Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

O Estado Profundo quer remover Trump a todo custo usando os Democratas


Fonte: http://www.whatdoesitmean.com.

A luta pelo poder, com a tentativa dos Democratas [leia-se Deep State (estado profundo)] de remover Trump da Casa Branca, é com base em mentiras, repetidas incessantemente pelo estabelecido, através da média (mídia) convencional 

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch
 

.
 
 
 
 

Ontem, liberamos um novo relatório com informações importantes, mostrando que por 35 meses seguidos, mesmo antes da posse do presidente Donald Trump, seus inimigos membros do Governo (Deep State) Oculto tentam seu impeachment, para remove-lo do cargo para o qual foi eleito pelo povo norte americano e expulsá-lo da Casa Branca – e, nesse sentido, compilaram uma lista 89 ofensas que eles alegam pelos quais ele pode ser acusado – um número tão grande que alguém poderia ser desculpado por rir – ou seja, até que todos tomem conhecimento de um documento pouco conhecido de fevereiro de 1974 intitulado “Motivos Constitucionais para o Impeachment Presidencial”, escrito durante o Escândalo de Watergate em 1974 que forçou o renúncia do Presidente Richard Nixon.


“A essência de Lúcifer é a mentira, e ele se define como: ‘Eu sou quem não sou’ – Lúcifer tem muito pouco problema com aqueles que não acreditam nele; eles já estão do lado dele”.
Reverendo-Bispo Fulton J. Sheen (1895-1979) – de seu livro A Vida de Cristo

O que poucos sabem é que a principal autora deste documento, já com mais de 45 anos, era então uma jovem colaboradora do Comitê Watergate dos Estados Unidos chamada Hillary Rodham, na época com 27 anos de idade – hoje conhecida como Hillary Clinton – que foi encarregada de escrevê-lo por seu chefe John Doar, que era o  Conselheiro Especial do Comitê da Câmara dos Estados Unidos no Judiciário – e em que Hillary Rodham Clinton  e sua equipe afirmaram que o padrão de  “Graves crimes e contravenções” da Constituição  dos EUA pelos quais qualquer presidente dos EUA poderia ser impugnado que poderia ser ignorado pelo Congresso dos EUA e substituído por tudo o que seus membros decidiram entre si era uma ofensa impensável – afirmar que mais ofensas de impeachment contra um presidente  eram aconselháveis ​​do que apenas algumas – e que, se usadas, teriam negado ao presidente Nixon o direito de defesa quando o comitê investigasse se deveria recomendar seu impeachment.


Durante a última eleição presidencial nos EUA de 2016, o trabalho de Hillary Clinton em reverter o padrão da Constituição dos EUA para destituir um  presidente – incluindo negar ao presidente eleito a capacidade de se defender – foi ofuscado por declarações concorrentes sobre quando ela foi demitida pelo Comitê Watergate – com Jerry Zeifman,  Conselheiro Geral do Comitê Watergate durante as  audiências do escândalo Watergate, descreve em seu livro Hillary’s Pursuit of Power, e durante várias entrevistas, acusando-a de ser uma “mentirosa” patológica, uma pessoa “antiética” e de “conspirar para violar a Constituição” durante o inquérito de impeachment de  Watergate, e foi a razão pela qual ele a demitiu naquele momento – mas cuja acusação esta sendo contestada hoje por Hillary Clinton  com apoio dos veículos da “mídia mainstream” (controlados pelo Deep State e pró Democratas e anti Trump) que disse que isso não era verdade .
Como em todos os casos em que a verdade entre as reivindicações concorrentes precisa ser decidida, elas são apresentadas através do que é conhecido como Processo de Investigação – que é uma progressão de atividades ou etapas que passam de tarefas de coleta de evidências, provas, análise de informações, desenvolvimento de teoria  e desenvolvimento e validação, para formar uma base razoável de defesa daquilo que esta sendo exposto – e no que se refere a se, ou não, Hillary Rodham-Clinton foi demitida por ser uma pessoas “mentirosa”, “antiética” e de “conspirar para violar a Constituição”, só se pode usar evidências passadas e presentes existentes no momento em que ela foi demitida – descartando, assim, tudo o que aconteceu depois, mesmo que pareça relevante.
As evidências que provam além do mais alto padrão de dúvida razoável de que Hillary Rodham-Clinton, de fato, “conspirou para violar a Constituição” dos EUA podem ser vistas em sua criação do documento “Fundamentos constitucionais para impeachment presidencial” contra o Presidente Nixon durante o caso Watergate, especialmente porque viola a Sexta Emenda que garante o direito de todos os cidadãos americanos indicar ou nomear um advogado para representá-los contra qualquer tipo de acusação e / ou ofensa contra eles, mas um direito que ela procurou negar a Nixon- e explica por que ele renunciou ao se deparar com a possibilidade de não ter um advogado para defendê-lo.
Além disso, e usando o mesmo padrão de dúvida razoável, a evidência de que Hillary Rodham-Clinton é, de fato, uma “mentirosa patológica” e uma pessoa “antiética” (e uma satanista) pode ser encontrada em sua tese de faculdade de 2 de maio de 1969 intitulada “Existe apenas a luta: uma Análise do modelo de Alinsky”- na qual ela exalta a ideologia radical do judeu khazar comunista marxista Saul Alinsky.
Em seu manifesto pela derrubada dos Estados Unidos pela força revolucionária, Alinsky diz a seus resistentes-revolucionários que qualquer mentira pode ser contada e espalhada enquanto a mentira trabalhar para alcançar seus objetivos sejam eles quais forem – um manifesto comunista chamado apropriadamente de Regras para os radicais ”- e que Alinsky dedicou a Lúcifer, que ele disse ser “o primeiro radical conhecido pelo homem que se rebelou contra o establishment e o fez com tanta eficácia que ele pelo menos ganhou seu próprio reino”, que foi governar o planeta Terra.
A análise das informações que comprovam, além do mais alto padrão de dúvida razoável, que Hillary Rodham-Clinton foi e é uma (satabista) “mentirosa antiética que conspira para violar a Constituição”, leva esmagadoramente à conclusão de que ela foi demitida como disse Jeffrey Zeifman, conselheiro geral da Watergate, que então inicia a fase de desenvolvimento da teoria deste processo de investigação para supor que suas ações foram baseadas em sua intenção de derrubar o governo existente dos Estados Unidos.
O objetivo subjacente era tornar o pais em um estado socialista– marxista comunista – mas na fase de validação desta nossa investigação, deve ser apoiado por mais evidências que provem que ela realmente pretendia fazê-lo – e, se for verdade, veria Rodham-Clinton e as forças que a apoiam, tentando forçar os EUA com uma agenda revolucionária comunista radical delineada por seu mentor Saul Alinsky – e cujos 8 passos para realizar tal revolução são:
  1. Assistência médica – Controle a assistência médica e você controla as pessoas
  2. Pobreza – Aumente o nível de pobreza o mais alto possível, as pessoas pobres são mais fáceis de controlar e não reagirão se você estiver providenciando tudo para elas viverem.
  3. Dívida – Aumente a dívida para um nível insustentável. Dessa forma, você poderá aumentar os impostos e isso produzirá mais pobreza.
  4. Controle de armas – Remova a capacidade do povo de se defender do governo. Dessa forma, você é capaz de criar um estado policial.
  5. Bem-estar – Assuma o controle de todos os aspectos de suas vidas (cultura, alimentação, moradia e renda).
  6. Educação – Assuma o controle do que as pessoas leem e ouçam – assuma o controle do que as crianças aprendem na escola.
  7. Religião – Remova a crença em Deus do governo e das escolas.
  8. Guerra de Classes – Divida as pessoas entre os ricos e os pobres. Isso causará mais descontentamento e será mais fácil levar (tributar) os ricos com o apoio dos pobres.
Donald J. Trump
 
@realDonaldTrump
 
 
150K people are talking about this
 
 
 
 
Ao seguir o Processo de nossa investigação para mostrar a você o grave e presente perigo ao que o povo norte americano está realmente exposto nos dias atuais, devo dizer que agora está muito pior do que você possa imaginar – e é por causa do homem chamado William Weld que trabalhou com Hillary Rodham-Clinton, do comitê Watergate, para derrubar o presidente Nixon e ajudá-la a escrever seu documento anticonstitucional – e que agora está dizendo que não apenas o presidente Trump deve ser impugnado, mas que ele também deve ser executado .
Nos próximos dias, semanas, meses e até anos, se necessário, minhas queridas irmãs o manterão informado com as informações e fatos verdadeiros que você precisa saber para discernir e para lutar contra as forças das trevas que servem a Lúcifer que tentam destruir o presidente Trump e o povo norte americano – na medida em que o presidente dos EUA agora está sendo cruelmente atacado por fazer ao presidente da Ucrânia perguntas sobre corrupção em seu país que podem ter sido cometidas pelo ex-vice-presidente Joe Biden (principal candidato democrata as eleições presidenciais de 2020) e seu filho viciado em drogas, Hunter Biden- perguntas que Trump  realmente não teve escolha a não ser perguntar a Zelensky, como manda a Constituição que ele fez um juramento de defender e faz dele o principal executor da lei nos Estados Unidos – e, se não perguntasse, o veria quebrar esse juramento.
Esses fatos e verdades, no entanto, não podem continuar chegando até você, a menos que você perceba o grave perigo em que está o mundo – e ao perceber – comece a apoiar aqueles poucos de nós que ainda o fazem – caso contrário, tudo o que restará são mentiras contadas a você por Lúcifer e seus seguidores – todos cujos nomes e principais organizações de mídia você já conhece sem que seja preciso aponta-los.
Com fé em Deus, Irmã Ciara, Dublin, Irlanda, em 26 setembro 2019. http://www.whatdoesitmean.com/

 
A Matrix (o SISTEMA de CONTROLE MENTAL):  “A Matrix é um  sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres… As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando salvar. “Mas até que nós consigamos salvá-los, essas pessoas ainda serão parte desse  sistema de controle e isso os transformam em nossos inimigos. Você precisa entender, a maioria dessas pessoas não está preparada para ser desconectada da Matrix de Controle Mental. E muitos deles estão tão habituados, tão desesperadamente dependentes do sistema, que eles vão lutar contra você  para proteger o próprio sistema de controle que aprisiona suas mentes …”



 


 
Para outros artigos espirituais e denúncias por favor visite:





Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcansar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


 
 


Recomenda-se o discernimento.

 


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


 

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 

 
Atualização diária.
 
Free counters!



geoglobe1


 


 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.