Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Março 31, 2023

chamavioleta

O QUE ACONTECEU COM SEU CORAÇÃO?

Channel: Brenda Hoffman

Tradução:  De Coração a Coração 

a 30 de março de 2023

 

 

Meus queridos,
 
Você nem sempre entende por que suas ações e palavras agora são tão diferentes. Você, um cuidador conhecido, parece mais frio e distante. Onde está o teu coração? Assim como seu novo ser está mudando, também estão mudando as ações do seu coração ou, neste caso, as ações de cuidado.
 
Você já assumiu que cuidar era uma indicação de como você era amoroso. Mas, na verdade, cuidar, amar os outros, apesar do dano físico ou emocional a si mesmo, não era amor; era o que você achava que o amor deveria ser.
 
O verdadeiro amor não é amar alguém em detrimento de si mesmo – como demonstrado por cônjuges ou pais abusados. Esse amor não vem de dentro; é baseado no medo.
 
Você já acreditou que não seria amado a menos que se dedicasse ao bem-estar dos outros.
 
O amor agora se transformou em um conhecimento de que você deve cuidar de si mesmo e dos outros – geralmente com uma abordagem mais distante. Um pouco como esperar que seu filho pegue seus brinquedos, não importa quanto tempo demore.
 
Você não sente mais a necessidade de proteger ou salvar alguém de si mesmo. Você também não sente a necessidade de ouvir seu último medo ou doença, uma vez que sabe intuitivamente que nenhum dos dois é apropriado para a situação.
 
O despertar do seu amor-próprio criou muitas mudanças inesperadas em seu ser – uma das quais é a sua necessidade de cuidar de si mesmo antes dos outros.
 
Essa última afirmação provavelmente soa fria para aqueles que ainda não passaram por essa situação com sua família, amigos ou colegas de trabalho.
 
A primeira vez que você afirmar que outras pessoas podem cuidar de si mesmas ou concluir um projeto sem a sua ajuda, você se sentirá mau e errado. Na 3D, você teria assumido ambos os rótulos dentro de seu ser e das pessoas com quem interagiu. Na 3D, dizer “não” foi rotulado como mesquinho, amor duro, egoísta, cruel e milhares de outras palavras indicando que você estava errado e a sociedade estava correta.
 
Esses rótulos não se aplicam mais. Não porque a sociedade mudou drasticamente, mas porque você mudou. Onde antes você agia com base nas expectativas de si mesmo e, mais importante, da sociedade, agora você está dizendo “não” – não em voz alta, mas com uma voz calma de amor próprio que os outros nem sempre entendem. Pois onde está o zelador, o eu superior de limpeza, o servo emocional dos outros?
 
Você não se tornou tão frio que se recusa a ajudar os outros. Mas, em vez disso, sua ajuda agora é baseada em seus sentimentos internos, em vez de deveres sociais. Assim, alguns familiares e amigos ficarão horrorizados com suas palavras e ações, pois parecem tão anti-sociais, pois não é o que a sociedade indica que você deve fazer.
 
Esta é uma mudança esperada.
 
Na 3D, você nunca foi treinado para experimentar ou expressar amor próprio. Em vez disso, sua ênfase era cuidar dos outros, apesar do que você precisava ou queria. O sacrifício foi recompensado. O amor-próprio foi rotulado de antissocial. As pessoas que praticavam o amor-próprio antes dessa transição foram rotuladas de mesquinhas, ingratas, egoístas e fora da sociedade.
 
A diferença entre amor-próprio e auto engrandecimento é a sua voz interior. Seu ser interior ajuda você a entender a diferença entre ações sem coração – que resultarão em grande dor interior – e ações sinceras que o ajudarão a brilhar. Você está atualmente aprendendo a discernir entre os dois.
 
Um discernimento que confunde. Mesmo que sua voz interior seja facilmente acessível, as regras sociais com as quais você está familiarizado também são. E se você seguir sua voz interior, haverá momentos em que a sociedade indicará que você está errado ou é uma pessoa má.
 
Você será forte o suficiente para negar as antigas regras de sua vida 3D? Claro. Isto é, quando você estiver pronto para fazê-lo, pois este é o seu plano de aula progressivo neste novo mundo.
 
Você começou com o básico e está se formando para o amor próprio por si e pelos outros. Pois haverá momentos em que você deve permitir que os outros tenham a liberdade de serem eles mesmos, assim como você permite o mesmo para si mesmo.
 
Mas, ao fazer isso, alguns de vocês sentirão que não são mais necessários ou importantes. Ou seja, até você perceber que o amor-próprio não exige recuar, parar ou impedir seu desenvolvimento interior porque alguém quer que você cuide deles.
 
Este é um novo mundo em que o amor próprio e o amor estão se tornando os elementos-chave em sua vida e na vida dos outros. Permita-se fluir para ele sem auto medo, auto raiva ou autodepreciação. Sua hora chegou – como é verdade para todos aqueles da Terra que desejam evoluir para um novo ser amoroso.
 
Ao mesmo tempo, aqueles que desejam permanecer no medo da 3D não são da sua conta.
Eles estão evoluindo como querem – assim como você.
 
Que assim seja. Amém.
 
Brenda Hoffman
 
 
Direitos Autorais
Copyright 2009-2017, Brenda Hoffman.
Todos os direitos reservados.
 
Por favor, sinta-se livre para compartilhar esse conteúdo com outras pessoas, postar em seu blog, adicionar ao seu boletim, etc, mas mantenha a integridade deste artigo, incluindo o autor/canal: Brenda Hoffman & a fonte/link do site:
 
 

 
Transcrito por achama.biz.ly com agradecimentos a: 
 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub