Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Permita-se perdoar - a si e a todos os outros


 

Permita-se perdoar - a si e a todos os outros

Jesus (Issa; Sananda) 

Through John Smallman. 

Canalizado a 3 de maio de 2020

Tradução: Candido Pedro Jorge

a 6 de de maio de 2020

 

 
 

São todos UM, porque existe apenas UM, Aquele que é a Fonte, Mãe/Pai/Deus, Amor, que está eternamente presente nos corações de todos os seres sencientes, porque É a força da vida, a Consciência consciente de Si como indivíduo em toda e qualquer expressão perfeita e bela de Si Mesma.

No entanto, na forma, como humanos, são livres para aceitarem os limites que uma forma humana lhes impõe, ou para se reconhecerem como UM com a Fonte. Principalmente, aceitam as limitações da forma e, ao longo dos tempos, essas limitações os distraíram da escolha de conhecerem a si mesmos como realmente são.

Não obstante, o caminho para recordar Suas verdadeiras e eternas naturezas, como o Amor foi estabelecido no momento em que entraram na forma para que nunca se perdessem totalmente, incapazes de encontrarem o caminho de Casa.

Agora, a humanidade avançou lindamente para revelar ou descobrir esse caminho e, como consequência, um número enorme de pessoas que aparentemente – e, apenas, aparentemente - se perderam na forma, separadas de Deus, encontram surgindo dentro de si o conhecimento de que há muito mais na vida, abundantemente mais do que aquilo que estão experimentando na forma.

Fizeram uma escolha coletiva irreversível e tomaram a decisão de retornarem ao Lar, para despertar.  Esse processo de despertar é o que a humanidade, agora, está experimentando como uma miríade de crenças e as atitudes e comportamentos resultantes nos quais se envolvem, estão surgindo em suas consciências e sendo vistos pelo que são - irreais e inválidos.

Isso é inquietante e perturbador, porque parece sugerir que estão desperdiçando suas vidas seguindo falsos deuses e profetas que os desencaminharam - causando-lhes intensa dor e sofrimento - enquanto os encorajam a julgar, condenar e destruir outras pessoas com diferentes sistemas de crenças.

Como são todos UM, obviamente, tentar viver assim é completamente insano e, ainda assim, é o que a maioria tem feito, vida após vida. Tornar-se consciente disso é realmente chocante, e muita culpa surge causando mais dor e sofrimento.

Mas o Amor, o Todo, suas verdadeiras e eternas naturezas, é eterna e totalmente incondicional na aceitação amorosa de cada um de vocês, independentemente de quaisquer crimes indescritíveis que pareçam ter cometido. Na verdade, nunca cometeram sequer um crime, nem fizeram algo para desagradar a Deus ou ferir alguém, porque, de forma permanente e eternamente, estão unidos à Presença de Mãe/Pai/Deus e nunca, mesmo por um instante, separados desse estado, terem feito ou sido qualquer coisa que não esteja em completo alinhamento com o Amor é impossível.

O mundo da forma é ilusório, um mundo de sonhos em que existe no tempo, limitado e que se desintegrará completamente no tempo. O tempo é ilusão e, quando acordarem, assim como está programado, o tempo e a ilusão terão se dissolvido ou desintegrado no nada - a irrealidade egoísta - da qual surgiram, não deixando o menor traço, porque, sendo irreais, nunca existiram.

Para despertar, tudo o que precisam fazer é se libertarem do domínio insano e aterrorizante do irreal e, de perdoarem totalmente a tudo e a todos os demais, sem exceções pelos aparentes crimes, sofrimento e dor que parecem que cada um de vocês ou quaisquer outras pessoas cometeram neste estado irreal. Julgar e condenar um ao outro se tornou endêmico no estado irreal de existência em que a vida, na forma humana proporciona.

Deixem tudo ir! Sem exceção, todos vocês são o Amor encarnado, o Amor confuso e, agora, o Amor despertando e retornando ao Divino Lar, do qual, Ele, na verdade, nunca esteve separado, nem por um breve instante.

Diariamente, adentrem em seus sagrados santuários interiores, sabendo - como sabem profundamente – que, inseparavelmente, são UM com a Fonte. Sendo assim, todos são seres perfeitos de Luz, de Amor e de infinita Beleza e Sabedoria e, sempre o foram. 

Permitam-se perdoar - a si mesmos e a todos os outros. Quando, realmente, se libertam da culpa, da vergonha e da culpa, do ressentimento, da amargura e do ódio, será como se um peso ou um enorme fardo tivesse sido removido ou tirado de vocês e, se sentirá leves, livres para se movimentarem com facilidade, amorosamente e com mais compaixão entre suas famílias, amigos e todos os outros com quem escolhem interagir de alguma maneira - pessoalmente ou por meio das várias formas de mídia disponíveis devido à tecnologia moderna.

São todos filhos abençoados e amados de Deus que os criaram em Amor, para estarem em alegria eterna. Dormiram e sonharam com coisas irreais temerosas e, logo acordarão. Sim, alguns podem optar por não acordar neste momento e se encontrarão num ambiente que se adapte totalmente a essa escolha e na qual se sentem à vontade.

Eles, também, acordarão porque, sem qualquer um de vocês, Deus estaria incompleto, algo que é absolutamente impossível de acontecer, Deus estar incompleto. Lembrem-se de que ninguém, nunca, nem por um momento, esteve separado da Fonte e, isso, também, se aplica àqueles que decidem adiar o despertar.

Rejubilem-se em saber - mesmo que ainda não sintam - que devem despertar para uma alegria infinita e passarem esses dias restantes no mundo, mas não neste, uma vez que suas intenções de serem apenas amorosos, lhes trará uma sensação de paz e felicidade fluindo através de vocês e para todos com quem interagem, levando a todos uma confirmação energética de que tudo está bem, de que não há nada a temer


Seu irmão amoroso, Jesus. 
 
 
 
John Smallman
 
 
 

 
NR: Tudo indica que o nome Jesus não é verdadeiro. Parece que foram os fariseus que lhe deram esse nome com desdém uma vez que significa algo como "o rejeitado". A igreja de Roma adotou-o no ano 315. 
Segundo uma obra recebida via sinais de rádio tipo morse na década de 1980, o segundo livro da série de Phoenix Journal "AND THEY CALLED HIS NAME IMMANUEL --- I AM SANANDA" o seu verdadeiro nome parece que é "Essu Emanuel" (gafia em português).
 
 


 

 Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcansar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos

 
 

Recomenda-se o discernimento.

 

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

 

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 


Para outros artigos espirituais e denúncias por favor visite:


 
Atualização diária.
 
Free counters!



geoglobe1