Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Um milhão de Partes ~ Criador via Jennifer

Um milhão de Partes

Os Escritos do Criador

Transcrito por Jennifer Farley,

15 de junho de 2015



mike-teevee-in-air1
mike-teevee-in-Air1


Se você quebrar um "problema" em pedaços, você ainda tem um milhão de peças do mesmo problema.

Eliminar o problema de seus pensamentos, mudar a sua realidade.

do Criador


Graças a URL: http://wp.me/p3fIGI-Mj 

Tradução achama.biz.ly de: 

Agradecimentos a




Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Jennifer+Farley

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 
Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media EN:  VioletFlame ~ The Illuminati ~ Alternative Media  ~ North Atlantic Islands ~  ~Alternative Media ~ Creator's Map ~ ESU IMMANUEL ~ Exposing Media DesInformation ~ Galactic Federation ~ Hopi Indians, Prophecies and UFOs ~ Illuminati, The ~ Infinite Being ~ Israel (!?) ~ Jews..., The The Hebrews (Sephardim) are the Real ones! ~ Khazars, The ; the Jews of KHAZARIA are not real Jews ~ Meditation ~ Media News ~ NESARA (!?) ~ SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... ~ UFO CONTACTS ~ UFOs (MORE) ~ USA The 4th NAZI Reich!? ~ Zionism Lies and The Illuminati  ~ Light a Candle for PEACE   ~ The Red Pill ~ The True Shadow Government 

ecoration: none;">Creator's Map * ESU IMMANUEL *Exposing Media DesInformation Galactic Federation Indians, Prophecies and UFOs Illuminati, The Infinite Being Israel (!?) Jews..., the Real ones! Khazars Jews are converted, not jenuine Meditation Media News NESARA (!?) SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... UFO CONTACTS UFOs (MORE) USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA 




Chegadas anunciadas iminentes ~ Éire Port

Gaia Portal - 14.06.2015

Através de ÉirePort

Tradução:  Candido Pedro Jorge

 
 

 
Chegadas anunciadas são iminentes.

Ressonância energética superior de Gaia está em conformidade com a vibração necessária para a Ascensão.

Energias ferozes são recuperadas e tratadas.

Entidades primordiais são aproveitadas e aplicadas.

Coletivos estão alinhados.


ÉirePort 
 
Agradecimentos a Sementes das Estrelas



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Éire+Port

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







Hilarion, 14 de junho de 2015 ~ Marlene Swetlishoff

HILARION 2015

Através de Marlene Swetlishoff 

Tradução: Helena Renner  

Cada um de vocês está alongando-se ao procurar o potencial que está em seu interior



Amados,

Cada um de vocês está alongando-se ao procurar o potencial que está em seu interior. Esse potencial os move para frente, e é pungente em suas possibilidades sem fim, e as suas energias criativas os ajudam a abrirem-se para  o fluxo do movimento e direção necessários. Isso está criando crescimento interno que não é visto externamente, mas internamente sentido.

Sigam os seus corações em todas as coisas. Os caminhos anteriores de se fazer as coisas estão agora evoluindo, à medida que vocês seguirem a sua direção interna com fé e determinação. A sua confiança em sua intuição está tornando-se mais desenvolvida e as orientações interiores fazem com que o seu trabalho interno providencie uma maior conscientização das pessoas e das situações em sua volta.

À medida que vocês praticarem permanecerem silentes e quietos e um conhecimento interno e uma energia espiritual chegam e focam no entendimento que chega de um lugar além das razões de alguém.

À medida que vocês dão a sua orientação interna vinda dos aspectos mais elevados de si a oportunidade de se manifestar, a sua própria intuição se torna a realidade em suas operações do dia a dia de sua vida. A chave é tirarem um tempo para ficarem silentes e sabendo que vocês estão no caminho certo.  

A criatividade que vocês sustentam em seu interior está se desvelando agora e vocês irão encontrar novos níveis de expressão para isso, à medida que vocês alcançarem para sempre maior expansão em encontrar caminhos de compartilharem as suas riquezas  e bondade com o mundo. Isso lhes abre para a abundância do universo e para maiores dádivas que vocês adquiriram através dos tempos e a evolução de seu crescimento interno está começando a encontrar expressão física. As suas crenças em si, em seus valores e em seus méritos intensificaram à medida que vocês se alinharam mais para essa direção interna mais elevada.

Vocês percebem que apenas as limitações que vocês experimentaram são aquelas que vocês colocaram em si mesmo e vocês buscam quebrar essas formas cristalizadas de modo que vocês possam expandir-se mais  em áreas que desvendem potenciais cada vez maiores.

À medida que os limites de suas mentes conscientes são removidos, vocês elevam o seu nível de energias e as suas frequências para o próximo passo de sua contínua evolução de consciência.

À medida que vocês derem sempre, cada vez mais foco nos valores espirituais, os seus corações se abrem e vocês se tornam mais conscientes da intensidade do espirito interior que busca sempre mais manifestar-se em sua realidade.

Vocês estão entrando em uma nova fase interior e exterior de desenvolvimento. Esse desenvolvimento chega em fluxos e refluxos, os ebbs, algumas vezes a orientação interna encoraja-os a retirarem-se do mundo em sua volta, e esse crescimento interior depois busca manifestação no mundo externo. Isso é importante de acontecer para vocês mesmos, para saberem quem vocês são, e assim permaneçam ancorados nesse saber.

Existem novos começos que estão chegando à frente e facetas que foram previamente escondidas de vocês estão chegando para serem manifestadas. Ao permitirem essa nova direção tomar forma, isso traz novas perspectivas e um novo nível de sua verdade interior chega a frente para ser conhecida e plenamente integrada. Isso irá abrir-lhes um entendimento sempre maior e expansão de si mesmo.

Permitam que esse novo nível de verdade toque em todos os aspectos de suas vidas.

A sabedoria pessoal é conquistada através da experiência e isso está guiando e abrindo  vocês para os maiores mistérios do universo. Está iluminando o seu espirito e lhes traz uma conscientização maior de que vocês têm a liberdade de ser ou de fazer aquilo que quiserem; tudo que vocês têm a fazer é tomar a ação necessária para decretar por elas como sendo suas.

Para ser abundante em seu mundo é experimentar a alegria da criação. O que lhes coloca em movimento retorna a vocês. Vocês estão no controle de cada situação que vocês encontrarem por aquilo que vocês quiserem emponderar.

A energia universal da criação está sempre presente e o equilíbrio cósmico e a perfeição é refletida em seu interior, reconheçam isso e entrem no ritmo com criação.

Deve haver um equilíbrio entre o físico e o espiritual. Existe sempre um padrão, uma ordem e um sistema que está em operação para cada criação que se manifesta.

Existe um fluxo constante de energia que chega de diferentes reinos que dão as sementes da sabedoria que são requeridas para a sua constante e incessante iluminação.

Essa sabedoria lhes coloca em intimidade com a luz que ilumina a sua conexão com o infinito. A sua estrela pessoal está esperando para brilhar em suas vidas.
Até a semana que vem...

EU SOU Hilarion
  
 
©2009-2015 Marlene Swetlishoff/Tsu-tana (Soo-tam-ah) Sustentadora das Sinfonias da Graça
Tradutora e áudio You tube Helena Renner
Permissão é dada para compartilharem essa mensagem desde que ela seja postada sem rasuras ou emendas, estando incluído o nome da autora, os seus direitos autorais e os seus websites.
www.therainbowscribe.com
www.movingintoluminosity.com
Grata por incluírem os websites acima ao postarem essa mensagem.

Fontes primária: Rainbowscribe, Moving into Luminosity e Messages of Love and Light
 
Agradecimentos a Sementes das Estrelas



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Marlene+Swetlishoff


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







O comitê dos 300, a Hierarquia dos conspiradores Illuminati ~ John Coleman


Comitê dos 300

a Hierarquia dos Conspiradores 

(2) final




O comitê dos 300, a Hierarquia dos conspiradores Illuminati (Draconianos e Reptilianos)

Pelo Dr. John Coleman:


O Comitê dos 300 é uma sociedade altamente secreta, composta da classe governante global intocável, que inclui a rainha da Inglaterra (Elisabeth), a rainha da Holanda (Beatrix) e as famílias reais da Europa. Esses “aristocratas” (“nobreza NEGRA”) decidiram, quando a Rainha Vitória faleceu, que, de modo a adquirirem controle de mundo, seria necessário que os seus aristocratas “fizessem negócios” com os que não são aristocratas, mas que são líderes extremamente poderosos de empresas a nível global. E desta forma as portas para o poder total se abririam para “os comuns”, como a rainha da Inglaterra (uma reptiliana) gosta de chamá-los.

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Ver 1ª parte em:  
http://thoth3126.com.br/illuminati-hierarquia-dos-conspiradores-o-comite-dos-300/

Trechos do livro “Conspirators’ Hierarchy: The Story of the Committee of 300“, pelo Dr. John Coleman (America West Publishers, Carson City, Nevada: 1992 – 4ª edição). Leia também “Diplomacy by Deception” e “One World Order: Socialist Dictatorship”, do mesmo autor.



Programado para mudar, pronto para a destruição

É este Comitê dos 300 que montou redes de controle e mecanismos muito mais interligados do que qualquer coisa que já se viu neste mundo. Não é necessário o uso de correntes e cordas para nos restringir. O medo que temos do que está por vir faz isso de uma forma muito mais eficiente do que qualquer restrição física. Temos sofrido lavagem cerebral sistemática ao ponto de abrirmos mão do nosso direito constitucional de porte de armas; de abrirmos mão da nossa própria constituição; permitimos que as Nações Unidas exercitem controle sobre nossa política exterior e que o FMI controle nossa política fiscal e monetária; permitirmos que o presidente (Bush e agora Obama) viole a lei dos Estados Unidos, permaneça impune, invada um país e seqüestre o seu Chefe de Estado. Em outras palavras, sofremos tal lavagem cerebral que, como nação, aceitamos todo e qualquer ato fora da lei da parte do nosso governo quase sem o questionar.

Graças ao Clube de Roma o nosso potencial tecnológico caiu, e é inferior ao do Japão e da Alemanha, países que nós supostamente derrotamos na Segunda Guerra Mundial. Como é que isso aconteceu? Isso aconteceu por causa de homens como o Dr. Alexander King e por causa da venda que usamos em nossos olhos da mente: não reconhecemos a destruição dos nossos estabelecimentos de ensino e do nosso sistema de ensino. Devido à nossa cegueira, não estamos mais formando engenheiros e cientistas em quantidade suficiente para nos manter entre as nações industrializadas do mundo. Graças ao Dr. King, um homem que pouquíssimas pessoas nos Estados Unidos conhecem, a educação nos Estados Unidos atingiu o seu nível mais baixo desde 1786. Estatísticas do Instituto para o Ensino Superior mostram que a capacidade de ler e escrever dos jovens na escola secundária nos Estados Unidos são mais baixas do que as dos jovens da mesma faixa etária em 1786.

A nação foi condicionada de tal forma a mudar e se tornou tão acostumada a mudanças planejadas que mal se nota quando ocorrem grandes transformações. Nós sofremos uma decadência tão rápida nos últimos anos que hoje em dia o divórcio não é mais razão de estigma, o suicídio está na moda e pouquíssimas pessoas se surpreendem com ele; depravações sociais e aberrações sexuais, algo que antigamente nem se mencionava entre pessoas decentes, agora se tomaram lugar comum e não geram nenhum protesto em especial. Será que a nossa nação (e o planeta) reconhece que está indo por água abaixo?

Não, não percebemos. As pessoas cujo trabalho é revelar a verdade ao povo americano descobriram que um governinho particular e bem organizado dentro da Casa Branca estava atarefadíssimo cometendo crime após crime, crimes que atacavam o âmago desta nação e as instituições republicanas sobre as quais ela se baseia, nos disseram para não preocuparmos, nós o público, com estas coisas. “Nós não queremos nos envolver com esse tipo de especulação” se tornou uma reação padrão entre as pessoas.

Quando a autoridade de mais alto nível neste país, eleita pelo povo, colocou descaradamente uma lei da ONU acima da constituição dos Estados Unidos da América – uma ofensa digna de impeachment – a maioria aceitou isso como algo “normal”. Quando a pessoa que ocupa o cargo mais alto neste país e que foi eleita pelo povo, iniciou uma guerra sem uma declaração de guerra por parte do congresso, o fato foi censurado pela imprensa e, mais uma vez, nós o aceitamos em vez de encararmos a verdade.



Quando começou a Guerra do Golfo, planejada e tramada pelo nosso presidente (Bush), nós não só não nos importamos com essa censura descarada, mas até achamos que era uma boa idéia, acreditando que era “para o bem da guerra”. O nosso presidente mentiu, April Glaspie mentiu, o Departamento de Relações Exteriores mentiu. Eles disseram que a guerra era justificável porque Saddam Hussein tinha sido advertido para deixar o Kuwait em paz. Quando telegramas de Glaspie para o Departamento das Relações Exteriores finalmente chegaram ao conhecimento do público, diversos senadores americanos começaram a defender Glaspie. Não importava se vinha dos democratas ou dos republicanos. Nós, o povo, os deixamos passar impunes com as suas mentiras vis.

O presidente Jefferson uma vez disse que tinha dó das pessoas que achavam que sabiam o que estava acontecendo só porque liam o jornal. Disraeli, o primeiro-ministro britânico, disse praticamente a mesma coisa. É verdade que em todas as eras, governantes se deleitaram em dirigir as coisas dos bastidores.

Nos disseram que ganhamos a Guerra do Golfo. O que a grande maioria do povo americano não percebe é que, ao ganharmos a guerra perdemos o auto-respeito e a honra da nossa nação, as quais apodrecem nas areias no deserto do Kuwait e do Iraque, junto aos cadáveres dos soldados iraquianos que foram massacrados depois de terem concordado em se retirar do Kuwait e de Basra. Não mantivemos a nossa promessa de que seguiríamos as Convenções de Genebra e não os atacaríamos. As pessoas que nos controlam nos perguntaram: “O que é que vocês querem? Vitória ou auto-respeito? Não dá para ter as duas coisas.” Há cem anos, isto não poderia ter acontecido, mas agora aconteceu e ninguém diz nada.

Vivemos numa sociedade “descartável” programada para não durar. Nós nem piscamos ao tomarmos conhecimento dos 4 milhões de pessoas sem teto, nem dos 30 milhões de pessoas desempregadas, nem dos 15 milhões de bebês que foram assassinados até agora. São coisas “descartáveis” de uma conspiração tão maldita que a maioria negará existir ao ser confrontada com elas, justificando esses eventos com as palavras “os tempos mudaram”.



Foi assim que o Instituto Tavistock nos condicionou a reagir, eles desmantelam os nossos ideais e ninguém protesta. A garra espiritual e intelectual do nosso povo foi destruída!

O Instituto de Pesquisa Stanford (Stantord Research Institute – SRI) exerceu ainda mais pressão sobre esta nação para mudanças no princípio da década de 60. A ofensiva do SRI reuniu poder e momentum.

Ligue a sua televisão e você verá a vitória do Instituto Stanford diante dos seus olhos; debates sobre detalhes grosseiros da sexualidade, canais de vídeo especiais onde a supremacia está nas mãos da perversão, pornografia, rock, violência, e drogas. Antigamente, John Wayne era o astro, hoje em dia tínhamos um arremedo de homem (se é que é homem?) chamado Michael Jackson, uma imitação burlesca de ser humano considerado herói por ficar ali girando, rebolando, balbuciando e gritando diante das telas de televisão de milhares de lares americanos..

Uma mulher que já foi casada diversas vezes se toma notícia nacional. Bandas e mais bandas de rock de drogados sujos e imundos ganham horas e horas no ar para apresentar os seus grunhidos, seus rebolados sem nexo, sua moda e linguagem obscena. Novelas com cenas quase pornográficas não despertam comentários de ninguém, sendo que no princípio da década de 80 isso jamais teria sido aceito. Hoje em dia, porém, é considerado normal. Nós fomos vítimas e sucumbimos ao que o Instituto Tavistock denomina “choques futuros”, só que o futuro é agora, é hoje e estamos tão insensíveis devido a ondas sucessivas de “choques culturais” (lixo puro e absoluto) que parece inútil protestar, e portanto, segundo a nossa lógica, não adianta protestar.

Os Estados Unidos hoje em dia podem ser comparados com um soldado que cai no sono no auge da batalha. Nós, americanos, caímos no sono, demos lugar à apatia por sermos confrontados com uma multiplicidade de escolhas que só nos deixaram confusos. Essas são as mudanças que alteram o nosso ambiente, acabam com a nossa resistência à mudança, de modo que ficamos zonzos, apáticos, e acabamos caindo no sono no grosso da batalha.

Existe um termo técnico para esta condição. Chama-se “cansaço de discernimento a longo alcance”. É a arte de sujeitar continuamente um grupo grande de pessoas a um cansaço de discernimento a longo alcance que foi desenvolvido por cientistas que trabalhavam no Instituto Tavistock de Relações Humanas e suas subsidiárias americanas, o instituto de Pesquisa de Stanford e a Rand Corporation, e no mínimo mais 150 instituições de pesquisa aqui nos Estados Unidos.


Livro de John Colemam, sobre o Instituto Tavistock.

Quem pode negar que, com o imenso aumento no uso de drogas, o crack obtendo milhares de novos viciados instantaneamente a cada dia; com o aumento chocante do número de bebês assassinados por dia (aborticídio), que agora vai muito além das mortes que nosso exército sofreu nas duas Guerras Mundiais, na Guerra da Coréia e do Vietnã; com a aceitação aberta da homossexualidade e do lesbianismo, cujos “direitos” a cada ano são protegidos por mais leis; com a praga terrível que nós denominamos AIDS, que assola nossas cidades grandes e pequenas; com o fracasso total do nosso sistema de educação; o aumento surpreendente do nível de divórcio; o nível inacreditável de homicídios que choca o resto do mundo, assassinatos satânicos em série, o desaparecimento de milhares de crianças que são roubadas nas ruas por pervertidos; um maremoto de pornografia acompanhada de um “vale tudo” nas nossas telas de televisão – quem pode negar que esta nação está em crise? uma crise que não estamos confrontando mas antes fechando os olhos para ela.

Pessoas bem intencionadas que se especializam nessas coisas colocam a culpa de grande parte do problema na educação, ou no que os Estados Unidos consideram educação escolar. Agora há uma abundância de criminosos na faixa etária de 9 e 15 anos. Já é comum ver estupradores com 10 anos de idade. Nossos especialistas em ciências sociais, nossos sindicatos de professores, nossas Igrejas dizem que tudo isso é devido a um sistema educacional inadequado. Veja como as notas dos alunos continuam baixando. Especialistas lamentam o fato de que os Estados Unidos agora se encontram no 39º lugar em nível de educação no mundo.

Por que nos lastimamos com algo que é tão óbvio? O nosso sistema de educação foi programado para a autodestruição.

A década de 60 e a Imprensa
O papel da imprensa na nossa sociedade é de importância vital para o êxito da lavagem cerebral em grandes grupos da população. As guerras entre gangues em Los Angeles terminaram em 1966 quando a imprensa parou de dar cobertura ao assunto. A mesma coisa acontecerá com a recente onda de guerras entre gangues novamente em Los Angeles. Gangues de rua vão desaparecer depois que a cobertura por parte da imprensa diminuir e parar completamente. Assim como ocorreu em 1966, o assunto vai se tomar “ultrapassado”. Gangues de rua terão cumprido o seu propósito de criar turbulência e insegurança na nação.

Sem toda aquela histeria por parte da imprensa, e se não tivesse havido cobertura quase que 24 horas por dia, o culto ao rock hippy-beatnik e as drogas jamais teria chegado a lugar algum. Teria permanecido sendo uma esquisitice local. Os Beatles, com suas guitarras estridentes, expressões tolas, linguagem de drogados e roupas esquisitas também não teriam chegado a lugar algum. Ao invés disso, como os Beatles receberam uma cobertura imensa da imprensa, os Estados Unidos sofreram ondas sucessivas de choques culturais.

Os homens ali enterrados em estudos teóricos e Institutos de pesquisas, cujos nomes e rostos apenas algumas pessoas conhecem, asseguraram-se de que a imprensa desempenhasse o seu papel. Por sua vez, o papel tão importante da imprensa em não desmascarar a força por trás de futuros choques culturais assegurou-se de que a fonte da crise jamais fosse identificada. Sendo assim, a nossa sociedade enlouqueceu com tantas choques psicológicos e estresse. O termo “enlouqueceu” consta no manual de treinamento do Instituto Tavistock. Desde o seu modesto começo em 1921, quando chegou a 1966, o Instituto Tavistock estava pronto para lançar uma revolução cultural irreversível de grande Porte nos Estados Unidos. que ainda não terminou. A Conspiração Aquariana faz parte disso.



E assim a nossa nação enfraquecida ficou madura para a introdução das drogas no seu seio e o início de urna época que rivalizaria a da Lei Seca tanto no seu âmbito de operação como nas altas somas de dinheiro que renderia. Isso também fazia parte integral da Conspiração Aquariana. A proliferação do uso de drogas foi um dos assuntos estudados no Science Policy Research Unit (SPRU) no prédio do Instituto Tavistock na Universidade de Sussex. A imprensa sempre serviu como catalisadora e sempre promoveu “novas causas”, e agora virou sua atenção para o uso das drogas e os que a apóiam, a “geração beatnick”, uma outra frase originada no Instituto Tavistock no seu empenho de causar mudanças sociais nos Estados Unidos.

O uso de drogas agora faz parte do cotidiano nos Estados Unidos (e do resto do planeta). Este programa planejado pelo Instituto Tavistock capturou milhões de jovens americanos e a geração mais velha começou a acreditar que os Estados Unidos estavam passando por uma revolução social natural, sem perceber que o que estava ocorrendo com os seus filhos não era um movimento espontâneo, mas sim uma criação altamente artificial tramada para forçar transformações na vida social e política do povo americano.

Hoje em dia se fala muito em meio-ambiente e, apesar de referiram mais ao meio-ambiente verde, rios puros e ar fresco, existe um outro meio-ambiente igualmente importante, principalmente o meio-ambiente das drogas. O meio-ambiente do nosso estilo de vida ficou poluído, o nosso modo de pensar se poluiu. Nossa capacidade de controlar nosso destino se poluiu. Nos deparamos com alterações que poluem o nosso modo de pensar a tal ponto que não sabemos mais o que dizer e pensar. A “transformação do meio-ambiente” está aleijando a nação; nós demonstramos ter tão pouco controle sobre isso que tal situação tem causado ansiedade e confusão nas pessoas.

Agora procuramos soluções em grupo em vez de soluções individuais para os nossos problemas. Não utilizamos nossos recursos para resolver problemas. Nestas circunstâncias o uso crescente de drogas desempenha um papel importante. Trata-se de uma estratégia deliberada, planejada por cientistas da Nova Ciência, os engenheiros sociais e os especuladores, tendo como alvo a parte mais vulnerável de todas: a imagem que temos de nós próprios e o conceito que temos de nós mesmos, e acabamos por ser nada mais que ovelhas a caminho do matadouro. Nós nos tornamos confusos devido às muitas decisões que temos que tomar, e nos tornamos apáticos.



O tráfico de drogas

Da Colômbia a Miami, do Triângulo Dourado na Ásia ao Portão Dourado (Golden Gate-São Francisco), de Hong Kong a Nova Iorque, de Bogotá a Frankfurt, o tráfico de entorpecentes, e em especial o tráfico de Ópio e heroína, é um alto comércio e é dirigido de cima para baixo por algumas das famílias mais “intocáveis” do mundo; e cada uma dessas famílias têm no mínimo um membro que faz parte do Comitê dos 300. Não é um negocinho qualquer de camelôs, e requer bastante gerenciamento, dinheiro e conhecimento para mantê-lo dando lucro sem problemas. O maquinário sob o controle do Comitê dos 300 garante esse desempenho.

Talentos assim não se encontram nas esquinas nem nos metrôs de Nova Iorque. Com toda certeza, os traficantes fazem parte integral do comércio, mas apenas como pequenos vendedores temporários. Digo temporários porque alguns são pegos pela polícia e outros são mortos por rivais. Mas o que importa? Não falta gente para tomar o seu lugar.

Não, não é nada em que o Sindicato das Micro Empresas estaria interessado. É alto negócio, um vasto império, esse negócio sujo de entorpecentes. Ele é dirigido de cima para baixo por necessidade, em cada país no mundo. Na verdade, é o maior empreendimento que existe no mundo atualmente e transcende todos os outros. Sabe-se que é protegido do alto pelo simples fato de que, assim como acontece com terrorismo internacional, não se consegue acabar com ele, o que, para uma pessoa de raciocínio normal, deveria indicar que algumas das pessoas mais importantes nos círculos reais, a oligarquia, a plutocracia, estão dirigindo o negócio, mesmo que seja feito através de intermediários.

Não existe um governo individual que não saiba exatamente o que acontece em relação ao tráfico de entorpecentes, mas o Comitê dos 300, através da sua rede internacional de subsidiários, cuida dos membros individuais em cargos de influência. Se o membro de algum governo “dá muito trabalho” ele é retirado, como no caso de Ali Bhutto no Paquistão e Aldo Moro na Itália. Ninguém está fora do alcance do Comitê onipotente, apesar de que a Malásia tem conseguido agüentar firme fora das suas garras até agora. A Malásia tem as leis antidrogas mais rígidas do mundo. A Possessão nem que seja de uma pequena quantidade de drogas é punida com a pena de morte.

Como acontece com a Empresa Kintex da Bulgária, a maioria dos pequenos países se envolvem diretamente nessas empresas criminosas. Os caminhões da Kintex transportavam regularmente heroína pela Europa Ocidental, usando caminhões da sua própria frota com o logotipo EEC do Triangle lntemationale Routier (TIR). Caminhões com esse logotipo com número de reconhecimento do Mercado Comum Europeu não devem ser parados na alfândega nos postos de fronteira. Caminhões do TIR podem transportar apenas produtos perecíveis. Deveriam ser inspecionados no país de origem, e o motorista de cada caminhão leva consigo documentação comprovando supostamente isso.



De acordo com as obrigações do tratado internacional é isso que acontece, então os caminhões da Kintex podiam carregar heroína até o teto e registrar tudo como “frutas e legumes frescos” e depois circularem por toda a Europa Ocidental, entrando até mesmo nas bases de alta-segurança da OTAN no norte da Itália. Dessa forma, a Bulgária se tornou um dos principais países na rota da heroína.

Lembre-se disso da próxima vez que você ler nos jornais que encontraram uma grande quantidade de heroína num fundo falso de uma mala no Aeroporto Kennedy, e alguma pobre “mula” paga o preço pela sua atividade criminosa. Isso é uma “ninharia”, um zé-ninguém qualquer é pego e a imprensa faz a maior estória disso para dar a impressão que o nosso governo está realmente cuidando da ameaça das drogas.

Pausemos aqui por um momento. Será que dá para acreditar que com todas as técnicas modernas grandemente aprimoradas de fiscalização, inclusive reconhecimento por satélite que a maior parte dos órgãos da polícia na maioria dos países têm não se conseguiria detectar esse tráfico de entorpecentes nem acabar com ele? Como é que a polícia não consegue ir lá e destruir os laboratórios depois que os descobrem? Se for esse o caso, e se ainda não conseguimos interditar o tráfico da heroína, então os serviços antidrogas deveriam ser conhecidos como “Serviços Geriátricos” e não órgãos de controle às drogas.

Até mesmo uma criança saberia dizer aos supostos “vigilantes da droga” o que devem fazer. Fique só de olho em todas as fábricas de anidrido acético, o elemento químico mais essencial para os laboratórios poderem refinar o ópio bruto e transformarem em heroína. Depois, siga a pista! Às vezes cargas de cocaína são interditadas e confiscadas. Eles só fazem isso como uma demonstração para promover a idéia falsa de que estão fazendo algo. Muitas vezes a carga confiscada pertence a uma nova empresa que está tentando entrar no tráfico. Essa competição é aniquilada, pois eles informam as autoridades exatamente em que ponto dos Estados Unidos a carga vai entrar e quem são os donos dela. Mas as cargas realmente grandes nunca são tocadas; heroína é cara demais.



Para os oligarcas e plutocratas do Comitê dos 300, as drogas têm dois propósitos. Primeiro elas geram um grande lucro, e segundo vão mais dia menos dia tornar a maior parte da população em mortos vivos, drogados que será mais fácil controlar do que pessoas que não precisam de drogas, pois, no caso de rebeldia, o castigo será reter o suprimento de heroína, cocaína e outras drogas. Para isso é necessário legalizar as drogas para que o sistema de monopólio possa causar a proliferação do uso de drogas, pois centenas de mimares de trabalhadores permanentemente desempregados vão recorrer às drogas em busca de consolo..

Em um documento ultra-secreto do , monta-se o cenário da seguinte maneira (em parte): “… Pessoas desempregadas há cinco anos ou mais, a quem o Cristianismo falhou e sem perspectivas de emprego no futuro, vão se afastar da igreja e voltar para as drogas em busca de consolo. É então que se deve consolidar o controle total do tráfico de drogas para que os governos de todos os países sob a nossa jurisdição tenham um monopólio que nós controlaremos através do suprimento… Bares de drogas vão cuidar dos desordeiros e descontentes, dos possíveis revolucionários que se tornarão viciados inofensivos sem vontade própria…”

O mundo do futuro?
Em suma, a intenção e o propósito do Comitê dos 300 é causar as seguintes condições:
Um governo mundial e um sistema monetário único sob oligarcas hereditários não eleitos pelo povo mas selecionados entre o seu próprio grupo como que num sistema feudal na época da Idade Média. Sob este governo mundial, a população será limitada por meio de restrições contra o número de filhos por família, doenças, guerras, fome, até que um bilhão de pessoas que sejam úteis para os governantes em áreas que serão definidas estrita e claramente, se tornarão a população total do mundo.

Não haverá classe média, apenas governantes e servos. Todas as leis serão uniformes sob um sistema de tribunais mundiais obedecendo a um único código penal, apoiado pela força policial de um único Governo e um poderio militar de um Governo Mundial único para executar leis em todos os ex-países onde não existirá mais limites nacionais. O sistema será baseado num só programa de assistência social; pessoas que são obedientes e subservientes ao Governo Mundial serão recompensadas com meios de subsistência; as pessoas rebeldes simplesmente morrerão de fome ou serão declaradas marginais, tornando-se assim alvo para qualquer pessoa que queira matá-las. Será proibido o porte de armas de qualquer tipo que seja.

Só se permitirá uma única religião que será na forma da igreja do Governo Mundial. Satanismo, luciferianismo e feitiçaria serão reconhecidos como legítimos dentro do governo mundial, deixando de existir escolas particulares ou igrejas. As igrejas cristãs já foram subvertidas e o cristianismo será coisa do passado quando o Governo Mundial subir ao poder.

Cada pessoa será totalmente doutrinada a acreditar que é uma criatura do Governo Mundial com um número de identificação claramente marcada em si mesma para ser de fácil acesso, sendo que este número de identificação ficará num arquivo matriz no computador da OTAN em Bruxelas, na Bélgica, podendo ser lido a qualquer momento por qualquer agência do Governo Mundial quando quiserem. Os arquivos matrizes da CIA, FBI, e órgãos da polícia estadual e municipal, do imposto de Renda, da FEMA e do programa de Seguridade Social se expandirão vastamente e formarão a base dos registros pessoais de todos os indivíduos nos Estados Unidos.

O matrimônio será contra a lei e não haverá vida familiar como nós a conhecemos agora. As crianças serão retiradas dos seus pais desde pequenas e criadas em institutos como propriedade do estado. Tal experiência foi feita na Alemanha Oriental sobre o governo de Erich Honecker quando crianças eram tiradas dos pais considerados cidadãos desleais ao estado.

Será promovida a pornografia e a apresentação obrigatória de filmes pornográficos em todo teatro ou cinema, inclusive pornografia de homossexuais e lésbicas. Será compulsório o uso de drogas “recreativas” e cada pessoa terá uma quota que poderá adquirir em lojas do Governo Mundial no mundo todo. Expandir-se-á o uso de drogas de controle mental e o uso das mesmas se tornará compulsório. Essas drogas de controle mental serão administradas no suprimento de alimentos e/ou de água sem o conhecimento e/ou consentimento das pessoas. Serão criados bares de drogas, dirigidos por funcionários do Governo Mundial, onde a classe escrava poderá passar o seu tempo livre. Desta maneira, as massas – todos os que não pertencerem à elite – serão reduzidas ao nível de comportamento de animais controlados sem vontade própria e facilmente arrebanhadas e manipuladas.

O sistema econômico se baseará na decisão da classe governante de só permitir que haja alimentos e serviços suficientes para manter os campos de trabalho da massa em funcionamento. Toda a riqueza estará acumulada nas mãos dos membros de elite do Comitê dos 300. Cada indivíduo será doutrinado para entender que depende totalmente do governo para sobreviver. O mundo será governado pelos Decretos Executivos do Comitê dos 300 que se tornarão lei instantaneamente. Boris Yeltsin está usando decretos do Comitê dos 300 para impor a vontade do Comitê na Rússia num projeto experimental. Existirão tribunais de punição e não tribunais de justiça.



A indústria será totalmente destruída, junto com os sistemas de energia nuclear. Apenas membros do Comitê dos 300 e a sua elite terá direito de usar os recursos da terra. A agricultura estará apenas nas mãos dos membros do Comitê dos 300, sendo a produção de alimentos estritamente controlada. Quando isto começar a ser colocado em prática, massas de população nas cidades serão forçadas a se mudarem para regiões remotas, e os que se recusarem serão exterminados como naquele projeto experimental do Governo Mundial no Cambodja sob a direção de Pol Pot.

A eutanásia será compulsória para os doentes terminais e idosos. Pelo menos 3 bilhões de “bocas inúteis” serão eliminadas até o ano 2050 através de guerras limitadas, epidemias organizadas de doenças fatais que evoluem rapidamente e fome. Energia, alimentos e água serão distribuídos em quantidades mínimas apenas para assegurar a subsistência dos que não são elite.

Todos os produtos farmacêuticos essenciais ou não, médicos, dentistas e trabalhadores do campo da saúde serão registrados na central de dados, e nenhum remédio ou assistência médica serão administrados sem permissão direta dos controladores regionais responsáveis por cada cidade, vila ou povoação.
Não haverá papel moeda nem moedas nas mãos de quem não pertencer à elite. Todos as transações serão feitas através de um cartão de débito que terá o número de identificação do proprietário. Qualquer pessoa que de alguma forma infringir as regras e regulamentos do Comitê dos 300 terá o seu cartão suspenso por tempo predeterminado segundo a natureza e severidade da infração a ele imposta.

Essas pessoas descobrirão, quando forem adquirir alguma coisa, que seu cartão está suspenso e que não poderão obter nenhum tipo de serviço. A tentativa de trocar moedas “velhas”, isso quer dizer moedas de prata das ex-nações agora já inexistentes, será considerada crime gravíssimo sujeito a pena de morte. Todas estas moedas terão que ser entregues dentro de um prazo, junto com revólveres, armas, explosivos e automóveis. Apenas a elite e funcionários com altos cargos no Governo Mundial poderão ter um meio de transporte particular, armas, dinheiro e automóveis.

Caso a ofensa seja séria, o cartão será confiscado ao ser apresentado no ponto de verificação. Depois disso essa pessoa não poderá obter alimentos, água, assistência médica, abrigo e emprego, e será registrada oficialmente como marginal. Desse modo os marginais se agruparão em regiões onde terão que subsistir por seus próprios meios, sujeitos a serem perseguidos e mortos a tiros quando vistos. As pessoas que de alguma forma auxiliarem os marginais também serão mortas a tiros. Se algum marginal não se entregar à polícia ou aos militares depois de um determinado período de tempo, um membro da sua ex-família será se lecionado ao acaso para pagar a sentença na prisão em seu lugar.

Todos os serviços de informação e a imprensa escrita estarão sob o controle do Governo Mundial.. Medidas regulares de lavagem cerebral serão consideradas “entretenimento” da mesma maneira que foi praticada e se tornou uma arte nos Estados Unidos. Jovens tirados de seus “pais desleais” receberão educação especial com a finalidade de embrutecê-los. Jovens de ambos os sexos serão treinados para serem carcereiros no sistema de campos de concentração do Governo Mundial.

É óbvio, ao se analisar o que está para acontecer, que ainda precisa ser feita muita coisa antes de poder ser instituída a Nova Ordem Mundial.. O Comitê dos 300 há muito que aperfeiçoou seus planos para desestabilizar a civilização como nós a conhecemos. Na Europa Ocidental as nações estão trabalhando para formar uma federação de estados dentro da estrutura de um governo com só uma moeda. De lá o sistema do Mercado Comum Europeu será transferido aos poucos para os Estados Unidos e o Canadá. As Nações Unidas estão se transformando metodicamente num carimbo de aprovação para o governo mundial, sendo as suas políticas ditadas pelos Estados Unidos como vimos no caso da Guerra do Golfo.

Está ocorrendo exatamente a mesma coisa com o Parlamento Britânico. Discutiu-se o mínimo possível a participação da Inglaterra na Guerra do Golfo e só depois de muito tempo durante uma moção para a reunião do Parlamento. Isso nunca tinha acontecido em toda a história do Parlamento, onde uma decisão tão importante teve que ser tomada com tão pouco tempo para discutir o assunto. Um dos acontecimentos mais dignos de nota na história do Parlamento passou praticamente despercebido.

Países sob um regime de assistência social existem em abundância na Europa, e os Estados Unidos estão se tornando rapidamente no país onde o povo mais vive com base na assistência social. Uma vez que as pessoas passem a depender do governo para a sua subsistência, será muito difícil desligá-las disso.

A proibição do porte de armas particulares já está em vigor em três quartos do mundo. Somente nos Estados Unidos a população ainda pode possuir as armas de fogo que quiser, mas este direito está sendo violado a nível alarmante através de leis municipais e estaduais que infringem o direito constitucional que todos os cidadãos têm de porte de armas. Até chegarmos ao ano 2010, porte de armas particulares terá se tornado algo obsoleto nos Estados Unidos.

Semelhantemente, a educação está sendo minada a um ritmo alarmante. Escolas particulares estão sendo forçadas a fechar devido a uma série de estratagemas legais e falta de condições financeiras para funcionarem. O padrão de educação nos Estados Unidos já afundou a um nível tão deplorável que hoje mal pode ser chamado de educação. Isto está de acordo com o plano; como eu descrevi anteriormente, o Governo Mundial não quer que os nossos jovens recebam uma educação adequada.

O desejo de ser livre
Entretenimento popular, principalmente a indústria cinematográfica, foi usada para fazer cair no descrédito aqueles que fizeram advertências sobre esta ameaça tão perigosa à liberdade individual e à liberdade do ser humano.

Liberdade é uma lei dada por Deus que o homem constantemente buscou subverter e minar, mesmo assim o anseio que cada indivíduo tem por liberdade é tão grande que até agora nenhum sistema conseguiu arrancar esse sentimento do coração humano. As experiências conduzidas na URSS, Grã-Bretanha e nos EUA, para sufocar a ânsia pela liberdade, até agora não obtiveram êxito.

Mas, com a ascensão da Nova Ordem Mundial/Governo Mundial, vão ser agilizadas amplas experiências para extirpar da mente, corpo e alma do homem aquele anseio por liberdade que Deus lhe deu. O que já está ocorrendo não é nada, é algo insignificante em comparação com o que está por vir. O ataque direto à alma é a essência de uma multidão de experiências que estão sendo maquinadas.



A Manipulação (controle total) da opinião pública

O que toma o Comitê incrível é o sigilo também incrível que prevalece a respeito dele. Nenhum órgão noticioso jamais mencionou essa hierarquia de conspiração, portanto, como seria de se esperar, as pessoas duvidam da sua existência. Grande parte do Comitê dos 300 está sob o controle da monarquia britânica, neste caso Elizabeth II.

Não existe uma entidade que o Comitê não possa influenciar e controlar, e é óbvio que o campo da comunicação é rigorosamente controlado. Se olharmos para a RCA, veremos que a sua diretoria é composta de personalidades proeminentes na Grã Bretanha e nos Estados Unidos que também têm altos cargos em outras organizações, como por exemplo no Conselho das Relações Exteriores, OTAN, no Clube de Roma, na Comissão Trilateral, nos Maçons, no Skull and Bones, Bilderbergers, Round Table, Sociedade Milner e na Sociedade Jesuíta-Aristotles. Entre estas pessoas se encontrava David Sarnoff, que se mudou para Londres ao mesmo tempo que Sir William Stephenson se mudou para o prédio da RCA em Nova Iorque.

As três maiores redes de televisão vieram da RCA, principalmente a National Broadcasting Company (NBC), que foi a primeira, e logo depois surgiu a American Broadcasting Company (ABC) em 1951. A terceira grande rede de televisão foi a Columbia Broadcasting System (CBS) que, como as duas outras companhias, era e continua sendo dominada pelos serviços secretos britânicos. William Paley recebeu instrução técnica de lavagem cerebral em massa no Instituto Tavistock antes de ser considerado qualificado para dirigir a rede CBS.

Daniel Yankelovich é o rei da estrutura das corporações de pesquisa de opinião pública nos Estados Unidos, um vasto aparato que provê “opinião pública sobre assuntos sociais, econômicos e políticos de relevo”, segundo disse Edward Bernays. Foi este grande aparato que fez a maioria dos americanos, que nunca tinham ouvido falar de Saddam Hussein e que mal sabiam que o Iraque era um país em algum lugar no oriente Médio, ficarem bradando pelo sangue dele e o extermínio da nação iraquiana.

Yankelovich utilizou ao máximo todo o conhecimento adquirido durante a Segunda Guerra Mundial. Yankelovich, como guerreiro de segunda geração, é incomparável; é por isso que as pesquisas da ABC conduzidas pela empresa dele sempre são as que definem a “opinião pública”. A população dos Estados Unidos estava sendo alvo de um ataque ao seu senso de realidade. Logicamente esta técnica é um treina-mento padrão para certos grupos de serviço secreto, inclusive a CIA.

A tarefa de Yankelovich era destruir os valores tradicionais americanos e substituí-los pelos valores da Nova Era e da Era de Aquário. Como o mais antigo manipulador da opinião pública no Comitê dos 300, ninguém duvida que Yankelovich fez um trabalho incomparável.

Manipuladores de opinião desempenharam um papel importante nesta guerra nos Estados Unidos; precisamos examinar o papel do Comitê dos 300 em causar essas alterações tão amplas e como os engenheiros sociais usaram análises centrais de sistemas para evitar que o público expressasse alguma outra opinião além das políticas do governo invisível. Como e onde tudo isso começou?

De acordo com documentos que falam da Primeira Guerra Mundial que consegui recolher e examinar no Escritório de Guerra em Whitehall Londres, parece que o Royal Institute for International Affairs foi incumbido pelo Comitê dos 300 de fazer um estudo sobre manipulação de informação de guerra. Esta tarefa foi dada ao Lord Northcliffe e ao Lord Rothmere e Arnold Toynbee, que era agente M16 no RIIA. A família de Lord Rothmere era dona de um jornal que estava acostumado a apoiar diversas posturas do governo, por isso considerou-se que o jornal poderia alterar a percepção do público, principalmente entre o número cada vez maior de pessoas que eram contra a guerra.

O projeto foi sediado na Wellington House. Especialistas americanos convocados para ajudar Lord Rothmere e Northcliffe foram Edward Bemays e Walter Lippman. O grupo teve sessões “quebrando a cabeça” para desenvolverem técnicas de mobilização de apoio em massa para a guerra, principalmente entre a classe operária cujos filhos, esperavam-se, seriam mandados em massa para os campos de chacina de Flanders.

Através do jornal de Lord Rothmere, experimentaram-se novas técnicas de manipulação e, depois de um período de seis meses, ficou óbvio que tinham obtido êxito. Os pesquisadores descobriram que apenas um pequeno grupo de pessoas conseguia raciocinar e tinha a capacidade de analisar o problema, ao passo que o resto apenas expressava a sua opinião. Segundo Lord Rothmere, foi assim que 87% do povo britânico reagiu à guerra, simplesmente expressando suas opiniões sem entenderem a realidade subjacente. Ele teorizou que o mesmo princípio se aplicava não só à guerra, mas a todo problema possível e imaginário na sociedade. Sendo assim, se a opinião do povo pode ser moldada e manipulada, então se pode controlar o povo (à vontade).

Desta forma, a irracionalidade foi levada a um nível alto na consciência do povo. Os manipuladores então usaram isto para minar e distrair a idéia de realidade em relação a qualquer situação e, quanto mais complexo se tornaram os problemas de uma sociedade moderna industrial, mais fácil se tomou causar distrações cada vez maiores para o povo, de modo que no final, opiniões absolutamente inconseqüentes da massa do povo, criadas por peritos em manipulação, assumiram a posição de um fato científico.

Quando os manipuladores depararam com essa conclusão tão significativa, eles experimentaram isso vez após vez durante a guerra, de modo que, apesar de centenas de milhares de jovens britânicos estarem sendo chacinados nos campos de batalha da França, não se levantava praticamente nenhuma oposição àquela guerra sangrenta. Os registros daquela época mostram que até o ano de 1917, logo antes dos Estados Unidos começarem a participar da guerra, 94% da classe operária britânica que estava agüentando todo o sofrimento e as conseqüências da guerra, não tinha a mínima ideia do objetivo da guerra, a não ser aquela imagem criada pelos manipuladores da imprensa de que os alemães eram urna raça horrível que queria destruir a monarquia e o país deles e que por isso tinham que ser aniquilados da face da terra.



Capa dos escritos originais em Alemão dos Illuminati publicados em 1786 e que nunca foram totalmente traduzidos para o Inglês.

Logicamente nada mudou, porque em 1991 aconteceu a mesmíssima situação criada pelos órgãos noticiosos, que permitiu que o presidente Bush violasse flagrantemente a Constituição travando uma guerra de genocídio contra a nação do Iraque com o consentimento de 87% do (apalermado) povo americano.

Em 1928, o Compatriota de Lippman, Edward Bernay, escreveu um livro intitulado “Como Cristalizar a Opinião Pública” (Crystallizing Public Opinion), e em 1928 um segundo livro dele, intitulado simplesmente Propaganda, foi publicado. Nesse livro Bernay descreveu suas experiências em Wellington House:

“Agora que a civilização está ficando mais complexa e que fica mais óbvia a necessidade de um governo invisível, inventaram-se técnicas e foram também criados meios através dos quais a opinião pública pode ser moldada à vontade. Com a existência da máquina impressora e do jornal, telefone, telégrafo, rádio e aviões, pode-se disseminar conceitos rapidamente, e até instantaneamente em todos os Estados Unidos.” (Bernay ainda não tinha visto como é que a televisão, que veio depois, faria esse trabalho muitíssimo melhor.)

“A manipulação consciente e inteligente de hábitos organizados e opiniões das massas é um elemento importante numa sociedade democrática. As pessoas que manipulam esse mecanismo invisível da sociedade são um governo invisível, que é o verdadeiro poder governante no nosso país.”

E para apoiar a sua posição, Bernay citou o artigo de H. G. Wells publicado no New York Times. Wells apoiou entusiasticamente a idéia de meios modernos de comunicação que “abririam um novo mundo de processos políticos que permitiriam que o desígnio comum fosse documentado e apoiado contra a perversão e a traição” (ao governo invisível.)

Continuando com as revelações no livro Propaganda:

“Nós somos governados, nossas ideias são moldadas, nossos gostos são formados, nossos conceitos são sugeridos, principalmente por homens dos quais nunca ouvimos falar. Qualquer que seja a atitude que alguém decida tomar contra esta condição, mesmo assim é um fato que em praticamente cada ação que tomamos na nossa vida cotidiana, quer seja no campo político ou dos negócios, na nossa conduta social ou na nossa ética, somos dominados por um número relativamente pequeno de pessoas, uma fração mínima dos nossos 120 milhões que entendem os processos mentais e os padrões sociais das massas. Essas pessoas que mexem os pauzinhos são as que controlam a mente do povo, as que controlam as velhas forças sociais e inventam novas maneiras de restringir e guiar o mundo.”

Bernay não teve coragem de revelar ao mundo quem eram os “eles” que “mexem os pauzinhos que controlam a mente do povo…”, mas neste livro nós estamos compensando esse lapso intencional da parte dele revelando a existência desse “grupo relativamente pequeno de pessoas”, o Comitê dos 300.



O governo (global) invisível do Comitê dos 300 exerceu uma tremenda pressão nos Estados Unidos para mudar o seu modo de agir – para pior. Os Estados Unidos são (eram) o último reduto da liberdade, e a menos que nos tirem essa liberdade o progresso para o Governo Mundial será consideravelmente retardado. Tal trabalho para implantação de um Governo Único Global é algo de proporções imensas, exige muita habilidade de organização, controle de governos e suas políticas. A única organização que poderia ter assumido esta tarefa monumental com alguma esperança de êxito é o Comitê dos 300, e acabamos de ver até que ponto ele chegou, quase obtendo o êxito total.

Acima de tudo, a batalha para superar isto vai ser uma batalha espiritual.

http://www.whale.to/b/coleman_b1.html

Primeira parte em:  
  1. http://thoth3126.com.br/o-maior-dos-segredos/
  2. http://thoth3126.com.br/historia-dos-illuminati-e-da-nova-ordem-mundial-nwo/
  3. http://thoth3126.com.br/historia-dos-illuminati-e-da-nova-ordem-mundial-nwo/
  4. http://thoth3126.com.br/illuminati-hierarquia-dos-conspiradores-o-comite-dos-300/
  5. http://thoth3126.com.br/china-base-illuminati-para-implantar-uma-nova-ordem-mundial/
  6. http://thoth3126.com.br/china-elite-governa-o-pais-de-acordo-com-objetivos-illuminati-nwo/
  7. http://thoth3126.com.br/beyonce-sasha-fierce-illuminati/
  8. http://thoth3126.com.br/tecnologia-de-orion-e-outros-projetos-secretos/


Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e sem alteração, principalmente em relação às fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

84Share on Facebook (Opens in new window)84
7Click to share on Twitter (Opens in new window)7
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

Posted by Thoth3126 on 15/06/2015

Agradecimentos a URL: http://wp.me/p2Fgqo-Rc



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=John+Coleman

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







Meditação: A prática ganha aval da ciência ~ Fernanda Pandolfi

Meditação

 A prática ganha aval da ciência

Antes vista apenas como atividade mística, meditação ganha o aval da ciência





Sentar-se com a postura ereta, fechar os olhos, sentir a respiração e trazer a atenção para o presente por 10 minutos diários ajudam a diminuir a ansiedade, melhorar a concentração e viver mais e melhor.

Não é o trecho de um livro de autoajuda. É a constatação não de um, mas de muitos e diferentes estudos científicos. Foi-se o tempo em que a meditação era considerada apenas uma atividade mística sem embasamento teórico…

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Valor da prática para a saúde e para a qualidade de vida de pessoas de todas as idades

Fonte: http://zerohora.clicrbs.com.br

Fernanda Pandolfi fernanda.pandolfi@zerohora.com.br


… Iniciada na Índia e difundida em toda a Ásia, a prática começou a se popularizar no ocidente com o guru Maharishi Mahesh Yogi que nos anos 1960 convenceu os Beatles a atravessar o planeta para aprender a meditar. Até a década passada, não contava com respaldo médico. Nos últimos anos, no entanto, os pesquisadores ocidentais começaram a entender por que, afinal, meditar funciona tão bem, e para tantos problemas de saúde diferentes.

Em uma era de gente conectada, que recebe estímulos e informações por toda e qualquer via, como o smartphone que bipa, a música que toca no fone de ouvido e os outdoors de led nas ruas, pesquisadores renomados têm dedicado tempo e dinheiro para provar que exercícios de relaxamento mental podem ser fundamentais na qualidade de vida.



É o caso do neurocientista norte-americano Richard Davidson, da Universidade de Wisconsin-Madison, que, após um período de imersão com monges tibetanos, descobriu que a meditação funciona – de fato – como um antidepressivo. Segundo ele, a prática altera as estruturas cerebrais, mudando o padrão de suas ondas e protegendo contra a depressão e os efeitos do estresse.

Mais perto daqui, a bióloga brasileira Elisa Kozasa, do Instituto do Cérebro do Hospital Israelita Albert Einstein, uma das principais pesquisadoras do tema no mundo, afirma: quem medita tem a capacidade de executar as mesmas tarefas que não-praticantes usando menos neurônios. Em recente passagem por Porto Alegre para participar do workshop Ciência, Meditação e o Cultivo Emocional, promovido pela ONG gaúcha Mente Viva, Elisa discorreu sobre seu estudo, que avaliou os cérebros de 20 meditadores e 19 não meditadores combinados por idade, sexo e nível de escolaridade. O resultado apontou para a alta capacidade de concentração e atenção dos praticantes de meditação, que “economizam”, por assim dizer, seus cérebros.



Em um terceiro levantamento realizado na Universidade de Brasília pelo psiquiatra Juarez Iório Castellar, foram investigadas 80 pacientes com histórico de câncer de mama. Por meio da coleta de amostras de sangue e saliva, antes e depois dos exercícios meditativos, verificou-se que a prática reduziu os efeitos colaterais da quimioterapia, como náuseas, vômitos, insônia e inapetência.

Sendo assim, é fácil perceber que ficou para trás dos anos 2000 a visão de que para meditar era necessário ser budista, usar bata longa e terceiro olho. Quem pratica, garante: não tem hora, lugar, profissão ou religião. É universal. Oprah Winfrey – que chegou a ser a personalidade mais bem paga da televisão internacional – declarou que o tempo despendido com a meditação foi fundamental para o sucesso de sua carreira.

A gaúcha Gisele Bündchen revelou em entrevista recente que, mesmo que o despertador toque às 5h30min para uma sessão fotográfica, não abre mão dos seus 15 ou 20 minutos de momento meditativo para manter o equilíbrio. Já para encarar a maratona da campanha eleitoral, a presidente Dilma Rousseff quer intensificar os períodos de meditação transcendental, método que pratica, e, inclusive, já teria agendado uma sessão com a guru africana Rajshree Patel, que visitará o Brasil em maio.



Steve Jobs, o fundador da Apple, consagrou a prática budista no meio empresarial e ganhou adeptos mundo afora. Seu argumento para defendê-la era justamente o foco nos negócios. Graças a ela, conseguia afastar de sua cabeça tudo que considerava distração. Personalidades internacionais – o ex-vice-presidente americano Al Gore, o cineasta David Lynch, o músico Adam Levine, o ator Robert Downey Jr., a atriz Demi Moore – e nacionais – a atriz Claudia Ohana, a cantora Luiza Possi e a top Alessandra Ambrósio – engordam a lista de pessoas bem-sucedidas que incentivam a atividade e acreditam que, em uma data nem tão distante, a prática da meditação será reconhecida como questão de saúde pública e terá sua importância igualada ao exercício físico na atualidade.

Receita para uma vida de paz

Mariela Silveira reflete a quebra dos tabus que cercam a meditação. Filha de pai católico e mãe espírita, não quis seguir religião alguma e prometeu ser fiel à ciência quando se formou em Medicina pela Ulbra-Universidade Luterana do Brasil.


As práticas meditativas fazem sucesso entre as modelos. A top model Alessandra Ambrósio medita todos os dias.

Entre os objetivos, um prioritário: trabalhar com o que proporcionasse bem-estar às pessoas. Escolha um tanto previsível, já que Mariela engatinhou ainda de fraldas pelos corredores do Kurotel Centro de Longevidade e SPA (que ajuda a dirigir atualmente), fundado pelos seus pais, Luís Carlos e Neusa Silveira, em 1982, na Serra. E cresceu uma criança diferente, que enxergava uma peraltice no ato de deixar envelopes com sementes de plantas embaixo das portas dos vizinhos em Gramado.

Foi em 2003, ao longo de uma viagem à Índia, que a gaúcha percebeu nos exercícios mentais de relaxamento uma alternativa para promover a paz.

— Vi que não era a miséria que provocava a violência em um país. Era possível observar que, por mais pobres que aquelas pessoas fossem, elas viviam em harmonia e incitavam o bem. Foi aí que a meditação entrou na minha vida — lembra.

Para exterminar o preconceito – o dela mesmo, inclusive -, muniu-se de livros, pesquisas e estudos sobre o tema para buscar respaldo científico e poder investir na prática sem receio. Verificou dados concretos de melhora na frequência cardíaca, pressão arterial, imunidade e até no comportamento quando comparava meditadores e não-meditadores.

— Eu achava que poderia ser mal vista pelas pessoas como praticante de uma atividade sem comprovação. Mas percebi que tinha fundamento e parei de me sentir a “Mariela bicho-grilo” (risos). Além disso, me dei conta de que era um instrumento maravilhoso, comum entre as pessoas, independentemente de crença, de onde ela nasceu, de qual a cultura — reforça.


O ator Robert Downey Jr. não dispensa a prática da ioga para sentir-se relaxado e em paz.

E assim, a médica de 34 anos que preferia intitular a atividade como “exercício de relaxamento ou dirigido” para formalizar o termo, deixou o constrangimento no passado e passou a prescrever a meditação em receitas, além de se tornar uma das principais incentivadoras da atividade no Estado via fundação da ONG Mente Viva, em 2007, ao lado da sócia Anmol Arora.

Trata-se de um projeto que leva a prática para escolas públicas e privadas de Gramado, Porto Alegre, Eldorado, Gravataí, Tapes e Pelotas, com um trabalho pré-aula de cinco a 10 minutos com as crianças e que estimula a concentração, a afetividade e o desempenho escolar – com resultados positivos já comprovados em pesquisa.

A técnica utilizada é a mindfulness, ou atenção plena, que visa trazer o foco para o presente e “desligar” o cérebro, mentalizando pensamentos positivos.



— É claro que essa não é a única solução para terminar a violência, que é algo muito mais complexo. Mas de um modo geral, a medicina só foca no tratativo, não foca tanto na prevenção como deveria. Com a violência é igual. Tudo bem falar sobre reabilitação, mas existe também aquele indivíduo que tem todos os fatores de risco, mas ainda não cometeu um crime e que pode ser observado mais de perto. E a prevenção primária mesmo, aquela desde criança — analisa.

Mariela garante: a meditação é simples, gratuita e, no bom sentido, vicia – a ponto de torcer para que uma viagem de ônibus dure mais do que o tempo previsto para poder praticar, ou de ficar entristecida quando o despertador não toca no horário correto e a impede de meditar nos minutos iniciais do dia. E, assim como em qualquer outra atividade, requer paciência e prática para pegar o jeito. Na sua opinião, a meditação trabalha com uma das grandes questões da humanidade: a de como aumentar o espaço interno de conforto para viver com mais qualidade.

— Os indianos costumam falar que a mente (inferior) é como se fosse um macaco com o rabo pegando fogo, mordido por mil escorpiões, pulando de galho em galho. Está sempre no passado e no futuro, nunca conosco no PRESENTE – O AGORA. Em resumo: a meditação ajuda a pessoa a trazer a consciência para o presente – analisa. — Atualmente, o mundo convida à vigilância, à pouca tenacidade, à falta de atenção.


Gisele Bündchen publica, com frequência, fotos suas meditando nas redes sociais.

Então, precisamos aprender que temos limites para ficarmos internamente bem. Não é exercício de estímulo, é de relaxamento mesmo. A mente é um produto do cérebro, que não está em nenhum lugar do nosso corpo. A meditação faz os dois se encontrarem e ajuda a buscar recursos internos para enfrentar as dificuldades do dia-a-dia.

A recomendação da especialista é reservar de 10 a 20 minutos por dia, cinco vezes por semana, para o exercício. Sentar, fechar os olhos, respirar e esvaziar a mente.

Para quem se blinda com o argumento de que a rotina é muito corrida para isso, ela repete um mantra de sua coach Dulce Magalhães: “Medite 20 minutos por dia. Se você acha que está sem tempo, então medite por uma hora“.

Para Mariela Silveira, a receita é simples: medite durante 20 minutos por dia. Se você acha que está sem tempo para isso, então medite por uma hora.

Quem são as estrelas que meditam:

A apresentadora de televisão nos EUA, Oprah Winfrey já declarou que a meditação interferiu positivamente em sua carreira.



No auge do sucesso, em 1967, os Beatles mergulharam na meditação transcendental praticada pelo guru Maharishi Mahesh Yogi. Dessa experiência surgiram muitos sucessos do quarteto.


DONNA ZH

Saiba mais sobre SAÚDE em:
  1. http://thoth3126.com.br/cinco-alimentos-verdes-com-poder-de-cura-excepcional/
  2. http://thoth3126.com.br/diet-coke-zero-e-mortal/
  3. http://thoth3126.com.br/mais-circo-aumento-no-consumo-de-drogas-sinteticas-e-sem-precendentes-diz-onu/
  4. http://thoth3126.com.br/gengibre-previne-o-cancro/
  5. http://thoth3126.com.br/brasil-o-acai-aparece-para-aliviar-a-aterosclerose/
  6. http://thoth3126.com.br/acerola-uma-fruta-muito-saudavel/
  7. http://thoth3126.com.br/stevia-adocante-natural-e-saudavel-do-brasil/
  8. http://thoth3126.com.br/batons-contaminam/

  9. http://thoth3126.com.br/alho-e-os-seus-beneficios-para-a-saude/


Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

455Share on Facebook (Opens in new window)455
15Click to share on Twitter (Opens in new window)15
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

Posted by Thoth3126 on 15/06/2015

Agradecimentos a URL: http://wp.me/p2Fgqo-5xA



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Fernanda+Pandolfi

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







AGHARTA – 4 – No Mundo no Interior da Terra ~ Willis George Emerson

QUARTA PARTE:

No Mundo no Interior da Terra

Livro “The Smoky God” 

ou Uma Viagem ao Mundo Interior do reino de AGHARTA




Temo que essa história aparentemente incrível, que eu vou relatar será considerada como o resultado de um intelecto distorcido e superexcitado, pelo glamour de desvendar um mistério maravilhoso, mais do que um registro verdadeiro das experiências incomparáveis ??relatadas por Olaf Jansen, cuja eloquente loucura então apelou para a minha imaginação em que todo pensamento e crítica analítica foram efetivamente dissipados pela beleza da sua História …

“Aquele que controla os outros pode ser poderoso, mas aquele que domina a si mesmo é mais poderoso ainda.” – Lao Tsé – 600 a.C. / 531 a.C.(Filósofo chinês, fundador do Taoísmo, escreveu o “Tao Te Ching” )

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

“The Smoky God, or A Voyage Journey to the Inner Earth“, é um “romance” publicado em 1908 por Willis George Emerson, que o apresenta como um relato verdadeiro de um marinheiro norueguês chamado Olaf Jansen, e explica como o saveiro dele navegou através de uma entrada no polo norte para o interior da Terra onde ele entrou em contato com uma outra civilização.

Fonte: http://www.ourhollowearth.com/PartFour.htm

QUARTA PARTE: O Mundo do Interior da Terra

Aprendemos que na civilização da “Terra Interior” os homens não se casam antes de estarem entre os 75-100 anos de vida, e que a idade em que as mulheres entram na fase do casamento é apenas um pouco menor, e que no mundo da “Terra Interior” os homens e as mulheres freqüentemente vivem entre os seiscentos à oitocentos anos de idade, e em alguns casos, atingem idade muito mais avançada. (1)



(1) O historiador judeu Josefo diz: “Deus prolongou a vida dos patriarcas que precederam o dilúvio, tanto por conta de suas virtudes e para lhes dar a oportunidade de aperfeiçoar as ciências da geometria e astronomia, que eles haviam descoberto, o que eles não poderiam ter feito se eles não tivessem vivido 600 anos, porque é só depois de decorrido o prazo de 600 anos que o grande ano (astronômico) é percebido ” – Flammarion, Astronomical Myths, Paris p. 26

Durante o ano seguinte, visitamos muitas aldeias e vilas, proeminentes entre eles, sendo as cidades chamadas de Nigi, Delfi e Hectea, e meu pai foi chamado nada menos do que uma meia dúzia de vezes para revisar os mapas da superfície que tinham sido feitos a partir dos esboços brutos que ele tinha dado originalmente das divisões da terra e da água na superfície “fora” da terra interior.

Lembro-me de ouvir a observação do meu pai de que a raça de pessoas gigantes na terra interior do “The Smoky God” tinha uma ideia quase tão precisa da geografia da superfície “fora” da terra como a teria um professor universitário médio em Estocolmo.

Em nossas viagens, chegamos a uma floresta de árvores gigantescas, perto da cidade de Delfi. A Bíblia disse que havia árvores altas com mais de 300 pés (91 metros) de altura, e mais de trinta metros de diâmetro, que cresciam no Jardim do Éden, Ingersoll, Tom Paines e Voltaire sem dúvida teriam pronunciado que essa declaração seria mais um mito. No entanto, essa é a descrição também de uma gigantesca árvore sequóia da Califórnia; mas estes gigantes da Califórnia são insignificantes quando comparados com os Golias florestais encontrados no continente “no interior da Terra”, onde abundam árvores poderosas com cerca de 800-1000 pés (240 a 304 metros) de altura, e 100-120 pés (30,40 a 36 metros) de diâmetro; incontáveis ??em número e que formam florestas que se estende terra à detro centenas de quilômetros de distância do mar.



As pessoas são extremamente musicais, e nós aprendemos um grau notável de suas artes e ciências, especialmente geometria e astronomia. Suas cidades são equipadas com vastos palácios de música, onde não raro, até vinte e cinco mil vozes luxuriosos desta raça gigante se mesclam em poderosos coros de sinfonias das mais sublimes. As crianças não devem frequentar uma instituição de ensino (escola), antes de completarem 20 anos de idade. Então sua vida escolar começa e continua por cerca de 30 anos, dez dos quais são uniformemente dedicados por ambos os sexos para o estudo da música.

Suas principais vocações são a arquitetura, a agricultura, a horticultura, a criação de grandes manadas de gado e a construção de meios de transporte peculiares a esse país, para viagens em terra e água. Por algum dispositivo que eu não posso explicar, eles mantem uma integração na comunicação com as outras partes mais distantes do seu país, através de correntes de ar (n.t. via rádio?).

Todos os edifícios são erguidos com especial atenção para a resistência, durabilidade, beleza e simetria, e com um estilo de arquitetura muito mais atraente para os olhos do que qualquer outro que eu já tenha observado em outros lugares na superfície da Terra.

Cerca de três quartos da superfície do mundo “interior” é composto da terra e cerca de um quarto da água. Existem inúmeros rios de enorme tamanho, alguns que flui em direção ao norte e outros ao sul. Alguns destes rios tem até 30 milhas (48 quilômetros) de largura, e é a partir dessas grandes vias fluviais, nas partes extremas do norte e sul da superfície “dentro” da terra, em regiões onde as baixas temperaturas são persistentes, que os icebergs são formados de água doce. Em seguida, são empurrados para o mar exterior como enormes línguas de gelo, pelas inundações de águas turbulentas que, duas vezes por ano, varrem tudo diante deles.

Vimos incontáveis exemplares de pássaros não maiores do que aquelas espécies encontradas nas florestas da Europa ou da América do Norte. É bem conhecido que nos últimos anos algumas espécies inteiras de aves deixaram de existir na terra. Um escritor em um artigo recente sobre este assunto diz: (2)

(2) “Quase todos os anos testemunhamos a extinção final de uma ou mais espécies de aves. Das quatorze variedades de pássaros encontrados um século antes em uma única ilha – a ilha de St. Thomas nas Antilhas – oito agora têm de ser contados entre as espécies desaparecidas”.



Não é possível que essas espécies de aves desaparecendo encerrem sua história no mundo sem encontrar um asilo no mundo do “interior daTerra” ?

Não importa se no interior entre as montanhas, ou à beira-mar, encontramos prolíficas espécies de aves. Quando elas levantam voo abrindo suas grandes asas algumas das aves pareceram medir até 30 pés (9 metros de envergadura) de ponta a ponta de cada asa. Eles são de grande variedade e de muitas e variadas cores. Fomos autorizados a subir na borda de uma rocha e examinar um ninho com ovos. Havia cinco no ninho, cada um dos quais tinha, pelo menos, dois pés (60 centímetros) de comprimento e cerca de quinze polegadas (37,5 centímetros) de diâmetro.

Depois que estivemos na cidade de Hectea durante uma semana, o nosso instrutor Galdea nos levou a uma enseada, onde se via milhares de tartarugas ao longo da costa arenosa. Eu hesito em afirmar o tamanho dessas grandes criaturas. Eles tinham entre 25-30 pés (7.5 a 9 metros de comprimento), de cinco a seis pés (1,5, a 1,8 metros) de largura e totalmente sete pés (2,10 metros) de altura. Quando uma delas projetou a sua cabeça para fora do casco tinha a aparência de um monstro do mar hediondo.

As condições estranhas existentes no “mundo interior” são favoráveis ??não só para vastos prados de gramíneas luxuriantes, florestas de árvores gigantes, e todo o tipo de vida vegetal, mas é preenchido com maravilhosa vida animal também.

Um dia, vimos uma grande manada de elefantes. Devia haver cerca de quinhentos desses monstros com voz de trovão, com suas inquietas e ondulantes trombas. Eles estavam arrancando enormes galhos das árvores e pisoteando arbustos menores transformando-os em pó. Eles teriam em média de mais de 100 pés (30 metros) de comprimento e de 75 a 85 pés (22,50 a 25,5 metros) de altura.



Parecia, enquanto eu contemplava essa maravilhosa manada de elefantes gigantes, que eu estava novamente vivendo na biblioteca pública em Estocolmo, onde eu tinha passado muito tempo estudando as maravilhas da época do período Mioceno. Eu estava cheio de espanto mudo, e meu pai também ficou mudo de espanto. Ele segurou meu braço com um aperto de proteção, como se um mal terrível nos ultrapassasse. Éramos dois átomos nesta grande floresta, e, felizmente, não fomos observados por este vasto rebanho de elefantes enquanto eles perambulavam, seguindo os passos de um líder como o faz um rebanho de ovelhas. Eles procuravam por forragem e comiam as que encontravam enquanto viajavam, e de vez em quando estremeciam o firmamento com seus profundos bramidos. (3)

(3) “Além disso, havia um grande número de elefantes naquela ilha: e havia abundância de provisão para os animais de todos os tipos e também tudo do que perfumado existe na terra, sejam raízes ou forragem, madeiras, ou para destilação de flores ou frutos, tudo crescia e prosperava naquela terra “. – The Cratyluo de Platão.

Há uma névoa obscura que sobe da terra, todas as noites, e invariavelmente, chove uma vez a cada 24 horas. Esta grande umidade do ar e a luz elétrica e o calor sejam, talvez, revigorantes para a vegetação ser tão luxuriante, enquanto o ar altamente carregado de energia e a regularidade das condições climáticas podem ter muito a ver com o crescimento gigante e a longevidade de toda a vida animal.

Em alguns lugares os vales estendem-se por muitos quilômetros em todas as direções. “O Smoky God” (a divindade enfumaçada, enevoada), em sua luz branca clara, olhava calmamente para baixo. Havia uma brisa no ar eletricamente carregado que tão suavemente passava pelo nosso rosto como um sussurro de fuga. A natureza cantava uma canção de ninar no débil murmúrio dos ventos cujo hálito era doce com a fragrância dos brotos e das flores.

Depois de ter passado muito mais do que um ano visitando algumas das principais cidades do “mundo interior” e uma grande quantidade de idas ao interior do país, mais de dois anos se passaram desde o momento em que tínhamos sido resgatados pelo grande navio em excursão pelo rio, quando decidimos lançar nossa sorte mais uma vez sobre o mar, e nos esforçarmos para voltar ao nosso “mundo” na superfície “fora” da terra interior.

Demos a conhecer os nossos desejos à nossos anfitriões gigantes, e eles foram relutante, mas prontamente atendidos. Nossos anfitriões deram para meu pai, a seu pedido, vários mapas que mostravam toda a superfície do “mundo interior” da Terra, suas cidades, oceanos, mares, rios, golfos e baías. Eles também se ofereceram para nos dar tantos sacos de pepitas de ouro – alguns deles tão grandes como um ovo de ganso – que estivéssemos dispostos a tentar levar conosco em nosso pequeno barco de pesca.

No devido tempo, voltamos a cidade de Jeú, onde passamos um mês em consertar e reformar nosso pequeno barco saveiro de pesca. Depois que tudo estava pronto, o mesmo navio “Naz” que originalmente nos descobriram, nos levou a bordo e navegou conosco até a foz do rio Hiddekel.

Depois que nossos irmãos gigantes tinham lançado nossa pequena embarcação no mar para nós, eles foram muito cordiais e efusivos em nossa despedida, e evidenciaram muito solicitude para com a nossa segurança. Meu pai jurou pelos deuses Odin e Thor que ele certamente voltaria novamente dentro de um ou dois anos e lhes faria mais uma visita. E, assim, dissemos-lhes adeus. Nos fizemos prontos e içamos as nossas velas, mas havia pouca brisa. Entramos em um estado de calma dentro de uma hora depois que os nossos amigos gigante nos deixaram e começaram em sua viagem de retorno.

Os ventos estavam soprando constantemente para o sul, ou seja, eles estavam soprando a partir do (polo) norte desde a abertura da Terra em direção ao que sabíamos ser o sul, mas que, segundo apontava a agulha da nossa bússola, estava diretamente para o norte.

Durante três dias, nós tentamos velejar, e batemos contra o vento, mas sem sucesso. Ao que meu pai me disse: “Meu filho, para retornar pelo mesmo caminho que viemos é impossível nesta época do ano e eu me pergunto por que não pensei nisso antes. Estamos aqui no mundo interior já quase dois anos e meio, portanto, esta é a época (verão no hemisfério sul) em que o sol está começando a brilhar na abertura do (Polo) sul da Terra. A grande noite fria (o inverno no hemisfério norte) está no país do Spitzbergen “. “O que vamos fazer?” Perguntei.

“Só há uma coisa que podemos fazer”, respondeu meu pai “, é nos dirigirmos para o sul.” Assim, ele virou a embarcação sobre seu casco, deu velas cheias, e começou a ir pelo norte indicado pela bússola, mas, de fato, a rumar diretamente ao sul. O vento era forte, pareciamos ter atingido uma corrente de ar que estava correndo com uma rapidez notável na mesma direção em que queríamos ir.

Em apenas 40 dias chegamos a Delfi, uma cidade que visitáramos em companhia de nossos guias Jules Galdea e sua esposa, perto da foz do rio Giom. Aqui paramos durante dois dias, e foram mais uma vez recebidos com hospitalidade e entretidos pelas mesmas pessoas que nos acolheram na nossa visita anterior. Nós nos aprovisionamos com algumas provisões adicionais e novamente partimos, seguindo nosso caminho com a agulha da bússola apontando para o norte.

Em nossa viagem em busca de uma saída para o nosso mundo exterior passamos através de um canal estreito, que parecia ser um curso de água entre dois corpos consideráveis ??de terra. Havia uma bela praia à nossa direita, e decidimos fazer o reconhecimento desse terreno. Soltamos âncora, e aportamos em terra para descansar por um dia antes de continuarmos com a nossa perigosa empresa navegando para fora do “mundo interior”. Nós fizemos uma fogueira com algumas varas de troncos secos. Enquanto meu pai estava caminhando ao longo da costa, eu preparei uma refeição tentadora dos suprimentos que nós tínhamos providenciado.

Havia uma luz suave, luminosa que meu pai disse resultar do sol que brilhava no sul a partir da abertura da terra (pelo polo sul). Naquela noite, dormimos profundamente, e despertamos na manhã seguinte tão descansados como se tivéssemos dormido em nossas próprias camas em Estocolmo.

Após um bom café da manhã partimos em uma excursão para o interior da terra que aportamos, mas nós não chegamos a ir muito longe quando avistamos algumas aves que reconhecemos imediatamente serem da família dos pinguins, existentes na região do polo sul. Eles são aves que não voam, mas excelentes nadadores e grandes em tamanho, com peito branco, asas curtas, cabeça preta, e os bicos muito repicados. Eles chegam a três pés (cerca de um metro) de altura. Eles nos olharam com surpresa e curiosidade, e se moviam gingando, ao invés de caminhar, em direção à água, e nadram para longe em direção ao norte. (4)

(4) “As noites nunca são tão escuras nos pólos como em outras regiões, pois a luz da lua e das estrelas parecem possuir o dobro da luz e esplendor habituais. Além disso, há uma luz contínua, em tons variados de cores (auroras boreais) dos quais estão entre os fenômenos mais estranhos da natureza “. – Astronomia de Rambrosson.


Aurora Boreal

Os eventos que ocorreram durante os próximos cem ou mais dias foram pobres em acontecimentos para serem descritos. Nós estávamos em um mar aberto e sem gelo. O mês que contávamos era para ser novembro ou dezembro, e nós sabíamos que o chamado Pólo Sul estava agora banhado pelo sol. Portanto, ao passar para fora e para longe da luz elétrica interna do sol “The Smoky God” do mundo da Terra Interior e seu calor genial, então nós seríamos atingidos pela luz e calor do sol, que brilha através da abertura pelo polo sul da Terra. E nós não estavam enganados. (5)

(5) “O fato que dá ao fenômeno da aurora polar (boreal no norte, austral no sul) sua maior importância é que a terra se torna auto-luminescente; que, além da luz que como um planeta é recebida do corpo solar, ele mostra uma capacidade de sustentar um processo luminosa adequado a si mesmo “. – Humboldt.


Aurora Boreal na região do Árctico

Houve momentos em que a nossa pequena embarcação, impulsionada pelo vento que era contínuo e persistente, atravessou as águas, como uma seta. Na verdade, se tivéssemos encontrado uma pedra ou obstáculo oculto, o nosso pequeno navio iria ter sido esmagado e transformado em gravetos de lenha.

Finalmente estávamos conscientes de que a atmosfera circundante foi crescendo intensamente para ficar muito mais fria, e, poucos dias depois, icebergs foram avistados longe para a nossa esquerda. Meu pai argumentou, e com razão, que os ventos que encheram nossas velas vieram do clima quente da “Terra Interior”. A época do ano foi era dúvida a mais auspiciosa para nós fazermos a nossa viagem para o nosso mundo “do exterior” e tentar navegar com o nossa pequeno saveiro de pesca através dos canais abertos da zona congelada que envolve a região polar do sul. Meu pai gritou: “Rebentação em frente!”

Logo estávamos em meio a enormes compressas de gelo, e como a nossa pequena embarcação navegou através daqueles canais estreitos e escapou de ser esmagada eu ainda não sei. A agulha da bússola se comportou da mesma forma bêbada e não confiável, quando da passagem, sobre a curva sul ou da borda do escudo da Terra, como o tinha feito na nossa viagem de entrada pelo acesso via polo norte. A agulha da bússola girava, mergulhou e parecia uma coisa possuída por um espírito ruim. (6)

(6) O Capitão Sabine, na página 105 em “Voyages in the Arctic Regions,”, diz: “A determinação geográfica da direção e intensidade das forças magnéticas em diferentes pontos da superfície da Terra tem sido considerada como um objeto de pesquisa especial para examinar, em diferentes partes do globo, a declinação, inclinação e a intensidade da força magnética, e seu periódico e variações seculares, e as relações e dependências mútuas poderiam ser devidamente investigadas apenas em observatórios Magnéticos fixos. “

Um dia, quando eu estava preguiçosamente olhando por cima do lado do saveiro navegando em águas claras, meu pai gritou: “Icebergs em frente!” Olhando para cima, eu vi através de uma névoa se levantar um objeto branco que se erguia várias centenas de pés de altura, impedindo completamente o nosso avanço. Baixamos as velas do barco imediatamente, e paramos de navegar muito em breve. Em um momento e já nos encontramos encravados entre dois icebergs monstruosos. Cada um se encostando e arranhando contra o seu companheiro, uma outra montanha de gelo.



Eram como dois deuses da guerra em luta pela supremacia. Ficamos muito alarmados. Na verdade, estávamos entre as linhas de uma batalha real; o trovão sonoro da moagem do gelo era como que contínuas salvas de artilharia. Blocos de gelo maior do que uma casa eram freqüentemente levantados uma centena de pés pela poderosa força da pressão lateral; eles iriam tremer e sacudir para lá e para cá por alguns segundos para, em seguida desabar com um rugido ensurdecedor, e desaparecer mergulhando nas águas espumantes e geladas. Assim, por mais de duas horas, a titânica luta dos dois gigantes de gelo continuou.

Parecia que o fim havia chegado para nós. A pressão do gelo era terrível, e enquanto nós não fôssemos pegos na parte perigosa do encontro dos dois icebergs, estaríamos a salvo, por enquanto, ainda que o roçar e rasgar de toneladas de gelo, uma vez que caiam espirrando aqui e ali nas profundezas das águas nos enchiam com agitação e medo.

Finalmente, para nossa grande alegria, a moagem do gelo cessou, e dentro de algumas horas a grande massa lentamente se dividiu, e, como se por um ato da Providência houvesse sido realizado, bem diante de nós estava um canal aberto. Deveríamos nos aventurar com a nossa pequena embarcação para passar por esta abertura? Se a pressão viesse de novo, o nosso pequeno saveiro, bem como nós mesmos seríamos esmagados em pedaços. Decidimos aproveitar a oportunidade, e, consequentemente, içamos nossas velas a uma brisa favorável, e logo começamos como um cavalo de corrida, a correr desafiando este desconhecido estreito canal de águas abertas.

Continua na Parte V

Partes anteriores em:
  1. http://thoth3126.com.br/the-smoky-god
  2. http://thoth3126.com.br/agharta-2-a-historia-de-olaf-jansen/
  3. http://thoth3126.com.br/agharta-3-alem-do-vento-norte/
Saiba mais sobre AGHARTA em:
  1. http://thoth3126.com.br/agharta-o-mundo-intra-terreno-em-nosso-planeta/
  2. http://thoth3126.com.br/brasilia-jk-akhenaton-eo-egito/
  3. http://thoth3126.com.br/geometria-sagrada-a-flor-da-vida-e-a-linguagem-da-luz/
  4. http://thoth3126.com.br/aghartha-e-area-51-um-visitante-na-terra-interior/
  5. http://thoth3126.com.br/a-conexao-terramaldekmarte-em-gize-cydonia-e-teotihuacanmirador/
  6. http://thoth3126.com.br/vietnam-gigantesca-caverna-descoberta/
  7. http://thoth3126.com.br/grand-canyon-misterios-de-uma-imensa-caverna-revelados/
  8. http://thoth3126.com.br/pedra-da-gavea-uma-esfinge-no-brasil/
  9. http://thoth3126.com.br/aghartha-e-area-51-um-visitante-na-terra-interior/
  10. http://thoth3126.com.br/aghartatelos-uma-cidade-subterranea-sob-o-monte-shasta/
  11. http://thoth3126.com.br/aghartha-o-reino-da-terra-interior/
  12. http://thoth3126.com.br/agharta-e-o-almirante-richard-e-byrd/
  13. http://thoth3126.com.br/o-reino-de-agharta-visto-pela-federacao-galactica/
  14. http://thoth3126.com.br/monte-shasta-outra-visita-a-terra-interior-parte-3-final/


Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.


www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

12Share on Facebook (Opens in new window)12
1Click to share on Twitter (Opens in new window)1
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

Posted by Thoth3126 on 15/06/2015

Agradecimentos a URL: http://wp.me/p2Fgqo-7JV



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Willis+George+Emerson

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







Alho e os seus benefícios para a saúde ~ Natural Blaze

Dez surpreendentes benefícios à saúde ao se consumir alho



 


O Alho é bem conhecido como um remédio natural para se manter a saúde e que ao longo da história humana tem sido muito utilizado por todas as culturas para o tratamento de várias doenças. É extremamente fácil de se obter o alho na maioria dos países e podem ser preparados ou consumidos frescos…

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Quarta-feira, 24 de abril de 2013 – By Natural Blaze

http://www.naturalblaze.com

… Ele pode ser facilmente incluído na sua alimentação ou pode ser consumido por conta própria. Você não precisa se limitar ao alho fresco também. Alho em pó ou flocos de alho secos são tão eficazes e super fácil de se manter no armário para o consumo diário. Recomenda-se que adultos consumam mais de um cravo de duas ou três vezes por dia e que as crianças com um quarto à metade de um dente, uma ou duas vezes por dia.



Como você vai ver na lista abaixo, alem de ser um saboroso tempero universal de quase todos os pratos cozidos, o alho tem algumas habilidades incríveis para ajudar na saúde em nossas vidas diárias.

Quando usado para fins medicinais, o alho pode ajudar a tratar uma ampla variedade de doenças, bem como fazer o seu jantar ter um gosto incrível .

Se você está interessado em saber como o alho pode ser usado para ajudar na sua saúde, sente-se e leia os nossos 10 benefícios surpreendentes do consumo do alho para nossa saúde! 

O alho tem sido usado para ajudar os bebês a ganhar peso enquanto estão no útero. Da próxima vez que você tiver um bebê se preparare para ter bafo de alho. Exceto se você tem um histórico de bebês grandes, caso em que talvez você queira pular as doses extras?

O alho fortalece o sistema imunológico, bem como ajuda a combater infecções no peito, tosse e congestão. Nos meses de inverno o alho é um ótimo alimento para reforçar o seu sistema imunológico e evitar gripes e resfriados. Um remédio popular antigo é comer um dente de alho que foi mergulhado em mel no primeiro sinal de um resfriado. Por que não experimentá-lo e ver se ele funciona para você?

O alho contém altos níveis de iodo o que o torna um produto muito eficaz no tratamento para as condições de hipertireoidismo. O tratamento com alho mostrou melhorar significativamente esta condição.

O escorbuto é tratado pela vitamina C e o alho contém bons níveis de vitamina C também.

O Folclore popular diz que o alho é bom para mais do que assustar vampiros famintos e mantê-los longe! A impotência tem sido tratada com alho, e o tratamento continua em muitas comunidades até hoje. Por que não tentar tratar-se com alho por vários meses antes de ir ao médico para que receite Viagra?

A doença cardiovascular pode ser reduzida por meio da ingestão de alho. O colesterol LDL não é amigo de alho e os depósitos de placas na aorta que se reúnem nas paredes das veias do seu corpo pode ser reduzido com o uso de alho também. Estudos têm demonstrado os benefícios surpreendentes de se ingerir alho em relação à doença cardíaca. 


 
Infecções vaginais fúngicas e bacterianas são eliminadas quando tratadas com alho! Quando esmagado ou moído, o alho libera alicina que é um composto sulfúrico, que é um antibiótico natural. Os soldados durante a I Guerra Mundial, usavam alho esmagado em feridas infectadas sofridas nas batalhas. Se você decidir tomar o alho em forma de comprimido não se esqueça de usar cápsulas de pó. Os processos usados para criar comprimidos de alho destroem a alicina que está presente.

O Alho é uma grande fonte de vitamina B6, a qual é necessária para se ter um sistema imunológico saudável e para o crescimento eficiente de novas células. A vitamina B6 também pode ajudar com o humor e melhorar a sua disposição e alegria!

Alho pode ajudar na prevenção de vários tipos de câncer. O câncer de bexiga, câncer de próstata, câncer de mama, câncer de cólon e câncer de estômago têm sido demonstrado que têm seus tumores reduzidos quando tratados com alho. A vitamina B6 se diz ter habilidades de combate ao câncer.

Alho regula o açúcar no sangue, uma vez que aumenta o nível de insulina no sangue. Isto pode ajudar no controle da diabetes. Consultar um médico se você acredita que o uso de alho pode ajudar na sua condição.



Uma palavra de advertência sobre consumir muito alho, em grandes doses, o alho pode ser prejudicial para a sua saúde e você nunca deve tomar mais do que a dose recomendada. Também estar ciente de que as propriedades do alho realmente entrar em sua corrente sanguínea e é por isso que ele é tão eficaz de muitas maneiras. O que isto significa, no entanto, é que quando você suar, o alho vai deixar o seu corpo através de seus poros. Muitas pessoas que comem mais do que a quantidade normal de alho aumentaram o odor corporal.

Considere também outra área de sua saúde quando você optar por consumir mais alho do que seus amigos e familiares. Se você é o único a tomar doses crescentes de alho, também mastigue de um a três raminho de salsa após cada dose de alho, isso é recomendado para combater o agradável aroma de alho em seu hálito! Aqueles ao redor de você vão agradecer por isso!

Saiba mais sobre SAÚDE em:
  1. http://thoth3126.com.br/cinco-alimentos-verdes-com-poder-de-cura-excepcional/
  2. http://thoth3126.com.br/diet-coke-zero-e-mortal/
  3. http://thoth3126.com.br/mais-circo-aumento-no-consumo-de-drogas-sinteticas-e-sem-precendentes-diz-onu/
  4. http://thoth3126.com.br/gengibre-previne-o-cancro/
  5. http://thoth3126.com.br/brasil-o-acai-aparece-para-aliviar-a-aterosclerose/
  6. http://thoth3126.com.br/acerola-uma-fruta-muito-saudavel/
  7. http://thoth3126.com.br/stevia-adocante-natural-e-saudavel-do-brasil/
  8. http://thoth3126.com.br/batons-contaminam/
  9. http://thoth3126.com.br/meditacao-pratica-ganha-aval-da-ciencia/



Permitida a reprodução desde que mantido o formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

343Share on Facebook (Opens in new window)343
9Click to share on Twitter (Opens in new window)9
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

Posted by Thoth3126 on 15/06/2015

Agradecimentos a URL: http://wp.me/p2Fgqo-2T0



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Natural Blaze


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







O Amor por Krishnamurti

O Amor 

Por J. Krishnamurti





“O ser humano vivência a si mesmo, seus pensamentos como algo separado do resto do universo numa espécie de ilusão de ótica de sua própria consciência. E essa ilusão é uma espécie de prisão que nos restringe a nossos desejos pessoais, conceitos e ao afeto por pessoas mais próximas. Nossa principal tarefa é a de nos livrarmos dessa prisão, ampliando o nosso círculo de compaixão, para que ele abranja todos os seres vivos e toda a natureza (e o universo) em sua beleza. Ninguém conseguirá alcançar completamente esse objetivo, mas lutar pela sua realização já é por si só parte de nossa liberação e o alicerce de nossa segurança interior.” Albert Einstein


O AMOR

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Fonte: O livro de Krishnamurti:“Liberte-se do Passado” - Editora Cultrix – Páginas 71 a 78:


Jiddu Krishnamurti (Madanapalle, Índia. em 11 de maio de 1895 – Ojai, 17 de fevereiro de 1986) foi um filósofo, escritor, e educador indiano. Entre seus temas estão incluídos revolução psicológica, meditação, conhecimento, liberdade, relações humanas, a natureza da mente, a origem do pensamento e a realização de mudanças positivas na sociedade global.

Constantemente ressaltou a necessidade de uma revolução na psique de cada ser humano e enfatizou que tal revolução não poderia ser levada a cabo por nenhuma entidade externa seja religiosa, política ou social. Uma revolução que só poderia ocorrer através do autoconhecimento e da prática correta da meditação para o homem/mulher libertos de toda e qualquer forma de autoridade.)

J. Krishnamurti: A necessidade de segurança nas relações gera inevitavelmente o sofrimento e o medo. Essa busca de segurança atrai a insegurança. Já encontrastes alguma vez segurança em alguma de vossas relações? Já? A maioria de nós quer a segurança no amar e no ser amado, mas existirá amor quando cada um está a buscar a própria segurança, seu caminho próprio? Nós não somos amados porque não sabemos amar. O que é o amor? Esta palavra está tão carregada e corrompida, que quase não tenho vontade de empregá-la. Todo o mundo fala de amor – toda revista e jornal e todo missionário religioso discorre interminavelmente sobre o amor.

Amo a minha pátria, amo o meu rei, amo um certo livro, amo aquela montanha, amo o prazer, amo minha esposa, amo a Deus. O amor é uma idéia? Se é, pode então ser cultivado, nutrido, conservado com carinho, moldado, torcido de todas as maneiras possíveis. Quando dizeis que amais a Deus, que significa isso? Significa que amais uma projeção de vossa própria imaginação, uma projeção de vós mesmos, revestida de certas formas de respeitabilidade, conforme o que pensais ser nobre e sagrado; o dizer “Amo a Deus” é puro contra-senso. Quando adorais a Deus, estais adorando a vós mesmos; e isso não é amor.

Incapazes, que somos, de compreender essa coisa humana chamada amor, fugimos para abstrações. O amor pode ser a solução final de todas as dificuldades, problemas e aflições humanas. Assim, como iremos descobrir o que é o amor? Pela simples definição? A Igreja o tem definido de uma maneira, a sociedade de outra, e há também desvios e perversões de toda espécie. A adoração de uma certa pessoa, o amor carnal, a troca de emoções, o companheirismo – será isso o que se entende por amor? Essa foi sempre a norma, o padrão, que se tornou tão pessoal, sensual, limitado, que as religiões declararam que o amor é muito mais do que isso. Naquilo que denominam “amor humano”, vêem elas que existe prazer, competição, ciúme, desejo de possuir, de conservar, de controlar, de influir no pensar de outrem e, sabendo da complexidade dessas coisas, dizem as religiões que deve haver outra espécie de amor – divino, belo, imaculado, incorruptível.

Em todo o mundo, certos homens chamados “santos” sempre sustentaram que olhar para uma mulher é pecaminoso; dizem que não podemos aproximar-nos de Deus se nos entregamos ao sexo e, por conseguinte, o negam, embora eles próprios se vejam devorados por ele. Mas, negando o sexo, esses homens arrancam os próprios olhos, decepam a própria língua, uma vez que estão negando toda a beleza da Terra. Deixaram famintos os seus corações e a sua mente; são entes humanos “desidratados”; baniram a beleza, porque a beleza está ligada à mulher. Pode o amor ser dividido em sagrado e profano, humano e divino, ou só há amor? O amor é para um só e não para muitos? Se digo “Amo-te”, isso exclui o amor a outro? O amor é pessoal ou impessoal? Moral ou imoral? Familial ou não familial? Se amais a humanidade, podeis amar o indivíduo? O amor é sentimento? Emoção?



O amor é prazer e desejo? Todas essas perguntas indicam – não é verdade? – que temos idéias a respeito do amor, ideias sobre o que ele deve ou não deve ser, um padrão, um código criado pela cultura em que vivemos. Assim, para examinarmos a questão do amor – o que é o amor – devemos primeiramente libertar-nos das incrustações dos séculos, lançar fora todos os ideais e ideologias sobre o que ele deve ou não deve ser. Dividir qualquer coisa em o que deveria ser e o que é, é a maneira mais ilusória de enfrentar a vida.
Ora, como iremos saber o que é essa chama que denominamos amor – não a maneira de expressá-lo a outrem, porém o que ele próprio significa? Em primeiro lugar, rejeitarei tudo o que a Igreja, a sociedade, meus pais e amigos, todas as pessoas e todos os livros disseram a seu respeito, porque desejo descobrir por mim mesmo o que ele é. Eis um problema imenso, que interessa a toda a humanidade; há milhares de maneiras de defini-lo e eu próprio me vejo todo enredado neste ou naquele padrão, conforme a coisa que, no momento, me dá gosto ou prazer. Por conseguinte, para compreender o amor, não devo em primeiro lugar libertar-me de minhas inclinações e preconceitos? Vejo-me confuso, dilacerado pelos meus próprios desejos e, assim, digo entre mim: “Primeiro, dissipa a tua confusão. Talvez tenhas possibilidade de descobrir o que é o amor através do que ele não é”.

O governo ordena: “Vai e mata, por amor à pátria!” Isso é amor? A religião preceitua: “Abandona o sexo, pelo amor de Deus”. Isso é amor? O amor é desejo? Não digais que não. Para a maioria de nós, é; desejo acompanhado de prazer, prazer derivado dos sentidos, pelo apego e o preenchimento sexual. Não sou contrário ao sexo, mas vedes no que ele implica. O que o sexo vos dá momentaneamente é o total abandono de vós mesmo, mas, depois, voltais à vossa agitação; por conseguinte, desejais a constante repetição desse estado livre de preocupação, de problema, do “eu”. Dizeis que amais vossa esposa. Nesse amor está implicado o prazer sexual, o prazer de terdes uma pessoa em casa para cuidar dos filhos e cozinhar. Dependeis dela; ela vos deu o seu corpo, suas emoções, seus incentivos, um certo sentimento de segurança e bem–estar. Um dia, ela vos abandona; aborrece-se ou foge com outro homem, e eis destruído todo o vosso equilíbrio emocional; essa perturbação, de que não gostais, chama-se ciúme.

Nele existe sofrimento, ansiedade, ódio e violência. Por conseguinte, o que realmente estais dizendo é: “Enquanto me pertences, eu te amo; mas, tão logo deixes de pertencer-me, começo a odiar-te. Enquanto posso contar contigo para satisfação de minhas necessidades sociais e outras, amo-te, mas, tão logo deixes de atender a minhas necessidades, não gosto mais de ti”. Há, pois, antagonismo entre ambos, há separação, e quando vos sentis separados um do outro, não há amor. Mas, se puderdes viver com vossa esposa sem que o pensamento crie todos esses estados contraditórios, essas intermináveis contendas dentro de vós mesmo, talvez então – talvez – sabereis o que é o amor. Sereis então completamente livre, e ela também; ao passo que, se dela dependeis para os vossos prazeres, sois seu escravo. Portanto, quando uma pessoa ama, deve haver liberdade – a pessoa deve estar livre, não só da outra, mas também de si própria.

No estado de pertencer a outro, de ser psicologicamente nutrido por outro, de outro depender – em tudo isso existe sempre, necessariamente, a ansiedade, o medo, o ciúme, a culpa, e enquanto existe medo, não existe amor. A mente que se acha nas garras do sofrimento jamais conhecerá o amor; o sentimentalismo e a emotividade nada, absolutamente nada, têm que ver com o amor. Por conseguinte, o amor nada tem em comum com o prazer e o desejo.

O amor não é produto do pensamento, que é o passado. O pensamento não pode de modo nenhum cultivar o amor. O amor não se deixa cercar e enredar pelo ciúme; porque o ciúme vem do passado. O amor é sempre o presente ativo. Não é “amarei” ou “amei”. Se conheceis o amor, não seguireis ninguém. O amor não obedece. Quando se ama, não há respeito nem desrespeito. Não sabeis o que significa amar realmente alguém – amar sem ódio, sem ciúme, sem raiva, sem procurar interferir no que o outro faz ou pensa, sem condenar, sem comparar – não sabeis o que isso significa? Quando há amor, há comparação? Quando amais alguém de todo o coração, com toda a vossa mente, todo o vosso corpo, todo o vosso ser, existe comparação? Quando vos abandonais completamente a esse amor, não existe “o outro”.

O amor tem responsabilidades e deveres, e emprega tais palavras? Quando fazeis alguma coisa por dever, há nisso amor? No dever não há amor. A estrutura do dever, na qual o ente humano se vê aprisionado, o está destruindo. Enquanto sois obrigado a fazer uma coisa, porque é vosso dever fazê-la, não amais a coisa que estais fazendo. Quando há amor, não há dever nem responsabilidade. A maioria dos pais, infelizmente, pensa que são responsáveis por seus filhos, e seu senso de responsabilidade toma a forma de preceituar-lhes o que devem fazer e o que não devem fazer, o que devem ser e o que não devem ser.

Querem que os filhos conquistem uma posição segura na sociedade. Aquilo a que chamam responsabilidade faz parte daquela respeitabilidade que eles cultivam; e a mim me parece que, onde há respeitabilidade, não existe ordem; só lhes interessa o tornar-se um perfeito burguês. Preparando os filhos para se adaptarem à sociedade, estão perpetuando a guerra, o conflito e a brutalidade. Pode-se chamar a isso zelo e amor?

Zelar, com efeito, é cuidar como se cuida de uma árvore ou de uma planta, regando-a, estudando as suas necessidades, escolhendo o solo mais adequado, tratá-la com carinho e ternura; mas, quando preparais os vossos filhos para se adaptarem à sociedade, os estais preparando para serem mortos. Se amásseis vossos filhos, não haveria guerras.

Quando perdeis alguém que amais, verteis lágrimas; essas lágrimas são por vós mesmo ou pelo morto? Estais pranteando a vós mesmo ou ao outro? Já chorastes por outrem? Já chorastes o vosso filho, morto no campo de batalha? Chorastes, decerto, mas essas lágrimas foram produto da autocompaixão ou chorastes porque um ente humano foi morto? Se chorais por autocompaixão, vossas lágrimas nada significam, porque estais interessado em vós mesmo. Se chorais porque vos foi arrebatada uma pessoa em quem “depositastes” muita afeição, não se trata de uma afeição real. Se chorais a morte de vosso irmão, chorai por ele! É muito fácil chorardes por vós mesmo porque ele partiu. Aparentemente, chorais porque vosso coração foi atingido, mas não foi atingido por causa dele; foi atingido pela autocompaixão, e a autocompaixão vos endurece, vos fecha, vos torna embotado e estúpido.

Quando chorais por vós mesmo, será isso amor? – chorar porque ficastes sozinhos, porque perdestes o vosso poder ; queixar-vos de vossa triste sina, de vosso ambiente – sempre vós a verter lágrimas. Se compreenderdes esse fato, e isso significa pôr-vos em contato com ele tão diretamente como quando tocais uma árvore ou uma coluna ou uma mão, vereis então que o sofrimento é produto do “eu”, o sofrimento é criado pelo pensamento, o sofrimento é produto do tempo. Há três anos eu tinha meu irmão; hoje ele é morto e estou sozinho, desolado, não tenho mais a quem recorrer para ter conforto ou companhia, e isso me traz lágrimas aos olhos.



Podeis ver tudo isso acontecer dentro de vós mesmo, se o observardes. Podeis vê-lo de maneira plena, completa, num relance, sem precisardes do tempo analítico. Podeis ver num momento toda a estrutura e natureza dessa coisa desvaliosa e insignificante, chamada “eu” – minhas lágrimas, minha família, minha nação, minha crença, minha religião – toda essa fealdade está em vós. Quando a virdes com vosso coração, e não com vossa mente, quando a virdes do fundo de vosso coração, tereis então a chave que acabará com o sofrimento.

O sofrimento e o amor não podem coexistir, mas no mundo cristão idealizaram o sofrimento, crucificaram-no para o adorar, dando a entender que ninguém pode escapar ao sofrimento a não ser por aquela única porta; tal é a estrutura de uma sociedade religiosa, exploradora. Assim, ao perguntardes o que é o amor, podeis ter muito medo de ver a resposta. Ela pode significar uma completa reviravolta; poderá dissolver a família; podeis descobrir que não amais vossa esposa ou marido ou filhos (vós os amais?); podeis ter de demolir a casa que construístes; podeis nunca mais voltar ao templo.

Mas, se desejais continuar a descobrir, vereis que o medo, não é amor, a dependência não é amor, o ciúme não é amor, a posse e o domínio não são amor, responsabilidade e dever não são amor, autocompaixão não é amor, a agonia de não ser amado não é amor, que o amor não é o oposto do ódio, como também a humildade não é o oposto da vaidade. Destarte, se fordes capaz de eliminar tudo isso, não à força, porém lavando-o assim como a chuva fina lava a poeira de muitos dias depositada numa folha, então, talvez, encontrareis aquela flor peregrina que o homem sempre buscou sequiosamente.

Se não tendes amor – não em pequenas gotas, mas em abundância; se não estais transbordando de amor, o mundo irá ao desastre. Intelectualmente, sabeis que a unidade humana é a coisa essencial e que o amor constitui o único caminho para ela, mas quem pode ensinar-vos a amar? Poderá uma autoridade, um método, um sistema ensinar-vos a amar? Se alguém vo-lo ensina, isso não é amor. Podeis dizer: “Eu me exercitarei para o amor. Sentar-me-ei todos os dias para refletir sobre ele. Exercitar-me-ei para ser bondoso, delicado e me forçarei a ser atencioso com os outros”? – Achais que podeis disciplinar-vos para amar, que podeis exercer a vontade para amar? Quando exerceis a vontade e a disciplina para amar, o amor vos foge pela janela.

Pela prática de um certo método ou sistema de amar, podeis tornar-vos muito hábil, ou mais bondoso, ou entrar num estado de não violência, mas nada disso tem algo em comum com o amor. Neste mundo tão dividido e árido não há amor, porque o prazer e o desejo têm a máxima importância, e, todavia, sem amor, vossa vida diária é sem significação. Também, não podeis ter o amor se não tendes a beleza. A beleza não é uma certa coisa que vedes – não é uma bela árvore, um belo quadro, um belo edifício ou uma bela mulher; só há beleza quando o vosso coração e a vossa mente sabem o que é o amor.

Sem o amor e aquele percebimento da beleza, não há virtude, e sabeis muito bem que tudo o que fizerdes – melhorar a sociedade, alimentar os pobres – só criará mais malefício, porque, quando não há amor, só há fealdade e pobreza em vosso coração e vossa mente. Mas, quando há amor e beleza, tudo o que se faz é correto, tudo o que se faz é ordem. Se sabeis amar, podeis fazer o que desejardes, porque o amor resolverá todos os outros problemas.

Alcançamos, assim, este ponto: Poderá a mente encontrar o amor sem precisar de disciplina, de pensamento, de coerção, de nenhum livro, instrutor ou guia – encontrá-lo assim como se encontra um belo pôr-de-sol? Uma coisa me parece absolutamente necessária: a paixão sem motivo, a paixão não resultante de compromisso ou ajustamento, a paixão que não é lascívia. O homem que não sabe o que é paixão, jamais conhecerá o amor, porque o amor só pode existir quando a pessoa se desprende totalmente de si própria.


Anahata, o quarto chakra, o centro do coração e do AMOR.

A mente que busca não é uma mente apaixonada, e não buscar o amor é a única maneira de encontrá-lo; encontrá-lo inesperadamente e não como resultado de qualquer esforço ou experiência. Esse amor, como vereis, não é do tempo; ele é tanto pessoal como impessoal, tanto um só como multidão. Como uma flor perfumosa, podeis aspirar-lhe o perfume, ou passar por ele sem o notardes. Aquela flor é para todos e para aquele que se curva para aspirá-la profundamente e olhá-la com deleite. Quer estejamos muito perto, no jardim, quer muito longe, isso é indiferente à flor, porque ela está cheia de seu perfume e pronta a reparti-lo com todos.

O amor é uma coisa nova, fresca, viva. Não tem ontem nem amanhã. Está além da confusão do pensamento. Só a mente inocente sabe o que é o amor, e a mente inocente pode viver no mundo não inocente. Só é possível encontrá-la, essa coisa maravilhosa que o homem sempre buscou sequiosamente por meio de sacrifícios, de adoração, das relações, do sexo, de toda espécie de prazer e de dor, só é possível encontrá-la quando o pensamento, alcançando a compreensão de si próprio, term ina naturalmente. O amor não conhece oposto, não conhece conflito.

Podeis perguntar: “Se encontro esse amor, que será de minha mulher, de minha família? Eles precisam de segurança”. Fazendo essa pergunta, mostrais que nunca estivestes fora do campo do pensamento, fora do campo da consciência. Quando tiverdes alguma vez estado fora desse campo, nunca fareis uma tal pergunta, porque sabereis o que é o amor em que não há pensamento e, por conseguinte, não há o tempo. Podeis ler tudo isto hipnotizado e encantado, mas ultrapassar realmente o pensamento e o tempo – o que significa transcender o sofrimento – é estar cônscio de uma dimensão diferente, chamada “amor”.

Mas, não sabeis como chegar-vos a essa fonte maravilhosa e, assim, que fazeis? Quando não sabeis o que fazer, nada fazeis, não é verdade? Nada, absolutamente. Então, interiormente, estareis completamente em silêncio. Compreendereis o que isso significa? Significa que não estais buscando, nem desejando, nem perseguindo; não existe centro nenhum. Há, então, o amor.

Fonte: Krishnamurti; “Liberte-se do Passado” - Ed.Cultrix – Páginas 71 a 78


Permitida a reprodução desde que mencione as fontes e respeite a formatação.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

94Share on Facebook (Opens in new window)94
5Click to share on Twitter (Opens in new window)5
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)



Posted by Thoth3126 on 15/06/2015

Agradecimentos a URL: http://wp.me/p2Fgqo-Xk



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=J.+Krishnamurti

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







Pensamento do Dia, 15 de Junho de 2015



Pensamento do Dia, 15 de Junho de 2015

Sathya Sai Baba 



O egoísmo é a ilusão mais perigosa que deve ser explodida e destruída. Mesmo Arjuna teve egoísmo! 


Um dia, depois da batalha, quando Krishna trouxe a carruagem de volta ao acampamento, ele quis que, como todos os cocheiros, Krishna descesse primeiro! 


O Mestre deve descer mais tarde, após o cocheiro abrir a porta para ele, não é? 


Krishna recusou e insistiu que Arjuna descesse antes Dele próprio. 


Por fim, Krishna venceu. Arjuna desceu e, em seguida, assim que Krishna deixou seu assento e tocou o solo, o carro pegou fogo! 


Se Krishna tivesse apenas descido primeiro! O fato é que as várias flechas de fogo que tinham o poder de queimar o carro tinham atingido o alvo, mas, devido à presença de Krishna, seus poderes não podiam se manifestar. 


Vendo isso, Arjuna foi humilhado; seu egoísmo recebeu um choque rude. Ele percebeu que toda ação do Senhor estava repleta de significado. 


(Divino Discurso, 14 de janeiro de 1964)


Canal Youtube: Sai Love



MAIS PENSAMENTOS AQUI

Por favor, respeitem todos os créditos


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente em cada um de nós.
Atualização diária



PT: A Chama Violeta
EN: Violet Flame



Pensamento do Dia, 15 de Junho de 2015


Pensamento do Dia, 15 de Junho de 2015

Sathya Sai Baba 



O egoísmo é a ilusão mais perigosa que deve ser explodida e destruída. Mesmo Arjuna teve egoísmo! 
 
 
Um dia, depois da batalha, quando Krishna trouxe a carruagem de volta ao acampamento, ele quis que, como todos os cocheiros, Krishna descesse primeiro! 
 
 
O Mestre deve descer mais tarde, após o cocheiro abrir a porta para ele, não é? 
 
 
Krishna recusou e insistiu que Arjuna descesse antes Dele próprio. 
 
 
Por fim, Krishna venceu. Arjuna desceu e, em seguida, assim que Krishna deixou seu assento e tocou o solo, o carro pegou fogo! 
 
 
Se Krishna tivesse apenas descido primeiro! O fato é que as várias flechas de fogo que tinham o poder de queimar o carro tinham atingido o alvo, mas, devido à presença de Krishna, seus poderes não podiam se manifestar. 
 
 
Vendo isso, Arjuna foi humilhado; seu egoísmo recebeu um choque rude. Ele percebeu que toda ação do Senhor estava repleta de significado. 
 
 
(Divino Discurso, 14 de janeiro de 1964)
 

Canal Youtube: Sai Love



MAIS PENSAMENTOS AQUI

Por favor, respeitem todos os créditos


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente em cada um de nós.
Atualização diária

Explorar o vazio - É uma parte de você ~ Wes Annac

 
*Explorar o vazio ** É uma parte de você * *Por Wes Annac* Cultura da consciência Tradução: Maria Dantas Créditos: Sunwarrior.com
 
Devemos fugir do vazio, ou devemos ficar confortável com isso? É seguro dizer que a maioria das pessoas não quer se sentir vazia por dentro, mas e se esse vazio nos dá uma conexão com o espírito que nós não sabíamos que existia? E se nos esvaziando de todos os nossos medos conscientes e inconscientes, hábitos e desejos a nossa conexão se fortaleceria e a nossa consciência se tornaria mais fácil de se explorar? É fácil preencher o vazio interior que... mais »
 
 

A Alegria é o seu direito nato ~ Os Anjos via Ann


A Alegria é o seu direito nato MENSAGEM DOS ANJOS com Ann Albers  14 de Junho de 2015. Tradução: Regina Drumond
 
Encontramos a alegria, como as flores, voltando-nos para o amor, assim como elas se voltam para a luz. A Alegria é o seu direito de progenitura, e a alegria pode ser encontrada no momento, quando você aceita que o que está a sua frente, aqui e agora, é exatamente o que a sua alma precisa neste momento para aprender mais sobre o amor! Este é um conceito difícil para muitos. E se você tivesse problemas financeiros? E se alguém ferisse os seus sentimentos? E sevocê estivesse e... mais »
 
 

MUDANÇAS POSITIVAS ANTES DO SOLSTÍCIO, E PÓS WESAK ~ Selácia

 
NAVEGUE NAS MUDANÇAS POSITIVAS DA MUDANÇA ANTES DO SOLSTÍCIO - PREPARAÇÕES DA ENERGIA: LUA NOVA, SOLSTÍCIO E PÓS WESAK Mensagem de Selácia 14 de Junho de 2015. Tradução: Regina Drumond
 
Uma energia nova e mais leve está chegando nesta semana através do Solstício. Aproveite isto, plantando algumas novas sementes, em conjunto com a lua nova, na Terça-Feira. Contemple as mudanças específicas que você quer ver se manifestando nas próximas semanas. As energias apóiam agora novas abordagens, novas idéias e avanços inéditos. Você deve estar presente, atento e conectado ao coração para a... mais »
 
 

O derrubando ~ Criador via Jennifer

 
O derrubando Os Escritos do Criador Transcrito por Jennifer Farley 14 de junho de 2015 [image: tearing_down_walls-1280x800]
 
Você deve experimentar um 'derrubar' antes de qualquer 'expansão' pode ocorrer. A demolição de energia obsoleto ou sistemas de crenças ultrapassadas sempre abre caminho para algo novo e melhor. Criador
 
Tradução: achama.biz.ly de: http://rayviolet.blogspot.com/2015/06/a-tearing-down-creator-via-jennifer.html Agradecimentos: URL: http://wp.me/p3fIGI-Mg -- *Por favor, respeitem todos os créditos* *Arquivos deste escritor em portu... mais »
 
 
 

Os Maias e sua visão do mundo

 
Os Maias e sua visão do mundo OS MAIAS
 
Os Maias deixaram para nós, os habitantes do planeta Terra dos DIAS ATUAIS, uma mensagem escrita em pedra que contém 7 profecias. Uma parte é de alerta e a outra é de esperança. A mensagem de alerta profetiza o que pode acontecer nesses tempos em que vivemos. A de esperança fala sobre as mudanças que devemos efetuar para impulsionarmos a humanidade para uma nova era, a era do equilíbrio com o feminino sagrado, a Grande Mãe, a era das mães e dos pais preocupados com a natureza, da sensibilidade, da intuição, do respeito pela criação como um ... mais »
 
 

ARCANJO GABRIEL, 13 DE JUNHO DE 2015 ~ Shelley Young

 
MENSAGEM DIÁRIA DO ARCANJO GABRIEL Canalizado por *Shelley Young* Tradução: Blog SINTESE
 
Seus sistemas de crença antigos são tão limitantes! Quando vocês acreditam que as coisas são tão pretas ou tão brancas, vocês perdem as inúmeras possibilidades intermediárias. Por exemplo, vocês consideram trabalhar durante a semana e aproveitar a vida no fim de semana. Por que é que vocês aceitariam um modelo assim? Por que aceitariam apenas ter o potencial para o prazer dois dias de toda uma semana? Por que não pararem e assumirem uma perspectiva de observação do que vocês têm aceitado pa... mais »
 
 

AJUDAR AQUELES QUE PRECISAM – PARTE 2 ~ O Conselho via William

 
AJUDAR AQUELES QUE PRECISAM PARTE 2 *William LePar e O Conselho* Postado em 12 de junho de 2015 Tradução: SINTESE
 
*Interlocutor: *Em alguns países distantes parece que a pobreza é tão generalizada que até isso não seria possível. *O Conselho: *Verdade, como as coisas estão agora. Mas você pode imaginar que aqueles países que não são tão abençoados fossem cuidar de si mesmos e então se unissem para cuidar daqueles que precisam de muito mais ajuda? Você entende? *Interlocutor: *Tudo bem. *O Conselho: *Há um conhecimento e há uma condição que existe pela natureza humana, pela natureza do... mais »
 
 

AJUDAR AQUELES QUE PRECISAM – PARTE 1 ~ O Conselho via William

 
AJUDAR AQUELES QUE PRECISAM PARTE 1 *William LePar e O Conselho* Postado em 27 de maio de 2015 Tradução: SINTESE
 
*Este texto começa uma série de quatro partes sobre como deveríamos dedicar esforços para ajudar aqueles que precisam e por que tais condições existem.* *Interlocutor: *No mundo de hoje com a comunicação como está, nós estamos cientes de literalmente milhões e milhões de pessoas em necessidade e é difícil saber em que ponto nós entramos porque nossos próprios recursos não estão nem perto do que precisaria para ajudar todas elas. *O Conselho: *Se um indivíduo verdadeiramente... mais »
 
 

A Revelação Templária – 3B – No Rastro de Madalena ~ Lynn Picknett e Clive Prince

 
A Revelação Templária Capítulo 03 B NO RASTRO DE MARIA MADALENA
 
“Daquela que desejo libertar, chegam até mim os aromas do perfume que impregna o sepulcro. Antigamente alguns invocavam-na, ÍSIS, rainha das fontes benéficas. “VINDE A MIM TODOS OS QUE SOFREM E ESTÃO OPRIMIDOS E EU VOS CONFORTAREI“. Outros: Madalena, do famoso vaso de unguento balsâmico. Os iniciados sabem o seu verdadeiro nome: NOTRE DAME DES CROSS“. Se Madalena fosse realmente a amante ou a esposa de Jesus, a sua enigmática posição no Novo Testamento estaria explicada. Ela parece importante, mas a razão da su... mais »
 
 

Histórias de Maldek – Serbatin de GEE – Parte I ~ Wesley H. Bateman

 
Histórias de Maldek, da Terra e do Sistema Solar. SERBATIN de GEE Parte I
 
“Os Mundos são como grãos de areia na ampulheta que mede o tempo cósmico, e a Terra vai ser a última a se estabelecer nesse relógio de areia antes que ele seja reiniciado novamente pelo Criador de tudo o que é. Então os nossos espíritos vão novamente ser vivificados e brilharão com as maravilhas do propósito divino que nós nunca soubemos haver existido.” Eu Sou Ther-Mochater do planeta Parcra Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com *Histórias de Maldek, da Terra e do Sistema Solar, traduzido ... mais »


PT: A Chama Violeta
EN: Violet Flame
 
 
 
 

Explorar o vazio - É uma parte de você ~ Wes Annac

Explorar o vazio 

 É uma partede você

Por Wes Annac

Cultura daconsciência 

Tradução: Maria Dantas


  

Créditos: Sunwarrior.com

 
Devemosfugir do vazio, ou devemos ficar confortável com isso? É seguro dizer que amaioria das pessoas não quer se sentir vazia por dentro, mas e se esse vazio nosdá uma conexão com o espírito que nós não sabíamos que existia?

E se nosesvaziando de todos os nossos medos conscientes e inconscientes, hábitos edesejos  a nossa conexão se fortaleceria e a nossa consciência se tornaria mais fácilde se explorar? É fácil preencher o vazio interior que tantas pessoas tentamesconder, mas, e se o preenchendo nos distanciaria ainda mais do Eu (Self)?

O caminhopara a iluminação é iluminado com milhares de pequenas luzes internas quandoabrimos a mente e explorarmos nosso verdadeiro Eu, e nós só precisamos nosabrir e nos esvaziar a fim de vislumbrar a realidade maior um pouco além dohorizonte.

Nós sóprecisamos abrir mão de todas as coisas terrenas externas a fim de encontrar oque muitas pessoas têm procurado ao longo dos tempos, e  nos afastam da nossa consciência mais elevadaquando enchemos nossas cabeças com desejos e distrações.

Em vez de nosdistrairmos de nosso crescimento espiritual com qualquer coisa material queparece mais atraente, vamos entender que esta vida e tudo nela é impermanente.

Nossaconsciência mais profunda detém a única verdadeira permanência, e mudando nossaperspectiva sobre isso, por esvaziar os nossos pensamentos e emoçõesterrenas nos ajudará a entender que nós somos seres espirituais eternos. Então,podemos realmente começar a fazer progressos.

Krishnamurtinos diz que a maioria das pessoas tem medo do vazio, por isso elas são levadasa ficar em atividade em um esforço para encobri-lo.

"Éesse medo de ser nada que impulsiona o ser em atividade; mas isso não é nada,isso é um vazio."

Ele nos dizque a maioria das pessoas acumula experiências e emoções em um esforço para se distrairdo vazio que é uma parte inerente de sua consciência.

"Porque nós guardamos lisonja e insulto, mágoa e afeição? Sem esse acúmulo deexperiências e as suas respostas, nós não existimos; nós não somos nada se nãotivermos nome, nenhum apego ou nenhuma crença.

"É omedo de ser nada que nos compele a acumular; e é este mesmo medo, quer seja conscienteou inconsciente, que, apesar de nossas atividades acumulativas, nos leva a  nossa desintegração e destruição.

"Sepudermos estar consciente da verdade desse medo, então é a verdade que noslibertará dele, e não a nossa determinação proposital de ser livre."



Crédito: Pinterest.com

Ele nosdiz, não importa quem somos ou o que fazemos o nada é um aspecto permanente denosso ser.

"Vocêé nada. Você pode ter o seu nome e título, sua propriedade e conta bancária,você pode ter poder e ser famoso; mas apesar de todas estas salvaguardas, vocêé como o nada. Você pode estar totalmente inconsciente desse vazio, esse nada, ouvocê pode simplesmente não querer estar ciente disso; mas ele está lá, faça oque você desejar a fim de evitá-lo.

"Podetentar escapar dele em caminhos tortuosos, por meio da violência, individual oucoletiva, através da adoração individual ou coletiva, por meio de conhecimentoou diversões; quer você esteja dormindo ou acordado, ele está sempre lá.

Alguma vezvocê já quis  confinar a si mesmo no final de um dia longo ou estressante enão fazer nada? Pode haver uma razão para isso, e pode ser que nada é a nossaverdadeira natureza, quer a percebamos ou não.

Um monte depessoas, especialmente as pessoas espirituais que querem mudar o mundo, élevado à ação todos os dias, de uma forma ou de outra. Pelo que Krishnamurtinos disse até agora, parece que este chamado interior para a ação pode ser ummeio para evitar a nossa realidade interna silenciosa e calma, a qual se parececomo o nada no começo.

O nada éexatamente o que é, mas depois que exploramos um pouco, nós percebemos que este"nada" é na verdade uma existência superior vibrante. Após aexploração, o nada se acende com vibrações e sensações gloriosas meditativas, eem algum lugar ao longo do caminho, vamos perceber que nós voltamos para casa.

Ao exploraro nada, nós vamos ter nos re-conectado com a nossa consciência mais elevada eredescoberto algo que a maioria do mundo não iria entender ou aceitar. Isso nosobriga a desistir de nossa identidade terrena e 'morrer' para o Eu - Self, masse soubéssemos qual resultado seria, saberíamos que vale a pena o nosso tempo einação.

ComoKrishnamurti também nos diz, a dependência do exterior é causada por umanecessidade de preencher o vazio, que nunca pode ser preenchido.

"Adependência no mundo externo e forma, apenas indica o vazio do nosso próprioser, o qual nós preenchemos com a música, com a arte, com o silêncio intencional.É porque este invariável vazio é preenchido ou coberto com sensações que há otemor eterno do que é e do que nós somos".

A maioriade vocês sabe a minha opinião sobre a música e a arte, o que é, e que elas podemfornecer uma via de volta em nossa consciência mais elevada, assim como ameditação e outras ferramentas, mas isso não tira do fato de que algumaspessoas as usam como uma distração.

Algumaspessoas usam qualquer coisa externa que podem a fim de preencher seu vazio impreenchível,mas como Sri Chinmoy disse, podemos abraçar a música e a arte com umaperspectiva mais elevada. Podemos criar música que contém o silêncio em oposiçãoà música que o enche, e ao fazer isso, podemos elevar a nós mesmos e aosoutros.

Mas paraalgumas pessoas, a música e a arte são apenas formas de distração que osimpedem de explorar sua consciência. Todos estão em seu próprio caminho e todosnós temos de fazer as coisas funcionarem para nós e ficarmos longe de coisas que nãofuncionam, e pessoalmente, música e arte têm me ajudado muito ao longo docaminho.


Crédito: Pinterest.com

Com todasas coisas que distraem que estão lá fora, permanecer fiéis a nós mesmos e onosso caminho vai nos ajudar a explorar nosso vazio em vez de tentar fugir deleou encobri-lo. Geralmente, a vida se tornará mais harmoniosa quando pudermosaceitar e viver com nosso eterno vazio.

Na verdade,nós vamos encontrar todas as emoções que jamais poderíamos esperar, explorandonossa consciência, e o fato irônico é que nos obriga a nos tornarmoscompletamente imóvel e confortável em fazendo e sendo o nada.

A vida nãoé nada como nós pensamos ou esperamos, e nós vamos perceber que à medida quecontinuamos a viajar ao longo do caminho, aprendemos coisas surpreendentessobre nós mesmos, a nossa realidade e os reinos além.

O primeiropasso é  se sentir confortável sendonada, que é a nossa verdadeira natureza, e o próximo passo é explorar esse nadae assistir com admiração como ele nos deslumbra com vibrações mais elevadas euma maior percepção.

Notas derodapé:
J. Krishnamurti,Comentários sobre o Viver. Primeira Série. Bombaim, etc.: B.I. Publicações, 1972;c1974, 54. Ibid., 92. Loc. cit. Ibid., 64-5.


Compartilharlivremente

Eu sou um escritor de  blog espiritual de 21 anos de idade e canal para a expressão criativa do universo interior, e, eu criei o site diário de noticias  A Cultura da Consciência.

A Cultura da Consciência apresenta notícias diárias espirituais e alternativas, artigos que eu escrevi, e muito mais. Sua finalidade é despertar e elevar fornecendo o material sobre a queda da elite planetária e um novo paradigma de unidade e de espiritualidade.

Eu já contribuiu para alguns sites espirituais diferentes, incluindo The Shift Máster, Waking Times, Golden Age of Gaia, Wake Up World e Expanded Consciousness. Eu também posso ser encontrado no Facebook (Wes AnnaC and The Culture of Awareness) e Twitter, e, eu escrevo um boletim informativo semanal remunerado que você pode se inscrever por 11,11 dólares por mês aqui.

Agradecimentos a: URL: http://wp.me/p1Fiwj-cbj



 Extrato dos ensinamentos de J. Krishnamurti:

A forma mais elevada de inteligência humana é dirigir a atenção desprovida de julgamento.Cquote2.svg
Cquote1.svgObservar não implica acúmulo de conhecimento, apesar de o conhecimento ser obviamente necessário em um certo nível: conhecimento como médico, conhecimento como cientista, conhecimento da história, de todas as coisas do passado. Afinal de contas, isso é o conhecimento: informação sobre as coisas do passado. Não há conhecimento do amanhã, apenas conjecturas sobre o que poderia acontecer amanhã, baseado no seu conhecimento do que já aconteceu. Uma mente que observa com conhecimento é incapaz de seguir rapidamente o fluxo do pensamento. É apenas pelo observar sem a tela do conhecimento que se começa a ver toda a estrutura do seu próprio pensar. E quando você observa - o que não é condenar ou aceitar, mas simplesmente observar - você descobrirá que o pensamento chega a um fim. Observar casualmente um pensamento ocasional não leva a lugar nenhum. Mas se você observa o processo do pensar e não se torna um observador separado do observado, você vê todo o movimento do pensamento sem aceitá-lo ou condená-lo, então essa própria observação põe um fim imediatamente no pensamento - e consequentemente a mente está compassiva; ela está num estado de constante mutação.Cquote2.svg
Cquote1.svgHá uma diferença entre concentração e atenção. Concentração é trazer toda sua energia para focá-la em um ponto determinado. Na atenção não existe um ponto de foco. Nós estamos familiarizados com um e não com o outro. Quando você presta atenção ao seu corpo, o corpo torna-se quieto, o qual tem sua própria disciplina. Ele está relaxado, mas não indolente e tem a energia da harmonia. Quando existe atenção, não há contradição e, portanto não há conflito. Quando você ler isto, preste atenção à maneira que você está sentado, à maneira que você está escutando, como você está recebendo o que a carta está dizendo a você, como você está reagindo ao que está sendo dito e porque você está achando difícil prestar atenção. Você não está aprendendo como prestar atenção. Se você estiver aprendendo o como prestar atenção, então isto se tornará um sistema, que é o que o cérebro está acostumado, e então você faz da atenção algo mecânico e repetitivo, ao passo que a atenção não é mecânica ou repetitiva. É a maneira de olhar para sua vida inteira sem o centro do interesse próprio.Cquote2.svg
Cquote1.svgO problema por conseguinte, é este: para que o homem possa transformar-se radicalmente, fundamentalmente, torna-se necessária uma mutação nas próprias células cerebrais de sua mente. Dizem-nos que devemos mudar, que devemos agir, que devemos transformar nossa mente, nosso coração, tornar-nos uma coisa totalmente diferente. Isso vem sendo pregado há milhares de anos por homens muito sérios, muito ardorosos, e também por charlatães interessados em explorar o povo. Mas, agora, chegamos ao ponto em que não há mais tempo a perder. Compreendei isto por favor. Não dispomos de tempo para efetuar gradualmente tal transformação. Os intelectuais de todo o mundo estão reconhecendo que o homem se acha à beira de um abismo, na iminência de destruir a si próprio. Nem religiões, nem deuses, nem salvadores, nem mestres, nem as lengalengas dos gurus, poderão impedi-los. Dizem os intelectuais ser necessário inventar uma nova droga, uma 'pílula dourada' capaz de produzir uma completa transformação química; e os cientistas provavelmente descobrirão esta droga. Não sei se estais bem a par dessas coisas. Ora conquanto o organismo físico seja um produto bioquímico, pode uma droga, uma superdroga fazer-vos amar, tornar-vos bondosos, generosos, delicados, não violentos? Não o creio; nenhum preparado químico pode fazer os homens amarem-se uns aos outros. O amor não é um produto do pensamento; também não é cultivável, como a flor que cultivamos em nosso jardim. O amor não pode ser comprado numa drogaria, e o amor é a única coisa que poderá salvar o homem - e não os artifícios das religiões, nem seus ritos, nem todos os exércitos do mundo. Podemos fugir, assistindo a concertos, visitando museus, entregando-nos a divertimentos de toda ordem - debalde! - porque o homem se acha hoje em dia em presença de um tremendo problema: se tem a possibilidade de transformar-se radicalmente, de efetuar uma total mutação de sua consciência, não amanhã, nem daqui a alguns anos, mas agora! Eis o problema principal: se o homem, em qualquer país que viva, com todas as suas belezas naturais, é capaz de operar uma mutação radical em seu interior, imediatamente. E não podeis resolvê-lo com vossas crenças, vossas ideologias, vossos deuses, salvadores, sacerdotes e rituais. Essas coisas já não tem o menor significado.Cquote2.svg
Cquote1.svgPodemos ir longe, se começarmos de muito perto. Em geral começamos pelo mais distante, o "supremo princípio", "o maior ideal", e ficamos perdidos em algum sonho vago do pensamento imaginativo. Mas quando partimos de muito perto, do mais perto, que é nós, então o mundo inteiro está aberto — pois nós somos o mundo. Temos de começar pelo que é real, pelo que está a acontecer agora, e o agora é sem tempo.Cquote2.svg
Cquote1.svgMeditação é libertar a mente de toda desonestidade. O pensamento gera desonestidade. O pensamento, no seu esforço para ser honesto, é comparativo e, portanto, desonesto. (…) Meditação é o movimento dessa honestidade no silêncioCquote2.svg
Cquote1.svgEstou apenas a ser como um espelho da vossa vida, no qual podeis ver-vos como sois. Depois, podeis deitar fora o espelho; o espelho não é importante.Cquote2.svg
Cquote1.svg… Falamos da vida — e não de ideias, de teorias, de práticas ou de técnicas. Falamos para que olhe esta vida total, que é também a sua vida, para que lhe dê atenção. Isso significa que não pode desperdiçá-la. Tem pouquíssimo tempo para viver, talvez dez, talvez cinquenta anos. Não perca esse tempo. Olhe a sua vida, dê tudo para a compreender.


Agradecimentos a Maria Dantas mariadantas2@hotmail.com




Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=wes+annac


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







A Alegria é o seu direito nato ~ Os Anjos via Ann

A Alegria é o seu direito nato

MENSAGEM DOS ANJOS

com Ann Albers

14 de Junho de 2015. 

Tradução: Regina Drumond


Encontramos a alegria, como as flores, voltando-nos para o amor, assim como elas se voltam para a luz.
A Alegria é o seu direito de progenitura, e a alegria pode ser encontrada no momento, quando você aceita que o que está a sua frente, aqui e agora, é exatamente o que a sua alma precisa neste momento para aprender mais sobre o amor! Este é um conceito difícil para muitos. E se você tivesse problemas financeiros? E se alguém ferisse os seus sentimentos? E sevocê estivesse em um relacionamento infeliz, ou rodeado por uma família que não o compreende?
Nestas circunstâncias, é provável que a sua mente humana diga: “Eu não consigo ser alegre. A vida não é como eu desejo.” No entanto, ao mesmo tempo, a sua alma olha para estas circunstâncias, assim como uma criança olha para um quebra-cabeça. A alma diz para si mesma: “Estou preso no momento, mas se eu encontrar um meio para me voltar para o amor, então, eu aprenderei, crescerei na verdade maior, e criarei um movimento em minha vida! Se eu pudesse descobrir como trazer o amor a esta situação, então, seria muito divertido! Não posso esperar para encontrar a resposta!”
Compreendemos que isto parece estranho para a mente humana, que está programada para rotular, julgar, classificar e categorizar a vida. Mas, enquanto a mente diz: “Como é terrível”, o coração diz: “Oportunidade”.
Da próxima vez em que você se encontrar em circunstâncias indesejáveis, ore e pergunte: “Como posso trazer mais amor a este momento?” Digamos que você tem problemas financeiros. Talvez, você possa contar as suas bênçãos, olhar para tudo o que tem, expressar a fé na abundância e se ligar ao vasto reservatório de dons e talentos que você tem interiormente. Suponha que alguém foi indelicado. Talvez, você possa ser gentil com você, afastar-se e  “perdoar-lhes, pois eles não sabem o que fazem”, ou, pelo menos fazer uma determinação de se concentrar em algo mais prazeroso. Suponha que você está em um relacionamento conturbado, ou entre membros agressivos da família. Você pode, gentilmente, afastar-se de seus comportamentos desagradáveis ou, se estiver preso em sua presença, imaginar que os anjos trabalham em seu coração e lhe enviam uma luz invisível?
Há sempre maneiras de trazer mais amor à situação que parecerão maravilhosas para você também. Esta discussão se trata de amar a si mesmo, querido – permitindo-se sentir o amor fluindo para você, em você e através de você.
Quando você compreende que é um instrumento para a luz, o amor e a verdade de Deus, a vida pode se tornar um jogo divertido em que você busca resolver o enigma de: “Como posso trazer amor a esta situação – para mim, em primeiro lugar, e, em seguida, para os outros?”
Haverá momentos em que você será profundamente humano e isto é absolutamente bom. Permita-se sentir os seus sentimentos – mesmo isto é uma escolha amorosa. E se você abandonar o amor, volte ao jogo e se permita experienciar o amor que está sempre aí para você.
Deus o abençoe! Nós o amamos muito.
Os Anjos

Agradecimentos a Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Ann+Albers


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







MUDANÇAS POSITIVAS ANTES DO SOLSTÍCIO, E PÓS WESAK ~ Selácia

NAVEGUE NAS MUDANÇAS POSITIVAS DA MUDANÇA ANTES DO SOLSTÍCIO

PREPARAÇÕES DA ENERGIA: 

LUA NOVA, SOLSTÍCIO E PÓS WESAK

Mensagem de Selácia

14 de Junho de 2015.

Tradução: Regina Drumond  

 
Uma energia nova e mais leve está chegando nesta semana através do Solstício. Aproveite isto, plantando algumas novas sementes, em conjunto com a lua nova, na Terça-Feira. Contemple as mudanças específicas que você quer ver se  manifestando nas próximas semanas. As energias apóiam agora novas abordagens, novas idéias e avanços inéditos. Você deve estar presente, atento e conectado ao coração para acessar e agir para melhores resultados.
As Luas Novas geralmente são como um portal para novos inícios. Esta, em particular, é ainda mais poderosa e a sua energia reverbera por duas semanas.

SOLSTÍCIO E PÓS WESAK

Tenha isto em sua mente durante toda esta semana que antecede o Solstício e as celebrações do Pós Wesak com os Mestres que estabelecem o padrão para a Iluminação na Terra. As energias benéficas destes seres são muito poderosas e palpáveis nestes momentos.
Entre em sintonia de forma consciente com eles e convide estas bênçãos para a sua vida.
Convide os milagres, também!
Palavras de ordem para a semana são: Atenção e Concentração no Coração. Se você se tornar consciente da raiva, do medo ou de outras reações emocionais negativas, é vital que você trabalhe com elas e mude o seu foco para o amor. Haverá energias desafiadoras, como geralmente temos, por causa destes tempos tumultuados. Faça o que pode, contudo, para não deixar que a negatividade envenene os seus pensamentos, ações e a plantação de novas sementes.
Nenhuma raiva ou decepção, independentemente da razão, vale a pena carregar nas atividades cheias de luz que você quer criar. Nenhuma destas coisas irá importar a longo prazo. A partir desta perspectiva da grande cena, você é um agente de mudanças divino, que é eterno, e um participante fundamental na mudança das escalas das trevas para a luz.
Você é esta luz que quer ver prevalecer. Mantenha este mantra em sua mente nestas próximas duas semanas.

COLOQUE O EXEMPLO PARA OS OUTROS

Agora, muitos ao seu redor são desafiados e, talvez, estejam confusos. Muitos podem ser inconscientemente influenciados pelo seu medo inconsciente, incapazes de perceber coisas que você compreende. Esteja atento a isto quando você encontrar os entes queridos, e até mesmo os estranhos. Ninguém está isento da turbulência do nosso mundo sendo transformado da idade das trevas.
Lembre-se de que estamos todos conectados – não somente energeticamente, quanto fisicamente, vivendo juntos neste pequeno planeta – mas compartilhamos histórias humanas comuns, através de nossas linhagens, vidas passadas e da consciência de massa.
Sua dor é a dor de todos. A dor dos outros é a sua dor. Da mesma forma, a sua alegria é a alegria de todos e você é influenciado pela alegria dos outros. Por que não escolher a alegria como o seu foco? Ela é contagiosa e uma cura para todos, incluindo você!
Quando coloca o exemplo para os outros – entra na alegria e faz o melhor ao agir a partir deste espaço – você se torna uma força ainda mais poderosa, transformando o nosso mundo novamente para o amor.

Agradecimentos a Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Selácia


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA