Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Cresça para si própio. ~ Criador via Jennifer Farley.

 

Cresça para si própio.

Os Escritos do Criador.
Transcrito por Jennifer Farley.

6 de fevereiro de 2016.

 



Durante este tempo de mudanças, haverá pessoas na sua vida que querem que você fique exatamente onde você está em relação a elas.

Qual a melhor forma de agir?

Com um sorriso e aceno de cabeça diga "tudo bem" e continue a crescer da maneira que está no seu melhor
e mais.

Criador.



Tradução d’achama.biz.ly de:  


 
Agradecimentos a URL: http://wp.me/p3fIGI-ZS
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português: 
 






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.




Atualização diária.

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.

achama.biz.ly 

Acredite em si mesmo! ~Os Anjos via Sharon Taphorn.

 

Conecte-se com a sua Fé Espiritual

 

ORIENTAÇÃO DOS ANJOS 

com Sharon Taphorn.

 

6 de Fevereiro de 2016.

 

Tradução: Regina Drumond.


Acredite em si mesmo!



Você esteve recebendo orientação e sinais dos seus anjos e respostas as suas preces para algo novo, e assim a orientação dos Anjos é que você se abra para a possibilidade de que mais está no horizonte. Faça a escolha que seja melhor para você, em vez de tentar agradar aos outros. Isto se refere a você e ao que faz o seu coração cantar, não ao que os outros pensam que seja melhor para você, ainda que as intenções deles possam estar vindo do espaço adequado. Eles não são você e não estão “em sua pele”. Este é um momento de grande despertar e as suas habilidades estão mudando a cada passo que você dá. Este é o início de uma nova era ou de um renascimento, como a borboleta que emerge do seu casulo.

Se você esteve se sentindo preso intelectual ou emocionalmente, é o momento de se libertar. Tome medidas positivas, tornando os seus sonhos uma realidade. A tomada de decisões pode, às vezes, ser difícil, mas a sua intuição irá guiá-lo para a perfeita escolha para você. Se lhe faltar clareza, peça aos seus anjos para lhe mostrar um sinal ou apenas ouça a sua própria orientação. Aprenda a se conectar e a confiar na voz tranqüila e sábia no centro do seu ser, pois isto é a sua conexão com Tudo O Que É. Tenha confiança em si mesmo e não permita que o passado ou os outros o impeçam de atingir os seus objetivos.

A Orientaçãodos Anjos para hoje é que se lembre de que você é uma bela centelha da Luz do Criador e não deixe que ninguém o diminua!

Toneladas de Amor,

Sharon e os Anjos.



Agradecimentos a Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português: 
 






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.




Atualização diária.

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.

achama.biz.ly 

VIVENDO O NOVO AGORA. ~Kara Schallock.


VIVENDO O NOVO AGORA.

Mensagem de Kara Schallock.

6 de Fevereiro de 2016.




Estamos definitivamente em um espaço completamente Novo (sei que continuo dizendo isto; continuamos evoluindo). Sei que você o sente. Fomos inundados com um evento solar após o outro e isto não irá parar, mas se intensificará a cada dia. Em 8 de Fevereiro, teremos uma Lua Nova, o que nos ajudará ainda mais a evoluirmos em nosso Novo Agora. E continuaremos a ter um alinhamento de cinco planetas por mais algumas semanas para fortalecermos ainda mais as energias. Temos certeza de que o estamos sentindo, não estamos? Se puderem se interiorizar para compreenderem como estão experienciando tudo isto, verão velhas crenças, padrões e outras velhas energias abrindo o seu caminho para serem manifestadas, a fim de criarem espaço para mais Amor e mais Luz. Ontem, eu tive uma experiência surpreendente com alguém em que o seu Corpo de Luz o envolveu. Seu Corpo de Luz se apresentou como uma bela bolha de Luz líquida. Foi surpreendente. Eu imagino que quando cada um se tornar mais puro, seu próprio Corpo de Luz fará algo semelhante. Lembre-se apenas que cada experiência é diferente e única para cada pessoa e poderá somente ocorrer quando uma pessoa estiver liberada das velhas energias e programas. Uma vez que esteja liberada disto, é importante não retornar a agir da antiga maneira. Tudo deve mudar, assim permaneça no Momento, pois é apenas no Momento do Agora que você descobrirá as suas próximas etapas no Novo Agora.


Você pode notar muitos fenômenos que não são dos sentidos da 3D. O Véu está também desaparecendo ou se tornando mais fino (dependendo de onde você esteja em sua Ascensão). O que você pode descrever como Milagres (realmente os assim chamados Milagres, estão se tornando comuns no Novo), ocorrem com bastante frequência. Eles podem aparecer como estranhas e belas luzes, ou de outras maneiras. Seja um observador, assim não se ligue ao fenômeno, pois, então, você tende a interromper o fluxo da corrente. Muitos estão recebendo Códigos de Luz das dimensões superiores, assim observe os símbolos em suas meditações ou sonhos. Nada há a fazer, mas observe, pois os Códigos de Luz sabem o que fazer e para onde ir.


Se experienciar outros fenômenos (muitos rotulam estes como “sintomas da ascensão”), apenas observe sem a velha necessidade da 3D de saber o que, por que, como, onde, quando ou quem é. Tudo é simplesmente uma parte da Nova Vida. Além disto, compreenda que embora muitos falem de uma Gaia da 5ª Dimensão, o que está limitando, somos multidimensionais, assim as dimensões na Terra são variadas e mudam constantemente. É um antigo desejo humano rotular e colocar as coisas em uma caixa linear. Estamos nos afastando de qualquer coisa da 3D e a Oportunidade de cada pessoa é se abrir, enquanto cada um dá um grande passo para mais Despertar.


Como um possível lembrete, nosso Chacra Pineal é o distribuidor dos Códigos de Luz, da Luz das dimensões superiores e de um grau mais elevado da energia eletromagnética. A partir da Pineal tudo isto flui para nós, indo para onde é necessário e especialmente, atualiza as nossas células, o DNA e os sistemas elétricos. Você não precisa controlá-lo; apenas a sua vontade de receber é o que é necessário. Enquanto o seu Chacra Pineal distribui esta Luz, você pode experienciar enxaquecas localizadas dentro e ao redor do seu terceiro olho (a Pineal e o 3º Olho não é a mesma coisa, a propósito) e a qualquer momento que recebermos Luz, tudo o que não for Amor irá se manifestar e é quando você poderá fazer algo: observe, libere e preencha com a Luz da Fonte. Quando medita, você cria um campo de Disposição, assim medite ou, pelo menos, concentre a sua atenção em seu Coração, na parte Superior do seu Coração ou no Chacra Pineal. Caso se sinta ansioso ou empolgado, compreenda que você está baixando a Luz das vibrações superiores.


Preste atenção ao que o seu corpo está sugerindo. Às vezes, ele o guiará para descansar ou dormir e em outros momentos, você ficará motivado para se movimentar. Se houver uma parte do seu corpo que está mantendo dor ou energia extra, pergunte o que esta área precisa e o faça. Afaste-se do drama e do caos, pois estas coisas bloqueiam a sua evolução. Pode haver muito disto, incluindo fofocas e reclamações, desde que muitos podem não compreender o que está ocorrendo e eles apenas vêem que as coisas os estão irritando. Eles tendem a responsabilizar tudo e a todos ao redor deles ( até ouvir a isto diminui a sua vibração). Resista ao impulso de informar, de salvar, corrigir ou resgatar, se perceber isto. Lembre-se de que todos têm uma escolha e são responsáveis pelas suas próprias escolhas. Se for convidado a compartilhar, isto é diferente, então, compartilhe a sua sabedoria livremente. Apenas não se intrometa, caso não seja convidado.


Liberamos e transformamos algumas crenças fundamentais. Crenças que nos ajudaram a ficarmos confortáveis no velho mundo. No entanto, não estamos no velho mundo agora. Fomos guiados a abrirmos mão de grandes coisas; coisas a que estivemos ligados. Tudo o que se tem a fazer é olhar para trás para encontrá-las. Por exemplo: a religião e os textos sagrados... Será que os profetas realmente os escreveram; será que eles pretendiam realmente que houvesse tanta separação como há na religião? Interiorize-se e pergunte-se. Esteja disposto a ver a Verdade. Esteja disposto a deixar de lado tudo o que lhe foi ensinado. Para avançar, a pessoa tem que estar, pelo menos, disposta a explorar e chegar as suas próprias respostas. Será que perpetuar algo que existiu no passado irá ajudá-lo a estar no Novo? Sinta o que o limitou e aos outros ao longo das eras. O que lhe foi dito que você assumiu como Verdade? Estas são algumas questões que uma vez que você descubra, as suas próprias respostas ou irão retê-lo, ou o libertarão.


Palavras não são apenas palavras. Cada palavra é uma energia. As palavras que você usa e os pensamentos que tem, dizem-lhe e aos outros, onde está a sua consciência e eles servem como um reflexo para as suas crenças. No Novo, há uma liberação das crenças e uma abertura das percepções. Crenças tendem a ser estáticas, enquanto as percepções fluem e mudam, como você. Sabemos que a maior parte das palavras da 3D tende a separar e a menosprezar. Use palavras que unam e em que você sinta uma expansão quando usá-las. Não use apenas as palavras porque elas são populares ou automáticas. Sinta as palavras que você usa, lê, escreve e pensa. Use palavras que estejam no presente e que fortaleçam, em vez daquelas que separam ou diminuem. Esteja atento às palavras que usa. Fique em silêncio, com frequência. Observe. Não se expresse, a menos que sinta realmente por trás de cada palavra que você usa. Isto segue também com as palavras que você não expressa, mas que pensa nelas. Seja um observador de suas palavras e sentimentos, pois isto lhe diz muito sobre si mesmo e os outros, enquanto lê ou ouve as suas palavras. É somente através da plena Consciência que somos o Novo. Palavras e pensamentos criam. Como estive compartilhando já por algum tempo, cada um de nós deve assumir plena Responsabilidade por quem nós somos e o que emitimos e experienciamos, pois somos energia pura. A energia não fica envolvida em nosso corpo. Ela flui, pois ela e nós somos bem maiores do que o nosso corpo físico. Deixamos fluir tudo o que pensamos, somos e sentimos, em todos os momentos. E para criarmos o Novo, seja ele pessoal ou global (na verdade, ambos), devemos assumir uma parte ativa na Transformação em nossas vidas. Embora o nosso Chacra Pineal faça muito para distribuir a energia dentro de nós, a menos que a usemos para nos expandirmos, a energia permanece adormecida interiormente. Embora a Luz tenha ajudado a expor determinadas energias antigas, cabe a nós fazermos as mudanças que estão alinhadas com a nossa Alma. Porque a Alma é a voz mais poderosa agora, quando ouvimos a nossa Orientação, o que podemos fazer é mostrado para nós. Para fortalecer a voz de sua Alma, medite e se conecte conscientemente com a sua Alma. Com o Verdadeiro Você.


Não é o suficiente expressarmos as Novas palavras. Somos guiados a demonstrá-las. Palavras são bem simples de serem expressas. No entanto, o que é mais importante é que a nossa vida seja congruente com quem dizemos que somos. Como é decepcionante quando descobrimos que as palavras de alguém não correspondem as suas ações ou como ele vive a sua vida. É claro, isto é também uma percepção e um lembrete para encararmos as nossas próprias vidas para vermos como são congruentes as nossas palavras e a nossa vida... ou não.


À medida que avançamos, teremos oportunidades onde poderemos deixar a nossa velha vida e teremos novas experiências de vida. Estas não fazem parte dos novos “roteiros ou histórias da vida” que criamos, pois os roteiros e as histórias são limitantes. Não há nenhum novo paradigma, pois esta palavra limita também. Na verdade, qualquer coisa que seja um rótulo tende a nos identificar como “isto ou aquilo” e somos muito mais do que “isto ou aquilo”. Somos livres para fluir, mudarmos e criarmos, e criarmos novamente. E, como sempre, é a escolha de cada ser fazer isto ou não. Eu posso lhe dizer, contudo, que se você criar uma caixa confortável ao seu redor, você não irá gostar dela por muito tempo. Não estamos aqui para criarmos mais programas ou rótulos. Estamos aqui para nos libertarmos de todas as restrições... eventualmente. Estamos nos movendo para isto. Eu ainda pago impostos, aluguel e contas. Eu ainda vejo que quase todos os governos estão no lugar (até agora). Vejo que a maioria tem as suas regras sobre o que é certo e errado. Assim, compreenda que não somos forçados a impulsionar as coisas. É o suficiente darmos apenas um passo consciente após o outro, sabendo que cada passo consciente que damos, leva-nos para a Liberdade que dizemos que queremos. Conscientize-se de que tudo o que você for guiado a fazer não se baseia em sua vida como tem sido, mas é uma nova expressão de quem você é.


Não fomos feitos para nos encaixarmos em algum lugar. Estamos destinados a nos destacarmos em nossa singularidade. Portanto, removemos a nossa energia das situações onde as pessoas estão reclamando de certas coisas e a mente do que estamos fazendo em nossas próprias vidas. Não fomos sequer destinados a nos encaixarmos e a nos apegarmos aos nossos próprios planos e intenções, pois eles mudam, como nós. A melhor maneira é não sermos tão rígidos sobre o que faremos a qualquer momento, mas sentirmos o que somos guiados a fazer... ou não. Respeite o seu ritmo; o seu próprio fluxo. Sinta em seu interior o que o inspira e o expande... e o que não. Não estamos nos recriando. Estamos nos criando. Temos que ver onde fluímos e não. Começamos a nos abrir para uma experiência de vida completamente nova. Não nos re-conectamos: nós nos conectamos de uma maneira inteiramente nova. Não estamos nos re-calibrando. Estamos nos calibrando com o Novo e lentamente estamos descobrindo o que isto pode ser, enquanto ainda nos permitimos nos elevarmos cada vez mais em vibração e consciência. Nós continuamos a nos limparmos e esta limpeza não se baseia na velha resistência. É uma limpeza que flui com mais facilidade, porque estamos em uma maneira inteiramente nova de ser. Com novas percepções e nova consciência... tudo novo. Você percebe que o que costumava curtir, já não o interessa mais? Percebeu que quem você gostava que estivesse por perto antes, você já não gosta mais? Estes são apenas alguns sinais da mudança. Você percebe que quer se divertir mais, sem as restrições de ter que fazer algo que é necessário? Percebe que deseja organizar o seu espaço físico, de modo que ele reflita mais de você, ou que você quer se mudar para um local diferente? Você quer viajar para um lugar em que nunca esteve antes e que prometa ser uma nova aventura para você? Não tem vontade de desempenhar o papel que os outros colocaram em você e com que você concordou? Você não quer mais fazer o papel de vítima e sente que está se elevando em seu próprio Poder pessoal? Todos estes são uma parte de sua mudança.


Você já notou que a sua meditação não está necessariamente relegada a um tempo e espaço em particular? É como você vive a sua vida? Embora a meditação seja e tem sido uma parte muito importante da abertura do seu Coração e para o fortalecimento da voz de sua Alma, o maior propósito da meditação é viver a sua vida como uma meditação, o que significa que o que você sente na meditação, sente em sua vida cotidiana. A Meditação pode assumir uma nova qualidade de Silêncio, enquanto se torna também uma parte de sua vida, seja ao pagar as contas, fazer as tarefas ou se relacionar com os outros.


À medida que ancoramos mais esta Nova Vida, iremos nos sentir mais energizados e, talvez, não iremos nos sentir tão exaustos pela manhã, após uma noite de transmissões de energia. Você continuará a se sentir elevado e estará ficando cada vez mais fácil apenas Ser, em vez de termos que fazer, impulsionar e controlar. É bem divertido observarmos todas as mudanças sem precisarmos saber por que, como ou o que virá em seguida, ou todos aqueles detalhes sem sentido com que o ego separado gosta de se ocupar. O Novo se refere ao Fluxo e à Permissão. E, é claro, ao Amor. Pois o Amor é Fluxo, Permissão e tudo!




Agradecimentos a Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português: 
 






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.




Atualização diária.

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.

achama.biz.ly 

NOSSAS ASAS DE LUZ ~ Suzanne Lie.

 

 

NOSSAS ASAS DE LUZ.

 

Por Suzanne Lie PhD.

Em 03 de fevereiro de 2016.

Tradução: Blog SINTESE.


 





Como estão hoje? Espero que todos estejam apreciando sua folga. Eu espero ver alguns de vocês no meu webinar com Lauren Galey sobre: NASCIMENTO DA NOVA TERRA.


NOSSAS ASAS DE LUZ


É interessante porque parece que sempre foi, mas também parece que esta é a primeira vez. Pois tudo que sabemos é que esta pode ser a primeira vez, pelo menos neste planeta, onde as massas depessoas estão pensando, se esforçando e até acreditando na Ascensão.


Agora estamos começando a começar. Mas, nós não sabemos exatamente o que ocorrerá ou como ocorrerá ou quando ocorrerá. Mas estamos imensamente confiantes que alguma coisa está acontecendo. Essa alguma coisa é nos trazida através dessas ondas de Luz superior.


Nossas vidas são eternamente orientadas nesse Agora. Então tudo que nós realmente precisamos fazer em relação a essas ondas mais altas de Luz é apenas relaxar no saber que alguma coisa está ocorrendo, mesmo que não tenhamos certeza do que é ou mesmo por que é. Mas, como parece Amor Incondicional, como parece Verdade, nós continuamos.


Agora, nós saberemos por que temos passado por tantas encarnações de doutrinação, tantas encarnações em que nos era dito o que era a realidade, e nós acreditávamos. Nós acreditávamos no que nos era dito.


E o que nos era dito no exteriorparecia mais importante do que nós realmente estamos sentindo no interior.


Agora estamos começando a nos permitir observar a nossa realidade não a partir de nosso cérebro 3D e sentidos 3D e do que nosso mundo tridimensional nos diz que é real. Agora nós podemos sentir a realidade de uma maneira tetradimensional superior e pentadimensional aquilo que simplesmente de algum modo sabemos. Nós não sabemos exatamente como sabemos – mas nós sabemos.


Nós estamos no processo de nos amarmos incondicionalmente – chakra por chakra. E nós subimos ao chakra do coração. Portanto, agora é hora de pensar sobre o que está começando e o que está terminando. Nosso chakra do coração é a primeira coisa que bate, que diz que há um zigoto que tem a possibilidade de se tornar humano, e é a última coisa que bate quando morremos.


Então, o AGORA é sobre começos e términos. E começos e términos sempre estão juntos. Há um começo e um fim em nossa versão de realidade. Entretanto, nós não saberemos sobre este “começo e término” a menos que calibremos nossa consciência à versão de realidade que é “alteração de realidade”.


Se permanecermos na versão antiga em que o mundo exterior está nos dizendo o que é certo e o que é errado, então permaneceremos nela. Mas se assumirmos esse risco de confiar em nossos próprios sentimentos internos...


Agora, nós não somos treinados para confiar em nossos próprios sentimentos internos, e então nós temos que romper nossa programação 3D. Nós temos que saber que se pudermos sentir nosso interior e parecer Amor Incondicional e Propósito Multidimensional e até uma percepção aleatória de Sabedoria Infinita – esse é o nosso Coração Superior falando.


Quando nosso Coração Superior fala conosco continuamente, nós começamos a sentir uma sensação – praticamente parecida com o que poderíamos chamar de asas de Anjo no está por trás de nosso coração – talvez um pouco acima, talvez um pouco abaixo. Mas nós sentimos um campo de energia que é invisível para o nosso eu tri e tetradimensional – MAS o nosso eu pentadimensional pode perceber.


E, é sentido como, parece com, praticamente o que chamaríamos de asas. Mas o que realmente é, é o fluxo de saída do fluxo de entrada da Luz Superior que está chegando ao nosso Chakra do Coração. Essas ondas desta Luz dimensionalmente superior entra em nosso Coração Superior e em nosso Chakra do Coração.


Nosso Chakra do Coração é a parte de nosso corpo físico que recebe a Luz superior. E nosso Coração Superior é a nossa parte dimensionalmente superior que pode perceber e aceitar as frequências dimensionalmente mais altas da Luz e trazê-las de volta para a nossa forma física.


Nosso Coração e nosso Coração Superior estão calibrados a esse fluxo pentadimensional de Luz. Essa Luz entra em nosso coração e flui para fora através de nosso coração. Nosso Coração e Coração Superior são onde nós experimentamos o fluxo de entradacombinando com o fluxo de saída.


Onde as energias de saída e as energias de entrada se encontram, há um ponto, um espaço intermediário, um momento, um pensamento, uma realidade possível em que o fluxo de entrada e o fluxo de saída se fundem no momento do Agora.


E, quando o fluxo de entrada e o fluxo de saída fundem – entre nosso coração e nosso Coração Superior, nosso coração físico, abaixo do nosso chakra da garganta e nosso coração superior que é na nossa glândula timo, nós sentimos essas duas energias começarem a conectar dentro de nós – nosso coração físico e nosso Coração Superior. É quando nós sentimos as “asas de luz”.


Agora, lembrem-se de que as asas não são realmente asas, mas o fluxo de saída do fluxo de entrada da Luz Superior. Esse fluxo de saída serve como um propulsor, tal como as asas propelem um pássaro para ser capaz de voar e manter-se no céu.


Esse fluxo de saída,que parece asas, representa nossa confiança em nosso EU. Nós temos confiado em nosso EU o suficiente para TRAZER esse fluxo de entrada de Luz Superior e permitir essa Luz entrar e convergir profundamente em nosso coração e Coração Superior. ENTÃO, depois que ela converge profundamente em nosso coração e Coração Superior, nós permitimos o fluxo de saída dessa Luz Superior.


Mas parte do fluxo de saída sempre fica no coração e parte do fluxo de entrada sempre fica no coração para criar uma semente. É a Semente da Esperança. Fé, Esperança e Caridade – e a maior delas é a Esperança.


Se você não tem esperançaé difícil ter fé. Se você não tem esperança é difícil dar caridade. Portanto, esperança é mais importante do que a maioria das pessoas entende.


É esta esperança que nos permite confiar em nosso EU o suficiente
Que nós realmente estamos percebendo a Luz Superior
Que nós realmente estamos sentindo Amor Incondicional
Que nós realmente estamos cercados por uma Luz Violeta, que parece estar
Passando pelas nossas auras,
Falando conosco e
Trabalhando conosco.


Tudo que nossa expressão superior diz, esta esperança nos permite sair para o mundo e fundir com a informação da Luz Superior e compartilhar a Luz Superior com o nosso fluxo de saída. Assim estamos fundindo com a recepção desse campo de energia interdimensional e com a expressãodesse campo de energia interdimensional.


Nós estamos acostumados à dinâmica de que nossa expressão do EU seria transmitida na frente de nós, mas nós estamos falando sobre nossa expressão sendo transmitida de nossas “asas” atrás de nós.


O que esse simbolismo (Linguagem da Luz) significa é que nós precisamos engajar nossa presença angélica. Nós precisamos viver nesse amor Incondicional do que pensaríamos de um Anjo.


Pois é nessa “Fé de um Anjo”, essa condição de ser um “Anjo”, que nós podemos sentir profundamente nossos corações sendo abertos para permitir essa energia vir de trás, não da frente, porque nós não precisamos chamar atenção.


Nós não precisamos dizer: “Este é o meu fluxo de saída”. É apenas o fluxo de saída! Desta maneira o ego começa a ter menos e menos importância. O ego nos recordará quando for hora de pagar nossas contas ou cuidar de quaisquer necessidades tridimensionais, mas ele já não é mais importante do que a Luz Superior.


Se ficarmos muito presos às necessidades tridimensionais, não seremos capazes de decolar. Não tenho certeza do que decolar significa e não tenho absolutamente certeza de como faremos isso. Mas há esse sentimento que está passando pelo meu eu e por muitos com quem estou falando.


A coisa adorável é que toda pessoa sente as mesmas coisas de seu próprio modo individual. E cada pessoa fala sobre isso de um modo um pouco diferente, mas sente igual a todos nós.


Esse sentimento, essa Luz Superior abrange toda a nossa individualidade porque todos nós “indivíduos” estamos unidos nesta experiência sempre em expansão do Amor Incondicional e Fogo Violeta que está fluindo para nós e através de nós.


“Para nós e através de nós”, porque nós não somos os criadores da Luz Superior, nós aterramos essa Luz Superior. Nós somos como uma árvore que permite os raios do Sol acariciar nossas folhas, viajar de nossas folhas para os pequenos caules das folhas e entrar nos caules maiores do galho, então entrar nos galhos e no tronco para descer pelo tronco e entrar fundo na Terra.


Nós não criamos a Terra. Nós não criamos a Luz Superior, mas nós estamos criando uma fusão da Luz Superior no corpo de Gaia. Gaia precisa de nossa ajuda, ajuda humana, porque foram os humanos que criaram os danos em Gaia.


Os animais não danificaram Gaia. Os vegetais não danificaram Gaia. A atmosfera muda como sempre é mudada, mas a maioria, se não todos, dos danos à atmosfera e à terra, ar, fogo e água da Terra, foi feita pelos humanos. Portanto, é bagunça dos humanos e os humanos precisam arrumar.


E o modo de “arrumar” esses elementais da Terra é que nós arrumemos os elementais dentro de nós.Nós nos Amarmos Incondicionalmente chakra por chakra, órgão por órgão e pouco por pouco. Quando nos Amarmos Incondicional por todo o nosso sistema de chakra, esse Amor Incondicional nos curará o suficiente para podermos puxar o Fogo Violeta para nós chakra por chakra, e elemento por elemento.


Quando nós transmutamos elemento por elemento, chakra por chakra, nós transmutamos o fluxo de saída. Esse que flui do nosso Coração e pelas nossas Asas de Luz com o Amor Incondicional que vive dentro de nós e viaja por nós.


Quando podemos aceitar o Amor Incondicional por nos amarmos incondicionalmente, nós abrimos totalmente nossos portais interiores, que AGORA estão calibrados ao Amor Incondicional. Cada chakra é um portal e todos os chakras estão alinhados com o nosso portal interior pessoal.


Quando aceitamosessa Luz Superior e permitimos que ela nos transmute, tal como o Fogo Violeta transmuta, nós aterramos essa Luz Superior na Mãe Terra que irá expirá-la em nossa realidade para compartilhar Seu processo de transmutação – pessoa a pessoa, pessoa a planta, pessoa a animal, pessoa a atmosfera, pessoa ao planeta de todos os modos.


Agora, nós podemos permitir totalmente nossa “Semente de Esperança” brotar. Agora, nós temos a coragem de estarmos confusos, termos medo, sermos mentais, estarmos ocupados – e ainda aceitar a Luz Superior. Nós aceitamos essa luz porque nós precisamos aceitar, E porque nós estamos nos lembrando de que nós dissemos que aceitaríamos.


Agora, nem todos farão isso porque eles disseram que fariam porque nem todos disseram antes de assumir um corpo.


“Eu me voluntario a assumir um vaso Terreno nesse AGORA para poder pegar todo o eflúvio que eu tenho experimentado em todas as minhas encarnações em realidade múltiplas, paralelas, simultâneas e curar tudo com o Amor Incondicional. Então, quando eu estiver forte o suficiente, eu prometo usar o Fogo Violeta para transmutar toda sombra na Luz Superior da quinta dimensão.”


Então, quando deveríamos começar esse processo?
Na quinta dimensão não há “quando”, pois não há tempo.


Portanto, nós devemos estar, estaremos e estamos honrados por FAZÊ-LO AGORA!



Fonte: http://suzanneliephd.blogspot.com


Agradecimentos a Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com.br
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português: 
 






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.




Atualização diária.

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.

achama.biz.ly 

PERGUNTEM AOS MESTRES - 2 de fevereiro de 2016. - Toni e Peter.

PERGUNTEM AOS MESTRES

Através das Vozes Celestiais

Mensagem canalizada por Toni e Peter

Tradução: Regina Drumon,

a 6 de Fevereiro de 2016.

 

UMA APRESENTAÇÃO PRÉVIA DOS ENSINAMENTOS DOS MESTRES


A comunicação com um paciente com Alzheimer pode parecer impossível, mas e quanto a alcançar a alma da pessoa? Os Mestres têm algumas informações interessantes para uma curiosa mulher do Reino Unido sobre a sua mãe.


Então, você está em um relacionamento amoroso, mas se sente atraído por outra pessoa. E agora? Um Australiano que reconhece a probabilidade de uma lição à espreita nesta situação será, certamente, esclarecido pela resposta dos Mestres.


Uma mulher dos Estados Unidos está fascinada pelo Panteão e busca mais informações. A descrição e explicação dos Mestres podem fazer com que todos nós queiramos viajar para Roma e experienciarmos esta maravilha.


Vocês podem ler estas perguntas e respostas na página de Mensagens, no site dos Mestres: http://www.mastersofthespiritworld.com/. (ou abaixo).


O MANUAL DOS MESTRES SOBRE A REENCARNAÇÃO em breve irá aparecer em outro idioma. Deixaremos que saibam, assim fiquem atentos a este espaço.


Enquanto isto, cliquem neste link: http://celestialvoicesinc.com/?page_id=24, ou em Livraria, no site dos Mestres, para baixarem o manual gratuito dos Mestres, com opção para NOVE idiomas (até agora).


Amor, luz e risos,


Toni e Peter.

Celestial Voices, Inc contact@mastersofthespiritworld.com | 13354 W. Heiden Circle | Lake Bluff, IL | 60044 | USA

AS PERGUNTAS

 

VENDO COM A ALMA


PERGUNTA: Mestres, gostaria de receber informações sobre as operações internas e externas da criação do Panteão, por favor. Como o arquiteto foi inspirado? Que tipos de inspirações a Fonte quis que ocorresse a todos que desde então, estiveram nele? É uma construção feita ao redor de uma esfera perfeita. É um trabalho de amor no olho da mente: extraordinário em planejamento e execução. A chuva evapora antes que ela atinja o chão. Há movimento constante enquanto se olha ao redor no espaço. Margaret, Estados Unidos.

RESPOSTA: Durante as fases da criação do Panteão, os arquitetos foram solicitados a construir um tributo aos deuses e campeões dos tempos, e um espaço onde o proprietário pudesse sentir que estava na presença de um deles. Os construtores estavam cientes da energia espiritual que alguns percebiam como beleza, outros como uma conexão com o universo, e ainda outros como comunicação com os mundos físicos e não físico. A Fonte não teve parte na construção, exceto por proporcionar a iniciação das almas que manifestaram o edifício concluído.


Ele é muito mais poderoso hoje em sua simplicidade, desde a remoção dos adornos e decorações em sua criação. Eles foram uma distração para aqueles que desejavam “sentir” o poder inato que a forma gerava. A influência do edifício surge de sua estrutura. A representação da energia magnífica da Fonte, como exemplificada pela obra esférica, reflete a comunhão do físico e do espiritual: uma união, um conjunto.


A complexidade do projeto cria – para o olho e uma sensação energética daqueles cientes disto – um espaço de transformação, transcendendo a Terra e se elevando ao céu, enquanto a transição do tempo e das estações no exterior ocorre interiormente. É um filme cinematográfico da influência do céu no planeta físico.


Aqueles que chegam para compreender tudo o que o Panteão pode ensinar sobre a vida, serão bem educados na mestria espiritual e física. Outros, irão vê-lo simplesmente como um interessante e antigo edifício com um buraco no centro de seu teto, permitindo padrões extraordinários de sombra durante os dias e as estações.

 

EU SUPERIOR – A ESSÊNCIA DA ALMA


PERGUNTA: Mestres, a minha mãe tem Alzheimer. Vários meios têm restaurado a minha mãe, particularmente uma leitura que tive há alguns meses. Ela tinha muito a dizer. Embora eu compreenda que as pessoas que têm demência passem o tempo no mundo espiritual, estou curiosa porque, obviamente, o seu corpo físico está ainda no plano terrestre. Assim, todos têm a capacidade de estar em espírito desta maneira e é a sua mente/corpo que não lhes permite, ou se eles fizerem uma viagem astral, eles não se lembram? E quanto às pessoas com Alzheimer que permitem que a sua mente/alma esteja em espírito – mas as pessoas sem a doença não são capazes de fazer isto? Lynnie, Reino Unido.

RESPOSTA: Os seres humanos são almas que têm uma experiência física. Suas almas nunca estão completamente contidas em sua casca física; há sempre uma parte que está ligada ao resto das almas no universo, e aos aspectos de si mesmas que estão continuando outros projetos que elas assumiram.


A um nível físico, a consciência humana é o que as pessoas acreditam que seja a soma total da “pessoa” que elas conhecem como a que habita um corpo em particular. Os seres humanos que funcionam conscientemente restringem o acesso a sua alma para o que pode ser alcançado através dos canais normais de comunicação com o corpo humano.


Há sempre um aspecto da alma – geralmente chamado de Eu Superior – de que a mente consciente geralmente ignora. Esta área contém os registros de tudo em que a alma já se envolveu. A menos que o ser humano a alcance em hipnose ou meditação profunda, é uma sombra não reconhecida.


Quando a consciência humana normal não é funcional (coma), ou está desconectada (doença de Alzheimer), o Eu Superior fica ainda acessível no plano espiritual. A alma tem que dar permissão para que isto ocorra. Aquele que deseja se comunicar pergunta à alma se ela deseja usar este canal como um meio para permitir aqueles que estão por perto saber do estado do corpo humano. Algumas negam o acesso, por causa das lições de vida entre elas e o suposto comunicador.


Todas as almas têm a capacidade de viajar por todo o universo a qualquer momento. Se a sua consciência aceita ou não isto como uma possibilidade, desempenha um grande papel no que é “lembrado” quando as partes conscientes da mente reassumem o controle. Pode-se praticar a conexão com o seu Eu Superior em meditação e hipnose para estabelecer um padrão de comportamento.

 

CLAREZA E DISCERNIMENTO


PERGUNTA: Mestres, estou em um relacionamento com uma pessoa que é autêntica e muito amorosa. Eu a amo, mas não acredito que ela seja necessariamente do mesmo grupo de alma que o meu e sinto que há mais que eu poderia fazer para apreciá-la pela pessoa que ela é. Recentemente, conheci alguém que eu acredito que seja um membro muito íntimo do meu grupo de alma. Sinto-me muito atraído por esta pessoa e não consigo deixar de pensar nela. Recuso-me, absolutamente, a fazer algo que magoe a minha companheira, ainda que isto signifique que eu não consiga ter as coisas da maneira que as quero. Que acordos e lições todos nós escolhemos aprender a partir desta situação? Apreciaria a sua orientação. Grato por tudo que já me ensinaram através deste serviço. David, Austrália.


RESPOSTA: Na maior parte do tempo, quando se decide sobre um parceiro e com quem você deseja aprender, você não escolhe um companheiro de alma. Você “conhece” os seus companheiros de alma a um nível energético que se estende além da dualidade do positivo/negativo do plano da Terra, e, portanto, as interações ocorrem sem um aspecto de aprendizado consciente para eles. O livre arbítrio não é necessário porque você simplesmente existe.


Durante esta vida você quis experienciar diferentes facetas dos relacionamentos humanos, explorando a reação dos outros, as suas ações e os estimulantes necessários ligados ao outro. Você escolheu praticar com alguém de quem não tinha um conhecimento íntimo prévio – ou seja, não uma alma gêmea.


Sua companheira de alma, por outro lado, é uma pessoa tranqüila de conviver, uma vez que uma grande parte da interação humana é construída em seus contatos. É como desfrutar de um período de férias onde nenhum trabalho é necessário. Este é o que há de melhor nas relações humanas. Mas não há decisões tomadas e nada é aprendido.


Nada é certo ou errado, em um sentido espiritual. Você pode fazer como escolher. Esta situação lhe apareceu para aprender sobre a clareza e o discernimento espiritual. Ao comparar as duas, você pode observar a diferença na necessidade de se envolver em uma série diferente de interações para manter um estado unificado, amoroso e cooperativo com cada pessoa. O discernimento, então, entra em sua vida para que você decida o que deseja fazer a partir desta situação. Para onde você irá e o que fará?

 

GUIA DE REENCARNAÇÃO


Ta, do Brasil, pergunta aos Mestres: Eu e a minha irmã tínhamos uma relação difícil, e também fui assediada pelo meu cunhado. Seu primeiro filho biológico nasceu com um problema no coração. Por causa disto, o nosso relacionamento melhorou. Uma espírita me disse que eu assumi um compromisso espiritual com esta criança e a minha irmã, e que este compromisso seria até que a criança atingisse certa idade. Será que este acordo realmente existe? E até que idade eu tenho este compromisso? A criança gosta de mim, mas eu não sei que relacionamento do passado nós tivemos. Eu também me sinto ligada a ela.


RESPOSTA: Você tinha considerado ser útil a esta criança, mas nenhum contrato formal foi concluído. Você tem o livre arbítrio para assumir este papel ou não. Se você tem o tempo para se dedicar a esta criança, tem ainda a capacidade de parar, sempre que o desejar. Você conheceu esta alma em outras vidas.


Cris, do Brasil, pergunta aos Mestres: Relaciono-me com o meu marido desde que ele tinha 13 anos. Estou agora com 50. Nós nos casamos em 1983, temos três filhos já adultos (um dos quais tem paralisia cerebral). A minha pergunta é: Meu relacionamento é cármico, e será por toda esta vida? Ou este é o momento para retomar a minha vida e o meu poder? Posso mudar o meu futuro?


RESPOSTA: Você pode absolutamente mudar o seu futuro porque tem total livre arbítrio, se aceitar que tem e optar por usá-lo. O carma implica em punição. Este não é um relacionamento cármico, mas uma relação em que você entrou para aprender sobre si mesma. Respeite-se para o resto de sua vida. Você não deve nada a ninguém, a não ser a si mesma. Saia e crie o tipo de futuro com que sempre sonhou.


Nisha, da Índia, pergunta aos Mestres: Por que o meu guia espiritual não me ajuda e me acompanha em minha jornada? Sinto-me perdida.


RESPOSTA: Os guias não devem tomar decisões para você e nem lhe mostrarem o caminho. O trabalho deles é ajudar nas escolhas que você faz, ajudando-a a cumpri-las. Você é responsável por criar a sua direção.


Heidi, da Finlândia, pergunta aos Mestres: Por que eu permaneço com o meu marido? Por que tenho medo? O que não consigo ver? Gostaria de avançar e liberá-lo. Abandonar o velho. Há algo que eu não possa liberar? Será que este relacionamento é adequado para os meus filhos? Por que não gosto de sexo?


RESPOSTA: Uma de suas lições se refere ao discernimento, de ser capaz de compreender por que as coisas estão acontecendo a você e se você deseja ou não permanecer. Você tem medo de deixar o seu marido porque teme o desconhecido. Pelo menos com ele, você sabe o que esperar. Seus filhos estão cientes da maneira com que é tratada e se perguntam por que você tolera isto. Dentro de você está uma mulher muito forte que você nunca manifestou. Libere-a e permita que ela decida para onde ir. Você não quer sexo com este homem porque não o suporta.


Kn, da Finlândia, pergunta aos Mestres: Por que eu escolhi viver sozinha? Estou cansada de viver na solidão, e me sinto como uma prisioneira aqui na Terra. A vida parece vazia. Não posso explicar isto, preciso de ajuda. Sinto muita falta do Lar.


RESPOSTA: Cada alma traz a sua realidade o que optou por experienciar. Pergunte-se por que escolheu isto. Traga a você aqueles que a ajudarão a completar a sua vida. Você não pode viver na solidão se você se apresenta aos outros no mundo. A solidão existe somente se você se afasta das pessoas.


Kimmy, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Em uma leitura de flores, foi-me dito para me concentrar em meu segundo chacra e ser fervorosa em minha fé. Devo ir à igreja. Em que Igreja? Por alguma razão, as Religiões me aborrecem porque elas podem ser muito restritivas. Eu nem mesmo gosto de ouvir a palavra “Deus”.


RESPOSTA: Fé, neste contexto, não tem conotações religiosas de qualquer forma. Em um sentido espiritual – novamente, não religioso, mas se referindo à ligação interna entre o seu corpo e a sua alma que o anima – a fé significa um reconhecimento do poder que cada pessoa tem. A Fé é uma aceitação de quem você realmente é e que habilidades você possui. Siga sempre o que ressoa com você e saiba que você cria a sua realidade; isto é fé em si mesma.


Lisa, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Ao ler um livro sobre a Guerra Civil, reconheci um homem em uma imagem. Ainda que eu não pudesse colocar um nome ou situação para ele, reconheci a sua face, o que me deu uma sacudida. Ele não se parece com ninguém que eu conheço atualmente. Será que eu tive uma vida durante este período de tempo? Se assim for, há algo que aconteceu durante aquela vida que me afetou durante a minha vida atual? Qualquer informação seria muito apreciada!


RESPOSTA: O homem retratado no livro era um conhecido com quem lutou ao lado, na Guerra Civil. Você e ele tiveram inúmeras vidas juntos e gostavam de pregar peças um no outro. Fazer com que você descobrisse este livro e a imagem foi uma de suas peças. Não há nada acontecendo com este amigo que está ligado a sua vida atual.


Mirian, do Brasil, pergunta aos Mestres: Vivi no Canadá e conheci um rapaz aproximadamente um mês antes de retornar ao Brasil. Tivemos uma conexão que durou de 3 a 4 anos depois que voltei. Não foi um relacionamento, mas éramos muito apaixonados um pelo outro. Da última vez que ele me enviou um e-mail, ele me disse que estava prestes a ser pai. Eu nunca me esqueci dele realmente, mas ultimamente estive pensando muito nele. Será que é apenas o meu ego? Um amigo meu me disse que fomos companheiros de alma em uma vida passada. Quero liberar isto, mas tem sido realmente difícil.


RESPOSTA: Você se permitiu existir em um mundo de sonhos, onde vocês dois estiveram criando um romance em que formavam um relacionamento imaginário. Sua vida parou aí e não continuou fora da fantasia. Neste meio tempo, ele seguiu em frente e criou uma vida com uma mulher de carne e osso, que está agora esperando o seu filho. Você estava apaixonada e um relacionamento à distância era seguro e sem complicações. Caia na real e veja isto pelo sonho que foi. Entre na luz e encontre alguém que possa realmente ver. Libere isto, compreendendo que o final da história já foi escrito.


Emily, da Inglaterra, pergunta aos Mestres: A pessoa que amo morreu repentinamente. Tenho apenas 24 anos e tenho pavor de passar uma vida sozinha, sem compartilhar um amor inovador com o outro, como eu tive com o meu amor. Sentia como se ele fosse o homem para mim, o amor da minha vida. Será que o universo está me dizendo que eu estou destinada a ficar sozinha? Sinto como se tivesse feito algo de errado e quero secretamente experienciar o amor novamente. Será que terei outra chance?


RESPOSTA: Você tem a capacidade de criar o resto de sua vida. Você experienciou o que é o grande amor. Agora, usando este como um exemplo, encontre a próxima parte de sua vida. Viva o momento, em vez de viver no passado, assim estará disponível para reconhecer o próximo parceiro quando encontrá-lo.


Eric, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Desejo efetuar um movimento contagioso através da boa notícia de que possuímos pessoalmente o poder direcionado de Deus para conhecermos o propósito de nossa alma e agirmos de acordo com ele, para criarmos o que Deus nos designou individualmente para a sua Glória. Qual é a melhor forma com que eu devo comunicar isto aos outros, de modo que eles também fiquem esclarecidos com a Verdade?


RESPOSTA: Cada alma é um fragmento da energia da Fonte. Cada alma toma as suas próprias decisões para as suas experiências físicas. Deixe que outros saibam que todo o conhecimento e a informação da essência da alma estão contidos dentro de cada pessoa. Entre na energia incondicional do universo e se conecte com todas as outras almas.


CB, do Brasil, pergunta aos Mestres: Sinto-me impotente. Sei que não evoluí o suficiente ainda, no entanto, tenho passado por tantas provações com um dos meus filhos, que, às vezes, não sei o que fazer. Tentei plantar sementes na minha ética familiar, respeito e amor ao próximo, mas parece que de vez em quando ele se desvia do caminho. O que faço, queridos mestres?


RESPOSTA: Compreenda que todas as almas fazem as suas próprias escolhas na vida. Você pode dizer aos outros o que você quer que eles acreditem e como se comportar, mas cabe a eles aceitarem os ensinamentos como sendo certos para a vida que eles escolheram.

 Bárbara, do Brasil, pergunta aos Mestres: O que eu tenho que compreender, perceber em minha vida, para mudá-la para melhor? Tenho 57 anos, estou casada há 22 anos e sem sexo por 14 anos. Desde que comecei a trabalhar e a pagar as contas, o meu marido está sem emprego. Gosto do meu trabalho, amo a minha filha, ela é brilhante, embora eu me preocupe muito com os seus problemas de pele, que eu acho que vem do terrível relacionamento com o pai. Ele não tem para onde ir. Agradeço realmente alguns conselhos.


RESPOSTA: É o momento de recuar e avaliar a sua atual situação. Por que você está se permitindo ser usada pelo seu marido não contribuinte? Está tudo bem se você gosta da situação, mas você pode mudá-la. Você não tem obrigação com esta pessoa preguiçosa que está também criando energia negativa em torno da casa. É o momento de se respeitar e decidir o que é melhor para você.

https://www.facebook.com/pages/Reincarnation-Guide/137191392985848


Agradecimentos a Celestial Voices, Inc <contact@mastersofthespiritworld.com>


Por favor, respeitem todos os créditos.


Arquivos deste autor em Inglês: 

Traduções em Português:  

Fonte: http://violetflame.biz.ly

 


Agradecimentos a Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

 
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:  


 




Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.



Atualização diária.

 

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.

achama.biz.ly 

Guerras nas Estrelas - Nossas Guerras? - Geoffrey Hoppe.

 

 

Guerras nas Estrelas.

Nossas Guerras?

Por Geoffrey Hoppe.

 Janeiro / 2016.

Tradução: Léa Amaral.




 
Geoffrey Hoppe, canalizador de Adamus (Saint Germain) e Tobias

 


Linda e eu nos casamos em 19 de maio de 1977. Foi o mesmo dia em que o primeiro filme de Guerra nas Estrelas estreou nos cinemas, nos Estados Unidos. Meu relacionamento com Guerra nas Estrelas (e com a Linda) continuou desde então.

Linda era uma grande fã de ficção científica. Ela era aficionada pela série de televisão Star Trek, de Gene Roddenberry, e adorava programas como: “The Twilight Zone” e “The Outer Limits”. Eu não gostava de ficção científica; tenho um pouco de vergonha de admitir que eu sou um cara que gosta de comédias românticas. (Eu posso ouvir suas risadas, mas lembre-se que os filmes água com açúcar sempre têm finais felizes e nenhum sangue é derramado.)

Na tenra idade de 22 anos, nós nos sentamos no cinema com a agora icônica música tema do Guerra nas Estrelas e o filme começou com a abertura - o texto que rola para cima e longe para o ponto de fuga do vasto universo – na tela. "Há muito tempo, em uma galáxia muito, muito distante...?" Eu pensei que este era supostamente um filme de ficção científica? O que? Eu estava certo de que alguém estava errado. Como você pode ter naves espaciais e seres alienígenas há muito tempo? Há muito tempo atrás, havia primitivos, tribos nômades que lutavam contra os dinossauros, não astronautas zunindo em torno de naves estelares. Eu queria que tivéssemos ido ver o filme Annie Hall, de Woody Allen, e não este. Era a comédia romântica meio cínica e cerebral da década e aqui eu estava assistindo a algum filme piegas de ficção científica, que não sabia a diferença entre o passado e o futuro.

Não demorou muito para eu ficar profundamente atraído pelo filme. Após cerca de 30 minutos, eu percebi que era um tipo muito diferente de filme. Não era apenas sobre uma batalha galáctica. Era sobre a luz contra a escuridão, bem contra o mal. Eles falaram sobre "A Força" em vez de Deus e Satanás. Os Mestres Jedis eram mais parecidos com monges do que com os guerreiros. Eles tinham poderes mágicos e usavam sabres de luz em vez de armas. Eles podiam viajar de um planeta para outro tão facilmente quanto eu podia dirigir da minha casa para o escritório. Embora isso possa parecer blasé atualmente, era radical há 40 anos.




 
Lembro-me de sair do cinema em transe, meu queixo caído e minha cabeça preenchida com novos pensamentos. George Lucas, o escritor e diretor, tinha conseguido apresentar novos conceitos e perspectivas nesta brilhante criação cinematográfica. Ele tocou uma sabedoria interior que havia mais na natureza da realidade do que eu tinha aprendido na escola ou na igreja. O filme parecia mais real do que a vida cotidiana. Talvez, apenas talvez, o filme Guerra nas Estrelas conseguiu capturar uma verdadeira história de nosso passado?

Eu vi os dois episódios seguintes: Guerra nas Estrelas V, em 1980, e Guerra nas Estrelas VI, em 1983, mas eles não tiveram o mesmo impacto que o episódio inicial. Eu não vi a próxima trilogia (Episódios I - III) porque eu achei que a saga tinha se tornado uma franquia comercial, sem a profundidade dos Episódios IV - VI.

Recentemente, Linda e eu compramos todos os seis episódios da saga Guerra nas Estrelas, em preparação para ir ao cinema para assistir o mais novo lançamento, Guerra nas Estrelas VII: O Despertar da Força. (Até o título soa tão... Shaumbra.) Vamos ver este novo episódio daqui algumas semanas com a equipe do Círculo Carmesim, assim a energia deve ser extremamente elevada. No longo fim de semana do Natal, Linda e eu acendemos a lareira, jogamos almofadas extras no sofá, abrimos uma garrafa de um bom vinho e nos aconchegamos para uma maratona de Guerra nas Estrelas - seis episódios em quatro dias.

Fazia quase 30 anos desde que eu tinha assistido a um filme Guerra nas Estrelas. Eu tenho que admitir que me faz sentir um pouco velho, mas então eu me lembrei que eu era quase uma criança quando o primeiro episódio surgiu, E... a idade não importa mais. (É, claro.) Os filmes me surpreenderam, não por causa das qualidades cinematográficas ou de atuação, mas sim por causa do enredo. Os conceitos criativos por trás dos filmes têm um paralelo bem forte com muito do que Tobias e Adamus têm falado. Eu me perguntava se o Adamus deu uma mãozinha para escrever Guerra nas Estrelas, mas até o momento que eu escrevi este artigo, ele não confirmou nem negou esta hipótese.

Aqui estão algumas das muitas correlações entre Guerra nas Estrelas e os ensinamentos Shaumbra que eu peguei durante a maratona de filmes:

Mestres - Guerra nas Estrelas faz uso extensivo da palavra Mestre. Eu nunca estive ciente disso antes. Em Guerra nas Estrelas não há nenhuma vergonha em chamar alguém de Mestre ou a ser referido como um Mestre. Adamus fala sobre Shaumbra como Mestres incorporados, embora alguns tenham desafiado-o sobre sua escolha de palavras. Ele não vai ceder a isto: Um Mestre é um Mestre, ponto final.

A Força - Este é o tema fundamental em Guerra nas Estrelas. "Que a Força esteja com você" é agora uma das frases pop mais conhecidas do planeta. Obi-Wan Kenobi diz: "A Força é... um campo de energia criado por todas as coisas vivas. Ela nos envolve e nos penetra. Ela une a galáxia". É isso a que Adamus se refere como Bon, o tecido da força da vida criada pela consciência? Roman Kroitor, o cineasta que inventou IMAX, observou que: "Muitas pessoas sentem que na contemplação da natureza e na comunicação com outros seres vivos, eles se tornam conscientes de algum tipo de força, ou algo assim, por trás dessa máscara aparente que vemos diante de nó, e eles a chamam de Deus.” Lucas aparentemente usou o comentário de Kroitor quando desenvolveu o roteiro de Guerra nas Estrelas.

O Lado Escuro - Religiões humanas falam sobre Deus e seu adversário, Satanás. Mas em Guerra nas Estrelas, eles falam apenas sobre a Força. Tanto a Escuridão quanto a Luz usam a mesma força, ainda que para fins diferentes. Por todo o tempo que Tobias e Adamus têm trabalhado com a gente, eles disseram para não ser tendencioso com a escuridão ou com a luz. Eles chamam o desequilíbrio para a luz de Anost. "O desequilíbrio para a luz é uma negação da escuridão. É uma negação da metade de si mesmo, se não mais. "~ Tobias.

O Império contra os Rebeldes - Isso soa assustadoramente como as antigas Guerras das Famílias Angélicas, mencionadas por Tobias na Viagem dos Anjos. Estas guerras, travadas entre as 144.000 famílias angélicas como uma forma de ganhar energia e poder, resultaram em todo o cosmos vindo para uma quase estagnação porque nenhum dos lados poderia ganhar. Viemos à Terra para encontrar uma solução para o impasse.

Sinta - Observe quantas vezes a palavra "sentir" é usado em Guerra nas Estrelas, especialmente quando os Mestres Jedis estão treinando os iniciados. Eles dizem aos alunos para "sentir" em vez de pensar. Existem dezenas de referências a isso em toda a saga. Esta é a mesma coisa que Adamus tem nos incentivado a fazer. Ele usa os termos perceber e sentir quando se fala sobre ir além do pensamento linear. Tobias costumava dizer que os verdadeiros sentimentos não são suas emoções, mas sim a sua intuição e gnost.(*)

Sentidos Humanos - Obi-Wan Kenobi diz a Luke Skywalker para puxar para baixo o escudo de explosão em seu capacete como parte de seu treinamento. "Seus olhos podem te enganar; não confie neles", diz Obi-Wan. Adamus diz que nossos sentidos físicos e, especialmente, os nossos olhos nos impedem de perceber as outras realidades em torno de nós. "Vocês não percebem as outras dimensões em torno de si mesmos, porque insistem em perceber através de sua mente e os cinco sentidos físicos. Eu estou de pé bem na sua frente de; vocês têm que perceber e sentir-me, não me ver", Adamus certa vez disse a um participante do workshop. E no Curso Vivendo Interdimensionalmente , ele disse: "A visão é o grande enganador porque vocês esperam ver as coisas em outros reinos da mesma forma que vêem com seus olhos físicos."

Antigravidade - Adamus diz que a chave para a energia gratuita e não poluente é a gravidade. Uma vez que entendamos a antigravidade, vamos entender como fazer a energia gravitacional trabalhar para nós.

Midi-Chlorians - Midi-chlorians são organismos microscópicos que permitem a Jedi e aos outros seres sensíveis à força para se conectarem à Força. Parece muito semelhante ao que Tobias e Adamus falaram sobre o anayatron do corpo físico. Dizem que é a rede de comunicação que todas as partículas de energia usam para se comunicar com todas as outras partículas de energia, particularmente dentro do Corpo de Consciência.




 
As semelhanças continuam. Gostaria de saber se George Lucas canalizou a história da Guerra das Famílias Angélicas, semelhante à forma como Linda pensa que Gene Roddenberry canalizou a maior parte da série Star Trek? Ou talvez Lucas tenha algum tipo de conexão energética com os Shaumbra? Ele se intitula um Metodista budista, mas sua consciência parece ir muito além de qualquer uma dessas disciplinas. Ou eu me pergunto se de alguma forma os Shaumbra ao redor do mundo ajudaram a criar energicamente esta estória como um lembrete para nós mesmos e os outros seres humanos sobre as nossas origens e o nosso futuro potencial? Não importa, Guerra nas Estrelas tem a capacidade de despertar a magia, a fantasia, o mistério e a força dentro de todos nós. Talvez nós estejamos no processo de escrever energicamente a saga que vem depois de Guerra nas Estrelas, a ser chamado de algo como Estrela.



(*) Nota Stela do Blog De Coração a Coração - Gnost - É a "energia do quatro" ou a "quarta perna" que completa a nossa "cadeira humana": mente, corpo, espírito e gnost. É o nosso potencial criativo ou solução criativa que está além da mente. Não há como definir o gnost, e sim, senti-lo, respirá-lo para dentro de nós. É a variante de "Dei Un Gnost".


Geoffrey Hoppe.
 


Agradecimentos a  
  1. As Novas Energias
  2. Léa Amaral – lea_mga2007@yahoo.com.br
  3. Sementes
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português: 
 






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.




Atualização diária.

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.

achama.biz.ly 

AS COISAS NÃO DÃO CERTO PRA MIM... POR QUE SERÁ? - Chris Ássimos.

AS COISAS NÃO DÃO CERTO PRA MIM... POR QUE SERÁ?

Por Chris Ássimos.









Você se sente assim?


A tradicional medicina chinesa reza que todas as emoções negativas e doenças físicas têm origem em uma ruptura no sistema energético do organismo - a rede de meridianos de energia ou Chi (caminhos através dos quais a energia vital circula pelo nosso corpo). É a mesmíssima filosofia que rege a acupuntura tradicional com as agulhinhas e sobre a qual ela baseia seu funcionamento.


O conceito que está por trás disto é simples: quando bloqueamos esse fluxo de energia, temos problemas, semelhante à água que corre por um caminho e, quando esse caminho é bloqueado, a água represada acumula detritos, apodrece e gera bactérias, mal cheiro.


Quando acessamos um pensamento negativo ou memória traumática (lixo emocional), esse fato provoca a tal ruptura no sistema enérgico do organismo, ou seja, provoca bloqueio no fluxo de energia, então nos sentimos mal, sentimos dor física ou psicológica.


As emoções negativas, ou lixos emocionais, quando arrastados por algum tempo, acabam se transformando em inúmeras doenças, das mais simples e corriqueiras como resfriados, enxaquecas e alergias, às mais letais como cânceres e tumores diversos, passando por problemas ósseos (coluna, artroses, etc) e orgânicos em geral (úlceras, hipertensão, distúrbios de tireoide, neurológicos, obesidade, estresse, etc).


E não apenas doenças, mas também os mais diversos tipos de atrasos e sabotagens de vida que se possa pensar.


Ansiedade, autossabotagem, timidez, fobias, pânico, traumas, medos ocultos (problemas para oferecer e finalizar vendas de forma eficiente, por exemplo), baixa autoestima, dificuldade de lidar com os nãos diários, depressão, relacionamentos ruins, compulsão, dependências diversas, rejeição, vícios, falta de sucesso profissional, procrastinação, raiva, ciúmes, dificuldade em perdoar, culpas, rancor, mágoas, tristeza.


Todos esses problemas são emoções negativas, ou são causados por emoções negativas, e têm como origem o bloqueio no sistema energético. Se persistirem, esses sentimentos limitantes provocam doenças e os mais variados problemas da vida.


Como?


Por exemplo: uma pessoa não consegue ser aprovada no exame de direção pra receber a carteira de motorista. Mesmo sabendo dirigir, fazendo todos os treinos certinho, tomando calmantes mil, na hora do exame dá tudo errado, faz erros bobos e é reprovada. Conheço uma pessoa que já tentou nove vezes e não conseguiu.


Por que isso acontece?


Pode haver vários motivos e isso varia de pessoa pra pessoa, mas um deles pode ser que o indivíduo em questão pode ter presenciado um acidente no passado e seu cérebro retém o medo, associando direção com perigo iminente. Desta forma, inconscientemente, a pessoa vai errar para não ser aprovada, como forma de autodefesa.


Há o caso de pessoas que têm dificuldades enormes para desenvolver projetos profissionais aparentemente simples, como um engenheiro que deve desenhar uma planta hidráulica. Ele até faz, mas leva um tempo absurdamente longo e desprende uma quantidade grande de energia para algo simples.


Se formos investigar, possivelmente pode haver alguma dificuldade que ele passou na segunda série do ensino fundamental, como uma prova de matemática, em que ficou muito nervoso e não conseguiu fazer.


Claro que provavelmente ele deve ter esquecido este fato, mas seu cérebro produziu uma ruptura no sistema energético vinculada àquele fato e, em algumas vezes que ele estiver em uma situação semelhante, em que seus conhecimentos são testados, pode acontecer a ansiedade e a dificuldade novamente. Isso também poderá trazer procrastinação, preguiça e sensação de falta de merecimento.


Loucura?


Não. Bloqueio energético.


No campo da saúde, as medicinas egípcia e indiana antigas afirmam, por exemplo, que uma pessoa com sinusite pode ter um quadro de irritação grande com outra pessoa bem próxima. Mais um caso de bloqueio energético, que foi criado quando o indivíduo teve um primeiro pensamento de desaprovação para com o outro, gerando o sentimento de irritação. A irritação constante detona o quadro de sinusite.


Ah, Chris, então você quer me dizer agora que meu chefe não me promove e a culpa é minha?


Pode ser, sim. Quem sabe você não possui sentimentos internos e bem escondidinhos de não merecimento do cargo pretendido, ou possui alguma crença que se receber a promoção terá que trabalhar e se dedicar mais intensamente à empresa, podendo assim vir a negligenciar a família ou outras áreas igualmente importantes da sua vida?


Tudo isso tem origem em algum evento ou pensamento no passado que originou um bloqueio no sistema energético, detonando a emoção ou crença negativa sabotadora, com grande peso emocional. Enviamos mensagens ao universo o tempo todo e se você envia a mensagem que não deve ter a tal promoção, ela será captada e prontamente atendida.


O que fazer nesses casos, então?


Precisamos investigar qual a causa raiz do problema e remover a ruptura do sistema energético correspondente. Quando removemos esse bloqueio energético, o pensamento ou memória perde o peso emocional, a memória joga fora aquela emoção nociva e o fato deixa de ser algo sofrido, vira apenas uma lembrança de algo que aconteceu no passado. Sem emoção ou crença limitante, não há mais base para sustentar o comportamento sabotador.


E como se faz isso?


Existem diversas técnicas e recursos que, graças a Deus, estão sendo amplamente divulgados atualmente.


A acupuntura tradicional usa as agulhinhas para fazer o trabalho de desbloqueio do meridiano interrompido. Da mesma forma, eu uso para isso, com bastante satisfação, a EFT, a Peça e Receba, a SET e a PNL, em um trabalho consciente, onde eu e o cliente sabemos exatamente o que estamos fazendo e onde estamos atuando.


Estas são técnicas de mudança rápida de pensamento e estado mental, verificando os resultados na hora. E uso também o ho'oponopono, os florais e o reiki neste trabalho, que atuam onde o consciente não consegue acessar sozinho, deixando que o superconsciente faça a faxina e o desbloqueio necessários para que os problemas tenham finalmente a solução mais adequada.


Chris Ássimos


Fonte: 

Pensamento do Dia, 7 de fevereiro de 2016.



Pensamento do Dia, 7 de fevereiro de 2016.

Sathya Sai Baba.



Aqueles que ficam agitados pelas dúvidas sobre o que aceitar e o que rejeitar, aqueles que estão cegos pela ilusão e aqueles que não conseguem distinguir entre escuridão e luz, morte e imortalidade – todos estes devem se aproximar de grandes pessoas que podem mostrar o caminho para compreender a verdade eterna - a base, por si própria, iluminada de toda a criação.

Então, tanto este mundo como o céu se fundirão no mesmo esplendor!

Por causa desta realização, deve-se ter um anseio profundo e uma prática firme, disciplinada.

Este nascimento humano é a consequência de inúmeras boas ações, e não deve ser posto de lado; a chance deve ser plenamente explorada.

Como a Kenopanishad diz: "Esta preciosa vida atual não deve ser jogada fora."

Quando há tantas chances de salvar a si mesmo, não é uma grande perda desperdiçar todas?

Para todos aqueles que são escravos de orgulho e de características animais, essa atenção ao tempo é o mais importante.

Atraso é improdutivo; é tão ingênuo quanto começar a cavar um poço quando a casa pega fogo.


(Prema Vahini, Capítulo 57)

 

 
Mais artigos atualizados em achama.biz.ly



MAIS PENSAMENTOS AQUI

Por favor, respeitem todos os créditos


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente em cada um de nós.
Atualização diária


EN: Violet Flame