Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Abril 16, 2024

chamavioleta

A Nossa Missão, o vosso propósito e o desejo da Fonte

O Conselho Arcturiano da nona dimensão

Canal: Daniel Scranton

Tradução a 15 de abril de 2024

 
Our Mission, Your Purpose & Source’s Desire - The 9th Dimensional Arcturian Council - channeled by daniel scranton
 
 
Saudações. Somos o Conselho Arcturiano. Temos o prazer de nos conectar com convosco.
 
Estamos numa missão, e é nossa missão transformar a consciência no seu estado mais natural. Sabemos que existem enormes oportunidades para fazer exatamente isso em toda a galáxia e no universo, e ainda assim também estamos muito relaxados sobre a coisa toda. Sabe, sabemos que todos estão onde estão espiritualmente, porque essa experiência particular que estão a ter é um componente necessário da experiência da própria Fonte. E assim, se uma consciência não está pronta para se transformar novamente em seu estado natural de unidade, amor e paz, simplesmente permitimos que esse ser continue.
 
Recomendamos que adoptem a mesma abordagem relativamente aos seus semelhantes. Por mais que queiram que todos os outros despertem e estejam exatamente onde estão em sua jornada, por favor, reconheçam que estar onde eles ainda estão serve a um propósito para o Criador, para tudo o que é, para o motor primordial de tudo, e deixem-nos ir.-o ir. Pode permitir que todos estejam exactamente onde estão e que continuem a viver a sua vida com alegria. Não tens de ficar triste porque outra pessoa não está no nível da alegria, porque até a tristeza serve à Fonte, e tudo isto está a serviço da Fonte.o É por isso que quando se aceita algo e segue o fluxo, está-se a viver o seu propósito; está-se a permitir que o serviço à Fonte continue.
 
Quando resistimos e insistimos em que algo ou alguém seja diferente, estamos a tentar fazer o impossível. Está a tentar roubar à Fonte uma experiência que a Fonte quer. Agora, a questão então se torna: 'vtens que ter essa experiência também? E a resposta é simples. Não, Não tens. Não precisa ter a experiência porque outra pessoa a está tendo. E, portanto, todos desempenham perfeitamente o seu papel, e a Fonte é mais completa por ter tido todas as experiências que a Fonte tem através de todos nós. Não se preocupe com o estado do mundo nem com ninguém nele. Pode fazê-lo a partir de um lugar de amor e compaixão, mas não se destina a consertar um mundo destruído, e nem todos receberiam a cura que ofereceu, mesmo que fosse capaz de se aproximar de todos os outros humanos e oferecer a cura.
 
Assim, é melhor fazer o que se sente chamado a fazer e saber que a chamada vem da Fonte. Está destinado a ser único. Os vossos interesses não são por acaso, e podeis confiar que cada alma está a transformar-se. Também sabemos disso, mas ainda assim gostamos de o fazer. Nós ainda gostamos de oferecer o que oferecemos e ver se é o dia dessa pessoa para se transformar de volta em quem ela realmente é como um ser de energia de Fonte. Deixar de lado as atividades egoicas é algo que nem todos querem, mas aqueles de vocês que querem deixar de lado suas atividades egoicas podem, e fazer isso é o desafio que enfrentam como alguém que já reconheceu quem vocês realmente são como seres de energia da Fonte.
 
Suas vidas têm sido sobre aplicar esse conhecimento ao físico e fundir as experiências daquilo que é Deus e daquilo que é humano, daquilo que é não físico e daquilo que é físico. E criarão o melhor dos dois mundos, porque continuarão a alinhar-se com uma versão da realidade em que os outros estão a fazer o mesmo. Isto é, a não ser, é claro, que continue a insistir para que os outros estejam mais adiantados do que realmente estão ou querem estar. Relaxe na consciência da unidade que está sempre presente e é sempre inevitável para todos nós experimentarmos neste belo universo nosso.
 
Somos o Conselho Arcturiano e gostamos de nos conectar convosco.
 
 
Daniel Scranton
Nota: Fonte = Origem, Deus, Amor Incondicional...
 

 
Traduzido com agradecimentos a: 
 
e com ajuda de: translate.yandex.com/
 
 
Eliquetas:
 


As minhas notas:
Deus, a Fonte da vida é puro amor incondicional, não um deus zeloso de [algumas das] religiões dogmáticas.
O Google apagou meus antigos blogs rayviolet.blogspot.com e
rayviolet2.blogspot.com, sem aviso prévio e apenas 10 horas depois de eu postar o relatório de Benjamin Fulford de 6 de fevereiro de 2023, acusando-me de publicar pornografia infantil.
(Uma Grande Mentira)

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub