Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Abril 26, 2023

chamavioleta

Por que o Deep State teme as revelações sobre Antigas Arcas Espaciais, Naves-Mães e Orbes

Michael Salla

Posto por Thoth3126 a 24/04/2023

 

 

A partir do ano de 2021, surgiram os primeiros relatos de Antigas Arcas Espaciais sendo ativadas com a chegada de frotas de Naves-Mães de diferentes civilizações extraterrestres (da Federação Galáctica) em nosso sistema solar. Várias fontes afirmam que essas grandes naves-mãe estão historicamente ligadas a Antigas Arcas Espaciais que foram escondidas em locais subterrâneos e subaquáticos na Terra, bem como na nossa lua e em vários planetas e outras luas do nosso sistema solar. 

As Arcas Espaciais e as Naves-Mães têm liberado pequenos orbes atuando como sondas para estudar a humanidade e a situação planetária atual. Esses orbes se tornaram uma grande preocupação para o Estado Profundo e, consequentemente, estão sendo cada vez mais retratados pela grande mídia como uma ameaça à [claro] “segurança nacional”. Por que?

Embora os militares dos EUA e outros militares nacionais tenham conhecimento e investigado secretamente as Antigas Arcas Espaciais desde pelo menos 2015, sua recente ativação e liberação de orbes/sondas levou a tentativas furiosas de entender melhor as tecnologias que elas contêm, determinar a localização de suas tripulações, e descobrir como as Arcas Espaciais se comportaram historicamente.

Para este fim, os EUA e outros militares de outras nações recrutaram o apoio de contatados extraterrestres para trabalhar como guias, conselheiros e contatos para missões secretas em Antigas Arcas Espaciais descobertas. 

Um membro do Exército dos EUA, meu informante e insider JP, está entre esses contatados recrutados pelos militares americanos. Desde 2021, ele está na vanguarda do lançamento de informações sobre os locais, conteúdo e ativação de várias Arcas Espaciais e sua conexão com as naves-mãe alienígenas recém-chegadas e estacionadas na órbita do planeta Júpiter.

Drone militar dos EUA filma OVNI sobre o Oriente Médio – Pentágono

Em 14 de abril de 2023, uma equipe de classe mundial de Visualizadores Remotos divulgou um relatório em vídeo corroborando elementos vitais do que o insider JP afirma ter testemunhado em três missões multinacionais paravisitação a uma antiga Arca Espacial submersa no Oceano Atlântico, na região do Triângulo das Bermudas. Além disso, houve outros contatados que viajaram e testemunharam Arcas Espaciais enterradas na Antártica, Japão, Tibete, Rússia, Ucrânia e Egito.

Em novo depoimento perante o Congresso dos EUA em 19 de abril, o Dr. Sean Kirkpatrick, chefe do Escritório de Resolução de Anomalias de Todos os Domínios criado pelo Pentágono em 2022 para investigar avistamentos de OVNIs, divulgou mais vídeos militares de pequenos orbes metálicos e como eles estão sendo cada vez mais avistados. 

Além disso, o Dr. Kirkpatrick co-escreveu um artigo com o professor e cientista israelense Avi Loeb, chefe do Projeto Galileo da Universidade de Harvard, levantando a hipótese de que as pequenas sondas podem ter sido enviadas por uma nave-mãe extraterrestre recém-chegada ao nosso sistema solar. 

As principais fontes de notícias têm coberto a hipótese surpreendente de Kirkpatrick e Loeb, que está ganhando cada vez mais atenção global. Isso transformou o tópico das naves-mãe extraterrestres de um ridículo imediato para um tópico com sérias implicações de segurança nacional.

Em seu próximo webinar em 13 de maio de 2023, o Dr. Michael Salla reunirá informações recém-divulgadas sobre Space Arks, ET Motherships e sua conexão com as muitas esferas metálicas que estão sendo cada vez mais vistas em todo o mundo e se tornaram um tema quente da mídia mainstream.

Ele mostrará por que o Estado Profundo está apavorado com o surgimento desses orbes de sondagem conectados a Arcas Espaciais e Naves-Mães, e como está usando os ativos controlados da mídia convencional para semear as sementes do medo sobre a presença e atividade dos orbes. 

Apesar dos esforços de fomento do medo do Estado Profundo via suas pre$$tituta$ da mídia mainstream, o Dr. Salla mostrará como a verdade sobre os orbes elevará a consciência da humanidade e está sendo secretamente apoiado por uma Aliança Terrestre de forças militares, liderada pelo Comando Espacial dos EUA, para revelar um futuro no estilo da série Star Trek para a humanidade da Terra.

Visualização Remota de antiga Arca Espacial submersa no Oceano Atlântico, com Dick Allgire

Dick Allgire é um ex- apresentador de notícias que, em 1997, se interessou por projetos de visão remota usando protocolos científicos cegos que eliminariam o carregamento frontal. Posteriormente, ele treinou com instrutores de nível militar, como Glen Wheaton (Forças Especiais do Exército dos EUA) e desde então tem conduzido projetos de visão remota envolvendo vários alvos. 

Ele eventualmente criou o Cryptoviewing.com como um meio para os visualizadores remotos serem treinados e colaborarem na coleta de informações sobre vários alvos. Em 14 de abril de 2023, o Cryptoviewing divulgou em seu canal Patreon um relatório de duas horas sobre a visualização remota de um alvo fornecido pelo Dr. Michael Salla – uma antiga arca espacial submersa sob o Oceano Atlântico (o trailer do Cryptoviewing está disponível aqui).

Nesta entrevista Exopolitics Today, Allgire discute com o Dr. Salla a gênese da visão remota da Atlantic Space Ark a partir de uma reunião que realizaram em janeiro de 2023 em Honolulu, Havaí, onde decidiram colaborar em um futuro projeto de visão remota. 

Nenhum detalhe foi compartilhado sobre possíveis alvos para evitar o carregamento antecipado. Em fevereiro, o Dr. Salla foi posteriormente abordado por um tasker, Ed, de Cryptoviewing para encontrar um alvo adequado que seria repassado como uma sequência alfanumérica. 

Um segundo encarregado recebeu a sequência alfanumérica e a passou para Allgire e três outros visualizadores remotos – Daz Smith, Edward Riordan e Nyiam Vendryes. Este protocolo duplo-cego eliminou qualquer conhecimento prévio e possível antecipação do alvo. O alvo era uma arca espacial submersa visitada por um insider do Exército dos EUA, JP, ver aqui , aqui e aqui ).

Allgire discute alguns dos dados que ele e outros obtiveram por meio da visualização remota da arca espacial submersa no Atlântico. Ele identificou hieróglifos em paredes contendo conhecimento antigo, portais de espaço-tempo ou portais estelares, sarcófagos com seres gigantes adormecidos [em estase], temas religiosos, um túnel para uma civilização subterrânea e uma grande espaçonave/arca debaixo d’água. 

Os resultados de Allgire foram semelhantes aos descobertos por três outros visualizadores remotos envolvidos no projeto da arca espacial. Todos esses elementos foram descritos por JP em seus três relatórios sobre suas missões em visita a arca espacial submersa no Atlântico.

O relatório completo de criptovisualização de duas horas está disponível no Patreon. O site principal é: cryptoviewing.com. Um trailer está disponível no YouTube em: youtu.be/c4EX9j9q3vc

 
 
 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub