Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Setembro 06, 2015

chamavioleta

Esfinge no Brasil

Pedra da Gávea, 

um acesso para Agharta

Posted by Thoth3126 on 15/03/2015

 

A Pedra da Gávea e suas inscrições fenícias, uma Esfinge semita no Brasil...



O batismo dessa montanha rochosa como Pedra da Gávea remonta à épica expedição do capitão português Gaspar de Lemos, iniciada em 1501, de que participou igualmente Américo Vespúcio, e na qual também o Rio de Janeiro recebeu sua denominação.

“Em tempos de mentiras universais, apenas dizer a verdade se torna um ato revolucionário”. George Orwell

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

A Pedra da Gávea – Uma Esfinge semita no Brasil…

Fonte: http://www.viewzone.com

By Luiza Becari, Viewzone Brazil.

Foi a primeira montanha carioca a ser batizada com um nome em português, após ter sido avistada, no primeiro dia de janeiro de 1502 pelos seus marujos, que reconheceram em sua silhueta o formato de um cesto de gávea, dando origem ao termo usado para toda a região da Gávea Pequena e para o atual bairro da Gávea.

No alto de uma montanha costeira, esta escultura enorme e em grande parte desconhecida de um rosto lembra antigos exploradores da Esfinge de GIZÉ, no Egito. Inscrições misteriosas dão indícios de uma língua extinta. Isso poderia ser uma conexão para o passado esquecido do BRASIL e seus longínquos visitantes?


A imensa rocha e em seu topo a Pedra da Gávea vista da Praia de San Conrado.

Entre São Conrado e a Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, essa montanha já lendária com o rosto de um antigo gigante se eleva a 842 metros acima do nível do mar. Quando o Brasil foi descoberto, exploradores portugueses deram a rocha o nome de Pedra da Gávea , porque era como um observatório perfeito para as recém chegadas caravelas portuguesas (as embarcações utilizadas por eles para cruzar o oceano e chegar ao continente sulamericano).

Mas a Pedra da Gávea, uma enorme rocha cercada por vegetação nativa exuberante, tem atraído tanto a atenção do público assim como de pesquisadores e historiadores ao longo dos séculos. Sua face parece uma figura esculpida, e existem inscrições antigas em um de seus lados que não poderiam ter sido feitas pela natureza. As origens dessas esculturas foram discutidas ao longo dos anos, mas ninguém ainda pode “provar”quem as fez e por quê.

A teoria de uma tumba fenícia:

De acordo com Pedro Lacaz do Amaral, um experiente guia alpinista do Live to Climb que escalou a rocha várias vezes, ela supostamente seria o lugar do enterro de um rei fenício. Para apoiar esta teoria, ele nos enviou recortes de revistas muito respeitáveis e populares e de jornais, que abrangeu as várias tentativas para descobrir a importância e a história real por trás da lenda da Pedra da Gávea. Segundo ele, essa lenda é bem conhecida entre os brasileiros e ele também acha que as gravações não poderiam ter sido feitas pela natureza por si só, como alguns especialistas dizem (ah os especialistas…eruditos, dogmáticos…).

Exploração:

Tudo começa no século XIX. Alguns “sinais” do lado da pedra teriam chamado a atenção do imperador D. Pedro I, embora seu pai, D. João VI, então Rei de Portugal, já houvesse recebido um relatório de um padre dizendo-lhe sobre as marcas estranhas, que datariam de antes de 1500 a sua existência, de quando o Brasil foi “descoberto”. Em 1839 uma pesquisa oficial foi feita, e em 23 de março, em sua seção 8 extraordinária, o Instituto Geográfico e Histórico do Brasil decidiu que a Pedra da Gávea deveria ser minuciosamente analisada e ordenou então o estudo local das inscrições do local.

Uma pequena comissão foi formada para estudar a rocha, mas cerca de 130 anos depois, O Globo, jornal de grande circulação no Brasil e muito “respeitável”, questionou tal comissão, perguntando se eles realmente escalaram a rocha ou simplesmente estudaram-na usando binóculos. O relatório dado pelo grupo de pesquisa diz que eles “viram as inscrições e também algumas depressões feitas pela natureza”. No entanto, ninguém que vê essas marcas de perto vai concordar que algum tipo de fenômeno natural poderia ter causado a aparição dessas inscrições na rocha bruta.


A enorme inscrição que parece esculpida na rocha bruta na têmpora direita da “cabeça” da esfinge (assinalado pela seta) e com quase 2,5 metros de altura cada uma. São bem visíveis a grande distância.

Após o primeiro relatório, ninguém falou sobre a Pedra da Gávea novamente e oficialmente até 1931, quando um grupo de excursionistas formou uma expedição para encontrar o túmulo do rei fenício que foi coroado em 856 a.C., em Tiro, antiga Fenícia, hoje o LÍBANO. Algumas escavações amadoras foram feitas sem nenhum resultado. Dois anos depois, em 1933, um clube de alpinistas do Rio de Janeiro organizou uma grande expedição com 85 alpinistas, que contou com a participação do Professor Alfredo dos Anjos, um historiador que deu uma palestra “in loco” sobre a “Cabeça do Imperador” e as suas possíveis origens.

Em 20 de janeiro de 1937 aquele mesmo clube organizou outra expedição, desta vez com um maior número de participantes, com o objetivo de explorar a face e os olhos da cabeça de cima para baixo, usando cordas. Essa foi a primeira vez que alguém explorou aquela parte da rocha depois dos fenícios, se a lenda for verdadeira. Em 1946, de acordo com um artigo escrito em 1956, o Centro de Excursionistas Brasileiros conquistaram a orelha direita da cabeça, que está localizada em uma inclinação de 80 graus do solo e em um lugar muito difícil de alcançar.

Qualquer contratempo e seria uma queda de 20 metros, uma queda fatal livre para os escaladores. Esta primeira escalada do lado ocidental, embora quase vertical, foi feita virtualmente “à unha”. Há, na orelha direita, uma entrada de uma gruta, e que leva a uma caverna longa e muito estreita na largura que percorre todo o seu caminho até o outro lado da Pedra da Gávea.



Em 1972, escaladores da “Equipe Neblina” escalaram o “Paredão do Escaravelho”, a parede do lado leste da cabeça, e cruzou com as inscrições fenícias, que ficam há cerca de 30 metros abaixo do topo da cabeça, de um modo muito difícil de se alcançar o lugar das inscrições. Embora o Rio de Janeiro tenha uma alta taxa anual de chuvas, as inscrições ainda estavam quase intactas. Em 1963 um arqueologista e professor com conhecimentos e habilidade científica chamado Bernardo A. Silva Ramos traduziu as inscrições como:

LAABHTEJ BAR RIZDAB NAISINEOF RUZT

Lido da direita para à esquerda (assim como no árabe, sânscrito e no hebreu atual se lê da direita para à esquerda):

TZUR FOENISIAN BADZIR RAB JETHBAAL

Que traduzido significaria:

Tyro Phoenicia Badezir Primogênito de Jethbaal.

Mais alguns fatos que levaram à muitas histórias sobre a rocha:
- A aparência da grande cabeça com os dois olhos (não muito profundos e sem comunicação entre eles) e as orelhas, e o local de um nariz;
- As pedras enormes no topo da cabeça que se assemelham a uma espécie de coroa ou adorno;
- Uma cavidade enorme na forma de um portal no norte-leste parte da cabeça que é de 15 metros de altura, 7 metros de largura e 2 metros de profundidade;
- Um observatório na parte Sudeste como um dólmen, contendo algumas gravuras;
- Um ponto culminante como uma pequena pirâmide feita de um único bloco de pedra no topo da cabeça;
- As famosas e controversos inscrições no lado da rocha;
- Algumas outras inscrições pequenas se assemelham a cobras, raios de sol e etc, localizados em todo o topo da montanha;
- O local de um suposto nariz, que teria caído há muito tempo.

Roldão Pires Brandão, o presidente da Associação Brasileira de Espeleologia e Pesquisa Arqueológica no Rio e um dos muitos fãs da Pedra declarou: “É uma esfinge gravada em granito pelos fenícios, que tem a cara de um homem e o corpo de um animal deitado. A cauda deve ter caído por causa da ação do tempo. A rocha, vista de longe, tem a grandeza dos monumentos faraônicos e reproduz, em um de seus lados, a face severa de um patriarca”. (O Globo)



Sabe-se hoje como UM FATO HISTÓRICO DOCUMENTADO que em torno de 856 a.C., Badezir ocupou o lugar do seu pai no trono de Tyro, na Fenícia, hoje o Líbano. É a Pedra da Gávea o túmulo deste rei? A imagem à esquerda mostra com o que a esfinge teria se parecido quando ela foi feita.

Outros sítios arqueológicos foram encontrados em Niterói, Campos e Tijuca que sugerem que os fenícios de fato, a cerca de três mil anos atrás, eles por lá perambularam também. Em uma ilha na costa da Paraíba, outro estado do Brasil muito longe do Rio, pedras ciclópicas e ruínas de uma antiga construção com quartos enormes, corredores e passagens extensas foi encontrado.

Segundo alguns especialistas, as ruínas seriam de construções de uma relíquia deixada pelos fenícios, apesar de existirem pessoas que contestam as conclusões desse tipo. Robert Frank Marx, um arqueólogo americano interessado em descobrir indícios de navegação pré-colombiana no Brasil, iniciou em 1982 uma série de mergulhos na baía da Guanabara à procura de restos de barcos antigos.

Sobre esta pesquisa do Arqueólogo, Robert F. Marx, O Globo publicou:

Buscando provas da navegação précolombiana no Brasil, e sugerindo que um navio fenício pode ter naufragado na baía de Guanabara, o arqueólogo americano Robert Frank Marx iniciou uma série de mergulhos na referida baía, para tentar descobrir embarcações fenícias naufragadas e provar, assim, que o Brasil e sua costa foram visitados em um passado muito remoto, pelos barcos dessa civilização semita do Oriente Médio, os fenícios de Tiro e Sidon. Não encontrou o navio afundado, mas descobriu algo muito interessante: ânforas (vasos) e outras peças fenícias!

O caso da descoberta dessas ânforas fenícias no leito da baía de Guanabara sempre foi tratado com o maior sigilo e sua descoberta foi revelada somente em 1978, com vagas informações. O nome do mergulhador que encontrou as três ânforas, junto com outras 12 peças arqueológicas, foi revelado, após a conferência do Museu da Marinha, pelo presidente da Associação Profissional de Atividades Subaquáticas, Raul Cerqueira.

Trata-se do mergulhador José Roberto Teixeira, membro da associação que ficou com uma ânfora e entregou as outras à Marinha. O cabo José Tadeu Cabral, que tem mestrado em Arqueologia Pré-Histórica e trabalha no Museu da Marinha, disse que as peças, com capacidade para 36 litros, estão guardadas pelo Governo brasileiro, em um local sigiloso. Afirmou o jornal “O GLOBO”, em notícia publicada em 23 de setembro de 1982.


Vista da Pedra da Gávea de outro marco do litoral carioca: O morro “Dois Irmãos” e à sua esquerda a Favela da Rocinha.

Shambalah:

A capital do reino de AGHARTA, um vasto império subterrâneo que, de acordo com seus adeptos, teria milhões de habitantes em várias cidades subterrâneas espalhadas pelo planeta. Alguns adeptos sustentam que este mundo subterrâneo tem compartimentos secretos dentro da base da pirâmide na Planície de GIZÉ, nas grandes pirâmides, notadamente naquela atribuída a sua construção à Quéops (a grande pirâmide do Egito. De acordo com as mesmas pessoas, há três entradas para Agharta localizadas no Brasil:

Sete Cidades do Piauí, Serra do Roncador (Na SERRA AZUL, em BARRA DO GARÇAS, MT) e outra na Pedra da Gávea (RJ)

O “portal” encontrado no lado esquerdo da Pedra da Gávea, que pode ser visto a partir de 800 metros abaixo poderia ser a entrada para o mundo subterrâneo de AGHARTA/SHAMBALA. Há histórias sobre alpinistas que vêem luzes saindo à noite das lacunas em torno das bordas de dentro da grande porta do suposto portal que bloquearia o acesso para o reino de AGHARTA.


O “portal” encontrado no lado esquerdo da Pedra da Gávea, uma “entrada” dimensional para um mundo subterrâneo, o Reino de Agharta.

A Escadaria ascendente:

Existiria uma gruta tipo sifão na parte onde o maciço rochoso toca o mar, com a parte abobadada acima do mar e com ventilação natural, onde se poderia encontrar uma escadaria em sentido ascencional, que segundo consta, levaria para cima e ao interior da Pedra. O caso mais conhecido referente a esta escadaria é o de dois rapazes que faziam caça submarina e ao encontrarem a entrada para esta gruta, resolveram entrar. Decidiram subir os degraus da escadaria e a última coisa de que se lembram é de terem perdido os sentidos. Quando acordaram, estavam no topo da pedra a 842 metros de altitude.

Mitologia persa

Segundo a mitologia sagrada da antiga cultura PERSA (hoje o IRÃ), há quatro estrelas guardiãs no céu sobre os pontos cardeais da Terra e a Pedra da Gávea é protegido por elas:

Aldebaran, na Constelação do Touro – Leste; Fomalhaut, na Constelação de Piscis Austrinos – Sul; Regulus, na Constelação de Leão – Norte e Antares, na Constelação de Escorpião – Oeste .

Alguns dizem que a rocha é protegida por poderes cósmicos independentes que não pertencem nem ao divino nem as forças do mal conhecidos dos homens. Em 1937, dois cientistas foram submetidos à uma análise clínica depois de passar uma noite na pedra, onde eles juram ter visto uma estranha luz verde saindo das lacunas de todo o portal, de onde viram muitas estátuas humanas dentro.

Todas essas teorias, e o fato de que a rocha é campeã em número de mortes entre os escaladores, suscitaram suspeitas de que a tumba do rei fenício com todos os seus tesouros realmente pode estar dentro dela. A taxa de mortalidade, que é explicada pela falta total de precaução de alpinistas amadores, seria o número de vítimas da maldição colocada sobre aqueles que ousam violar o local do enterro do Rei Fenício.

Conclusão:

Embora não haja evidências sólidas de que a rocha é de fato um antigo marco sagrado de algum tipo, ou um monumento arqueológico, há muitas partes dela que merecem um estudo mais detalhado, a Pedra da Gávea permanece como um lugar para caminhantes, andarilhos e alpinistas, e às vezes como um esconderijo para bandidos.

Mas sem dúvida é um dos mais belos panoramas do Rio de Janeiro e do Brasil, é um privilégio daqueles que ousam desafiar a gravidade. Se foi uma vez o túmulo de Badezir ou a entrada para o reino de Agharta, hoje é só mais um outro local para Eco-turistas, e um lugar ainda não tão bem explorado. Mas o mistério da pedra sempre será parte da vida dos cariocas. Sempre haverá alguém para perguntar:

- Quem seriam os autores de um monumento tão grandioso?

- Por que eles o construíram?

- Seriam o mesmo povo que esculpiu as Linhas de Nazca no Peru?

- Ou construíram os muros e calçadas ciclópicos submersoss de Bimini, nas Bahamas?

- Será que os construtores foram os fenícios?

- Se sim, como eles conseguiram atravessar os mares e o oceano Atlântico para chegar até aqui há cerca de três mil anos em nosso passado?

O mistério permanece, enquanto a face de um gigante escondido dando às costas para o nascer do sol, como se à espera de alguém ou do início de uma nova era para desvendar seus segredos. Algum voluntário? Muito obrigado a Pedro Lacaz do Amaral, que nos enviou todo o material escrito utilizado como referência para este artigo, muitas fotos bonitas do local e seus arredores, e para o Live In Rio.


Sobreposição de uma esfinge dos templos assírios/babilônicos, o touro alado com cabeça humana, sobreposta à Pedra da Gávea

n.T.: O texto a seguir foi anexado como uma grande evidência da capacidade (descrita em vários textos antigos e em alguns dos livros da Bíblia) que os povos semitas antigos, entre eles os fenícios tinham de navegar pelos oceanos do planeta já há mais de três mil anos, pois se assim não fosse possível como e por quem foram feitos tantos registros em antigos escritos em hebraico/aramaico antigo espalhados pelas Américas, norte, central e do sul?

A história moderna e os “eruditos” que defendem o paradigma atual dos descobrimentos feitos pelos portugueses e espanhóis se calam perante todas essas evidências com valor histórico e científico, caso contrario TODA A HISTORIA DO NOVO MUNDO e DO SEU “DESCOBRIMENTO” TERIA QUE SER REESCRITA e a verdade a respeito de nossa atual civilização teria que ser TOTALMENTE revista.

———————————————————

Los Lunas, Novo México-EUA, na “AMÉRICA DO NORTE” e as Inscrições gravadas em pedra em Língua Aramaica (antigo hebraico).

Fonte: http://www.econ.ohio-state.edu/jhm/arch/loslunas.html

Tradução e acréscimos: Thot3126@gmail.com

Esta rocha foi encontrada no INTERIOR do estado norte americano do Novo México e possui inscrições gravadas em hebraico antigo e o mais surpreendente na tradução dos caracteres gravados na rocha é que o significado em tudo e por tudo é semelhante aos dez mandamentos dados ao provo hebreu, por Moisés, aos pés do monte Sinai, durante o êxodo conforme descrito na bíblia, o que demonstra a autenticidade e antiguidade das inscrições e o conhecimento que os povos semitas tinham do que viria a ser “descoberto” mais tarde e denominado de “Novo Mundo” por eles visitados.


Acima: Inscrições em Aramaico/hebraico antigo em uma rocha em Los Lunas-Novo México-EUA.

Data da inscrição: cerca 700 a.C; – Localização dos Descobrimentos: Região de Los Lunas, Novo México, EUA; Data da Descoberta : Desconhecida; levadas ao conhecimento dos estudiosos no ano de 1850. Língua: Hebraico/aramaico antigo; Escrita Superfície: na rocha:

Tradução:

1. Eu sou YHWH seu Elohim (plural para deuses), que trouxe você para fora da terra

2. Nenhum (outro) Elohim terás diante de mim

3. E uma casa de servos? Não fazem a você? Não fazem

4. YHWH o nome em vão. lembre o dia de

5. Shabat para torná-lo santo honra teu pai e tua mãe, para que

6. Seus dias mais longos ser sobre a terra que YHWH teu Elohim

7. Dá para você, não matar, não cometerás adultério, não roubar, não

8. Humilhar seu vizinho, um falso testemunho. Não cobice a mulher do teu próximo

9. E tudo o que pertence ao teu próximo.


A localização de Los Lunas, no estado do Novo México, nos EUA, com acesso por mar via Golfo do México e também pelo Oceano Pacífico.

Saiba mais em: http://thoth3126.com.br/grand-canyon-misterios-de-uma-imensa-caverna-revelados/

O assim chamado Tetragrammaton é composto dos quatro consoantes hebraicas (lidas da direita para à esquerda) YOD, HE, WAW, e HE refere-se ao nome divino. É comumente traduzida como Jeová no idioma Inglês, se inserindo as 3 vogais entre as consoantes. Na verdade, a parte da Bíblia hebraica (também conhecido como o Antigo Testamento) contém o Tetragrammaton, mais de 6.800 vezes, incluindo alguns casos, dentro dos Dez Mandamentos.

A seguir uma tabela comparativa do Tetragramaton (as quatro letras do nome divino em hebraico) de Los Lunas com alguns outros encontrados em velhas inscrições históricas:

Tetragramaton de Los Lunas



Registro Moabita (Moab) em pedra do nono século antes de Cristo



Cerâmica Lachish do sétimo século antes de Cristo



Manuscritos do Mar Morto do terceiro século antes de Cristo



Moderna Inscrição em alfabeto hebraico do Tetragammaton

Há outra inscrição em uma pedra menor no Pináculo sul da mesa em Los Lunas. Ela pode ter servido como um altar. A foto foi tirada por David Moore em uma viagem de campo para Hidden Mountain em 1993. A primeira linha contém o Tetragrammaton em letras paleo-hebraica. As letras são semelhantes em estilo à inscrição na pedra Decálogo de Los Lunas, mas parecem estar mais gastas pela erosão.

Para comparação de tamanho foi colocada uma moeda ao lado. A inscrição do Decálogo de Los Lunas usa o Tetragrammaton em três lugares. Eles são esculpidos na superfície da rocha em letras hebraicas antigas. E eles são, provavelmente, uma das mais antigas (cerca de três mil anos) amostras de escrita do Tetragrammaton em hebraico antigo sobreviventes do mundo! E ESTÃO LOCALIZADAS NO INTERIOR DA AMÉRICA DO NORTE !!!!!



Foto: David Moore em 1993

Abaixo está um desenho da mesma inscrição e uma tradução interlinear:



Tradução: “JEHOVAH, o nosso deus” – Stan Fox / Juergen Neuhoff – C 2000


Saiba mais em:
  1. http://thoth3126.com.br/agharta-o-mundo-intra-terreno-em-nosso-planeta/
  2. http://thoth3126.com.br/brasilia-jk-akhenaton-eo-egito/
  3. http://thoth3126.com.br/geometria-sagrada-a-flor-da-vida-e-a-linguagem-da-luz/
  4. http://thoth3126.com.br/aghartha-e-area-51-um-visitante-na-terra-interior/
  5. http://thoth3126.com.br/aghartha-e-area-51-um-visitante-na-terra-interior/
  6. http://thoth3126.com.br/a-conexao-terramaldekmarte-em-gize-cydonia-e-teotihuacanmirador/
  7. http://thoth3126.com.br/vietnam-gigantesca-caverna-descoberta/
  8. http://thoth3126.com.br/grand-canyon-misterios-de-uma-imensa-caverna-revelados/
  9. http://thoth3126.com.br/piramides-no-egito-a-sua-historia-dos-subterraneos-perdida-e-secreta/
Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.



URL: http://wp.me/p2Fgqo-sX


Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=
Luiza Becari

 
Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Setembro 01, 2015

chamavioleta

Brasil: O Gigante Despertou …

Posted by Thoth3126 on 15/03/2015

gigante-desperta-praiadoleme

BRASIL, o gigante DESPERTOU

No início dos tempos, na parte sul das Américas, habitava um gigante. Um dos poucos que ainda andava sobre a Terra. 

Gigante pela própria natureza, e sendo a natureza ele próprio, era feito de rochas, terra e matas, que moldavam sua figura. Pássaros e bichos pousavam e viviam em seu corpo e rios corriam em suas veias“. Ele era como um imenso pedaço de paisagem que andava e tinha vontade própria...


Por Thoth3126@gmail.com inspirado por ÍSIS.

Atualização em 15 de Março de 2015.

Caminhava com passadas vastas como vales e tinha a estatura de montanhas sobrepostas.  Ao norte, em seu caminho, encontrava sol quente e brilhante nas quatro estações do ano…

Desde o início dos tempos, na parte sul das Américas, habita um gigante. Um dos poucos que ainda resta sobre a Terra. É um Gigante pela sua própria natureza, e sendo a natureza ele próprio, é feito de rochas, cristais, terra, água, vento, matas e florestas, algumas ainda virgens, que moldam a sua figura…” 

gigante-desperta
O gigante estava “Deitado eternamente em berço esplêndido Ao som do mar e à luz do céu profundo Fulguras, ó Brasil, florão da América Iluminado ao sol do Novo Mundo!”

A “Cabeça do Gigante” deitado vista da Barra da Tijuca, do interior do continente para o oceano.

O mundo antigo elegeu as suas “Sete Maravilhas”. Com o correr do tempo as Pirâmides do Egito ocuparam sozinhas, o pódio desta maratona de arte e beleza. Foi a vez do Mundo Moderno escolher outras sete e dentro destas seleções de maravilhas, o Brasil não elegeu uma só representante. No entanto, poderíamos oferecer às comissões julgadoras de “maravilhas”, obras de arte que eclipsariam todas as que foram eleitas até agora.

Estamos nos referindo ao complexo denominado de “O Gigante Adormecido” no litoral do Rio de Janeiro. Uma obra de arte, ciclópica, esculpida na cordilheira que circunda a baía da Guanabara oferecendo a visão de um gigante “deitado eternamente em berço esplêndido, ao som do mar e à luz de um céu profundo”… Ele está lá, todo mundo OLHA, mas poucos o VÊEM!  

Em todos os elementos que compõem este complexo artístico, foram usadas desde a técnica que os franceses denominaram “tromp l’oeil” (ilusão de ótica), às mensagens enigmáticas esculpidas como obras de arte e que receberam do vulgo os nomes: “Gigante Adormecido”, “Pedra Santa” ou “monumento à Criação”, “O Velho de Barbas”, “Portal da Gávea” e “Esfinge da Pedra da Gávea“.

Ver mais no Link 

brasil-gigante-adormecido
Acima: Uma das primeiras imagens em desenho do Gigante Adormecido da Guanabara. O desenho foi encontrado e existe em um livro com mais de 100 anos na Secção de Iconografia da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro. Divulgação.

Esta esfinge tem como companheiro um dos “cartões postais” da cidade que, por coincidência (será?) recebeu o apelido de “maravilhosa”. Ela é a maior esfinge existente no planeta Terra, só que ainda não foi reconhecida como tal. E algum dia será? Os céticos irão emitir os seus arrazoados cáusticos se souberem onde está situada esta esfinge portentosa.

Se os céticos forem tão cartesianos quanto aparentam e fazem crer que sejam, eles se calarão quando cientificados de que nas patas submersas desta esfinge, existem inscrições e que estas inscrições já foram traduzidas por um mestre de gabarito incontestável e que são citadas em livros europeus. O mistério ronda toda a Guanabara e se materializa como ENIGMAS nas várias inscrições espalhadas aqui e ali, levantando celeumas e confusão entre os especialistas, indicando origens diversas. 

brasil-gigante-adormecido-vistadooceano

Acima: a cabeça do gigante seria a Pedra da Gávea, à esquerda, agora do ponto de vista do oceano.

“Quadros vivos” esculpidos nos flancos de uma das montanhas deste complexo, sofrem metamorfoses sob os jogos de luzes e sombras promovidos pelo sol, jogos estes que irão ser repetidos em outros locais do fabuloso e desconhecido complexo artístico-arqueológico desta cidade que, com todas as razões ao seu favor, foi intitulada “maravilhosa”. O Brasil não perde o seu precioso tempo com “perfumarias”, com a arte, por exemplo, se ainda fosse o futebol ou o carnaval, mas, arte?

Só que esta tão desprezível “ARTE”, neste caso, ganharia o acréscimo da CIÊNCIA: da arqueologia e da história. Mas isto ainda conta pouco para os nossos governos e os seus Ministérios da Cultura, Ciências e Tecnologia. O complexo da Guanabara dá quinau em matéria de tecnologia, haja vista a tecnologia que foi empregada nas construções das suas obras de arte, calculadas, com precisão, para ganharem vida e representarem cenas vivas e diferentes sob a ação do jogo de luz e de sombras armado pelo sol.  

Abaixo; o Gigante Adormecido: A Cabeça e os pés do gigante são formados pela Pedra da Gávea (cabeça à esquerda) e o Pão de Açúcar (pés). A Pedra Bonita, Corcovado, Morro Dois Irmãos, Lagoa Rodrigo de Freitas estão na composição do seu corpo e possuem as suas próprias estórias e rico lendário.

brasil-gigante_adormecido_rio_de_janeiro
Gigante pela própria natureza …

Carlos Lacerda (e o seu espírito de pesquisador curioso), deteve-se diante das inscrições “ditas” fenícias que recobrem a Pedra da Gávea em vários locais. Lacerda procurou estuda-las e traduzi-las, deixando de lado todas as informações que já existiam a respeito. Lacerda não ignorava que a “Pedra da Gávea” ajudava a completar a figura do Gigante Adormecido da Guanabara e foi à Ilha Rasa, o local mais propício para se obter a visão total da gigantesca figura.

Nos seus estudos das inscrições acabou por afirmar que a palavra RASA, denominando a Ilha (que de rasa não tem nada), significava: – “De onde se vê RA” (o gigante) - o que ofereceu aos caracteres aspectos mais afins com a civilização egípcia do que com a fenícia, como supunha a maioria dos especialistas que se preocuparam com estas “perfumarias”.

ore-pelo-brasil
Note-se o detalhe de que estas inscrições dariam ao Brasil o presente de uma “PRÉ-HISTÓRIA” que o país, até agora, não possui! “Um certo documento muito bem guardado conta que os portugueses perguntaram aos índios de onde eles tinham vindo e obtiveram a resposta de que os seus antepassados haviam vindo “das estrelas”, diz o pesquisador Edmundo B. Chaves. E a pré-história brasileira engasgou neste começo, que não teve meio e não tem fim”!
 
Um filme, produzido para um comercial de bebida, mas que materializa, de forma simbólica, a importância de nosso país para o surgimento de “algo” novo e grandioso nesse final de ciclo e começo de uma nova era para PARTE da humanidade:

O Gigante, cuja cabeça e face é a PEDRA DA GÁVEA, finalmente acordou de seu longo sono… 

O Gigante BRASIL DESPERTA

“No início dos tempos, na parte sul das Américas, habitava um gigante. Um dos poucos que ainda andava sobre a Terra. Gigante pela própria natureza, e sendo a natureza ele próprio, era feito de rochas, terra e matas, que moldavam sua figura. Pássaros e bichos pousavam e viviam em seu corpo e rios corriam em suas veias. Era como um imenso pedaço de paisagem que andava e tinha vontade própria. Caminhava com passadas vastas como vales e tinha a estatura de montanhas sobrepostas.  Ao norte, em seu caminho, encontrava sol quente e brilhante nas quatro estações do ano. 

Ao sul, planaltos e campos infindáveis. A oeste, planícies e terras férteis cheias de diversidade. E a leste, milhares de quilômetros e quilômetros de praias onde o mar toca a terra gentilmente, desde sempre e onde a luz do sol é abundante. Havia também uma floresta como nenhuma outra na Terra. Tão grande, verde e viva que funcionava como o pulmão de todo o continente à sua volta e em grande parte do próprio planeta. Mesmo diante de tudo isso, um dia, enquanto caminhava, o gigante se inquietou. Parou então à beira-mar e ali, entre as águas quentes do Atlântico e uma porção de terra que subia em morros, deitou-se. E, deitado nesse berço esplêndido, olhou para o céu azul acima se perguntando: “O que me faz gigante?”.

ISIS-APARECIDA

Sua Mãe é Divina (ÍSIS/N.S.Aparecida, a Virgem Negra) e vela por ele e pelo seu povo, desde o princípio dos tempos… 

Em seguida, imaginando respostas, caiu em sono profundo. Se passaram eras, que para os gigantes são horas, e ele dormiu. 

Seu corpo gigantesco estirado, o joelho dobrado formando um grande monte, uma rocha imensa denunciando seu torso titânico e a cabeça indizível, coberta de árvores e limo. Dormiu até se tornar uma lenda no mundo. Uma lenda que dizia que o futuro pertenceria ao gigante, mas que ele nunca acordaria e que o futuro seria para ele sempre isso: apenas o futuroNo entanto, com o passar do tempo ficou claro que nem mesmo as lendas devem dizer “nunca”. 

Depois de muito sonhar com a pergunta sobre si, o gigante finalmente despertou com a resposta. Acordou, ergueu-se sobre a terra da qual era parte e ficou de frente para o horizonte, para O NASCER DO SOL. Tirou então um dos pés do chão e, adentrando o mar, deu um primeiro passo. Um passo decidido em direção ao mundo lá fora para encontrar seu destino. Agora sabendo que o que o faz um gigante não é o seu tamanho, mas sim o tamanho dos passos que ele dá”.

Fonte do textohttp://www.tediado.com.br

cristo-redentor-rio-bandeirabrasil
E este é o principal “SÍMBOLO” DA VERDADEIRA “FONTE DE PODER E VONTADE” do Gigante que agora desperta e “DAQUELES” QUE JUNTO COM ELE TAMBÉM “DESPERTAM“.

O Complexo da Baía de Guanabara:

O perfil total de um Gigante Adormecido pode ser visto da Ilha Rasa, a Ilha de onde se vê Rá. Este perfil parece ter sido esculpido na cordilheira aproveitando-se a topografia local, que também dá mostras de ter recebido uma ajudazinha humana modificando um pouco a obra da Mãe Natureza.

São mais ou menos 20 km de comprimento onde se localizam sete bairros litorâneos do Rio de Janeiro: Barra da Tijuca, São Conrado, Leblon, Ipanema, Copacabana, Botafogo e Urca. Os arqueólogos brasileiros contemporâneos, jamais se deram o trabalho de prosseguir os estudos deixados por seus colegas do século 19 a respeito da estranheza das esculturas localizadas nesta cordilheira.

Setenta arqueólogos de quase dois séculos atrás morreram jurando que as formações bizarras não eram produto da erosão e se constituíam em trabalhos devidamente assinados pelas inscrições enigmáticas. O pesquisador Eduardo B. Chaves, após enumerar uma grande quantidade de estranhezas ligadas ao complexo do Gigante Adormecido, conclui: “…

brasil-gigante-despertou
O GIGANTE DESPERTOU e para desespero dos corruptos ele RUMA para BRASILIA…

É preciso alertar a quem de direito para o fato de uma civilização avançadíssima, talvez até extraterrestre, ter possivelmente estado no Brasil e nos haver deixado um monumento arqueológico de fazer inveja aos mais famosos do mundo”.

Fonte: http://www.jornalinfinito.com.br/materias.asp?cod=44
Fonte: http://www.tediado.com.br/10/o-gigante-do-pao-de-acucar/
Publicado originalmente em setembro de 2012.

Para saber mais sobre o Brasil:
  1. http://thoth3126.com.br/brasilia-jk-akhenaton-eo-egito/
  2. http://thoth3126.com.br/brasil-portugal-e-os-cavaleiros-templarios/
  3. http://thoth3126.com.br/amas-a-anomalia-magnetica-sobre-o-brasil/
  4. http://thoth3126.com.br/uma-visao-pessoal/
  5. http://thoth3126.com.br/brasil-o-territorio-sagrado-para-a-deus
  6. http://thoth3126.com.br/o-reino-de-ofir-eo-brasil/
  7. http://thoth3126.com.br/brasil-e-o-mapa-de-piri-reis/
Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

Agosto 23, 2015

chamavioleta

A Nestlé e o escândalo das águas em S.Lourenço

Posted by Thoth3126 on 03/02/2015

nestle_pure_life_logo



Há alguns anos a gigante multinacional suíça da área de alimentos industrializados Nestlé vem se utilizando dos poços de água mineral de São Lourenço para fabricar e vender a sua água com a marca PureLife (Pura Vida).

Diversas organizações da cidade vêm combatendo a prática, por muitas e variadas razões. Para fabricar a PureLife, a Nestlé, sem estudos sérios de riscos à saúde, desmineraliza a água e acrescenta sais minerais de sua patente. A desmineralização de água é proibida pela Constituição.

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

A gigante multinacional Nestlé mata Água Mineral em São Lourenço. Grupo de moradores e Ministério Público querem proteger o Parque das Águas de São Lourenço, em Minas Gerais, da exploração da multinacional

http://patrialatina.com.br/

{Nestlé S.A. é uma empresa suíça produtora de alimentos. O símbolo da empresa, que mostra uma família de pássaros, vem do nome em alemão suábio, que significa “ninho”}

As águas minerais, de propriedades medicinais e de baixo custo, eram um eficiente e barato tratamento médico para diversas doenças, que entrou em desuso, a partir dos anos 50, pela maciça campanha dos laboratórios farmacêuticos para vender suas fórmulas químicas através dos médicos e da medicina alopata. Mas o poder dessas águas permanece. Os Médicos da região, por exemplo, curam a anemia das crianças de baixa renda apenas com água ferruginosa.




Em São Lourenço, embate entre exploração comercial da água mineral para engarrafamento e seu uso medicinal opõe moradores à multinacional Nestlé (Foto: Marina Almeida)

Para fabricar a PureLife, a Nestlé, sem estudos sérios de riscos à saúde, desmineraliza a água e acrescenta sais minerais de sua patente. A desmineralização de água é proibida pela Constituição.

Cientistas europeus afirmam que nesse processo a Nestlé desestabiliza a água e acrescenta sais minerais para fechar a reação. Em outras palavras, a PureLife é uma água química. A Nestlé está faturando em cima de um bem comum, a água, além de o estar esgotando, por não obedecer às normas de restrição de impacto ambiental, expondo a saúde da população a riscos desconhecidos. O ritmo de bombeamento da Nestlé está acima do permitido.

Troca de dutos na presença de fiscais é rotina. O terreno do Parque das Águas de São Lourenço está afundando devido ao comprometimento dos lençóis subterrâneos. A extração em níveis além do aceito está comprometendo os poços minerais, cujas águas têm um lento processo de formação. Dois poços já secaram. Toda a região do sul de Minas está sendo afetada, inclusive estâncias minerais de outras localidades.

Durante anos a Nestlé vinha operando, sem licença estadual. E finalmente obteve essa licença no início de 2004.




Ministério Público pede tombamento do parque de São Lourenço, que tem diferentes águas minerais e construções da década de 1930, mas para grupo de moradores, medida é insuficiente para a preservação dos recursos hídricos (Foto: Marina Almeida)

Um dos brasileiros atuantes no movimento de defesa das águas de São Lourenço, Franklin Frederick, após anos de tentativas frustradas junto ao governo e à imprensa para combater o problema, conseguiu apoio, na Suíça, para interpelar a empresa criminosa. A Igreja Reformista, a Igreja Católica, Grupos Socialistas e a ONG verde ATTAC uniram esforços contra a Nestlé, que já havia tentado a mesma prática na Suíça.

Em janeiro de 2012, graças ao apoio desses grupos, Franklin conseguiu interpelar pessoalmente, e em público, o presidente mundial do Grupo Nestlé. Este, irritado, respondeu que mandaria fechar imediatamente a fábrica da Nestlé em São Lourenço. No dia seguinte, no entanto, o governo de Minas (então PSDB), baixou portaria regulamentando a atividade da Nestlé.

Ao invés de aplicar multas, deu-lhe uma autorização, mesmo ferindo a legislação federal. Sem aproveitar o apoio internacional para o caso, apoiou uma corporação gigante multinacional de histórico duvidoso.

Se a “grande imprensa brasileira”, misteriosa e sistematicamente vem ignorando o caso, o mesmo não ocorre na Europa, onde o assunto foi publicado em jornais de vários países, além de duas matérias de meia hora na televisão.

Em uma dessas matérias, o vereador Cássio Mendes, do PT de São Lourenço, envolvido na batalha contra a criminosa Nestlé, reclama que sofreu pressões do Governo Federal (PT), para calar a boca. Teria sido avisado de que o pessoal da Nestlé apóia o Programa Fome Zero e não está gostando do barulho em São Lourenço.
Os problemas da extração da água mineral



Diga-se também que a relação espúria da Nestlé com o Fome Zero é outro caso sinistro. A empresa, como estratégia de marketing, incentiva os consumidores a comprar seus produtos, alegando que reverte lucros para o Fome Zero. E qual é a real participação da Nestlé no programa? A contratação de agentes e, parece, também fornecendo o seu treinamento.

Sim, é a mesma famosa Nestlé, que tem sido há décadas alvo internacional de denúncias de propaganda mentirosa, enganando mães pobres e educadores, para substituir o leite materno por produtos Nestlé, especialmente o leite em pó, em um dos maiores crimes contra a humanidade.




Grupo de moradores reunidos na associação Amar’Água teme pela superexploração dos recursos hídricos; redução de vazão das fontes seria indício do problema (Foto: Marina Almeida)

A vendedora de leites e papinhas “substitutos” do alimento naturalestaria envolvida com o treinamento dos agentes brasileiros do Fome Zero, recolhendo informações e gerando lucros e publicidade nas duas pontas do programa: compradores desejosos de colaborar e famintos carentes de comida e informação.

Mais preocupante: o Governo Federal anuncia que irá alterar a legislação, permitindo a desmineralização “parcial” das águas. O que é isso? Como será regulamentado?

Se a Nestlé vinha bombeando água além do permitido e a fiscalização nada fez, como irão fiscalizar agora a tal desmineralização “parcial”? Além do que, “parcial” ou “integral”, a desmineralização é combatida por cientistas e pesquisadores de todo o mundo. E por que alterar a legislação em um item que apenas interessa à Nestlé? O que nós, cidadãos, ganhamos com isso?



É simples. Sabemos que outras empresas, como a Coca-Cola, estão no mesmo caminho da Nestlé, adquirindo terrenos em importantes áreas de fontes de água mineral. É para essas empresas que o governo governa? Uma vergonha !!!

Colabore. Transmita estas informações para outras pessoas e não consuma o que prejudica a sua saúde.

{n.T.: Excerto do post Reptilianos – Livro Body Snatchers

Jeane: Eu sou nutricionista e sei que esta informação sobre nutrição e alimentação infantil esta correta. Há literatura científica que demonstra que faltam os óleos essenciais nos leites infantis industrializados e que esse fato esta associado com o pobre desenvolvimento do cérebro das crianças amamentadas com leite em pó industrializado, mas nada é feito a respeito.

Aqui o reptiliano Ettissh descreve como os leites infantis são usados para reduzir a nossa inteligência significativamente, pois esse alimento artificial não ajuda no desenvolvimento adequado do cérebro humano, devido a uma falta de nutrientes chamados ácidos graxos essenciais, EFA ( Naturalmente encontrado no leite materno e em abundância).

Estes EFA’S são deliberadamente excluídos do leite em pós industrializado, mesmo nos dias de hoje. Os cientistas são reprimidos, até mesmo são assassinados caso denunciem. Ele (Ettissh) confessa:

“Nós verificamos com uma amostra do seu tecido cerebral. Em vocês TODOS existe a falta de nutrientes chamados ácidos graxos essenciais, EFAs – eles não existem em leites infantis industrializados – talvez em alguns deles exista em pouca quantidade, mas nenhum leite em pó com EFAs era produzido no passado, não havia nenhum – e esse leite foi que amamentou voce.

Mas se você tivesse sido amamentada com leite materno, o seu índice intelectual seria de 89 por cento, então você seria uma mulher muito mais brilhante e inteligente se voce tivesse tido acesso a alimentos tops em nutrição, você não é inteligente o bastante para perceber isso agora – por isso o nosso sistema escondeu isso de voce. Os cientistas não sabem nada a respeito porque nunca financiamos qualquer pesquisa sobre esse assunto“.}




“Em vocês TODOS existe a falta de nutrientes chamados ácidos graxos essenciais, EFAs – eles não existem em leites infantis industrializados – talvez em alguns deles exista em pouca quantidade, mas nenhum leite em pó com EFAs era produzido no passado, não havia nenhum – e esse leite foi que amamentou voce”.

(Na Hungria havia uma fábrica de chocolates, que vendia para o mercado interno e exportava para os países vizinhos e todo o Leste Europeu. A Nestlé comprou a fábrica, colocou todos os funcionários no olho da rua, demoliu as instalações e saiu do país. A Nestlé não quer concorrência. Se houver…)

Mais informações sobre o caso Nestlé em www.acquasul.com/edin.htmwww.circuitodasaguas.org/ e www.circuitodasaguas.org

Saiba mais em:
http://thoth3126.com.br/nestle-nega-que-a-agua-seja-um-direito-humano-fundamental/
http://thoth3126.com.br/apenas-147-super-empresas-governam-o-planeta-diz-estudo-suico/
http://thoth3126.com.br/apenas-dez-grandes-companhias-controlam-a-industria-de-alimentos-no-mundo/
http://thoth3126.com.br/o-colapso-do-nosso-mundo-comecou-veja-14-sinais-disso/
http://thoth3126.com.br/grandes-surpresas-dentro-de-vacinas/
http://thoth3126.com.br/reptilianos-livro-body-snatchers-capitulos-8-9-e-10/
http://thoth3126.com.br/banco-mundial-ex-executiva-denuncia-elite-global/

Permitida a reprodução desde que mantenha a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

2Share on Facebook (Opens in new window)2
2Click to share on Twitter (Opens in new window)2
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

Agosto 11, 2015

chamavioleta

Miriam Blue Star (02), um encontro com extraterrestres



Posted by Thoth3126 on 28/02/2015

BLUEEARTHANGEL

 Entrevista com Miriam Blue Star (Miriam Estrela Azul), em Sedona, Arizona, setembro de 2008

“Esta muito claro para mim como esta rede de pessoas que estão trabalhando orientados pela Luz, com o propósito de educar, a fim de informar, e de modo a trazer a mudança para a humanidade e para a Terra, todos estão muito ligados um ao outro”.

Este momento particular em que estamos no planeta é muito delicado – e é verdadeiramente o tempo de se fazer uma escolha. Mas estamos nos movendo para um tempo em que as dificuldades estão começando a surgir para indivíduos, famílias, comunidades até a humanidade inteira. E precisamos prestar mais atenção ao que nós, como indivíduos estamos ou não fazendo, como estamos agindo” …

Edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com

Uma história incrível na entrevista com Miriam Blue Star (Miriam Estrela Azul), em Sedona, Arizona, em setembro de 2008 – PARTE 2

Miriam (Blue Star) Delicado foi contatada em uma idade muito precoce por extraterrestres louros, altos e benevolentes, aparentemente sendo incumbida para um papel muito especial e de grande responsabilidade. 

http://projectcamelot.org/miriam_delicado.html

Enquanto isso se desenvolvia, uma das coisas que aconteceram foi… Nesse Terceiro Mundo me foi mostrado uma imagem dessas pessoas. Era como se eu estivesse vendo de cima. Olhei para baixo dentro da sala e vi essas pessoas. Elas, como foi me dito, estavam vivendo a vida que lhes foi planejada, que era a vida espiritual.

E assim, porque eles tinham esse grande conhecimento, porque eles tinham uma compreensão real do por quê eles estavam aqui na Terra, os corpos que eles tinham pareciam estar muito bem, eles foram poupados e tirados do Terceiro Mundo e trazidos para este, o Quarto Mundo. Agora, uma das coisas que aconteceu durante essa visão – foi me dito que um dia eu encontraria essas pessoas que vi dentro da espaçonave e então eu saberia o que fazer.

miriam_blue-star

Assim, quando fui a área de Four Corners, pela primeiríssima vez em 2003, eu sabia que eu tinha que ir a aldeia dos HOPI; mas, eu realmente não sabia o por quê. A única coisa que eu sabia era que havia uma razão para isso, era uma razão muito grande e era muito, muito importante.

Dessa maneira, quando eu fui aos HOPI, tive o que chamaria de um “clarão psíquico”, onde vi algumas daquelas pessoas nos HOPI e eles mudaram bem em frente aos meus olhos. Foi neste instante que tive recuperadas todas as visões que me foram dadas a bordo da nave espacial; assim como, sabia o que eles queriam que eu fizesse, e também, o que estava acontecendo na Terra, de onde nós viemos, e para onde estamos indo.

Foi, exatamente assim, alucinante. Foi muito… Porém, muito importante, percebi que eles, os HOPIs eram as pessoas que os extraterrestres queriam que eu encontrasse. Percebi que os HOPI eram esses indivíduos que foram levados – “indivíduo” significa pessoas — que foram levadas do Terceiro Mundo para o Quarto Mundo e que eles tinham um grande propósito para existirem neste momento.

Então, não foi nenhuma surpresa para mim que eu viesse cruzar com eles. O papel deles no planeta é muito importante para o futuro de todos nós.

É minha esperança, esperança em meu coração, que todos nós — significando os HOPIs, os indígenas de todo o mundo e todos os demais que têm um entendimento, carinho, uma paixão e um desejo de ajudar esse planeta — vão realmente se unir e assim seremos capazes de nos salvar desse caminho destrutivo que me foi mostrado.

K: Você foi aos HOPI, não obstante, e foi uma espécie de uma série de eventos (sincronicidades) interessantes que levou você até lá. E, também,… Eu não sei, isso pode incluir além do ano 2003… Mas, sua experiência do encontro… E eu não sei o nome dele. Ele é um ancião HOPI, acredito. Você acabou ficando na casa dele.

Voce gostaria de falar um pouco dessa história? Porque é uma espécie de… É realmente convincente, no sentido de que lá está você, uma completa estranha, uma mulher branca, caminhando nesse acampamento tribal dos peles vermelhas e, de uma forma estranha, eles a aceitaram e deram as boas-vindas a voce.

hopi-profecia
Os sinais gravados na rocha, que falam da profecia dos peles vermelhas da naçãoHOPI.

M: Em 2004, fiz uma viagem novamente por minha própria conta. Durante essa jornada particular, eu sabia, mesmo antes de ir lá, o que ia acontecer. E eu estava muito nervosa.

Na primeira viagem eu comprei um anel em uma loja pequena dos HOPI. Voltei lá em 2004 e falei com a mulher que me vendeu o anel. Estava tentando dizer a ela algo dessas coisas que tinha acontecido comigo. O jeito com que falei sobre isso era… Eu continuava a dizer-lhe que tinha essas visões, ou tive esses sonhos e como cheguei a toda essa informação. Ela realmente foi tomada de surpresa pelas coisas que eu disse.

Ela disse para mim: acho que você deveria falar com um de nossos anciãos. Então, ela murmurava e teve alguma hesitação sobre a quem ela me enviaria. Finalmente, ela me disse: Vá a esse planalto. É lá que essa pessoa está. Esse é o nome dele. E eu pensei: Oh, uau. Então é isso. Eu sabia que isso ia acontecer.

Fui à planalto para achar esse homem. Ele não estava muito impressionado comigo me vendo na porta dele, inicialmente. Ele estava murmurando e tartamudeando, alguma coisa como: O que você está fazendo aqui? Não posso ajudá-la. E eu disse: Não, eu estou aqui apenas para compartilhar isso com você. Isso é tudo.

hopi-profecia1
A profecia gravada na pedra desta rocha descreve dois tipos de caminhos: o caminho daqueles que pensam preferencialmente com a cabeça (intelecto) e o daqueles que pensam mais com o coração (que compreendem a beleza e a sacralidade de toda a vida universal).

De novo, comecei a contar essa estória impressionante, sobre como tive essas visões e sonhos sobre certas coisas e como os achei serem completamente relacionados as profecias dos HOPI. E que eles não estavam apenas relacionados. Eles eram quase — quase — idênticos em sua natureza. A estória da criação deles, novamente, é exatamente a mesma como a que aquelas entidades extraterrestres loiros altos tinham me dito.

Eu estava dizendo a ele tudo isso. E, então, finalmente, ele me olhou e disse: Espere um momento. Você está falando sobre…? Ele meio que se debruçou sobre a mesa e disse: Você está falando sobre alienígenas? Eu pensei: Ahhhh… Foi um alívio. Foi um tal alívio naquele momento, porque eu tinha que esperar ele trazer isso para a conversa. E, eu disse: Sim. Ele disse: Ok. Ok, agora fale comigo. Conte me essa sua estória agora. 

dreamcatcher

Continuei a falar com ele, e ele parecia entender e saber sobre o que eu estava falando a ele. Naquele momento, você sabe, após eu estar falando com ele por horas, ele me olhou e disse: Por que você está aqui?

Ele disse: Não. Por que você esta aqui? Eu não entendo. E ele estava sacudindo a cabeça. Eu disse: Bem, apenas estou aqui para compartilhar essa estória com você. Ele me disse: Você sabe, tem gente vindo de todas as partes do mundo. Para falar com ele, assim como com todo o povo HOPI. Eles tem recebido pessoas que vêm de todas as partes do mundo.

Ele falou: Eles vêm com estórias parecidas, mas não como a sua. Ele me disse: Todos eles vêm aqui e eles me fazem perguntas. E você não fez uma única pergunta. Por que? Eu falei: O que eu possivelmente poderia perguntar a você que eu já não tenha a resposta?

Isso fez ele ficar ainda mais nervoso. Não porque eu acredito que eu tenha todas as respostas. É porque eu sei que eu não preciso de um HOPI para me dizer coisa alguma. Eu sei o que eu preciso saber e estou contente com isso.

Ora, o que aconteceu após estar com ele por algum tempo é ainda mais fascinante, porque eu sai, em um determinado momento. Ele me pediu para sair porque alguém vinha à casa dele. Eu sai da casa dele. Caminhei ao longo da planície, e, em um dado momento, comecei a caminhar para a casa da mulher HOPI que me vendeu o anel. Ela me disse onde ela morava. Sua filha estava do lado de fora. Comecei a conversar com a filha dela e sentei-me.

hopi-profecia2
O Quarto Mundo terminará em breve e o Quinto Mundo então começará. Os anciões HOPIs sabem disto. Os Sinais no decorrer dos anos foram se realizando e assim são poucos os sinais que restam para se cumprir”

Logo após ela começou a falar HOPI com uma de suas amigas. Penso que foi naquele momento que disse a mim mesma: Isso é tudo. Absolutamente, não existe um milímetro a mais de dúvidas. Porque, naquele momento, ela disse uma palavra em HOPI que eu reconheci como sendo uma das palavras que esses alienígenas louros e altos me disseram  quando estive em sua espaçonave. Perguntei a garota pequena. Eu disse: O que que isso significa? E ela disse: É muito obrigada, dizendo muito obrigada para uma mulher em HOPI. Eu disse: Uau. Isso é impressionante.

Então, nós duas fomos dar uma caminhada, fui pegar um sorvete nessa loja pequena, alguma coisa para beber. E quando estava nessa área, subitamente ouvi em minha cabeça: O que você está fazendo aqui? Muito claramente, como se alguém estivesse ao meu lado.

Quando olhei a minha direita neste longo balcão, lá estava um desses seres: cabelo louro, olhos azuis, de pé no canto do balcão. Eles provavelmente têm, acho, cerca de 1,95 metros, com a aparência de quem, você sabe, trabalhasse ao ar livre toda a vida deles — realmente, uma compleição muito robusta.

Ele me fitou e novamente me disse: O que você está fazendo aqui? Eu lhe disse: Acho que estou voltando para casa. O que você está fazendo aqui? Você sabe… Por que você está me perguntando esse tipo de coisa?

redskin4

Não houve nenhuma conversa com ele; mas, eu sabia quem ele era, perfeitamente. Eu queria caminhar para ele e dizer: Oh, o que você está fazendo aqui? Vamos sentar e conversar. Porém, novamente, eu apenas continuei a caminhar com essa garota pequena, pensando: Não. Não é o tempo certo.

Eu estava caminhando para fora dessa área e disse para a garota pequena: Você viu aquele homem?
Ela respondeu: Sim.
Eu perguntei: Você o reconheceu?
Ela disse: Não, eu nunca o vi antes.
Então, eu falei: Ok. Pensei: Uau. Isso é tão estranho.

Existe algo sobre aquilo que eu gostaria de compartilhar, não está no livro, que é fascinante e que tem haver com isso.

Continuando, voltei para a casa do ancião. Quando fiz isso, eu disse a ele: Isso é o que me aconteceu quando eu estava com a garota pequena. Reconheci essa palavra, quando ela foi dita, como uma das palavras que esses seres falaram para mim.

E lá estava eu, sentada à mesa desse ancião e do meu bolso de trás eu puxei um pedaço de papel e o abri. Eu disse: Essa é a língua que eles falaram para mim. E, empurrei o pedaço de papel para ele. Ele tentou…

Eu falei: Elas estão escrita foneticamente porque eu não sabia como escrevê-las.
Ele respondeu: Ok, por que você não me diz apenas o que são as palavras?

Eu as li em voz alta. Quando o fiz, pelo menos seis das palavras no pedaço de papel eram HOPI. Uma com certeza, eu sabia com certeza, é Navajo. Ele me disse que as outras palavras que estavam no papel ele pensava que eram palavras Navajo.

alien-loira-olho-azul-miriam-blue-star

Esses seres… Em 1988, quando eu nunca tinha qualquer contato com os HOPI ou Navajos de qualquer modo, forma ou maneira, como uma jovem de 22 anos de idade, vivendo uma vida muito normal; esses seres me falaram em uma língua que eu não reconhecia por vinte anos, até esse momento. Eu sabia o tempo todo que eu acharia o povo a quem essa língua pertencia. Eu só não esperava que eles seriam os HOPIs. Sempre pensei que eu os acharia nas selvas da América do Sul ou algo assim.

[Kerry ri]

Isso foi o que aconteceu na planície… O que aconteceu após aquela viagem, em 2004, quando eu retornei para casa foi que: fui a um jantar com um amigo meu e eu contava para ele tudo sobre essa minha viagem, coisas assim. Nós pegamos o carro dele. Ele e a mulher dele estavam no banco da frente. No banco de trás eu sentava atrás do motorista e a filha dele de nove anos estava a minha direita.

Enquanto estávamos rodando por uma rua muito movimentada, muito movimentada, uma das principais ruas, um Jeep moveu-se para o lado do carro. Quando ele fez isso, eu olhei, sentado no carro estava aquele ser louro, alto, de cabelos louros, olhos azuis, estava sentado e completamente… A cabeça inclinada para o lado e olhando diretamente para mim, sem olhar para a estrada. Não olhava para a estrada. Apenas sentado lá e… Com a cabeça dele… Seus olhos apenas me fitando. Pensei: Não pode ser. Isso foi tudo em que eu pude pensar.

Mas, isso é que é interessante. A garota pequena disse: Oh meu deus. Olha aquele homem. Ele parece tão esquisito. Ele nem mesmo parece humano. (Risos)

K:  [risos]

Todos no carro apenas se reclinaram e pensavam… Você sabe, estavam tentando dar uma olhadela nesse homem. Assim, então, novamente, eu estava tendo a confirmação por um outro indivíduo de todas essas coisas que estavam acontecendo.

Durante um período de duas semanas, após minha volta da viagem, tive três encontros como esse: um na loja, um no ônibus e o do carro com meus amigos. Muito estranho. Muito, muito estranho. Mesmo para mim, é fascinante.

capa-blue-star-livro-miriam-blue-star

K: Ok. Talvez pudêssemos seguir mais a frente, agora para os mais recentes eventos e o que você tem ouvido, talvez compartilhar um pouco sobre o fato de que você tem… Como você começou a apresentar-se. Especialmente como você começou a escrever seu livro. Porque eu tenho que dizer que eu cheguei a você por via… Acho que ouvi você em um programa de rádio brevemente, e, então, vi o seu site. Vi sua face e soube instantaneamente que devíamos conversar. Foi a característica da sua face, não era realmente você. Mas, apenas tive a conexão e apenas sabia. Porém, o livro… Então, comprei o livro e ele apenas confirmou o que eu pensava. Portanto, você pode me dizer algo sobre como escreveu o livro?

M: Uma boa pergunta. Uma questão muito importante. Especialmente relevante para hoje.

O principal propósito por de trás desse livro foi… Primeiro de tudo, era um pedido feito por eles (os extraterrestres altos e loiros). Em 1988, quando eu estava a bordo daquela espaçonave, me foi pedido, por eles, para fazer isso. Eles me pediram para apresentar-me e contar essa estória, para dizer as pessoas quem eram eles e de onde ele são, para que se e quando chegasse o tempo de…

Se eles tiverem de fazer a presença deles conhecida em uma escala global… Nós não ficaríamos com medo.

Isso era muito importante para eles. Isso era o motivo real para eles compartilharem o conhecimento que eles me passaram e me ajudar a tentar entender o que acontece na Terra, para que assim, possamos nos entendermos e também entender a eles.

O motivo de ser escrito nessa época foi… Eu tenho que lhe dar um pouco do cronograma. Em 1988, tive o que chamo de meu encontro do despertar e esse é o ponto de onde tudo se origina. Eu sempre volto a 1988 quando descrevo para as pessoas o que aconteceu comigo.

Foi me dito em 1988 todas essas coisas e foi me pedido para compartilhá-las com o público. Eu comecei a fazer algumas dessas coisas que eles me pediram para fazer. Então, subitamente, eles disseram: Não, não, não. Pare, pare, pare, pare. Fique quieta, fique quieta, fique quieta. Não há mais conversa.

Eu sabia que, eventualmente, um dia, me seria dito quando era o momento certo para aparecer e começar a compartilhar a minha experiência novamente.

Bem no início de 2003, fui acordada de manhã. Eles disseram: Ok, está na hora. Está na hora. Está na hora de ir a área dos Four Corners — qualquer que seja o significado, eu não estava certa. Mas, era o momento para mim… O que eu poderia dizer, por falta de um termo melhor, de começar “meu trabalho”. Isso aconteceu em 2003. Após isso, naturalmente, encontrei com o ancião HOPI e, assim como, com uma série de outras coisas que aconteceram, antes do que houve na área dos Four Corners, que estavam relacionadas ao ano de 1988, eu disse: Ok. Eu devo começar a escrever um livro. Aí, o processo começou.

Em 2007, próximo ao começo do ano, eu tinha algumas mensagens dadas a mim de muitas formas diferentes. Eles vinham a mim em sonhos. Eles vinham a mim, você sabe, em minha cabeça dizendo: Você precisa terminar o livro, voce precisa terminar o livro, você precisa terminar o livro.

Eles me disseram que era muito importante que eu tivesse ele pronto em novembro de 2007. Realmente, não sei porquê. Porém, eles diziam em novembro de 2007 eu teria que estar com o livro terminado, porque havia uma cronologia do que estava para acontecer no planeta.

ufo-frota-orbita-terra

Assim, eu forcei e forcei e forcei a mim mesma de muitas maneiras para ser capaz de ter essa tarefa completada; a qual, em cima da hora, terminei. O livro foi terminado. Terminei de o escrever. Então, foi me dito para começar a compartilhar essa estória com quem quisesse ouvi-la.

Agora, eles me disseram em 1988, que eu tinha que achar os outros iguais a mim e que deveríamos nos juntar e começar esses encontros.

Eles me deram mais informações. E, novamente, começa a etapa em que acredito tem a ver com os povos indígenas da Terra, por causa do que esses seres me disseram. Eles disseram que no ‘final dos tempos’ aconteceriam muitas mudanças. Assim… Elas estão em níveis muito diferentes. Elas não são apenas uma. Não é fácil descrever essas coisas.

Eles me disseram que uma delas seria em um nível espiritual, que as mudanças ocorreriam. No nível físico as mudanças estavam começando. Essas mudanças também seriam baseadas no indivíduo e na própria Terra.

Todas essas coisas estavam correlacionadas e sendo determinadas pela própria humanidade dentro dos caminhos que estávamos tomando. Por exemplo, havia a possibilidade de que acontecesse uma grande guerra. Isso é algo que realmente me perturba. Me assusta. Me perturba muito. Mesmo quando digo isso eu poderia chorar porque… Eu apenas posso chorar. (A voz está balbuciante, engasgada).

K:  Tudo bem. Vá em frente.

M: Porque se alguém vivesse a vida que tenho vivido pelos vinte anos passados, tivesse tido experiências, após experiências, após experiências; confirmação após confirmação, de todas essas coisas, eles também não hesitariam em nada, para ajudar de qualquer modo que eles pudessem para parar esse processo.

Porque, temos responsabilidades… Como seres humanos. Foi me dito que temos a responsabilidade de fazer o que pudermos para salvar esse planeta. Não somos os salvadores da Terra. Devemos ser os guardiões da Terra. Estamos aqui para ser os administradores desse planeta. Essa é uma parte do por quê estamos aqui; para sermos capazes de experimentar uns aos outros e a própria Terra.

entopan-fimdeciclo-serpentedefogo
SAIBA MAIS NOLINK

Porém, do modo que estamos vivendo nossas vidas, baseados em coisas como ganância, disputa, poder, que está sendo o foco primário para muitas pessoas; nos esquecemos do por quê nós estamos aqui, da beleza de cada um e do planeta. Uma coisa que sempre pergunto as pessoas, a cada pessoa, digo a elas: você realmente precisa perguntar a si mesmo essa questão. Você está feliz? É uma questão simples. A resposta é que é muito complicada.

Porque, como me foi explicado por esses seres, a humanidade estava em um caminho, um curso destrutivo, de colisão, se não o mudássemos, o resultado final será: Destruição.

De qualquer jeito… se por um enorme meteorito atingindo a Terra, ou se fosse uma guerra, ou se fosse fome, ou haveria mudanças na Terra — qualquer dessas coisas — que os homens têm a capacidade de mudar esse cronograma do que poderia acontecer. Agora, as pessoas me dizem: Ok, você está tentando fazer uma profecia, ou você está falando de uma profecia.

A coisa é essa. Para qualquer um lá fora que compreenda, mesmo remotamente, a menor parte disso, isso é fácil de entender, o que está acontecendo aqui. Foi nos dado um presente, um presente muito especial. Esse é o presente de ver correntemente além de onde  estamos.

Agora, se nós continuarmos nesse mesmo caminho, eles disseram que esse será o resultado final. Mas, o presente é, se pudermos mudar o curso em que temos estado, então, todas essas coisas serão evitadas, elas não acontecerão.

Portanto, esse é o motivo desse livro. Esse é o motivo de ter me apresentado. Porque eu não queria falar com você. Realmente, não. Eu gostaria de poder por uma máscara e não estar aqui. Porém, aqui estou, porque em meu coração, em minha mente, em meu ser por inteiro, eu sei que estamos em um caminho que é assustador.

Algumas pessoas ficam espantadas. Não estou espantada. Essas lágrimas não são de medo. Essas lágrimas são de muita tristeza, porque tenho visto o futuro por eles, com a assistência deles. Portanto, espero que sejamos capazes de nos juntarmos para mudar isso. E, eu acredito… Acredito que ainda podemos mudar tudo.

Não penso que seja possível neste ponto do tempo parar tudo. Penso que podemos chegar a um momento onde tenha ficado claro e, está ficando mais aparente cada dia, que estamos em uma rota de colisão em muitas áreas diferentes.

2018-abril
SAIBA MAIS NO LINK

Nossos suprimentos alimentares têm, no curso do último ano, se tornado escassos em certas áreas do mundo. Coisas como arroz, doença da vaca louca, a gripe aviária. A lista vai longe. Todas essas coisas estão se tornando visíveis para qualquer um no mundo. O combustível — o seu custo, os altos preços da gasolina afetando todos no mundo.

Porém, todas essas coisas podem ser mudadas muito facilmente. E é assim que faremos a mudança na Terra — com a ajuda um do outro.

K: Ok. Então você tem uma missão e você está em sua missão e aqui estamos nós. em outubro. Realmente, não é outubro. É setembro de 2008. Certo? Está um lindo mundo do lado de fora da minha porta hoje. Contudo, há muitas coisas acontecendo agora enquanto conversamos. A economia americana está indo por água abaixo. Há a possibilidade de guerra com o Irã, você sabe, por trás de nossa costas pode estar acontecendo, ela pode estar sendo preparada. E há outras coisas também. Então, como isso está atingindo a ideia do que você está fazendo, como você, digamos, põe sua missão e qual será a próxima etapa, se você está, o que você está planejando fazer?

M: Considerando que é 2008, essa é uma questão interessante para mim, porque tem sido… Nem mesmo sei quantos anos, nem mesmo sei se está relacionado à 1988… Mas, em algum ponto nesse curso de minha vida nos últimos vinte anos, 2008 tem sido um ano que está me desafiando.

Porque, eu sei durante anos que entre agosto de 2008 e novembro de 2008 haveria importantes mudanças na Terra. E o que quero dizer é… Não estou falando em mudanças na própria Terra, mas no povo. E, talvez de alguma forma, teria alguma coisa a ver com os Estados Unidos (aconteceu a crise econômico-financeira).

Agora, fiz essa declaração bem pública em janeiro desse ano. Disse que essas coisas estavam vindo e que elas envolveriam os Estados Unidos. E, o que os Estados Unidos fizer, o que acontecer aqui, afetaria o mundo todo para sempre. Porém, considerando que a economia americana está do jeito que está, o preço do petróleo tem haver em parte com os Estados Unidos, há… Estamos no começo de um fluxo que não vai ser facilmente corrigido, se for.

Portanto, o que as pessoas precisam entender é que essas coisas foram ditas a mim, anos e anos e anos atrás. Assim, o que digo é que em 2008, haveria uma repercussão econômica através da Terra que nunca será recuperada. Essa é a primeira mudança.

controle-mental-tudo-esta-bem

Também vi, que existe a possibilidade das mudanças ocorrerem em uma escala global das coisas que estão mais engrenadas com a estrutura política da Terra, nos próximos… Provavelmente 4 ou 6 meses…  Haverá algumas mudanças, que irão ocorrer por volta desse período. Assim, termina o ano de 2008. É o precursor do que está vindo.

Agora, o outro ano com que estou preocupada e me tem preocupado muito desde 1988, não é 2012 como as pessoas têm me perguntado frequentemente. 2012, para mim, no conhecimento que me foi dado por esses seres, não é uma data específica para sequer se pensar.

Contudo, o ano 2010 é. Então, o que vai acontecer em 2010? Frequentemente me perguntam isso. E tudo o que sei é que há o potencial de grande destruição sobre toda a Terra. Posso dizer que isso é uma guerra? Não. Não vou dizer isso. Posso dizer que é a chegada de um meteorito? Não posso dizer isso. O que estou dizendo é que a humanidade tem um papel a jogar em como isso vai acontecer em 2010.

Vamos dizer que 2010 passe e nada aconteça (como de fato aconteceu). Você sabe? Não vou sentar aqui e dizer: Oh, eu estava errada. Estarei batendo palmas com alegria porque evitamos o que é que eu vi por todo esse tempo. Então, nunca é muito tarde. A décima primeira hora será a décima primeira hora até o momento em que acontecer. Portanto, nós sempre temos tempo. Sempre temos a habilidade de mudar algo.

E acredito que… De todo esse conhecimento que aprendi, e toda essas coisas que foram me mostradas, eu sei que temos a capacidade de trabalhar juntos para fazer as mudanças sobre a Terra que serão duradouras e benéficas, que trarão de volta a alegria e o prazer para o que viemos  aqui para viver e experimentar, daremos uma estrutura adequada para nossas famílias e nossas comunidades que estarão voltadas para o cuidado de um com o outro e para com a própria Terra.

Nesse tempo particular em que estamos, é crítico que comecemos a entender que precisamos aceitar e tomar a responsabilidade com base no indivíduo, que nós, como indivíduo, temos o poder de mudar a Terra de uma maneira que beneficiará as crianças, de uma maneira que será benéfica para as pessoas que vierem depois de nós.

redskin-angel

E as pessoas me perguntam: Por quê e o quê é que faz esse tempo ser especial? É porque estão nos dando a escolha, a possibilidade de escolha para onde o nosso caminho vai nos levar e onde será o fim.

Se decidirmos que vamos continuar cheios de ganância… Olhe o futuro! Não leva muito tempo. Você pode ver que não há uma saída real dessa situação que estamos vivendo, a menos que façamos algumas mudanças. Como faremos isso? Como faremos mudanças?

Digo as pessoas — muito importante. As pessoas que vem ao Projeto Camelot. São um exemplo ímpar. É denominado de educação. A coisa mais importante que um indivíduo pode fazer é educar a si mesmo (INFORMAR-SE).

Não estou falando apenas sobre as questões políticas, ou questões que têm a ver com os extraterrestres, mas, estou falando sobre uma auto educação de quem você é como pessoa. Se eduque quanto ao modo de viver, de construir uma casa, de plantar alimentos. Ponha as suas mãos na terra novamente, de modo que você se lembre de quem você é, para que você se lembre de onde sua alimentação surge. Isso é educação.

Estou falando sobre educar a si mesmo em todas as áreas que você precisar — espiritualmente, emocionalmente, fisicamente. Olhe como você está vivendo, as escolhas que você faz. Ninguém, incluindo eu, é perfeito. Ninguém é perfeito. O que podemos fazer é, quando somos capazes de fazer, podemos fazer as escolhas certas, de modo que, vagarosamente, possamos criar um mundo que está no caminho certo.

K: Ok. Então, você veio aqui, digo, a terra dos HOPIs e a Sedona e aos Four Corners. E a missão é juntar as pessoas, como eu o entendo.

M:  Sim.

K: E isso não é apenas os povos nativos da américa. Você pode falar um pouco sobre isso?

M: Vou compartilhar com vocês um pouco do que me foi dito a vinte anos. Quando estive a bordo da espaçonave dos extraterrestres, me disseram para encontrar os outros como eu, para juntá-los e trazê-los de volta para as terras seguras; porque viria um tempo, quando todas essas pessoas — significando as pessoas que vi vivendo aqui… Levadas do Terceiro Mundo para o Quarto Mundo, assim como os outros “parecidos comigo” — todos nós deveriamos nos juntar de novo. E, quando isso acontecer, ocorreriam grandes mudanças para melhor, na Terra

redindian-WomanNature

Isso tem ficado cada vez mais claro para mim atualmente… Veja, costumava levar anos para essas coisas acontecerem. E, agora não é mais esse o caso. Isso é um ponto chave, porque as pessoas notaram que o mundo, a vida diária que levam, tudo está mudando — o modo como pensamos, o modo como agimos. Algumas pessoas simplesmente parecem estar flutuando pela vida, outras pessoas apenas estão como loucas e parece que eles não aguentam o próprio eu e o espaço deles.

O que está acontecendo agora é que esses ajuntamentos que me foram dito a 20 anos, estão começando a se formar. E, as pessoas, assim como eu, estão… Há pessoas por toda a Terra que tiveram experiências similares a minha.

Estamos todos esperando pelo momento certo para nos levantarmos em uníssono — em UNIDADE — e nos apresentarmos e falarmos para o mundo.

Porque, quando o mundo perceber que estamos aqui, que somos fortes, que temos estado trabalhando, ao nosso próprio modo, individualmente para o melhor da Terra e para o melhor de nossas sociedades; acredito que eles não terão escolha, se não dizer: Ok, o que precisamos fazer?

Porque não somos malucos. Pessoas como eu estão vivendo vidas normais. E, como declarei no livro, poderíamos ser o seu melhor amigo ou seu vizinho. Poderiamos ser o diretor da escola. Poderiamos ser seu governador, ou qualquer coisa na vida. Você poderia até mesmo estar casado com alguém como eu e você poderia não saber. Porém, quando chegar a hora, todos nós nos levantaremos juntos e sairemos desses armários que temos vivido, para fazer nossa presença conhecida em uma escala global.

Continua…



“NÃO ANDE ATRÁS DE MIM, TALVEZ EU NÃO SAIBA LIDERÁ-LO.
POR FAVOR, NEM ANDE EM MINHA FRENTE, TALVEZ EU NÃO SAIBA SEGUI-LO.
ANDE AO MEU LADO PARA QUE JUNTOS POSSAMOS CRESCER E GALGAR OS DEGRAUS DA ELEVAÇÃO DA CONSCIÊNCIA.”  –   Provérbio Sioux


 
Ver mais informações em: 
  1. http://thoth3126.com.br/profecias-dos-indigenas-hopi/
  2. http://thoth3126.com.br/peles-vermelhas-aviso-de-final/
  3. http://thoth3126.com.br/roswell-o-dia-depois-da-queda-de-um-ufo/
  4. http://thoth3126.com.br/roswell-o-dia-depois-da-qaeda-de-um-ufo-de-final/
  5. http://thoth3126.com.br/roswell-entrevista-com-o-coronel-philip-j-corso/
  6. http://thoth3126.com.br/carta-do-chefe-seattle/
  7. http://thoth3126.com.br/a-lenda-do-bufalo-branco/
  8. http://thoth3126.com.br/nasceu-raro-bezerro-de-bufalo-branco-no-texas/
  9. http://thoth3126.com.br/katchinas-os-amigos-dos-indios-hopi/
  10. http://thoth3126.com.br/indigenas-das-americas-admitem-sua-origem-nao-terrestre/
  11. http://thoth3126.com.br/a-historia-secreta-do-planeta-terra/
  12. http://thoth3126.com.br/um-testemunho-do-povo-pele-vermelha/
  13. http://thoth3126.com.br/os-maias/
  14. http://thoth3126.com.br/grand-canyon-misterios-de-uma-imensa-caverna-revelados/
  15. http://thoth3126.com.br/uma-visao-pessoal/
Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.



Por favor, respeitem todos os créditos


Arquivos em português:

http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Miriam Blue Star



Atualização diária


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Agosto 05, 2015

chamavioleta

Híbridos ETs e humanos viveriam entre nós?

Posted by Thoth3126 on 21/02/2015



Dizem os especialistas que não é de hoje que os alienígenas vêm “transando” com terráqueos e produzindo uma nova geração de seres híbridos que vai dominar o mundo. Por isso, desconfie de festas estranhas com gente esquisita

Que o mundo está cheio de gente estranha, disso a gente está cansado de saber. Gente feia demais, bonita demais. Inteligente demais, inocente demais. Pois é. Mas o que, para a maioria das pessoas, poderiam ser considerados simples traços físicos ou de personalidade, para os conspiracionistas de plantão podem ser pistas que nos levam a seres híbridos…

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

…Em outras palavras, seres resultantes de cruzamentos de ETs com humanos. Segundo explica a ufologia, os híbridos são criaturas que vivem entre nós já faz um tempão. E se você pensou que esses mutantes são verdinhos e chifrudos, esqueça, caro leitor.



Fisicamente, eles seriam iguaizinhos a nós, reles mortais. Só que com poderes especiais, como telepatia e leitura de mentes, por exemplo. Portanto, identificar um híbrido é tarefa para especialistas no assunto.

O escritor inglês David Icke, por exemplo, se diz bom nisso. Ele afirma com todas as letras que os ETs da raça reptiliana – répteis bípedes, com asas nas costas e rabos de lagarto – estão entre nós há mais de 10 000 anos transando adoidado com terráqueas. Seus filhos, netos, bisnetos e por aí vai seriam aqueles que controlam o destino do planeta: bancos, indústrias, mídia e governos.

Quer ver exemplos de reptilianos capazes de mudar de forma? A rainha Elizabeth II, da Inglaterra, e o presidente americano George W. Bush. Alguns seguidores da teoria de Icke garantem que a morte da princesa Diana teria sido um ritual de sacrifício aos lagartões espaciais.

Mas o que os ETs ganhariam enchendo a Terra de filhotes? A principal explicação dos ufólogos é preparar o terreno para a dominação e o controle alienígena total. A tese também é defendida por David M. Jacobs, professor de História na Filadélfia (EUA) e autor do livro A Ameaça – Relatório Secreto: Objetivos e Planos dos Alienígenas.



“O propósito alien é essencialmente gerar híbridos, por meio da mistura dos materiais genéticos deles com os dos humanos. Depois, eles integram estes seres na nossa sociedade até que restem apenas híbridos, sob completo domínio e controle dos próprios aliens”, explica Jacobs.

“Estes híbridos podem apresentar emoções humanas, mas a lealdade deles pertence a seus criadores.” Segundo Jacobs, o cruzamento se dá por inseminação artificial e não por relações sexuais propriamente ditas. Homens ou mulheres escolhidos seriam abduzidos, levados à nave e, lá, teriam seus óvulos ou espermatozoides retirados para inseminação. Normalmente, quem gesta o bebê é uma humana, que dá à luz na nave, onde fica a criança híbrida.



Para Jacobs, o objetivo máximo dos extraterrestres é a integração na sociedade humana. Para chegar lá, existiriam quatro programas fundamentais:
Programa de Abdução, que envolve indivíduos humanos selecionados para serem abduzidos de todas as partes do mundo;
Programa de Procriação, que é o processo em que os aliens coletam óvulos e esperma humanos, alteram geneticamente o embrião fertilizado, incubam os fetos em hospedeiras humanas e fazem com que humanos interajam física e mentalmente com a prole para um apropriado desenvolvimento do híbrido;
Programa de Hibridização, em que os aliens aperfeiçoam os híbridos para torná-los cada vez mais humanos, porém, com poderes extraterrestres;
Programa de Integração, para quando, finalmente, os aliens assumirem o controle da nossa sociedade.

CASO SHANE KURZ – EUA, NEW YORK

Na noite de 2 de maio de 1968, a jovem Shane Kurz, de Westmoreland, Nova York (EUA) teria visto um objeto cilíndrico no céu, caindo em sono profundo meia hora depois. Na manhã seguinte, Shane estava deitada na cama e a porta da frente da casa estava aberta. O chão tinha marcas de pegadas de lama e seus chinelos também estavam sujos. “Dois dias depois”, contou Shane, “percebi duas marcas avermelhadas no meu abdômen e uma linha no meu umbigo”.



Em 1975, sob hipnose, ela se lembrou de alguns fatos. Recordou ter ouvido uma voz e ter visto uma luz no seu quarto. Depois, andou para um local lamacento próximo à sua casa. Lá, um feixe de luz quente a teria levado para o interior de um Ovni. Dentro dele, entrou numa sala parecida com um consultório médico. Um ser de olhos negros e sem nariz teria lhe dito: “Você é especial”, ordenando que ela tirasse a blusa e deitasse numa mesa.

Esse ser, que Shane pensa ser o médico, teria lhe dito que ela era uma boa reprodutora. O tal médico levou a moça até uma outra sala onde uma agulha teria sido inserida no seu umbigo. Um humanóide consumou o ato sexual, dizendo que ela seria a mãe de um filho seu e logo ela não se lembraria de MAIS nada.

SEXO COM ETs NO BRASIL

Um caso narrado para o site Ufogenesis foi o do brasileiro Joselino de Mattos. Na noite de 13 de abril de 1979, ele teria sido levado à bordo de um objeto e ficado numa “sala de hospital”, onde vários seres humanoides teriam recolhido amostras de seu sêmen. Depois, Joselino teria mantido relações com uma mulher, que soltou a seguinte frase após o sexo: “Talvez uma semente sobreviva.”

Outro reprodutor humano e brasileiro foi o agricultor Antonio Villas-Boas, abduzido em outubro de 1957. Ele contou que foi levado para uma nave, onde ETs tiraram sua roupa, passaram óleo em seu corpo e o levaram para um quarto. Alguns minutos depois, uma mulher nua, de cabelos loiros, com olhos finos entrou no quarto.

Sem dizer uma palavra, ela e Villas-Boas teriam mantido relações sexuais – sem se beijar na boca, bem entendido. Após a segunda vez, a mulher teria coletado o sêmen dele, colocando-o num potinho. Ao partir, ela apontou para a sua própria barriga e depois para o céu, como se quisesse dizer que o seu filho nasceria em um outro planeta.



Quando se trata de reprodução sem contato sexual, normalmente, os abduzidos narram a seguinte história: são levados contra a vontade para um cômodo da nave, onde são obrigados a tirar a roupa. Numa outra sala, são submetidos a vários exames por apalpação e instrumentais. Os homens são excitados sexualmente e têm o sêmen retirado na hora da ejaculação; já as mulheres têm um óvulo retirado por um instrumento que atravessa o umbigo. Em certos casos, um feto é implantado. Dias depois, estas mulheres, surpreendentemente constatam que estão grávidas – só que em breve elas são novamente levadas para um Ovni, onde o feto é extraído e criado em condições especiais.

Segundo David Jacobs, os alienígenas vêm advertindo com veemência aos acontecimentos catastróficos que a Terra viverá no dia em que eles forem maioria por aqui. Mas onde será que eles estão? Há quem jure que os híbridos têm inúmeros disfarces. Um dos mais corriqueiros seria o de técnico de computadores. Aqueles gentis rapazes que consertam as máquinas das empresas, sabe? Cuidado com eles, incauto leitor…

Eu acredito!

“Tudo começou quando minha tia me indicou um certo ET para me curar daquilo que chamamos de ‘olho gordo. De costas para a entrada, ele me recebeu como se já soubesse o que eu queria. Pediu para que eu me sentasse numa cadeira, colocou a mão direita em minha cabeça e proferiu algumas palavras. Disse que eu tentasse me livrar de todos os pensamentos. Ao final, escreveu uma frase num guardanapo, me explicou que era um mantra e pediu para que eu dissesse a frase todas as manhãs. Mais de dez anos depois, fui convidado a relatar esta experiência. Um amigo me confirmou a existência de seres não humanos entre nós. Eles se apropriam de corpos para realizar suas missões por aqui.”
Marco Bonito é professor, especialista em comunicação digital e dá aulas de jornalismo on line.


por Mariana Sgarioni – Fonte: http://super.abril.com.br/

Mais informações nos links:

http://thoth3126.com.br/os-zulus-e-os-reptilianos-credo-mutwa/
http://thoth3126.com.br/reptilianos-mais-informacoes/
http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-misterios-e-controle-alienigena/
http://thoth3126.com.br/os-anjos-caidos-the-watchers-os-vigilantes/
http://thoth3126.com.br/federacao-intergalactica-frota-de-ashtar-sheran-iii-final/
http://thoth3126.com.br/category/reptilianos/
http://thoth3126.com.br/aliens-eles-estao-entre-nos/
http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena/
http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-2/
http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-3/
http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-4-sinistro/
http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-5-sinistro/


Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

97Share on Facebook (Opens in new window)97
8Click to share on Twitter (Opens in new window)8
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)



Por favor, respeitem todos os créditos


Arquivos em português:


http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Híbridos



Atualização diária


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Julho 17, 2015

chamavioleta

O Brasil é um país de muita “ENERGIA”, é o campeão em incidência de queda de raios de todo o planeta

Posted by Thoth3126 on 19/01/2015

Cristo Redentor recebe potente descarga de raio

 


O Núcleo de Monitoramento de Descargas Elétricas acompanha tempestades com descargas elétricas e queda de raios em todo o país e emite alertas com meia hora de antecedência.

Essa informação pode evitar mortes e cortes no abastecimento de energia elétrica. Uma equipe de 30 profissionais do Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat) monitora 24 horas por dia as ocorrências no país.

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

O Brasil é campeão em incidência de queda de raios
Autoria Nadia Pontes – © 2015 Deutsche Welle

Fonte: http://dw.de/p/1EK5X

Nos meses do verão, a rotina no Núcleo de Monitoramento de Descargas Elétricas é acelerada – nessa época, a temporada das tempestades de raios preocupa diversos setores produtivos e causa mortes no Brasil.

Uma equipe de 30 profissionais do Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat) monitora 24 horas por dia as ocorrências no país. São eles que emitem os alertas sobre a chegada de uma tempestade e acompanham o paradeiro dos cerca de 50 milhões de raios de caem no Brasil todos os anos.



“Nós fazemos monitoramento em tempo real, com modelos que interpretam os dados captados pelos nossos sensores espalhados pelo país”, detalha Osmar Pinto Junior, coordenador do Elat, que foi criado em 1995 e faz parte do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

A rede operada pelo Elat, a BrasilDAT, tem 70 sensores distribuídos pelo território nacional. “Aqui nós avaliamos as imagens enviadas por esses equipamentos, fazemos os relatórios avisando onde irão cair os raios e passamos aos nosso parceiros”, diz Diovane Rodolfo de Campos, técnico do núcleo, baseado em São José dos Campos, São Paulo.

Os parceiros do Elat são empresas, principalmente dos setores elétrico e da construção civil. Para elas, saber com antecedência por onde a tempestade de raios irá passar tem importância estratégica.

Uma distribuidora de eletricidade, por exemplo, tem a chance de desligar as partes da rede localizadas na região de ocorrência dos raios ou redistribuir a energia por linhas que evitem a área. No caso de uma empreiteira, quando a rota das descargas elétricas coincide com a localização de uma obra, a empresa dispensa os trabalhadores.




Nos meses do verão, a rotina no Núcleo de Monitoramento de Descargas Elétricas é acelerada – nessa época, a temporada das tempestades de raios preocupa diversos setores produtivos e causa mortes no Brasil

Análise de raio em 3D

Até o momento, os pesquisadores só conseguem analisar os raios em duas dimensões, como numa foto. A expectativa é que, em breve, uma ferramenta em três dimensões esteja disponível. Será como reconstruir um raio, colocá-lo dentro de uma caixa transparente e poder girar essa caixa para ver todos os detalhes, ângulos e ramificações, de onde o raio partiu e onde ele caiu.

“Esse software reconstruiria o caminho exato que o raio percorreu”, explica Jeferson Alves, que trabalha no projeto como parte do seu doutorado no Inpe. O matemático utiliza três câmeras de alta velocidade que registram, de diferentes posições, um mesmo raio. Essa área de estudo ainda é nova, explorada por poucos grupos de pesquisa no mundo.

“É um tipo de monitoramento importante para aumentar a proteção. O resultado vai ajudar a entender melhor quais tipos de relevo e construções influenciam a ocorrência dos raios e, assim, será possível se proteger melhor”, comenta.

Raios que matam

Nas duas primeiras semanas de 2015, pelo menos cinco pessoas morreram após serem atingidas por raios. Nos últimos dias de 2014, a morte de quatro membros de uma mesma família, vítimas de um raio no litoral paulista, repercutiu até na imprensa internacional.




Após esta potente descarga, a mão direita da estátua do Cristo Redentor teve que ser consertada pois ficou danificada pela queda do raio.

Estudos do Elat apontam que a ocorrência de raios deve se intensificar nas grandes cidades. Mas a tendência é que as tragédias diminuam. “Entre 2000 e 2010, a média de mortes era de 130 por ano no Brasil. De 2010 até 2014, esse número caiu para 110 [por ano]”, comenta Osmar Pinto Junior. “Acreditamos que as pessoas estão mais cautelosas e procuram se abrigar com segurança em caso de tempestade”, acrescenta.

Além do Elat, outras redes monitoram as descargas elétricas pelo mundo. A World Wide Lightning Location Network (WWLLN) mantém uma rede mundial administrada pela Universidade de Washington, e conta com a colaboração de mais de 50 universidades.

“A maior parte dos raios ocorrem em países tropicais e subtropicais e, em muitos países, os dados sobre as mortes não são precisos”, afirma Robert Holzworth, coordenador da WWLLN. “Nos Estados Unidos, de clima temperado, são de 30 a 50 óbitos por ano”, completou.

Curiosidades sobre o clima ao redor do mundo

Onde chove mais? Qual foi o furacão mais mortal? E qual a localidade mais fria do mundo? Em tempos de mudanças climáticas, elencamos uma pequena seleção de recordes.

– O dia mais quente da história foi 10 de julho de 1913, no Vale da Morte, na Califórnia. Na vila de Furnace Creek, os termômetros chegaram a marcar 56,7 graus.




Death Valley, nos EUA.

– Já a aldeia de Oymyakon, na República da Iacútia, no leste da Sibéria, é o lugar povoado mais frio do mundo. A temperatura mais baixa registrada na aldeia russa foi de -71,2 graus, em 1926. Na estação de Wostok, na Antártica, a temperatura chegou a -89,2 graus em 1983.

– A cidade de Yuma, no Arizona, é o local mais ensolarado da Terra. Lá o sol brilha quase todos os dias: uma média de 313 dias por ano. Por outro lado, o Polo Sul é o lugar com a menor quantidade de sol. A noite polar na região dura quase seis meses.

– A chuva de granizo mais mortal da história aconteceu em 1986, matando 92 pessoas na cidade de Gopalganj, em Bangladesh. Algumas das pedras de gelo que caíram naquele trágico dia pesavam cerca de um quilo.

– Cherrapunjee, na Índia, detém o recorde mundial de maior precipitação em 48 horas. Entre 15 e 16 de junho de 1995, a cidade registrou 2.493 milímetros de chuva. O lugar mais chuvoso do mundo é a ilha havaiana de Kauai, onde chega a chover até 350 dias por ano.

– No outro extremo, os moradores de Arica, no Chile, sofreram, entre 1903 e 1918, o maior período de seca de que se tem notícia. No total foram 173 meses sem uma gota de chuva.

– O furacão mais mortal da história atingiu Mianmar em maio de 2008. O furacão Nargis tirou a vida de 138 mil pessoas. Não tão devastador, mas mais poderoso, foi o tufão Haiyan, que atingiu as Filipinas em novembro de 2013, com ventos de até 310 quilômetros por hora.




O super tufão Haiyan, que atingiu as Filipinas em novembro de 2013

– Neve no Cairo? Parece estranho, mas nevou na capital egípcia em dezembro de 2013 pela primeira vez em 112 anos. No mesmo ano, a capital russa registrou outro recorde. A neve que cobriu Moscou chegou a 65 centímetros de altura.

– O Lago de Maracaibo, na Venezuela, é o lugar com o maior número de relâmpagos. Lá, no ponto onde o rio Catatumbo deságua no lago, relampeja entre 18 e 60 vezes por minuto e até 3.600 por hora. Isso acontece de 140 a 160 noites por ano.

– A Alemanha detém o recorde de maior número de dias com névoa. Em 1958, o topo da montanha Brocken, no estado da Saxônia-Anhalt, registrou 330 dias de neblina ao longo do ano.

http://dw.de/p/1CddS

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e a citação das fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

5Share on Facebook (Opens in new window)5
1Click to share on Twitter (Opens in new window)1
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)



Março 25, 2015

chamavioleta

Brasil, Monte Roraima 

 Uma escalada ao mundo perdido

Posted by Thoth3126 on 25/03/2015



Monte Roraima – Uma escalada ao mundo perdido


Idílico, lendário, amaldiçoado, inatingível, misterioso. Poucos locais congregam tamanha aura de fábula e mistério quanto o Monte Roraima, de 2.739 metros. Encravado no extremo norte do Brasil, na fronteira com a Guiana e a Venezuela, o Monte Roraima é uma gigantesca chapada com paredões íngremes de arenito rajado de mais de 500 metros de altura. O Roraima irrompe abrupto da Floresta Amazônica como as falésias de uma ilha num oceano verde. Quase sempre oculto pela neblina, o topo é açoitado por vendavais. . .

Por Thoth3126@gmail.com

. . . O primeiro europeu a avistar o Roraima foi o poeta e explorador inglês sir Walter Raleigh (1552-1618). Em “A descoberta da Guiana” (1596), o relato de sua busca do Eldorado, a lendária cidade de ouro perdida na selva, Raleigh fala de

“uma “montanha de cristal”. Lá em cima, havia uma cachoeira. Penso não existir no mundo catarata tão estranha nem tão maravilhosa ao olhar. Nenhum homem ascendeu ao topo da montanha. O caminho era intransponível”. 


Localização do Monte Roraima, na tríplice fronteira, entre Brasil, Venezuela e Guiana.

Intransponível é um certo exagero. Quase 300 anos depois, em 1886, o botânico inglês sir Everard im Thurn descobriu um caminho para subir ao topo, pela Venezuela. O primeiro brasileiro a chegar lá em cima foi o marechal Cândido Rondon. Em 1927, ele fincou ali a pedra que demarca a tríplice fronteira entre Brasil, Guiana e Venezuela. Mas a imponência da montanha permaneceu um desafio para os escaladores por mais um século. Só nos anos 1970 uma equipe inglesa conseguiu chegar ao topo pela parede.

O feito foi repetido apenas duas vezes, por equipes americanas. Um grupo brasileiro também chegou ao topo, em 1991, mas pelo lado nacional, onde a parede é bem mais baixa. Em janeiro, pela primeira vez um trio de escaladores brasileiros conquistou a face mais desafiadora do Roraima.


Monte Roraima UM LOCAL SAGRADO E CHEIO DE MISTÉRIOS NO NORTE DO BRASIL

Há séculos a montanha fascina exploradores. Ela inspirou sir Arthur Conan Doyle, o criador de Sherlock Holmes, na ambientação de O mundo perdido (1912), romance sobre uma expedição a um platô esquecido na Amazônia, infestado por dinossauros. Para os índios pemons da Venezuela, o monte é Roraimu, o “gigante azul” (de rora, azul, e imü, grande), o lar de Makunaíma, o deus da tempestade.

Em 2007, o fascínio do Roraima levou os desenhistas do estúdio de animação Pixar a viajar pelo topo (em helicópteros) para estudar sua vegetação e relevo. O Roraima foi o modelo do Paraíso das Cachoeiras de Up – Altas aventuras (2009), o cenário inóspito que o rabugento Carl e sua amada, Ellie, sonhavam explorar desde a infância. “O Roraima é a parede mais exótica do Brasil. A montanha é mágica”, diz o paulista Eliseu Frechou, de 41 anos, 26 deles dedicados à escalada em rocha.


Frechou e seus amigos, o fotógrafo Marcio Bruno de Almeida, de 35 anos, e o empresário Fernando Leal, de 50, embarcaram em 9 de janeiro num helicóptero Long Ranger na cidadezinha venezuelana de Santa Elena de Uairén. Após uma hora de voo e 130 quilômetros de floresta, já no território da ex-Guiana Inglesa, o helicóptero atingiu a base do maciço rochoso.

O piloto venezuelano, Rafael, flanqueou a falésia à procura de uma clareira. Não havia. Avistou uma brecha na mata e gritou: “É aqui. Pulem que daqui eu não passo”. Os brasileiros jogaram 170 quilos de equipamento – e saltaram. “A gente resolve a vida assim, em 30 segundos. O caminho é sem volta”, diz Frechou.

Em 2008, a equipe havia decolado num helicóptero de Boa Vista, em Roraima, mas não conseguiu pousar. “O piloto deu para trás”, diz Frechou. “A montanha é assustadora. Está sempre coberta de nuvens. Estamos na linha do Equador, tudo a nossa volta é tropical, mas o Roraima está sempre frio e com chuva. Rafael é o cara.” A decisão de voar até a montanha pela Venezuela e escalar pelo lado da Guiana foi estratégica. “A parte brasileira do monte fica num parque nacional, e para chegar nele é preciso passar pela reserva indígena Raposa-Serra do Sol. É preciso pedir permissão à burocracia do governo”, diz Frechou. “Na Guiana não há nada disso. E as paredes são maiores.”


ALTAS AVENTURAS Com a vida dependendo das cordas que o sustentam, o montanhista Eliseu Frechou lidera a subida do Monte Roraima

O trio viveu 12 dias enganchado na parede do Roraima até atingir o topo, em 22 de janeiro. Foram 650 metros de ascensão, sendo 500 metros de rocha vertical. “Eu já escalei no frio e no deserto, mas nunca tinha escalado num lugar tão inóspito e selvagem.” A afirmação não é trivial. Instrutor de escalada, Frechou mora em São Bento do Sapucaí, São Paulo, com a mulher e os três filhos moleques.

De sua janela se vê a Pedra do Baú, uma das paredes mais difíceis do país, onde treina desde adolescente. Seu currículo inclui os mais perigosos desafios geológicos verticais do planeta. Em 1994, enfrentou em nove dias os 850 metros do El Capitan, no Parque Yosemite, na Califórnia.

Em 1996, foi ao Mali para subir em seis dias – a temperaturas de até 53 graus célsius – os 550 metros do Kaga-Tondo, no Deserto do Saara. Frechou subiu dezenas de paredes no mundo. Faltava o Monte Roraima. Para chegar à base da parede, os brasileiros cruzaram 1 quilômetro de pântano com lama pelas canelas.

Aproveitaram a luz da tarde para estudar a parede e, traçando rotas imaginárias no penhasco, escolher a que parecia ser a melhor – ou a única viável. Em 10 de janeiro, o primeiro dia da escalada, acordaram às 4h30, tomaram café, comeram frutas secas e cereais. Às 6 horas estavam na parede. Márcio Bruno liderava. “O começo me aterrorizou um pouco”, diz. “Tinha muita rocha podre.


Passei a corda numa pedra maior que uma bola de basquete. Ela se mexeu. Devia pesar uns 40 quilos. Se tivesse rolado, nos arrastaria parede abaixo.” Frestas e brechas com pedra solta, terra e sujeira – além de escorpiões-negros que infestam toda a parede – eram uma constante.

Apesar da instabilidade da rocha, no fim do dia eles venceram os primeiros 120 metros. Dormiram num platô. No dia 11, a parede deixou de ser vertical para ganhar inclinação negativa. Os homens, agarrados à rocha, viraram lagartixas. Nos três dias seguintes, eles avançaram 200 metros. Paravam quando achavam um platô com espaço para amarrar os equipamentos e a si próprios nos sacos de dormir. Dormiam enganchados à beira do abismo.

“Na tarde do quinto dia, o tempo ficou ruim. Começou a chover”, diz Frechou. No sexto dia, eles chegaram a um platô de 4 metros quadrados. E ficaram. “Foram quatro dias amarrados na parede, dormindo um por cima do outro, sem poder se esticar. Prendemos uma lona para nos proteger do vento, mas não havia jeito. A chuva era torrencial. A água escorria pela parede. Ficamos encharcados.” A única boa lembrança daqueles dias foi a comida liofilizada.



CASAS NA PEDRA – A equipe dorme em barracas presas na rocha do monte que inspirou o Paraíso das Cachoeiras, de Up – Altas aventuras.

Eles ferviam água da chuva e enchiam saquinhos para reidratar o alimento. “Tinha peito de peru, mousse de chocolate e açaí. Era bom para caramba!”, diz Frechou. O tempo era gasto em conversas ao som de iPods com Neil Young, Nathalie Merchant, música eletrônica e trance progressivo. “Irado!”

No oitavo dia a chuva parou. “O plástico salvou nossa vida. Passamos mal, mas não adoecemos”, diz Bruno. Com o céu azul, retomaram a subida. Mas, com a rocha ainda úmida, o avanço foi pequeno. A arrancada ao cume começou no dia 19. Os últimos 200 metros de parede foram vencidos em 72 horas.

Às 12h45 de 22 de janeiro, Frechou atingiu o topo. A sua frente, e vários quilômetros além, estendia-se o cimo da chapada. Lá em cima não há árvores, só arbustos, rocha e poças d’água. “Vimos pássaros, um gambá e montes de caranguejeiras do tamanho de laranjas”, diz Frechou. 



O Roraima com os flancos cobertos por neblina, com seus quase 2.800 metros de altitude, sua formação geológica é considerada uma das formações geológicas mais antigas de todo o planeta. Image by © Martin Harvey/Corbis

“As aranhas eram atraídas pelo calor de nossos corpos e pelo sal do suor. Entravam nas roupas, nas botas e meias. Mas não fomos picados.” Para chamar o helicóptero, dispararam o spot, aparelho que enviou um sinal por satélite a Rafael.

Ele decolou ao raiar do dia. Às 7 da manhã, o helicóptero recolheu os brasileiros. Eles estavam magros, com as mãos esfoladas, mas vivos. E sem fraturas. “Agora, meu sonho é Madagascar”, diz Frechou. “Em 2011, quero subir os 800 metros do Tsaranoro.”


Mais informações em:
  1. http://thoth3126.com.br/brasil-e-o-mapa-de-piri-reis/
  2. http://thoth3126.com.br/terra-de-ofir-o-rei-salomao-no-brasil/
  3. http://thoth3126.com.br/pedra-da-gavea-uma-esfinge-no-brasil/
  4. http://thoth3126.com.br/brasil-o-territorio-sagrado-para-a-deusa-e-seus-filhos/
  5. http://thoth3126.com.br/brasil-portugal-e-os-cavaleiros-templarios/
  6. http://thoth3126.com.br/brasil-512-anos-de-misterios/
  7. http://thoth3126.com.br/pedra-do-inga-evidencias-ufologicas-na-antiga-pre-historia-do-brasil/
  8. http://thoth3126.com.br/o-reino-de-ofir-eo-brasil/
  9. http://thoth3126.com.br/os-reinos-perdidos-z-sitchin/
  10. http://thoth3126.com.br/brasil-o-gigante-desperta/


Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:

http://rayviolet.blogspot2.com/search?q=Roraima  


Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Março 14, 2015

chamavioleta

A Revolução Pacífica e sua inevitabilidade …

Posted by Thoth3126 on 14/03/2015

revolução-pacifica

A Inevitabilidade da Revolução Pacífica acontecer



Os tambores da vitória, da ordem do “Bolero” de Maurice Ravel, estão agora começando a aumentar. Em todos os lugares no nosso planeta, estamos agora vendo o despertar da humanidade se acelerando.

Estamos vendo protestos maciços contra a corrupção e protestos para a propagação da paz. Estamos vendo a tirania, o encobrimento e os ataques de falsa bandeira sendo expostos (como o ataque a revista Charlie Hebdo em Paris).


Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com


Com a contribuição de Josué {“General”} AB


A Revolução Pacífica e a inevitabilidade das MUDANÇAS …


©Lance Schuttler, Contributor, Waking Times


Fonte: http://www.wakingtimes.com/


E mais importante, estamos vendo movimentos convergentes que oferecem soluções para esses problemas que o mundo enfrenta.


Desde os protestos do Ocupar Wall Street no final de 2011, o mundo viu aumentar continuamente os gritos por justiça, paz e igualdade. Vimos os protestos sobre os alimentos transgênicos continuarem contra a Monsanto ao longo dos últimos anos, bem como protestos do grupo de hackers Anonymous por justiça, transparência e paz. Em 2012 ele foi sincronizado com os protestos anti-austeridade em toda a Europa. Em JUNHO de 2013, foi na forma de milhões de cidadãos comuns tomando as ruas do Brasil.





Occupy Wall Street


Também em 2013, vimos mais de oito milhões inundando as ruas do Cairo no Egito, quando os militares apoiaram o direito inato do povo a liberdade através da remoção do regime corrupto. Em 2014, na Catalunha, Espanha, vimos a maior manifestação pacífica da Europa quando mais de dois milhões de catalães saíram às ruas pela sua independência da Espanha.


O ano de 2014 também viu a maior marcha do mundo em matéria de alterações climáticas, bem como a maior greve na história do Wal-Mart na Black Friday (liquidação especial numa quinta feira). No início de 2015, vimos mais de três milhões na passeata pela paz em Paris depois de um alegado ataque terrorista (TÍPICO FALSA BANDEIRA) à revista Charlie Hebdo.


Embora a grande mídia tente desesperadamente continuar a manter a fachada de que está tudo bem entre o status quo e a elite bancária, na realidade o ovo da ilusão foi aberto e espalhou por toda a parte as sementes da verdade, da liberdade, da igualdade e da paz. O que nós estamos vivendo e testemunhando agora é o surgimento de uma nova civilização na Terra.





Manifestantes invadem o teto do Congresso Nacional, uma das cenas mais emblemáticas do dia 17 de junho (fonte: UOL)

As pessoas estão repensando e questionando a forma como as coisas são feitas. Estamos vendo corações e mentes mudando a forma programada de pensar e de agir devido à propaganda elitista através de uma mídia manipuladora, seguindo para a auto-direção, a liberdade e a abundância. Todas as pessoas no planeta estão indo para o interior do seu coração e estão quebrando as correntes, se libertando das amarras e nós estamos vendo isto tendo impactos diretos e positivos em nosso mundo exterior.

Esta unidade interna onde cada um de nós se sente e é livre em todos os sentidos, está fazendo o passado de um mundo controlado, condicionado e manipulado ser transcendido e está criando uma convergência de corações, mentes, projetos, ideias e visões se manifestando agora para o bem maior de todos os seres humanos. Felizmente, não estamos sozinhos neste esforço de criação de liberdade interior e exterior.
Algo grande e positivo está acontecendo.


Nos últimos três anos aqui na Terra tem sido registrado um incremento da atividade solar, com um aumento do número de ejeções de massa coronal (EMC) sendo recebido pelo campo magnético do nosso planeta. EMC são explosões da corona solar, quando acontece a liberação de imensas quantidades de energia na forma de plasma carregado de elétrons e prótons, de acordo com a NASA.





Uma das maiores CME-Ejeção de Massa Coronal do Sol.


Esta ejeção de massa coronal auto-organizada e coerente do sol que emite plasma para o espaço geralmente leva entre 3 a 4 dias para chegar a magnetosfera da Terra, que se for potente o suficiente, pode causar distúrbios em sinais de rádio e sistemas de navegação. Curiosamente, essas EMC também afetam os seres humanos até o nível do nosso DNA.


Em 1984-1985, o Dr. Peter Gariaev e sua equipe de linguistas russos estavam estudando o DNA e as formas de luz, som e frequências que interagiam com o DNA. Sua pesquisa levou a muitas e inovadoras descobertas que mudaram certos paradigmas, com uma delas mostrando que o DNA é capaz de absorver e emitir luz (fótons), ao longo da espiral de dupla hélice em forma geométrica sagrada.


Eles descobriram que o DNA tem propriedades de um campo escalar/torção, que é “um vórtice auto-sustentável no éter/tempo-espaço sendo intrinsecamente não eletromagnético. Ao espiralar um vórtice pode excitar fótons ou [puxar] fótons virtuais para fora do tecido do espaço/éter e criar campos estáticos de torção/escalares aproveitando e armazenando luz dentro deles”.





Dupla hélice da cadeia do DNA humano


Literalmente, o DNA humano cria buracos de minhoca magnetizados no tecido do espaço-tempo”. O DNA atua como uma “conexão subliminar entre áreas totalmente diferentes do Universo através do qual a informação pode ser transmitida fora do espaço e do tempo”. O DNA atrai estes pedaços de informações e os repassa para a nossa consciência.


“Eles descobriram que, com a presença de luz (fótons) ativando o DNA a evolução pode ocorrer”. Novos neuro-caminhos podem ser criados. Os nossos padrões de pensamentos podem ser reformulados para formas que melhor nos sirvam. Nós podemos mudar a forma como lidamos com uma situação (isso se chama EVOLUÇÃO). Nós podemos mudar o que somos.


Com a presença de fótons de Luz sempre presente no meio de nós através do Sol, o nosso DNA está constantemente puxando esta luz e continuando a mudar e evoluir. Podemos pensar em uma explosão solar como um impulso de luz do Sol. Esta luz extra equivale a uma atualização maior na evolução do nosso DNA e, assim, de quem somos.





Na verdade, a teoria do universo holofractográfico do físico pioneiro Nassim Haramein diz que a “estrutura e dinâmicas do espaço-tempo fundamentais são as do buraco negro”. Neste ponto de vista, qualquer alteração em uma parte, de fato, muda o todo. Isto é verdade para qualquer holograma.


Cada parte contém o todo (Fractal), e quando algo muda em uma parte do objeto, todo o objeto em seguida, muda também. Assim, vemos que cada vez que alguém em nosso mundo pensa, diz ou faz algo para melhorar a si mesmo em uma situação ou outra, a totalidade da humanidade é beneficiada.


Nós nos atualizamos. Nós mudamos. Nós evoluímos. Vemos também que, com a ajuda de novas explosões solares emitidas pelo nosso Sol, o nosso DNA e nossa consciência continua a mudar para oitavas superiores. E como o nosso DNA continua a mudar, toda a raça humana é impactada e beneficiada. Em outras palavras, a plataforma é empilhada em favor da humanidade para continuar crescendo e mudando de forma a servir o todo.


Uma consequência disto tudo é acontecer uma revolução pacífica contra os sistemas que aprisionam, corrompem e reprimem e já não servem a humanidade ser inevitável.
Reflexão em nosso mundo exterior.


“Onde estão estas coisas sendo refletidas em nosso mundo exterior ?”, alguns podem perguntar. Existem aqueles que “sabem” falar desta revolução ? A resposta é um sim inabalável. Uma figura notável é Benjamin Fulford. Benjamin é o ex-chefe do escritório da Ásia-Pacífico para a Forbes Magazine e tem mais de 20 anos de experiência como um escritor profissional e jornalista, além de vários outros prêmios.





Ele renunciou ao cargo em 2005, porque estava revoltado com a “censura corporativa” e tem nos últimos anos escrito um artigo geopolítico semanal, que expõe a corrupção entre os vários representantes do governo e dos bancos, e o mais importante, vem discutindo o evolução positiva da aliança BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), que já aumentou para mais de 190 países com organizações governamentais, bancos e influência militar.


Em 18 julho de 2014, no mesmo dia em que o Acordo de Contingencia de Reserva e o Banco de Desenvolvimento do BRICS foram anunciados e implementados, o chanceler russo, Sergei Lavrov, disse que o BRICS é uma aliança que vai “reformular o sistema financeiro internacional”.


Muitos economistas acreditam que esta aliança, por causa da grande quantidade de ouro e prata que vários destes países têm importado, está planejando redefinir o sistema financeiro global, que será baseado em ouro, prata, outros metais preciosos e recursos naturais. (Algo que John F. Kennedy esteve muito perto de iniciar com o presidente Sukarno da Indonésia, através das contas de garantia globais).





Acredita-se que com o tempo, esta redefinição permitirá que todo o sistema socioeconômico do planeta mude para uma economia baseada em recursos, um termo cunhado pelo engenheiro social Jacque Fresco do Projeto Vênus. Neste sistema revolucionário, mas muito prático, todas as tecnologias serão implementadas ajudando a melhorar a qualidade de vida da população em nosso planeta, permitindo que as necessidades de alimentos, abrigo, roupas e atividades sociais sejam cumpridas. Isso também irá mudar nosso planeta para além do petróleo e de outras práticas da energias destrutivas, ajudando a transformar a saúde da nossa Mãe Terra.
Criando o mundo que queremos


Como o autor famoso, palestrante e físico Gregg Braden disse: “Nossas crenças têm o poder de mudar o fluxo de eventos no Universo, literalmente interromper e redirecionar tempo, matéria e espaço, e, em seguida, eventos que ocorrem dentro deles”. Nós temos o poder de mudar o planeta e estamos recebendo ajuda de muitas fontes conhecidas e pacificas.


A mudança pode começar com um pensamento. Ela pode (deve) seguir com uma ação. Inspire alguém. Coma mais frutas e vegetais orgânicos e menos carne e produtos lácteos. Aproveite o sol, tanto quanto possível nos horários adequados. Inicie um movimento pacifico.





Transforme pensamentos negativos em positivos. Use palavras com cuidado e usadas especificamente. Plante um jardim. Ame e cuide dos animais. Participe de meditações globais sincronizadas para a paz todos os sábados às 09:00 no horário de Brasília ou todos os domingos às 14:00 horário de Brasília.


Acima de tudo, sonhe grande e continue a ser você em um processo de evolução constante. Continue visualizando e sentindo as mudanças que você quer em sua vida pessoal, bem como para o nosso planeta.
Cada um de nós tem um papel vital a desempenhar na criação de um mundo melhor. A única coisa que é certa e INEVITÁVEL é a mudança. Com esta visão de mundo e da verdade universal em mente, a revolução pacífica é realmente inevitável. 
Para saber muito mais:
  1. http://thoth3126.com.br/os-tentaculos-dos-rothschild/
  2. http://thoth3126.com.br/dinastia-rothschild-a-descida-para-a-escravidao/
  3. http://thoth3126.com.br/quero-toda-a-terra-e-mais-5/
  4. http://thoth3126.com.br/historia-dos-illuminati-e-da-nova-ordem-mundial-nwo/
  5. http://thoth3126.com.br/historia-dos-illuminati-e-da-nova-ordem-mundial-nwo-parte-ii/ 
  6. http://thoth3126.com.br/historia-dos-illuminati-e-da-nova-ordem-mundial-nwo-parte-iii/
  7. http://thoth3126.com.br/historia-dos-illuminati-e-da-nova-ordem-mundial-nwo-parte-iv-final/
  8. http://thoth3126.com.br/os-anjos-caidos-the-watchers-os-vigilantes/
  9. http://thoth3126.com.br/os-tentaculos-dos-rothschild/
  10. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-explosivo/
  11. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-2a-explosivo/
  12. http://thoth3126.com.br/eua-x-israel-netanyahu-acusado-de-minar-as-relacoes-entre-os-paises/
  13. http://thoth3126.com.br/charlie-hebdo-je-ne-suis-pas/
  14. http://thoth3126.com.br/a-conexao-rothschild-charlie-hebdo/


Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.


www.thoth3126.com.br

RL: http://wp.me/p2Fgqo-8io

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Lance Schuttler

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Março 04, 2015

chamavioleta

Igreja Universal 

(de Edir Macedo) 

cria exército de jovens gladiadores

Posted by Thoth3126 on 04/03/2015

Templo-Salomao-IURD

Em culto da Igreja Universal, de Edir Macedo, jovens “gladiadores” se dizem “prontos para a batalha


Deputado Jean Wyllys diz que “milícia” foi formada pelo “fundamentalismo religioso”. Igreja reage e diz que programa tem caráter religioso e assistencial. Mas vestindo uniformes pretos e verdes, jovens entram marchando em uma sala cheia de espectadores. Formam uma fileira, batem continência, gritam palavras de ordem ditadas por um líder e se dizem “prontos para a batalha”. A cena, que pode até lembrar a apresentação de um exército, acontece durante cultos da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd de Edir Macedo).

Edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com

Jovens da Igreja Universal marcham e se dizem ‘prontos para a batalha’ em culto. Chamado de “Gladiadores do Altar”, projeto tem o objetivo de formar novos pastores e causa polêmica na internet

Dia 03/03/2015 | 13h38


Um vídeo publicado pela Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) do Ceará na internet mostra jovens marchando, batendo continência e gritando que estão “prontos para a batalha” durante um culto realizado em Fortaleza.

gladiadores-IURD
Foto dos chamados Gladiadores do Altar, postada no Facebook pela Igreja Universal do Ceará 

Os jovens fazem parte de um programa da igreja chamado Gladiadores do Altar, voltado à preparação de rapazes de “diversas idades para servir a Deus no Altar”, segundo informa o site da Iurd. O programa, que é ligado à Força Jovem Universal, foi lançado no ano passado.

“O projeto realiza reuniões semanais com os rapazes que estão dispostos a abrir mão de suas vidas para que outras pessoas sejam ajudadas, cumprindo assim o que Jesus disse: ‘Ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda criatura'”, diz o site da Universal.

A igreja publicou o vídeo no Facebook no dia 15 de fevereiro e, até a noite desta segunda-feira, tinha mais de 921 mil visualizações. Na gravação, dezenas de rapazes surgem marchando até o pé do altar, onde fazem uma espécie de juramento, no qual afirmam que “estão prontos para a batalha”. O vídeo foi retirado do ar na manhã desta terça-feira a pedido da Universal, por desrespeito ao direito autoral, mas continua disponível no Facebook, na página Igreja Universal – Ceará

Há, contudo, outros vídeos que mostram as imagens dos Gladiadores do Altar pelo Brasil e estavam no ar no começo da tarde de terça-feira. 


“Graças ao Senhor hoje estamos aqui prontos para a batalha, e decididos a te servir. Somos gladiadores do seu altar. Isso é uma decisão. Todos os dias enfrentamos o inferno confiantes em sua santa proteção”, gritam os jovens. Ao fim do discurso, perguntados pelo condutor do juramento “o que os gladiadores querem?”, eles respondem em coro: “O altar, o altar, o altar”.

O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) postou uma foto dos Gladiadores do Altar em seu perfil do Instagram, com um texto no qual se diz chocado com a “milícia” que, segundo ele, vem sendo formada pelo “fundamentalismo religioso do país”.

gladiadores-do-altar-exercito-IURD
A publicação de dezenas de vídeos de apresentações feitas por grupos de “Gladiadores” tem provocado polêmica na internet.  


A reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, que divulgou a história, entrou em contato na segunda-feira, com a Igreja Universal do Reino de Deus, mas não foi atendida pela assessoria. Na manhã desta terça-feira, o site da organização religiosa publicou uma nota rebatendo as críticas. O texto insiste que o projeto oferece apenas “disciplina espiritual”. 

Também diz que os membros dos Gladiadores do Altar integram o programa Força Jovem Universal, que desenvolve atividades de solidariedade, como doação de sangue e mobilização em situações de emergência.

“Buscar uma motivação violenta ou condenável em jovens uniformizados que marcham e cantam unidos em igrejas é tão absurdo quanto enxergar orientação fascista em instituições como o “Exército da Salvação” e o Movimento Escoteiro, ambas organizações mundiais com base cristã e que, como a Universal, também utilizam a analogia militar de forma positiva e pacífica”, diz o texto.

contagem-regressiva


“Acautelai-vos primeiramente do fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. Mas nada há encoberto que não haja de ser descoberto; nem oculto, que não haja de ser sabido. Porquanto tudo o que em trevas dissestes, à luz será ouvido; e o que falastes ao ouvido no gabinete, sobre os telhados será apregoado”.   Lucas 12:1-3


Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.



Por favor, respeitem todos os créditos


Arquivos em português:


http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=iurd



Atualização diária


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Março 01, 2015

chamavioleta

Ameaça ao WhatsApp impulsiona a versão brasileira “ZapZap”

Posted by Thoth3126 on 01/03/2015

whatsapp

Ameaça de bloqueio do WhatsApp impulsiona a versão brasileira “ZapZap”


Beneficiado após justiça pedir bloqueio do WhatsApp em todo o país, versão tupiniquim do app tem mais de meio milhão de novos downloads. 

Quando o analistas de sistemas Erick Costa acordou na manhã desta sexta-feira, em Belém do Pará, 50 mil novos usuários haviam baixado seu aplicativo de mensagens instantâneas ‘Zapzap’. Um recorde.

Edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com

Downloads do ‘Zapzap’ disparam após polêmica do ‘WhatsApp’


Dia 27 fevereiro 2015

Fonte: http://www.bbc.co.uk/

Beneficiado pela crise instaurada após a justiça do Piauí pedir o bloqueio do WhatsApp em todo o país, o dono da versão tupiniquim do app – chamada Zapzap – comemora um salto estatístico inédito: mais de meio milhão de novos downloads desde a última quarta-feira.

A ironia é que “Zapzap” é o apelido informal pelo qual milhares de brasileiros conhecem o original WhatsApp. Costa, que transformou o apelido em marca registrada em maio do ano passado, diz só ter “aproveitado a oportunidade”.

zapzap-whatsapp
Zapzap” também é o apelido informal pelo qual milhares de brasileiros conhecem o original WhatsApp – criador do app brasileiro transformou o apelido em marca registrada “aproveitando a oportunidade”

“Já que íamos criar um mensageiro 100% brasileiro, decidi escolher o nome mais brasileiro possível”, disse ao #SalaSocial. “Zapzap é um nome que todo mundo ia aceitar. Poderia ter escolhido outro qualquer, mais não ia ter essa penetração.”

Retorno


Apesar do trocadilho, ele diz nunca ter sido procurado pelos donos do WhatsApp – cuja crise se tornou sinônimo de rentabilidade para a concorrência.

“Para a gente o retorno foi fantástico. O brasileiro que não queria ficar fora do WhatsApp partiu para a nossa ferramenta. Foi uma opção natural”, diz Costa.

Nem tão natural assim. Com medo do fim do WhatsApp, usuários brasileiros criaram correntes dentro do próprio aplicativo incentivando a migração para o Zapzap. “Não tivemos nada a ver com isso”, ressalta Costa. “Não mandamos nenhum tipo de propaganda.”

A polêmica começou após a justiça do Piauí alegar que os donos do WhatsApp, nos Estados Unidos, não estariam colaborando com investigações sobre pedofilia no Brasil por meio do app.

À BBC Brasil, o delegado Alessandro Barreto, do núcleo de inteligência da policia civil do Piauí, disse que “o WhastApp é usado no Brasil para crimes como pedofilia, assaltos e tráfico de drogas”. Segundo ele, o aplicativo serviria como “facilitador” para crimes.

corrente_zapzap
Usuários do Whastapp teriam criado correntes dentro do próprio aplicativo incentivando a migração para o Zapzap.



Após pedir, sem sucesso, que o aplicativo compartilhasse o teor das mensagens trocadas pelos suspeitos de envolvimento com pedofilia em Teresina, a justiça ordenou às operadoras de telefonia que bloqueassem o aplicativo em todo o país por não colaborar com as investigações.

O último capítulo da novela surgiu na tarde desta quinta (26 de fevereiro), quando um desembargador do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) pediu que a decisão de bloqueio nacional do app fosse sustada, alegando que a investigação é local e não nacional. Costa, do Zapzap, se esquiva da polêmica.

“Acho que qualquer aplicativo está sujeito a isso. Ferramentas podem ser usadas para o bem e para o mal. O WhastApp é grande, bilionário, por isso virou alvo”, diz, sem revelar o faturamento de sua empresa.

Viber X Telegram

Outros apps estrangeiros de mensagens também comemoram a possível suspensão do WhatsApp – atualmente, o aplicativo de bate-papo mais popular do Brasil e do mundo.

Segundo app de mensagens mais popular do planeta, o Viber diz ter ganhado 3,5 milhões de novos usuários no Brasil até a última quinta-feira. Para tanto, vêm usando uma campanha agressiva pelas redes sociais.

zapzap-whatsapp.01

“WhatsApp pode ser bloqueado e Telegram cheio de problemas de segurança. Baixe o Viber e continue trocando msgs!”,

diz o tweet compartilhado quase três mil vezes em 24 horas. O rival Telegram não deixou por menos.

“@ViberBR Tenha mais cuidado ao twittar. Não é bom espalhar falsos boatos para obter usuários. Tente ter grandes recursos em vez disso. ;)”, tuitou, compartilhado mais de 2,7 mil vezes.

Também pelo Twitter, o Telegram disse ter registrado 2,5 milhões de novos usuários brasileiros desde quarta.

Mais informações em:

http://thoth3126.com.br/facebook-uma-conspiracao-da-cia/
http://thoth3126.com.br/espionagem-da-nsa-em-paises-da-al-acaba-com-influencia-dos-eua-na-regiao/
http://thoth3126.com.br/windows-8-e-um-chip-em-seu-computador-para-a-espionagem-da-nsa/
http://thoth3126.com.br/microsoft-e-cumplice-da-espionagem-da-nsa/
http://thoth3126.com.br/eua-e-a-espionagem-da-nsa-snowden-pede-asilo-a-russia/
http://thoth3126.com.br/espionagem-n-s-a-invadiu-100-mil-computadores/
http://thoth3126.com.br/nsa-busca-construir-computador-quantico-para-espionar-melhor/
http://thoth3126.com.br/espionagem-global-por-edward-snowden/
http://thoth3126.com.br/eua-e-a-espionagem-na-internet-programa-xkeyscore/
http://thoth3126.com.br/os-eua-espionaram-milhoes-de-e-mails-e-ligacoes-de-brasileiros/
http://thoth3126.com.br/facebook-volta-a-ser-criticado-por-violacao-de-privacidade/
http://thoth3126.com.br/google-facebook-yahoo-e-microsoft-e-sua-colaboracao-com-a-nsa/

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br
Posted under 

URL: http://wp.me/p2Fgqo-8em


Por favor, respeitem todos os créditos


Arquivos em português:


http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Ricardo Senra



Atualização diária


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub