Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Novembro 06, 2020

chamavioleta

Ciência e Cultura

Existe uma relação?

Por Eu Sem Fronteiras

5 de novembro de 2020. 

 

 
 
 
Existem duas palavras que usamos com frequência desde a época da escola, mas é bem provável que o real sentido de cada uma delas tenha se perdido com o tempo. Então, se você tivesse que explicar o que é “ciência” e o que é “cultura”, poderia se atrapalhar um pouco, ou imaginar que não existe uma definição exata para esses dois termos.
 
Para começarmos a nos aprofundar nessas duas ideias, vamos verificar qual é a definição mais conhecida de cada uma. Existem muitas maneiras de explicar o que é “cultura”, mas a principal delas, utilizada pela Antropologia, é a do inglês Edward Tylor, que diz que cultura é “todo aquele complexo que inclui o conhecimento, as crenças, a arte, a moral, a lei, os costumes e todos os outros hábitos e capacidades adquiridos pelo homem como membro de uma sociedade”.
 
Por outro lado, a definição de “ciência” é bem mais simples, embora o conceito que ela carrega se aplique a múltiplas áreas do conhecimento. Segundo o Dicionário Oxford, trata-se de um “conhecimento atento e aprofundado de algo”. Porém, ao analisar a interpretação de ciência a partir da Filosofia, obtém-se a seguinte reflexão: “Conhecimento que, em constante interrogação de seu método, suas origens e seus fins, obedece a princípios válidos e rigorosos, almejando coerência interna e sistematicidade”.
 
Observando essas duas definições, é possível identificar algumas relações entre ciência e cultura. A primeira delas é que a ciência, entendida como um conhecimento, está inserida na cultura. As duas são interdependentes, existem em todas as civilizações e estão sempre mudando, mas não se referem às mesmas coisas.
 
Dom J/Pexels
 
Enquanto a cultura é um conjunto amplo que define uma sociedade, a ciência é uma das partes que a integra, não sendo o único fator que traduz um povo. A primeira apresenta comportamentos, pensamentos e manifestações de uma comunidade, já a segunda inclui todo o conhecimento que é possível organizar e entender de forma aprofundada. Sendo assim, a cultura pode ser menos estruturada que a ciência, que deve ter padrões na apresentação de seus conceitos, para ser aplicada em qualquer cultura.
 
Para que a relação entre cultura e ciência fique mais evidente, pense no seguinte exemplo: em uma sociedade imaginária, as pessoas se cumprimentam todas as manhãs, comem maçãs durante o dia, dançam ao entardecer e dormem no chão. Todos esses hábitos e costumes compõem a cultura dessa sociedade. E em que está a ciência?
 
A ciência desse povo é o motivo pelo qual ele realiza essas atividades. Suponha que lhes foi ensinado que se cumprimentar, comer maçãs, dançar e dormir no chão são atividades que favorecem o desenvolvimento do cérebro. Eles têm em mãos uma série de estudos comprovando a importância de tudo isso para o corpo humano. Se outra sociedade quisesse entender melhor o assunto, poderia acessar esse material e tirar todas as suas dúvidas.
 
Ekaterina Bolovtsova/Pexels
 
A partir desse exemplo simples, o que se observa é que a ciência trabalha a favor da cultura, e que uma é essencial para entender a outra. A ciência não é só o conhecimento científico obtido em testes de laboratório, mas todo o conjunto de ideias que pode ser estruturado e comprovado. A cultura engloba esse fator e muitos outros, sendo o que define a identidade de um povo.
 
Dessa forma, precisamos estimular a transformação da cultura e o desenvolvimento da ciência, para que uma sociedade seja capaz de transmitir o que já aprendeu, desenvolvendo um sistema elaborado e aprofundado de tudo aquilo que ela pode ensinar a outros povos. A cultura é formada a partir da ciência, assim como a ciência é formada a partir da cultura. Reflita sobre isso e veja qual é a sua cultura e qual é a ciência que você mais domina!
 
 




Sítio (site) Principal: http://achama.biz.ly/
e-mail: site@achama.biz.ly
 
 
Para outros artigos espirituais e denúncias por favor visite:
 
Vídeos banidos alternativos




Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcançar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.

 
Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 

 
Atualização diária.
 
Free counters!


 

Novembro 23, 2015

chamavioleta


O QUE a Elite não quer que nós saibamos ?



Seja um diamante, deixe de ser um mero CARVÃO. DESPERTE!


Seis segredos que “ELES, a elite global” não querem que você saiba

Mesmo a pessoa mais idiota (um néscio de carteirinha) sabe que o mundo é controlado por certos indivíduos. Alguns dizem que são as famílias mais ricas do planeta, que são as organizações secretas com os seus membros sendo colocados como mão direita de um presidente de países importantes, alguns dizem mesmo que existam aliens disfarçados entre nós. A verdade é que, não importa quem, cerca de 99% da população é controlada pelo restante 1% e há coisas que os 1% ficariam feliz se os 99% nunca conseguissem fazer…

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

O QUE a Elite Global não quer que nós saibamos, seis assuntos importantes ?


Conspiração, Dejan Davchevski

Fonte: http://humansarefree.com/

… Mas, seja como for, a Lei de Murphy ainda está de pé, mesmo para aqueles indivíduos que orientam a roda e como a lei diz “Qualquer coisa que pode dar errado, vai dar errado.” Pessoas ainda com um pouco de humanidade em seus corações vazaram algumas informações, pessoas que vêem as coisas como elas realmente são revelaram as conspirações, e alguns com um pouco de lógica e racionalização em suas mentes descobriram a verdade escondida dos 99%. Aqui estão alguns dos maiores segredos que “ELES” a ELITE MUNDIAL não querem que você saiba:


Alguns dizem que são as famílias mais ricas do planeta, que são as organizações secretas com os seus membros sendo colocados como auxiliares diretos dos presidentes de países importantes, alguns dizem que existam até mesmo aliens disfarçados entre nós.

6. Eles controlam o ambiente da Terra:

Você provavelmente já ouviu falar sobre o High Frequency Programa de Pesquisa de Aurora Ativa (HAARP). É um projeto financiado pela Marinha e a Força Aérea dos EUA e sua cobertura é uma tecnologia que pode permitir que os militares dos EUA possam se comunicar com a sua frota de submarinos distribuída pelo planeta através de distâncias muito longas. Como isso funciona? É a tecnologia do HAARP chamado “Instrumento de Pesquisa Ionospherica”, que é uma instalação de antenas que transmite freqüência de rádio de alta potência diretamente em uma determinada área limitada da ionosfera. Sobre o HAARP, mais informações nos links a seguir:
http://thoth3126.com.br/haarp/
http://thoth3126.com.br/haarp-um-projeto-militar-dos-eua-que-pode-ser-uma-arma-geofisica/

Este instrumento manipula a Ionosfera, o lugar em nossa atmosfera terrestre onde existem elétrons livres, e tem um potencial de criar ondas de rádio que irá manipular o campo eletromagnético da Terra. Quem obtiver o controle sobre o campo magnético da Terra controlará toda a Terra. Ainda mais assustador é o fato de que o projeto HAARP tem um potencial de controlar as emoções através da emissão de freqüências de ondas magnéticas e manipular a mente humana. Quem sabe, talvez eles já sejam responsáveis pelas nossas mudanças de humor repentinas. O Projeto HAARP teria sido fechado em maio de 2013, mas será que foi?


Instalações do HAARP em Gakona, no isolado, gelado e distante Alasca.

5. Água da torneira com FLÚOR nos deixa mais fracos:

Não existe absolutamente nenhuma necessidade de se adicionar flúor na água da torneira distribuída em todas as grandes cidades, não faz nenhum bem para nossa saúde, mas para os que querem controlar o mundo e garantir que ninguém se eleve acima deles, o flúor na água distribuída nas torneiras é um elemento essencial. Por quê? Deixe-me explicar um pouco. A fluoretação foi recomendada por Edward Bernays, sobrinho de Sigmund Freud. A manipulação da mente esta escrito sobre suas testas.

O flúor é uma substância química que tem um efeito sobre a glândula pineal do cérebro, que alguns a chamam de “o Terceiro Olho”, a origem da visão espiritual, o sexto chakra, o Ajna”. Esta glândula é responsável pela maioria das nossas emoções, assim como o nosso nível de serotonina e melatonina. Os danos causados pelo flúor nesta glândula promove a apatia, a depressão e baixa vibração. Isso resulta em falta de motivação, falta de saúde e leva ao tédio e apatia estupidificante.



Para sobreviver no mundo controlado e competitivo de hoje temos que ganhar dinheiro para comprar as coisas necessárias à nossa sobrevivência, como alimentos, água, abrigo, medicamentos, prestação da casa, do carro, cartão de crédito, etc. Em vez de seguir o nosso sonho e escapar do sistema, estamos deprimidos e desmotivados, o que nos obriga a trabalhar para alguém apenas para que possamos sobreviver. Estas duas forças, o instinto de sobrevivência e a apatia generalizada, nos limitam a seguir o sistema e nunca subir acima dele.

Estamos sempre com medo sobre a manutenção da nossa sobrevivência física, mas desmotivados para descobrir e fazer o nosso próprio caminho espiritual que leve à evolução de nossa alma, de modo que deixamos que o sistema e aqueles que os controla arrastem a nossa bunda chorosa para uma situação de (zumbi) segurança. A “segurança deles” que nos MATA. Assim como ovelhas em um rebanho indo calma e estupidamente para o matadouro.

4. Chemtrails

Quando você olha para o céu e enxerga um rastro contrail feito por um avião você pode estar errado, pois na verdade o rastro de fumaça pode ser um chemtrail. Não se preocupe, não é nada, é apenas alguns caras pulverizando a alta atmosfera com alumínio, arsênico, bário, boro, e sim flúor também. Por quê? Porque você pede demais. Agora não fale nada e continue fazendo o que “eles” lhe dizem que é para ser feito, e sem perguntas. Saiba mais em:
http://thoth3126.com.br/chemtrail/
http://thoth3126.com.br/chemtrail-a-air-evergreen-pertence-a-cia/
http://thoth3126.com.br/aeronave-chemtrail-pega-no-solo/



CHEMTRAIL: pulverizando a alta atmosfera com alumínio, arsênico, bário, boro, e sim flúor também, assim como agentes biológicos estariam sendo dispersadas no ar.

O flúor também já está sendo adicionado a quase todos os produtos de alimentos feitos com água. O flúor também está em inseticidas e outros produtos venenosos, creme dental, enxaguador bucal, e muitos medicamentos psicotrópicos, e se nós formos bonzinhos e apáticos, poderemos até mesmo ter casas feitas de flúor, yay!

3. OGM está prejudicando toda a humanidade

Os Organismos Geneticamente Modificados ou OGM são plantas ou animais criados através das técnicas de engenharia genética da biotecnologia. Esta tecnologia experimental funde o DNA de espécies diferentes, criando combinações instáveis de planta, animal, genes bacterianos e virais que não podem ocorrer na natureza ou em cruzamentos tradicionais.Em outras palavras, os criadores de organismos OGM estão tomando os dados de Deus em suas próprias mãos. É o maior desequilibrio que a mãe natureza já viu.

O Universo tem uma regra divina para a criação e é assim que tudo acontece, deve sempre se manter o equilíbrio, toda ação tem sua própria reação oposta. Vivemos em desequilíbrio com a natureza, mas como sabemos o Universo sempre irá procurar e encontrar o equilíbrio, por isso que a nossa atual ação irá resultar em um GRANDE conflito entre nós e a natureza (n.t. E pense em quem vai perder esta batalha). Saiba mais em:
http://thoth3126.com.br/monsanto-processada-por-agricultores-brasileiros/
http://thoth3126.com.br/monsanto-herbicida-glifosato-encontrado-na-urina-humana-por-toda-a-europa/



Mesmo o ser humano mais idiota, um néscio puro, sabe que viemos da Natureza e o conflito será entre nós mesmos, resultando em que nós nos tornaremos em algo que não é natural ou enfrentaremos a nossa extinção como espécie, porque vamos ter que enfrentar o resultado de nossas ações, nós não podemos ir contra as leis da criação, com tal força e não esperar que o equilíbrio retorne pela própria natureza.

2. A Geometria Sagrada é a linguagem da Beleza e do Universo:

O que é a beleza? As modelos Angels da Victoria Secrets, eu sei, mas o que é a definição de beleza? A combinação de elementos como forma, cor, tamanho, ordem e simetria que agrada o sentido da visão. Mas, nós sabemos que a música tem muita beleza, os odores perfumados também, então se você me perguntar, eu diria que a beleza é uma harmonia entre os elementos e as suas forças.


Metatron e seu CUBO, o mundo tridimensional feito com base na Geometria sagrada.

A geometria sagrada é encontrada na natureza, em toda parte, onde os elementos atendem e obedecem a proporção áurea (1,618033989 …) e ela existe por todo o Universo, mesmo entre a gravidade dos planetas, das estrelas, galáxias, na natureza, no design de flores, árvores, em flocos de neve, nas formas dos animais, nas proporções da terra, nos círculos em plantações (Crop Circles), também existe em muitos objetos sintéticos ou famosos como as obras de arte famosas de Leonardo da Vinci (Mona Lisa), na Quinta Sinfonia de Beethoven, na arquitetura grega e romana, nas pirâmides espalhadas pelo planeta … Saiba mais em:
http://thoth3126.com.br/geometria-sagrada-a-flor-da-vida-e-a-linguagem-da-luz/
http://thoth3126.com.br/crop-circles-circulos-nas-plantacoes-na-inglaterra/

Quase tudo o que encontramos como harmonioso, bonito, verdadeiro e natural, é construído com esse fator da constante áurea de Fibonacci (1,618033989…) a origem da beleza e harmonia que não podemos explicar está na constante áurea brilhando através do universo. Porque é que este fato é mantido em segredo e não é ensinado? Bem, é como um show de mágica. Encontramos magia em coisas com a constante áurea, mas não sabemos por que ou como. O mago (tanto da magia branca assim como da negra) sabe o truque e, a fim de manipular o público mais ninguém pode saber como ele é feito.


A Flor da Vida e seus dezenove círculos entrelaçados.

1. A música atual o transforma em alguém mais competitivo:

Você sabia que em 1955 a Organização Internacional de Normatização (International Standardization Organization) fez da frequência de 440 Hertz (Hz) um padrão de afinação geral para campo musical? Antes ele era de 432 Hz. Como você deve saber os sons têm o maior impacto sobre o nosso pensamento. A faixa de frequência de 432 Hz faz com que o som da música fosse mais harmonioso, calmo promovendo a felicidade, bem estar e compreensão profunda.

A nova frequência adotada de 440 Hz é mais enérgica, mais rápida, é quase como uma corrida. É mais competitiva e com foco em detalhes, sobre a compreensão das coisas que podemos ver. Então, por que alguém e, sobretudo, como, se decidiu que a faixa de frequência de 440 Hz mais frenética é melhor do que a frequência de 432 Hz? Porque a música nos toca, onde nada mais pode fazer isso, onde está a Essência do nosso Ser emocional, e se voce controlar as emoções e pensamentos através da música promovida na frequência de 440 Hz, o seu trabalho de controlar o mundo esta 99% feito.


O Vishuddha Chakra, o quinto Chakra, localizado na garganta, o Lótus com 17 pétalas, o da fala, da expressão da vontade e do poder criador através do SOM, expressão do Verbo divino criativo na espécie humana.

“Eles” não querem que as pessoas se entendam e se conectem com a sua (nossa) verdadeira natureza e o nosso Eu Superior. Eles querem que a gente tenha pressa, acreditemos apenas no que vemos, ouvimos, tocamos, cheiramos, bebemos e comemos e sejamos competitivos com os outros pelas coisas e pelos prazeres materiais. Desta forma, os demais 99% da população vão viver na realidade (armadilha de consciência) que os 1% criaram para eles. Saiba mais em:
http://thoth3126.com.br/o-poder-da-palavra-o-som/
http://thoth3126.com.br/pleiades-mensageiros-do-amanhecer-5/
http://thoth3126.com.br/o-dna-e-influenciado-reprogramado-por-palavras-e-frequencias/


O ser humano, o Homem/mulher é uma obra perfeita em todos os seus atributos.

Este artigo é todo ele sobre isso, o propósito dos 1% que estão no controle para moldar a “realidade e as necessidades” dos 99% através de vários tipos de coisas. “Eles” têm feito isso, a bastante tempo, e “ELES” são muito bons em manter o controle sobre todos e tudo. É hora de despertamos, antes que seja tarde demais

Por Dejan Davchevski, HumansAreFree.com | Image: unomoralez ; Dejan Davchevski é um Gerente de Marketing Internacional, embora sua paixão seja compartilhar de um modo de vida que ele chama de “o código da vida.” Ele descobriu “o Código” enquanto ele estava em um período negro de sua vida e que o ajudou a se recuperar. Você pode entrar em contato Dejan em sua página do Facebook ou website .

{n.t. – Excerto do post The Watcher, os Anjos Caídos:

Usaremos metais suaves, aceleradores de idade e sedativos nos alimentos e água(FLÚOR), também no ar (CHEMTRAILS). Eles estarão cobertos de venenos em todo lugar que residirem por sua vez. Os metais suaves irão causar-lhes a perda de suas mentes. Iremos prometer encontrar a cura em nossas muitas frentes de pesquisa, no entanto nós iremos alimentá-los com mais venenos.

Os venenos serão absorvidos pela sua pele, boca e respiração, eles vão destruir as suas mentes e sistemas reprodutivos. De tudo isso, seus filhos nascerão mortos, ou defeituosos e nós iremos esconder esta informação. Os venenos estarão escondidos em tudo que os rodeiam, no que eles bebem, comem, respiram e que os desgastam.



Temos que ser espertos na disseminação dos venenos, pois eles veem longe. Nós vamos ensinar-lhes que os venenos são bons, com imagens divertidas e tons musicais na propaganda. Aqueles que assistem até vão nos ajudar. Nós iremos recorrer a eles para empurrar os nossos venenos. Eles irão ver os nossos produtos sendo usados em filmes (n.T. e em tempos mais modernos através da televisão) e irão crescer acostumados com eles e nunca saberão os seus verdadeiros efeitos. Fim de citação}


Saiba mais em:
  1. http://thoth3126.com.br/nibiru-o-livro-perdido-de-enkiea/
  2. http://thoth3126.com.br/nibiru-crop-circle-enki-ea-na-italia/
  3. http://thoth3126.com.br/o-genesis-e-a-epopeia-de-gilgamesh/
  4. http://thoth3126.com.br/o-iraque-babilonia-ira-persia-e-a-luta-pela-heranca-extraterrestre/
  5. http://thoth3126.com.br/maldek-e-nibiru-mais-dois-planetas-de-nosso-sistema-solar/
  6. http://thoth3126.com.br/nibiru-o-genesis-e-adao-e-eva/
  7. http://thoth3126.com.br/conselho-de-nibiru-parte-i/
  8. http://thoth3126.com.br/conselho-de-nibiru-parte-ii/
  9. http://thoth3126.com.br/cientistas-encontram-genes-extraterrestre-em-dna-humano/
  10. http://thoth3126.com.br/cidades-annunaki-encontradas-na-africa/
  11. http://thoth3126.com.br/o-livro-perdido-de-enki/


Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.


www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

436Share on Facebook (Opens in new window)436
24Click to share on Twitter (Opens in new window)24
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

URL: http://wp.me/p2Fgqo-5EC
Posted by Thoth3126 on 01/06/2015


Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Dejan Davchevski


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA







Novembro 22, 2015

chamavioleta

Sons estranhos nos céus da Terra explicados por cientista …

Segundo o Professor Elchin Khalilov




Sons estranhos nos céus da Terra explicados por cientista

“Em nossa opinião (do Dr.ProfElchin Khalilov) a provável fonte da manifestação poderosa e tão imensa de ondas de gravidade acústicas gravadas por todo o planeta deve ser devido a muitos processos em larga escala de energia que estão ocorrendo. Mas em todos os casos, mesmo que as causas das ondas acústicas de gravidade sejam de uma natureza geofísica bastante compreensível, elas são “indicativos do aumento significativo” esperado da atividade solar e da atividade geodinâmica do nosso planeta. 



Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com


Não há dúvida de que os processos no núcleo da Terra governam a energia interna do nosso planeta, portanto, devemos esperar que a partir do final de 2012 um forte aumento em quantidade e intensidade em terremotos, erupções vulcânicas, tsunamis e eventos climáticos extremos com níveis de pico em 2013 – 2014. 

O Dr.Prof Elchin Khalilov (Azerbaijão : Elçin Xəlilov nascido em 26 de abril de 1959, em Baku , no Azerbaijão) é um Geofísico que trabalha na área da Geodinâmica e Geotectônica. Ele é Presidente do instituto GNFE (Global Network for the Forecasting of Earthquakes-GNFE, Rede Global de Monitoramento de Terremotos) em Londres, Inglaterra) 


Professor Elchin Khalilov

Pergunta: Sr. Khalilov, qual é a natureza dos incomuns sons agudos muito baixos relatados por um grande número de pessoas em diferentes partes do planeta desde o inverno de 2011(no Hemisfério Norte) ? 

Muitos o chamam de “The Sound of the Apocalypse” (O Som do Apocalipse). Informações sobre esses registros surgiram de todo o mundo: EUA, Reino Unido, Costa Rica, Rússia, México, República Tcheca, Brasil, Austrália, Hungria, Malásia, etc… 

Resposta: Foram analisados registros destes sons e se descobriu que a maior parte do seu espectro está dentro do intervalo infra, ou seja, não é audível para os seres humanos. O que as pessoas ouvem é apenas uma pequena fração do poder real destes sons. Eles são emissões acústicas de baixa frequência no intervalo entre 20 e 100 Hz modulados por ondas infrasônicas ultra-baixas de 0,1 a 15 Hz. Em geofísica, eles são chamados de ondas de gravidade acústicas, que são formadas na atmosfera superior, no limite entre a atmosfera e a ionosfera em particular.

Podem haver um monte de causas para que essas ondas sejam geradas: terremotos, erupções vulcânicas, furacões, tempestades, tsunamis, etc, no entanto, a escala do zumbido observado tanto em termos de área coberta assim como o seu som poderoso excede em muito aqueles eventos que podem ser gerados pelos fenômenos antes mencionados.

P: Nesse caso, o que poderia estar causando esses sons, zumbidos nos céus do planeta?


R: Em nossa opinião, a (provável) fonte da manifestação poderosa e tão imensa de ondas de gravidade acústicas gravadas em todo o planeta deve ser devido a muitos processos de energia (n.t. como a mudança do campo eletromagnético e inversão dos polos) em larga escala que estão ocorrendo na Terra.

Esses processos incluem poderosas explosões solares (CME-Coronal Mass Ejection, Emissão de energia pelas explosões solares) e o enorme fluxo de energia gerada por elas, correndo carregados de energia em direção (o vento, plasma solar) à superfície da Terra e desestabilizando a magnetosfera, a ionosfera e a atmosfera superior (n.t. – e podendo contribuir para a alteração no campo eletromagnético e os pólos norte e sul da Terra).

Assim, temos os efeitos das poderosas explosões solares: o impacto das ondas de choque do vento solar na camada atmosférica e magnética do planeta, correntes de corpúsculos e as explosões de radiação eletromagnética são as principais causas de geração de ondas de gravidade acústicas, após o aumento da atividade solar.

Dado o aumento na atividade solar e assim como se manifestou em maior número e a energia dos flares (CMEs-Emissão de Massa Coronal) solares desde meados de 2011, podemos supor que existe uma alta probabilidade de impacto do aumento substancial da atividade solar sobre a geração dos sons/zumbidos estranhos aparentemente vindo dos céus em todo o planeta.


Auroras Boreais provocadas pelo impacto da energia solar no campo magnético da Terra.

Deve ser salientado que a atividade solar começou a subir acentuadamente desde o início de 2011, com a sua amplitude significativamente maior do que todas as previsões dadas por uma série de influentes instituições científicas em 2010 e 2011 (n.t. – e continua a aumentar em intensidade e com a aproximação do pico máximo do Ciclo Solar 24 previsto para 2013-2014. Para acompanhar diariamente visite o site em

Enquanto isso, o aumento observado na atividade solar é totalmente consistente com a previsão do GEOCHANGE, o Comitê Internacional publicado no Relatório da Comissão, em Junho de 2010. Se essa taxa de crescimento de atividade solar continuar, a sua amplitude no final de 2012 será maior do que a amplitude do ciclo solar 23, e em 2013-2014 a atividade solar irá atingir o seu pico a amplitude do que foi previsto por nós como sendo 1,5 – 1,7 vezes maior do que a amplitude do anterior ciclo 23 iniciado em 2001.

P: Mas você disse que a causa dos “gemidos dos céus” (os sons que foram gravados em vários países) podem estar sendo produzidos dentro do núcleo da Terra, o que significa isso?

R: Há uma causa mais possível para a produção desses sons e ele pode estar no núcleo da Terra. O fato é que a aceleração da deriva do pólo norte magnético da Terra que aumentou mais de cinco vezes entre 1998 e 2003 e hoje mesmo está no mesmo ponto de nível de intensificação dos processos de energia no núcleo da Terra, uma vez que é este processo no interior e no núcleo externo do planeta que formam o campo geomagnético externo da Terra.

Saiba mais em: 


Enquanto isso, como já relatado, em 15 de novembro de 2011 todas as estações geofísicos ATROPATENA que registram variações tridimensionais do campo gravitacional da Terra quase simultaneamente registraram um forte impulso gravitacional.

As estações estão implantados em Istambul, Kiev, Baku, Islamabad e Yogyakarta, com a primeiro e a última sendo separadas por uma distância de cerca de 10.000 km. Tal fenômeno só é possível se a fonte dessa emanação for a nível do núcleo da Terra. Essa liberação de energia enorme do núcleo da Terra no final do ano passado foi uma espécie de sinal de partida que indica a transição da energia interna da Terra em uma nova fase ativa (NT- com substanciais alterações em toda a estrutura externa da Terra, incluindo o campo eletromagnético e a alteração dos Pólos norte e sul.)

A Intensificação dos processos de energia no núcleo da Terra é capaz de modular o campo geomagnético externo que, através de uma cadeia de processos físicos na ionosfera – nível limite da atmosfera, gera ondas acústicas de gravidade na faixa audível do que foi ouvido pelas pessoas na forma de um som de baixa frequência assustador (como trombetas em alguns locais) em diferentes partes do planeta.

Em ambos os casos, mesmo que as causas das ondas acústicas de gravidade sejam de uma natureza geofísica bastante compreensível, elas podem ser “indicativas do aumento significativo” esperado da atividade solar e da atividade geodinâmica do nosso planeta. Não há dúvida de que os processos no núcleo governam a energia interna do nosso planeta, portanto, devemos esperar que a partir do final de 2012 um forte aumento em quantidade e intensidade em terremotos, erupções vulcânicas, tsunamis e eventos climáticos extremos com níveis de pico em 2013 – 2014 e além.

Obrigado por suas respostas caro Prof. Khalilov.

GRAVAÇÃO COM OS SONS PELOS CÉUS DO PLANETA em 2011/2012 VER/OUVIR mais a respeito AQUI: 

https://youtu.be/M0BvIySscEY

( n.t. – O núcleo do planeta na realidade esta ressoando de acordo com o aumento da atividade solar, e ambos, o SOL e a TERRA estão respondendo a uma forte onda de energia vinda do Sol Central da Galáxia, o Cinturão de Fótons: as mudanças SÃO INEXORÁVEIS).

Mais informações s/Cinturão de Fótons em:
  1. http://thoth3126.com.br/2012-o-cinturao-de-fotons-e-as-pleiades/
Para saber mais:
  1. http://thoth3126.com.br/sons-misteriosos-sendo-ouvidos-em-todo-o-planeta/
  2. http://thoth3126.com.br/mudanca-nos-polos-geomagneticos/
  3. http://thoth3126.com.br/sinais-de-mudanca-nos-polos-e-no-campo-magnetico/
  4. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-2a-explosivo/
  5. http://thoth3126.com.br/sinkholes-surgem-por-todo-o-planeta/
  6. http://thoth3126.com.br/amas-a-anomalia-magnetica-sobre-o-brasil/
  7. http://thoth3126.com.br/canada-sons-de-novo-muito-estranhos-sao-gravados-filme/
  8. http://thoth3126.com.br/mudanca-nos-polos-norte-muda-muito-rapido-polo-sul-se-arrasta/
  9. http://thoth3126.com.br/poderosa-energia-emitida-pelo-centro-da-galaxia-foi-registrada/


Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

280Share on Facebook (Opens in new window)280
5Click to share on Twitter (Opens in new window)5
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

Posted by Thoth3126 on 24/05/2015

URL: http://wp.me/p2Fgqo-YN 


Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Elchin Khalilov

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 



Novembro 18, 2015

chamavioleta

Grécia: descoberta tumba dos tempos de Alexandre, o Grande

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com 

Giorgos Christides – Da BBC em Anfípolis, Grécia, dia 22 setembro 2014. 

Publicado anteriormente a 22/03/2015

alexandre

Descoberta de tumba misteriosa e antiga anima gregos em meio à crise econômica



O mistério sobre quem está enterrado em uma enorme tumba dos tempos de Alexandre, o Grande, descoberta no início de agosto na Grécia.

A descoberta da antiga tumba entusiasmou os gregos e trouxe esperanças de melhora no cenário de crise econômica que o país enfrenta. O túmulo, o maior já encontrado no país, fica na região de Anfípolis.


Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

GRÉCIA, a descoberta de uma misteriosa e antiga tumba anima gregos em meio à crise econômica

Giorgos Christides – Da BBC em Anfípolis, Grécia, dia 22 setembro 2014

Fonte: http://www.bbc.co.uk/

A expectativa de que possa ser de alguém da família de Alexandre, o Grande – ou, para os habitantes do local, até mesmo do próprio Alexandre – possa estar nele enterrado trouxe turistas e já valorizou terrenos nas cidades de Anfípoli e Mesolakkia. 



Arqueólogos acreditam que alguém ligado a Alexandre, o Grande está enterrado na tumba

“Podemos ter ganhado na loteria”, diz o prefeito de Mesolakkia.


ANFÍPOLIS
437 AC: Fundada por moradores de Atenas próximo às minas de ouro e prata de Pagaion
357 AC: Conquistada por Felipe 2º da Macedônia, pai de Alexandre, o Grande
Sob Alexandre, serviu como uma base naval de onde saíam barcos para a Ásia
1964: Começa a primeira escavação oficial no local

Os moradores afirmam que já foram procurados com ofertas para vender suas terras na região da descoberta. A maioria precisa do dinheiro, mas está esperando até que os arqueólogos que encontraram a tumba façam o anúncio final sobre a identidade de seu dono.

“Antes da descoberta, a terra não valia quase nada. Mas agora ninguém quer vender”, diz o morador Menia Kyriakou. A descoberta também deu início a uma onda de orgulho e patriotismo.


Esta imagem feminina está preservada, mas o rosto da outra figura foi destruído.

O ministro da cultura, Konstantinos Tasoulas, disse que a descoberta é um lembrete de que a Grécia é o “berço de uma civilização insuperável e um país que merece, com este capital (cultural) único e suas realizações atuais, reivindicar o seu retorno ao progresso e prosperidade”.

A DESCOBERTA

A tumba foi descoberta após dois anos de trabalho comandado pela arqueóloga Katerina Peristeri. O monte onde está localizada fica na antiga Anfípolis, uma grande cidade do reino da Macedônia, a 100 km a leste de Thessaloniki, a segunda maior cidade da Grécia.

A estrutura remonta ao final do século 4 AC e o muro ao redor dele tem 500m de circunferência, superando o local do enterro do pai de Alexandre, Filipe 2º, em Vergina, a oeste de Salônica.

“Essa é uma tumba de dimensões únicas e impressionante maestria artística. Os mais belos segredos estão escondidos logo abaixo de nossos pés”, disse à BBC o ministro da Cultura, Tasoulas.


Desenho mostra duas esfinges na frente e duas cariátides guardando o local atrás

Dentro da tumba, os arqueólogos descobriram duas cariátides (esculturas com figuras femininas que funcionam como pilastras). Cada uma foi esculpida com um braço estendido, provavelmente para desencorajar intrusos a adentrar na câmara principal do túmulo.

Os equivalentes modernos das cariátides ficam em um carro da polícia, a cerca de 200m da entrada do túmulo – o sítio arqueológico é protegido 24 horas por dia por dois policiais.


ALEXANDRE, O GRANDE 

Nascido em 356 AC em Pella, filho de Felipe da Macedônia e Olímpias, educado por Aristóteles
Se tornou rei da Macedônia, reino da Grécia antiga, aos 20
 
Obteve vitórias militares nos territórios persas da Ásia Menor, Síria e Egito – era o “Grande Rei” da Pérsia aos 25 anos

Fundou 70 cidades e expandiu o império para leste até Punjab, na Índia
Morreu de febre em 323 AC na Babilônia 



Territórios do império conquistado por Alexandre.

Sua missão é manter longe as dezenas de jornalistas e turistas que chegam ao local por uma estrada de terra sinuosa da aldeia vizinha de Mesolakkia. Mas isso não impediu que a mídia, os arqueólogos e curiosos se envolvessem em um jogo de adivinhação animado.

Os arqueólogos concordam que a magnificência do túmulo significa que ele foi construído para uma pessoa importante – talvez um membro da família imediata de Alexandre; pode ser sua mãe, Olímpia, ou sua esposa, Roxana -ou algum nobre macedônio.

Outros dizem que ele poderia ser um cenotáfio, memorial fúnebre construído para homenagear uma pessoa enterrada em outro local.

Mas só a equipe de escavação pode dar respostas definitivas, e o progresso dos trabalhos tem sido lento desde que os trabalhadores descobriram uma terceira câmara, que está em perigo de desabamento.

Os especialistas não chegaram a um veredito, mas, para as poucas centenas de habitantes da moderna Anfípoli e Mesolakkia, as duas aldeias mais próximas ao local onde foi encontrado o monumento, não há dúvida: enterrado dentro do túmulo de mármore perto de suas casas está o próprio Alexandre, o Grande.

“Só Alexandre merece um monumento tão grandioso”, diz o agricultor Antonis Papadopoulos, de 61 anos. 



As cariátides, duas figuras femininas em esculturas que servem de pilares dentro do túmulo encontrado.Essas figuras femininas no monumento medem mais de 2m de altura

Arqueólogos e o Ministério da Cultura grego alertam sobre as especulações, especialmente porque é sabido que Alexandre, o Grande, foi enterrado no Egito.

“Estamos naturalmente ansiosos para descobrir a identidade de residente da tumba, mas isso será revelado no tempo certo pelos escavadores,” disse o ministro.

Permitida a reprodução desde que mantido a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Posted by Thoth3126 on 22/03/2015

URL: http://wp.me/p2Fgqo-7h3

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Novembro 15, 2015

chamavioleta

Existe vida inteligente em toda a nossa Galáxia Via Láctea.

Por Mike Adams, 

Ranger da Saúde, Editor 


 



“Na casa de meu Pai HÁ MUITAS MORADAS; se não fosse assim, eu vos teria dito. Vou preparar-vos um lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. Mesmo vós sabeis para onde vou, e conheceis o caminho.” João 14: 2-4 

Existe vida inteligente através de toda a VIA LÁCTEA – porque entre 200 a 400 bilhões de estrelas não podem existir sem QUE HAJA vida!

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@protonmail.ch

Existe vida inteligente em toda a nossa Galáxia Via Láctea

Por Mike Adams, 
Ranger da Saúde, Editor 

Meu artigo anterior publicado de que existem cerca de 56 bilhões de planetas “habitáveis” somente na nossa galáxia Via Láctea tocou em um nervo sensível de algumas pessoas no Facebook (ver fonte abaixo). Eles parecem acreditar que, sim, existe um Criador que criou o nosso universo, e sim, que essa inteligência criou de 200 a 400 bilhões de estrelas apenas na nossa galáxia Via Láctea (para não mencionar todas as outras infinitas galáxias), mas depois por algum motivo bizarro Deus só criou a vida humana em um planeta! Somente aqui na Terra!

O Aglomerado de Galáxias Abell 1689, em foto feita pelo Hubble Space Telescope, mostra milhares de Galáxias semelhantes a nossa, cada uma com a possibilidade de ter entre 100 a 500 (ou mais) BILHÕES DE SÓIS/Estrelas. Realmente há muitas moradas na casa de nosso pai….

É verdadeiramente espantoso que ainda existam pessoas que vivam aqui neste pequeno planeta que se seguram em um limitadíssimo ponto de vista plano da realidade da Terra. Se há uma coisa que aprendemos sobre a Mãe Natureza, é que a vida está em toda parte -. mesmo em lugares que você não esperaria que estivesse tal como o gelo congelado ou em aberturas quentes em ebulição do fundo dos oceanos.

Se a Terra é o único planeta no universo do qual a vida humana existe, qual seria o ponto de criação de bilhões/trilhões de galáxias, cada uma com zilhões de sóis e planetas? Estaria então toda esta criação apenas para servir como pontos brilhantes interessantes no céu, tudo para divertir apenas um único povo e raça “escolhida” de seres inteligentes (?!?!), conhecidos como a humanidade da Terra? Absoluta bobagem!


Muitas raças “inteligentes”, sem dúvida, também acham que eles são o centro do universo.

Curiosamente, no entanto, este é provavelmente um fenômeno comum entre todas as raças de seres inteligentes em toda a nossa galáxia que olham para o céu e pensam para si e sobre si mesmo: “Devemos ser os únicos aqui!” Há uma tendênciaantropocêntrica entre todas as criaturas vivas, admito, porque cada consciência experimenta apenas o universo de seu próprio ponto de vista individualizado (N.T. Esse é um ponto de vista muito particular da humanidade aqui da Terra que é muito egocêntrica e centrada em si mesma). Aqui na Terra, nós brincamos que os adolescentes pensam que eles são o centro do universo. Mas a verdadeira piada é que grande parte da nossa população “adulta”, literalmente, ainda acredita exatamente na mesma coisa.

Mas eu estou contente que a grande maioria dos leitores de NaturalNews são inteligentes, bem informados, de mente aberta e tem uma visão da realidade “big picture”, de um quadro maior. Eles realmente apreciam estas discussões sobre um universo maior, a consciência e o reconhecimento de que a Mãe Natureza deixou sua marca não apenas neste planeta de água que chamamos (erroneamente) Terra, mas certamente por toda a galáxia inteira onde quer que a vida possa ser sustentada (e isso é em muitos lugares). Eu não consigo imaginar a viver com a crença de que a grande extensão de todo o universo estaria morto, vazio e sem vida. Isso não soa apenas espiritualmente muito vazio, mas fisicamente impossível. 


A Galáxia de Andrômeda, nossa vizinha mais próxima (2,5 milhões de anos luz de distância) e semelhante a Via Láctea. Como exemplo esta assinalado o que seria a localização do nosso Sol/sistema solar, na borda da Galáxia (ainda longe do Sol Central, a “fonte” da LUZ).

Como não começar a vida em planetas aquáticos, quando as sementes da vida (DNA, aminoácidos, água, minerais e muito mais) estão sendo lançados a todo instante pelo universo todo graças a cada meteorito e cometa caindo e batendo em planetas? A Terra seria atualmente feita de pedaços de Marte , e Marte, por sua vez, é feito de pedaços da Terra. 

Pedaços de Terra agora residem na Lua, e cada molécula de água que agora existe em nosso planeta foi trazido aqui a partir de algum outro planeta ou cometa! Nossa casa é, num sentido muito real, uma colagem de elementos, metais, líquidos e as sementes da vida aqui reunidos a partir de (literalmente) por toda a galáxia, aquecida pelo sol, “abençoado” em um habitat de apoio à vida através do milagre da fusão nuclear.


Mesmo as coisas de que nós somos feitos – átomos de carbono, água, lipídios – é composto de elementos criados nas explosões transmutacionais de estrelas/sóis moribundos. “Nós somos feitos de matéria doadas pelas estrelas”, disse o físico Carl Sagan uma vez, e ele estava certo. Mas o que ainda está faltando para os cientistas, os físicos, é claro, é o elemento (n.t. e aqui os cientistas falham todos, pois esse elemento NÃO É MATERIAL) da disseminação da consciência através do universo. 

Porque apenas a doação de matéria feita pelas estrelas/sóis sozinho é igual a uma pilha de pedras e metais, mas os seres humanos têm claramente uma consciência como um elemento adicionado na receita de toda a vida e que aglutina toda a matéria. (E assim é com todas as formas de vida através do universo, pelo caminho a fora, incluindo animais e plantas.)


A consciência da Terra, a Grande Mãe GAIA, é muito generosa e paciente conosco.

Pensar que a vida humana inteligente só existe aqui na Terra é o pessimismo final. É, em essência, acreditar que já estamos vivendo no inferno. 

No final, acho que a crença de que a Terra é o único planeta no universo inteiro com vida inteligente vem de uma crença imensamente auto-ilusória de que “Só nós somos especiais.” Bem, é claro que nós somos especiais. E assim são também especiais todos os outros seres vivos, conscientes que compartilham o nosso universo . Somos todos especiais! 

O fato de que este universo ainda sustenta a vida é, em si, uma anomalia fantástica. Você percebe que, se as leis da física forem ajustadas, mesmo que minimamente, as estrelas não seriam capaz de usar o hidrogênio como combustível nuclear? Sem nenhum combustível de hidrogênio significa que não haveria sóis. Nem sóis assim como sem planetas habitáveis. Haveria apenas uma total escuridão e a morte.

E, no entanto, isto não é o nosso universo! Este nosso universo é vivo, é abundante, é diversificado e enorme além da maior imaginação possível. Nós somos apenas uma espécie inteligente entre bilhões/trilhões de outras. Não só nós não estamos sozinhos, mas a própria ideia de que poderíamos estar sozinhos por si só é incompreensível (n.t. e terrivelmente estúpida…). Publicado em Maio 2014.

Permitida a reprodução desde que mantido o formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

469Share on Facebook (Opens in new window)469
14Click to share on Twitter (Opens in new window)14
Click to share on Google+ (Opens in new window)
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)
Posted by Thoth3126 on 15/11/2015

Agradecimentos a  URL: http://wp.me/s2Fgqo-haarp




Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Mike+Adams

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

   
Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Novembro 14, 2015

chamavioleta

Microchips: 

Implantes como um aplicativo definitivo

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com 

Microchip em seres humanos: com você “sob a sua pele”, o tempo todo. 
Iain Gillespie – Sydney, Austrália 

http://www.smh.com.au

chip-rfid-implantes
Microchip em Humanos: Com você “sob a sua pele”


Milhares de “entusiastas” da tecnologia vão usá-lo como o aplicativo final, o que lhes permitirá desbloquear-bloquear as suas casas, carros, telefones, computadores e celulares com um simples aceno de mão.

Mas há um porém: eles devem ter um microchip inserido em seus próprios corpos.

“E seguiu-os o terceiro anjo, dizendo com grande voz: Se alguém adorar a besta, e a sua imagem, e receber o SINAL na sua testa, ou na sua mão, também este beberá do vinho da ira de Deus…”. Apocalipse 14:9-10

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Microchip em seres humanos: com você “sob a sua pele”, o tempo todo.

Iain Gillespie – Sydney, Austrália

http://www.smh.com.au

A ideia pode parecer estranha, e até dolorosa, mas implantar um microchip em humanos parece atrair não só os amadores (n.t. e inconscientes), que se chamam biohackers, mas também e principalmente, os governos, as forças policiais, autoridades médicas e empresas de segurança.

Ele envolve o uso de uma agulha hipodérmica para injetar um microchip RFID (identificação por radiofrequência), hoje cerca do tamanho de um grão de arroz, geralmente na mão ou no pulso da pessoa. O mesmo tipo de chip é usado para rastreamento de animais de estimação perdidos.



Os implantes enviariam um número de identificação único que pode ser usado para ativar dispositivos como telefones e fechaduras, e pode conectar-se a bancos de dados que contêm informações ilimitadas, incluindo dados pessoais, tais como nomes, endereços, registros de saúde, habitos de gastos, viagens, etc…

Os Chips RFID já estão em toda parte. Basicamente, se você tem que usar um cartão (débito ou crédito), o seu ID esta codificado na tarja magnética. Se você tocá-lo em um leitor, como acontece com Myki, tem um chip RFID com seu número nele ligado ao banco de dados relevantes com sua informação sobre ela. Os últimos cartões de crédito têm tanto as barras bem como RFID. Algumas etiquetas RFID tem uma pequena bateria ou outra fonte de energia, permitindo-lhes operar distantes centenas de metros e que eles deste modo não precisam estar na linha de visão de um leitor ótico.

Tanto quanto sabemos, este tipo de Chip ainda não pode ser feito bem pequeno o suficiente para incorporar em seres humanos. O Cientista em Cibernética Dr. Mark Gasson, da Universidade de Reading, na Grã-Bretanha, tornou-se o primeiro ser humano a ser infectado com um vírus de computador, depois que ele injetou em si mesmo um microchip em 2009 para controlar dispositivos eletrônicos em seu escritório. O vírus foi replicada nos swipecards de funcionários que acessam seu prédio e infectou o banco de dados da universidade.



No entanto, Gasson e outros cientistas dizem que um novo mundo com populações em massa de pessoas (chipadas) “informatizadas” é iminente e “inevitável”. Eles dizem que os dispositivos de computação complexos rotineiramente implantados em seres humanos por razões médicas também tem a tecnologia para melhorar as habilidades de pessoas saudáveis.

“Ele tem o potencial de mudar a própria essência do que é ser um ser humano”, diz Gasson. “Não é possível interagir na sociedade de hoje de forma significativa, sem ter um telefone celular. Acho que os implantes humanos de Chip vão surgir ao longo de uma rota similar. Será uma tal desvantagem não ter o implante que, essencialmente, isso não será opcional“.

No ano passado, a linha entre o homem e a máquina ficou ainda mais turva, quando a Universidade de Stanford anunciou que seus cientistas haviam criado o primeiro transistor puramente biológico que foi feito inteiramente de material genético. O professor assistente de bioengenharia da Stanford Universuty, o Dr. de Drew Endy, descreveu a descoberta como o componente final necessário para um computador biológico que pode operar dentro de células vivas e reprogramar sistemas vivos.

Kevin Warwick, professor de cibernética da Universidade de Reading, tem um dispositivo eletrônico em seu corpo que faz a interface com o sistema nervoso, e tinha uma versão mais simples implantada no braço de sua esposa. Sinais rudimentares entre os dois provaram que a comunicação puramente eletrônica é possível entre dois sistemas nervosos humanos.


Acima, o Professor Kevin Warwick e o seu braço com chip aciona um braço cibernético (robótico). Photo: REX

O braço “chipado” de Warwick lhe permite usá-lo através de um link de computador para operar um braço robótico em outro continente. O braço do robô vai imitar tudo o que os movimentos do braço e mão que ele faz com o braço natural. Mas a ligação com o sistema nervoso de sua esposa é tão rudimentar que ele diz que só pode saber se ela apenas moveu o braço dela.

O empresário e ativista da internet do software livre de Melbourne, Austrália, Jonathan Oxer injetou-se com um microchip em 2004, depois de obter o mesmo kit que os veterinários usam para animais de estimação da família. Sua conta no Twitter o descreve como um cyborg em andamento.

Oxer usa o chip para operar fechaduras da casa e seu computador, e diz que depois de uma década dentro de seu corpo o implante não causou nenhum efeito colateral à sua saude. “Agora (o Chip) é como qualquer outra parte de mim. Eu nem sequer penso mais sobre isso”, diz ele.


Jonathan Oxer injetou-se com um microchip em 2004, depois de obter o mesmo kit que os veterinários usam para animais de estimação da família

A idéia do uso de implantes eletrônicos se generalizando nos seres humanos diz respeito a Drª Katina Michael, uma professor associada da Universidade de Wollongong, que é especialista nas implicações sócio-éticas de tecnologias emergentes. “Microchips RFID são, essencialmente, uma identificação única embutido em seu corpo, e, como sabemos, os números podem ser roubados e os dados podem ser hackeados.

Trazendo um número de problemas informáticos externos para o corpo humano é um caminho cheio de perigos”, diz ela. “Eles apontam para uma sociedade em estilo super-vigilância que é estilo Big Brother do lado de dentro olhando para fora.”

Os Governos ou grandes corporações que tenham a capacidade de acompanhar (rastrear) as ações e movimentos das pessoas (chipadas), categorizá-los em diferentes grupos políticos, raciais, religiosos ou de consumo sócio-econômicas e, finalmente, até mesmo controlá-los”.



Michael se preocupa com as pessoas sendo forçadas ou coagidas a ter um chip implantado, algo que ela diz que é provável que já tenha acontecido. “É uma preocupação que pelo menos nove Estados norte-americanos demonstram e que até agora proibiram implantes de microchips forçados”, diz ela.

Mas em 2007 uma empresa chamada VeriChip injetou cerca de 200 pacientes com o Mal de Alzheimer, muitos deles incapazes, com microchips ligados a seus registros de saúde. Os pacientes foram fornecidos por uma casa de repouso na Flórida, que se beneficiou do patrocínio da empresa. A polêmica começou depois que foi descoberto que a empresa VeriChip conduziu o estudo sem obter a necessária aprovação do Conselho de Revisão Institucional da Flórida, que supervisiona a proteção dos seres humanos em pesquisas.

O Procurador-geral do México e altos membros de sua equipe foram implantados com VeriChips dando-lhes acesso às áreas de segurança de sua sede local, e militares e policiais do país estão declaradamente próximos para serem chipados.


“E fez que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas, para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome”. Apocalipse 13:16 e 17

O Distribuidor VeriChip Solusat também anunciou um acordo com a Fundação Nacional para a Investigação de crianças perdidas e sequestradas do México, para promover a implantação de microchips nas crianças do país. Como os chips poderiam ajudar na sua localização ainda é incerto, uma vez que eles ainda não têm a tecnologia de rastreamento GPS.

A empresa VeriChip agora mudou seu nome para PositiveID (controlada pela Applied Digital Solutions) por causa de uma avalanche de publicidade negativa e emergiu como um desenvolvedor do que eles chamam agora por “sistemas de detecção biológica”.

Outras empresas também estão no mercado de implantes de microchips, e seus pesquisadores estão trabalhando duro para integrá-los com a tecnologia de localização via GPS. Quando eles tiverem sucesso nesse área de localização, os produtos estão previstas para ganhar um enorme mercado internacional, provavelmente o mundo inteiro.



Os opositores desta idéia estão lutando contra. “Tecnologia deste tipo é facilmente abusiva da privacidade pessoal”, diz Lee Tien, da Electronic Frontier Foundation. “Se uma criança é rastreável, você quer que os outros possam ser capazes de acompanhar o dia do seu filho? É uma enorme faca de dois gumes.”

Publicado originalmente em Maio de 2014.

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

133Share on Facebook (Opens in new window)133
6Click to share on Twitter (Opens in new window)6
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)



URL: http://wp.me/p2Fgqo-6oc


Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q= Iain Gillespie


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA

Outubro 25, 2015

chamavioleta

Engenheiro do IRÃ desenvolveu reator de plasma. 

Por Hank Mills 

da Pure Energy Systems News

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@protonmail.ch

Engenheiro do IRÃ declarou ter desenvolvido reator de PLASMA gerador de pulso eletromagnético e campo gravitacional, semelhante ao sistema utilizado em espaçonaves alienígenas.

Também publicado em: http://truth11.com




O Engenheiro nuclear iraniano, Mehran Tavakoli Keshe, que entrevistamos ecobrimos aqui em nossas notícias por um par de anos, em uma declaração surpreendente afirmou ser criador da tecnologia de controle da gravidade a ser utilizada no artefato de vôo iraniano (uma espaçonave do tipo disco voador) – algo que ele já havia divulgado para nós no passado, antes do anúncio oficial da agência iraniana. Mehran Keshe é o diretor da Fundação Keshe

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@protonmail.ch

Engenheiro do IRÃ declarou ter desenvolvido reator de PLASMA gerador de pulso eletromagnético e campo gravitacional, semelhante ao sistema utilizado em espaçonaves alienígenas.

Fonte: http://pesn.com/ – Também publicado em: http://truth11.com

Por Hank Mills da Pure Energy Systems News

O Engenheiro Nuclear, Mehran Tavakoli Keshe, se apresentou como sendo o desenvolvedor da tecnologia de reator de plasma que estaria sendo usada em um “disco voador” desenvolvido pelo IRÃ. Sua tecnologia reivindica aproveitar as leis do eletromagnetismo e da gravidade para permitir viagens ao longo do sistema solar e além. 

Quadricóptero

Ele afirma ter desenvolvido um reator especial de plasma que permite a manipulação de campos gravitacionais e eletromagnéticos para produzir movimento. Pedidos de múltiplas patentes foram depositadas para este reator, e os muitos detalhes dele são explicados no site da sua Fundação Keshe.

À esquerda imagem mostrada de Quadricóptero iraniano com comunicado de imprensa. O disco voador teve sua imagem mostrada na imprensa mais tarde.

Em 16 de março de 2011, a agência de notícias linha-dura iraniana Fars divulgou um comunicado à imprensa afirmando que o IRÃ desenvolveu um disco voador. O disco não tripulado chamado de “Zohal” (Saturno em língua Persa) é para ser equipado com um sistema de piloto automático, GPS, e um sistema de gravação de imagem.

Alega-se que a aeronave pode voar em espaços abertos e fechados (indoor) Inicialmente, o comunicado de imprensa inclui um estoque de fotos de um disco voador que era, obviamente, de um antigo filme de ficção. Esta imagem foi mais tarde substituída por uma do que parece ser um quadricóptero comum.

Um reator de plasma cilíndrico feito com tecnologia Keshe.

Tal imagem tenderia a indicar que não há nada muito exótico sobre o artefato voador. No entanto agora, o Engenheiro nuclear iraniano, Mehran Tavakoli Keshe, que temos entrevistado e coberto aqui em nossas notícias por um par de anos, veio à público e afirmou ser o criador da manipulação de tecnologia da gravidade a ser utilizada no artefato de vôo iraniano – algo que ele já havia divulgado para nós no passado, antes do anúncio oficial da agência iraniana. Mehran Keshe é o diretor da Fundação Keshe.

Ele afirma ter desenvolvido um reator especial de plasma que permite a manipulação de campos gravitacionais e eletromagnéticos para produzir movimento. Pedidos de múltiplas patentes foram depositadas para este reator, e os detalhes dele são explicados em muitos sites da sua Fundação Keshe. Importante, em uma recente entrevista com William Alec, da Vortex Network News , Keshe afirma especificamente que sua tecnologia foi incorporada no novo disco voador iraniano.

Ele também afirma ter dado a tecnologia para o governo iraniano desde há muitos anos em que está trabalhando ativamente com ela. Isto contradiz a ideia de que o disco é uma espécie de helicóptero multi-turbina.

Propulsão poderosa e acessível

Esta tecnologia parece boa demais para ser verdade. Alega-se que ela permitiria a criação tanto de um campo gravitacional e eletromagnético produzido em torno da aeronave que o utilizasse como sistema de propulsão. Os geradores capazes de criar campos gravitacionais e eletromagnéticos são usados para propulsão. Eles trabalham a favor ou contra (atração e retração) com os campos de outros corpos no espaço, tais como planetas, estrelas, ou até mesmo galáxias. Um dispositivo que pese entre 7-10 quilos é reivindicada a capacidade de geração de capacidade de muitas toneladas de poder de levitação da aeronave em que estiver instalada.

A força de elevação e empuxo é criada sem a necessidade de qualquer queima de combustível (motor a explosão por fissão como nos foguetes convencionais) de modo convencional. Estes dispositivos são muito baratos de se construir. Um pequeno reator tem custo de produção em torno de mil dólares em componentes. Os benefícios desta nova tecnologia são muito surpreendentes e resolveria muitos dos problemas e desafios encontrados em viagens espaciais (e na geração de energia). Para ser franco, parece reunir todas as melhores tecnologias da nave estelar ficcional Enterprise da série televisiva Star Trek.

Por exemplo, o campo eletromagnético produzido pelo reator especial de plasma protegeria os ocupantes da radiação cósmica, pois envolveria toda a espaçonave. Aparentemente, esse campo seria tão intenso que pequenas partículas de poeira que normalmente destruiriam uma nave espacial, são simplesmente desagregadas em nível atômico. Devido ao fato de o reator produzir seu próprio campo gravitacional, os ocupantes poderiam andar normalmente e experimentariam o mesmo nível de gravidade do que na Terra no interior da espaçonave.

PROJECT CAMELOT – KESHE AMEAÇADO DE MORTE – ENERGIA LIVRE



Isso evitaria a degradação óssea e muscular enfrentada quando ficamos (os corpos dos astronautas) expostos a longos períodos de gravidade zero. Além disso, os ocupantes não sentiriam os efeitos inerciais da aceleração e desaceleração súbita (exatamente como é testemunhado por pessoas que viram UFOs se deslocando nos céus da Terra). Se essa tecnologia realmente tiver sido desenvolvida poderia, de repente provocar um enorme salto para a frente na evolução da humanidade, se iniciaria uma nova era de exploração espacial do tipo visto na série Star Trek.

Esta tecnologia oferece não só a capacidade de se deslocar mais rápido do que viajar à velocidade da luz, mas proporcionaria viagens espaciais quase instantâneas. Teoricamente, uma nave poderia viajar para o sistema estelar mais próximo (estrela/sol Alpha Centauro, há 4,2 anos-luz de distância) em segundos! É claro que esta tecnologia também oferece benefícios no deslocamento dentro de uma atmosfera planetária. Uma embarcação utilizando esta tecnologia não iria entrar em contato (não haveria qualquer tipo de atrito) físico com a atmosfera planetária devido ao poderoso campo magnético ao redor da nave. Isso eliminaria o efeito de arrasto e evitaria os estrondos sônicos. Também se afirma que aeronaves com esse sistema de propulsão seria capaz de viajar debaixo d’água sem enfrentar qualquer resistência do meio líquido! ( fato que já foi testemunhado com UFOs sendo vistos se deslocando embaixo d’água, em diferentes pontos do planeta, em altas velocidades, entrando e saindo da água sem desaceleração). 

Tecnologia Mudaria a Teoria da Gravidade

A teoria por trás do reator especial de plasma e como ela produz essas forças gravitacional e eletromagnética é potencialmente revolucionária. O Dr. Mehran Keshe afirma que toda a matéria existente (incluindo prótons e elétrons) são compostos de anti-matéria, matéria escura e matéria normal. A gravidade é produzida pelo campo magnético desses vários tipos de matéria interagindo uns com os outros. Ao transformar a matéria em um quentíssimo plasma desses componentes diferentes podem ser desmembrados um do outro. Ao serem produzidos dessa forma, se pode permitir a criação de poderosos campos magnéticos e gravitacionais. Além disso, o mesmo processo pode ser usado para produzir uma fonte ilimitada de energia. Isto pode ser feito simplesmente adicionando bobinas especiais perto do plasma girando em altíssima temperatura e velocidade.


Seria muito fácil para os céticos não aceitar esta tecnologia como real, e apenas sendo mera fantasia, exceto pelo fato de que muitas reivindicações científicas específicas foram feitas. Aparentemente, o trabalho sobre o aspecto da tecnologia para propulsão de aeronaves está completo. Eles têm pequenas unidades (menos de 10 kg) que podem produzir efeito antigravitacional em veículos com toneladas de força de elevação. O primeiro protótipo produzido tinha tanta força de elevação que O Dr. Keshe teve que pular em cima dele para impedi-lo de voar muito alto para cima!

Esta nova tecnologia tem sido compartilhada com vários países além do IRÃ, incluindo EUA e a Rússia. A NASA e outras agências espaciais receberam todas as informações sobre essa nova tecnologia. Alega-se que a tecnologia agora estaria sendo ampliado, mas Keshe afirma que ele não pode falar sobre os detalhes. O objetivo da Fundação Keshe é abrir uma universidade em que estudantes de países de todo o mundo iriam passar seis anos aprendendo sobre ela, a construção de sistemas, sua utilização e voltar para seu país de origem para ensinar a outros cientistas. O desejo é de se certificar que todas as nações do planeta tenham acesso à essa nova tecnologia. Em 2015 a fundação também planeja ter uma espaçonave em tamanho real que permita que turistas da Terra possam visitar a lua.

Restam apenas três opções aqui. Ou o Dr. Keshe produziu uma tecnologia com avanço que tem o potencial de mudar o nosso mundo, ele é um mentiroso absoluto ou então ele está delirando. Não existe mais nada entre essas três possibilidades. Assuas alegações são verdadeiras ou não são. Toneladas de capacidade de elevação obtida de um dispositivo com dez quilos apenas não pode ser um erro de medição.



Assista o vídeo de 6 minutos em que a tecnologia é explicada. Para acionar as legendas clique no segundo balão (da esquerda para à direita-legendas ocultas) e escolha Português.

Além da tecnologia Star Trek

Agora por favor, deixem-me ser claro sobre a minha posição sobre a realidade desta tecnologia. Eu sinceramente espero que ele esteja dizendo a verdade. Além disso, eu não tenho nenhuma razão para acreditar que ele esteja mentindo. Mas a extensão simples deste avanço potencial é quase insondável e inacreditável. Esta tecnologia poderia superar qualquer obstáculo às viagens espaciais interestelares além de fornecer uma fonte ilimitada de energia. Se ele está dizendo a verdade, a nossa civilização em breve poderá avançar para além do século 24 ….. Não há praticamente nada no mundo da ficção da série Star Trek que dispõe desta tecnologia que não seja possível produzir:

– Velocidade de Dobra (Warp Drive FTL)? VERIFIQUE!

– Warp Core? VERIFIQUE!

– Escudo defletor/protetor (Shields)? VERIFIQUE!

– Gravidade Artificial? VERIFIQUE!

– Anulação da força de inércia? VERIFIQUE!

– Matriz Defletora? VERIFIQUE!

Conecção com Disco iraniano

A questão crítica que eu vejo é fazer a verificação de que essa tecnologia está sendo usada no artefato voador iraniano. Precisamos de algum tipo de referência oficial, declaração ou documento ligando diretamente a tecnologia para com a aeronave. Eu enviei pessoalmente algumas perguntas via e-mail para o Dr. Keshe, com uma lista de perguntas sobre a sua conexão com o objeto voador. As perguntas que eu fiz foram as seguintes, juntamente com as respostas que ele próprio forneceu ( em vermelho ) em 07 de abril de 2011 12:46:

1) Eu acredito que eu ouvi você dizer em uma entrevista recente, há um vídeo de seu reator produzindo força de elevação, mas não foi tornado público. Quando você acha que poderia ser tornado público?

R: Esta é uma decisão do governo iraniano.

2) Existe alguma referência que você pode oferecer que iria ligar diretamente a sua tecnologia com a tecnologia usada no disco voador do Irã?

R: Temos publicado sobre isso por dois anos e acabo de regressar do IRÃ em janeiro para a visita de sete dias, o que tem sido documentado em meu fórum. E nós dissemos que o IRÃ irá mostrar a tecnologia espacial em seu próprio tempo, pergunte aos representantes do governo canadense que tomaram de mim (À força) todos os meus documentos em Toronto durante um vôo seqüestrando-os, eles dizem quem e onde eu estava desenvolvendo o projeto no IRÃ. http://www. keshefoundation.com / phpbb / viewtopic.php? f = 2 & t = 249

UFO e seu reator de fusão de plasma, fotografado em Cerro Gordo, EUA, em 2006

3) Você já viu pessoalmente o disco voador do Irã? Se sim, onde e em que circunstância?

R: Eu construí o sistema inicial de propulsão, o elevador e o testei para eles 2,5 anos atrás, no IRÃ. O país até então estava produzindo foguetes e nunca conversaram sobre o programa espacial. 

4) Você supervisionou a concepção, construção e testes do disco? Se não, quem o fez e como podemos entrar em contato com eles?

5) Você pode descrever as características físicas e o desempenho do disco voador do IRÃ? Por exemplo – Que elemento ele usa para produzir plasma? 

De elementos básicos

– Qual o seu tamanho?

– Quanto de força de elevação ele poderia produzir?

Isso não é relevante em sistemas de posicionamento Magravs 

– Qual é o limite de alcance?

Para qualquer destino, estes sistemas antigravitacionais não têm limitações como um sistema comum de propulsão (que consuma combustível).

– Qual a sua máxima velocidade?

Pode ser de milhares de vezes a velocidade do som na condição de vôo no espaço. 

– É facilmente escalável para um tamanho maior?

A escala/tamanho é dependente da sua força de campo. 

– Pode viajar para além da órbita da Terra ?


– Com o que se parece? 

Com um disco.

6) Você tem alguma foto do Disco Voador? Você estaria disposto a compartilhar tal imagem a ser apresentado na PESN?

7) Existe mais alguma informação adicional sobre o disco do IRÃ que você possa fornecer?

Assista a liberação do espaço aéreo iraniano. Eu reconheço como o primeiro pouso em exibição na Terra será em Jerusalém como já expliquei antes e se você entender a linguagem política (n.t. e o fanatismo religioso) do Oriente Médio… 

Por Hank Mills Pure Energy Systems News. Esta história também esta publicada em BeforeItsNews – Publicado originalmente em Março de 2014.

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e cite as fontes.


Compartilhe:



Posted by Thoth3126 on 25/10/2015



Agradecimentos a  URL:http://wp.me/p2Fgqo-1qy



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português: 
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Hank+Mills


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media Creator's Map ESU IMMANUEL Exposing Media DesInformation Galactic Federation Indians, Prophecies and UFOs Illuminati, The Infinite Being Israel (!?) Jews..., the Real ones! *Khazars Jews are converted, not jenuine Meditation Media News NESARA (!?) SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... UFO CONTACTS UFOs (MORE) USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA 

Outubro 23, 2015

chamavioleta

Vimanas, UFOs

 descoberta uma peça muito antiga.

By Terrence Aym

Uma peça manufaturada de Alumínio com a idade de 20 mil Anos, um trem de pouso de um “Vimana” (uma antiga espaçonave) da antiga ÍNDIA – Bharata – foi descoberto. 

http://beforeitsnews.com/


Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com


Publicado anteriormente a  23/04/2015




Uma peça manufaturada de Alumínio com a idade de 20 mil Anos, um trem de pouso de um “Vimana” (uma antiga espaçonave) da antiga ÍNDIA – Bharata – foi descoberto.

Alguns estudiosos estão convencidos de que uma antiga e avançada civilização existiu onde a moderna e atual nação da Índia existe hoje. Eles reclamam que as cidades-estado pré-históricas (pré-dilúvio) tinham tecnologias muito avançada, incluindo armas de alta energia, aviões a jato, espaçonaves e até mesmo a bomba atômica.

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

Uma peça manufaturada de Alumínio com a idade de 20 mil Anos, um trem de pouso de um “Vimana” (uma antiga espaçonave) da antiga ÍNDIA – Bharata – foi descoberto.

http://beforeitsnews.com/

By Terrence Aym (Reporter) Contributor profile

Agora, um artefato deslumbrante e fabricado tecnologicamente em passado remoto foi identificado por alguns pesquisadores como uma parte de um conjunto do trem de pouso de aeronaves, datado com cerca de 20 mil anos de idade, e feito de um metal que não foi descoberto pela nossa civilização atual até o início dos anos de 1800.



Por muitos anos, alguns pesquisadores da antiga Índia e da Ásia têm tentado convencer os céticos ocidentais de que os chamados textos religiosas do Rig Veda também são narração de FATOS da história realmente descritiva e autêntica. Dando credibilidade às suas reivindicações existem vários artefatos manufaturados encontrados ao longo dos últimos anos e descrições detalhadas da engenharia de aeronaves vimanas e da sua construção.

A incrível descoberta na década de 1990 dos restos de uma antiga cidade no norte da Índia, cujo local ainda era altamente radioativo enviou alguns arqueólogos correndo para o local da descoberta.

E então, um artefato muito estranho, o Wedge of Aiud (Cunha de Aiud), descoberta em 1973, foi visto com um novo olhar: uma antiguíssima peça de metal usinado feita de uma liga de alumínio (metal não encontrado na natureza). Originalmente se pensava que tivesse cerca de 400 anos, mas novos e mais modernos testes têm determinado que sua idade é de 18.000 a.C., a partir do Pleistoceno, cerca de 20.000 anos antes da descoberta do alumínio nos atuais tempos modernos.

Mais estranho ainda, alguns especialistas acreditam que o artefato pode ser parte de um trem de pouso de algum tipo de espaçonave… Possivelmente de um dos antigos Vimanas indianos, as máquinas voadoras descritas nos textos sagrados do RigVeda .



As super cidades-estados pré-dilúvio perdidas.

As provas que vem se acumulando durante os últimos séculos acrescenta credibilidade à ideia de que super cidades-estado cresceram na região em algum momento no final da última Idade do Gelo. A melhor evidência para a localização de algumas dessas cidades – que poderiam ter gerado a civilização pelo mundo se encontra no norte da Índia e sul do Paquistão, e num trecho desolado do deserto de Gobi, na Mongólia, ao noroeste da China.

Essas culturas tão avançados se diz terem possuído uma tecnologia muito elevada, igual e superior em alguns aspectos à do século 21.Textos antigos se referem a edifícios imponentes, vários tipos de aeronaves, um elevado nível de ciência e engenharia, e até mesmo uma arma que os físicos de hoje acreditam que foi usado pela primeira vez nos últimos dias da Segunda Guerra Mundial: a bomba atômica.

Pode ser que essas culturas avançadas se eliminaram umas às outras por se envolver em uma guerra nuclear limitada. Evidências colhidas ao longo das últimas décadas apontam nessa direção. Talvez, depois de uma série de ataques devastadores, a rede remanescente dessas antigas e avançadas culturas desabou, sucumbindo às devastações da depressão econômica, deslocamentos da população (ao abandonar as cidades radioativas) e doença.

Ilustração de um vimana por David H. Childress

As máquinas (Vimanas) antigas que voavam

De acordo com os reverenciados textos indianos dos Vedas, escritos em sânscrito, os Vimanas e ram máquinas voadoras. A palavra vimana é usada ainda hoje na linguagem moderna indiana para se referir a aeronave. Enquanto a maioria dos vimanas eram usados para o transporte através da atmosfera, alguns foram descritos como sendo usados para viajar no espaço exterior, enquanto outros eram uma forma limitada de submarino.

Assim como aeronaves modernas, os vimanas tiveram várias configurações e tamanhos, dependendo do que eles foram projetados para realizar. Alguns tinham dois motores, como a agnihotra-vimana , outros, como a gaja-vimana , tinham mais. Ao todo, podem ter sido tantos tipos como uma dúzia de tipos diferentes de vimanas todos projetados para diferentes fins. A maioria deles voavam.

Se assim for, os vestígios de uma ou mais dessas culturas pode ter servido para alimentar a lenda da grande cidade de Atlântida que aparece nos diálogos de Platão, Timeu e Crítias escritos por volta de 360 a.C. Após o colapso dessas cidades-estado, o restante da Humanidade caiu na barbárie e conhecimento da tecnologia fantástica se transformou em mito. Este ponto de vista é suportado pelo fato de que algumas das primeiras pinturas nas cavernas revelam um maior nível de sofisticação do que aquelas que foram criadas centenas de anos mais tardiamente. A raça humana regrediu e as glórias das super-cidades estado foi ocultada pelas brumas rodopiantes do tempo.


Um Ataque atômico … Há 20.000 anos

Vestígios de uma antiga guerra atômica entre avançadas e poderosas cidades-estado ainda permanecem no norte da Índia, Paquistão e em partes do grande Deserto de Gobi, na Mongólia. Os cientistas sabem há muitos anos sobre a extensão de areia vitrificada que cobre uma região do Deserto de Gobi. A areia fundida, de cor esverdeada, só pode ser criada através da exposição a um calor intenso. Geólogos acreditam que a areia se tornou vitrificada pela exposição à ação vulcânica; astrônomos afirmam que um grande meteoro poderia ter feito isso; e os físicos perguntam se o vidro não foi causado por uma explosão atômica.

Esses três incidentes são as únicas coisas que poderiam ser responsáveis pela existência da região de areia vitrificada, que se situa nos trechos solitários da terra árida. Mas as origens vulcânicas estão fora, pois que não existem vulcões na região. E também não existe evidência de uma cratera meteórica ou resíduo que seria encontrado se uma rocha do espaço batesse no deserto e deixasse cicatrizes no terreno e queimasse a areia ao ponto de fusão em vidro.


Vestígios de uma antiga guerra atômica entre avançadas e poderosas cidades-estado ainda permanecem no norte da Índia, Paquistão e em partes do grande Deserto de Gobi, na Mongólia.

O processo de eliminação deixa apenas uma explosão atômica para explicar a estranha condição da areia, uma região vitrificada onde nada nasce e cresce. Suportando a teoria atômica existe o fato de que uma parte da área do terreno tem um maior nível de radiação de fundo fora da área afetada semelhante. É quase como se algo que existisse na região deserta e foi vaporizado por uma explosão como as explosões que destruíram Hiroshima e Nagasaki.

Outra descoberta que confirma a existência de uma avançada civilização de cidades-estado tecnologicamente avançada cerca de 20.000 anos atrás, foi a descoberta impressionante dos restos de uma antiga cidade, Mohenjo-Daro, no estado noroeste do Rajastão, na Índia. O local foi encontrado quando começou a construção para o desenvolvimento de novas habitações.


O local foi encontrado quando começou a construção para o desenvolvimento de novas habitações.

O que surpreendeu os arqueólogos foram os restos carbonizados de edifícios parcialmente derretidos e os esqueletos radioativos que foram cobertos por uma espessa camada de cinzas – confirmado mais tarde como tudo sendo radioativo. As cinzas cobriam uma área quadrada de três milhas. Outra pesquisa mostra que existiam várias cidades-estado principais e que pelo menos duas ou mais estavam em guerra uns contra os outros. Enquanto muita atenção tem sido focada nas pesquisas arqueológicas das cidade-estado do norte da Índia, pouco tem sido gasto investigando os restos da antiga explosão atômica no Deserto de Gobi.


Sitio arqueológico de Mohenjo-Daro, onde foram encontrados altos níveis de radioatividade e esquelestos radioativos.

A antiga região é considerada por alguns professores universitários locais como sendo uma precursora da civilização mais moderna chamada de Matsya, outro antigo estado da civilização védica. A cultura Matsya acredita-se estar associada a um estado anterior chamado de Jaipur. Outro texto indiano, o Mahabharata , considerado por alguns estudiosos para apresentar mais do que fato de mito, contêm passagens que descrevem em detalhe o ataque atômico sobre a cidade que a equipe de construção acidentalmente descobriu:

“Um projétil único carregado com todo o poder no Universo … Uma coluna incandescente de fumaça e chamas tão brilhantes quanto 10.000 sóis, subiram em todo o seu esplendor … Ela era uma arma desconhecida, um trovão de ferro, um gigantesco mensageiro da morte, que reduziu às cinzas uma raça inteira. “Os corpos estavam tão queimados a ponto de ser irreconhecíveis. Seus cabelos e unhas caíram, a cerâmica quebrou sem causa aparente, e os pássaros ficaram brancos . “Depois de algumas horas, todos os alimentos estavam infectados. Para escapar deste fogo, os soldados se jogavam no rio.”



Esqueletos com radiotividade de pessoas mortas em explosão atômica na antiga Índia.

Essa antiga conflagração atômica descrita no livro sagrado do Mahabharata foi tão terrível e mortal como o ataque sobre as cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki em agosto de 1945. Apesar do texto sugerir o ataque de uma arma nuclear por um míssil, antigos escritos indianos também descrever em detalhes surpreendentes, as máquinas voadoras chamadas vimanas . Os textos descrevem as características de vôo, a construção, o grupo motopropulsor (um híbrido jato foguete movido por motores de plasma de mercúrio), e especificações de engenharia dos Vimanas. A misteriosa Cunha de Aiud pode ter vindo de um vimana .



O Enigma do trem de pouso de alumínio de um “Vimana” com 20 mil anos: ‘A Cunha de Aiud’

Perto das pitorescas margens do rio Mures localizado a pouco mais de uma milha a leste da pequena cidade de Aiud, na Roménia, um artefato bizarro foi descoberto apelidado de Cunha de Aiud. O Pesquisador Boczor Iosif investigou a respeito encontrou a informação de que a cunha foi descoberta debaixo de 35 pés de areia. Dois ossos de mastodonte alegadamente também se encontravam perto da cunha.

Um relatório de Lars Fischinger declara que ele e um colega, o Dr. Niederkorn, analisaram a cunha no Instituto de Pesquisa e Design. Eles determinaram que o artefato era de uma liga metálica composta de 12 metais diferentes.

O relatório lista que o alumínio era o metal com a maior composição com cerca de 89% do objeto, o resto dos metais eles listaram como sendo: 6,2% de cobre, 2,84% de silício, zinco 1,81%, 0,41% de chumbo, estanho 0,33%, 0,2% de zircônio, cádmio 0,11%, 0,0024% níquel, 0, 0023% de cobalto, bismuto 0,0003% , de prata 0,0002% e vestígios de Galium. ”



Florian Gheorghita, segurando a Cunha de Aiud

Os resultados do teste confundiram os dois pesquisadores pois que o metal alumínio não foi descoberto até o início dos anos de 1800. O Dr. Fischinger observa que a produção comercial de alumínio requer a fundição do minério em temperaturas de até 1.000 graus Fahrenheit.

Inicialmente, o objeto foi pensado para ter apenas cerca de 400 anos. Isso mudou drasticamente quando ele foi analisado cuidadosamente na quantidade de oxidação que cobre a cunha. Eles reajustaram a idade da peça em milhares de anos a mais para o passado.

É agora estimado que a Cunha de Aiud pode datar de 18.000 a.C. e essa data coincide com a idade dos vimanas descritos nos Rig Vedas da antiga ÍNDIA. Após os resultados do teste das analises, a cunha foi enviado para o Museu de História na Transilvânia, Romênia, onde hoje se situa em uma prateleira, sem perturbações, por mais de duas décadas.

Finalmente, em 1995, outro pesquisador romeno, Florian Gheorghita, se deparou com o artefato no porão do museu. A cunha foi testada novamente. Desta vez, em dois laboratórios diferentes: o Instituto Arqueológico de Cluj-Napoca e um laboratório independente na Suíça. Os testes confirmaram os resultados a que chegaram Fischinger e Niederkorn.



Esboço por Florian Gheorghita do artefato em questão

Gheorghita escreveu na publicação Ancient Skies que pediu a um engenheiro aeronáutico para estudar o artefato. O engenheiro observou a configuração e o buraco perfurado na cunha e afirmou que um padrão de escoriações e arranhões no metal o levou a acreditar que a peça era parte de um trem de pouso de uma aeronave. Um esboço foi feito para ilustrar a configuração.

Uma vez que as antigas cidades-estado tinham um sistema de transporte avançado - talvez até mesmo com veículos espaciais – era fácil navegar pelo mundo apenas como as “aeronaves modernas” fazem hoje.

A evidência de engenharia metalúrgica apoia a teoria de que a misterioso Cunha de Aiud é um pedaço de um trem de pouso, que caiu de um vimana antigo há cerca de 20 mil anos atrás na atual Romênia e ficou soterrado por milênios sob os bancos de areia do rio Mures, que o engoliu. Talvez um dia a terra venha a revelar mais de seus antigos segredos, espero que seja um vimana inteiro – e intacto.



Esboço por Florian Gheorghita do próprio artefato

UPDATE: Um leitor do Beforeitsnews, John Cooper, chamou minha atenção para uma foto que ele postou em sua página no Facebook ( clique aqui para ver em tamanho real a foto ).

Esta é uma construção modular para um conjunto do trem de pouso. Observe as semelhanças entre os footpads do trem de pouso em sua foto e a semelhança dos esquemas de engenharia feito por Florian Gheorghita da Cunha de Aiud.


Esta é uma construção modular atual para um conjunto do trem de pouso.

Muitos agradecimentos a John Cooper por fazer esta foto disponível para os leitores do nosso site. – Terrence Aym.

Mais informação sobre VIMANAS: http://thoth3126.com.br/vimanas-ufos-da-antiga-india-baratha/

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Compartilhe:

632Share on Facebook (Opens in new window)632
11Click to share on Twitter (Opens in new window)11
Click to share on Reddit (Opens in new window)
Click to email this to a friend (Opens in new window)

Posted by Thoth3126 on 23/04/2015


URL: http://wp.me/p2Fgqo-1gq

-- *** --

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Terrence Aym

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Outubro 22, 2015

chamavioleta


Os veículos movidos à eletricidade preparam um salto no mercado de automóveis.

Por Armando Mombelli.

Edição e imagens: Thoth3126@protonmail.ch





Os veículos elétricos conquistam um espaço maior, a cada Salão do Automóvel de Genebra: atualmente quase todas as montadoras apresentam um modelo.


Para Marco Piffaretti, um dos pioneiros dessa tecnologia, dentro de 20 anos, metade da frota de carros será elétrica. Aos 22 anos de idade, ele fundou a Protoscar, uma empresa de engenharia que desenvolve soluções técnicas e de design no campo da mobilidade ecológica. 


Edição e imagens: Thoth3126@protonmail.ch


O carro elétrico é muito interessante para os grandes centros urbanos e a problemática da geração do CO2, mas a indústria ainda não entendeu completamente que ele é seu próprio futuro.


Por Armando Mombelli – Fonte: http://www.swissinfo.ch/


Já faz 30 anos que Marco Piffaretti tenta colocar “o sol no motor”. Aos 22 anos de idade, ele fundou a Protoscar, uma empresa de engenharia que desenvolve soluções técnicas e de design no campo da mobilidade ecológica. Entre 2009 e 2011, a empresa do Ticino (sul da Suíça) apresentou três modelos, o Lampo, um carro esportivo elétrico, capaz de acelerar de 0 a 100km/h em 4,5 segundos. Mais detalhes na entrevista a seguir. 




Clique na imagem para ampliar.


Fala-se de carro elétrico já faz tempo. Por que as montadoras começaram a produzi-los apenas alguns anos atrás?


Marco Piffaretti: O grande salto no avanço do uso da eletricidade ocorreu em 2009, quando os carros começaram a usar a bateria de lítio, que já era usada nos computadores e nos telefones celulares. Esta nova solução técnica permitiu um desempenho duas ou três vezes superior às tecnologias anteriores.


O motor elétrico também foi potencializado e tornou-se mais leve e eficiente. Mas a grande aceleração veio mesmo através da bateria de lítio. Ela garante uma autonomia de 100 a 400 km, dependendo do modelo.


Hoje, graças a estes progressos, um carro elétrico oferece um desempenho bem melhor do que um automóvel com o motor a combustão. Os veículos elétricos consomem, em média, um quarto da energia usada pelos modelos a gasolina ou diesel.


Qual é o motivo deste rendimento melhor?


MF: O motor a combustão, que usamos faz uns cem anos, é um sistema pouco eficiente. Ele provoca muito desperdício de calor; o gás da descarga pode chegar aos 900 graus centígrados. O carro a combustão é uma estufa sobre quatro rodas. Para evitar que o motor entre em fusão, este calor é expelido através de um sistema de resfriamento. Na prática, apenas um quarto da energia do combustível é usada para funcionar o carro. O resto vai embora na forma de calor.


O motor elétrico, ao contrário, chega aos cem graus, no máximo. Quase toda a energia serve para fazer funcionar o carro. Além disso, quando se freia, o carro elétrico recupera energia. O motor funciona como um dínamo e contribui para realimentar a bateria.




As três versões do Lampo, protótipos de carros elétricos idealizados por Marco Piffaretti para mostrar o potencial dos veículos elétricos. (protoscar.com)


E quais são as desvantagens?


MF: A única e grande desvantagem é o preço de compra, ainda 30 a 40% acima do carro a combustão. A diferença é por causa da bateria. Ela representa 30% do custo final. Esse preço não está sujeito apenas aos materiais mas à qualidade do produto que deve suportar vibrações e grandes mudanças de temperaturas por uma dezena de anos. A tração elétrica permite a economia de muito dinheiro em termos de manutenção. Mas, no momento da compra, é como se o consumidor gastasse o equivalente a 20.000 litros de gasolina…


O senhor criou o Lampo, um carro elétrico, com desempenho equivalente ao de um Ferrari ou de um Lamborghini. Por que motivo desenvolveu um protótipo com estas características?


MF: Em 2009, quando apresentamos o primeiro Lampo no Salão de Genebra, o carro elétrico era visto principalmente como um meio adequado à mobilidade urbana, para amenizar os problemas da poluição e dos barulhos noturnos. Com o Lampo quisemos demonstrar que era uma solução para todos os tipos de veículos, dos caminhões ao carro esportivo. Tendo em conta o preço da bateria, atualmente, é mais fácil equilibrar os custos se o carro roda muitos quilômetros. Do ponto de vista financeiro, o carro elétrico é mais indicado para quem o utiliza o tempo todo e menos para quem circula pouco, como ocorre no setor do luxo. Isto explica, em parte, o sucesso da estratégia seguida pela Tesla. 



O Lampo nos serve, além de tudo, como laboratório para experimentar as tecnologias que propomos aos nossos clientes. Por exemplo, o sistema de carga rápida da bateria que permite a aquisição de energia para 100 quilômetros em apenas sete minutos de “abastecimento”. Além da recarga inteligente, levando em conta a disponibilidade da energia fotovoltaica e das cargas da rede.


Segundo estudos, em 2035, metade dos automóveis em circulação será movida a eletricidade. Esta meta é viável diante do alto custo do carro?


MF: Sim, existe uma vontade crescente, mesmo da parte dos políticos, de promoção da mobilidade sustentável. A União Europeia, por exemplo, emitiu uma norma que obriga as montadoras a reduzirem, em muito, as emissões de CO2 (menos de 95g/km, até 2021). Além disso, muitos países estão introduzindo novos incentivos. Na França, o governo decidiu impor uma taxa sobre o diesel que a ser redistribuída sob a forma de prêmio de 10 mil euros a quem comprar um carro elétrico. Na Noruega, os carros mais vendidos já são os elétricos. Em meio a esta grande transformação, alguns países irão atingir o objetivo antes de 2035.


E na Suíça?


MF: Até agora, infelizmente, não existe uma verdadeira política de incentivo a favor da mobilidade elétrica. A Confederação suíça introduziu o programa “Minienergia” para promover a economia de energia nos prédios residenciais. Mas não existe nada de equivalente para os carros que provocam também grandes emissões de CO2.





A sensível queda do preço do petróleo não ameaça frear a mobilidade elétrica?


MF: Pode ser um freio temporário mas não vai poder evitar a chegada da eletromobilidade. A concepção e o desenvolvimento de um carro consome entre 5 e 10 anos e neste período o preço do petróleo certamente vai voltar a subir.


Para poder decolar, a mobilidade elétrica vai precisar de uma nova infraestrutura, de uma vasta rede de abastecimento. Qual é a situação atual?


MF: Até agora, os Estados Unidos lançaram algumas iniciativas para a promoção do desenvolvimento dos carros elétricos. Mas a disposição para as redes de apoio, a infraestrutura, ainda não aconteceu. Entretanto, existem sempre mais cidades e regiões que começam a se questionar sobre este novo desafio: por exemplo, quantas colunas de reabastecimento serão necessárias nos próximos anos e quais escolhas técnicas deverão ser feitas.




Um carro elétrico sendo “abastecido”.


Entre as atividades principais da nossa empresa esta a realização de estudos que demonstrem as exigências futuras da infraestrutura de abastecimento para os carros elétricos e híbridos para as cidades e regiões do país. Desenvolvemos alguns planos urbanísticos para as cidades de Stuttgart e Zurique, assim como para os cantões de Ticino e Genebra, e contamos poder elaborar outros projetos até mesmo fora da Suíça.


Marco Piffaretti: Nascido em 1965, em Bellinzona, Marco Piffaretti estudou design de automóveis na Escola de Arte Aplicada de Turim e na Art Center College of Design di La Tour de Peilz, no Cantão Vaud. Ele começou a se apaixonar pela mobilidade sustentável em 1986. Ainda era um estudante quando participou do Tour do Sol, a primeira corrida mundial para carros movidos com a energia fotovoltáica, organizada na Suíça.




Marco Piffaretti


Em 1987, fundou a Protoscar, uma empresa de engenharia e design, com sede em Rovio, no Cantão Ticino, especializada no desenvolvimento de carros a propulsão alternativa e de veículos ecológicos. 


Entre 1994 e 2001, foi diretor do programa VEL1, em Mendrisio, um projeto promovido pela Confederação suíça para introduzir 400 carros elétricos num município de dez mil habitantes. Desde 2012 é o diretor de Infovel, o centro de competência para a mobilidade sustentável do Cantão Ticino, na Suíça.


Adaptação: Guilherme Aquino, swissinfo.ch


Agradecimentos a  http://wp.me/p2Fgqo-8kT



Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português: 
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Armando Mombelli


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?
achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 

EN: VioletFlame The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media Creator's Map ESU IMMANUEL Exposing Media DesInformation Galactic Federation Indians, Prophecies and UFOs Illuminati, The Infinite Being Israel (!?) Jews..., the Real ones! *Khazars Jews are converted, not jenuine Meditation Media News NESARA (!?) SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... UFO CONTACTS UFOs (MORE) USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government
ES: LLAMA VIOLETA 

Outubro 18, 2015

chamavioleta

DNA é influenciado pelo som (o Verbo) e frequências (palavras).

Por Grazyna Fosar e Franz Bludorf 

 Quantum Pranx  

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com  

 Publicado anteriormente a02/04/2015


O DNA é influenciado, pode ser reprogramado por palavras e frequências (Som)

O DNA humano é uma Internet BIOLÓGICA e superior em muitos aspectos a uma rede artificial.

A mais recente pesquisa científica russa, direta ou indiretamente, explica fenômenos como a clarividência, a intuição espontânea e atos remotos de cura, auto-cura, as técnicas de afirmação vocal (decretos), a luz incomum / aura em torno de pessoas, influência da mente/pensamentos sobre padrões climáticos, e muito mais. …

“No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez. Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens. E a luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam” João 1:1-5

—————————————————————————————

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

O DNA é influenciado e reprogramado por palavras e freqüências (O Poder do Verbo )

Fonte: http://quantumpranx.wordpress.com

Por Grazyna Fosar e Franz Bludorf – Quantum Pranx

Descobertas da Rússia sobre o DNA: Versão Original

… Além disso, há evidências de um novo tipo de medicina nas quais o DNA pode ser influenciado e reprogramado por palavras e freqüências/som (O Verbo) SEM remover e substituir um único gene, ou sem a prática da medicina invasiva convencional.


O Raio Azul, o primeiro raio, a cor do raio da vontade e o poder do Verbo Criador: “E disse Deus: Haja luz; e houve luz.” Gênesis 1:3

Apenas 10% do nosso DNA está sendo usado para construir proteínas. É este subconjunto do DNA que é do interesse dos pesquisadores ocidentais e está sendo examinado e categorizado. Os outros 90% são considerados “DNA lixo”. Os investigadores russos, no entanto, convencidos de que a natureza não era estúpida (como os cientistas conseguem ser na maioria das vezes), se juntaram a lingüistas e geneticistas em uma aventura para explorar os 90% do assim chamado “DNA lixo”. Seus resultados, descobertas e conclusões são simplesmente revolucionários!

Segundo eles, nosso DNA não é apenas responsável pela construção do nosso corpo, mas também serve como armazenamento de dados e de comunicação. Os lingüistas Russos compreenderam que o código genético, especialmente nos 90% aparentemente inúteis, seguem as mesmas regras que todas as nossas linguagens humanas. Para este fim, eles compararam as regras da sintaxe (a forma em que as palavras são unidas para formar frases e sentenças), a semântica (o estudo do significado nas formas de linguagem) e as regras básicas da gramática.

Eles descobriram que os alcalinos de nosso DNA seguem uma gramática regular e estabelecem regras como as nossas linguagens. Assim as linguagens humanas não surgiram coincidentemente, são um reflexo (efeito) do nosso DNA inerente. O biofísico russo e biólogo molecular Pjotr Garjajev e seus colegas exploraram também o comportamento vibracional do DNA. [Para efeitos de concisão Vou dar apenas um resumo aqui. Para a exploração, por favor consulte o apêndice no final deste artigo]

O resultado foi:. “Cromossomos vivos funcionam como solitônicas / computadores holográficos que usam a irradiação Laser do DNA endógeno”. Isso significa que eles conseguiram, por exemplo, modular a freqüência de certos padrões em um raio laser e com isso influenciar a freqüência do DNA e, assim, a própria informação genética. Desde que a estrutura básica dos pares alcalinos do DNA e da linguagem (como explicado anteriormente) são da mesma estrutura, nenhuma decodificação do DNA é necessária.


A Hélice do DNA humano.

Pode-se simplesmente usar palavras e sentenças da linguagem humana! Isto, também, foi provado experimentalmente! A Substância viva (DNA no tecido vivo, não in vitro), sempre reagirá aos raios laser modulados na linguagem e até às ondas do rádio, se as freqüências apropriadas estiverem sendo usadas.

Isso explica finalmente e cientificamente por que as afirmações, ORAÇÕES, os decretos, recitação de mantras, o treinamento autógeno, hipnose e similares podem ter efeitos tão fortes nos seres humanos e em seus corpos. É perfeitamente normal e natural para o nosso DNA reagir à linguagem humana (o poder do Verbo). Enquanto os pesquisadores ocidentais cortam genes simples das fibras do DNA e inserem-nos em outra parte, os Russos trabalharam entusiasticamente nos artifícios que podem influenciar o metabolismo celular através das adequadas freqüências moduladas de rádio e luz e assim reparar defeitos genéticos.

Pjotr Garjajev e seu grupo de pesquisa conseguiu provar que com este método cromossomos danificados por raios-x, por exemplo, podem ser reparados. Eles capturaram padrões de informação de um DNA particular e os transmitiram para outro, reprogramando assim as células para outro genoma. Assim eles transformaram com êxito, por exemplo, embriões da rã para embriões de salamandra, simplesmente ao transmitirem os padrões de informação do DNA!

Desta forma, toda a informação foi transmitida sem quaisquer dos efeitos secundários ou desarmonias encontrados quando se extrai “cirurgicamente” e se reintroduz genes simples do DNA. Isto representa uma revolução inacreditável e uma transformação mundial e sensacional! Tudo isto pela simples aplicação da vibração e da linguagem em vez do procedimento de corte cirúrgico arcaico!(dissecação) Este experimento demonstra o poder imenso da genética, que obviamente tem uma influência maior na formação dos organismos do que os processos bioquímicos das seqüências alcalinas.

Os professores espirituais conheceram por eras que o nosso corpo e a manutenção de sua saúde é programável pela NOSSA PRÓPRIA linguagem, palavras e pensamentos e a VONTADE. Isto foi agora provado e explicado cientificamente. É claro que a freqüência tem que ser correta. E é por isso que nem todos são igualmente bem-sucedidos ou podem fazê-lo sempre com igual força e resultado. A pessoa individualmente deve trabalhar nos processos internos e na maturidade (isso significa EVOLUÇÃO), a fim de estabelecer uma comunicação consciente com o seu DNA. Os pesquisadores Russos trabalham em um método que não depende destes fatores, mas que SEMPRE funcionará desde que se use a freqüência correta.

Mas quanto mais desenvolvida a consciência de um indivíduo é, menos necessidade há para qualquer tipo de dispositivo! (TECNOLÓGICO) Pode-se conquistar (Criar) estes resultados por si mesmo, e a ciência finalmente parar de rir de tais idéias e confirmará e explicará os resultados. E não termina aí.? Os cientistas Russos descobriram também que o nosso DNA pode causar padrões perturbadores no vácuo, produzindo assim buracos de minhoca (Wormholes) magnetizados!

Buracos de minhoca são os equivalentes microscópicos das chamadas pontes de Einstein-Rosen na vizinhança dos buracos negros (deixados pelas estrelas que se extingüiram ao explodirem/implodirem).? Estes são conexões com ligações instantâneas entre áreas totalmente diferentes no universo através das quais a informação (e coisas podem ser transportadas) pode ser transmitida fora do espaço e tempo. O DNA atrai estas unidades de informação e transmite-os à nossa consciência.



Acima e abaixo: as Pontes de Einstein-Rosen (wormholes), permitiria a viagem no tempo, entre universos e dimensões.



Este processo de hipercomunicação é mais eficaz em um estado de relaxamento. Stress, preocupações ou um intelecto hiperativo (mente inferior voltada para FORA, para os fenômenos externos) impede a hipercomunicação bem sucedida ou a informação será totalmente distorcida e inútil (por isso a meditação é fundamental para se acessar outros níveis de consciência/a mente superior INTERNA) Na natureza, a hipercomunicação sempre foi aplicada com sucesso por milhões de anos. O fluxo organizado de vida nos estados de insetos prova isto dramaticamente. O homem moderno conhece isto somente a um nível muito mais sutil como “intuição”. Mas nós, também, podemos reconquistar o uso pleno dessa capacidade.

Um exemplo da Natureza: Quando uma formiga rainha está separada espacialmente de sua colônia, a construção ainda continua fervorosamente e de acordo com o plano. Se a rainha for morta, entretanto, todo o trabalho na colônia pára. Nenhuma formiga sabe o que fazer. Aparentemente, a rainha envia os “planos de construção”, também de longe através da consciência de grupo de seus assuntos. Ela pode estar tão longe quanto ela quiser, contanto que ela esteja viva.

No homem a hipercomunicação é mais freqüentemente encontrada quando subitamente se ganha acesso à informação que está fora de uma base de conhecimento comum. Tal hipercomunicação é então experienciada como inspiração ou intuição. O compositor italiano Giuseppe Tartini sonhou por exemplo, uma noite que um demônio sentou em sua cama tocando um violino. Na manhã seguinte Tartini foi capaz de anotar a peça exatamente de memória, ele a chamou de Devil’s Trill Sonata.


Um tórus, uma figura fundamental na geometria sagrada e na construção de espaçonaves interestelares.

Durante anos, um enfermeiro do sexo masculino sonhava uma situação em que ele estava ligado a uma espécie de CD-ROM do conhecimento. O conhecimento verificável de todos os campos imagináveis foi então transmitido a ele que era capaz de se lembrar pela manhã de todo o conteúdo. Houve um tal fluxo de informação que parecia que toda uma enciclopédia era transmitida à ele durante a noite. A maioria dos fatos eram exteriores ao seu conhecimento básico pessoal e alcançava detalhes técnicos sobre os quais ele não sabia absolutamente nada.

Quando a hipercomunicação ocorre, pode-se observar no DNA, assim como no ser humano, fenômenos especiais. Os cientistas russos irradiaram com luz laser amostras de DNA. Na tela um padrão de onda típica foi formado. Quando eles removeram a amostra de DNA, o padrão de onda não desapareceu, ele permaneceu na amostra. Muitas experiências de controle mostraram que o padrão ainda vinha da amostra removida, cujo campo de energia permaneceu aparentemente por si mesmo. Este efeito é agora chamado efeito fantasma DNA.

Supõe-se que a energia de fora do espaço e do tempo ainda flui através dos buracos ativados depois que o DNA foi removido. O efeito secundário encontrado muito freqüentemente na hipercomunicação também nos seres humanos são campos eletromagnéticos inexplicáveis na adjacência das pessoas interessadas. Os aparelhos eletrônicos como CD players e similares podem ser estimulados e parar de funcionar por horas.

Quando o campo eletromagnético se dissipa vagarosamente, os aparelhos funcionam normalmente de novo. Muitos curadores e sensitivos conhecem este efeito de seu trabalho. Quanto melhor a atmosfera e a energia, o mais frustrante é que o dispositivo de gravação pára de funcionar e gravar exatamente neste momento, mas na manhã seguinte tudo volta ao normal.



Talvez isto seja tranqüilizador para muitos que nos lêem, porque não tem nada a ver com eles, sendo tecnicamente absurdo, isso significa que eles são bons em hipercomunicação. Em seu livro “Vernetzte Intelligenz” (Rede de Inteligência), Grazyna Gosar e Franz Bludorf explicam estas conexões precisa e claramente. Os autores também citam fontes presumindo que a humanidade em tempos anteriores tenha sido, exatamente como os animais, muito fortemente ligada à consciência de grupo, agindo como um grupo.

Para desenvolver a individualidade e a experiência de separação que nós seres humanos atuais chegamos, porém, nós tivemos que esquecer a hipercomunicação quase que completamente. Agora que estamos absolutamente estáveis em nossa consciência individual, podemos criar uma nova forma de consciência de grupo, ou seja, uma, na qual chegamos a acessar toda a informação através do nosso DNA sem sermos forçados ou remotamente controlados sobre o que fazer com essa informação.

Nós Agora sabemos que, assim como na internet o nosso DNA pode alimentar seus dados apropriados para a rede, pode chamar os dados da rede e podemos estabelecer contato com outros participantes da rede. A cura à distância, telepatia ou “sensibilidade à distância” sobre o estado de parentes, etc pode ser explicado. Alguns animais sabem também à distância quando os seus donos planejam voltar para casa.

Isso pode ser interpretado recentemente e explicado por meio de conceitos da consciência de grupo e hipercomunicação. Nenhuma consciência coletiva pode ser sensivelmente usada em qualquer período de tempo sem uma individualidade distinta. Caso contrário, teríamos que reverter para um instinto de grupo primitivo que é facilmente manipulado.

A Hipercomunicação nesse novo milênio significa algo muito diferente: Os pesquisadores acreditam que se os humanos com plena individualidade recuperarem a consciência de grupo, eles teriam um poder de serem co-criadores de Deus na terra, que gosta de criar, alterar e moldar as coisas no nosso planeta (sempre para melhor e visando o bem estar comum)! E uma parte da humanidade (a que esta evoluindo) está se movendo coletivamente em direção a uma consciência de grupo de um novo tipo.


Uma Merkabah

Cinqüenta por cento das crianças de hoje serão crianças problema assim que a irem à escola. O sistema trata a todos global e uniformemente e exige um ajuste. Mas a individualidade das crianças de hoje é tão forte que eles se recusam a este ajuste e desistem de suas idiossincrasias dos modos mais diversos.

Ao mesmo tempo, mais e mais crianças clarividentes nascem [veja o livro “China’s Indigo Children” por Paul Dong ou o capítulo sobre os Índigos em meu livro “Nutze die taeglichen Wunder” (fazer uso das maravilhas diárias)]. Algo nestas crianças está se esforçando mais e mais para a consciência de grupo de novo tipo, e ele deixará de ser reprimida.Como regra, o clima, por exemplo, é mais difícil de se deixar influenciar por um único indivíduo.

Mas pode ser influenciado por uma consciência de grupo (nada de novo para algumas tribos que fazem isto em suas danças da chuva). O clima é fortemente influenciado pelas freqüências da ressonância da Terra, a assim chamada freqüência Schumann. Mas estas mesmas freqüências são também produzidas em nossos cérebros, e quando muitas pessoas sintonizam o seu pensamento (e a VONTADE) ou indivíduos (os mestres espirituais, por exemplo), focalizam os seus pensamentos como a luz em um laser, então cientificamente falando não é de todo surpreendente se, portanto, pudermos influenciar o clima.

Os pesquisadores da consciência de grupo formularam a teoria do Tipo das civilizações. Uma humanidade que desenvolveu uma consciência de grupo de novo tipo não teria nem problemas ambientais nem carência de energia. Pois se fosse para usar seu poder mental como uma civilização unida, teria o controle das energias de seu planeta natal como uma conseqüência natural. E isso inclui todas as catástrofes naturais! Uma civilização teórica Tipo II seria mesmo capaz de controlar todas as energias de sua galáxia natal. (n.t. Este é o futuro da nova civilização que já ESTA SENDO CRIADA NA TERRA)

No meu livro “Nutze taeglichen die Wunder“, eu descrevi um exemplo disto: Sempre que um grande número de pessoas centra a sua atenção ou consciência em algo semelhante, como Natal, campeonato mundial de futebol ou o funeral de Lady Diana na Inglaterra determinados números aleatórios são gerados em computadores e depois começam a apresentar números ordenados ao invés dos aleatórios. Uma consciência de grupo ordenada cria a ordem em seu ambiente inteiro! [ http://noosphere.princeton.edu/fristwall2.html ]

[1] Quando um grande número de pessoas se reúne muito intimamente, os potenciais de violência também se dissolvem. É como se aqui, também, um tipo de consciência humanitária de toda a humanidade fosse criada.

Na Parada do Amor, por exemplo, onde todos os anos cerca de um milhão de jovens se reúnem, nunca houve quaisquer tumultos brutais como quando eles ocorrem, por exemplo, em eventos esportivos. O nome do evento em si não é visto como a causa aqui. O resultado de uma análise indicou que o número de pessoas reunidas em nome do amor era MUITO GRANDE para permitir uma inclinação para a violência.

Para voltar ao DNA: Aparentemente ele é também um supercondutor que pode funcionar na temperatura normal do corpo. Os supercondutores artificiais requerem temperaturas extremamente baixas, entre -140°C e -200° C para funcionar. Como se soube recentemente, todos os supercondutores são capazes de armazenar informações de luz assim. Esta é uma explicação de como o DNA pode armazenar informações. Há um outro fenômeno ligado ao DNA e aos buracos de minhoca (Wormholes).



Normalmente, esses buracos negros super pequenos são altamente instáveis e são mantidos somente por frações mínimas de segundo. Sob certas condições (leia sobre isso no livro Fosar / Bludorf citado acima) wormholes estáveis podem se organizar, os quais formam então domínios distintos do vácuo, em que, por exemplo, a gravidade pode se transformar em eletricidade.

Os domínios do vácuo são bolas auto-radiantes de gás ionizado que contêm quantidades consideráveis de energia. Há regiões na Rússia onde tais bolas brilhantes aparecem muito freqüentemente. Seguindo a confusão resultante, os russos iniciaram programas de investigação maciça que conduziram finalmente a algumas das descobertas mencionadas acima. Muitas pessoas conhecem os domínios do vácuo, como estrelas brilhantes no céu.

Com o olhar atento nelas eles imaginam e se perguntam o que elas poderiam ser. Eu pensei uma vez: “Olá, lá em cima. Se acontecer de ser um OVNI, voem em um triângulo. “E de repente, as bolas de luz se moveram em um triângulo. Ou elas se atiraram no céu como discos de hóquei no gelo. Eles aceleraram de zero a velocidades loucas enquanto deslizam suavemente pelo céu. Isto foi feito simploriamente e eu, como muitos outros, também, pensamos neles como discos voadores. Amistosos, aparentemente, já que eles voaram em triângulos apenas para me agradar.

Agora os Russos acharam nessas regiões, onde os domínios do vácuo aparecem freqüentemente que algumas vezes voam como bolas de luz do chão para o céu, que estas bolas podem ser guiadas por pensamentos. Descobriu-se que os domínios do vácuo emitem ondas de baixa freqüência e de como elas são também produzidas em nossos cérebros.

E devido a esta similaridade de ondas, eles são capazes de reagir aos nossos pensamentos. Entrar ansiosamente em uma dessas bolas de energia que está no nível do solo poderia não ser uma grande idéia, porque estas bolas de luz podem conter energias imensas e serem capazes de produzir mutações em nossos genes. Para muitos professores espirituais que produzem também tais bolas visíveis ou colunas de luz em meditação profunda ou durante o trabalho com energias que provocam sentimentos decididamente agradáveis e não causam nenhum dano.

Aparentemente, isto também é dependente de uma ordem interna e sobre a qualidade e procedência do domínio do vácuo. Há alguns professores espirituais (o jovem inglês Ananda, por exemplo), com quem nada é visto primeiro, mas quando se tenta tirar uma fotografia enquanto ele se senta, fala ou medita na hipercomunicação, obtém-se apenas uma imagem de uma nuvem branca sobre a cadeira em que ele esta sentado.

Em alguns projetos de cura na Terra, tais efeitos de luz aparecem também nas fotografias. Basta colocar, estes fenômenos que têm a ver com anti-gravidade, que as forças da gravidade também são exatamente descritas no livro, e com cada vez mais hipercomunicação mais estável e, portanto, com as energias fora de nossa estrutura de tempo e espaço.



As gerações de tempos anteriores que entraram em contato com tais experiências de hipercomunicação e domínios visíveis do vácuo estavam convencidas de que um anjo tinha aparecido diante delas. E nós não podemos estar muito certo das formas de consciência que a podemos ter acesso ao se usar a hipercomunicação. Não ter provas científicas da sua existência real (pessoas que têm tido tais experiências, NÂO são todas que sofrem de alucinações), não significa que não há base metafísica para isto. Nós temos simplesmente dado outro passo gigantesco em direção à compreensão de nossa realidade paralela.

A ciência oficial também conhece as anomalias da gravidade na Terra (que contribuem para a formação dos domínios do vácuo), mas somente aqueles abaixo de um por cento. Mas recentemente as anomalias da gravidade foram encontradas entre três e quatro por cento. Um destes lugares é Rocca di Papa, no sul de Roma (local indicado no livro Vernetzte Intelligenz junto com vários outros). Objetos redondos de todos os tipos, desde bolas até ônibus lotados rolam em direção ladeira ACIMA contra todas as leia da física e gravidade. Mas o trecho em Rocca di Papa é bastante curto, e os céticos continuam desafiando a lógica de fugir para a teoria da ilusão de ótica (o que não pode ser devido a várias características do local).

Todas as informações são extraídas do livro “Vernetzte Intelligenz“, von und Franz Grazyna Fosar Bludorf, ISBN 3930243237, resumidos e comentados por Baerbel. O livro só esta, infelizmente, disponível apenas em alemão até então. Você pode encontrar os autores aqui: www.fosar-bludorf.com

[2]; Transmitidas por Vitae Bergman: http://www.ryze.com/view.php?who=vitaeb

[3] Referências:
1.http://noosphere.princeton.edu/fristwall2.html
2.http://www.fosar-bludorf.com
3.http://www.ryze.com/view.php?who=vitaeb
Originalmente publicado em Janeiro de 2013.
Mais informações em: http://thoth3126.com.br/o-poder-da-palavra-o-som/

Deus é a Verdade e a Luz é Sua sombra. Platão


Permitida a reprodução desde que respeite a formatação e mencione as fontes.



www.thoth3126.com.br
Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Grazyna Fosar

Atualização diária

Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 

Israel ou Cazária!?

achama.biz.ly email: nai@achama.biz.ly 


EN: VioletFlame * The Illuminati * Alternative Media * North Atlantic Islands * Indian Ocean Islands * South Atlantic Ocean Islands * Alternative Media * Creator's Map * ESU IMMANUEL * Exposing Media DesInformation * Galactic Federation * Indians, Prophecies and UFOs * Illuminati, The * Infinite Being * Israel (!?) * Jews..., the Real ones! * Khazars Jews are converted, not jenuine * Meditation * Media News * NESARA (!?) * SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... * UFO CONTACTS * UFOs (MORE) * USA The 4th NAZI Reich!? * Zionism Lies and The Illuminati * Light a Candle for PEACE * The Red Pill * The True Shadow Government

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub