Fatos!, disse inaudivelmente. Com Sarpanit e com Nabu partiu para uma Terra Sem Retorno, com mulher e filho, foi à uma terra onde se caçam bestas com chifres. Depois da partida de Marduk, Ninurta voltou a entrar no Ekur através do conduto, através de um corredor horizontal foi até o centro do Ekur. Em sua parede oriental, em um nicho artisticamente lavrado, a Pedra
do Destino emitia uma radiação vermelha. Seu poder me apanha para me matar, com uma atração mortal me subjuga!, gritou Ninurta dentro da câmara. Levem isso. Destruam-na por completo!, gritou Ninurta à seus tenentes e seguidores.

Retrocedendo seus passos, Ninurta foi através da grande galeria até a câmara mais elevada, em um arca cavada pulsava o coração do Ekur, a força de sua rede (magnética) se potencializava com cinco compartimentos. Ninurta golpeou o arca de pedra com sua vara; aquela respondeu com uma ressonância. Ninurta ordenou que se tirasse a Pedra Gug, que determina as direções; levou-se até um lugar de sua eleição. Descendo pela grande galeria, Ninurta examinou os vinte e sete pares de cristais de Nibiru em seus nichos. Muitos deles tinham sido avariados em seu combate com Marduk; alguns tinham sobrevivido intactos à luta. Ninurta ordenou que se tirassem os que estavam inteiros de seus ranhuras, os outros os pulverizou com seu raio já “Fora da Casa Que Como uma Montanha É”.

Ninurta então se elevou aos céus com seu Pássaro Negro, prestou atenção à Pedra de Topo (da Grande Pirâmide em Gize); representava a personificação de seu inimigo. Com suas armas a soltou, até o chão a derrubou, foi feita em pedaços. Com isto, termina para sempre o temor a Marduk!, declarou Ninurta vitorioso. No campo de batalha, os Anunnaki reunidos anunciaram seus louvores a Ninurta: Ele se parece com Anu!, gritaram a seu herói e líder. Para substituir à incapacitada baliza se escolheu um monte próximo ao Lugar dos Carros Celestiais, em suas vísceras se colocou os cristais resgatados. Em seu topo se instalou a Pedra Gug, a Pedra de Direção; a esse monte se chamou de Monte Mashu, Monte do Barco Celestial Supremo.

Então, Enlil convocou a seus três filhos; Ninlil e Ninharsag também assistiram. Reuniram-se para confirmar os mandatos sobre as terras de antigamente, para atribuir o governo sobre as novas terras. A Ninurta, que tinha vencido ao Anzu e agora a Marduk, se concederam os poderes de Enlil, para substituir a seu pai em todas as terras. A Ishkur se concedeu o governo e a posse do Lugar de Aterrissagem, nas Montanhas dos Cedros (hoje o Líbano, em Baalbek), unindo assim o Lugar de Aterrissagem a seus domínios do norte. As terras ao sul e ao leste dali, onde se haviam estendido os Igigi e seus descendentes, deram a Nannar como dote imperecível, para que as custodiassem e conservassem seus descendentes e seguidores. A península (do Sinai) onde estava o Lugar dos Carros se incluiu nas terras de Nannar, a Utu confirmaram como comandante do Lugar e do Umbigo da Terra. Na Terra dos Dois Estreitos, como se lembrou, Enki atribuiu a posse e o governo a Ningishzidda. Nenhum dos outros filhos de Enki pôs objeções a isto; mas Inanna se opôs a esta nova partilha!


Representação de Nibiru (estrela de QUATRO pontas, com QUATRO cursos de água), dentro do círculo e de ANU o seu rei GIGANTE sentado no trono

Inanna reivindicou a herança de Dumuzi para si mesma, seu noivo falecido, a Enki e a Enlil exigiu um domínio para ela sozinha. Os líderes contemplaram como satisfazer as demandas da guerreira Inanna, pediram conselho sobre as terras e os povos aos Grandes Anunnaki que decretam os fados, intercambiaram palavras com Anu em relação à Terra e a seus assentamentos. Tinham se passado quase dois Shars (quase 7.200 anos, já era em torno do ano de 3.786 a.C.) e desde os tempos do Dilúvio, a Grande Calamidade, os Terrestres tinham proliferado, das terras montanhosas voltavam para as terras baixas. Eram descendentes da Humanidade Civilizada através de Ziusudra, estavam misturados com a semente dos Anunnaki.

Os descendentes dos Igigi (os anjos caídos) que se casaram e se mesclaram com as mulheres humanas também estavam por aí, nas terras distantes (América Central, Tenochtitlan) sobreviviam os parentes de Ka-in. Poucos nobres restantes eram os Anunnaki que tinham chegado da realeza de Nibiru, poucos eram seus descendentes perfeitos. Os Grandes Anunnaki consideraram como estabelecer assentamentos para eles mesmos e para os Terrestres, como manter sua nobreza imposta sobre a Humanidade, como fazer que os muitos (humanos terrestres) obedecessem e servissem aos poucos (deuses celestes). Os líderes intercambiaram palavras com Anu a respeito de tudo isto, sobre o futuro. Anu decidiu ir à Terra uma vez mais; com Antu, sua esposa, desejava vir e tomar consciência da situação pessoalmente.


Saiba mais em:
  1. http://thoth3126.com.br/nibiru-o-genesis-e-adao-e-eva/
  2. http://thoth3126.com.br/nibiru-o-livro-perdido-de-enkiea/
  3. http://thoth3126.com.br/nibiru-crop-circle-enki-ea-na-italia/
  4. http://thoth3126.com.br/o-genesis-e-a-epopeia-de-gilgamesh/
  5. http://thoth3126.com.br/o-iraque-babilonia-ira-persia-e-a-luta-pela-heranca-extraterrestre/
  6. http://thoth3126.com.br/maldek-e-nibiru-mais-dois-planetas-de-nosso-sistema-solar/
  7. http://thoth3126.com.br/nibiru-o-genesis-e-adao-e-eva/
  8. http://thoth3126.com.br/conselho-de-nibiru-parte-i/
  9. http://thoth3126.com.br/conselho-de-nibiru-parte-ii/
  10. http://thoth3126.com.br/cientistas-encontram-genes-extraterrestre-em-dna-humano/
  11. http://thoth3126.com.br/cidades-annunaki-encontradas-na-africa/
  12. http://thoth3126.com.br/os-quatro-rios-do-eden-o-paraisoe-din-e-nibiru/


Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

119Share on Facebook (Opens in new window)119
2Click to share on Twitter (Opens in new window)2
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)



URL: http://wp.me/p2Fgqo-6Gm




Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Zecharia Sitchin

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Pensamento do Dia, 8 de Maio de 2015

Pensamento do Dia, 8 de Maio de 2015

Sathya Sai Baba 

 

Os desejos inatos (samskaras) na vida resultam em algumas tendências que são mais fortes que o resto e se destacam. 
O sentimento que domina o momento da morte age com grande força em suas próximas vidas. 
Portanto, direcione toda a corrente da vida rumo a aquisição da tendência mental (samskara) que tornará o seu fim uma doce consumação Divina. 
Essa verdade deve guiá-lo para a viagem desta vida também, pois os desejos inatos são os recursos para esta viagem, bem como para a próxima. 
Por isso, a partir de agora, mantenha sempre a morte, que é inevitável, diante do olhar vigilante da memória. 
Com esta abordagem, envolva-se nesta vida com bons desejos por todos, com adesão estrita à verdade, buscando sempre a companhia dos bons, e com a mente sempre fixa no Senhor. 
Evite maus atos, pensamentos odiosos e nocivos, e apego ao mundo.

Se você viver assim, seu último momento será puro, doce e abençoado. (Prema Vahini, Capítulo 27)




Canal Youtube: Sai Love



MAIS PENSAMENTOS AQUI

Por favor, respeitem todos os créditos


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente em cada um de nós.
Atualização diária

Pensamento do Dia, 8 de Maio de 2015

 
Pensamento do Dia, 8 de Maio de 2015

Sathya Sai Baba 

 

 

Os desejos inatos (samskaras) na vida resultam em algumas tendências que são mais fortes que o resto e se destacam.
 
O sentimento que domina o momento da morte age com grande força em suas próximas vidas.
 
Portanto, direcione toda a corrente da vida rumo a aquisição da tendência mental (samskara) que tornará o seu fim uma doce consumação Divina.
 
Essa verdade deve guiá-lo para a viagem desta vida também, pois os desejos inatos são os recursos para esta viagem, bem como para a próxima.
 
Por isso, a partir de agora, mantenha sempre a morte, que é inevitável, diante do olhar vigilante da memória.
 
Com esta abordagem, envolva-se nesta vida com bons desejos por todos, com adesão estrita à verdade, buscando sempre a companhia dos bons, e com a mente sempre fixa no Senhor.
 
Evite maus atos, pensamentos odiosos e nocivos, e apego ao mundo.
 
Se você viver assim, seu último momento será puro, doce e abençoado. (Prema Vahini, Capítulo 27)


 


Canal Youtube: Sai Love



MAIS PENSAMENTOS AQUI

Por favor, respeitem todos os créditos


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente em cada um de nós.
Atualização diária
 
 

O que o inspira a ir além da sua zona de conforto? -- Os Anjos via Sharon


O que o inspira a ir além da sua zona de conforto? SABEDORIA DOS ANJOS com Sharon Taphorn 7 de Maio de 2015. Tradução: Regina Drumond
 
Permita que o seu espírito voe. Pergunte-se o que ajuda a manter o seu espírito elevado e o seu foco nas tarefas próximas. O que é que incentiva o seu impulso de continuar avançando e focado em seu caminho de intenção? Use esta energia para ajudá-lo a completar todos os projetos, situações ou ciclos inacabados. Reserve um tempo para rever cuidadosamente as suas opções e confie que soluções criativas irão aparecer. Enquanto a energia no plano terre... mais »
 
 

ESTA NÃO É A NOVA ERA DO SEU PAI -- Kryon via Lee


ESTA NÃO É A NOVA ERA DO SEU PAI Mensagem de Kryon, canalizada por Lee Carroll 7 de Maio de 2015 Tradução: Regina Drumond
 
Saudações queridos. Eu sou Kryon, do Serviço Magnético. Há vinte e cinco anos, eu discuti com vocês o que está acontecendo agora. Naquela época, isto era apenas um potencial, mas agora é a sua realidade. Esta não foi uma profecia em que lhes disse que não haveria o Armageddon e nem a Terceira Guerra Mundial. Não foi uma profecia, mas um poderoso potencial. Toda a razão para o meu ser e o despertar do meu sócio foi por causa do que vocês fizeram. A vitória disto... mais »
 
 

MENSAGEM DIÁRIA DO ARCANJO GABRIELCanalizado por *Shelley Young*
 
Quando você se permite ser você – gloriosa, autentica e flagrantemente você, você começa um processo de escolha energética que deixa o que não é compatível ir embora e sem esforço atrai o que melhor o apoia. Isso ativa automaticamente uma trajetória de alegria e satisfação muito maior. Abraçar o seu você é o modo mais rápido de entrar em seu poder autêntico e começar a criar a vida que você sempre foi designado para ter. Arcanjo Gabriel *Arcanjo Gabriel através de Shelley Young * http://trinityesoterics.com Faceb... mais »
 
 

Sheldan Nidle, 05.05.2015


Atualização feita por Sheldan Nidle da Herarquia Espiritual e da Federação Galáctica 8 Chicchan, 3 Moan, 11 Ik. (05.05.2015) Tradução: Candido Pedro Jorge
 
*Dratzo! Viemos animados sobre o que está acontecendo em seu mundo.* Nossos contatos relatam que grande progresso está sendo feito na criação de um sistema seguro e confiável, para as transferências globais de seus muitos diferentes tipos de fundos humanitários e de prosperidade. Atualmente estes fundos estão concluindo o que tem sido um longo e tortuoso processo para lhes garantir uma entrega segura, que neste mês começa a ... mais »
 
 

Vacinar ou não Vacinar, Eis a Questão -- G. Angélicos via Taryn


Vacinar ou não Vacinar, Eis a QuestãoGuias Angélicos Através de Taryn Crimi
 
Hoje nos pediram para discutir um assunto bastante controverso: vacinas. A pergunta que muitos pais fazem a nós é se devem ou não vacinar seus filhos. Com toda certeza, todo pai é movido pelo desejo de fazer o que é melhor para seu filho, apesar de que há muitas crenças variadas em relação a como realizar isso. O que parece ser a causa de tanta confusão são os relatórios conflitantes sobre os efeitos que essas vacinas tiveram e têm em crianças e adultos igualmente. Antes de começarmos, é importante que voc... mais »
 
 

ARCANJO HANIEL 4 DE MAIO DE 2015 -- Gulcin Onel


MENSAGEM DO ARCANJO HANIEL 04 A 10 DE MAIO DE 2015 Por *Gulcin Onel **(Mavinin Sesi)*
 
Vocês sabem o que não querem, agora é hora de esclarecer o que vocês querem; o que vocês desejam criar e fazer existir? Quando vocês deixarem sua energia para o que flui de seu interior, seu caminho prosseguirá como a água percorrendo seu próprio curso. Alguns de vocês estão concluindo aquilo que vocês conheciam como partes, mas não podiam ver como um todo; alguns de vocês estão atrás de cores para tudo ser colorido; experimentando sabores que nunca experimentaram antes. A volta que vocês abr... mais »
 
 

RECONCILIAR-SE COM O SEU SER -- Maria via Elsa

 
RECONCILIAR-SE COM O SEU SER *Mensagem da Amada Maria* Canalizada por *Elsa Farrus* Em 06 de maio de 2015
 
Amado ser de luz, sou Maria. A paz na alma não é literatura. *É a chave do momento presente, reconciliar-se com seu ser é a grande realidade presente.* Todos têm hábitos mentais e comportamentos que modificam as energias, em ocasiões inclusive contra, agora com a precipitação das energias, a materialização toma sua forma e muitas soluções e grandes mudanças entram em suas vidas, deixem-se surpreender e aprendam a receber sem mais. Não questionem nem julguem como essas soluçõe... mais »
 
 

Segredos sobre UFOs e raças de ETs – Bob Dean – Parte 1B


Segredos sobre UFOs e raças de ETs Bob Dean Parte 1B Posted by Thoth3126 on 07/05/2015
 
UMA REVELADORA CONVERSA COM OFICIAL APOSENTADO DO EXÉRCITO DOS EUA, MAJOR BOB DEAN SOBRE O QUE ELE SABE A RESPEITO DE UFOS E ALIENS – PARTE 1B: … Como eu disse antes, foi muita sorte eu não ter acabado na cadeia, porque eu coloquei meus amigos contra a parede. Eu utilizei o meu certificado de segurança como oficial militar até o limite. Eu o usei para entrar em gabinetes e em cofres de arquivos secretos de alta segurança, e pesquisei um tipo de material bem documentado com fotografias e co... mais »
 
 

Vimanas, os UFOs da antiga Índia -- Ramayana

 
Vimanas, os UFOs da antiga Índia Posted by Thoth3126 on 07/05/2015 *VIMANAS – os UFOS da antiga ÍNDIA*
 
“A história da Índia antiga e anterior ao dilúvio registrada em vários escritos muito antigos, como o Baghavata Purana, o “Mahabharata“, o Samarangana Sutradhara, os Rig Vedas, o “Ramayana“, e outros velhíssimos textos hindus como o tratado sobre voos do “VIMANIKA SHASTRA” que nos legou dados incríveis e notáveis sobre aeronaves (Vimanas, Agnihotras) voadoras do tamanho de cidades, veículos (carros) voadores e a descrição de armas terríveis de imenso poder destrutivo que eram utili... mais »
 
 

Rússia: Meteoro mostra que rochas espaciais ameaçam a Terra


Rússia Meteoro mostra que rochas espaciais ameaçam a Terra Posted by Thoth3126 on 07/05/2015
 
Meteoro russo demonstra que cerca de 20 milhões de rochas espaciais ameaçam a Terra, os cientistas russos e norte americanos alertaram em relatório. O meteoro que explodiu sobre a região dos Montes Urais na Rússia, com o centro do evento em Chelyabinsk, em 15 de fevereiro de 2013, nos demostrou que o perigo de rochas espaciais caindo sobre a Terra é muito maior do que se pensava, concluiu um grupo internacional de cientistas, após meses de estudo. Tradução, edição e imagens: Thoth3126@... mais »
 
 

Uranio e seus terríveis efeitos em seres humanos --


Uranio e seus terríveis efeitos em seres humanos Posted by Thoth3126 on 07/05/2015
 
“O inferno esta vazio. Todos os demônios estão aqui na Terra”. Shakespeare (Saint Germain) “O ódio irá cegá-los totalmente, e nunca hão de ver que ele surge a partir de seus conflitos que emergem com e através de seus governantes, que são controlados por nós. Eles estarão ocupados se matando uns aos outros. Eles vão se banhar em seu próprio sangue e matarão seus vizinhos durante o tempo que acharmos conveniente”. (citação de trecho de The WATCHERS/Os ANJOS CAÍDOS- )” Tradução, edição e imagens: T... mais »
 
 

Ondas gigantes arrasam o litoral desde a Califórnia até o Chile


Ondas gigantes arrasam o litoral desde a Califórnia até o Chile Posted by Thoth3126 on 06/05/2015
 
Ondas gigantes arrasam a costa do Pacífico, desde a Califórnia ao Chile; de onde elas vêm? Da Califórnia (EUA) ao Chile, toda a costa do oceano Pacífico no continente americano tem enfrentado ondas gigantescas desde o fim de semana até esta terça-feira. Em Coyuca, no México, as ondas alcançaram uma altura recorde de 10 metros, segundo as autoridades de defesa civil. Ao menos cinco pessoas morreram desde sábado no Chile, no Panamá e no México por causa das ondas. E o alerta continua em v... mais »