Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Benjamin Fulford, 2018/07/09: PRISÕES EM AGOSTO, ANÚNCIO SOBRE O 11/09 EM SETEMBRO E JUBILEU EM OUTUBRO?


   PRISÕES EM AGOSTO, ANÚNCIO SOBRE O 11/09 EM SETEMBRO E JUBILEU EM OUTUBRO?

Por Benjamin Fulford,

Sociedade Dragão Branco 

(White Dragon Society), 

9 de julho de 2018

Fonte: https://benjaminfulford.net/

Tradução: Candido Pedro Jorge.

 

 
 

Os mocinhos continuam vencendo a batalha secreta pelo planeta Terra em grande estilo, confirmam várias fontes. Do jeito que as coisas estão agora, haverá uma nova onda de prisões em massa em Agosto, a divulgação oficial do governo sobre o 11/09 em setembro e algum tipo de “grande anúncio econômico em Outubro”, afirmam fontes do Pentágono.

Nos bastidores, reuniões envolvendo os Cavaleiros de Malta, agentes russos do FSB, sociedades secretas asiáticas e outros, estão preparando o caminho para um anúncio econômico, que muito bem poderia ser um genuíno Jubileu acompanhado de um novo sistema financeiro, de acordo com fontes envolvidas nas negociações. Uma vez que as negociações estão em andamento, os detalhes ainda precisam ser discutidos, embora já exista um consenso geral, dizem as fontes.

A chave pode ser a iminente tomada da Suprema Corte pelo Presidente dos EUA, Donald Trump, que abriria caminho para julgamentos de crimes de guerra e o reconhecimento jurídico de um novo sistema financeiro. quando for convocado em Outubro, disseram fontes do Pentágono.

Nessa frente, a "batalha se intensifica, na medida em que a super elite de Trump deteve Brett Kavanaugh, agente de Bush e pode ter sucesso na nomeação de uma mulher ou de um indígena [nativo americano]", disseram as fontes.

A situação chegou ao ponto do New York Times realmente ter anunciado de táticas de “Poderoso Chefão” e rebelião armada, pelo fato de Trump e seus apoiadores estarem preparados para assumirem o controle da Suprema Corte.


Não se surpreendam se em breve a polícia militar ocupar os oficiais desse jornal de traição, uma vez que eles tem de forma consistente e criminosa suprimido a verdade sobre o assassinato de 3.000 nova-iorquinos, em 11 de Setembro de 2001, movimento esse que já  estaria muito atrasado.

Também, temos o ex-secretário de Defesa dos Estados Unidos (e traidor) Leon Panetta, dizendo que os líderes europeus "estão morrendo de medo" de que as tropas americanas sejam retiradas da Europa.

Realmente, devem estar morrendo de medo, já que em sua maioria são criminosos de guerra que já deveria ter sido presos e possivelmente executados se os militares americanos não estivessem a protegê-los.

Agora, a imprensa corporativa, também, está seguindo este boletim informativo (lembre-se de que leram aqui primeiro), ao relatar que a OTAN/NATO e o sistema do pós-guerra estão em perigo mortal, quando temos a Bloomberg informando que a chanceler alemã Angela Merkel está decidida a "lutar pela sobrevivência das instituições globais pós-Segunda Guerra Mundial".

Também, temos a prostituta khazariana, o bardo da corte, o roqueiro irlandês Bono, alertando centenas de funcionários da ONU que as Nações Unidas, a União Européia, a OTAN e o Grupo dos Sete estão “sob ataque”.

Estão sob ataque, porque sua liderança  está conspirando para matar 90% da humanidade, e sua incompetência está levando à maior destruição da vida no planeta, desde que os dinossauros foram extintos, há 65 milhões de anos.

É claro que, como sempre, a máfia khazariana está tentando matar, mentir e subornar para permanecer no poder. Sua mais recente vítima foi o presidente do grupo chinês HNA, Wang Jian que, na semana passada, notícias afirmam que "caiu para a morte ao posar para uma foto na França".

Fontes do Mossad dizem que "não foi um acidente" e que ele foi "afastado, porque estava prestes a testemunhar numa audiência fechada sobre as impropriedades ainda a serem reveladas do Deutsche Bank, possivelmente suficiente para liquidar com o banco. Em certos círculos, sabe-se que a rede  de Hotéis Hilton é um serviço global de lavagem de  dinheiro escuro e que  a família de Wang recebeu uma ordem de mordaça.

“Como sabem, o Deutsche Bank é um estabelecimento George H.W. Bush-Sherff Quarto Reich”, explicou uma fonte da CIA.

É provável que a morte de Wang esteja ligada à execução no Japão, na semana passada, do mandante do ataque com gás Sarin ao metrô de Tóquio e guru do culto Aum, Shoum Asahara e seis de seus principais tenentes, segundo fontes japonesas de extrema direita, próximas ao Imperador.

O governo escravo japonês de Shinzo Abe teme que as verdades sobre o ataque de gás ao metrô, bem como o o assassinato em massa, o evento nuclear e tsunami de Fukushima, sejam divulgados em breve, agora que a Coréia do Norte está cortando suas ligações com os mafiosos khazarianos, dizem as fontes. A execução da liderança da Aum os impede de que sejam questionados por terceiros sobre o que realmente aconteceu.

A conexão com o Deutsche Bank, provavelmente, teria a ver com a lavagem de dinheiro de drogas. Vários jornalistas japoneses foram assassinados depois de informar que o culto de Aum Shinrikyo - aquele do ataque ao metrô - estava vendendo anfetaminas norte-coreanas para gângsteres japoneses, como confirmam fontes do sindicato Yamaguchi Gumi. Além disso, todos os depoimentos e provas sobre o negócio de drogas ilegais, foram retirados do processo de julgamento relacionado à Aum, há décadas.

Esse escritor já foi abordado por um ex-escravo sexual relacionado com a Aum, que disse que a principal hierarquia do culto envolvida nos ataques de gás eram os gângsteres norte-coreanos e que acima deles havia "judeus do tipo Al Qaeda". Aum era a fachada da Igreja de Unificação do Reverendo Moon, que há muito trabalhou no negócio internacional de narcóticos e de armas com os nazistas sob o comando do Fuhrer Bush, disseram as fontes da direita japonesa.

Além disso, no dia do ataque com gás ao metrô, em 20 de Março de 1995, balões da Coréia do Norte carregando um “líquido não identificado” aterrissaram em todo o Japão, levando a mensagem de que esse ataque era “vingança pelo centésimo aniversário do assassinato da Imperatriz Myung Sung”. Myung Sung desejava estreitas relações com a Rússia, a fim de combater as tentativas japonesas de colonizar a Coréia e, por isso os japoneses a assassinaram e começaram a colonizar a Coréia. Também, vale a pena notar que o culto Aum possuía dezenas de milhares de seguidores russos.

Em geral, a situação é muito complicada e envolve muitas pessoas, muitas delas ainda no cargo que, somente, a criação de uma comissão da verdade pode ser a única maneira da opinião pública mundial descobrir o que realmente aconteceu.


Nessa frente, coreanos e japoneses devem notar que o recém-eleito presidente mexicano López Obrador, está contemplando a criação de comissões da verdade para resolver a guerra às drogas naquele país. Legalizar e regular as drogas, ao mesmo tempo em que oferece anistia aos chefões das drogas, seria um grande golpe para a máfia das drogas de Bush. O México, agora, é o mais recente dominó a cair, na medida em que a máfia khazariana perde o controle de país após país.

O próximo dominó a cair bem que poderia ser o Brasil. Lá, a governança cleptocrática do presidente Michel Temer está cambaleando sob o peso de uma greve de caminhoneiros de dez dias que está sendo apoiada agora pelos trabalhadores do petróleo. Por sua vez, os militares não seguiram ordens para acabar com a greve. A raiva pelo saque do Brasil em nome de mestres estrangeiros (erroneamente rotulado como “privatização”) é a principal razão para essa greve.

“A luta continua para retomada de poder da direita e reverter a liberalização econômica, abrindo as portas para a possibilidade de um tipo diferente de sociedade”, foi como Alistair Farrow, do Socialist Worker News, descreveu a situação.

Com a queda do regime criminoso brasileiro, a resistência khazariana remanescente seria o regime alemão de Angela Merkel, o regime escravo francês do presidente Emmanuel Macron, o regime escravo de Shinzo Abe no Japão e, claro, o arqui criminoso e nazista Benjamin Netanyahu, de Israel. Uma vez que eles sejam removidos, será o fim de jogo.

Nesta frente, precisamos lembrar aos leitores que, durante seus anos como empresário, toda vez que Donald Trump ia à falência, eram os Rothschilds que o resgatava. Na semana passada, um agente do Mossad enviou a seguinte mensagem ao escritor: “Diga ao seu amigo que ele está 100% correto com sua analogia de Trump com ‘A Família'. Eles o apoiaram, não apenas financeiramente, mas também abrindo portas difíceis, permitindo que ele se misturasse com as elites, desde os dias de Roy Cohn.

Todavia, os agentes do Mossad não são todos maus. Dentro dele, existem aqueles que estão manobrando eventos em favor de Trump e ajudando-o a drenar o pântano. ”

Eles também enviaram a seguinte foto mostrando Trump em Teerã, no Irã, em 1979, onde ele planejava abrir um cassino, antes que a revolução iraniana interrompesse seus planos.

O que isto significa é que, enquanto a oligarquia khazariana foi dividida entre nazistas (“guerra ao terror” somado ao dinheiro das drogas) e os aquecedores globais (fraude do comércio de carbono), parece que uma terceira facção para “drenar o pântano” está emergindo. Teremos que esperar e ver se estes, realmente são "os mocinhos". Suas ações dirão.

Do jeito que as coisas estão agora, de acordo com fontes do Pentágono, “o sistema financeiro quântico, apoiado por ativos, está pronto, mas que, no entanto aguarda a cúpula de Trump-Putin, a redefinição global das moedas, prisões em massa e soluções geopolíticas”.

As fontes também estão dizendo que a quarentena no planeta Terra pode ser levantada e que, em breve, “a força espacial de Trump poderá ter uma guarda espacial para policiar as viagens espaciais civis”. Parece ótimo, todavia, só acredite quando puderem comprar uma passagem para outro planeta em sua agência de viagens local.

Numa nota final não relacionada, a seguinte notícia sobre aranhas voando “milhares de quilômetros usando eletricidade” chamou nossa atenção.

Anos atrás, um pesquisador russo me disse que descobriram que os insetos usavam a antigravidade. É por isso que os zangões podem voar, embora a teoria aerodinâmica atual diga que eles não possam. Se os insetos podem usar a antigravidade, também, poderemos fazer isso. Mais uma vez, porém, só acredite quando você puder comprar um tapete voador ou uma scooter antigravidade em sua loja local.

 
Concluindo, tudo o que, com certeza, podemos dizer é que a humanidade está entrando em território desconhecido. 
 
Fim.


Benjamin Fulford
 

 
 
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.





Atualização diária.

 
 
geoglobe1
 
1 via PayPal