Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Novembro 18, 2015

chamavioleta

Sasquatch, Bigfoot (Pé Grande) existe, afirmam cientistas

Publicado anteriormente a 17/03/2015

bigfoot

Bigfoot (ou Sasquatch – o Pé Grande) existe afirmam cientistas, depois de cinco anos de pesquisa: Veja o vídeo.



A equipe de cientistas gastou mais de £$ 300.000 (cerca de US$ 1 milhão) investigando o que eles afirmam ser uma prova de que essas míticas (até então) bestas existem.

Mas a foto, que saiu hoje, parece ter subitamente assumido um novo significado, pois os cientistas soltaram uma bomba – eles afirmam ter encontrado evidências de DNA para provar a existência dessas criaturas. John Stoneman, 57 anos, estava dirigindo seu carro na companhia de sua namorada há duas semanas quando avistaram a forma corpulenta misteriosa se movendo nas árvores a cerca de 200 metros de distância.

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Bigfoot (ou Sasquatch – o Pé Grande) existe afirmam cientistas, depois de cinco anos de pesquisa: Veja o vídeo.

Fonte: http://www.mirror.co.uk/

Por Christopher Bucktin

Caminhando através de uma floresta, enquanto um transeunte que passava calhou de ter uma câmera fotográfica à mão, e fotografou este Bigfoot de sete pés de altura” (2,15 metros) e que poderia ser facilmente descartado como sendo um grande cara em um traje peludo.

Mas a foto (abaixo, a seguir), que saiu hoje, parece ter subitamente assumido um novo significado, pois os cientistas soltaram uma bomba – eles afirmam ter encontrado evidências de DNA para provar a existência das criaturas.




Caminhando através de uma floresta, enquanto um transeunte que passava calhou de ter uma câmera fotográfica à mão, e fotografou este “Bigfoot de sete pés de altura”

Os pesquisadores nos EUA têm relatado suas descobertas, depois de terem gasto £$ 300.000 e passarem cinco anos investigando os avistamentos do Bigfoot, ou Sasquatch como é conhecido na América (nos Himalayas é conhecido como Yeti).

O Dr. Melba Ketchum, um veterinário qualificado, que liderou a equipe, destacou que foi um “estudo sério”. Em seguida, acrescentou: “Não só o DNA comprova a sua existência, eu realmente o vi. Eles são um tipo de pessoa humana, um híbrido humano. ”

Talvez explique as muitas imagens borradas do Bigfoot ao longo dos anos, ela disse: “Eles podem nos iludir. Se você assim mesmo conseguir fotografá-lo, vai ser muito fugaz“. As descobertas, reveladas no Texas pelo Projeto Genoma Sasquatch, deve fazer uma leitura interessante para o homem que fotografou a criatura na floresta.




John Stoneman, 57 anos, estava dirigindo seu carro na companhia de sua namorada há duas semanas quando avistaram a forma corpulenta misteriosa se movendo nas árvores a cerca de 200 metros de distância.

Ele disse: “Eu sou um cético, mas isso não era um urso. É mais largo nos ombros e se reduz – um urso é maior no meio e fica diferente. Este estava em pé como um homem, como um Bigfoot. Tinha cerca de sete pés “(2,15 metros) de altura“.

John, um engenheiro florestal, disse que tirou as fotos em Kinzua State Park, Pennsylvania, uma vez que diminuiu a velocidade do seu carro. Algumas imagens até parecem mostrar uma segunda criatura.

Durante o anúncio do Projeto Genoma Sasquatch, os cientistas publicaram imagens do Bigfoot de uma equipe com projeto semelhante, o Projeto de Erickson, que disse que tinha um “vídeo definitivo e provas de DNA a partir de um sasquatch indescritível“.




O ieti, yeti (do tibetano yeh-teh) ou Abominável Homem das Neves é o nome dado a uma criatura mítica que supostamente vive na região do Himalaya. Segundo a lenda, seriam descendentes de um rei macaco que se casou com uma ogra[carece de fontes]. Frequentemente costuma ser relacionado a outro mito, o do bigfoot (pé-grande ou sasquatch), outra criatura misteriosa, que viveria nos Estados Unidos ou no Canadá. Até hoje, ninguém conseguiu uma prova da existência do ieti, embora muitos rumores tenham sido registrados.

O registo visual mais famoso até hoje ocorreu com o explorador Anthony Wooldridge em 1986. Ele estava acampado nas montanhas localizadas no norte da Índia. Ele teria visto o ieti a alguns metros do acampamento. Segundo ele, o ieti teria ficado imóvel por 45 minutos. Depois que o local foi examinado, foi descoberto que o ieti avistado seria apenas uma pedra coberta de neve. Anthony Wooldridge admitiu que havia se enganado. O governo de Nepal declarou oficialmente, em 1961, que o yeti existe. Teria cerca de 2 metros de altura, assim como seu parente, bigfoot, e também é relatado que possua o mesmo odor fétido, característicos das criaturas citadas em varias civilizações, assim como o mapinguari, na amazônia, o sasquach, no Canadá, o bigfoot nos Estados Unidos, Skunk Ape na Flórida e Orang Pendek, na Indonésia, todos possuem existência não confirmadas.

O Dr. Ketchum disse que tinha pelo menos uma amostra de tecido de um Bigfoot. Ela acrescentou que partes do DNA de várias amostras de sangue e cabelos eram diferente de tudo visto antes em qualquer espécie conhecida.

No ano passado, um fraudador tentando iniciar um indício de Bigfoot foi atropelado e morto enquanto estava na estrada tentando aterrorizar os motoristas.

Assista um filme a seguir de Patterson-Gimlin filmado em 20 de outubro de 1967 por Roger Patterson ( 14 fev 1926 – 15 de janeiro de 1972) e Robert “Bob” Gimlin (nascido em 18 de outubro de 1931) em Bluff Creek um afluente do rio Klamath, a cerca de 25 quilômetros de estrada ao noroeste de Orleans, Califórnia, que eles alegam ser de um Bigfoot.


Como a lenda evoluiu


1924: Prospector Albert Ostman é “seqüestrado” por yetis em British Columbia.

1924: O mineiro Fred Beck foi atacado por pedras jogadas por um “homem-macaco”, em Washington.

1941: Jeannie Chapman foge de um sasquatch com sete pés 6 polegadas de tamanho (cerca de 2,30 metros de altura) na British Columbia.

Follow us: @DailyMirror on Twitter | DailyMirror on Facebook

Publicado originalmente em outubro 2013.

Mais informações sobre o Bigfoot-Sasquatch-Yeti em:
http://thoth3126.com.br/serbatin-de-gee-parte-ii-historias-de-maldek/

Permitida a reprodução desde que respeite a formatação original e mencione as fontes.

Novembro 08, 2015

chamavioleta

Sete maravilhas arquitetônicas desconhecidas

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com 

Publicado anteriormente a 06/05/2015




Fortaleza de Derawar, em Bhawalpur-Paquistão


Todos nós já ouvimos falar do Coliseu de Roma, da Grande Muralha da China e do Taj Mahal na Índia. Mas e as maravilhas arquitetônicas ainda não descobertas e desconhecidas pelas multidões?

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Para tentar encontrar algumas dessas construções escondidas, recorremos ao site de perguntas e respostas Quora.com, perguntando: “Quais são alguns dos monumentos ricos arquitetonicamente e menos conhecidos do mundo?”. Veja a seguir o que os internautas responderam.

Fonte: http://www.bbc.com/travel/story/

Em uma fortaleza de proporções monumentais, os 40 deslumbrantes bastiões de Derawar se erguem sobre o deserto em uma formação impressionante. Juntos, os muros do forte formam uma circunferência de quase 1,5 mil metros de diâmetro e chegam a 30 metros de altura.

“É uma estrutura magnífica no meio do Deserto de Cholistão”, conta o internauta Faisal Khan. “Muitas pessoas não conhecem o Forte de Derawar. Até mesmo muitos paquistaneses.”

Isso ocorre provavelmente porque, para chegar à fortaleza, os visitantes precisam contratar um guia com um carro 4×4 para conseguir cumprir a viagem de um dia a partir de Bahawalpur, através do deserto. Uma vez no forte, a entrada só é permitida com uma autorização especial do amir, o líder local. 



Palácio do Parlamento, Bucareste, Romênia



O maior e mais caro edifício governamental civil do mundo, o Palácio do Parlamento é verdadeiramente uma maravilha desconhecida. “Construído pelo odiado líder comunista Nicolae Ceausescu, o prédio é tão grande que é difícil tirar uma foto que faça jus a sua escala”, afirma o usuário do Quora Jann Hoke, advogado que trabalhou no local em meados dos anos 90.

Erguido em 1984, o edifício em estilo neoclássico tem 12 andares (com mais oito andares no subsolo), e cerca de 3,1 mil salas, em uma área de 330 mil metros quadrados.

O projeto custou o valor sem precedentes de 3,3 bilhões de euros, mas também tirou dos habitantes de Bucareste boa parte de sua cidade. Para ser construído, um quinto da área central da capital foi demolido, inclusive vários bairros históricos, mais de 30 igrejas e sinagogas e cerca de 30 mil casas.

“Os carpetes estampados do térreo, que cobrem centenas de metros de corredores, foram tecidos dentro do edifício durante sua construção, pois seria impossível trazê-los para o local depois de finalizado”, conta Hoke. 



Construída em 1907, a Grande Mesquita de Djenné é a maior estrutura de argila do mundo, erguida quase que inteiramente com tijolos de barro queimados pelo sol, areia e gesso e argamassa de barro. É considerada uma das maiores realizações da chamada arquitetura sudanesa e recebeu o título de Patrimônio Mundial da Unesco em 1988.



Construída em 1907, a Grande Mesquita de Djenné é a maior estrutura de argila do mundo, erguida quase que inteiramente com tijolos de barro queimados pelo sol, areia e gesso e argamassa de barro. Ela é considerada uma das maiores realizações da chamada arquitetura sudanesa e recebeu o título de Patrimônio Mundial da Unesco em 1988.

Os três minaretes da mesquita são decorados com folhas de palmeiras amarradas, que também servem como degraus para os reparos anuais – uma tradição que se tornou um festival local em abril e maio.

“Os verões brutais do Norte da África fazem o barro rachar e enfraquecer ao longo dos anos”, explica Abishek Lamba, usuário do Quora. “Antes das chuvas, os residentes locais se reúnem e cobrem o prédio inteiro com argila de um lago seco”.

Um dos monumentos mais esquecidos da Índia, o Chand Baori, no Rajastão, é uma espetacular poço quadrado que desce por 13 andares, com paredes forradas de escadas que se aprofundam por 30 metros até chegarem ao ponto mais baixo, onde há uma piscina de águas verdes. 



O Poço Chand Baori, Abhaneri, Índia



O estonteante labirinto de degraus simétricos “parece formar um caminho infinito até o fundo da terra”, descreve Vipul Yadav, no Quora. Com seus 3,5 mil degraus, o Chand Baori é um dos “maiores e mais profundos monumentos desse tipo no mundo”.

Construído pelo rei Chanda, da Dinastia Nikumbha, entre os anos 800 e 900 a.C., o Chand Baori foi projetado para ser prático e, ao mesmo tempo, bonito. Por causa da estrutura do poço, o fundo permanece mais fresco que a superfície, algo fundamental na paisagem quente e árida do Rajastão.

Se todo grande marco arquitetônico tem uma história, a Ponte Velha (Stari Most, em bósnio) tem uma história de reviravoltas.” A ponte foi construída com 456 blocos de uma pedra local em 1566 pelo arquiteto turco otomano Mimar Hajrudin”, conta o internauta Haris Custo. “Ela foi o coração da nossa cidade por 427 anos.” 



A Ponte Velha (Stari Most, em bósnio) tem uma história de reviravoltas.



A Ponte Velha cruza o rio Neretva no centro histórico de Mostar. Com 4 metros de largura, 30 metros de comprimento e a uma altura de 24 metros, é um dos monumentos mais famosos do país e um dos mais belos exemplos da arquitetura islâmica nos Bálcãs.

Mas nos anos 90, a ponte foi destruída por forças bósnio-croatas durante a Guerra da Bósnia. Depois do fim do confronto, a cidade começou sua reconstrução. “Levou quase dez anos para tornar a ideia realidade, e em julho de 2004, a nova ‘Ponte Velha’ foi inaugurada”, lembra Custo.

Enquanto a ponte mudou desde sua reconstrução, uma longa tradição perdura: os habitantes locais continuam saltando dali para cair nas águas geladas do Neretva, exibindo sua coragem e suas habilidades.

“Todos nós já ouvimos falar da Grande Muralha da China, mas poucos sabem que a Índia também tem a sua”, diz Ayush Manu, no Quora.

A Grande Muralha da Índia, também conhecida pelo nome de Kumbhalgarh, é a segunda maior muralha do mundo, atrás apenas da famosa construção chinesa. Localizada no Rajastão, a edificação chega a ter 4,5 metros de espessura em algumas áreas. Estende-se por 36 quilômetros e tem sete portões fortificados.


A Grande Muralha da Índia



Rana Kumbha, um monarca local, encomendou a muralha em 1443 para proteger sua fortaleza, situada em uma montanha próxima.

“Diz a lenda que, apesar de várias tentativas, a muralha não pode ser concluída”, conta Manu. “Finalmente, o rei consultou um de seus conselheiros espirituais e ouviu que seria necessário um sacrifício. Um homem ofereceu sua vida para que os demais pudessem se proteger. Hoje, o portão principal fica onde seu corpo caiu e onde há um templo que abriga sua cabeça.”

A muralha foi estendida no século 19 e hoje protege mais de 360 templos localizados em seu interior, mas continua sendo um tesouro desconhecido na maior parte do mundo.

A internauta Mona Khatam descreve a Mesquita do Xeque Lotfollah – uma obra-prima da arquitetura safávida iraniana – como “um estudo da atenuação harmoniosa”.

Localizada na Praça de Naqsh-e Jahan, na cidade de Isfahan, a deslumbrante e elegante mesquita foi construída entre 1603 e 1619 durante o reinado do Xá Abas 1o. O templo é batizado em homenagem ao sogro do monarca, o xeque Lotfollah, libanês e reverenciado estudioso do Islamismo. 



A Mesquita Sheikh Lotfollah é uma das obras arquitetônicas do período Safavida da arquitetura iraniana , que está no lado oriental de Naghsh-i Jahan, em Isfahan, no Irã. A construção da mesquita começou em 1603 e foi concluída em 1619. Foi construída pelo arquiteto-chefe Shaykh Bahai , durante o reinado do Shah Abbas I da dinastia Safavida.



A mesquita é singular por não ter minaretes ou um pátio central. “Isso provavelmente se deve ao fato de a mesquita nunca ter sido construída para uso público, mas sim para servir como local de rezas para as mulheres do harém do xá”, explica Khatam.

Por isso, para se chegar ao salão de rezas é necessário percorrer um longo corredor subterrâneo e cheio de curvas. E a decoração da mesquita é extraordinariamente requintada.

“O domo usa azulejos delicados que mudam de cor ao longo do dia, de creme para rosa”, descreve Khatam. “Dentro do santuário, você pode se maravilhar com a complexidade dos mosaicos que enfeitam as paredes e o belo teto, com seus motivos amarelos. Os raios de sol que atravessam as poucas janelas de treliça produzem uma brincadeira constante entre as luzes e a sombra.”

Permitida a reprodução desde que mencione as fontes e respeite a formatação original.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

6Share on Facebook (Opens in new window)6
1Click to share on Twitter (Opens in new window)1
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

Posted by Thoth3126 on 06/05/2015


URL: http://wp.me/p2Fgqo-8uP





Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Outubro 23, 2015

chamavioleta

Cristal de origem extraterrestre foi descoberto

Foi descoberto um Raro Cristal Extraterrestre, seria tão antigo como nosso Sistema Solar ou até mais. Foi descoberto em uma região remota do mundo, na Rússia. 

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com  

Publicado anteriormente a 19/03/2015

etcrystal-rocha

Descoberto na Rússia Raro Cristal Extraterrestre.



MessageToEagle.com – É um momento notável quando um objeto de origem extraterrestre é descoberto, mas é claro, não é certamente algo que acontece todos os dias. Para encontrar um raro cristal, que remonta ao nascimento de nosso sistema solar e extraterrestre, em torno de 4,5 bilhões de anos atrás, é, portanto, uma experiência única e extraordinária!

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Foi descoberto um Raro Cristal Extraterrestre, seria tão antigo como nosso Sistema Solar ou até mais. Foi descoberto em uma região remota do mundo, na Rússia.

Fonte: http://www.messagetoeagle.com/raretcrystal.php

Esta descoberta surpreendente de um cristal muito raro do espaço foi feita nas Montanhas Koryak, no Extremo-Oriente da Sibéria, na Rússia, um canto muito remoto do mundo. Os cientistas acreditam que o mineral pode ser ainda mais antigo mesmo do que a própria Terra!

De acordo com uma equipe internacional de pesquisadores liderada por cientistas da Universidade de Princeton, dos EUA, um mineral raro e exótico, tão incomum que se pensava impossível de existir, veio para a Terra viajando pelo espaço em um meteorito.


As Montanhas Koryak, no Extremo-Oriente da Sibéria, na Rússia.

A descoberta que ocorreu naturalmente fornece evidências para as origens extraterrestres da única amostra conhecida do mundo de um elemento quasicrystal. “A descoberta é uma evidência importante de que quasicristais podem se formar na natureza em condições astrofísicas (fora da Terra), e fornece evidências de que esta fase da matéria pode permanecer estável ao longo de bilhões de anos”, disse o físico Paul Steinhardt, do Professor em Ciências na Universidade Albert Einstein de Princeton.

Embora quasicristais sejam minerais sólidos que parecem perfeitamente normal por fora, a sua estrutura interna torna ele fascinante para os cientistas. Em vez de os aglomerados regularmente repetidos de átomos vistos na maioria dos cristais, o quasicristal contem um arranjo atômico mais sutil e complexo envolvendo dois ou mais grupos de repetição. Como resultado, os átomos de um quasicristal podem ser arranjados de formas que não são normalmente encontrados em cristais, tais como a forma de um icosaedro de 20 faces com a simetria de uma bola de futebol.

O conceito de quasicristais – junto com o termo – foi introduzido pela primeira vez em 1984 por Steinhardt e Levine Dov, ambos da Universidade da Pensilvânia. O primeiro quasicrystal sintético, uma combinação de alumínio e manganês, foi relatado em 1984 pelo cientista israelense de materiais Dan Shechtman e seus colegas do Instituto Nacional dos EUA de Padrões e Tecnologia, um achado para os quais Shechtman ganhou o Prêmio Nobel em 2011.

Desde que o trabalho de Shechtman foi publicado, os cientistas criaram cerca de 100 novos tipos de quasicristais sintéticos, alguns dos quais são agora usados em revestimentos duráveis e lâminas cirúrgicas. Os cientistas também os estão explorando para uso em revestimentos em frigideiras e isolamentos térmicos para motores.

A busca por quasicristais naturais

Durante anos, muitos especialistas acreditavam que quasicristais, embora interessantes, poderiam ser feitos somente sob as condições cuidadosamente controladas disponíveis em um laboratório. Muitos também pensavam se os materiais eram instáveis e deveriam, após um período de tempo prolongado, se reverter para cristais comuns. Steinhardt, que era cético em relação a este ponto de vista, decidiu lançar uma pesquisa para ver se talvez a natureza tinha batido os cientistas nessa luta, e já havia produzido quasicristais. Em 1999, ele e seus colaboradores iniciaram uma intensa busca por quasicristais naturais.

A equipe de busca em uma base de dados de resultados experimentais de mais de 80.000 materiais conhecidos à procura de sinais de estrutura quasicristalinas. Em seguida, os pesquisadores começaram a vasculhar museus e coleções particulares para as amostras que contêm certas combinações de metais, incluindo alumínio, freqüentemente encontrados em quasicristais sintéticos.

Em 2008, os pesquisadores finalmente descobriram uma vantagem quando eles foram contatados por Luca Bindi, um mineralogista do Museu de História Natural de Florença, Itália.

Bindi sugeriu que Steinhardt testasse alguns dos seus espécimes, incluindo um mineral raro chamado khatyrkite, que era composto de cobre e alumínio. A amostra foi armazenada em uma caixa como parte de 10.000 minerais adquiridos pelo museu a partir de um colecionador particular, em Amsterdã. A marcação na caixa indicou que a amostra era proveniente da região das montanhas Koryak, na parte nordeste da Rússia, na remota e longínqua Península de Kamchatka.


Os investigadores estudaram uma pequena amostra do khatyrkite mineral, que esta montado sobre um pedaço em forma de pirâmide de argila ao lado de uma moeda para ilustrar a pequena dimensão da amostra. (Imagem cortesia de Luca Bindi e Paul Steinhardt)

Quando a amostra chegada da Itália, no entanto, tinha sido cortada da rocha circundante, deixando Steinhardt com grãos microscópicos para trabalhar, e onde não havia espaço para erro. “Se tivéssemos deixado cair a amostra, ela teria sido perdida para sempre”, disse Nan Yao, colega de Steinhardt em Princeton. Yao meticulosamente isolou a pequena amostra, que media a largura de um cabelo humano, para as lascas ainda menores necessários para sondar a estrutura para ver se ele era um quasicrystal. A técnica que eles usaram, de microscopia eletrônica de transmissão, envolve o disparo de um feixe de elétrons em uma amostra e observando como a curvatura dos elétrons, ou a difração, acontecem quando atingem a amostra.

Dentro de uma lasca da pedra russa, os pesquisadores descobriram que o padrão de difração de assinatura de um quasicrystal, consistindo de alumínio, cobre e ferro, incorporado ao lado do khatyrkite e outros minerais.”Fiquei muito animado quando vi o padrão de difração”, disse Yao, que havia começado a trabalhar no dia de Ano Novo para fazer os estudos quando o laboratório estava mais tranqüilo. A equipe – que incluía Yao, diretor do Centro de Imagem e Análise no Instituto de Princeton para a Ciência e Tecnologia de Materiais, e Peter Lu na Universidade de Harvard – publicaram as provas para a descoberta do primeiro quasicrystal, natural em um artigo de 2009 na revista Science.e que hoje é conhecido como icosahedrite.

Descobrir a origem extraterrestre

Para descobrir as origens da amostra quasicrystal natural, a equipe de Steinhardt, Bindi e Yao trabalhou com John Eiler e Guan Yunbin do Instituto de Tecnologia da Califórnia, Lincoln Hollister de Princeton e Glenn MacPherson, do Instituto Smithsonian. Os pesquisadores examinaram as inúmeras possibilidades para a origem do material, incluindo a chance de que a amostra era na verdade um subproduto da produção industrial que, de alguma forma acabou na coleção do museu. Através de uma série de investigações, a equipe descobriu evidências que apontavam claramente para um outro começo.

Uma pista encontrada foi a presença de um mineral chamado stishovite, um tipo de sílica que constitui apenas sob pressões extremamente elevadas e temperaturas distantes das condições utilizadas em qualquer atividade humana no planeta. Stishovite foi encontrado em meteoritos. Uma descoberta chave é que o quasicrystal foi incorporado nos grãos stishovite, indicando que o quasicrystal e o stishovite se formaram e fundiram em conjunto através de algum processo de alta pressão natural. “Nós realmente encontramos o contato físico entre meteoritos, o quasicrystal e minerais, e que nos convenceu de que tínhamos encontrado algo importante”, disse Hollister, um emérito professor de geociências.


A rocha, encontrada nas montanhas Koryak, na Rússia é um misterioso “quasicrystal ‘, uma espécie de cristal descoberto em materiais sintéticos, em 1982. Até agora, acreditava-se que quasicristais não ocorressem na natureza – e assim todos os homens foram feitos. Crédito da imagem: Princeton University

Em seguida, os investigadores sondaram os rácios de versões diferentes, ou isótopos, de oxigênio, que variam dependendo se os minerais foram formados na Terra ou no espaço. Os pesquisadores descobriram que a proporção de isótopos de oxigênio em piroxênio e olivina, dois minerais intercrescidos entre as lascas de quasicrystal, eram semelhantes aos encontrados para alguns dos meteoritos extraterrestres mais antigos e conhecidos como condritos carbonáceos CV3. Outros minerais detectados na amostra também foram consistentes como de origem meteórica.

Os resultados vieram como uma surpresa, disse Hollister, que inicialmente pensou que o quasicrystal viria a ser um subproduto industrial dada a sua configuração incomum de ferro, cobre e alumínio. “Na natureza, é altamente incomum encontrar alumínio metálico,” disse Hollister, referindo-se ao fato de que na natureza o alumínio agarra átomos de oxigénio e é sempre encontrado sob a forma de óxido de alumínio. “Estávamos tentando descobrir onde na Terra a partir do núcleo para a superfície poderíamos ter condições que levam à formação de quasicristais.”

Outros pesquisadores ficaram impressionados com os resultados. “Fiquei muito surpreso quando li que o relatado anteriormente de quasicristal icosaédrico era de origem extraterrestre”, disse Robert Downs, professor de geociências na Universidade do Arizona, que não esta associado com a pesquisa. “Mas um momento depois, era óbvio. Como poderia uma tal variedade exótica de elementos ter sido formado e preservado?”

Downs descreveu o trabalho como “um grande achado que atravessa todos os tipos de fronteiras da ciência – ciências dos materiais, física, química, geociências, astrofísica -. E de uma só vez” Ele acrescentou: “E por diversão, ele fornece um instantâneo do nosso sistema solar antes de ele ter se formado.”


Acima: Esta figura, que se assemelha a uma pintura abstrata, mostra duas substâncias. A substância rosa e branca é um mineral raro chamado stishovite, encontrado apenas em meteoritos e impactos de meteoritos. O material escuro no meio é quasicrystal. Assim, esta imagem prova que o quasicrystal é de origem extraterrestre.(Imagem cortesia de Paul Steinhardt)

No ano passado, Steinhardt e Bindi lançaram uma busca ambiciosa para traçar as origens cósmicas da amostra russa analisada, com o objetivo de confirmar a sua origem e obter mais quasicristais. Os pesquisadores rastrearam a viúva do coletor de Amsterdam que primeiro vendeu o mineral para o museu italiano. Ela mostrou-lhes um diário há muito escondido que descreve a aquisição da rocha de um laboratório do governo russo durante a era soviética.

Juntando essas informações com um nome mencionado em uma publicação científica russa, Steinhardt e Bindi eventualmente localizaram o mineralogista russo que em 1979 havia escavado na rocha de uma camada azul-verde grossa de argila em um leito nas montanhas Koryak de Chukotka, no extremo leste da Rússia. A aventura culminou em uma expedição ao local na Rússia no verão passado para que o leito, e as amostras recolhidas durante a viagem agora estão em processo de serem analisadas.

MessageToEagle.com com base em material fornecido pela Princeton University

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Posted by Thoth3126 on 19/03/2015

URL: http://wp.me/p2Fgqo-5Wq


Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Cristal

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Setembro 28, 2015

chamavioleta


Canal na Nicarágua, Rússia e China desafiam os EUA

 

Publicado anteriormente a 28/03/2015

canal-interoceanico-nicaragua02

Canal interoceânico entre o Oceano Pacífico e o Atlântico na Nicarágua contribuirá para a construção de um mundo multipolar segundo Presidente russo Putin.

A Rússia está reativando negociações com a Nicarágua para participar da construção do canal que irá passar pelo seu território e ligar os oceanos Pacífico e Atlântico.

Este tema foi um dos principais assuntos na reunião da comissão intergovernamental russo-nicaraguense em Moscou em 9 de setembro. As partes esperam resultados práticos das negociações com a participação de ministros e empresários.




Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Canal nicaraguense contribuirá para construção de mundo multipolar


Natalia Kasho, dia 08 de setembro, às 17:22, Moscou – Rússia


Fonte: http://portuguese.ruvr.ru/


A participação da Rússia neste projeto foi promovida pelo presidente Vladimir Putin. Em julho de 2014, a caminho de Cuba para Argentina, ele mudou sua turnê e decidiu fazer uma breve visita à Nicarágua. Na reunião com o presidente Daniel Ortega o papel da Rússia neste projeto foi discutido propositadamente.


Segundo fontes diplomáticas, trata-se de apoio militar e político. Em particular, a Rússia irá garantir a segurança da construção e sua proteção contra possíveis provocações. Para isso, a Nicarágua permitiu a navios e aviões de guerra russos patrulhar ao largo da costa do país no Oceano Pacífico e no mar do Caribe. O acordo bilateral sobre o assunto permite começar a efetuar isso já na primeira metade de 2015.





É interessante que Vladimir Putin chegou a Manágua poucos dias depois da apresentação da versão final do projeto do percurso do canal. Ela foi realizada pelo investidor principal, a empresa de Hong Kong HK Nicaragua Canal Development Investment. Por trás dela está a China que não tem relações diplomáticas com a Nicarágua. O custo do projeto é de cerca de US$ 40 bilhões de dólares.


A Rússia deu um forte passo geopolítico, entrando juntamente com a China no projeto alternativo ao canal do Panamá, controlado pelos Estados Unidos, acredita o diretor do Centro de Pesquisas Sociais e Políticas, Vladimir Evseev:


“Este é um passo muito sério. É evidente que a Rússia não seria materialmente capaz de realizar o projeto. O financiamento virá principalmente da China. Se a China não tivesse assumido uma grande parte dos custos, eu penso que a Rússia não teria entrado num projeto tão caro. De qualquer forma, nós (Rússia e China) complementamo-nos mutuamente como parceiros estratégicos. Temos um interesse objetivo na contenção dos Estados Unidos. Outra questão é que a China não quer criar problemas adicionais, ela é economicamente dependente dos Estados Unidos e isso restringe-a politicamente. A Rússia é mais independente, ela tem uma retaguarda séria na forma de relações com a China, e conduz uma política de construção de um mundo multipolar, na construção do qual a China está fortemente também interessada”.





O novo canal da Nicarágua permitiria à Rússia e à China aumentar significativamente o comércio com os países da América Latina e dará maior mobilidade às frotas navais de ambos os países.


Graças ao canal da Nicarágua a Rússia terá uma boa oportunidade para fortalecer suas posições estratégicas na região. Ela poderá bastante rapidamente movimentar sua frota do Atlântico para o Pacífico, acredita Vladimir Evseev:


“Haverá maior mobilidade, especialmente se a Rússia decidir implantar em Cuba uma base militar naval. Para ela, a possibilidade de passagem através do canal será crucial, dada a proximidade com os Estados Unidos. Para os EUA isso iria criar problemas adicionais em termos de reforço da sua própria segurança. Assim, a Rússia pode responder bastante eficazmente ao fortalecimento da presença militar da OTAN perto de suas fronteiras na Europa (como na Ucrânia). O canal permitiria à Rússia aumentar significativamente o comércio com a América Latina. Este é um novo portão que a Rússia poderá usar ativamente”.


Os Estados Unidos têm tradicionalmente controlado os principais pontos através dos quais passam as principais rotas marítimas. O estreito de Malaca, Singapura, Gibraltar, os canais de Suez e do Panamá. Portanto, o surgimento do canal da Nicarágua é um desafio direto para os Estados Unidos. Não é por nada que eles estão se opondo tão ativamente a este projeto.





A criação deste caminho alternativo do oceano Pacífico para o Atlântico vai mudar a situação política e econômica mundial em favor de quem irá controlá-lo. A empresa de Hong Kong HK Nicaragua Canal Development Investment já recebeu uma concessão para 100 anos de exploração do canal.

Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos (os inconscientes e ignorantes), e Cristo te esclarecerá. Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios*, mas como sábios”  Efésios 5:14-15
{Nota: Significado de Néscio: adjetivo, Característica de quem não possui (não desenvolveu) conhecimento, capacidade, sentido ou coerência. s.m. Sujeito ignorante, estúpido, incompetente, burro, incoerente, inepto e sem discernimento. (Etm. do latim: nescius.)

Mais informações em
  1. http://thoth3126.com.br/alemanha-pede-para-entrar-no-brics-grandes-mudancas/
  2. http://thoth3126.com.br/voo-mh17-derrubado-para-gerar-crise-com-a-russia/
  3. http://thoth3126.com.br/malaysia-airlines-aviao-voo-mh17-com-295-pessoas-a-bordo-cai-na-ucrania/
  4. http://thoth3126.com.br/voo-370-da-malaysia-airlines-foi-sequestrado/
  5. http://thoth3126.com.br/voo-mh370-canceladas-as-buscas-por-destrocos/
  6. http://thoth3126.com.br/ex-premier-da-malasia-acusa-cia-sobre-voo-mh-370/
  7. http://thoth3126.com.br/como-o-voo-malaysia-mh17-foi-derrubado-por-missil/
  8. http://thoth3126.com.br/malaysia-voo-mh17-militares-derrubaram-boeing-na-ucrania/
  9. http://thoth3126.com.br/voo-mh17-16-perguntas-que-nao-podem-ser-ignoradas/
  10. http://thoth3126.com.br/russia-x-grupo-bilderberg-nwo-illuminatis/
  11. http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-em-jogo-dos-eua-x-russia/


Permitida a reprodução desde que mantida formatação original e mencione as fontes.


www.thoth3126.com.br

Posted by Thoth3126 on 28/03/2015

URL: http://wp.me/p2Fgqo-7bP
Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Natalia Kasho

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Setembro 18, 2015

chamavioleta


NWO

 A missão anglo-saxônica 

Parte 4, final.

Publicado anteriormente a 17/03/2015

Bilderberg-imagem


“Eu acredito, pessoalmente, que esta Mudança Planetária acontecerá – eu chamo isso de mudança porque é isso que eu acredito que vai acontecer, a crosta -Litosfera – da Terra vai mudar, deslizará sobre o seu núcleo ao redor de 30 graus, cerca de 1.700-2.000 milhas para o sul, e isso causará uma enorme agitação, catástrofes e muita destruição, (n.t. Com a inversão, a mudança dos pólos norte e sul, e a alteração do campo eletromagnético do planeta - em ABRIL DE 2018), tudo que é elétrico/eletrônico deixará de funcionar e a humanidade ficará completamente órfã de sua tecnologia) cujos efeitos vão durar por um tempo muito longo ainda por vir à frente. …




Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Transcrição da entrevista – Project Camelot janeiro 2010

Fonte: http://www.thetruthseeker.co.uk


… Mas a raça humana não vai morrer, acabar. Nós ainda vamos estar aqui. É que estamos no fim de um ciclo – é onde minha mente está. E quanto a este regime, que é onde a maioria das mentes estão, e é por isso que eles estão fazendo o que estão fazendo porque querem estar no controle do sistema, mesmo no final desse ciclo”.
————————————————————————————-
Capítulos anteriores:
  1. http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-1/
  2. http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-2/
  3. http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-3/
—————————————————————————————


{n.t.: ANGLO-SAXÃO é a denominação resultante da fusão de três povos GERMÂNICOS, os anglos, os saxões e os jutos que invadiram e se fixaram no norte, leste e no centro da INGLATERRA no século V.


Os Anglos são um antigo povo germânico cujo nome deriva da antiga região cultural de Ânglia, um distrito localizado em Schleswig-Holstein, hoje no norte da Alemanha. Os ANGLOS foram um dos maiores grupos a fixar-se na Britânia no período pós romano, fundando diversos reinos da Inglaterra Anglo-saxônica e instalando-se na Ânglia Oriental, Mércia e na Nortúmbria no século V d.C. Esse nome é a raiz do nome “Inglaterra”.



Em relação aos SAXÕES, podemos afirmar que foram um antigo povo da Germânia, habitantes da região próxima da foz do rio Elba e correspondente à atual região do Holstein na Alemanha. O indivíduo desse povo é o saxônico, saxônio ou saxão. Jutlândia, a terra dos JUTOS historicamente é o nome da península que se projeta no Norte da Europa (Alemanha) para o resto da Escandinávia, formando a parte continental da Dinamarca. Tem o Mar do Norte a oeste, o Kattegat e o Skagerrak ao seu norte, o Mar Báltico, a leste, e a fronteira dinamarquesa com a Alemanha no sul. O estado alemão de Schleswig-Holstein é parte da Península Cimbriana mas não faz parte da Jutlândia.}





Os DRAGÕES (e reptilianos) abundam na simbologia de Londres …

Fonte: http://projectcamelot.org/anglo_saxon_mission_interview_transcript.html

BR: Você acha que, a partir de sua experiência militar, que há número suficiente de pessoas entre os militares que estão dizendo: Você sabe sobre isso? Eu não me inscrevi nas Forças Armadas para isso. Eu não vou fazer isso. Ou você acha que eles vão comprar todas as idéias e justificativas que estão sendo criadas no momento?

W: Bem, os militares dos grandes países ocidentais não é um exército de conscritos. É um exército profissional, e se orgulha de seu profissionalismo. Orgulha-se de agir em nome (??????) do povo que o elegeu e o governo que os enviou para fazer o trabalho que eles estão fazendo. É uma pergunta muito difícil de responder. E, claro, estas tropas são soberbamente bem treinadas e eles acreditam, totalmente acreditam, como eu acreditava quando eu estava no exército, que estão fazendo o seu trabalho por todas as razões certas.

Se ficou claro para as pessoas que estão em tais profissões- isto não é apenas os militares, nós estamos falando também sobre os serviços de emergência, a polícia, todos aqueles que fizeram seu caminho através da indústria de segurança, estamos falando de todas essas pessoas da área de segurança. Se suficientes vozes forem ouvidas, em seguida, aqueles militares que não tenham ainda qualquer patente significativa, que não têm participação especial no jogo, então eles despertarão tão logo alguém os alerte. Mas tem que ter em mente que as potências ocidentais têm serviços militares profissionais, e é uma coisa difícil de fazer para tornar claro e deixar esses soldados, homens e mulheres saberem que não estamos lutando para as pessoas e pelos motivos certos.

BR: Claro. Deixe-me fazer uma pergunta diferente. Havia referência aos “lugares seguros ou mais seguros de se estar” no momento da catástrofe? Fisicamente, eu quero dizer.

W:Não. De nenhum modo

BR: Nada do tipo como o hemisfério sul estará melhor, no hemisfério norte vai ser um problema? Nada como isso?

W: Não, não nessa reunião. Isso não foi mencionado.

BR: Tudo bem. Outra questão que eu gostaria de lhe perguntar, e é uma fascinante questão para o debate entre as pessoas que estão sintonizadas com toda esta área, é uma questão pessoal: por que você acha que os ETs benevolentes, e tenho certeza que eles existem, por que você acha que eles não dizem: Ok, pessoal, normalmente estamos aguardando, mas isso está ficando sério aqui e nós não vamos permitir que isso aconteça. Será isso possível, uma intervenção? Por que manter uma distância tão grande?

W: Bem, em primeiro lugar, ”Esses Ets benevolentes”- na verdade eu não gosto de chamar-lhes” de Ets” (e não o são mesmo)… Eu acredito que essas pessoas são nós e nós somos eles.

BR: Sim.

W: Eles estão por aí por muito mais tempo do que o regime que está no poder no momento. Este regime atual, este regime baseado no medo, poder e controle, alguns os chamaram de serem os reptilianos que estão no controle, e eu não tenho problema em chamá-los de todos os nomes que se usam, porque é exatamente isso que eles são – eles são totalmente frios. Eles têm estado aqui por muito, muito tempo e foram eles quem tornaram (junto com a preguiça e ignorância) a humanidade no que ela é hoje. Intervenções dos benevolentes? Acredito que eles foram intervenientes nas melhores situações que puderam. Mas estamos falando de seres muito evoluídos espiritualmente, como uma raça humana (de fora) muito evoluída espiritualmente – talvez seja por isso que nós voltamos aqui tantas vezes, de volta a este planeta.





A realeza europeia é constituída de seres draconianos e reptilianos.

Mas para essas pessoas que são nós e nós somos eles, como mencionei, eles não vêem o tempo da mesma forma que entendemos o tempo aqui dentro do mundo físico. Para eles, 11.500 anos atrás, foi um piscar de olhos. Não foi nada, e eles já sabem que o fim do jogo vai ser de determinado modo (a luz vai vencer dessa vez). Eles acreditam, como eu acredito, que este regime que está no poder no momento no planeta, que eles desejam que este domínio total sobre a Terra e tudo que está nela acabe, que não vai vencer. Eles tiveram o seu tempo de domínio e agora o tempo deles está prestes a acabar.


BR: Com base em que você sente isso? Isso é muito importante para pessoas que estão lendo esta transcrição, porque algumas pessoas vão se sentir entorpecidas e chocadas com a informação que você apresentou, pensando: Meu Deus, nós estamos realmente fritos aqui .

W: Sim, eu acho que se você considerar a partir do ponto de vista puramente físico. Isso não significa que todos têm mentes suicidas ou algo parecido. Nós todos queremos o bem para nossas vidas, todos nós prezamos nossas vidas, todo mundo é assim. Nós amamos nossas vidas e queremos experimentá-la plenamente em todos os sentidos, da melhor maneira que pudermos. No momento, estamos sendo impedidos de fazê-lo devido a este regime, que é baseado no medo, mas é o medo de tudo. E o maior medo que temos é medo da morte física, e que faz parte do maior poder que eles tem sobre nós, é este tipo de medo, essa ansiedade que pode aumentar ou diminuir – o que eles estão fazendo e explorando o tempo todo.

Eu não posso pensar em um momento em que isso não acontece, quando este medo não sai e depois reagimos a ele da maneira que nós fazemos. Parece perfeitamente natural. Mas o que acontece quando não sentimos, paramos de sentir isso e dizemos: bem, é só medo. Podemos superar isso, então isso é se conectar no que realmente somos. Eu ainda não acredito que exista muita gente no momento sequer perto de saber quem eles são realmente. A maioria dos seres humanos se define somente e meramente por sua própria existência e necessidades físicas, que é toda baseada no medo (principalmente da morte do corpo), e é cíclico, e eles simplesmente não podem sair disso. E obviamente eles precisam encontrar seu caminho para fora dessa situação.

Eu acredito, pessoalmente, que esta mudança planetária acontecerá – eu chamo isso de mudança porque é isso que eu acredito que vai acontecer, a crosta da Terra vai mudar, deslizará sobre o seu núcleo ao redor de 30 graus, cerca de 1.700-2.000 milhas para o sul, e isso causará uma enorme agitação, e destruição, ( n.t. Com a mudança dos pólos norte e sul e a alteração do campo eletromagnético do planeta (em ABRIL DE 2018), tudo que é elétrico/eletrônico deixara de funcionar e a humanidade ficará completamente órfã de sua tecnologia) cujos efeitos vão durar por um tempo muito longo por vir à frente. Mas a raçahumana não vai morrer. Nós ainda vamos estar aqui. É que estamos no fim de um ciclo – é onde minha mente está. E quanto a este regime, que é onde a maioria das mentes estão, e é por isso que eles estão fazendo o que estão fazendo porque querem estar no controle do sistema, mesmo no final desse ciclo.

Agora, se estamos falando de intervenção, isto é, quando haverá uma intervenção de “ETs benevolentes,” as pessoas que nós mesmos somos em outro nível de consciência, isto é, quando pode acontecer, isso eu não sei. Eu tenho um forte sentimento intuitivo que sim, que acontecerá, mas no momento a situação que temos agora não é propícia para esse tipo de intervenção. Não agora (n.t. porque ainda há muito para uma parte da humanidade aprender, evoluir e finalizar sua história em planetas de terceira dimensão como a Terra). Eles não sentem e sabem que não é o momento certo. E em qualquer caso, a vida física (do corpo e intelecto humano) é apenas uma forma muito menor, uma parte muito pequena de quem realmente somos, por isso a importância que você dá nisso (a existência física), sabendo que quando você anda a partir desta porta para a porta seguinte, você está de volta para casa de qualquer maneira (ao abandonar o corpo físico).

Então tudo o que tem que ser levado em consideração, e eu tenho certeza que há pessoas lá fora que poderiam articular isso muito melhor do que eu estou articulando isso agora. Eu só posso defender isso de um ponto muito pessoal de vista e é isso que eu senti intuitivamente que poderia acontecer. E eu digo talvez, sabendo muito bem que eu posso estar certo dentro do meu próprio eu, que esse tipo de coisa vai acontecer, e é só a dor que nós temos que passar para atingir esse ponto em que este regime atual de controle não terá mais o poder que eles tem atualmente sobre a raça humana.

Pessoas acordando, despertando e descobrindo o que está acontecendo ao seu redor (aumento de consciência) e realmente terem uma boa aparência, e elevando os seus níveis de consciência, como nunca fizeram antes, e então tudo vai se encaixar muito rapidamente. E quando isso acontecer, o poder que essas pessoas possuíam sobre nós vai cair como um véu, você sabe, vai acabar caindo de nossos olhos, fora deles, e eles vão ser expostos por aquilo que eles são realmente.

BR: Isso é um pensamento muito inspirador. Você sente pessoalmente que… Deixe-me especificar um número de alternativas: Que a guerra inteira pode não acontecer, que a coisa toda vai desmoronar? Ou que tudo isso vai desmoronar após a guerra mas antes da catástrofe? Ou que tudo isso vai desmoronar após o cataclismo e que os mansos herdarão a Terra, vamos dizer assim?

W: Sim. Sim. Esta é uma pergunta muito boa. Vamos considerar duas coisas: a primeira coisa é apura determinação por parte deste regime, por falta de palavra melhor, a pura determinação que eles têm de terminar isso. Eles estão desesperados. Eles farão tudo para que isso aconteça. Eles estão criando os cenários, dentro e fora. São incansáveis, (os seres que trabalham na implantação da agenda draconiana e reptiliana das trevas) não param, não dão espaço para se respirar. E quando há espaço para respirar, quero dizer, quando as pessoas começam a relaxar sobre as coisas, algo acontece para nos manter dentro do domínio do medo que eles têm gerado. Isso é uma força muito poderosa que eles têm, massivamente poderosa, e não deve nunca ser subestimada. É o tipo de coisa que leva as pessoas boas e honestas a pensar duas vezes, colocando as pessoas antecipadamente nas sepulturas delas através de estresse, medo e ansiedade. Isso vem de longe e devemos vê-lo pelo que ele é.



Se houver um número suficiente de pessoas que possam elevar os níveis de consciência (despertar) e ver o que está acontecendo, então todo mundo vai levantar a cabeça. Acho que só se precisa de uma ou duas pessoas para erguer a cabeça e dizer apenas: É, tudo está MUITO claro, e todos (os demais) se erguerão. Então você verá muitos mais ao redor do mundo, em vários países, apenas um sentimento novo, uma sensação melhor do que a que tínhamos antes, isso é tudo sobre os indivíduos que se habilitam a reconhecer quem eles realmente são.

E não é nada místico. Não é nada profundamente sectário ou qualquer coisa assim. Tem muito pouco ou NADA a ver com religião. É tudo sobre o espírito humano e a consciência que (somos) vivemos e por que todos nós compartilhamos e sabendo que a consciência é, sem dúvida, compartilhada por todos nós -, mas é atualmente reprimida. E nós temos que passar por essas forças supressivas, a fim de perceber quem somos realmente. Quando isso acontece – tudo o resto se seguirá naturalmente e esse regime, como eles são perigosos – Eu não posso enfatizar muito isso: são pessoas muito perigosas, são muito perigosos – mas o seu poder vai acabar.

BR: Isso é muito próximo do que David Icke falou. É extremamente próximo do que o Dr. Bill Deagle falou e do que falamos muitas vezes.

W: Sim.

BR: Há um aumento da consciência em curso no planeta, mas eles estão desesperadamente tentando fechar a tampa e acelerar os planos deles de modo que possam pôr em prática o punho de ferro do controle. As coisas podem piorar antes de melhorar, mas eles não vão ganhar no final, porque a consciência transcende toda a força, todo o poder militar e todo o planejamento estratégico que eles poderiam colocar em prática. E é uma questão de consciência coletiva, que continua a expandir-se, como parece ser o nosso caso. E esta entrevista que estamos fazendo precisa desempenhar um papel nisso.

Porque não se trata de assustar as pessoas tolas (ignorantes/sem conhecimento) e ter todas elas se escondendo em casamatas com alimentos de emergência para três anos. É realmente para se dizer: Olha, não tem que ser assim se pudermos ser tão grandes como somos potencialmente, tão corajosos como podemos ser, tão fortes como podemos ser e percebermos quem realmente somos. E se muitos de nós fizermos isso, então isso não vai acontecer assim como eles planejam.



W: É isso mesmo. Vou sair dizendo exatamente isso. Eu percebo que não estou dizendo nada que é único, mas como você está indicando, isso tem que ser repetido. As pessoas têm de estar conscientes de que há esperança, e as coisas não precisam ser do jeito que são. Elas nunca precisariam ser do jeito que estão. Poderiam ser muito, muito melhores. O medo continua aumentando, é esse medo que as pessoas precisam enfrentar e superar. Nós não precisamos de psiquiatras ou psicólogos ou qualquer coisa assim – eles só lidam com a nossa mente (inferior).

Nós não precisamos ser líderes religiosos ou pensadores espirituais para estarmos conscientes disso, porque todos nós temos a verdade dentro de nós. É inerente a nossa condição humana (consciente). Então é uma questão de olhar para dentro de si mesmo e em seguida se sentir confortável com quem você é, então você terá um conhecimento do que está acontecendo e vai saber o que esta errado. E toda a gente … isso vai se espalhar.

Mesmo aqueles que foram doutrinados neste regime de medo não serão capazes de resistir a isso (consciência, evolução) porque isso é apenas resistir a si próprio e de quem realmente são. E é uma coisa maravilhosa, é o que este universo é e que toda esta experiência é tudo. E isso fará com que esses períodos, este tempo que durou milhares de anos, sejam apenas … nem ruim … apenas uma lembrança distante: Hum! Bem, nós aprendemos a partir disso, dessa experiência. Ok? E nós vamos ter certeza de que não volte a acontecer, e que este tipo de personagens que podem produzir esse tipo de medo, você sabe, nunca mais vão ter uma base de poder aqui novamente.

Então, sim, acho que esses dias estão chegando e se não acontecer a tempo – e ‘tempo’ é uma daquelas palavras que você usa com muito cuidado porque este regime é muito baseado no (na ilusão do) tempo, onde a consciência humana não está realmente tão preocupada com o tempo, mas definitivamente é por causa da natureza física da Terra. Coisas acontecem em determinados momentos. Você sabe, temos estações: primavera, verão, outono, inverno. A mudança que está vindo é apenas como mais uma estação.

O que vai acontecer é a mudança geofísica, é uma outra estação, e uma humanidade muito mais consciente poderia eventualmente considerar isso como uma vantagem e sair do outro lado muito bem. Eu sei que você mencionou sobre lugares seguros para as pessoas irem. Eu realmente não sei. Mas de um ponto de vista pessoal, eu sei onde eu deveria estar, e onde eu deveria estar é onde estou agora. Se é seguro ou não (para o corpo físico) é irrelevante, é onde eu deveria estar agora (em consciência), e eu me sinto confortável com isso.





Os DRAGÕES alados são um SÍMBOLO de Londres.

BR: Sim. Quando as pessoas nos perguntam esta questão sobre onde eles devem estar, sempre refletimos de volta e assinalamos que a resposta vai ser diferente para cada indivíduo, com base em coisas que mais ninguém além deles podem realmente saber. Algumas pessoas podem precisar ficar paradas onde já estão, algumas pessoas podem precisar viajar, mas a razão para isso pode ser porque tenham que encontrar alguém e fazer alguma coisa em outro local.Isso realmente depende de muitos fatores, não apenas de uma questão: o que é objetivamente seguro e onde devemos nos esconder?

Tem mais a ver com: como podemos melhor implantar todas as habilidades que temos aqui e agora para fazer o que é que nós viemos aqui fazer? E isso vai ser individual para todos.

W: Com certeza. é isso. Acho que quanto mais consciente as pessoas se tornam, o fator medo some. Não vivemos mais naquele medo, então o que se pensava ser amedrontador não assusta mais aquele indivíduo ou grupo de pessoas naquele tema. Isso não estará mais lá. Isso não quer dizer que não haverá qualquer problema, não haverá qualquer dor ou coisas assim, claro que haverá. Mas em cima de tudo isso, os medos que temos atualmente em nossa experiência, os medos físicos das incertezas e a natureza imprevisível das coisas, terá desaparecido – eles simplesmente se vão. Nós vamos ficar sendo o povo que somos, e eu acho que a raça humana como um todo é muito maravilhosa.

BR: Sim. Isso é uma coisa maravilhosa para as pessoas levarem com elas, algo que nós, muitas vezes mencionamos. Há um filme maravilhoso. Ele remonta a 1984, um filme com Jeff Bridges chamado Starman (Homem das Estrelas). O starman é um visitante alienígena que está aqui para fins pacíficos, tentando entender a raça humana porque ele foi pego em uma situação estranha. E ele está tentando voltar para casa. No final do filme ele diz: “Gostarias de saber o que acho bonito sobre sua espécie? Vocês dão o seu melhor quando as coisas estão na pior“.

Nunca mais esqueci essa frase. Tem a ver com o fato de que o que é maravilhoso sobre a raçahumana é a capacidade de transcender os problemas e chegar no fundo de si mesmo para produzir a melhor resposta nas piores situações e adversidades. E, claro, nas forças armadas esse tipo de situação é quase uma tradição, que, sob uma pressão extraordinária, você tem pessoas se comportando com heroísmo incrível e é essa resposta à pressão que nos torna seres maravilhosos. (n.t.-Parece que somente dessa forma conseguimos acionar e buscar forças em nosso interior, a fonte inesgotável de poder em cada ser humano, mas para que isso aconteça é necessário muita disposição, coragem, altruísmo e FÉ EM SI MESMO, na sua orientação interior que é DIVINA)

W: Sim, é mais perceptível entre os militares porque isso é reportado. A consciência humana e como existimos neste mundo físico é extremamente resistente. Um bom ponto a considerar é que podemos pensar, por vezes, que temos um impasse no pensamento ético sobre algumas coisas, mas realmente não temos. As coisas simplesmente diferem de uma pessoa para a outra, o que acho que é outra coisa maravilhosa, porque se podem manter conversações que durarão para todo o sempre, o que é fantástico. O diálogo que temos nos ajuda a nos entendermos muito melhor. Isso transcende impasses, acho. Vai além disso. Vai além do que sabemos ser eticamente correto e assim por diante. Isso leva para um nível diferente quando essas coisas acontecem, quando a nossa capacidade de resistência é testada a esse extremo. Todos somos capazes de fazer coisas muito maravilhosas e parece provável, muito provável, que estejamos no limite de onde essa resistência vai ser testada ao extremo…muito em breve.



Vou ressaltar novamente que estamos jogando contra pessoas muito perigosas, pessoas extremamente perigosas, pessoas incrivelmente poderosas. E sei por experiência própria que muitas pessoas não tiveram a experiência em primeira-mão com esse tipo de poder, de como ele emana e como ela afeta a pessoa… pode fazê-lo muito, muito doente, fazer-lhe um mal ao ponto de ruptura. Ou você se junta a eles, tornando-se subserviente e sendo hipócrita a tudo o que eles querem fazer, porque são as pessoas que trabalham para eles e fazem o jogo deles - e há um número bastante considerável delas - que são extremamente obedientes e extremamente servis. Elas não são o que você chama de “espíritos livres”. Você sabe, elas são almas que foram tomadas, literalmente tomadas por eles. Talvez isso seja algo que as pessoas devam começar a ficar conscientes, do tipo de poder que eles detêm no momento, e não acho que isso ainda foi totalmente compreendido.

As pessoas estão tentando ver entre as linhas para descobrir o que está acontecendo e obterem pedaços de informações, esses trechos vão ser muito, muito importantes. Mas para agir contra eles de qualquer maneira, pode ser bastante desastroso. Tive essa experiência e acho que muitas, muitas outras pessoas também. Portanto, talvez esta sejaa razão para dizermos exatamente quem são eles, devemos nos anunciar a nós mesmos e sermos destemidos sobre isso. É por causa desse medo… que está na base de tudo o que ainda existe.

BR: Algo que falamos antes, quando tivemos uma conversa há alguns dias, foi da arrogância suprema nessas pessoas, que você experimentou em primeira mão, que George Green descreveu quando nos conhecemos e conversamos com ele a cerca de um ano e nove meses: Ele disse: Eles pensam que eles ganharam. Eles não estão preocupados com mais nada. Eles nem estão tentando silenciar todos os meios de comunicação alternativos. Na verdade não, você sabe. Não vai fazer nenhuma diferença. Que diferença que um par de vozes vai fazer? O plano ainda vai rolar. Não vai fazer nenhuma diferença, eles acreditam, o que você ou eu poderíamos dizer ou fazer?

W: Bem, concordo com o que disse George Green. Ele pintou um quadro muito melhor do que eu poderia, porque isso é exatamente o que é. Eles são incrivelmente arrogantes. Junto com os outros atributos que eles têm, aí é onde a arrogância está. É bem tangível. Sim. E eles estão muito confortáveis com o que estão fazendo, totalmente confortáveis. Eles não estão se escondendo e nem se ocultando. Quero dizer que essas pessoas estão bastante abertas, algumas delas são figuras públicas.





O reptiliano, como toda a sua família, George Bush, ex presidente dos EUA

BR: Ok. Agora, há alguma coisa que perdemos? Existe alguma coisa que você quis dizer, mas não teve uma chance de ampliar? Há algo que queira acrescentar que nem sequer lhe tenha perguntado?

W: Há ainda uma história para contar, penso eu, porque estou muito consciente de que as pessoas precisam ter um nível digno de credibilidade no que estou descrevendo a você, e acho que é sempre uma dificuldade. Mas tudo que posso realmente dizer é que eu tenho conhecimento desse cronograma desde o início dos anos 70, eu era muito jovem para entender o que era isso na época. Na verdade, pareceu-me uma coisa muito emocionante o que estava acontecendo e foi a primeira vez que ouvi falar sobre a existência da “Missão Anglo-Saxônica“.

E detalhes do que sei, sinto que se começasse a mencionar nomes em particular e o que foi mencionado, onde estava no momento, poderia comprometer o Ato dos Segredos Oficiais, de que ainda faço parte em muitos aspectos. Falo dos militares. Onde não é um ambiente civil, me sinto feliz de falar sobre isso. Gostaria que houvesse uma maneira de poder descrever outros eventos, de que eu tenho conhecimento, e fazê-lo de uma forma que permitiria que as pessoas me entendessem muito melhor o que eu expliquei aqui. Então eles veriam exatamente de onde venho, onde estive e o que passei. Sinto que, em seguida, as pessoas poderiam racionalizar sobre o que foi dito de forma muito melhor.

Mas sinto que o que foi dito até agora é suficiente para que as pessoas, se assim o desejarem, dêem uma olhada ao seu redor e levantem algumas pedras. E se alguma coisa significativa vier à tona disso que outras pessoas possam corroborar, isso seria fantástico. Isso seria bom, por causa da evidência… Você sabe, sei que é tão crucial fazer coisas como esta e não há nenhuma arma fumegante como tal. Há apenas uma pessoa relatando algo que aconteceu há cinco anos, principalmente, mas há uma história muito, muito maior sobre isso, que você está ciente, e precisamos ser muito cuidadosos sobre até onde vamos com isso.

BR: Há muitas pessoas, é claro, que não têm acesso às mesmas informações que você tem. Isso é algo que é conhecido por milhares de pessoas no mundo das finanças, indústria química e farmacêutica, os militares, cientistas e na política. É amplamente conhecido. É uma proporção muito pequena da população do mundo, mas ainda assim é amplamente conhecido.

W: Com certeza. Sim.

BR: E algo que sempre incentivamos, saibam que quanto mais pessoas deixarem as fileiras deles e tiverem a coragem que você teve para falar, quanto mais ouvirmos, mais será compreendido, será como uma bola de neve rolando gradualmente. A bola de neve está rolando. É muito pequena ainda, mas está rolando.



W: Ah, é certo que está. Ela está. Virá um tempo em que os nomes serão dados, se houver suficiente apoio público, e vamos exigir respostas das pessoas. Assim, quando bastantes frutas da árvore da evidência caírem, então essas pessoas podem ser devidamente contestadas e, então, podemos ver uma estória muito diferente, você sabe, sair de pessoas como eu, com o que lhe estou contando. Tornar-se-á mais real, muito mais real. Podemos fazer isso. Podemos levar as pessoas à ação.

BR: Tudo bem. Tudo bem. Isso é muito, muito importante. Eu quero terminar dizendo: obrigado pela sua coragem, e obrigado por seu espírito de luta.

W: Muito obrigado, também, Bill Ryan. 

Saiba muito mais em:
  1. http://thoth3126.com.br/uma-visao-pessoal/
  2.  http://thoth3126.com.br/reptilianos-livro-body-snatchers-capitulos-8-9-e-10/
  3. http://thoth3126.com.br/c-i-a-maior-traficante-de-drogas-do-planeta/
  4. http://thoth3126.com.br/seres-hibridos-de-ets-e-humanos-viveriam-entre-nos/
  5. http://thoth3126.com.br/reptilianos-do-sistema-estelar-de-draco/
  6. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-entrevista-com-banqueiro-suico/
  7. http://thoth3126.com.br/angelina-jolie-e-parte-de-um-esquema-de-controle-muito-sutil-e-inteligente/
  8. http://thoth3126.com.br/pleiades-mensageiros-do-amanhecer-3/
  9. http://thoth3126.com.br/os-anjos-caidos-the-watchers-os-vigilantes/ 
  10. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-misterios-e-controle-alienigena/
  11. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-explosivo/


Permitida a reprodução desde que mantenha a formatação original e mencione as fontes.


www.thoth3126.com.br

Posted by Thoth3126 on 17/03/2015


URL: http://wp.me/p2Fgqo-k1


Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Bill Ryan

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Setembro 18, 2015

chamavioleta

NWO: A missão anglo-saxônica – 3

Publicado anteriormente a 14/03/2015

NWO-Nova-Ordem-Mundial-01

O inferno esta vazio. Todos os demônios estão aqui na Terra    Shakespeare (Saint Germain)



… Então, nós estamos indo direto para ter essa nova guerra, depois disso … e eu não posso te dar um prazo de quando isso vai acontecer … Também haverá um evento geofísico ocorrendo na Terra, que vai afetar todo mundo, o planeta inteiro (N.T. – Esse evento já é de conhecimento dos controladores do sistema, o governo secreto do planeta, e é mantido em segredo em relação à massa ignorante por eles controlada. Acontecerá em ABRIL de 2018).

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Fonte: http://www.thetruthseeker.co.uk

Transcrição da entrevista – Project Camelot janeiro 2010

NWO, Nova Ordem Mundial-A Missao anglo-saxonica, Parte 3

… Agora, durante esse mesmo tempo é que todos nós viveríamos primeiro uma guerra nuclear localizada e depois um ataque biológico. A população da Terra, se isso acontecer, será drasticamente reduzida. Quando esse evento geofísico (n.T. um eufemismo usado pela elite da NWO para vários eventos cataclísmicos simultâneos – o maior deles a mudança dos polos magnéticos do planeta- que eles sabem que já estão em curso na esfera planetária) acontecer, em seguida, o restante da população mundial provavelmente será reduzida pela metade novamente. E quem sobreviver é que vai determinar quem controla o mundo e sua população sobrevivente até a próxima era …




Capítulos anteriores:
http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-1/
http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-2/

Bill Ryan: Agora alguém lê isso e vai perguntar: Ok, então é isso que eles estavam discutindo, em 2005. Como você pode saber que este plano ainda está sendo encaminhado, que as coisas não mudaram radicalmente, que eles não o tenham abandonado completamente, que não tenha havido alguma grande reviravolta ou epifania aqui? O que te faz tão certo de que isto está ainda a ser executado?

W: Em virtude dos acontecimentos que tiveram lugar desde 2005 (ÉPOCA DA REUNIÃO). Acho que essa é provavelmente a forma mais coerente de olhar para isso. Nós já tivemos um colapso financeiro assim chamado (em 2008 e que foi apenas o começo da gestação do colapso financeiro total). Não foi um colapso ainda total. Foi mais um movimento para se obter uma ainda maior centralização de poder financeiro. Foi o que aconteceu. Certamente aconteceu nos Estados Unidos e certamente aconteceu no Reino Unido, aconteceu na França e na Alemanha. Assim, todos os principais intervenientes no mundo ocidental centralizaram mais ainda os seus ativos financeiros.(n.t. E certamente continua acontecendo desde 2013 com a crise dos países da zona do Euro, primeiro a Grécia, então a Espanha, a Itália, Portugal, etc…)

BR: Este fato foi discutido na reunião?

W: Sim! Ele tomou uma parte muito grande da reunião, a discussão de sobre como ele iria acontecer.Também tenha em mente que a reunião se realizou na cidade de Londres. A cidade é o centro financeiro da Europa e do mundo, além de qualquer dúvida.

BR: Então o que você está dizendo, é que todas estas coisas aconteceram de acordo com o planejamento da sua implantação, para viabilizar o plano.

W: É isso mesmo – e todas as preparações que devem ser feitas nos locais antes desse tipo de conflito ocorrer, isso já foi posto em prática também.

BR: Como o quê? Ao que você está se referindo?

W: Bem, você está falando de figuras-chave assumindo o controle. Vamos dar um bom exemplo aqui e este é um que provavelmente a maioria das pessoas no Reino Unido não sabem, é que a indústria britânica de SEGURANÇA PRIVADA emprega algo em torno de 500.000 pessoas, o que é muito mais do que todos os militares do Reino Unido. O número de militares da Grã-Bretanha é muito menor do que isso. Os militares do Reino Unido são em torno de cem mil. Estamos falando de 500.000 pessoas que trabalham na indústria da segurança privada no momento atual. Agora, antes de 2005, não havia regulamentação para isso. Não havia treinamento para eles. Não havia unificação com a força policial normal. E nos bastidores, quase sigilosamente – e isto é algo que as pessoas deveriam tomar conhecimento, especialmente nós que vivemos no Reino Unido – foi aprovado em 2001 o Private Security Industry Act (Ato para Indústria de Segurança Privada).

Agora, aquele ato significava que qualquer um que trabalhe no setor privado de segurança teve que passar por um certo treinamento. Eles também tiveram que ser cadastrados pela força policial. Foi uma espécie de censo civil para pessoas que estão trabalhando nas áreas de responsabilidade da segurança que devem ser verificados pela polícia. Essas verificações policiais … tudo fica descoberto. Não é apenas se você cometeu um crime ou não. Acredite, você pode descobrir muito mais sobre as pessoas através de uma blitz policial. E depois há o treinamento. Esta formação é toda sobre gestão de conflitos: o que fazer em tempos de conflitos, como controlá-los. E então eles são ensinados a usar a força controlada. O programa se estende a partir daí.

BR: Então você está falando sobre como lidar com os problemas de instabilidade civil nas ruas e assim por diante. Isso tudo é uma configuração para isso.

W: É verdade. Você pode lembrar dos protestos que ocorreram após a invasão do Iraque em 2003, aqui no Reino Unido e na Europa Ocidental e também nos EUA, mas principalmente na Europa Ocidental. Era quase como um levante em massa contra a guerra no Iraque. Isso não vai ser repetido novamente. Não será PERMITIDO. Mas as pessoas que trabalham nesse setor precisam serem legalmente habilitadas, a fim de fazer o seu trabalho, porque ainda vão estar trabalhando protegendo ativos, então eles vão estar fazendo seu trabalho. E no momento em que falamos de Industria de Segurança Privada eles estão buscando e recebendo mais poderes sobre os poderes de que a eles já foram dados.



Eles já foram licenciadas para operar legalmente no ambiente civil. Agora eles estão recebendo os poderes adicionais de polícia de que precisam. Não é apenas para aqueles no setor de segurança britânicos, mas também aqueles que são chamados de “agentes de execução civil”: assistentes de estacionamento, esse tipo de coisa; policiais comunitários, aqueles que estão ajudando a polícia para que eles façam o seu trabalho, eles estão recebendo poderes de acordo com as responsabilidades que é necessário para capacitá-los para fazer o trabalho de forma eficaz. Então, estamos falando sobre os poderes de detenção; estamos falando abaixo dessas linhas. E isso vai acontecer.

BR: Isso está acontecendo em outros países ocidentais, bem, você sabe?

W: Bem, isso já ocorreu em outros países ocidentais, países como a França e a Alemanha, onde você tem diversas forças policiais trabalhando juntas. Você não tem uma força de polícia única, por assim dizer, que você pode identificar e dizer: Bem, eles são a polícia . Eles têm outras agências, e todos eles carregam poderes semelhantes. Mas esses poderes dentro da indústria de segurança do Reino Unido simplesmente não existem no momento. Eles já existem nos Estados Unidos e é o modelo dos Estados Unidos o que está sendo implantado, usado, principalmente aqui.

BR: Tudo bem. Agora, antes que você começasse a dar esses detalhes, nós estávamos falando sobre a linha do tempo – e eu estava perguntando sobre qual seria sua resposta a alguém que quisesse saber como você poderia estar tão certo de que este plano esta no prazo certo para sua implantação, embora a reunião de que você participou tenha sido já há cinco anos.

W: Sim. Tudo que posso dizer, Bill, é que apenas tenha em conta o que eu já mencionei, e se isso não abrir os olhos de alguém – a veracidade do que aqui foi dito pode ser verificada pelos fatos (que já aconteceram) por si mesmo se quiserem fazê-lo.

BR: Sim, você esta certo.

W: Nem tudo esta sendo feito às escondidas. Eles não podem esconder tudo, e então quem tem dúvidas sobre essa agenda, pode colocar as peças do puzzle em seus lugares, em seguida eles vão descobrir o quadro, a imagem maior que é muito credível e convincente.

BR: Sim. Eu tenho que admitir, é muito credível, o que é muito decepcionante ao mesmo tempo. Logo no início da nossa conversa, você disse que … esta é a minha paráfrase … você disse que esta era uma corrida contra o tempo, do seu ponto de vista. Por quê?

W: Há muita coisa que vai acontecer dentro dos próximos anos e que tem tudo a ver com concentração de poder. Algumas delas, eu mesmo não compreendo perfeitamente, para ser honesto com você. Mas pelo que eu entendo, há uma porção de poder intermediário em andamento, e é principalmente a de que aqueles que têm estado no controle da maioria da sociedade planetária, não apenas por centenas de anos, mas há milhares de anos, deseja que o controle continue e aumente. E para que isso aconteça, uma seqüência de eventos tem que ser fabricada de modo que isso aconteça de forma induzida. O que eu até aqui acabei de descrever para vocês é provavelmente a primeira parte da estratégia.





ABRIL de 2018, uma grande mudança na superfície do planeta acontecerá com a inversão dos polos magnéticos do planeta.

Então, nós estamos indo direto para ter essa nova guerra, depois disso … e eu não posso te dar um prazo de quando isso vai acontecer … haverá um evento geofísico ocorrendo na Terra, que vai afetar todo mundo, o planeta inteiro (N.T. – Esse evento já é de conhecimento dos controladores do sistema, o governo secreto do planeta, e é mantido em segredo em relação à massa ignorante por eles controlada). Agora, durante esse mesmo tempo é que todos nós viveríamos primeiro uma guerra nuclear localizada e depois biológica. A população da Terra, se isso acontecer, será drasticamente reduzida. Quando esse evento geofísico acontecer, em seguida, o restante da população mundial provavelmente será reduzida pela metade novamente. E quem sobreviver é que vai determinar quem controla o mundo e sua população sobrevivente até a próxima era.

Portanto, estamos falando de uma era pré e pós-evento cataclísmico. Quem vai ser responsável? Quem vai ter poder, ficar no controle? Então, é tudo sobre isso. E é por isso que eles estão tão desesperados para que estas coisas aconteçam dentro de um prazo pré-definido (N.T. – Nesse caso a data de 2012 tem muita importância, acontecendo ou não qualquer evento cataclísmico, para quem esta no controle da implantação desse planejamento).Caso contrário, eles vão perder o timming.

BR: Tudo bem. Deixe-me brincar de advogado do diabo aqui e fale comigo de seu ponto de vista de ter bastante experiência militar e em profundidade e também familiaridade com o pensamento e a lógica militar. Porque é que a guerra e o estabelecimento do governo totalitário, e a atmosfera de medo, e assim por diante, porque é tudo o que precisam se vai ter um grande evento geofísico, como você diz, o que mais perturba a infra-estrutura, resultam em muitas mortes, o resultado em todos os tipos de emergências em todo o mundo, terremotos, tsunamis, sabe-se lá o quê mais. Só isso já justificaria a lei marcial e estados de emergência na maioria dos países e as mesmas facções poderiam facilmente justificar o poder e assumir o controle nesse tipo de emergência. Porque é que tem a parte deste cenário de guerra? Eu não entendo isso.

W: Eu acho que você tem que olhar para isso de um ponto de vista diferente. Após um evento cataclísmico, haverá pouca ou nenhuma estrutura restante. E se não há estrutura, isso significa que uma estrutura (de comando) tem que ser colocada de volta no lugar da que havia antes. A estrutura precisa estar no lugar antes que aconteça o evento com algum tipo de certeza de que vai sobreviver ao que vai vir – para que ela, a estrutura de comando, possa estar plantada em ambos os pés no dia seguinte à catástrofe, e depois se manter no poder e ter o poder e o controle, o que é apreciado previamente.

BR: Então, é uma justificativa para o reforço dos componentes críticos da infra-estrutura, na verdade, em preparação para o cataclisma/catástrofe que na rotina civil às vezes não pode ser tão forte. Isto é o que você está dizendo?

W: É verdade. E eu estou entrando em uma área onde eu só posso dar opiniões subjetivas o mesmo que qualquer outra pessoa poderia fazer, mas o sentimento, e é uma forma muito intuitiva, é que eles têm de agirem juntos agora. Eles têm que obter a sua base de poder já estabelecida corretamente no lugar, ANTES. E a única maneira que eles vão obter isso é criar as condições para que isso aconteça, ou seja, um conflito global. E todos nós podemos olhar para trás em nossa história. Toda guerra tem um objetivo a ser alcançado. Além do sofrimento, o sofrimento humano que se passa, é sempre um objetivo a ser alcançado. E o objetivo esta sempre do lado do vencedor. Então, nós estamos olhando para este regime totalitário, que, creio, já é totalitário de qualquer maneira (mas ainda não abertamente). Quero dizer, nós não temos uma democracia governando para todos. Ninguém tem uma palavra a dizer, nada. Isso já foi decidido, acima de todos.

Nós realmente não importamos. Eles é o que importa, e o poder e controle é a energia deles, e essa é a única coisa que está sendo pensada nisso tudo. E eu acredito que se você bater na mentalidade de quem atua dessa forma, você entenderia o que eles vão fazer e por que eles o estão fazendo e por quê eles querem controlar o fim do jogo e estar no poder no fim de tudo, intactos, porque vai ser possível sobreviver a este evento geofísico planetário.



BR: Você tem alguma indicação, para quando é esse evento catastrófico? Isto implica, a partir do que você está dizendo, que eles estão meio que esperando algo acontecer em torno de 2012. É este um evento para o ano de 2012?

W: Não, isso não esta realmente centrado em torno de 21 de dezembro de 2012. E eu não sei o que vai acontecer em 21 de dezembro de 2012. Eu tenho fortes suspeitas de que vai ser outra coisa, talvez algo de bom para todos. Eu realmente não sei. Mas, certamente, naquela época nós estamos indo para estar em um conflito que vai demorar o tempo que for preciso. Mas estamos falando de alguns anos após 2012, o momento de quando este evento geofísico/catástrofe planetária irá acontecer (n.t. O evento catastrófico planetário será na última semana de ABRIL de 2018). Eu vou ser julgado ainda em minha vida atual.

BR: Tudo bem. Então me deixe alimentar isto de volta para você, esse roll-out de eventos que descreveu: a troca do cessar-fogo nuclear e, em seguida, o uso de armas biológicas … o que você está dizendo é que isso vai resultar em caos, na verdade, vai levar uma geração da humanidade para reconstruir tudo isso. E durante todo esse tempo terá que existir algum tipo de infra-estrutura e governo pesadamente totalitário, a fim de lidar com esta situação de emergência em curso para reconstrução da sociedade. E então em algum momento vai acontecer este grande evento geofísico, mas eles tem que começar o mais cedo possível. É mesmo?

W: Isso é correto. Isso mesmo.

BR: Você acha que eles sabem quando isto vai acontecer, o grande evento geológico/geofísico? Ou você acha que eles pensam que apenas irá acontecer “em algum momento”?

W: Sim. Acho que eles tem uma boa idéia de quando isso vai acontecer. Eu não sei quando é. No entanto, eu tenho esse sentimento muito forte que vai acontecer na minha vida ainda, digo, dentro dos próximos 20 anos. Você provavelmente poderia reduzir isso de volta ainda mais – entre hoje e dez anos.

BR: Hummmm. Sei.

W: Você sabe, eu realmente não sei. Desejaria saber. É algo que eu adoraria saber, mas agora estamos entrando no período final em que este evento geofísico está prestes a acontecer, quando consideramos o período de tempo que passou desde o último que aconteceu cerca de 11.500 anos atrás (N.T. Foi em 10.986 a.C. há 12.998 anos em nosso passado, quando o remanescente de Atlântida afundou e cuja história é contada na Bíblia como o dilúvio de Noé) e que acontece ao redor de 11.500 anos, ciclicamente. Agora esta próximo de acontecer novamente.

BR: Sim.

W: Em que medida isso vai afetar o mundo, isso nós só podemos imaginar, e eu tenho certeza que há planos de contingência em vigor agora para que o evento aconteça porque acredito que é amplamente conhecido dentro desses círculos mais fechados do poder. Eles entendem e sabem o que vai acontecer. Eles têm a certeza de saber que isso vai acontecer. Eles podem ter um prazo, e parece provável que eles o têm. Novamente, é uma dessas coisas – seria inconcebível se eles não soubessem. Quer dizer, os melhores cérebros do mundo e os melhores recursos e toda a estrutura científica atual já estão trabalhando para eles sobre isso. Você sabe? E eles sabem tudo sobre esse evento futuro, e eu não sei pessoalmente quase nada.

BR: Isto foi falado na reunião de que você participou?

W: Não, não foi falado abertamente. Deixe-me resumir o que foi discutido na reunião: O Irã será atacado, possivelmente dentro de 18 meses. A China vai vir em auxílio do Irã, para proteger seus próprios interesses. Armas nucleares (táticas) serão usadas, quer pelo Irã ou a China, com Israel entrando no jogo, provocando a primeira utilização das armas atômicas pelos judeus. Grande parte do Oriente Médio será destruído completa e definitivamente. Milhões morrerão dentro de um período muito curto de tempo. E por algum motivo isso está aqui, e eu não posso te dizer porquê: a China vai passar forçosamente a invadir partes da Rússia e estender as linhas de cessar-fogo. Posteriormente, as armas biológicas serão implantados contra a China. “A China vai PEGAR um resfriado muito violento e MORTAL”.

E no meu entendimento pessoal também é de que há algum tipo de aliança ET maligna que está agindo pelos últimos 50 anos (através) pelo Reino Unido e com os EUA e outras potências ocidentais, e isso inclui o Japão (absolutamente correto). E, novamente, quando falamos de uma aliança ET malévolos que está no âmbito de projetos das trevas, e este é um intercâmbio de tecnologias que vem acontecendo há bastante tempo. Portanto, há um envolvimento com alienígenas, e que tipo de envolvimento é eu não consigo explicar completamente nem a mim mesmo.

E eu também entendo que há mais entidades Extraterrestres humanitárias e altruístas trabalhando contra esse cronograma e estão de alguma forma mantendo um equilíbrio precário nessa disputa pelo controle da Terra, sem ter havido qualquer intervenção direta no planeta. E novamente, eu não posso explicar totalmente isso, mas isto é um certo sentimento intuitivo que sinto e está a funcionar e há outros aspectos da minha experiência que me levam a fazer essa afirmação – mas isso é outra história.

Então o que nós estamos falando é das potências ocidentais que procuram uma “guerra perfeita” – fazendo isso ao longo do século XX até os dias atuais, até o dia presente, porque esse cronograma esta sendo implantado e vai seguir seu caminho. Então, estamos falando de décadas ou centenas de anos de tempo em que esse cronograma já está em uso. E também acho que é muito importante para a linha do tempo associado com a sua referência de outros que eu já ouvi várias vezes agora: ele é chamado de A MISSÃO ANGLO-SAXÔNICA. Eu sinto que é importante acrescentar isso porque isso pode soar algumas campainhas com algumas pessoas para quem eu acho que não foi mencionado antes.

BR: Eu já ouvi essa frase antes. Não quero divagar aqui, mas o sinal que tenho contra isso – e, na verdade, o que realmente estou começando a entender é tão assustador quanto parece, a partir do que você está dizendo – que o motivo pelo qual é chamado A MissãoAnglo-saxão é basicamente porque o plano é acabar com os chineses, árabes, eslavos e outras raças para que após o cataclismo, e quando as coisas forem reconstruídas, serão os anglo-saxões que estarão em condições de reconstruir e herdar a Nova Terra, sem ninguém por perto. Esta Certo?

W: Se isso esta certo Eu realmente não sei, mas eu concordo com você. Ao longo do século 20, pelo menos, e mesmo antes, ainda nos séculos 17, 18 e 19, a história da nossa civilização atual tem sido predominantemente sido executada a partir do Oeste e da região Norte do planeta, desde que surgiu o Império de Roma, no século III a.C. Outros tentaram, mas fracassaram. E é seguro dizer que a Primeira e Segunda Guerra Mundial centradas na Europa foram guerras fabricadas. Tenho certeza disso. E elas foram usadas friamente como degraus para se chegar na situação onde estamos agora. Qualquer historiador irá dizer-lhe que se isso não acontecesse, a situação atual seria diferente.

Nós não teríamos as Nações Unidas, nós não teríamos os Estados Unidos da América, tornando-se uma superpotência em tão curto período de tempo. Tornaram-se uma superpotência dentro de quatro anos após a segunda grande guerra. E eles acabaram com armas nucleares e a tecnologia mais avançada. As pessoas, eu sinto, tem que refletir sobre isso, essa consciência e conhecimento para dentro de suas próprias agendas pessoais. Que o Ocidente se tornou a força predominante no mundo hoje. Isso é fora de questão.





ABRIL de 2018, faltam apenas 49 meses…

BR: Retrospectivamente, olhando para trás, você pode ver uma espécie de estratégia de longo prazo que se estende sobre um número de gerações, embora não se possa ver a floresta inteira, mas só para as árvores na época.

W: É a natureza das pessoas – mesmo. Você sabe, nós só vivemos nossas vidas com as de nossas famílias e as pessoas próximas a nós e fazemos o melhor que pudermos. Não é muito frequentemente que enfiamos a cabeça acima do parapeito (ou olhamos PARA CIMA, PARA FORA DO POÇO de IGNORÂNCIA onde habita a humanidade) e damos uma boa olhada em volta para ver o que está realmente acontecendo. Nós não somos muito bons em fazer isso, em sermos reflexivos, eu estou com medo (a humanidade atavicamente escolhe a ignorância, sempre, pois é muito mais confortável).

Eu sou um bom exemplo. Estive envolvido em tantas coisas, apenas abaixo a minha cabeça e só me preocupo com o que estou fazendo, ignorando o que estava acontecendo, talvez até conscientemente negando o que eu próprio estava testemunhando e vendo acontecer até que eu realmente tive que pensar e dizer algo sobre esses fatos.

BR: Sim. Apenas uma nota pessoal, deve ser muito difícil viver com essa experiência que você teve de ser parte dessas conversas e sabendo que isto não é apenas uma fantasia porque você ouviu as pessoas falando sobre isso, rindo sobre isso.

W: Bem, foi bastante informal. Quero dizer, eles estavam muito à vontade para falar sobre isso. Como posso descrever melhor as pessoas de quem eu estou falando? As pessoas de quem eu estou falando são do tipo das pessoas que exalam poder. Eles provocam o temor nos outros. Elas exigem obediência e por Deus, eles conseguem isso! E pela maneira como eles falam são eles que estão ditando às regras aos assim chamados governos eleitos que temos no Parlamento britânico, em Washington, em Berlim, em Paris e demais países (N.T.-Eles são o poder real agindo nos bastidores da política mundial. Os governantes eleitos são seus meros fantoches, úteis enquanto estiverem implantando a sua agenda, descartáveis se assim não o fizerem).

Estas pessoas exalam esse tipo de poder e, além disso o que mais eu posso dizer? Tenho certeza de que outras pessoas também já se depararam com personagens assim em suas vidas. Não há um resquício de compaixão em seus corações. Eles não ressoam qualquer calor espiritual que seja. Eles são frios, são calculistas, são lógicos e racionais ao extremo e sem sentimentos, são puro intelecto. Para usar uma frase que é comum aqui, “a manteiga não derreteria em sua boca”.

BR: Um monte de gente lá fora especula que, em algum nível, talvez não no nível das pessoas que você esteve nessa reunião, mas em algum outro nível, em que este governo secreto do planeta, que atua nos bastidores e que está orquestrando todo esse plano, encontra-se uma inteligência não-humana. E um dos argumentos que nos leva, uma quantidade enorme de pessoas, a pensar que a longo prazo, a estratégica, a astúcia, empregados no plano vai por muitas gerações, e que é o resultado de uma inteligência extremamente elevada agindo para poder jogar este jogo de xadrez (poder e controle) em uma escala tão enorme. Assim, algumas pessoas, eu incluso (Bill Ryan), sugerem que esta deve ser uma inteligência não-humana (da Terra) que está por trás disso tudo há muito tempo.




W: Sim. E a minha percepção é que essa inteligência (n.t. Draconiana) é extremamente lógica e racional e sem sentimentos, sem empatia, sem amor, carinho, compreensão ou compaixão. Eles são frios e calculistas e a lógica usada esta além de qualquer lógica que poderíamos reunir normalmente. Eles vão bem além disso – eles são SERES extremamente inteligentes. Estas são pessoas que podem produzir respostas às questões realmente difíceis, sem piscar um olho. Eles são seres muito, muito brilhantes (intelectualmente), mas claro apenas no sentido de que a sua lógica e racionalidade é extraordinária, fria, cruel e brutal.

BR: O que as pessoas comuns devem fazer? Como devem reagir? Como elas devem pensar? Você, pessoalmente, sente que isso é inevitável? Você acha que estamos todos condenados de algum modo?

W: Não, absolutamente não. Tenho pensado muitas vezes sobre isso, Bill, e este curso dos acontecimentos é uma opinião pessoal: Nós vamos resistir. Mas, para suportar, de uma pessoa para outra, não devemos mais trabalhar para eles, nunca mais. É para pararmos de trabalhar para eles. É não reagirmos violentamente contra eles, porque eles vão ganhar. Eles gostariam que isso acontecesse (a violência), então isso lhes daria uma desculpa. Eles vivem, se alimentam e se reproduzem no medo e com a violência – a reação do medo. Isso seria como o mel de abelhas para eles. Eles amariam que isso acontecesse.

O que é preciso é uma reação não-violenta: simplesmente apenas não fazer mais o trabalho para eles. Para dar uma comparação, Bill. Havia um homem que a história tem largamente ignorado. Era um francês, de nome Jean Léon Jaurès. E sempre me surpreendeu por que este personagem incrível nunca entrou nos livros de história. Ele é bastante conhecido na França, em alguns círculos, mas não muito conhecido. Ele previu a Primeira Guerra Mundial acontecendo. Ele queria que o movimento operário internacional não cumprisse mais suas obrigações com as famílias reais e a aristocracia européia, e quando você ler sobre ele, você vai descobrir isso sozinho. Apenas um par de meses antes do início da guerra, em 1914, quando o assassinato do arquiduque Ferdinando teve lugar na Sérvia, Jean Jaures foi assassinado em um café francês. Eles o mataram. Ele foi morto, e com ele foi esse movimento junto.

Antes da Primeira Guerra Mundial, ele viu a escrita na parede. Ele viu os nobres e as aristocracias, as famílias reais da Europa (todos são reptilianos), opondo-se uns contra os outros, em uma grande batalha.

Ele sabia que a França e a Alemanha, o Reino Unido seriam os países industrializados. Ele também percebeu que a próxima guerra (a de 1914 ) seria uma guerra industrial também, onde milhões de pessoas poderiam ser mortas. Ele formou um movimento que alguns têm denominado como comunista. Foi o Movimento Internacional dos Trabalhadores e não tem nada a ver com política. Sua idéia era para a pessoa comum não fazer mais nada, não produzir nada mais, não ir mais para a guerra, ficar em casa e então eles não teriam a guerra que eles queriam.

Eu pessoalmente acredito que se a violência não é adotada contra eles e as pessoas ficarem mais despertas, com CONSCIÊNCIA para o que está acontecendo, então essas pessoas muito, muito rapidamente perdem o poder que eles têm sobre a humanidade. Eles se alimentam de energia. Alimentam-se de medo e ignorância. Então, se você tirar esses elementos para longe deles, eles se tornam impotentes. Eles precisam de nós para fazer o que eles estão planejando. Eles não podem fazê-lo por conta própria, embora eles possam ser perigosos em qualquer caso, mas eles não podem fazer tudo sozinhos.

E essa seria a minha mensagem, que é apenas para despertarmos um pouco, veja o que está acontecendo ao seu redor, coloque ou erga a sua cabeça acima do parapeito do poço sem fundo e sem receio de fazer isso, sem sentir medo, respire fundo, dê uma olhada ao redor, veja o que está acontecendo realmente, e então as pessoas vão logo perceber que algo esta muito errado: Ah, sim. Okay. Então é assim, isto é para onde nós estamos indo e não há muito que eu possa fazer sobre isso! Mas NÓS PODEMOS!



Como eu disse, é não reagir violentamente (não combatas o mal com o mal…). E se as pessoas estão em posições onde essas pessoas precisam deles, simplesmente não trabalhem mais para implantar a agenda deles. Basta parar de trabalhar para eles. Leve o seu trabalho para fora disso, porque eles precisam que as tropas que vão às guerras façam este trabalho. Nós não estamos falando apenas de pessoas nas forças armadas. Estamos falando de todos os membros civis em todas as populações em todo o globo.

Basta dizer: Não, porque nós não queremos mais, isto não é o que queremos mais fazer. E isso é fazer UMA escolha (é ter ATITUDE). Parece ridiculamente simples. Acho que a execução da mesma é tão simples assim e esta bem dentro do nosso poder como seres humanos, da vida consciente, respirando, os seres humanos, que têm compaixão compartilhada para com o outro para fazer isso. Porque se não o fizermos, eles vão continuar e, em seguida, eles vão executar a fase final do seu plano, a mais diabólica.

CONTINUA …

Publicado originalmente em Agosto de 2012.

Mais informações em: 
  1. http://thoth3126.com.br/category/nova-ordem-mundial-nwo/http://thoth3126.com.br/e-u-a-o-exercito-dos-illuminatinova-ordem-mundial/
  2. http://thoth3126.com.br/o-governo-oculto-secreto-nos-eua/;
  3. http://thoth3126.com.br/forcas-das-trevas-atuam-de-dentro-do-governo-dos-eua/
  4. http://thoth3126.com.br/o-governo-oculto-secreto-nos-eua-ii/
  5. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-misterios-e-controle-alienigena/
  6. http://thoth3126.com.br/euao-poder-militar-illuminati-nwo-invade-o-planeta/
  7.  http://thoth3126.com.br/carta-de-um-politico-da-noruega-sobre-2012/
  8. http://thoth3126.com.br/denver-international-airport-uma-enorme-base-subterranea/
  9. http://thoth3126.com.br/tecnologia-de-orion-e-outros-projetos-secretos/
  10. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-explosivo/
  11. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-2a-explosivo/
Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

Setembro 18, 2015

chamavioleta

NWO: A missão anglo-saxônica – 2

Publicado anteriormente a 11/03/2015

NWO-Nova-Ordem-Mundial-01

NWO-Nova Ordem Mundial: a missão anglo-saxônica, parte 2

Bem, em uma troca nuclear - e eu acredito que haverá uma troca de ataques nucleares limitada – após isso haverá algum tipo de cessar-fogo. Isto foi falado, que previa um cessar-fogo rápido, mas não antes que milhões já tivessem morrido, principalmente no Oriente Médio.



Então, nós estamos falando provavelmente também sobre Israel aqui, a população de Israel ser dizimada, conjuntamente com populações de países como a SÍRIA, o LÍBANO, IRAQUE, JORDÂNIA e definitivamente o IRÃ, você sabe, as grandes e populosas cidades, usinas de energia e assim por diante, esse tipo de coisa. E logo depois um cessar-fogo antes que se destrua tudo …

{n.t.: ANGLO-SAXÃO é a denominação resultante da fusão de três povos GERMÂNICOS, os anglos, os saxões e os jutos que invadiram e se fixaram no norte, leste e no centro da Inglaterra no século V. Os Anglos são um antigo povo germânico cujo nome deriva da antiga região cultural de Ânglia, um distrito localizado em Schleswig-Holstein, hoje no norte da Alemanha. Os ANGLOS foram um dos maiores grupos a fixar-se na Britânia no período pós romano, fundando diversos reinos da Inglaterra Anglo-saxônica e instalando-se na Ânglia Oriental, Mércia e na Nortúmbria no século V d.C. Esse nome é a raiz do nome “Inglaterra”.

Em relação aos SAXÕES, podemos afirmar que foram um antigo povo da Germânia, habitantes da região próxima da foz do rio Elba e correspondente à atual região do Holstein na Alemanha. O indivíduo desse povo é o saxônico, saxônio ou saxão. Jutlândia, a terra dos JUTOS historicamente é o nome da península que se projeta no Norte da Europa (Alemanha) para o resto da Escandinávia, formando a parte continental da Dinamarca. Tem o Mar do Norte a oeste, o Kattegat e o Skagerrak ao seu norte, o Mar Báltico, a leste, e a fronteira dinamarquesa com a Alemanha no sul. O estado alemão de Schleswig-Holstein é parte da Península Cimbriana mas não faz parte da Jutlândia.}


“O inferno esta vazio. Todos os demônios estão aqui na Terra.” Shakespeare (Saint Germain)

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

A NWO, uma Nova Ordem Mundial – A Missão Anglo-Saxônica, parte 2 – Transcrição da entrevista – Project Camelot janeiro 2010.

Fonte: http://www.thetruthseeker.co.uk/?p=12308

Bill Ryan: Agora, eu não quero te tirar do rumo, mas existe o potencial de analogia com a situação no Iraque, onde os governos ocidentais e seus militares, principalmente os EUA, se eles realmente soubessem a verdade ou não, foram dizer ao público que a capacidade militar iraquiana era muito maior do que realmente foi constatado depois. É possível que houve algum engano aqui no que diz respeito à capacidade nuclear atual do IRÃ? Ou você acha que eles realmente sabem o que os iranianos têm e podem fazer?




Os DRAGÕES (e reptilianos) abundam na simbologia de Londres

Capítulo anterior: http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-1/

W: Fazendo uma comparação com o Iraque, o que é uma coisa natural. No entanto, neste contexto, penso que poderia induzir em erro. O apoio que o Iraque tinha durante a Guerra Irã-Iraque era na maior parte do Ocidente. E, claro, “ocidental” deve-se incluir Israel, (que queria a mudança de regime dos fanáticos Aitolas do IRÃ) então a probabilidade de conseguir um Iraque com armas nucleares que eles próprios não produziram, mas fazê-lo importado para eles, seria extremamente baixo. Agora, o Irã sendo continuamente apoiado (também com tecnologia nuclear) pela CHINA e pela RÚSSIA, e também por outros países (Coréia do Norte). O mercado de armas militares é uma questão muito aberta e que pode até mesmo incluir os franceses, que independentemente exportam as suas armas para fora sempre que puderem.

Bill Ryan: Sim.

W: Mesmo a despeito das convenções em vigor sobre a venda de armas no exterior. Mas isso vai um pouco além disso. Estamos falando de um país que está sendo muito bem utilizado por outro país ao longo do seu período revolucionário – e que esta sendo visto ( o IRÃ) como um inimigo de todos os estados ocidentais, e dos Estados do Golfo também.

Bill Ryan: Você quer dizer, você está se referindo ao IRÃ sendo usado pela CHINA?

W: Pela CHINA. Sim. Ambos estão usando um ao outro, é claro. A economia da CHINA está subindo rapidamente. Eu não sei se ela atingiu o seu patamar agora ou não, e eu não estou falando sobre isso. Mas a quantidade de armamento e do nível de conhecimento técnico que o Irã está recebendo do poderio militar chinês – parece inconcebível que as armas nucleares não fossem incluídas dentro de qualquer pacote que vai para lá, se o que vem sob o controle direto da Guarda Revolucionária Iraniana ou em conjunto pelos iranianos e chineses. Não se pode ter certeza. Mas eu vou voltar ao que eu disse antes, que, nessa reunião, o pressuposto mencionado era – e isso foi bastante claro – de que os iranianos tenham armas nucleares em sua posse, pois não foi mencionado o contrário.

Bill Ryan: Entendido. O que você está falando é sobre como esta cooperação entre o Irã e a CHINA vai ser usada como uma forma de se chegar a CHINA -, porque a CHINA é o alvo principal a ser atingido pelo Ocidente . Isso está correto?

W: Isso é correto. A CHINA tem sido o alvo principal, pelo menos desde meados dos anos 70 – e, novamente, esta informação é através de terceiros, de modo que eu não posso lhe dar qualquer evidência em primeira mão, direta – mas ela sempre foi a CHINA. Ela sempre foi esse país que está a ser um dos grandes neste cronograma maquiavélico. É a CHINA que eles querem, agora, e é tudo sobre a forma de como coagir e criar o cenário onde este tipo de – bem, isso vai ser uma guerra, Bill, lá vai ser uma guerra – como isso pode ser realizado e como ele pode ser credível e aceitável para todos aqui que vivem no Ocidente? E do jeito que vai ser credível é através da utilização de uma nação como o Irã a ser usada como um bode expiatório para usar uma arma nuclear a fim de obter uma retaliação.

Bill Ryan: E a justificação de tudo isto, então, é oferecer ou para envolver o Ocidente e a CHINA em uma guerra, com que propósito?

W: A CHINA, então, vai vir em auxílio do Irã, muito rapidamente. E o que estamos falando é dessas “estradas/caminhos para Jerusalém”, por assim dizer. E não deveria ser nenhuma surpresa que os chineses têm seu próprio “caminho de Jerusalém”, por assim dizer, porque é onde o petróleo (oriente médio) esta – para a sua salvação energética- e é aí que o seu poder poderia ser estendido muito mais do que onde ele está no momento .

Bill Ryan: Eu não entendi o que você quis dizer lá por Jerusalém . Era uma metáfora, falando sobre o Irã?

W: Sim. Foi a minha metáfora. Embora eu não tenha mencionado a você anteriormente, você sabe, eles falam sobre “a estrada para Jerusalém”, por assim dizer. As pessoas gostam de Benjamin Netanyahu, o primeiro ministro de ISRAEL, ele usa bastante essa expressão. Obama a tem usado. O presidente chinês Hu Jintao realmente a usou também, creio eu. Eles realmente usaram essa metáfora.

Bill Ryan: Eu não sabia disso.

W: Sim, eles o têm feito. É onde os caminhos do ocidente se encontram com os caminhos do oriente. Será que mentir através de Teerã, indo para um lado? Ou será que ele passaria através de Teerã mais uma vez, vindo pelo outro lado?

Bill Ryan: Ok, então você está usando a expressão, basicamente, como uma metáfora para um objetivo desejado, algo que é para ser alcançado e atingido.

W: É isso mesmo.

Bill Ryan: Tudo bem. Então o que você está dizendo, é que há um plano a longo prazo que vem sendo decidido há algum tempo para definir a situação, para configurar o tabuleiro de xadrez, o tabuleiro de xadrez global, de modo que vai ser uma guerra contra a China . Isto é o que você está dizendo.

W: Sim, em poucas palavras. Você pode ter isso. É toda uma série de eventos, e muitos deles já se concretizaram. E outra vez eu só posso enfatizar que o tempo que resta parece ser crítico.

Bill Ryan: O que aconteceu, e que ainda está para acontecer, e qual é o plano eventual para o que querem que aconteça, se tudo que eles esperam e planejam venha a ocorrer?





A destruição da Mesquita do Domo da Rocha, em Jerusalém, em algum tipo de atentado, em um dos locais mais sagrados para o mundo árabe e muçulmano poderia ser um estopim para um conflito armado generalizado no Oriente Médio.

W: Bem, o plano é para que o fusível a ser usado (que inicie o processo) seja o Oriente Médio mais uma vez, de uma maneira que faria os conflitos anteriores que aconteceram na região parecerem brincadeira. Essa nova situação de confronto vai envolver o uso de armas nucleares/atômicas (n.t. De ambos os lados, pois ISRAEL tem um arsenal com cerca de 220 ogivas atômicas, desenvolvidas na usina Nuclear de Dimona) e, novamente, é para criar uma atmosfera de caos e medo extremo, não só no Ocidente, mas em todo o mundo, em todo o planeta e para colocar em prática aquilo que eu mencionei como (a implantação de) um governo ocidental unificado e mundial totalitário (n.t. A já famosa Nova Ordem Mundial-New World Order, NWO), e para fazer isso a CHINA precisa ser retirada de cena, politicamente e socialmente, para que isso possa acontecer, segundo os planos de quem deseja essa NWO-NovaOrdem Mundial.

Bill Ryan: Então pelo que estamos vendo aqui, eles estão matando dois pássaros com uma só pedrada. Eles estão usando isso como uma justificativa para criar o que muitos na internet tem chamado o Governo Mundial Único (New World Order-A Nova Ordem Mundial), exceto que não está incluindo a China. Você está falando sobre as nações ocidentais em aliança num bloqueio contra esta nova ameaça.

W: É especificamente as nações ocidentais, mas acho que também temos de incluir o Japão nisto também.

Bill Ryan: E o que dizer sobre a Rússia? Onde é que a Rússia entra?

W: Eu acredito que a Rússia é um jogador também, mas eu não tenho provas. Por alguma razão ou outra a Rússia realmente não aparece por aqui, e é apenas uma suposição minha, e que o governo russo que no momento está de mãos dadas com os agentes de controle que estão operando aqui no Ocidente.

Bill Ryan: Hum. Então você está dizendo isso porque nesta reunião que você assistiu, a Rússia não foi mencionada como um fator importante.

W: Não, nenhum fator. A única maneira que foi mencionada é que a idéia é criar uma situação de caos em todo o mundo. Isso mais tarde significaria o uso posterior de armas biológicas, a escassez generalizada de alimentos, o que afetará os países mais vulneráveis em todo o mundo, seguido por fome e doenças. A única menção que a Rússia entra aqui é uma estranha que não consigo explicar e talvez alguém possa. Eu realmente não posso colocar minha cabeça em torno deste fato. Mas dentro desta reunião, foi mencionado: “para fazer com que os militares chineses façam um ataque à região Leste da Rússia” (n.t. Onde estão as principais reservas de gás e petróleo e que é a principal fonte de receita da nação russa pelo seu grande volume de exportação desses itens). Agora, não posso qualificar isso e por que isso foi mencionado na reunião – eu simplesmente não sei.

Bill Ryan: Tudo bem. Então, só para voltar ao que eu disse há um minuto atrás, matar dois pássaros com uma pedrada. Um dos objetivos aqui, então, é estabelecer uma aliança unida dos países ocidentais com uma espécie de totalitarismo “em emergência e em estado de guerra”, um aspecto de controle pesado para essa aliança. E o outro aspecto é realmente o de acender o fogo da guerra, o que resultará em todos os tipos de caos e, presumivelmente, um número enorme de pessoas morrendo em algum lugar, ou em vários lugares.

W: Sim.

Bill Ryan: A população chinesa? Ou todos no planeta? Isso é parte do plano de redução da população? O que eles dizem?

W: Bem, havia uma conversa sobre os agentes biológicos a serem utilizados, descritos como sendo utilizados VÍRUS DE GRIPE e que iria se espalhar rapidamente. Agora, apesar de eles não mencionaram isso nesta reunião, mas agora eu sei que ele vai atacar as pessoas geneticamente, e não todos os diferentes povos em sua totalidade. Como isso vai acontecer …

Eu não sou um geneticista, eu realmente não sei. Só se pode assumir que é ligado ao DNA de alguma forma. E as diferenças que são encontradas no DNA. Essas diferenças foram identificadas e os vírus podem ser produzidos para matar uma pessoa de um grupo genético específico e fazê-lo muito rapidamente por toda a população desse grupo genético.

Bill Ryan: E assim o vírus é feito para atingir um alvo (uma raça) genético específico, é isso o que você está dizendo?

W: Sim.

Bill Ryan: Geneticamente direcionados para um tipo racial específico, é isso?

W: Certo, dirigido a um tipo racial ESPECÍFICO. Eu posso ser muito claro sobre isso. Eles estão falando sobre a extinção de toda uma parte da raça humana, para fazê-lo geneticamente.

Bill Ryan: Sério? Mencionaram nesta reunião, assim nestes termos?

W: Não exatamente. Esses são meus termos. Mas isto é como foi mencionado, e esta é a minha recordação de como isto surgiu e como eu o interpretei.

Bill Ryan: Tudo bem.

W: Mas isso foi o que eles mais mencionaram, definitivamente.



Bill Ryan: Eles estão falando sobre tirar a CHINA do caminho, pois eles são um grande grupo populacional inconveniente que não está em acordo com os planos globais? Ou eles estão falando isso como uma desculpa para diluir as populações do mundo inteiro, inclusive em países ocidentais?

W: Bem, é uma pergunta muito boa e, tanto quanto eu posso ver, é uma hipótese. Novamente, eu não posso te dar uma resposta para essa pergunta. Do ponto de vista pessoal, isso definitivamente parece ser um afinamento da população do mundo e está começando com um tamanho controlável para este novo governo que vai vir, para que eles tenham o controle que eles desejam.

Sobre o ataque biológico à CHINA saiba mais em:
http://thoth3126.com.br/china-acusou-os-estados-unidos-de-um-ataque-biologico/
http://thoth3126.com.br/novo-virus-h7n9-de-gripe-aviaria-contamina-a-china/
http://thoth3126.com.br/virus-h7n9-a-nova-e-assustadora-gripe-aviaria-migra-da-china-para-taiwan/

Caso contrário, não teria isso. Isso tudo me deixa enojado, falar sobre isso agora, me faz enjoado que eles vão adiante para fazer esse tipo de coisa, que essas coisas foram realmente comentadas. Eles estão trazendo a população para uma redução, para um nível que eles friamente acreditam ser um “nível controlável”.

Bill Ryan: É possível a referência nesta reunião que você assistiu, esses níveis, ou os números, ou das percentagens, ou qualquer coisa tangível que você se lembra?

W: Sim. Eles estão falando sobre a metade.





Os quatro cavaleiros do apocalipse, parece que um deles vem montado em um frango…

Bill Ryan: Uau. Isso é um monte de gente.

W: Sim. E é. (n.t. Significa eliminar 3,5 bilhões de pessoas, através da guerra, fome, contaminação radioativa e biológica, com o uso de super vírus)

Bill Ryan: Tudo bem.

W: Isso é uma redução pela metade.

Bill Ryan: Então é mais do que o total da população chinêsa, então. Isso responde a essa pergunta, não é?

W: Bem, em uma troca nuclear – e eu acredito que haverá uma troca nuclear limitada – haverá algum tipo de cessar-fogo. Isso foi falado, que previa um cessar-fogo rápido, mas não antes que milhões já tenham morrido, principalmente no Oriente Médio.Então, nós estamos falando provavelmente sobre Israel aqui, a população de Israel ser sacrificada. Possivelmente também lugares como Síria, Líbano, Iraque, definitivamente o IRÃ, você sabe, as cidades grandes, usinas de energia e assim por diante, esse tipo de coisa. E então um cessar-fogo antes que se destrua tudo.

Bill Ryan: Um cessar …? Uau. Desculpe, estou a interrompê-lo, eu me desculpo. Um cessar-fogo antes que se destrua tudo?

W: Sim, é como uma espécie de jogo de poker onde eles já sabem quais as cartas que vão ser dadas. Eles sabem o que vai ser tratado. Eles sabem que o cenário pode ser provocado e esse cenário pode ser encerrado novamente com um cessar-fogo. Então nós vamos ter o cessar-fogo, e é durante este período do cessar-fogo que as coisas vão começar a realmente decolar.

Bill Ryan: Você sabe como?

W: Sim. Isto é, quando as armas biológicas serão utilizadas. Isso vai criar as condições para que as armas biológicas possam ser utilizadas. E aqui você tem que imaginar um mundo, agora no pós-guerra nuclear ou uma guerra nuclear limitada, no caos completo, com o colapso financeiro, e os governos totalitários se encaixando. (n.t. O colapso de toda estrutura governamental, distribuição de água, energia e alimento, assim como de atendimento aos feridos, etc, etc… Com o nível de destruição e contaminação radioativa pelo uso de armas atômicas e o colapso da normalidade, isso será aproveitado e usado como uma cobertura e o campo fica aberto para a disseminação de agentes biológicos em massa, causando pandemias generalizadas)

Bill Ryan: E uma série de danos à infra-estrutura.

W: As pessoas “vivendo” com medo e pânico total – isso é o que vai acontecer a seguir.Você terá um cenário … e desta vez ISSO foi falado na reunião, e eu posso entrar em alguns detalhes sobre como as pessoas se tornarão mais controláveis com ninguém saindo em disputa sobre o que vai acontecer, porque sua própria segurança e a segurança geral tem agora que ser colocada firmemente nas mãos daqueles que estão dizendo que podem protegê-los melhor.

E em que é neste caos que se seguirá a uma troca de ataques pós-nuclear que essas armas biológicas serão implantados de tal modo que não haverá nenhuma estrutura, nem redes de segurança, para que ninguém possa resistir contra esse tipo de ataque biológico. E deve ser mencionado, para aqueles que não são conscientes de que as armas biológicas são tão eficazes como as nucleares, elas apenas só levam um pouco mais de tempo para MATAR – isso é tudo.



Bill Ryan: Sim. Agora, o uso das armas biológicas após o cessar-fogo, isso é algo que acontece de forma encoberta, como se de repente as pessoas vão começar a ficar doentes e ninguém sabe de onde veio a doença? Ou isso é uma arma de implantação evidente que seria muito óbvio?

W: Eu não acho que seria evidente e óbvio, pois os chineses vão ser atingidos pela gripe! Então haverá uma epidemia mundial de gripe, talvez, com um país como a China – porque a China foi mencionada- sendo o que vai sofrer mais (a sua população).

Bill Ryan: Tudo bem. Agora, se você fosse um comandante militar chinês, o que você faria nessa situação? Provavelmente, você iria retaliar.

W: Sim, de fato. O tipo de retaliação que as forças armadas chinesas poderiam fornecer não é o mesmo que aqueles que são mantidos no Ocidente. O tipo de armas que o Ocidente pode implantar supera em muito, muito rapidamente, e de longe qualquer coisa que está ao alcance tecnológico das forças armadas chinesas, neste momento – embora eles estejam cada vez melhor preparados na medida em que o tempo passa. Mas quando eu estou falando sobre a China, nós estamos falando sobre o Exército Popular de Libertação, o Exército Popular, se reunindo de forma rápida, e você está falando de movimentos de massa das tropas de alguma forma, em zonas onde eles podem se envolver com tropas inimigas de seu número oposto.

E neste tipo de intercâmbio que vai ser usado a capacidade nuclear … é por isso que eu mencionei logo no início … vai haver uma guerra convencional, para começar, em seguida, ele irá rapidamente se transformar em nuclear com o Irã ou a China sendo provocados na primeira utilização de armas atômicas, é porque eles não serão capazes de estar em condições de se defenderem adequadamente contra o que o Ocidente pode oferecer em um ataque convencional, sem usar a capacidade nuclear em resposta primeiro.

Bill Ryan: Tudo bem. Então os chineses vão ser obrigados a ir para um ataque (nuclear) preventivo.

W: Sim, todas as suas opções serão tiradas do meio deles … as opções de retaliação serão tiradas do meio deles muito rapidamente e eles não teriam tempo para se recuperarem.

Bill Ryan: Ok, agora, o que você estava descrevendo não era a situação antes do cessar-fogo, quando a China estava indo ser provocada para usar suas armas nucleares.

W: Eu acho que é melhor olhar para isso em etapas. Então, primeiro estamos falando de uma guerra convencional; essa guerra inicial então provocará o uso de armas nucleares, quer por parte dos chineses ou dos iranianos. Provavelmente será pelo Irã, para impedi-lo de ir mais longe. Então nós estamos falando sobre uma troca de ataques com uso de armas nucleares e, em seguida, um cessar-fogo antes de nós termos algo que não está mais confinado a uma área geográfica restrita (o Oriente Médio).



Bill Ryan: O que isso parece? Isto será mundial? Por exemplo, você está falando de armas nucleares em território americano, na Europa, e assim por diante?

W: Não. guerra nuclear global não foi mencionado. Foi puramente localizado geograficamente no Oriente Médio.

Bill Ryan: Tudo bem. Na realidade, algumas pessoas se referem a isso como a guerra do Armagedom, a guerra que foi profetizada.

W: Sim. Isso mesmo. Para aqueles que estão olhando para todos os caminhos, você sabe, vai certamente destacar um momento em que esse tipo de coisa vai ocorrer. Mas provavelmente não da maneira que eles pensavam, porque eu não posso enfatizar isso demais: as pessoas em geral vão ser colocados em tal estado de pânico e medo para que eles vão desejar desesperadamente um governo forte por toda parte. Eles não vão chamá-lo de governo totalitário, eles vão ter os governantes militares com o governo civil ainda existente, mas em um modo redundante. Os militares vão disparar os tiros – da mesma forma que um general faria se estiver no Afeganistão, ou anteriormente no Iraque. O general no comando assume a cena. Ele faz as chamadas.

Então, temos que imaginar o mesmo tipo de coisa dentro de um país onde você tem um governo de base militar civil, disparando os tiros, com o chamado governo eleito sendo quase redundante. O governo com base no poder militar irá fornecer a segurança para as pessoas que vivem nesses países que ainda vão ser afetados por este tipo de ataque.

Bill Ryan: Qual é o momento para esta série de eventos começar, o melhor que você sabe?

W: O melhor que eu sei … 18 meses (da data da entrevista). É definitivamente antes de 2012. Ou por volta de 2012, em algum momento do (final) daquele ano.

(n.t. E começa com um conflito no ORIENTE MÉDIO ENVOLVENDO ISRAEL, e por isso a pressa para atacar o IRÃ)
Continua … – Publicado originalmente em Agosto de 2012.
Mais informações em
  1. http://thoth3126.com.br/uma-visao-pessoal/
  2.  http://thoth3126.com.br/reptilianos-livro-body-snatchers-capitulos-8-9-e-10/
  3. http://thoth3126.com.br/c-i-a-maior-traficante-de-drogas-do-planeta/
  4. http://thoth3126.com.br/seres-hibridos-de-ets-e-humanos-viveriam-entre-nos/
  5. http://thoth3126.com.br/reptilianos-do-sistema-estelar-de-draco/
  6. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-entrevista-com-banqueiro-suico/
  7. http://thoth3126.com.br/angelina-jolie-e-parte-de-um-esquema-de-controle-muito-sutil-e-inteligente/
  8. http://thoth3126.com.br/pleiades-mensageiros-do-amanhecer-3/
  9. http://thoth3126.com.br/os-anjos-caidos-the-watchers-os-vigilantes/
  10. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-misterios-e-controle-alienigena/
  11. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-explosivo/


Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.


www.thoth3126.com.br

Posted by Thoth3126 on 11/03/2015

URL: http://wp.me/p2Fgqo-eV

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Anglo-Saxônica

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Setembro 15, 2015

chamavioleta

Sinais antigos deixados na Terra pelos aliens

Publicado anteriormente a 13/03/2015

AncientAliens

Na Terra são encontrados faróis (sinais) antigos destinados para os alienígenas



No estado indiano de Chhattisgarh foram encontrados desenhos antigos em pedras, que têm pelo menos 10 mil anos.


De acordo com o arqueólogo JR Bhagat, os desenhos encontrados em uma caverna que fica a 130 quilômetros da cidade de Rajpur, retratam as criaturas alienígenas como observadas pelos humanos pré-históricos. As imagens são tão incomuns que o departamento de arqueologia e cultura indiana pretende pedir ajuda na sua investigação para a NASA e para a ISRO (agência de pesquisa espacial indiana).



Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com


Sinais, faróis antigos na Terra para orientação dos alienígenas


Por Kirill Gorbatov

Voz da Rússia - Fonte: http://indian.ruvr.ru/


As hipóteses de que as civilizações extraterrestres já haviam desembarcado no território da Índia antes, existem há muito tempo. As gravuras rupestres descobertas não são a única prova deste tipo. Há fenômenos, cuja natureza até hoje não pode ser explicada pelos cientistas.





Em uma remota e desabitada região na Índia, próxima da fronteira com o Tibete chamada Ladakh (“terra de passagens elevadas”) por exemplo, existe a conhecida Magnetic Hill * (Colina Magnética) localizado a 30 km da cidade de Leh. Segundo as suposições audaciosas de alguns cientistas, inclusive de pesquisadores da NASA, este morro pode ser um dos “faróis” de localização para civilizações extraterrestres.


Neste local é detectada uma radiação eletromagnética muito forte. O Morro Magnético, em Leh não obedece às leis da gravidade, vários experimentos têm demonstrado repetidamente que lá um carro com o motor desligado, consegue subir um trecho íngreme da estrada a uma velocidade de até 20 km/h. Já os pilotos de aviões ao sobrevoarem o local, devem ganhar bastante altitude a fim de evitar que a radiação eletromagnética desabilite os equipamentos de navegação das aeronaves.





Magnetic Hill – Colina Magnética, em Leh não obedece às leis da gravidade conhecidas.


Quase tudo que sabemos sobre o espaço devemos à radiação eletromagnética que se espalha mesmo no vácuo à velocidade da luz, explica um astrofísico russo, doutor em ciências físicas e matemáticas, Vassili Voschinnikov:


“A radiação eletromagnética pode se espalhar sem perder sua força mesmo em distâncias infinitamente longas em uma fração de segundo. Até onde eu sei no nosso planeta existem regiões onde existe tanta radiação que ela pode ser vista do espaço a uma distância de bilhões de anos-luz. Não descarto a possibilidade de que Ladakh possa ser uma dessas regiões”.





O Vale da Morte (em inglês: Death Valley) é uma árida depressão localizada ao norte do Deserto de Mojave, nos Estados Unidos, na Califórnia. Estende-se por aproximadamente 225 km, ao longo da fronteira da Califórnia com o estado de Nevada, a aproximadamente 160 km oeste de Las Vegas. O Vale da Morte é famoso por seu clima extremamente quente. A região recebeu esse nome a partir dos perfuradores e garimpeiros durante a Grande Corrida do Ouro da Califórnia em 1849.


O deserto de gelo de Ladakh é uma cópia espelhada do vale da Morte, na Califórnia, Estados Unidos. Tanto o planalto de Ladakh, quanto o Vale da Morte de Califórnia estão situados na mesma latitude, paralela ao Equador. Porém, o Vale da Morte é uma árida depressão localizada a 86 metros abaixo do nível do mar, enquanto o Ladakh sendo o planalto mais alto da Índia fica a uma altitude de 2750 metros acima do nível do mar.


As características climáticas também são completamente opostas. Em 1913, no vale da Morte, foi registrada a temperatura mais alta do mundo, de +56,7°C, enquanto no Ladakh, pelo contrário, todo ano no inverno a temperatura cai até -40°C e isso no clima tropical Indiano!





Ladakh (em rosa), como visto no mapa da Caxemira administrada pela Índia


Ambos os desertos, sendo situados na mesma latitude e possuindo as mesmas propriedades eletromagnéticas porém diferentes características naturais formam um imã gigante, que manda sinais para o espaço, positivos na Califórnia e negativos nos arredores da cidade de Leh.


A hipótese dos cientistas de que esses lugares servem de “faróis” para civilizações extraterrestres surgiram principalmente devido às evidências dos moradores locais. Além de antigas lendas, existem provas mais modernas. Os moradores mais antigos de Ladakh contam a história de uma aterrissagem de um UFO, perto do Mosteiro de Lamayuru, no final da Segunda Guerra.





O Mosteiro Lamayuru, reconhecido como Tharpa Ling que significa o “lugar de liberdade”; é o mais antigo e um dos maiores mosteiros na região de Ladakh em Jammu e Kashmir. Ele está localizado cerca de 127 km de Leh em uma montanha íngreme entre Bodhkharbu e Kha-la-che. O mosteiro pertence à seita dos Gorros Vermelhos do budismo. No seu auge, o mosteiro abrigava 400 monges, mas hoje em dia existem apenas 50 internos. Cerca de 150 monges residem na vila Lamayuru.


Eles contam que de uma aeronave desconhecida tinham saido alguns anões. Eles não deixaram as pessoas se aproximarem. E o mais curioso nisso tudo é que esta descrição coincide plenamente com os desenhos de pedra encontrados em Chhattisgarh.


* Magnetic Hill é uma colina com força magnética muito forte situada perto de Leh, em Ladakh, na Índia. A colina é acusado de ter fortes propriedades magnéticas suficiente para puxar carros aclive acima e de forçar a passagem de aeronaves com aumento da sua altitude de voo para escapar da interferência magnética emitida pelo local.





No estado indiano de Chhattisgarh foram encontrados desenhos antigos em pedras, que têm pelo menos 10 mil anos. De acordo com o arqueólogo JR Bhagat, os desenhos encontrados em uma caverna que fica a 130 quilômetros da cidade de Raipur, retratam as criaturas alienígenas observadas pelos humanos pré-históricos.


O “monte magnético” está localizado na estrada nacional Leh-Kargil-Baltik, a cerca de 30 km de Leh, a uma altura de 14.000 pés (cerca de 4257 metros) acima do nível do mar. Por seu lado oriental, corre o sagrado rio Indus (Sindhu em sânscrito), que se origina no Tibete e vai para o Paquistão.





Magnetic Hill (Colina Magnética), em Leh não obedece às leis da gravidade conhecidas.


O morro está localizado na estrada nacional Leh-Kargil-Batalik, e faz fronteira com o rio Indus. O Exército indiano mantém um Gurdwara (uma espécie de templo) da religião sikh perto da colina onde o Guru Sikh Nanak Dev, o primeiro dos Dez Gurus do Sikhismo, meditou no século 15. Devido tanto a existência do Gurdwara e a colina magnética, a área tornou-se um destino de forte apelo pelo turismo popular.



URL: http://wp.me/p2Fgqo-7dm


Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Kirill Gorbatov

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Setembro 02, 2015

chamavioleta

Dwaraka, a cidade de ouro de Krishna, foi encontrada

Posted by Thoth3126 on 07/03/2015

dwaraka-krishna-city

Dwaraka, a Cidade dourada de Krishna foi encontrada



Dwaraka é uma das sete cidades sagradas da Índia Antiga. As outras são: Ayodhya (a capital do império de Rama, citada no Ramayana), Mathura, Haridwar, Benares, Kanchipuran e Ujjain.

A grandiosidade e beleza de Dwaraka têm sido descrita por muitos cronistas. A cidade é mencionada como ‘Cidade Dourada’ no Srimad Bhagavatam, no Skanda Purana, no Vishnu Purana e também no Mahabarata. Dwaraka, conhecida por ser a capital do Reino de Krishna (ele viveu aproximadamente em 3.100 a.C.), não foi e nem é uma lenda; antes, ela é bastante real.

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

A região da costa oeste da Índia, em Gujarat, onde Krishna estabeleceu os Yadavas, era uma costa repleta de frutos e flores. Ali, Krishna resolveu construir uma nova cidade e chamou-a Dvaravati. Uma sociedade progressista viveu na região. Era uma cidade bem planejada e tecnologicamente avançada, um porto movimentado de onde entravam e saíam grandes navios.

Fonte: http://veda.wikidot.com/dwaraka

Dwaraka ou Dvaraka (sânscrito: “uma porta ou uma porta de entrada”, também conhecida como Dvaravati, “a cidade de muitas portas”) é a capital dos Yadavas que governaram o reino de Anarta. A cidade estava situada no ponto mais ocidental de Gujarat , e foi submersa pelo mar de acordo com a narrativa do volume 16 do épico Mahabharata.


Dwaraka é a cidade sagrada onde o Senhor Krishna, a Suprema Personalidade de Deus, passou a maior parte de seu tempo durante sua aparição na terra há cinco mil anos. Em Vrindavan, o Senhor Krishna viveu como um menino vaqueiro simples, mas na Dwarka Ele vivia como um príncipe rico.

Dwaraka é uma das cidades mais sagradas na Índia antiga e uma das quatro principais “dhams”, juntamente com Badrinath, Puri, Rameshwaram. Dwaraka era uma cidade-estado que se estendia até Sankhodhara (Bet Dwaraka) para o norte e Okhamadhi para o sul.

Descrição

Dwaraka também era conhecida como Dwaravati. Foi também uma cidade-porto, que tinha relações comerciais com muitos outros países com saída para o mar. Pode ser que este antigo porto da cidade tenha sido uma porta de entrada para navegadores de reinos estrangeiros para o continente indiano e vice-versa. O território de Dwaraka inclui a Ilha Dwaraka, muitas ilhas vizinhas, como Antar Dwipa e área continental vizinha ao reino de Anarta.

O reino estava situado aproximadamente na região noroeste do estado de Gujarat. Sua capital era Dwaravati (perto de Dwarka, Gujarat). O Mahabharata não menciona Dwaraka como um reino, mas sim como a capital do reino dos Yadavas que governaram o reino de Anarta.

A cidade foi fundada por um clã de chefes dos Yadavas que fugiram do reino de Surasena por medo do rei Jarasandha de Magadha. Dwaraka foi uma federação de muitas cidades, em vez de um reino sob um único rei. Dentro da Federação de Dwaraka estavam incluídos os estados de Andhakas, Vrishnis e Bhojas. Os Yadavas dominantes em Dwaraka também eram conhecidos como Dasarhas e Madhus .

Proeminentes chefes do clã dos Yadavas residentes em Dwaraka incluíam os heróis Krishna, Balarama, Satyaki, Kritavarma, Uddhava, Akrura e Ugrasena.


Krishna e sua consorte Radharani

A antiga cidade de Dwaraka

A antiga cidade de Dwaraka, situada na costa do extremo oeste do território indiano, ocupa um lugar importante na história cultural e religiosa da Índia. O planejamento arquitetônico fabuloso do templo Dwarka tem atraído turistas de todo o mundo. A cidade tem associação com o Senhor Krishna, que se acredita te-la fundado com a recuperação de 12 terras yojana do mar. Durante seu passado glorioso, Dwarka foi uma cidade de belos jardins, fossos profundos, toda murada com várias portas de acesso, várias lagoas e palácios, mas acredita-se que tenha sido submersa logo após o desaparecimento de Lord Krishna da face da Terra.

Historicidade de Dwarka

Devido à sua importância histórica e associação com o grande épico indiano Mahabharata, a região de Dwarka continua a atrair arqueólogos e historiadores, além de cientistas. Antigas palavras em sânscrito como Pattana e Dronimukha têm sido geralmente utilizadas para descrever cidades portuárias costeiras onde os navios e barcos nacionais e internacionais aportavam em busca de cargas e abrigo. A referência mais antiga ao porto Agade vem do texto mesopotâmico que menciona que os barcos de Meluhha costumavam ser ancorados no porto de Agade, em citação datável de meados do terceiro milênio a.C.

Escavações arqueológicas trouxeram à luz um pontão em Kuntasi em Gujarat que remonta ao período histórico de Harappa(*). Da mesma forma, as escavações revelaram um estaleiro e algumas âncoras de pedra em Lothal, outro site do tempo e época da civilização de Harappa. Há várias referências literárias que citam portos em muitas zonas costeiras durante o período histórico mais cedo (2500-1500 anos a.C.), mas vestígios arqueológicos desses antigos portos são escassos. A maioria dos assentamentos estão situadas, quer nas margens dos rios ou nas margens de lagoas, que teriam servido como um excelente porto natural.

(*) n.t. Harappa ou Harappá era uma das cidades – e é um dos sítios arqueológicos – da antiga civilização harappeana, também chamada de ‘civilização do Vale do rio Indus‘ - hoje situada no Paquistão. Esta civilização floresceu quando o equinócio vernal do hemisfério norte ocorria na constelação do Touro – em torno de 4.000 a.C. – Foi esquecida por milênios, e sua existência veio à luz com escavações feitas em 1920.

Esses portos se situavam em locais altamente vulneráveis a inundações e outros desastres naturais, e portanto, não é de se estranhar que apenas escassas evidencias de sua existência foram descobertas. Escavações em Poompuhar trouxeram à luz um cais situado na margem do antigo curso do rio Kaveri.

Da mesma forma, escavações onshore na ilha Elefanta rendeu a descoberta de ruínas de um cais antigo que remonta aos séculos iniciais da Era Cristã. Há evidências que sugerem que o atual quebra mar (molhes), o antigo cais da hoje Dwarka tem sido utilizado como um porto desde o período histórico inicial, há cerca de 6 mil atrás.


Representação de como seria uma das portas de acesso à cidade de Harappa, no Vale do rio Indus, hoje no Paquistão.

No início dos anos oitenta do século passado, um importante sítio arqueológico foi localizado e desenterrado em Dwaraka, o site da lendária cidade de Krishna, descrita nos versos do épico Mahabharata. A antiga cidade de Dwaraka foi submersa pelo mar logo após o desaparecimento de Shri Krishna. Esta inscrição refere-se a Dwaraka como a capital da costa ocidental da Saurashtra e ainda mais importante, afirma que Krishna viveu ali.

A descoberta da lendária cidade de Dwaraka, é um marco importante na história da Índia. Esse fato estabelecido serve para eliminar as dúvidas expressas por historiadores sobre a historicidade do Mahabharata e a própria existência da cidade de Dwaraka. Também reduziu muito a diferença na história da Índia, estabelecendo a continuidade da civilização indiana da antiguíssima Idade Védica até os dias atuais.

Agora recentes evidências arqueológicas vieram à tona para provar além de qualquer dúvida razoável a existência da cidade histórica de Krishna, Dwaraka, e lançar luz sobre a vida das pessoas que habitavam a “Cidade de Ouro”. Esta é a terra sagrada, a cidade sobre a qual o Senhor Krishna governou. Gujarat remonta aos tempos pré-históricos, aqui existe um dos três maiores sitios arqueológicos de dinossauros do mundo, que incluem ovos petrificados que datam de 65 milhões anos. Mas além do interesse nesse Jurassic Park, não obstante, para os hindus devotos, Gujarat está intimamente ligado com uma das histórias mais duradouras da Índia, a encarnação do avatar – Senhor Krishna.

Escavações em Dwaraka, que começaram em 1981, ajudaram a adicionar credibilidade à história de Krishna e da guerra de Kurukshetra narrada no Mahabharata (Baghavad Gita), bem como fornecer ampla evidência das sociedades avançadas que viviam nessas áreas dos assentamentos harappeanos que representam algumas das maiores cidades da maior civilização do mundo antigo.

Um dos primeiros postos arqueológicos a ser escavado, logo após a independência foi no distrito de Ahmedabad. As evidências sugerem que esses colonos trouxeram com eles uma cultura altamente desenvolvida, que era rica e não apenas nas artes, mas nas ciências também. A ênfase estava em uma sociedade bem organizada com base no comércio que era realizado através de seus portos.


Escavações recentes das ruínas submersas de Dwaraka

Dwaraka, por exemplo era uma cidade bem planejada, o seu porto consistia em um cume rochoso modificado em um ancoradouro para atracação de embarcações, uma característica única em tecnologia portuária que estava em uso antes mesmo de os fenícios tentarem fazer o mesmo no mar Mediterrâneo, só que muito mais tarde.

Os buracos feitos pelo homem no cume e as grandes âncoras de pedra lá existentes sugerem que grandes navios costumavam ancorar no porto, enquanto barcos menores realizavam o transporte de homens e de cargas até o rio.

A fundação de pedras em que as muralhas da cidade foram erguidas prova que o terreno foi recuperado do mar há cerca de 3.600 anos atrás. O Mahabharata tem referências a essa atividade de recuperação de terras do mar em Dwaraka. As Sete ilhas mencionadas na obra foram também descobertas submersas no Mar da Arábia. Peças de cerâmica, cuja datação foi confirmada por testes de termoluminescência indicam 3.528 anos de idade e contem inscrições do final do período da civilização do Vale do rio Indus (Harappa); estacas de ferro e três âncoras triangulares furadas descobertas no local são também artefatos mencionados no Mahabharata.

Entre os muitos objetos descobertos que demonstram e comprovam ainda mais a conexão de Dwaraka com o épico do Mahabharata é um selo gravado com a imagem de um animal de três cabeças. O épico menciona que tal selo foi dado aos cidadãos de Dwaraka como prova de identidade, quando a cidade foi ameaçada pelo rei Jarasandha do poderoso reino Magadh. O Dr Rao, do Instituto Nacional de Oceanografia da Índia, que foi fundamental para a realização de grande parte das escavações subaquáticas, diz:

“Os resultados das pesquisas em Dwaraka e as evidências arqueológicas encontradas são consideradas compatíveis com a tradição do Mahabharata e removem a persistente dúvida sobre a historicidade do Mahabharata, diríamos definitivamente que Krishna realmente existiu.“




Reprodução da costa de Dwaraka

Essas evidências provam além de qualquer dúvida que Kusasthali, um assentamento pré-Dwaraka existia (hoje uma ilha) em Bet Dwaraka. Os arqueólogos concluíram que esta primeira ocupação de Kusasthali foi fortificada e aconteceu durante o período histórico do Mahabharata e foi nomeado como Dwaraka.

Depois de perceber que os terraços eram estreitos, e não eram suficientes para o aumento da população, uma nova cidade foi construída alguns anos mais tarde, na foz do rio Gomati. Esta planejada cidade portuária também foi chamada como Dwaraka, acrescentando ainda mais credibilidade ao fato de que a história do Mahabharata não era um mito, mas uma fonte importante de fatos históricos da Índia.

A PERSONALIDADE DE SRI KRISHNA

Shri Krishna é mais conhecido na história cultural e religiosa da Índia como o Rei e Imperador de Dwaraka. De acordo com textos hindus antigos, a cidade era um novo reino fundado pelo clã de chefes Yadavas que fugiram do reino de Surasena devido ao medo do rei Jarasandha de Magadha.

Shri Krishna teria nascido à meia-noite de uma sexta-feira, do dia 27 de julho de 3.112 a.C., conforme a data e hora calculado por astrônomos na base das posições planetárias nesse dia registrados por Vyasa.

Shri Krishna – o protetor de Mathura, o senhor de Dwaraka e recitador do Bhagavad Gita no campo de batalha de Kurukshetra é uma das lendas mais duradouras de Bharata (como a Índia era conhecida nos tempos de Krishna). São entidades históricas reais Krishna e a cidade de Dwaraka? Para a maioria dos hindus, a resposta é um inequívoco sim. Alguns arqueólogos e historiadores também estão agora dispostos a aceitar que a fé do homem comum hindu tem uma base na mais completa realidade.


A localização da cidade de Dwaraka

Sri Krishna é uma personalidade imponente e é difícil separar o aspecto humano de sua vida a partir do divino no conceito sobre Krishna. Ele é um grande mistério e todo mundo já tentou entendê-lo à sua maneira, de acordo com a sua luz ou visão espiritual. Como um guerreiro ele não teve rival, como um estadista foi o mais astuto, como um pensador social foi muito liberal, como professor foi o mais eloquente, nunca falhando com um amigo e como um chefe de família foi o mais ideal.

A IMPORTÂNCIA DO PATRIMÔNIO

Dwaraka tem uma importância especial como um dos principais lugares de peregrinação da cultura hindu, conhecida como a capital do Reino de Sri Krishna. Também foi descrita como a terra do caçador Ekalavya. Dronacarya também tinha vivido aqui. Krishna decidiu construir uma nova cidade ali e colocou sua fundação num momento auspicioso. Ele nomeou a nova cidade como Dwaravati. Muito mais tarde o poeta Magha em sua obra Sisupalavadha Sarga, nos versos 31 em diante, descreve a cidade de Dwaraka, o Sloka 33 pode ser traduzido:

“O brilho amarelo do forte de ouro da cidade do mar jogando uma luz amarela por todo o espaço adjacente parecia como se as chamas da vadavagni saísse rasgando em pedaços ao mar.”

Antes da lendária cidade de Dwaraka ter sido descoberta alguns estudiosos (n.t. sempre os “eruditos”…) eram da opinião de que as histórias contadas no épico Mahabharata seriam apenas um mito, que seria inútil para procurar os restos de Dwaraka mesmo no mar. Outros sustentam que a batalha de Kurukshetra descrita no Mahabharata teria sido apenas uma briga de família exagerada em uma guerra.

Mas escavações feitas por Dr. S.R. Rao em Dwaraka provam que as descrições como encontradas nesses textos não devem ser descartadas apenas como mitos fantasiosos, mas devem ser tratados como fatos que aconteceram baseados em realidades históricas como pode ser visto pelos seus autores. A arquitetura da antiga cidade de Dwaraka, é majestosa e maravilhosa.




Dwaraka no continente, foi um dos portos mais movimentados do período histórico do Mahabharata e teve um fim repentino devido à fúria do mar. Após a guerra descrita no Mahabharata, Krishna viveu durante 36 anos em Dwaraka. No final desse período, os Vrishnis, Bhojas e Satvatas se destruíram em uma briga fratricida no Prabhasa mas Krishna não interferiu para salvá-los.

Os atos de destruição vistos por Sri Krishna, que aconselhou a evacuação imediata de Dwaraka esta indicado no Bhagavata Purana. A bela Dwaraka foi então abandonada por Hari (Krishna) para ser engolida pelo mar. A submersão teve lugar imediatamente após a partida de Sri Krishna do nosso mundo.

A CONSTRUÇÃO DE DWARAKA

Descrições interessantes sobre a sua construção são encontrados nos Puranas:

Temendo ataque de Jarasangh e Kaalayvan em Mathura, Sri Krishna e os Yadavas deixou Mathura e chegou à costa de Saurashtra. Eles decidiram construir sua nova capital na região costeira e invocar o Vishwakarma a divindade das construções. No entanto, Vishwakarma disse que a tarefa somente poderia ser concluída se Samudradeva, o Senhor do mar fornecesse alguma terra. Sri Krishna adorou a Samudradeva, que ficou satisfeito e deu-lhes novas terras emersas do fundo do oceano medindo 12 yojans para o Senhor Vishwakarma construir Dwaraka, uma “cidade dourada”.


Esta bela cidade também era conhecido como Dwaramati, Dwarawati e Kushsthali. Outra história diz que, no momento da morte de Sri Krishna, que foi atingido pela flecha de um caçador perto de Somnath em Bhalka Tirth, Dwaraka desapareceu afundando no mar.

A importância da descoberta de Dwaraka não reside apenas no fornecimento de evidências arqueológicas necessários para corroborar o relato tradicional da submersão da Dwaraka mas também indiretamente, que determina a data do épico do Mahabharata, que é um marco na história da Índia. Assim, os resultados provaram que a história do Mahabharata quanto à existência de uma linda cidade capital de Dwaraka de Sri Krishna não era um mero produto da imaginação, mas que de fato ela existiu. A Guerra descrita no Mahabharata ocorreu em 22 de novembro de 3.067 aC e o Bhagavad Gita foi compilado por volta de 500 a.C.

A SUBMERSÃO DE DWARAKA

Depois que Sri Krishna partiu da Terra de volta para a sua morada celestial, e os principais cabeças Yadavas foram mortos em lutas entre si; Arjuna foi para Dwaraka para buscar os netos de Krishna e as esposas Yadava e lavá-los para Hastinapur. Após Arjuna sair de Dwaraka, a cidade foi submersa no fundo do mar. Este é o relato de Arjuna, constante no Mahabharata:


“O mar, que sempre esteve batendo nas costas de Dwaraka, de repente quebrou o limite que lhe foi imposto pela natureza. Suas águas correram as ruas invadindo a cidade. Ele percorreu todas as ruas da bela cidade. O mar encobriu tudo na cidade. … Eu vi os belos edifícios ficando submersos um por um. Em questão de alguns momentos foi tudo soterrado pelo mar, que se tornou tão plácido como um lago. Não havia mais nenhum traço da cidade de Dwaraka, agora ela era apenas um nome; apenas uma lembrança”.



Templo na atual Dwarka

A cidade associada com Sri Krishna, que a teria fundado com a recuperação de 12 yojanas de terras ao mar. Durante seu passado glorioso, Dwaraka foi uma cidade de belos jardins, fossos profundos, e várias lagoas e palácios (Vishnu Purana), mas acredita-se que tenha submersa logo após o desaparecimento de Sri Krishna.

Devido à sua importância histórica e associação com o Mahabharata, Dwaraka continua a atrair os arqueólogos e historiadores, além de cientistas.

“O néscio pode associar-se a um sábio toda a sua vida, mas percebe tão pouco da verdade como a colher do gosto da sopa. O homem inteligente pode associar-se a um sábio por um minuto, e perceber tanto da verdade quanto o paladar sabe do sabor da sopa”.   –  Textos Budistas

Mais informações em:
  1. http://thoth3126.com.br/o-ramayana-uma-epopeia-hindu/
  2. http://thoth3126.com.br/india-ja-teve-uma-civilizacao-superior-a-nossa/
  3. http://thoth3126.com.br/krishna/
  4. http://thoth3126.com.br/vimanas-ufos-visitavam-a-india-ha-milenios/
  5. http://thoth3126.com.br/espaconavesvimanas-da-antiga-india-baratha/
  6. http://thoth3126.com.br/india-maquinas-voadoras-descritas-em-antigos-textos/
  7. http://thoth3126.com.br/vimana-antigo-20-mil-anos-trem-de-pouso-descoberto/
  8. http://thoth3126.com.br/espaconavesvimanas-da-antiga-india-baratha/
  9. http://thoth3126.com.br/aksai-chin-base-secreta-de-ufos-na-fronteira-da-china-e-india/
  10. http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki-12a-tabuleta/
Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.



Agosto 26, 2015

chamavioleta

Pentagrama invertido descoberto no Cazaquistão

Posted by Thoth3126 on 21/02/2015

 

Que diabos (momento bem propício) ele está fazendo lá? O Mistério do enorme pentagrama invertido, com cerca de 370 metros de diâmetro no Cazaquistão e visível no Google Earth

O símbolo INVERTIDO da estrela de cinco pontas mede cerca de 370 metros de diâmetro

Situa-se na margem sul do Alto Reservatório Tobol do Cazaquistão

Um teórico acredita que poderiam ser os restos de uma base militar russa.


Tradução,edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Por DANIEL MILLER

Fonte: http://www.dailymail.co.uk/

Este enorme pentagrama gravado no chão ao lado de um lago em um canto isolado e remoto do Cazaquistão, no centro da Eurásia, fez com que os teóricos da conspiração vibrassem depois que ele apareceu no Google Earth.


O símbolo da estrela de cinco pontas INVERTIDO, que mede cerca de 370 metros de diâmetro, situa-se na margem sul do Reservatório Tobol Superior, no norte do país, perto da cidade de Lisakovsk.

Pentagramas INVERTIDOS são comumente associados com adoração ao demônio, às forças das trevas, mas também são usados, NÃO INVERTIDOS na religião Bahai e no taoísmo chinês, bem como pelos neopaganistas e seguidores do matemático grego Pitágoras.

Mas o que exatamente esse símbolo (ainda mais invertido), que é visível no Google Earth (aqui), está fazendo em um local tão remoto permanece um grande mistério.



Embora alguns tenham chegado à conclusão de que é, obviamente, um trabalho de um culto satânico secreto, outros acreditam que poderiam ser os restos de uma base militar soviética. Um usuário de internet, Kurt Yates, a partir de Seattle, Washington-EUA, publicou na livescience website: “É provavelmente uma instalação de uma base de mísseis terra-ar abandonada no local.

“Eu sou um piloto militar e estas coisas estão em todo o lugar em áreas que usavam os sistemas soviéticos (russos) de defesa aérea. O formato tem algo a ver com o modo como os seus radares de monitoramento funcionavam. Considerando-se o tamanho do desenho e a proximidade do Cosmódromo de Baikonur (n.t. a mais importante base de lançamento de foguetes espaciais da antiga URSS e ainda hoje da Rússia), eu diria que possivelmente foi usado para rastreamento de foguetes Soyuz ou algo assim.”


A conexão satânica é ainda reforçada pelo fato de que o local foi destaque no GoogleMaps por dois usuários chamados de “Adam” e “Lúcifer”, sendo que ambos são nomes associados com o diabo e as trevas. O pentagrama (não invertido) foi usado como um símbolo cristão nos tempos antigos para representar os cinco sentidos e para simbolizar as cinco chagas de Cristo.

Também se acredita que proteja contra demônios. Neopagãos, como wiccans, usam-no como um símbolo de fé similar à estrela de David judaica. O círculo é dito para representar a unidade e dar proteção. Pentagramas satânicos (invertidos), são comumente desenhados com dois pontos para cima e a cabeça de uma cabra dentro e são referidos como o Sigil de Baphomet. 



http://www.churchofsatan.com/Pages/HistoryMain.html

Eles estão associados com anjos caídos e são usados como um sinal de rebelião ou identificação religiosa. Os três pontos para baixo supostamente é para representar a rejeição da Trindade.

Follow us: @MailOnline on Twitter | DailyMail on Facebook

Aqui está o que Manly P. Hall, maçom de Grau 33 e especialista em simbolismo oculto escreveu sobre o pentagrama vertical e invertido:

“No simbolismo (ocultista, esotérico e alquímico), uma figura invertida sempre significa um poder pervertido. A média das pessoas nem sequer suspeita das propriedades ocultas de um emblemático PENTAGRAMA INVERTIDO. O mago negro não pode usar os símbolos de magia branca sem derrubar sobre si as forças da magia branca, o que seria fatal para os seus planos nefastos. Ele deve, portanto, distorcer os hierogramas (símbolos) para que tipifiquem o fato oculto que ele próprio está distorcendo nos princípios para o qual os símbolos representam.

A magia negra não é uma arte fundamental, é o desvio de uma arte fundamental. Por isso, não tem símbolos próprios. Limitou-se a tomar as figuras e símbolos emblemáticos da magia branca (da Hierarquia espiritual), e invertendo e revertê-los significa que ele é da mão esquerda (magia negra). Um bom exemplo dessa prática é encontrada no pentagrama, ou estrela de cinco pontas, feita de cinco linhas conectadas. Este número é o símbolo honrado das artes mágicas, e significa as cinco propriedades do Grande Agente Mágico (Aether), os cinco sentidos do homem, os cinco elementos da natureza, as cinco extremidades do corpo humano, setenta e dois graus em um círculo, …

Por meio do pentagrama dentro de sua própria alma, o homem não só pode dominar e governar todas as criaturas inferiores a si mesmo, mas pode exigir consideração nas mãos daqueles superiores a ele próprio.


O pentagrama (invertido) é usado extensivamente em magia negra, mas quando usado sua forma pode ser usada diferente em uma de três maneiras: A estrela pode ser quebrada em um ponto para não permitir que as linhas convergentes se toquem, pode ser invertida com um ponto para baixo e dois para cima, ou pode ser distorcida para ter os pontos de diferentes comprimentos.

Quando usado em magia negra, o pentagrama é chamado de “sinal de casco fendido,”ou a pegada do Diabo. A estrela com dois pontos para cima também é chamada de “Bode de Mendez,” porque a estrela invertida tem a mesma forma que a cabeça de um bode. Quando as curvas da estrela vertical e o ponto superior cai para baixo (fica invertido), significa a queda da Estrela da Manhã (Lúcifer)”

- Manly P. Hall, Os Ensinamentos Secretos de Todas as Idades

Saiba mais em:
http://thoth3126.com.br/astana-no-de-novo-cazaquistao-um-local-sinistro/
http://thoth3126.com.br/marilyn-monroe-sua-vida-oculta-como-escrava-do-programa-de-controle-mental-monarch/
http://thoth3126.com.br/programa-de-controle-mental-monarch-mk-ultra/

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

166Share on Facebook (Opens in new window)166
6Click to share on Twitter (Opens in new window)6
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)



Por favor, respeitem todos os créditos


Arquivos em português:

http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=DANIEL MILLER



Atualização diária


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub