Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Junho 15, 2023

chamavioleta

UM VISLUMBRE DO FUTURO

Por Owen Waters

Tradução Regina Drumond

a 13 de junho de 2023

 
 
 
 
Sempre fui fascinado por previsões, especialmente aquelas feitas por médiuns com um histórico comprovado.
 
Às vezes, você pode ter conhecimento sobre eventos no horizonte atual, aqueles que são prováveis ​​nas próximas semanas, e às vezes você pode saber sobre aqueles a longo prazo. Recentemente, reli o livro “Robes” de Penny Kelly sobre informações que lhe foram dadas por um grupo de monges espirituais no início dos anos 80. Eles lhe deram previsões sobre as mudanças globais prováveis ​​nas próximas décadas.
 
Parece que a cada ano que passa, mais algumas das previsões dos monges se materializam e me fazem pensar: “Ei, isso é outra coisa que está começando a acontecer!”
 
Por exemplo, em 1981, eles descreveram um tempo futuro em que as pessoas ganhariam a vida vendendo bens e serviços por meio de uma rede global de comunicações. Nada disso existia quando eles deram esta previsão. Tínhamos máquinas de fax que usavam a rede telefônica e também havia modems de dados telefônicos grandes e pesados ​​que ficavam no chão dos escritórios como se fossem peças de conversação caras para os técnicos admirarem.
 
O precursor da internet existiu, mas apenas como uma rede de comunicações militar à prova de falhas em caso de guerra nuclear. Logo, no entanto, as universidades começaram a experimentar o uso desta rede militar.
 
Levaria mais de uma década para que a Rede Mundial fosse criada e as pessoas em casa começassem a usar modems esperando que um dia pudessem enviar e-mails para outros amigos tecnicamente pioneiros. E, no entanto, os monges descreveram claramente uma sociedade que usará uma versão da Internet que será ainda mais avançada do que seu status atual.
 
Então, o que mais eles viram em nosso futuro?
 
Eles viram a fé das pessoas nos governos nacionais – e nas autoridades em geral – diminuindo irrevogavelmente. Isso não é difícil de imaginar depois dos últimos dois anos. Acrescente a atual inflação descontrolada aumentando o desafio para os governos sobreviverem a uma avalanche de demandas fiscais, enquanto economias e moedas oscilam à beira de um precipício. Ah, e a crise de abastecimento de alimentos que eles previram agora emergindo.
 
Os monges descreveram como as grandes corporações se moverão para o vácuo de poder criado por governos nacionais fracassados ​​e, por alguns anos, tentarão criar fé nas corporações como gerentes da sociedade. Então, a solução real se tornará óbvia para mais e mais pessoas.
 
É bom entender que estes são os dias da Mudança para a consciência superior e, portanto, o problema energético subjacente a todos esses desafios modernos é o seguinte:
 
As pessoas superaram os antigos sistemas – sistemas de governo, educação, saúde, finanças, comércio, religião e praticamente tudo. Precisamos ser livres para criar novos sistemas que funcionem agora e no futuro.
 
A evolução da consciência está batendo à porta!
 
O que acontece após as fases do governo e das corporações é a solução a longo prazo que os monges revelaram. Um novo estilo de democracia popular emergirá para substituir os antigos sistemas de controle de cima para baixo.
 
O palco será montado para um sistema baseado em comunicações locais e acordos globais com o eventual surgimento de um conselho mundial – um somatório da vontade do povo, não uma ditadura onde poucos decidem quais escolhas forçarão a muitos.
 
Os monges foram ainda mais longe ao descrever um mundo cheio do que eles chamam de empresas familiares – reuniões de pessoas com ideias semelhantes como famílias extensas de algo como 200 pessoas que se reúnem para viver juntas em terras que as sustentam, com o cultivo de seus próprios alimentos e seu trabalho fornecendo sua escolha pessoal de bens ou serviços para a rede mundial de famílias extensas.
 
Eles descrevem essas comunidades como reuniões de ponta e de alta tecnologia, onde as pessoas têm tempo e instalações para aproveitar a vida, fazer o trabalho que amam, aprender e se desenvolver e ter sua vontade refletida nos acordos globais que sustentam a proteção da civilização.
 
Certamente seria um mundo diferente do mundo de hoje.
Eu mal posso esperar!
 
Traga a nova democracia e seu foco nas mentes, corpos e espíritos saudáveis!
 

Janeiro 11, 2023

chamavioleta

ALÉM DO HORIZONTE
Por Vital Frosi
rayviolet2.blogspot.com/2023/01/alem-do-horiz

Amados!

O acabamento de uma obra, é sempre a parte mais sensível e que requer maior atenção. Toda a estrutura, apesar de ser muito resistente, pode até ser bruta, irregular e até um pouco disforme, porém, o acabamento torna as linhas mais harmoniosas e dá a beleza que se espera dela.

O Planeta Terra e sua humanidade, é uma das obras mais belas do Universo. Resultado da intenção do seu Criador, tudo segue o Plano Divino, mesmo que em alguns momentos, a nossa consciência limitada, não compreenda o trabalho que está sendo feito.

A grande obra que representa o Planeta Terra, está na fase final do acabamento. Isso justifica o Final do Ciclo de Expiações e Provas, e o início de um Novo Tempo, denominado mundo de Regeneração. Estamos de fato na hora mais escura da noite, justamente aquela que antecede o raiar do dia. Ou também como diz a mensagem bíblica: “E quando tudo parecer o fim, não será....+ deixaracaixa.blogspot.com/2023/01/alem-do-hor

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub