Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

2018 foram muitos ~ Talita Rebello.


2018 foram muitos.

Por Talita Rebello.

31 de dezembro de 2018.

 
 
.
 
 
 
 
 
 


2018 foi, literalmente, mais que um ano. 
 
Foram vários. 
 
Foram vidas. 
 
Tudo se manifestou no agora, simultaneamente. 
 
Eu fui inúmeras de mim. 
 
Experimentei o amargo e o doce de mim. Experimentei o gosto do meu próprio julgamento. Experimentei a submissão ao poder que eu dei a algumas pessoas. 
 
Mas, sem dúvidas, a maior experiência foi com o medo. 
 
Pude perceber o incrível potencial de criação dos meus medos. 
 
Sim, eu os vi de frente mais uma vez. Especialmente, o medo de repetir o passado e o medo de perpetuar padrões sistêmicos. Ele havia colocado importante parte de mim para dormir: algo em mim não parecia vivo.  
 
Fragmentação. Desfragmentação.  
 
Também foi um ano de reencontros. Muitas eras dispostas a convergir, a resolver, a transmutar e a somar. 
 
Limpezas amorosas por meio da construção de novas relações, de novos laços. 
 
Tive a sorte e a honra de conviver com pessoas abertas à expansão, dispostas a enfrentar as próprias verdades, dando precioso espaço para o Universo trabalhar. 
 
Tantas relações nasceram e tantas outras se fortaleceram. Descobrimos novas maneiras de interagir, novas maneiras de servir, novas maneiras de nos expressarmos. 
 
Nem tão novos rumos, mas, certamente, caminhos mais claros e passos mais firmes. 
 
Levo comigo a boa e velha solitude. Aquela parte de mim que dá lugar ao vácuo, que permite um sutil distanciamento e onde acesso um verdadeiro turbilhão de informações em forma de energia (de difícil tradução). 
 
Hoje, o silêncio (em relação ao meu universo interior), que me acompanhou ao longo de boa parte desse ano, cede lugar à gratidão. 
 
Gratidão a tudo que me tirou a paz.  
 
Gratidão a tudo que moveu meu chão.  
 
Gratidão a todas as crises, a todas aa catarses, a todas as críticas,  todos os desentendimentos. 
 
Gratidão, pois me aproximou cada vez mais do meu centro, da minha essência e da pureza do meu coração.  
 
Na certeza de que nada sei. 
 
Na certeza de que a minha verdade só serve a mim. 
 
Na certeza de que estou dando o melhor que tenho. 
 
Desejo a mim e a você um 2019 de profundo amor próprio, de farta colheita e de doçura no caminhar.


Talita Rebello.


 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.

 
 

 


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.





Atualização diária.





 

 



 
 
 
 
Free counters!geoglobe1

 


 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.