Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Maio 10, 2023

chamavioleta

Suicídio e morte

Sananda
Canal: Jahn J Kassl

Tradução a 8 de fevereiro de 2023

 

Livre arbítrio?
JJK: "Toda a gente tem livre arbítrio - incluindo tirar a própria vida." Esta afirmação, que fiz na 125ª Leitura da Luz, abalou alguns leitores. "A vida é intocável", argumenta-se, e isso é uma licença para cometer suicídio, especialmente se não tiver de temer quaisquer consequências negativas depois. Fala-se de um "nevoeiro" em que a alma mergulha depois do suicídio - e de uma lição que é preciso apanhar. O que é que se passa realmente? Para mim, muitas imagens religiosas têm um efeito duradouro nas pessoas.
 
Para algumas pessoas, é impensável que a "morte voluntária" esteja sujeita ao livre arbítrio de uma pessoa. Então o que é que é verdade?
 
SANANDA: Estás abraçada e inserida no meu amor, pessoa amada! Não te preocupes! Nunca te preocupes! Especialmente quando as pessoas se despedem deste mundo sem terem esperado pelo chamamento de DEUS.
 
Se as pessoas escolherem a outra vida e não tiverem vivido esta vida em pleno, então não te lamentes, mas ganha confiança, porque tudo nasce do amor de DEUS e tudo está seguro no amor de DEUS.
 
Razões
Cada ser humano é livre nas suas decisões e acções terrenas. Isto descreve o livre arbítrio. De outro modo, o livre arbítrio de uma pessoa não seria digno de menção.
 
Mas o que é que acontece quando um ser humano, por sua livre vontade, embora muitas vezes em desespero, decide pôr termo à vida no corpo humano antes do tempo previsto? Depende sempre do indivíduo! As generalizações induzem em erro e confundem, em vez de orientar.
 
Há almas elevadas e maduras que escolhem antes da sua hora regressar à Luz. As razões para isso são diferentes, mas são semelhantes num ponto:
 
O homem não quer mais viver com certas circunstâncias e fardos! As pessoas que preparam conscientemente a sua partida, que estiveram apegadas à sua alma e a si próprias durante toda a sua vida, vivem esta transição tão conscientemente como viveram. Mesmo que não tenham podido completar completamente certos aspectos da sua existência na Terra:
 
Quem morre conscientemente, vive conscientemente na Luz. Isto mesmo que certas ordens não tenham sido cumpridas!
 
DEUS não julga! DEUS recebe cada vida na sua graça. Podeis ter consciência disso e deveis tê-lo sempre!
 
Mesmo que nenhum ser humano planeie terminar prematuramente a sua vida antes de descer à terra, esta opção está marcada para muitas pessoas nos planos alternativos.
 
O nevoeiro"
JJK: Existe um "nevoeiro" em que essas almas residem ou através do qual essas almas têm de passar?
 
SANANDA: Muitas almas ficam numa espécie de "nevoeiro" depois de terem deixado o seu corpo. É uma paragem para a purificação e clarificação da alma antes da sua viagem para as suas famílias cósmicas.
 
As pessoas que estiveram desorientadas durante toda a sua vida, que não encontraram ligação consigo próprias e que ignoraram as necessidades da alma, perdem-se em diferentes mundos nebulosos e são gradualmente recordadas da luz que são. Isto não tem nada a ver com a forma de morrer, mas sim com a forma de vida que a pessoa viveu.
 
JJK: Penso que muitas pessoas morrem aos 20 anos e são enterradas aos 80. Muitas pessoas não têm qualquer ligação à alma, negam o seu ser divino e negam a sua origem como seres espirituais. Não se pode estar morto! Podem até ter um sucesso económico visível, mas as suas vidas são planas e não têm qualquer relevância espiritual.
 
O "suicídio" num novo significado
Neste contexto, "suicídio" adquire um significado totalmente novo. Ou seja, que se pode matar mesmo estando vivo. Por outro lado, podemos deixar o nosso corpo voluntariamente, de forma consciente e ligada a nós próprios.
 
Recentemente, vi um vídeo de Sabine Mehne , uma mulher que lutava há muito tempo contra uma doença grave e que, após anos de sofrimento, tomou finalmente a decisão consciente de abandonar o corpo. Durante estes anos, adquiriu uma enorme sabedoria espiritual. A entrevista estava tão cheia de luz e de amor que raramente consegui perceber num ser humano.
 
Então, quando é que nos matamos realmente? O que é mais prejudicial, abandonar o corpo ou separar-se de si próprio para o resto da vida? O "suicídio" aos 20 anos, carregar o corpo até aos 80 e esperar pelo enterro? O que é que tem que qualidade e quais são os efeitos?
 
"A vida é intocável!", diz-se! De que tipo de vida estamos a falar?
 
SANANDA: Os mestres espirituais enfrentam a sua própria morte com entusiasmo e alegria. Conhecem o lugar e a hora.
 
Esses mestres serão chamados por DEUS ou são eles próprios que fazem essa escolha? Aqui a vontade de DEUS e a vontade do homem andam de mãos dadas.
 
Onde a separação entre DEUS e o homem é abolida, já não há separação nesta questão. Quando a SUA vontade e a vontade de DEUS são uma só, tudo segue o seu curso natural e divino. No entanto, este é o caso de muito poucas pessoas. Então, como é que é?
 
Os potenciais
Antes de encarnar, uma pessoa planeia os seus potenciais, as suas aprendizagens e os caminhos que quer seguir para os atingir. Muita coisa acontece exactamente com base neste plano concebido no além, algumas coisas acontecem de forma diferente. Porque a Terra é o planeta do amor e a estrela do livre arbítrio. Para a maioria das pessoas, o fim prematuro de uma vida humana significa que querem embarcar de novo nesta experiência de aprendizagem. Há uma tarefa a ser dominada ou um karma a ser equilibrado. Isto acontece sempre com clareza, através da orientação espiritual dos mestres e no amor.
 
A névoa aguarda apenas as pessoas que apresentam grandes impurezas, pois viveram toda a sua vida separadas da sua verdadeira natureza, do espírito e da alma. Este desrespeito tem consequências desfavoráveis e é necessário um extenso trabalho de purificação no além para libertar a consciência das cadeias terrenas.
 
A verdadeira tragédia
A verdadeira tragédia de uma pessoa, no entanto, é o "suicídio" ao longo da vida. Matar o divino, negar a sua espiritualidade e descartar o espírito e a alma. As pessoas que, muitas vezes, estão de boa saúde e não se preocupam com o seu bem-estar espiritual têm um percurso de regresso diferente do das pessoas que viveram amarradas.
 
JJK: O que é que acontece a essas pessoas?
 
SANANDA: Também elas são acompanhadas através do nevoeiro e trazidas para a luz até se poderem lembrar de novo - ou achas que DEUS se esqueceu de um dos seus filhos?
 
JJK: Essas pessoas entram nesse mundo solitário e nebuloso de que é difícil sair e de que falaram alguns "videntes"?
 
SANANDA: Esses planos etéricos de baixa vibração existem.
 
O mundo intermédio
É aqui que se reúnem todas as almas que passam desorientadas por não terem prestado atenção ao cuidado da sua alma durante toda a vida. Esta "névoa" existe para todos os seres humanos que viveram separados de si próprios, que deixaram o seu eu morrer muito antes da morte porque não foram capazes de se ligarem a si próprios.
 
Este mundo intermédio é uma etapa intermédia e a alma permanece aí apenas o tempo necessário. A vida é intocável - e lembra-te: Tudo é vida, especialmente o que está escondido dos vossos olhos.
 
JJK: Há muitos anos, quando estava a meio da minha crise de vida, há cerca de 10 anos, o suicídio também era um tema importante para mim. Quis mesmo suicidar-me pela primeira vez quando tinha 14 anos e até aos 25 anos foi uma questão recorrente. Isso foi muito concreto e muito mais do que apenas um pensamento!
 
Sei quanta coragem e força este passo exige e, por outro lado, como uma pessoa deve estar desesperada para pensar nisso ou mesmo para o fazer no final.
 
Então, o que fazer quando alguém se deixa levar por esta intenção? Devemos ajudá-lo a pôr em prática ou trazê-lo de volta à vida?
 
SANANDA: Todas as almas vêm à Terra para criar experiências e para serem bem sucedidas nas aventuras projectadas! Os projectos têm de ser dominados, é esse o sentido da vida humana. O Plano A do projecto prevê que o homem deixe a existência terrena quando chegar a hora que foi medida antes do nascimento. Esta hora permanece escondida da maioria das pessoas devido à sua própria programação.
 
Quase não há pessoas que queiram saber essa hora com antecedência. No entanto, aqueles que se propõem a descobrir este segredo, descobri-lo-ão.
 
No entanto, cada pessoa cria vários cenários antes do nascimento. É por isso que há sempre um plano B, um plano C ou um plano D. Isto deve ser respeitado. Assim, diferentes cenários de morte são possíveis e também prováveis.
 
Mesmo que uma vida humana esteja sujeita à vontade de DEUS, há sempre correcções e mudanças no curso predeterminado devido ao livre arbítrio do ser humano.
 
A vida é o plano A
JJK: Então deves ajudar as pessoas para que elas possam encontrar o caminho de volta à vida humana?
 
SANANDA: O que te manteve na Terra?
 
JJK: Eu tinha um impulso interior, uma vontade, e queria realmente saber o sentido da minha vida. Antes disso, não queria desistir? Depois, também tive pessoas que me deram esperança, coragem e apoio.
 
SANANDA: Assim, acontece que cada pessoa encontra o que precisa para corresponder a um dos seus projectos. Não se preocupem: o plano da névoa não entra naqueles que, de forma totalmente consciente, partem daqui para a luz, mas afecta aqueles que, inconscientemente, levam uma vida superficial de auto-alienação.
 
O verdadeiro suicídio é negar a sua natureza divina, não desistir do seu corpo físico.
 
Este é um aspecto parcial num segmento de tempo, um veículo para experiências que são únicas por serem desta forma.
 
Ninguém nasce para regressar cedo à luz, mas todos são recebidos como um rei se a sua alma se manteve pura durante toda a dor.
 
Sois amados e honrados, porque porque estais prontos para as respostas, as vossas perguntas conduzem-vos ao conhecimento.
 
Com amor infinito
SANANDA
 
 

 
Transcrito por achama.biz.ly com agradecimentos a: 
 
 

 

Março 18, 2023

chamavioleta

Activadores de ligação à terra

O Conselho Arcturiano da 9ª Dimensão

Canalizado por Daniel Scranton

Tradução a 17 de março de 2023

 
Earthbound Activators - the 9d arcturian council - channeled by daniel scranton
 
Saudações. Nós somos o Conselho Arcturiano. Temos o prazer de nos ligar a todos vós.
 
Temos muitas decisões que temos de tomar a todo o momento. É uma das coisas que nos mantém ocupados por assim dizer, apesar de não termos corpos físicos. Muitas vezes escolhemos entre diferentes vertentes de luz, diferentes pacotes de energias, e diferentes pedaços de informação para oferecer à humanidade, e sabemos que podemos sempre fazer melhor. Sabemos que há sempre mais para alcançarmos em termos da assistência que podemos prestar, e isso mantém-nos no caminho em que estamos certamente mais felizes por estar. 
 
Estamos no caminho do serviço e no caminho da ascensão, e aqueles de vós que se sentem atraídos por nós são atraídos por essa razão. Somos muito parecidos. Vocês são a tripulação de terra em forma física para aqueles de nós que se encontram no plano superior e que se encontram em forma não física. São energizados e electrificados pelo que vos enviamos, e vemos cada vez mais de vós a abrir-se todos os dias à luz, à energia, à informação e ao amor que partilhamos tão abertamente e tão livremente.
 
À medida que recebem de nós, é claro que depois querem partilhar com outros. Querem difundir tudo, e isso é uma coisa boa. Essa é uma das formas de estar ao serviço da humanidade neste momento. Alguns de vós interrogam-se como podem fazer isto, especialmente quando sentem que não são muitas as pessoas que vos ouvem. Não são as vossas palavras que importam; é a vibração que emitem que importa, e podem emitir uma vibração tão forte apenas por serem, apenas por se sentarem de olhos fechados e respirarem. Podes exalar tanta luz, amor e energia altamente vibracional, apenas com a intenção de o fazer, e nós vemos-te fazê-lo. Aqueles de vós que estão acordados estão a ter o impacto que querem ter, quer percebam ou não. 
 
E ao concentrarem-se na luz, o bem que existe dentro de todos os seres humanos, tornam-se os activadores terrestres. Tornam-se aqueles que dão activações a todos os outros seres humanos, quer o saibam, quer eles o saibam, quer não. Portanto, não se preocupem com o que deveriam estar a fazer ou que estão a perder a vossa vocação, porque estão lá. Está a ancorar naquilo que nós e outros como nós lhe estamos a dar, e está a espalhá-lo por aí. 
 
Agora, a melhor forma de sentir o seu impacto e saber que o está a ter é seguindo a sua orientação interior. A sua intuição colocá-lo-á sempre no lugar certo, na altura certa, com as pessoas certas à sua frente, as pessoas que não só beneficiarão do que tem para oferecer, mas também ficarão gratas por isso. Mostrar-lhe-ão essa gratidão, e sentir-se-ão reenergizados e comprometidos com o seu objectivo de ajudar a humanidade a elevar o nível da sua consciência e a ascender ao próximo plano de existência, a que nos referimos como a quinta dimensão.
 
Nós somos o Conselho Arcturiano, e temos gostado de nos ligar a si.
 
 
 

 
Traduzido por achama.biz.ly com agradecimentos de: 
 
 

 

Janeiro 10, 2021

chamavioleta

EM QUE MUNDO VOCÊ VIVE?

Mensagem dos Anjos

Através de Ann Albers

Tradução: Regina Drumond

a 9 de janeiro de 2021


 

Meus amigos, nós os amamos muito.
 
 
À medida que você avança em seu novo ano, seria útil se fazer a seguinte pergunta: “Em que mundo eu escolho viver?” Embora todos vocês vivam em seu planeta Terra, há bilhões de mundos dentro deste mundo e cada um de vocês - pela sua vibração - escolherá aquele em que residirá.
 
 
Você só precisa colocar um grande grupo de pessoas em uma sala e perguntar o que elas pensam sobre "o mundo" e você obterá tantos pontos de vista diferentes quanto o número de pessoas.Cada pessoa diria que ela está lhe falando sobre “o mundo”, quando na realidade, ela estaria lhe dizendo sobre o “mundo dela”. Conscientemente ou não, ela estaria compartilhando as suas perspectivas, crenças e opiniões. Conscientemente ou não, ela estaria citando as situações, problemas, fontes, e a evidência em que ela escolhe focar, e as situações resultantes que ela atraiu para a sua vida.
 
 
Seus pontos de vista, não importa o quanto fosse convincente, não refletiriam o mundo todo, mas sim um subconjunto da realidade que ela focalizava e atraíra para a sua experiência pessoal.
 
 
Alguns diriam que o mundo está em guerra e, embora isso seja verdade em alguns casos, há muito mais almas que optam por viver em paz. Alguns diriam que o mundo foi dominado pela doença e a morte, e para alguns deles isto ocorreu, mas uma porcentagem muito maior de vocês é saudável e ativa.
 
 
Alguns diriam que um partido político, raça, religião ou grupo é o culpado pelo caos e pela violência, enquanto outros alegariam exatamente o contrário.
 
 
Cada um estaria certo em sua própria experiência pessoal da realidade.
 
 
Assim, como você navega nos muitos mundos dentro dos mundos, especialmente, quando você tem outros em sua vida que insistem que o “mundo deles” é “o único mundo”?
 
 
Tentar mudar os outros nunca é a resposta. Você já sabe que não pode argumentar que alguém concorda. Você não pode intimidar alguém para que adote o seu ponto de vista. Você não pode manipular ninguém para ver a vida do jeito que você vê. Você pode obter conformidade, mas nunca alcançará a verdadeira cooperação.
 
 
Em vez disso, a solução para criar um mundo em que você deseja viver é fazer de sua própria energia pessoal uma combinação vibracional.
 
 
Não importa o que outras pessoas estejam fazendo no mundo, você pode escolher viver em um mundo de paz. Não importa quantos argumentem pela falta, você pode viver em um mundo abundante. Não importa se os outros estão escolhendo isto ou não, você pode viver em um mundo de bondade, cuidado, compaixão e cortesia.
 
 
Se você quer paz, afaste-se do caos e do tumulto. Respire profundamente. Envolva-se em práticas que o façam se sentir em paz.
 
 
Se você quer se sentir seguro, encontre meios de se conectar com o Divino, pois nada é mais seguro do que sentir o quanto você é profundamente amado pelo poder que cria mundos.
 
 
Se você quer prosperidade, comece por focalizar a sua apreciação em tudo o que você tem.
 
 
Se quer amor, comece por se amar e se aceitar sem julgamento.
 
 
Você pode escolher ver o “copo meio vazio” ou “o copo meio cheio”. Você pode escolher encarar os problemas do mundo ou o progresso do mundo. Você pode escolher olhar para a luz dentro de todas as almas que tentam evoluir e emergir, ou pode escolher olhar para a escuridão delas. Você pode, seletivamente, escolher se concentrar naquilo que o eleva e o inspira e se afastar daquilo que não o inspira.
 
 
Existem almas na alegria e na paz no meio da guerra. Existem aqueles que prosperam mesmo em meio às recessões. Existem aqueles que podem amar a luz em uma alma, mesmo quando outros decidem odiar. Isto cabe a você. O que você escolherá se concentrar neste ano? Que energias você optará por emanar? Como você cuidará de sua vibração? A resposta a essas perguntas ajudará a definir com mais clareza a resposta à nossa pergunta inicial, "Em que mundo eu escolho viver?"
 
 
“O mundo” está se movendo para uma realidade maior à medida que, uma alma por vez, cada um de vocês, escolhe mudar “o seu mundo” - a sua própria realidade pessoal - para melhor.
 
 
Deus o abençoe! Nós o amamos muito.
 
 
Os Anjos


Ann Albers
 


 
Agradecimentos a: 

Arquivos:  

  1. Por etiquetas: Ann Albers, Mensagem dos Anjos, os anjos,


Sítio (site) Principal: http://achama.biz.ly/
e-mail: site@achama.biz.ly
 
 
Para outros artigos espirituais e denúncias por favor visite:
 
Vídeos banidos alternativos




Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcançar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.

 
Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 

 
Atualização diária.
 
Free counters!


 
 
 

 

 

Janeiro 03, 2021

chamavioleta

O QUE RESSOA?

Mensagem dos Anjos

Através de Ann Albers

Tradução: Regina Drumond

a 2 de janeiro de 2021


 
 
Feliz Ano Novo! Você está pronto? Parece que todos iremos trabalhar neste ano para parar de julgar, começar a discernir, viver e deixar viver e nos permitir sermos nós mesmos, não importa o que os outros estejam fazendo.
 
 
Uma das razões pelas quais raramente compartilho meus pontos de vista pessoais sobre muitos assuntos globais é porque não quero que você escolha o que eu escolho, simplesmente porque eu escolho. Eu quero que você seja você, seja o que for que isso signifique para você. Quero que você aceite as visões políticas que ressoam em você, que adote as abordagens de bem-estar que ressoam em você e se comporte de maneira que o faça se sentir bem. Compartilho o que funciona para mim, apenas na esperança de que lhe dê o que pensar e o ajude a examinar e a definir com mais clareza o seu caminho e o que ressoa em sua jornada pessoal.
 
 
Depois de anos trabalhando com os anjos, estou segura de que o meu caminho não é "o caminho certo", nem poderia ser o único. É simplesmente certo para mim. Ele ressoa em mim e em muitos de vocês, mas não em todos e é assim que deve ser. Alguns de vocês me escreveram no ano passado com as mais gentis expressões de amor, concordando ou não. Outros escreveram com um sincero desejo de descobrir suas próprias verdades. Ainda outras expressões pareciam adagas retorcendo-se em meu estômago quando o ódio, a raiva e o medo que alguns apontavam para mim me pegaram inconsciente, muitas vezes, no ano passado. Houve muitas vezes em que fui inspirada a servir incansavelmente e, honestamente, algumas vezes em que passei por uma batalha interna, com a preocupação de que se deveria continuar com este trabalho, porque doía ser usada como um saco emocional de pancadas. O que me salvou, algumas vezes, foi a sabedoria dos anjos de que todos têm direito às suas expressões e eu, como qualquer outra pessoa, tenho o direito de decidir quais energias absorvo.
 
 
Muitos de vocês enfrentaram preocupações semelhantes no ano passado. Além dos desafios globais, muitos de vocês perderam amigos de longa data por causa de diferenças políticas. Você viu muitos membros da família irritados que estavam com tanto medo que se afastaram das diferentes perspectivas sobre como viver com segurança em meio a uma pandemia. Você estava tentando ser compassivo mesmo quando os outros não eram tão gentis. Você fez o melhor possível. Eu fiz o melhor possível. Todos nós fizemos o nosso melhor. Dada a intensidade dos desafios do ano passado, acho que é algo com que se orgulhar.
 
 
Coletivamente, estamos aprendendo uma nova maneira de ser. Estamos aprendendo a abandonar o paradigma obsoleto de uma maneira definitiva de certo / errado de lidar com qualquer coisa. Estamos aprendendo a prestar mais atenção à nossa própria energia e a fazer apenas o que ressoa em nós. Estamos aprendendo a confiar em nossa orientação interna - para nós mesmos - sem exigir o consentimento de ninguém. Estamos aprendendo a retirar a nossa atenção e energia de situações e pessoas que insistem que devemos concordar com elas, em vez de nos engajarmos na velha dança impossível de tentar agradar a todos.
 
 
Estamos aprendendo a discernir, em vez de julgar, e a viver e deixar viver em um nível mais profundo do que nunca.
 
 
Isso requer fé e confiança em um poder superior que nos guia em uma dança perfeitamente orquestrada definida por nossos próprios desejos. Requer fé de que, se você fizer o que ressoa com você, estará seguro, protegido, amado e guiado. Exige a confiança de que você é digno de seus próprios sonhos e a crença de que o universo pode realizá-los com muito mais elegância e paz do que poderíamos imaginar.
 
 
Meu desejo para você neste ano é que confie em seu próprio coração, que aceite seus próprios pensamentos, sentimentos e desejos sem a necessidade de outros concordarem, e que você encontre paz em saber que aos olhos de Deus você é perfeito, exatamente como você é, mesmo enquanto continuamos a nossa expansão eterna.
 
 
É o momento de mergulhar de coração em um novo ano com fé e confiança de que o que ressoa em nós é exatamente o que nossa alma está nos guiando a fazer.
 
 
Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a explorar a ideia da ressonância:
 
 
1 - PRATIQUE COM SIMPLES DECISÕES
 
 
Pense em diferentes alimentos que você pode ter para a sua próxima refeição, ou opções simples para uma decisão cujo resultado não seja muito importante para você. Entre em sintonia com o seu corpo. Ao pensar em cada opção, veja com qual delas seu corpo ressoa. Qual delas o faz feliz? Qual decisão o alegra? Qual parece melhor?
 
 
Pratique olhar para várias coisas e pessoas, mesmo que apenas na TV ou na Internet, e observe como percebe o seu corpo e sua mente. Você se sente discordante ou ressonante? Pratique a escolha de coisas, pessoas e situações que ressoam com você, em vez de analisar demais com quem ou com o que deveria ressoar. Observe como você se sente ao fazer essas escolhas ressonantes centradas no coração.
 
 
2 - PRATIQUE MUDAR O SEU FOCO
 
 
Às vezes, não podemos nos afastar fisicamente de uma situação ou pessoa que não ressoa conosco, então a única escolha que temos é um foco mais ressonante. Digamos que você esteja preso em um trabalho de que não gosta, por enquanto, mesmo quando está criando um novo.
 
 
Você pode escolher se concentrar em tudo o que puder no trabalho atual que ressoe em você. Escolha se concentrar no trabalho futuro que você está criando, que realmente ressoa com você. Faça o possível para usar sua mente como um sintonizador dos aspectos da situação com que realmente ressoa. Desta forma, você atrairá situações mais gentis e ressonantes para você em todas as áreas da vida.
 
 
3 - ACEITE-SE. ACEITE OS OUTROS
 
 
“Viva e deixe viver” é um lema que os anjos amam. Muitas vezes, nós nos esquecemos de aplicá-lo a todos os vários aspectos de nós mesmos! Às vezes, todos nós ficamos cansados, irritados, com medo ou tristes. Queremos nos sentir melhor, mas às vezes não conseguimos. Nessas horas, deixe o amor ressoar em você. Aceite-se. Converse suavemente com você. Dê a si mesmo um abraço e diga: "Está tudo bem ser humano querido."
 
 
O amor sempre ressoa e quando o damos a nós mesmos, mais rapidamente saímos desses outros estados de ser não ressonantes. Quanto mais você se aceita e se ama, mais pode permitir que os outros também sejam quem eles escolheram.
 
 
Suspeito que será um ano para explorar uma definição de liberdade mais profunda e comovente do que nunca - a liberdade de escolher pensamentos, sentimentos e ações que ressoam conosco, e a liberdade de liberar aqueles que não ressoam. Que todos possamos nos concentrar nas realidades que ressoam com nossas perspectivas individuais, confiando no Criador dos universos para resolver tudo e nos guiar em uma dança de saúde, harmonia e, acima de tudo ... Amor! Feliz Ano Novo!
 
Os Anjos


Ann Albers
 


 
Agradecimentos a: 

Arquivos:  

  1. Por etiquetas: Ann Albers, Mensagem dos Anjos, os anjos,


Sítio (site) Principal: http://achama.biz.ly/
e-mail: site@achama.biz.ly
 
 
Para outros artigos espirituais e denúncias por favor visite:
 
Vídeos banidos alternativos




Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcançar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.

 
Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 

 
Atualização diária.
 
Free counters!


 
 
 

 

 

Agosto 13, 2020

chamavioleta

DECISÕES, DECISÕES…

Escritos do Criador.

Através de Jennifer Farley

Tradução De Coração a Coração

a 12 de agosto de 2020.

 
 
 
.



 

Nos próximos dias e semanas, você tomará decisões sobre várias experiências reveladas.

Algumas serão fáceis e outras um pouco mais desafiadoras.

Independentemente do que for apresentado a você, será particularmente importante incluir seu coração e sua cabeça nessas escolhas.

Como sempre, o livre arbítrio é seu e O Universo apoiará qualquer coisa que você escolher para si mesmo.


 

O Criador.


Jennifer Farley



 


Site Principal: http://achama.biz.ly/
 
 
 
 

Para outros artigos espirituais e denúncias por favor visite:
 
Vídeos banidos alternativos




Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcançar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.

 
Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 

 
Atualização diária.
 
Free counters!

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub