Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

O Universo sempre te levará a evolução inevitavelmente.

O Universo sempre te levará a evolução inevitavelmente.

Igor Mocarzel.

21 de março de 2020. 

 
 
.
 
 
 

 
 

Durante o nosso desenvolvimento terrano, passamos por muitos altos e baixos. Vivemos diversas experiências que vão, pouco a pouco, moldando a nossa personalidade e ensinando tudo aquilo que realmente precisamos. Entretanto, a evolução e o ensinamento, muitas vezes, não são lineares. Algumas fases são mais dolorosas e tortuosas por opção nossa. 
 
Viver encarnado é uma das experiências mais difíceis de todo o Universo. Sentir a dualidade e buscar a unificação não é uma tarefa fácil, porém, também não é impossível. Estamos aqui justamente para elevar ainda mais a nossa vibração, e a consequência disso é chegarmos cada vez mais perto da unificação: o famoso “retorno ao nosso lar”.
 
Agora, olhe para trás e veja o quanto evoluiu até o exato momento em que está lendo esse texto. Perceba quantos obstáculos te pareciam impossíveis, mas que já foram superados com muita honra e louvor. Analise quantas pessoas entraram e saíram da sua vida, deixando uma mancha de dor ou um perfume de gratidão em seu Ser. Sinta em seu coração a sua vibração e perceba o quanto já transmutou para alçar voos mais altos.
 
Sempre que subimos um degrau de nossa evolução pessoal, elevamos a nossa vibração. A partir desse momento, não tem mais volta ao estado anterior de vibração (salvo raras exceções). Cada obstáculo vencido significa um padrão de vibração mais sutil, ou seja, mais perto da unificação você está. Assim, você será jogado para um novo patamar de existência e experiência na fisicalidade. Em outras palavras, novos ciclos se iniciarão e o velho ficará para trás, necessariamente.
 
Contudo, a nossa evolução não é exatamente tão linear. Com o excesso de apego aos velhos ciclos, vamos “atrasando” e “emperrando” nossa mudança para o novo patamar já alcançado. Essa “trava” acontece quando as coisas não andam e não fluem em nossas vidas, porque insistimos em continuar parados ou acostumados com o habitual. À medida que insistimos em voltar para o velho, mais forte será a “pancada” que o Universo nos dará. A evolução é necessária, irrefreável e contínua, por mais teimosos que venhamos a ser.
 
Caso você opte por continuar no velho padrão, passará a perceber que os amigos deixam de agregar, o relacionamento passa a se tornar desgastante e os ambientes que antes eram de extrema alegria se tornam lugares de ansiedade, dor e frustração. No fim do dia, a sensação de deslocamento, vazio e o sentimento de confusão permanente passarão a morar em seu coração. É aí que muitas depressões começam.
 
Quantas pessoas já não ressoam mais com você, mas você continua insistindo em manter a amizade?
 
Por que ainda manter um relacionamento que apenas traz dor e sofrimento?
 
Quantos ambientes você já não tem mais vontade de frequentar, mas insiste em ir por convenção social?
 
Qual é o sentido de manter o velho que te destrói pouco a pouco, por dentro?
 
Por que alimentar esse medo pelo novo e abraçar o antigo paradigma com unhas e dentes, mesmo que isso possa afetar a sua saúde física e mental?
 
É quando tudo se modifica que, neste exato momento, nós começamos a levar um puxão de orelha do Universo. Mesmo que seja uma pequena mudança vibracional, jamais poderemos retornar ao estado anterior. Por maior que seja a saudade dos “velhos tempos”, este não será como antes. O Universo é expansivo e, invariavelmente, nos empurrará para o progresso. Mesmo que alguém não queira, ele empurrará para a evolução. É aqui que testamos o princípio da impermanência.
 
O pequeno salto vibracional é o suficiente para que o Universo comece a se realinhar e você receba pessoas, circunstâncias e trabalhos condizentes com a nova vibração que conquistou. Não há mais volta, pois você entrou em um novo caminho e deverá deixar para trás tudo o que não combina mais com a vibração que conquistou - claro que existem exceções, porém são raríssimas MESMO. É o momento do desapego, fase de encerramento de um ciclo, para que o novo seja aberto.
 
Muitas pessoas insistem em continuar no padrão anterior. Desejam voltar para a antiga vibração, mas isso não é mais possível. No momento em que desejam retornar para o velho, as dificuldades da vida começam a acontecer. O Universo trata de chamar sua atenção até que perceba que aqueles antigos padrões já não servem mais para a sua evolução. À medida que vamos negando os sinais do Universo, recebemos cada vez mais “pancadas”. Os obstáculos começam a ficar mais pesados, mais sofridos e mais difíceis, justamente para que abandonemos a antiga vibração.
 
É aí que o Universo te chama de “BURRO”! Ele te manda uma infinidade de sinais para abraçar o novo que VOCÊ mesmo desejou, mas você simplesmente acaba fechando os olhos por pura teimosia do ego. Opta por continuar com o velho, sabendo que dentro de você já nasceu o novo. O Universo dá em suas mãos o que deseja e você joga fora pela janela.
 
Convenhamos, não é muita “burrice”? Pedimos tanto por algo e quando vamos receber, dizemos NÃO. É exatamente assim que agimos com o Universo.
 
O livre arbítrio é absoluto até para o sofrimento. Porém, a evolução e o desenvolvimento são inerentes à experiência terrana. Você receberá “pancadas” cada vez mais violentas do Universo até desistir de ser teimoso para, finalmente, enxergar o caminho que te espera.
 
Posso escolher continuar com o velho? Claro que posso, mas terei sofrimentos ainda mais fortes.
 
Posso escolher e aceitar o novo caminho condizente com a minha vibração? Também posso, afinal, as escolhas são nossas.
 
“UMA MENTE QUE SE ABRE A UMA NOVA IDEIA JAMAIS VOLTARÁ AO SEU TAMANHO ORIGINAL” - Albert Einstein. 
 
Com muito amor, verdade sincera e gratidão,
 
 
Igor Mocarzel


 

Site Pincipal: http://achama.biz.ly/
 
 
 
 
Para outros artigos espirituais e denúncias por favor visite:
 
BitChute Channel do Jordan Sather




Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcançar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.

 
Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 

 
Atualização diária.
 
Free counters!



geoglobe1