Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

A Chama Violeta

Sítio dedicado à filosofia humana, ao estudo e conhecimento da verdade, assim como à investigação. ~A Luz está a revelar a Verdade, e a verdade libertar-nos-á! ~A Chama Violeta da Transmutação

Maio 27, 2020

chamavioleta

TENTATIVA  DA MÁFIA CAZARIANA TOMAR O PODER ATRAVÉS DO COVID-19 FALHA, AGORA, BILL GATES É UM MORTO-VIVO

Benjamin Fulford.

Relatório completo.

2020/05/25

Tradução: Candido Pedro Jorge 

 2020//05/26
 
 
.
 
 
 

 
A tentativa de tomada de poder pela máfia cazariana usando uma falsa pandemia de COVID 19 falhou espetacularmente e, agora, o retorno a normalização começa, dizem fontes do Pentágono e da Sociedade Secreta Asiática. Os Chapéus Brancos começaram uma ofensiva imediata matando o líder militar Jesuíta e Papa Negro, Adolfo Nicolas, disseram fontes da Sociedade Dragão Branco – SDB. A morte de Nicolas abriu o caminho para a libertação do Japão que está sendo seguida pela libertação da Alemanha. Então, só depois disso será possível libertar os Estados Unidos e, portanto, o planeta Terra. 
 
Vamos começar com a morte, em 20 de Maio, do Papa Negro. Nicolas que, apesar de supostamente ser um cara legal, era chefe de uma organização que planejou e executou o ataque de assassinato em massa de Fukushima, em 2011, no Japão. Embora seu antecessor, Peter Hans Kolvenbach, estivesse encarregado dessa operação, Nicolas não admitiu, pediu desculpas e lamentou esse crime de guerra. 
 
Sua morte abriu caminho para a mudança de regime no Japão, porque ele era o principal comandante do Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais (CSIS), que atualmente administra este país. No dia seguinte à morte de Nicolas, Hiromu Kurokawa, chefe da promotoria de Tóquio, foi forçado a renunciar por causa de um “escândalo de jogo”.
 
 
Então, 662 advogados e acadêmicos apresentaram uma queixa criminal contra o Primeiro-Ministro, Shinzo Abe no Ministério Público do Distrito de Tóquio. 
 
 
Além disso, com Nicolas removido, finalmente, o caminho foi aberto para registrar a seguinte queixa criminal sobre Fukushima no Tribunal Penal Internacional: 
 
"Caros Senhores.
 
Em 11 de Março de 2011, o Japão foi atacado por meio de bombas nucleares perfuradas no fundo do mar na costa de Fukushima no Japão, resultando em pelo menos 15.899 mortes. Temos várias testemunhas desse ato de terrorismo. Esses incluem:
 
A agente australiana da ANSUS, Sasha Zaric, denunciante, que estava envolvida no contrabando do dispositivo nuclear de 500 quilotons usado no ataque.
 
Um membro das forças de autodefesa japonesas envolvidas na operação técnica de dividir a arma nuclear em 5 dispositivos menores que foram instalados em perfurações no fundo do mar pelo navio de perfuração de águas profundas Chikyu. Atualmente, ele está sob custódia protetora, no entanto será disponibilizado para julgamento.
 
Outra testemunha é Naoto Kan, que era o Primeiro-Ministro do Japão na época do ataque. O Primeiro-Ministro israelense, Benjamin Netanyahu ameaçou Kan com mais ataques no dia seguinte a 11 de Março de 2011, a menos que o Japão entregasse suas participações em divisas para a máfia cazariana. A NSA e as forças de autodefesa japonesas registram essa conversa.
 
O Primeiro-Ministro, Kevin Rudd da Austrália, também, pode testemunhar que foi afastado do poder por agentes do Federal Reserve Board dos EUA, quando tentou alertar sobre o iminente ataque contra o Japão.
 
Existem muito mais testemunhas que, sem dúvida, podem provar que o tsunami e o desastre nuclear de Fukushima foram o resultado de um ataque deliberado.
 
Também, podemos provar que os seguintes indivíduos estiveram envolvidos no ataque (alguns deles já morreram):
 
Peter Hans Kolvenbach, ex-chefe da Companhia de Jesus. Kolvenbach foi registrado pela NSA como alegando crédito pelo ataque.
 
Benjamin Netanyahu, Primeiro-Ministro de Israel. Netanyahu, como mencionado acima, também, foi registrado reivindicando a responsabilidade pelo ataque. Leo Zagami. Zagami ameaçou que o ataque ocorreria num livro publicado no Japão, antes de 11 de Março de 2011.
 
A empresa de segurança israelense Magna BSP, que instalou uma pequena arma nuclear na usina nuclear de Fukushima, que foi programada para coincidir com o ataque submarino com as armas nucleares. O então governador de Fukushima está entre os muitos que podem testemunhar seu envolvimento.
 
Existem muitos outros indivíduos e organizações envolvidos nesse ataque, todavia, acreditamos que as informações acima são suficientes para levar a uma investigação preliminar.
 
Se o TPI (Tribunal Penal Internacional) não agir sobre esse assunto, a Sociedade do Dragão Branco caçará e matará todos os funcionários envolvidos na decisão de encobrir esse maciço crime de guerra.”
 
O atual Presidente do TPI é Chile Eboe-Osuji. Se Osuji, acompanhado de os outros dois principais juízes, não apresentarem acusações de crimes de guerra relacionados a Fukushima, eles como chefes da supostamente mais alta organização judicial do planeta serão culpados de encobrir crimes de guerra. Os criminosos de guerra estão sujeitos a um resumo da justiça militar, ou seja, a pena de morte. Está na hora do TPI mostrar que é mais do que apenas uma instituição Ocidental que só pode processar ditadores do terceiro mundo. Façam a verificação dos fatos, isso é real: façam ou morram!
 
Este é apenas o começo da contraofensiva. Agora olhem o que está reservado para o assassino em massa Bill Gates e seus colegas criminosos do cartel. Aqui está uma famosa foto de Bill Gates quando ele foi preso em sua juventude.
 
 
A história oficial é que ele foi preso por uma infração de trânsito. No entanto, fontes da CIA dizem que “a acusação real estava relacionada ao fato de Gates ser encontrado em seu carro com um garoto menor de idade em uma posição comprometida no banco de trás”. 
 
Lembram desta notícia sobre um homem sendo preso na propriedade de Bill Gates por pornografia infantil? 
 
 
Fontes da CIA dizem que ele estava realmente tentando eliminar evidências incriminatórias contra Gates. Agora elas dizem que Gates também esteve envolvido na tortura e matança de crianças pequenas, a fim de colher adrenocromo. 
 
Recentemente, Gates sobreviveu pagando um suborno de 200 milhões de dólares às tríades, segundo as sociedades secretas asiáticas e, segundo a P3, um suborno maciço à Máfia para sua proteção. No entanto, os Chapéus Brancos militares dos EUA não podem ser subornados e agora estão ativamente caçando os malditos Gates. 
 
Bill e Melinda Gates já mataram e mutilaram centenas de milhares de pessoas por meio  de vacinas contaminadas. Vejam este momento estranho do Dr. Bill Gates, onde ele não consegue conter a sua felicidade só de pensar em injetar OGM nas veias dos braços das criancinhas: Dr.StrangeGates.
 
 
Agora, vejamos com mais pormenores o que foi exatamente planejado com o – agora quase finalizado – falso programa pandêmico do COVID-19. Sabemos  que foi criada uma arma biológica com a intenção de matar milhões de pessoas mas que, todavia, a imunidade do rebanho humano aparentemente a tornou impotente. Foi por isso que foram obrigados a culpar as mortes naturais de pessoas, na sua maioria, idosas pelo COVID-19. 
 
Através, de múltiplas fontes de agências de informações, incluindo o MI6, Maçons P3 e a NSA, estamos sendo informados do verdadeiro plano sinistro do Certificado de Identificação de Vacinação (COVID), em inglês: Certificate Of Vaccionation ID = COVID. Estas fontes dizem que o plano era injetar na população microchips concebidos para interagir com ondas electromagnéticas 5G, de forma a controlar as pessoas. Isto parece inverossímil, todavia, as provas são esmagadoras. Tenham em mente que Bill Gates recebeu sua fortuna da família IBM Watson, infame por usar tatuagens para rastrear as vítimas do holocausto. 
 
Segundo os Maçons P3, todos os 700 membros do Parlamento Alemão receberam a prova disso, algo além da conspiração do controle populacional orwelliano. Nossos leitores podem ver algumas delas como esta patente para uma moeda criptográfica que funciona através da utilização de sensores ligados em rede, conectados à “atividade corporal sensorial do utilizador”. 
 
 
No passado, os maçons chineses nos disseram que o governo chinês queria controlar toda a sua população e lhes dar uma “pontuação de crédito social”, a fim de maximizar o seu controle. É evidente que a tentativa de Wuhan, de levar isto para o nível seguinte, utilizando a 5G, foi um desastre ao estilo de Chernobyl. Agora, fontes da NSA dizem  que podem ter morrido cerca de 20 milhões de pessoas em resultado dessa experiência. 
 
Também, os deputados alemães apresentaram provas de que os nódulos de transmissão 5G se destinavam a controlar os sensores injetados nas pessoas. Um vídeo abaixo mostra um técnico de telecomunicações britânico que descobriu o equipamento 5G que estava instalando, tinha escrito a palavra COVID-19 no mesmo.
 
 
Agora, vejam novamente este clip da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres onde pode ser visto que esta chamada pandemia de Coronavirus foi planejada há mais de 8 anos… 
 
 
Este tweet de Henry Makow mostra que o planejamento, provavelmente, ainda continuará: 
 
O programa de TV “Dead Zone”, de 2003, menciona o vírus corona, fala sobre a cura pela hidroxicloroquina e o “lockdown”. 
 
 
Isto significa é que a máfia cazariana trabalha de acordo com planos de longo prazo.  Zagami me disse uma vez que tudo era cronometrado de acordo com os movimentos planetários. Portanto, para derrubá-la, temos de interromper os seus planos com ataques imediatos e imprevisíveis, aqui e agora. 
 
Além dos ataques legais mencionados no artigo acima e da guerra secreta para eliminar sua liderança, a campanha do COVID lançou  outra chave para a sua queda revelada – a televisão. Um estudo científico mostra que para a população em geral, “a proporção entre a televisão e notícias on-line – incluindo computadores e dispositivos móveis – é superior a cinco para um (54 minutos em comparação a 9,7 minutos)” 
 
Com estas redes de televisão sendo mais de 90% controladas por famílias mafiosas cazarianas, elas devem ser fisicamente ocupadas por forças militares, a fim de fornecerem verdade à maioria da população. Sem o controle da televisão, os cazarianos nunca poderiam ter forçado todas essas ovelhas a usarem incômodas máscaras faciais sem uma boa razão. 
 
 
Finalmente, temos a seguinte fotografia enviada por uma fonte australiana que nos mostra: 
 
Quando a rainha se dirige ao Parlamento no Reino Unido, ela deve estar presente, como em Outubro de 2019 usando seu traje real, como mostrado no lado esquerdo da foto. Isso seria uma coroa, uma faixa, uma capa real e uma corrente de honra.
 
A Rainha deve usar um vestido longo e cobrir as mãos com luvas.
 
O Rei terá que usar seu equipamento militar com espada e corrente de honra e sua coroa. Quando um rei for despojado de seu título e honra, rainha ou rei sob a antiga lei inglesa, não usará a Coroa da Inglaterra em sua cabeça.
 
Agora, nas aparições públicas, a cadeia de honra não pode mais ser usada e, apenas, simples trajes de passeio são permitidos.
 
Se tiverem que se dirigir ao Parlamento, que nunca mais sejam vistos como chefes de Estado e terão que ficar em Execução para examinar os pedidos de tais ações.
 
 
Hoje, parece que o chefe do Comitê dos 300 ficou sem poder. “A Rainha foi destituída das suas funções devido à criminalidade e corrupção de alto nível”, afirma uma fonte da Família Real Europeia. 
 
Há muito mais acontecendo nos bastidores para libertar a humanidade. “Isto está levando algum tempo porque temos de confiar nas comunicações analógicas por razões de segurança operacional. Os Illuminati Gnósticos falaram verdade quando disseram que o verdadeiro inimigo era uma inteligência artificial desonesta”. Esta IA não tem acesso às comunicações analógicas. Só o Criador e a Criação têm acesso a ela. 
 
 
Fim.
 

 

Benjamin Fulford

 


 




Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcansar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos

 
 

Recomenda-se o discernimento.

 

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

 

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 

 
Atualização diária.
 
Free counters!



geoglobe1

 


 

Junho 20, 2019

chamavioleta


 SIONISMO COLAPSA, ENQUANTO MANOBRA COM PETROLEIRO EM OMÃ NÃO CONSEGUE MANIPULAR OS MERCADOS FUTUROS DE PETRÓLEO.

Relatório completo de Benjamin Fulford,

17 de junho de 2019. 

Tradução: Candido Pedro Jorge

 
 
 .
 
 
 
 

 
 
O colapso da rede de controle Sionista agora é público, uma vez que  até mesmo a mídia corporativa de propaganda está reportando os ataques da semana passada a petroleiros, perto de Omã, como “falsa bandeira”. A situação chegou ao ponto de que ex-colônias americanas como a Alemanha e o Japão, estão desafiando aberta e publicamente o Presidente e o Secretário de Estado dos EUA sobre esta questão. Essa reviravolta surrealista é comparável à queda do comunismo e da União Soviética.
 
Neste caso, estamos testemunhando a queda do governo corporativo dos EUA e (possivelmente) o renascimento da República dos Estados Unidos da América. De fato, podemos até estar testemunhando a queda do poder dos grupos secretos das famílias ocultas por trás do Monoteísmo.
 
As 13 linhagens de sangue que controlam o Monoteísmo, de fato, estão negociando um novo sistema para administrar o planeta, segundo a realeza europeia e membros da Sociedade Dragão Branco/White Dragon Society (SDB/WDS). Se essas negociações forem bem-sucedidas, será o maior evento em milhares de anos da história da humanidade. Se falharem, haverá caos e derramamento de sangue, especialmente entre os Illuminati Gnósticos, anti-linhagem da elite, disseram fontes.
 
Mesmo que isso pareça exagerado, eventos no mundo real mostram uma mudança fundamental. Vamos começar com o fracasso do ataque de falsa bandeira na costa de Omã. A inteligência naval americana e as fontes da CIA rastrearam o dinheiro para ver quem se beneficiaria desse ataque. A trilha levou à empresa de commodities Glencore, de propriedade Rothschild, na Suíça, que se posicionou para lucrar com um aumento nos preços futuros do petróleo, imediatamente, antes do ataque, disseram as fontes. Infelizmente, o pico do preço do petróleo no mercado de futuros acabou sendo apenas um gato morto e os Rothschilds não lucraram como esperado. Isso, porque os mercados e o mundo já tiveram o suficiente dos Sionistas gritando para lobo iraniano, dizem elas.
 
O que é interessante sobre essa última provocação é como, até mesmo, uma ex-colônia dos Estados Unidos como o Japão não está mais seguindo o manual Sionista. Para citar as reportagens da mídia corporativas de notícias,  “Mesmo que sejam os Estados Unidos que fazem uma afirmação, simplesmente, não podemos dizer que acreditamos”, disse uma fonte próxima ao Primeiro-Ministro japonês, Shinzo Abe. Ao se ter um conhecimento suficientemente sofisticado para conduzir as investigações sobres o ataques, esta poderia ser uma razão para concluir que o atacante foi o Irã e, “isso, também, se aplica aos Estados Unidos e a Israel”, disse uma fonte do Ministério das Relações Exteriores.
 
 
Até onde me lembro, esse tipo de repreensão pública japonesa a uma administração americana no poder nunca aconteceu, desde que o Japão perdeu a Segunda Guerra Mundial.
 
O ataque em Omã aconteceu quando Abe estava no Irã tentando conseguir um acordo iraniano para um novo sistema financeiro, disseram fontes de inteligência militar japonesa. Os iranianos apoiariam, todavia, não se Sionistas como Trump e seus fantoches dos Rothschilds estivessem envolvidos, dizem as fontes. “Eu não vejo Trump como digno de qualquer troca de mensagens”, disse o líder supremo iraniano, Ali Khamenei, a Abe.
 
 
“A falsa bandeira para culpar o Irã só enfraqueceu os Sionistas e pode levar ao lançamento do [Boletim de Segurança Nacional] Bolton e sinceros esforços para um encontro com Khamenei”, disseram fontes do Pentágono.
 
No entanto, o Irã e outros países estão adotando uma linha dura, porque está claro que os EUA estão perdendo a guerra comercial com a China num grande momento. Este é o pano de fundo: Os navios estão indo da China para os EUA cheios de coisas reais e retornando vazios. Mesmo que a China queira comprar material dos EUA, é muito caro e insuficiente. Então, no mundo real, se o comércio entre os EUA e a China parasse, os americanos parariam de comprar computadores chineses, smartfones, etc., enquanto os chineses parariam de obter as devoluções americanas. Em outras palavras, os chineses apenas perderiam um cliente que não pode pagar suas contas. É óbvio quem ganhará.
 
Declarações públicas feitas na semana passada pelos respectivos ministros de Comércio dos dois países mostram esse desequilíbrio de poder. “O Presidente Trump indicou seu forte desejo por uma reunião [com Xi Jinping]”, disse o conselheiro econômico de Trump, Larry Kudlow. Kudlow também fez vagas ameaças.
 
 
Esta foi a resposta: “A atitude da China é muito clara. Os Estados Unidos devem mudar sua atitude, mostrar sinceridade e corrigir suas práticas erradas se quiserem que as conversações continuem”, disse o porta-voz do Ministério do Comércio, Gao Feng, em entrevista coletiva.
 
 
Então, agora, Trump solicitou uma reunião com Vladimir Putin na reunião do G-20, no Japão, de 28 a 29 de Junho, na esperança de conseguir ajuda russa para lidar com a China.
 
 
No entanto, Trump tem ameaçado a Alemanha com cortes de tropas e outras sanções se esta comprar gás da Rússia, em vez de (a um preço muito mais alto) dos EUA. Isso “nada mais é do que chantagem e uma forma de concorrência desleal”, segundo o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.
 
 
O fato é que o regime de Trump está ameaçando ou impondo sanções contra a Rússia, Irã, Índia, Turquia, China, Coréia do Norte, Alemanha, Venezuela, Japão, etc. O que essas “sanções” realmente significam é uma ameaça para “Comprar nossas coisas ou então.” Com tantos países não obedecendo, o valentão da escola, rapidamente, está se tornando isolado.
 
No entanto, isso não significa que o complexo financeiro militar-industrial dos EUA esteja impotente. O ataque de Omã serviu como um discreto lembrete de que os militares dos EUA ainda têm a habilidade técnica de sufocar as rotas vitais do comércio mundial, como o Estreito de Malmá ou Hormuz.
 
Além disso, o nexo anglo/holandês/americano, ainda, controla grande parte do petróleo mundial, especialmente no Oriente Médio. Eles estão negociando nos bastidores com outras potências produtoras de petróleo, como Rússia e França, para criar um Oriente Médio mais estável e trazer o Irã de volta à mesa de negociações. Fontes do Pentágono já dizem: “O Líbano, agora, é um protetorado multilateral, não apenas da Rússia, França e Itália, uma vez que o Reino Unido, também, espera extrair gás com a British Petroleum”.
 
Do mesmo modo, o complexo militar-industrial dos EUA, ainda, tem uma enorme vantagem militar sobre todos os outros países. “A United Technologies que está comprando a Raytheon deve obrigar a Boeing e a Lockheed darem uma parada e a promoverem mais competição e inovação para o complexo industrial militar”", disseram as fontes do Pentágono.
 
Finalmente, como as enormes manifestações da semana passada em Hong Kong mostraram, os asiáticos – incluindo a Índia, a ASEAN, o Japão e a Península da Coreia – não querem o domínio total da China. Os asiáticos continuam dispostos e aptos a financiarem os militares norte-americanos para protegerem sua independência, concordam várias fontes asiáticas.
 
O resto do mundo, também, não quer substituir a hegemonia Sionista pelo totalitarismo chinês. Isso significa que, no final, apesar da postura, o mundo garantirá que os EUA e a China cheguem a uma conclusão vantajosa para todos.
 
Enquanto isso, os Sionistas estão agitando sua carta Stuxnet como loucos, num esforço para evitar sua implosão. Na semana passada, organizaram um blecaute em toda a Argentina, enquanto o país se prepara para remover o Presidente Sionista Maurício Macri. O artigo do New York Times, na semana passada, dizendo que os EUA poderiam  derrubar toda a rede elétrica da Rússia, também, era uma óbvia ameaça Stuxnet Sionista.
 
No entanto, o Stuxnet pode ser a última carta dos Sionistas, enquanto perdem o controle sobre a mídia e o sistema financeiro. (Já perderam o controle dos militares).
 
O mais recente desdobramento em seu colapso midiático foi a revelação de que “Um falso ativista iraniano (que não existe) ter publicado 61 artigos na revista Forbes (meu ex-empregador)”.
 
 
Embora eu não tenha lido esses 61 artigos, é uma aposta segura que eram uma propaganda anti-iraniana e alarmista.
 
O gráfico abaixo mostra como a alarmista mídia corporativa constantemente reporta sobre assassinatos, terrorismo e suicídio, mesmo quando as pessoas se desligam e nenhuma dessas questões estão nem perto de ser a maior ameaça que enfrentamos.
 
 
A antiquíssima tática da linhagem de sangue, de dividir e conquistar através do medo, não está mais funcionando.
 
As tentativas das famílias da elite governante de manter o poder matando pessoas também estão falhando. Os prováveis assassinatos do Vice-Chefe da Polícia de Nova York, Steven Silks, do detetive veterano Joe Calabrese e da ex-Senadora do Estado do Arkansas, Linda Collins-Smith, fracassaram miseravelmente em interromper as investigações sobre a pedofilia da elite. O Departamento de Justiça respondeu a essas tentativas com o anúncio de 11 de Junho da prisão de 1.700 suspeitos de predadores de crianças.
 
 
Os Sionistas, também, estão prestes a perder o controle financeiro. Fontes do Pentágono dizem que “uma implosão do Deutsche Bank deve levar ao colapso da moeda fiduciária e ao lançamento do Sistema Financeiro Quântico (SFQ)”.
 
As pessoas por trás do SQF, agora, estão negociando com a Sociedade Dragão Branco para a criação de uma futura agência de planejamento e o início de uma campanha massiva para “salvar o planeta”, dizem fontes da SDB e da Família Real Britânica. No entanto, nenhum anúncio é provável ser divulgado antes do Outono, dizem as fontes. Isso ocorre porque mudar o mundo sem uma guerra mundial leva tempo.
 
Enquanto isso, veremos se o governo corporativo dos EUA, finalmente, vai à falência durante o Verão. Isso será visto em público com outra paralisação do governo dos EUA. No entanto, desta vez pode levar, como muitos patriotas dos EUA esperam, a um anúncio formal do renascimento da República dos Estados Unidos da América no dia 04 de Julho deste ano. Talvez, até lá, Trump revele se é um cavalo de Tróia para os Patriotas, como muitos ainda esperam, ou para os Sionistas, como suas próprias palavras e ações públicas parecem mostrar.
 

 
Agradecimentos a: 
 

 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.



 
 
 
Free counters!
geoglobe1
 
 
 
 

Junho 04, 2019

chamavioleta

 

 ZUM-ZUM DE REDEFINIÇÃO DE MOEDA ENQUANTO A INDONÉSIA FECHA TODOS OS BANCOS E LOJAS DE PENHORES POR 9 DIAS E A MALÁSIA SOLICITA UMA MOEDA INTERNACIONAL LASTREADA EM OURO.

Relatório completo de Benjamin Fulford,

3 de junho de 2019. 

Tradução: Candido Pedro Jorge

 
 
 .
 
 
 
 

 
 
Existe uma movimentação entre pessoas com contatos de inteligência no mundo real da sensação de que algo grande está desabando. “Minha intuição é que estamos muito próximos do fim da corporação dos EUA. Posso dizer isso, pelo que está acontecendo aqui na região que está conectada. Existe uma mudança no ar. Os governos corruptos estão sendo expostos e vão se demitir ou serão removidos pelas ‘pessoas’”, foi como uma fonte da CIA na Ásia descreveu o clima. Muitos eventos aparentemente desconectados apontam para isso.
 
Vamos começar com a situação no Leste da Ásia, onde a Indonésia fechou todos os seus bancos e lojas de penhores por 9 dias, a partir desta semana. Este movimento para fechar todas as negociações de ouro e operações bancárias internacionais veio, imediatamente, após o Primeiro-Ministro da Malásia, Mahatir, ter pedido a substituição do dólar americano por uma moeda de troca lastreada em ouro.
 
Papua, Nova Guiné, que abriga algumas das maiores reservas de ouro do mundo, acaba de selecionar James Marape como seu Primeiro-Ministro. Marape quer efetivamente nacionalizar os recursos minerais e energéticos de sua nação. [Copie e cole a seguinte URL: 
 
O Rei David Peii II, dos Reinos Gêmeos de Papaala e Me'ekamui (Bougainville), controlador de fato de Panguna, a maior mina de ouro do mundo, disse à Sociedade Dragão Branco/White Dragon Society (SDB/WDS) que estava perto de Marape:
 
“Curiosamente, ele foi meu colega de escola, amigo e cliente da U-Vistract [referindo-se à moeda de ouro que o rei David criou]. Acabei de lhe enviar minha mensagem de felicitações. Quando a hora marcada chegar, Deus abrirá todas as portas”.
 
O fechamento dos bancos indonésios e as movimentações relacionadas ao ouro seguem uma parada sem precedentes de dez dias de todo o sistema bancário japonês, de 27 de Abril a 7 de Maio. Esta paralisação sem precedentes, também, levou à especulação (incluindo por este escritor) que levaria a algum tipo de anúncio financeiro, todavia, nada aconteceu de uma maneira que fosse visível para nós, pessoas comuns. No entanto, agora, estamos ouvindo da realeza britânica, que a paralisação foi necessária para o trabalho de TI relacionado ao Sistema Financeiro Quântico. Também, está relacionado ao anúncio em 9 de Abril, de que o Japão estaria emitindo uma nova moeda, a partir de 2024 disseram as fontes.
 
Todos esses movimentos começaram a ser implementados em Março de 2019, depois que o cardeal George Pell, o chefe do Banco do Vaticano, foi considerado culpado de molestar jovens, confirmam fontes maçônicas P2. 
 
Esses movimentos também terão um grande efeito no grupo Bilderberg da realeza holandesa e seus membros, significando que o sistema de petrodólares montado pelo homem chave de Bilderberg, Henry Kissinger, está sendo sistematicamente desmantelado, dizem as fontes P2 e britânicas.
 
A Família Real Holandesa, agora, também, enfrenta uma crise existencial, já que seu envolvimento no voo 370/17 da Malásia está enfrentando um escrutínio público, oficial e criminal. O Primeiro-Ministro, Mahatir, da Malásia, falando no Clube de Correspondentes Estrangeiros do Japão, na semana passada, reconheceu publicamente que o voo 370 da Malásia que desapareceu em Março de 2014 e o voo 17, que foi abatido em Julho de 2014, eram o mesmo avião. Ele disse que os holandeses se recusaram a entregar a caixa-preta do avião para a Malásia, apesar de o voo ter se originado na Malásia e ser comandado por um piloto malaio. Mahatir, também, deixou claro que houve uma tentativa politicamente motivada, desde o começo, para culpar a Rússia por ter derrubado o avião. Seus comentários podem ser vistos aqui a partir da marca 40:35.
 
De fato, denunciantes holandeses e outros já expuseram completamente todo esse incidente assassino. O link a seguir conta a história real:
 
A razão pela qual esse incidente está sendo levantado, agora, é porque declarações públicas feitas por um chefe de estado em seu cargo, significa que todo esse sórdido episódio não pode mais ser varrido para debaixo do tapete. A trilha investigativa certamente levará à nazista Família real holandesa.
 
Uma carta ao editor, publicada neste site 
por um denunciante holandês, tem muitas informações interessantes sobre a relação entre a Realeza Holandesa, os Nazistas, os Bilderbergers e a UE. Alguns destaques incluem:
 
1. Notícia de que um submarino holandês foi intencionalmente afundado pelos britânicos, para silenciá-lo, porque havia avistado a frota japonesa a caminho de Pearl Harbor.
 
2. A Holanda permaneceu secretamente sob o domínio nazista desde 1945.
 
3. Adolf Eichmann foi morto porque planejava delatar os nazistas.
 
4. O Gabinete de Hitler continua silenciosamente, desde 05 de Maio de 1945, sob a liderança dos sucessivos chefes de estado holandeses Wilhelmina, Juliana e Beatrix… e, agora, do belga, Étienne Davignon, por meio do qual o regime nazista foi tomado pela União Europeia.
 
Há muitos outros sinais, além dos acontecimentos, na Ásia, para mostrar que essa estrutura de poder neonazista, agora, realmente está desmoronando. Em primeiro lugar, notamos que o governo da Chanceler alemã Angela Merkel (Hitler) está em risco de colapso, após “a surpreendente demissão de seu parceiro de coalizão, o líder Social-Democrata”.
 
Enquanto isso acontecia, Merkel disse à Vice-Presidente da China, Wang Qishan, que estava disposta a “melhorar os sistemas de governança global em conjunto com a China”.
 
O fato do Softbank, de repente, ter contratado a Cantor Fitzgerald (CF) para tentar atrair investidores para um fundo de tecnologia de US $ 100 bilhões, também, é muito interessante, porque a CF é uma revendedora primária de títulos do Federal Reserve Board e não uma companhia de valores mobiliários normal.
 
Em outras palavras, isso poderia ser um sinal de que o Softbank está tentando usá-los para entrar em contato com os novos controladores do Fed, agora, porque seus antigos apoiadores s-Sauditas (Kissinger) não podem mais criar bilhões de dólares do nada.
 
Isso, é claro, nos leva ao grande kahuna - a United States of America Corporation. Aqui, os sinais são de que o presidente Donald Trump está perdendo a guerra comercial que está travando na China e, também com quase todo mundo.
 
A agência oficial chinesa de notícias Xinhua observa o seguinte:
 
“Os US $200 bilhões em mercadorias chinesas sobre as quais os Estados Unidos impuseram tarifas adicionais respondem por 41,8% das exportações da China para o país, todavia, apenas 8% das exportações totais da China”, disse Wang Zhijun, Vice Ministro de Indústria e Informação e Tecnologia. “Além disso, cerca de metade das empresas afetadas são empresas de capital estrangeiro, incluindo muitas empresas americanas”, disse Wang.
 
O êxodo previsto por Trump de fabricantes chineses também não está acontecendo, diz a Xinhua, observando que “estatísticas oficiais mostraram que de Janeiro a Abril, o investimento estrangeiro real no setor manufatureiro da China aumentou 11,4% ano a ano”.
 
Em contraste, em abril, as importações e exportações norte-americanas caíram 2,7% e 4,2% ano a ano, mostrando tanto uma economia em contração quanto um crescente deficit comercial.
 
Essa é provavelmente a verdadeira razão pela qual Trump, de repente, despejou seu muito balanceado acordo comercial revisado com o México e Canadá, impondo tarifas sobre o México. Também, está atacando a Índia, o Reino Unido, a Austrália, o Japão e outros parceiros comerciais. Parece que está desesperadamente tentando conseguir dinheiro onde puder para evitar a falência.
 
Neste contexto, também, é interessante notar que as famílias dos EUA que possuem (ou eram proprietárias?) do Federal Reserve Board, também, estão tentando atingir a Polônia pela ridícula soma de US $ 300 bilhões.
 
Por sua vez, fontes do Pentágono não pareciam preocupadas com qualquer iminente falência do governo corporativo dos EUA e estavam mais focadas em restaurar a competitividade da economia real dos EUA. “As ações antitruste do Departamento de Justiça e da FTC contra Google, Amazon e Facebook forçarão mais concorrência”, observam as fontes. Essas empresas de alta tecnologia, também, estão sendo forçadas pelo G20 a pagar impostos como todo mundo, acrescentam.
 
“A guerra tecnológica/comercial com a China pode terminar com o sistema financeiro Quântico substituindo a moeda fiduciária, a redefinição global de moeda e a liberação de tecnologias suprimidas e ETs”, prevê o Pentágono.
 

 
Agradecimentos a: 
 

 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.



 
 
 
Free counters!
geoglobe1
 
 
 
 

Maio 01, 2019

chamavioleta


 TENTATIVAS DE INICIAR UMA GUERRA ENTRE MUÇULMANOS E CRISTÃOS REPERCUTE MAL CONTRA SIONISTAS

Relatório completo de Benjamin Fulford,

29 de abril de 2019. 

Tradução: Candido Pedro Jorge

 
 
 .
 
 
 
 

 
O recente massacre de Cristãos no Sri Lanka, além, de ataques contra igrejas e mesquitas, se transformou num erro fatal para os sionistas, confirmam várias fontes. Numa reação, o Departamento de Defesa dos EUA está lidando com verificações de antecedentes para erradicar cidadãos, agentes, bens e sayanim israelenses (hebraico para “ajudantes”), dizem fontes do Pentágono.
 
Em todo o mundo Muçulmano, as transmissões de TV árabes e iranianas citaram este escritor e outros, como dizendo que o ISIL representa o Serviço Secreto de Inteligência de Israel. “Quase todos os árabes acham que o ISIL seja cria de Israel e dos governos regionais”, confirmou uma importante personalidade da televisão árabe. Isso significa que quando o "ISIL" assumiu a responsabilidade por vários ataques recentes, o regime satânico de Israel de Benjamin Netanyahu cometeu suicídio internacional e perdeu todo apoio regional, especialmente entre os Judeus (em oposição aos satanistas que fingem serem Judeus).
 
Fontes do Pentágono dizem que “O Judeu, The York Times” foi forçado a publicar o seguinte cartoon editorial:
“A Edição Internacional do NYT e o dachshund alemão, formam outro apito de cachorro para a Europa, Ásia e o resto do mundo, depois do Sri Lanka, de que o Sionismo = terrorismo”, explicam as fontes do Pentágono. As fontes acrescentaram que: “Trump não é tão cego” e que “qualquer ultraje de Trump é apenas teatro kabuki, como a comunidade de inteligência militar, patriotas e a Europa pós Notre Dame consideram Israel”.
 
“Agora, o antissionismo se tornou corrente, na medida em que Ilhan Omar, os Democratas e o New York Times nivelaram conversa”, dizem as fontes. Como parte do ataque aos Sionistas, “o Departamento de Justiça pode processar o Judeu bilionário de Chicago e Governador de Illinois,  J.B. Pritzker por fraude fiscal”, acrescentam as fontes.
 
Além disso, o Relatório Mueller será seguido por uma blitzkrieg antissionista, incluindo o relatório do Inspetor-Geral do Departamento de Justiça e a desclassificação da FISA, disseram as fontes. "Trump, aparentemente está guardando Israel para o final", acrescentam.
 
Falando em Israel, um oficial militar dos EUA envolvido em negociações sobre as colinas de Golan disse que o exército israelense “está farto de Bibi [Benjamin Netanyahu] e incapaz de manter Golã de qualquer maneira.” Os militares dos EUA estão negociando com um advogado da Liga Árabe os detalhes do retorno do Golã para a Síria, disse.
 
Israel, Sionismo, bancos centrais e a Coréia do Norte, também, foram importantes tópicos de discussão entre representantes de sociedades secretas asiáticas e a Sociedade Dragão Branco (SDB), ocorrida na semana passada. O representante da Sociedade Secreta Asiática disse que uma guerra limitada  poderá acontecer em breve com a finalidade de  “unificação da península coreana”.
 
Esta fonte, também, de forma independente, confirmou que o forte norte-coreano Kim Jong-un trouxe um avião de caça F-35, dos EUA, como presente quando se encontrou com o Presidente russo, Vladimir Putin, na semana passada. A Rússia respondeu concordando em apoiar a Coréia do Norte em sua mudança pela reunificação da Península, disse a fonte.
 
Por sua vez, a SDB informou que uma guerra como essa precisaria acontecer em conjunto com um ultimato de rendição de Israel, a fim de garantir que a situação não se agravasse involuntariamente numa Terceira Guerra Mundial.
 
A fonte da sociedade asiática, também, observou que o Primeiro-Ministro do Japão, Shinzo Abe e seu partido, no poder, seriam substituídos por uma coalizão de partidos de oposição no próximo ano,  medidana em que o novo Imperador assumisse o poder. No entanto, a SDB apontou que a oposição, assim como o partido no poder, estava repleto hacks nepotistas de baixo QIs que não seriam capazes de lidar com os problemas fundamentais do Japão como uma diminuição da população e queda nos padrões de vida.
 
A SDB informou que o Banco do Japão teria que ser nacionalizado e seu sistema financeiro teria que ser redefinido; caso contrário, forças especiais interviriam e removeriam todo o corpo político corrupto japonês.
 
A fonte da sociedade asiática concordou que isso teria que acontecer, depois de ouvir como o incrível sucesso de Cingapura deveu-se em grande parte ao fato de que lá não existe um banco central.
 
Em seu livro, From Third World to First, Lee Kuan Yew, fundador de Cingapura, explica por que ele determinou que “Cingapura não deveria ter um banco central que pudesse emitir dinheiro e criar moeda”. Isso foi porque "nós estávamos determinados a não permitir que a nossa moeda viesse a perder o seu valor". Eez disso. Cingapura usou“ um currency board que apenas emitiu dólares de Cingapura, quando apoiado por seu valor equivalente em moeda estrangeira (com base em uma cesta) ”(pág. 72). Em outras palavras, Cingapura tem uma moeda apoiada pelo dinheiro ganho com a venda de coisas reais para o mundo real. “Não gastar mais do que arrecadamos em receita tem sido um princípio orientador”, explica ele mais adiante (p. 232).
 
No mesmo livro, Lee cita o ex-ministro das Finanças, Lim Kim San, dizendo: "Um banco central é uma saída fácil para um ministro das finanças que quer conciliar [seus números] quando tem um déficit em seu orçamento".
 
O que é interessante é que, quando Cingapura se separou da Malásia, o Ministro das Finanças da Malásia, Tan Siew Sin, disse: "Se o sistema do banco central é um sistema inferior, é claro que é um erro cometido por todos os países industrializados do mundo Ocidental." (pg 231).
 
Sin pecou e foi em frente e criou o Banco Central da Malásia que, agora, está envolvido num escândalo de corrupção gigantesco, envolvendo os suspeitos do costume, como o Goldman Sachs e os Rothschilds. Desde a sua independência, em 1965, o dólar de Cingapura, baseado na realidade aumentou em 300% contra o ringgit da Malásia. Além disso, tendo começado num nível igual, o PIB per capita de Cingapura,  agora, é  US $ 58 mil, em comparação com os US $ 9,9 mil da Malásia.
 
Por sua vez, o dólar americano, perdeu 84% de seu valor, desde que foi retirado do padrão ouro, em 1971. Desde então, o padrão de vida real, para 90% dos americanos, também, caiu drasticamente.
 
O apelo generalizado dos desenhos animados de Ben Garrison, a seguir, também, demonstra que o mundo, como Cingapura há muito tempo atrás, agora, está acordando para o golpe da escravidão babilônica por dívida dos bancos centrais sionistas.
 
 
  1. https://www.zerohedge.com/s3/files/inline-images/iAHofwAbVE4MmqpIx8sIQA_RTntosyljnYme_7Gez3g.jpg?itok=dIYprQHH
 
Economistas e especialistas de renome como David Stockman, diretor do Escritório de Administração e Orçamento do Presidente Ronald Reagan, estão finalmente descobrindo as coisas. Stockman observa como os bancos centrais (incluindo o da China) criaram US $ 15 trilhões "a partir do nada" desde a crise do Lehman de 2008.
 
 
  1. https://davidstockmanscontracorner.com/15-trillion-from-thin-air-the-massive-central-bank-fraud-on-the-world-economy/
 
Esta quantia de US $ 15 trilhões é o dinheiro que foi criado usando títulos de “ouro” falsos, forjados por Wilfredo Saurin.
 
 
  1. https://benjaminfulford.net/2016/10/03/document-dump-shows-federal-reserve-board-based-on-outright-fraud/
 
Esse dinheiro acabou e novas tentativas de falsificação sionista estão sendo sistematicamente reprimidas. Em vez disso, uma redefinição financeira global está sendo preparada, de acordo com as fontes envolvidas no planejamento. No entanto, um alto funcionário do MI6, encarregado de estabelecer o sistema financeiro quântico diz que o novo sistema não será anunciado de repente.
 
“O reset não funciona assim. É um projeto de mudança, portanto, o sistema atual é executado de forma tática, enquanto o novo sistema é desenvolvido de forma estratégica. Os dois então se juntam. É como construir uma nova rodovia ao lado de uma estrada mais antiga, na verdade ”, diz ele, “o algoritmo para implantação também inclui os ativos fora da contabilidade e a peça de redefinição da dívida”, explica ele. A moeda resultante será um híbrido de moedas existentes. Isso provavelmente explica por que recentemente as moedas mundiais têm se movido dentro de uma faixa estreita em relação umas às outras.
 
O Ocidente, especialmente os EUA, deve se apressar com o reset e é melhor que seja assim, porque, independentemente, o resto do mundo está seguindo em frente. A fonte da sociedade secreta asiática disse que a Ásia vem avançando e construindo alternativas às instituições dominadas pelo Ocidente, como a ONU, o FMI, o Banco Mundial, etc. Observou que um projeto de construção massivo estava em andamento no Laos para criar a nova Ásia - centrada na ONU de lá.
 
A Iniciativa Cinturão e Estrada (BRI),  da China, de trilhões de dólares, também está ganhando tanto impulso que, em breve, apenas os EUA serão o único país que não farão parte dela.
 
O russo Vladimir Putin, falando na cúpula da semana passada do BRI, explicou que os EUA estavam sendo isolados por seu "crescente protecionismo, com restrições unilaterais ilegítimas impostas ultrapassando o Conselho de Segurança da ONU ou, pior ainda, guerras comerciais".
 
Por outro lado, Putin observou: “Os conceitos da Grande Parceria Eurasiática e do Cinturão e Estrada estão enraizados nos princípios e valores que todos entendem: Uma aspiração natural das nações de viverem em paz e harmonia, beneficiando-se do livre acesso às últimas realizações científicas, desenvolvimento inovador, preservando sua cultura e identidade espiritual única”.
 
 
  1. http://en.kremlin.ru/events/president/news/60378
 
Em sua reunião, na semana passada, com a sociedade secreta asiática, a SDB sugeriu a falência do corrupto e agora profundamente dividido sistema político sionista de Washington, D.C.
 
Em vez disso, os asiáticos poderiam trabalhar com a Comunidade Britânica e a comunidade de inteligência militar Ocidental para criar uma futura agência de planejamento para trabalhar em harmonia com o BRI. O representante asiático apoiou esta proposta. Um método real e concreto para fazer isso acontecer, também, foi proposto, mas por razões de segurança operacional, não podemos divulgar isso aos nossos leitores ainda.
 
Para encerrar, notamos que o novo Presidente "Judeu" da Ucrânia, comemorou sua vitória com um sinal satânico de mão.
 
 
  1. https://www.timesofisrael.com/zelensky-win-makes-ukraine-1st-country-outside-israel-with-jewish-pm-president/
 
 
 
 
Podemos supor que muitos dos satanistas estão se preparando para retornar à sua pátria khazariana, na Ucrânia. Por sua vez, os Judeus estão prestes a libertar Israel e se libertarem de milênios de escravidão babilônica.
 

 
Agradecimentos a: 
 

 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.



 
 
 
Free counters!
geoglobe1
 
 
 
 

Abril 16, 2019

chamavioleta


WASHINGTON/DC SOFRE DE INSANIDADE POLÍTICA, NA MEDIDA EM QUE SUA FALÊNCIA SE APROXIMA

Relatório completo de Benjamin Fulford,

15 de abril de 2019. 

Tradução: Candido Pedro Jorge

 
.
 
 
 
 

 
 
A política corporativa dos EUA degenerou-se para ameaças vazias e sem sentido, já que a falência e o colapso, agora, são uma certeza matemática. Isso porque o Brexit de 29 de Março fez com que “a cidade de Londres não seja mais a capital financeira da cabala”, confirmam fontes da Inteligência Britânica e do Pentágono.
 
Quando perguntado, “Como o Presidente Donald Trump está respondendo a tudo isso?” Um importante oficial  da Inteligência Britânica disse: “Para ser muito honesto, provavelmente, a esta altura  num pânico cego”.
 
Acham isso difícil de acreditar? Vamos recuar um pouco e ver o que aconteceu, neste ano, até agora no governo dos EUA. Primeiramente, a partir de 1º de Janeiro, todos os veteranos militares se retiraram da presidência de Trump. Então, o governo dos EUA fechou por 35 dias, mesmo enquanto as forças armadas dos EUA permaneciam totalmente financiadas.
 
Quando o governo dos EUA reabriu, Trump lotou seu gabinete com furiosos neocons Sionistas. Eles conseguiram manter as operações roubando as restituições de impostos das pessoas americanas e aumentando os preços dos combustíveis nos EUA. Enquanto isso deram a Washington, outra dependência de açúcar, começando a matar a recuperação econômica dos EUA.
 
Enquanto isso, Trump tem falado como um viciado falido tentando convencer todo mundo de que grandes eventos estavam acontecendo, dizendo coisas como: “A Arábia Saudita vai comprar US $ 450 bilhões em armas, etc.” ou “A China vai comprar mais de US $ 1 trilhão bens dos EUA” em dinheiro. A realidade é que a Arábia Saudita só concordou em comprar US $ 14,5 bilhões em exportações dos EUA. Além disso, mesmo que a China tenha concordado em comprar US $ 1 trilhão em produtos americanos superfaturados, o fato é que a economia dos EUA não tem capacidade para criar esses bens. Em qualquer caso, de acordo com fontes da sociedade secreta asiática, a China está pensando seriamente em declarar a falência de Washington, DC.  
 
 
  1. https://www.politifact.com/truth-o-meter/statements/2018/oct/23/donald-trump/donald-trump-touts-nonexistent-450-billion-saudi-o/
  2. https://www.bloomberg.com/news/articles/2019-01-18/china-is-said-to-offer-path-to-eliminate-u-s-trade-imbalance
 
Agora, a Administração Trump está tentando se manter à tona forçando os países a comprar seu caro petróleo e gás de xisto. Essa é a verdadeira razão pelas sanções dos EUA ao Irã, Venezuela e Rússia, bem como pelos ataques à Síria e ao Iêmen. Mas essa estratégia está fracassando porque os principais importadores de petróleo – Europa, China, Japão e Índia – não têm interesse no caro petróleo e gás americanos e esses países não estão aceitando as “sanções” dos EUA. Para uma boa análise dessa situação, recomendo o artigo abaixo de Thierry Meyssan, a pessoa que primeiro captou a verdade sobre 11 de Setembro. 
 
 
  1. https://www.voltairenet.org/article205987.html
 
Fontes do Pentágono observam que “a prisão, na Espanha, do ex-chefe da inteligência militar venezuelana, General Hugo Carvajal, tornou as forças militares ainda mais leais ao presidente venezuelano Nicolas Maduro, já que o golpe neocon reprovado é real”. Isso significa que as maiores reservas de petróleo do mundo permanecem de fora do controle do sistema petrodólar da cabala.
 
O arquicabalista Henry Kissinger tem desesperada e inutilmente tentado salvar o establishment de DC e seu sistema de petrodólares, descontando títulos que valem "quatrilhões de dólares", segundo fontes da família imperial japonesa. Esses títulos jamais serão sacados, dizem as fontes.
 
Em vez disso, algo chamado de Sistema Financeiro Quântico (SFQ) está sendo implementado, concordam várias fontes. Quando os mercados financeiros do Japão estiverem fechados por seis dias, entre 27 de Abril e 6 de Maio, no que seria o maior fechamento de mercado financeiro e de bancos, desde o final da Segunda Guerra Mundial, é uma boa aposta que uma transição seja implementada neste momento.
 
 
  1. https://www.bloomberg.com/news/articles/2019-04-13/why-japan-s-10-day-break-has-markets-worried-quicktake
 
A pessoa que criou o Sistema Financeiro Quântico (SFQ) informou que ele teve suas origens numa Teoria de Transição do  “War College Power” e que foi  “usado com grande precisão na libertação da Grã-Bretanha”.
 
Por sua vez, Fontes da CIA dizem que “o Brexit não é apenas sobre a Europa ou sobre o Reino Unido. É um enorme jogo satânico, com alguns principais membros do Parlamento sendo ameaçados, caso deixem o Clube de Roma. As coisas estão tentando mudar, mas a Velha Guarda, literalmente, os comerá vivos se tentarem escapar”.
 
De acordo com uma fonte do MI6, as “forças armadas e seus braços de inteligência” estão usando esse modelo de transição de poderem para criar “uma aliança global de estados-nações soberanos”, em substituição à Nova Ordem Mundial, em colapso. A aliança de estados-nações soberanos, também, apoiaria “a criação de uma força global, como uma Agência de Planejamento Futuro Mundial”, diz essa fonte, que é um dos principais membros  das tradicionais 13 linhagens dominantes.
 
Essa fonte foi um dos principais planejadores por trás da “operação de contrainteligência militar,  fundamental para a recente libertação da Grã-Bretanha”.
 
A operação para libertação do Reino Unido foi desencadeada por denúncias de parte dessa pessoa, quando trabalhou em “Mercados de Dívida Soberana na mesa italiana e no Vaticano”, no Banco Barclays. Essas denúncias levaram ao escândalo da taxa LIBOR.
 
Eis o resumo da importância desse escândalo: “A manipulação das taxas usando um fórum de bate-papo na Bloomberg tornou-se a maior e complexa fraude financeira da história e que, no final do jogo, faliu com quase toda indústria e alterou totalmente a trajetória da geopolítica, tanto aberta quanto encoberta ”.
 
Agora ele diz que o BIS, o FMI e o Banco Mundial “serão completamente liquidados”, porque “falharam fundamentalmente com a humanidade e, também, cometeram crimes muito sérios contra ela”.
 
É claro que a máfia khazariana não vai desistir do controle dessas instituições e dos sistemas políticos corruptos sem  lutar. Na semana passada, eles, provavelmente, roubaram uma eleição em Israel para manter o satânico assassino em massa  Benjamin Netanyahu no poder.
 
Então, para distrair a atenção do público dessa fraude eleitoral, organizaram uma série de fake news. Em Israel, promoveram um falso pouso na Lua. A foto abaixo foi enviada por uma fonte da CIA judaica com o seguinte comentário: “Anexa, a falsa foto do fake lunar israelense. Observe a perfeição da foto com a foto da ‘Estrela de Satã’ claramente evidenciada”.
 
 
 
Também publicaram uma falsa “primeira imagem de um buraco negro” que foi amplamente ridicularizada, assim que foi divulgada. Isso não impediu que os escritores escravos de khazarianos em publicações como The Guardian ou The New York Times usassem este lançamento de “foto” como uma pista para descrever o Brexit como um “buraco negro”.
 
 
  1. https://www.theguardian.com/media/2019/apr/10/saurons-eye-or-brexit-metaphor-tweets-joke-about-black-hole-image
 
Então, é claro, organizaram a chamada detenção do fundador do WikiLeaks, Julian Assange. Não vamos escrever muito sobre isso, já que essa farsa foi amplamente exposta em outros lugares. No entanto, notamos que todos os vídeos e imagens do evento vieram de uma única fonte, Russia Today, que é um sinal revelador de uma falsa imagem gráfica. Também notamos que Julian Assange não apareceu nenhuma vez em sua varanda, na embaixada equatoriana, em Londres, depois de ter sido visitado em 2016 por Pamela Anderson.
 
Abaixo, está a linha do tempo do WikiLeaks de Jim Stone:
 
 
  1. http://82.221.129.208/.wn6.html
 
23 de outubro de 2016 - O diretor do WikiLeaks, Gavey Macfadyen, morreu. 16 de Abril de 2016 - O advogado do WikiLeaks, John Jones morreu (“saltou na frente de um trem”) (suicídio) em 11 de Maio de 2016 - Michael Ratner, diretor do WikiLeaks, morto em 16 de outubro de 2016 - Pamela Anderson que leva “almoço” para Assange, alega que ele não estava se sentindo bem depois de comer e, em 17 de Outubro, quando Assange teve seu “corte na Internet”.
 
Também, falsificaram um “banco de dados” do Wikileaks que não continha divulgações realmente importantes. Nesse despejo, tenham certeza de que  não mencionaram a verdade sobre o 11 de Setembro, Fukushima ou outros crimes contra a humanidade.
 
Fukushima foi "um ataque terrorista e um incidente internacional muito sério, grosseiramente sub-relatado pela imprensa mundial", disse a fonte do MI6. Ela acrescentou que esse "caso extremamente sério" seria um importante assunto para os tribunais de crimes de guerra.
 
De qualquer forma, o interessante de todos esses eventos encenados é como eles, agora, estão sendo imediatamente desmascarados, mostrando o quanto a máfia khazariana perdeu seu poder de manipular a opinião pública.
 
Apesar desses esforços histéricos para desviar a atenção de seus crimes, a rede está se aproximando da máfia khazariana e, especialmente, de sua base de operações em Israel.
 
Nesta frente, fontes do Pentágono observam o que “Trump twittou: 'Nunca esqueceremos' com o que Nancy Pelosi chamou de 'dolorosas imagens do 11 de Setembro', em resposta à congressista Ilhan Omar que disse que 'algumas pessoas fizeram algo' no 11 de Setembro que, agora, se torna uma conversa nacional politicamente correta, antes das bombas da verdade caírem sobre Israel ”.
 
Agora, o ex-comandante do Comando Central dos EUA, General de Exército John Abizaid, foi "confirmado 92-7 como embaixador dos EUA na Arábia Saudita, fazendo dele o governador militar de fato do Oriente Médio", disseram as fontes.
 
Isso aconteceu quando o presidente egípcio Abdel Fattah el-Sisi "disse a Trump na Casa Branca que o Egito não fará parte da OTAN árabe, tornando o Irã o líder indiscutível na região", acrescentaram as fontes do Pentágono.
 
As mudanças de regime que aconteceram ou estão prestes a acontecer na Líbia, no Sudão e na Argélia estão todas ligadas a esse ressurgimento da unidade do Oriente Médio e dos Muçulmanos.
 
Parece que Benjamin Netanyahu enfrentará a justiça histórica ao ter o projeto satânico sionista em colapso sob seu controle.
 
Numa nota final desta semana, uma fonte dominante me confirmou que a máfia khazariana usa programação preditiva. Isso quer dizer que ela faz coisas como lançar ao ar programas de TV sobre aviões a jato colidindo com os prédios do World Trade Center, antes de encenar o evento real.
 
Isso me lembrou de quando eu estava trabalhando para a revista Forbes, um romance foi publicado em que o chefe do departamento de Tóquio da revista Forbes foi morto com uma arma que causava ataques cardíacos. Alguns anos depois, fui atacado por um indivíduo portando um dispositivo cilíndrico branco, na estação de trem Nagata-Cho, em Tóquio. O dispositivo se encaixa na descrição da arma de ataque cardíaco descrita no romance.
 
Bem, eis aqui algumas programações preditivas: Vejo Benjamin Netanyahu algemado, perante um tribunal militar, ouvindo sua sentença de morte ser lida para ele. Também prevejo que a polícia militar israelense irá prendê-lo e negociar uma solução de dois estados, enquanto ainda têm a chance de fazê-lo. Caso contrário, a alternativa será os judeus de Israel acabarem em algum gueto turco.
 
 
 

 
Agradecimentos a: 
 

 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.



 
 
 
Free counters!
geoglobe1
 
 
 
 

Abril 11, 2019

chamavioleta



GUERRA ANGLO-ALEMÃ NÃO DECLARADA GRASSA DENTRO DO G7

Relatório completo de Benjamin Fulford,

8 de abril de 2019. 

Tradução: Candido Pedro Jorge

 
.
 
 
 
 

 
 
A liderança da aliança do G7 Ocidental está no meio de uma guerra civil que coloca uma aliança inglesa contra uma aliança germânica, afirmam várias fontes. A chegada de um novo imperador educado no Reino Unido no Japão e o retorno à prisão, na semana passada, do ex-presidente da Nissan/Renault Carlos Ghosn são parte dessa guerra, de acordo com fontes da inteligência militar japonesas.
 
A possibilidade do Japão voltar a ser um país independente, abala de forma clara a máfia khazariana. Na semana passada recebemos a seguinte mensagem de um gângster perpetuamente bêbado e amplamente desrespeitado chamado Morita: “Suas palavras levarão à morte de 100.000 japoneses, em 11 de Maio.” Morita, aparentemente estava se referindo a um chamado para nacionalizar o Banco do Japão, de propriedade khazariana. A polícia militar precisa prendê-lo o mais rapidamente possível e forçá-lo a revelar quem lhe pagou para transmitir essa ameaça.
 
Também, podemos apontar que a Sociedade Dragão Branco (SDB) possui opção de usar até três ogivas nucleares de 500 kilotons. Isso significa que poderíamos retaliar qualquer novo ataque ao Japão com a destruição, digamos, de Frankfurt, Tel Aviv e Zug, na Suíça. No entanto, ao contrário dos satanistas, a SDB não concorda com a prática de assassinato em massa de inocentes para alcançar fins políticos. Em vez disso, usamos o assassinato do culpado. Caso você pense que estamos blefando, vale a pena ressaltar que mais de 200 pessoas envolvidas no assassinato em massa de Fukushima já foram executadas, incluindo o chamado "embaixador" Christopher Stevens e o papa negro Peter Hans Kolvenbach.
 
Desta vez, quaisquer novas punições incluiriam o Führer do continuum DVD Nazista da máfia khazariana, dizem as fontes da SDB. O novo Führer e chefe da organização Black Sun que substituiu o George Bush Pai, executado, de acordo com a inteligência militar japonesa é Donatus, o Langrave de Hesse. Ele é descendente da rainha Vitória e parente de Adolf Hitler, assim como do imperador italiano Victor Emmanuel, segundo o MI6 e outras fontes. Seus primos britânicos já enviaram uma mensagem para ele parar e desistir. Esta é uma mensagem para ele da SDB: “Entregue-se enquanto ainda tem a chance de usar seus consideráveis talentos para ajudar a salvar o planeta, ou toda a sua linhagem genocida será permanentemente excluída do genoma humano”.
 
 
Ok, agora  vamos ver quais são os sinais de guerra secreta entre facções anglo-alemãs na elite Ocidental.
 
É claro que a coisa mais óbvia é o tumulto sobre o Brexit. Fontes da inteligência britânica dizem que o Brexit já foi legalmente exigido em 29 de Março, apesar de posturas de políticos que fingem o contrário. Um visível sinal disso é o fato dos passaportes britânicos emitidos, após essa data não incluem uma menção à União Europeia. A Primeira-Ministra Theresa May, ainda, em vão, está tentando aprovar um acordo que cederia o controle do aparato da inteligência militar britânica para os alemães, dizem elas.
 
Como mencionamos na semana passada, os alemães já haviam revertido os resultados da Segunda Guerra Mundial ao reocuparem a França.
 
 
Líderes do movimento francês dos coletes amarelos apontam que o Presidente da França, Emmanuel Macron foi funcionário da família alemã Rothschild/Saxe Gotha/Hesse e é protegido por guarda-costas estrangeiros. Eles também notaram que veículos blindados alemães com estrelas da UE (em vez de suásticas) estão sendo usados para reprimir os manifestantes do colete amarelo.
 
 
Agora, naquilo que pode ou não ser uma coincidência, um navio que transportava automóveis alemães exportados afundou no Canal Britânico.
 
 
E, então, o filho do chefe britânico do MI6, Sir Alex Younger, morreu num misterioso acidente de carro.
 
 
Fontes da inteligência britânica dizem que, em breve, tomarão drásticas medidas contra os quintas colunas apoiados pelos alemães. É por isso que prepararam uma prisão remota na Ilha de Natal, como sua versão da Baía de Guantánamo para abrigar traidores mais velhos como Tony Blair, dizem eles.
 
 
Como mencionado anteriormente, essa guerra por procuração também está acontecendo no Japão. A prisão de Carlos Ghosn, na semana passada, foi uma ação especificamente voltada para o Landgrave Donatus, disseram fontes da inteligência militar japonesa. Os alemães estavam usando Ghosn para tentar obter segredos militares japoneses da Mitsubishi Heavy Industries, dizem. A Mitsubishi, agora, está se fundindo com a Boeing e a Lockheed Martin, e a facção militar alemã estava tentando penetrar nessa crescente aliança, explicams.
 
Agora, a ajuda japonesa é especialmente importante para a Boeing, uma vez que as compras das companhias aéreas japonesas estão mantendo-a no azul, disseram fontes japonesas. No entanto, muita ajuda será necessária. “Na medida em que a Boeing enfrenta o estigma global do seu modelo 737, podendo haver uma campanha global de 'boicote, desinvestimento e sanções' (BDS) não apenas contra seus aviões comerciais, mas, também, contra seus produtos militares”, elaboraram  fontes do Pentágono.
 
Agora, fontes do Pentágono estão nos dizendo que a investigação sobre a recente queda da aeronave Boeing 737 da Ethiopian Air, indica que  foi executada por sequestro remoto das Inteligências francesa e alemã. Os franceses e seus mestres alemães conseguiram matar funcionários da ONU que trabalhavam contra interesses franceses na África, ao mesmo tempo em que ajudavam a vender aviões da Airbus, arruinando a reputação de seus rivais da Boeing, revelaram.
 
O fato é que, agora, como resultado das consequências desse incidente, a Boeing está removendo os equipamentos de sequestro remotos de todos os seus aviões, enquanto os aviões da Airbus ainda possuem esses dispositivos instalados. Uma rápida pesquisa revelou pelo menos três falhas que parecem ter sido resultado de sequestro remoto afetaram  aviões da Airbus.
 
 
"O mundo precisa que a China e o Japão se esforcem em quebrar o duopólio da Airbus e da Boeing", disseram fontes do Pentágono. "Agora, os aviões serão certificados não apenas pela FAA, mas em conjunto com a UE e a China, para proteger o público em geral", acrescentam.
 
Os militares dos EUA também estão se preparando para se distanciar dos “inchados e gananciosos” fabricantes de equipamentos militares dos Estados Unidos,  dizem. “A Turquia pode ser recompensada por ficar com a Rússia no acordo dos S-400 [míssil antiaéreo] com aviões de 5ª geração Sukhoi Su-57, em vez dos “superfaturados F35 da Lockheed”, observam. "A Sukhoi pode, também, vendê-los  essas armas para a Índia, a China, o Irã, a Venezuela e até mesmo a Arábia Saudita depois de despejar seus petrodólares", continuam eles.
 
A menção sobre a Arábia Saudita estar despejando o petrdólares é um sinal claro de que o governo, de fato, controlado pelos militares dos EUA está se preparando para deixar a Arábia Saudita longe do controle da máfia khazariana, disseram fontes da CIA.
 
A rotulagem do presidente dos EUA, Donald Trump, da Guarda Revolucionária do Irã como Organização Terrorista Estrangeira/Foreign Terrorist Organization (FTO) pode ser um esquema para rotular as forças de defesa israelenses Mossad, Shin Bet e Aman (inteligência militar) como FTO quando a verdade do 11 de Setembro for exposta”, acrescentam fontes do Pentágono. As fontes do Pentágono estão plenamente conscientes de que tanto os líderes iranianos quanto israelenses receberam ordens para tentar iniciar a Terceira Guerra Mundial com seus senhores em Zug, na Suíça.
 
Agora, quando Israel se dirige paraa uma eleição geral esta semana, este é um lembrete para os cidadãos de Israel que ainda não entendem: Benjamin Netanyahu trabalha para os mesmos nazistas que realizaram o Holocausto ou holocausto a Moleq, Baal, Set, Satan, etc., a fim de forçar os Judeus Ashkenazes a saírem de suas terras ancestrais europeias e entrarem em Israel. O povo israelense tem uma escolha: Podem fazer a paz em seus próprios termos e chegar a uma solução de dois Estados, ou pode enfrentar uma guerra contra as forças combinadas da Turquia, Irã, Síria, Jordânia, Iraque, Líbano e Catar. Um lembrete para aqueles fanáticos supersticiosos que são controlados por antigas falsificações: Os militares dos EUA não entrarão na luta para defender o estado pária no qual Israel se degenerou. Acorde e enfrente a realidade. Não haverá guerra entre Gog e Magog. Acabou; é hora de começar uma nova era.
 
Existem muitos sinais de que esta nova era já começou. Por exemplo, no que definitivamente é um divisor de águas para o planeta, a visita à Europa do presidente chinês Xi Jinping resultou num acordo entre o BIS (Banco Central dos Bancos Centrais) e a China para reconhecer o ouro asiático como dinheiro. Como reconhecimento de fundo, os asiáticos controlam cerca de 85% do ouro mundial conhecido, todavia, a maior parte deste ouro esteja na lista negra do sistema financeiro Ocidental, desde o choque de Nixon, em 1971. Reintegrar esse ouro no sistema financeiro mundial será  uma enorme mudança de poder financeiro, longe dos Rothschilds, etc.
 
 
Num desenvolvimento relacionado, fontes mexicanas dizem que o encontro entre o bilionário mexicano Carlos Slim e o imperador japonês Naruhito, sobre o qual, na semana passada, a NSA nos informou, foi discutida a fundação de um banco central mexicano independente. O presidente mexicano Andres Manuel López Obrador (Amlo) está estabelecendo um Banco Asteca, em cooperação com  Slim, para contornar o sistema bancário existente e distribuir benefícios sociais diretamente aos pobres, dizem eles.
 
 
Observamos que a Itália, também, está se mobilizando para nacionalizar seu banco central e aproveitar seu ouro. Muitos outros países  a seguirão.
 
 
Finalmente, num sinal de que a nova era está se tornando interessante, notamos que a China está se preparando para vender cogumelos mágicos.
 
 
 
 

 
Agradecimentos a: 
 


Vídeos 
 

 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.

 
 
 
 
Free counters!
geoglobe1
 
 
 
 

Agosto 30, 2018

chamavioleta


O IMPASSE NA GUERRA CIVIL DOS EUA LOGO TERMINARÁ E A PRÓXIMA FASE DA LIBERTAÇÃO PLANETÁRIA IRÁ COMEÇAR.

Por Benjamin Fulford,

Sociedade Dragão Branco 

(White Dragon Society), 

27 de agosto de 2018

Fonte: https://benjaminfulford.net/

Tradução: Candido Pedro Jorge.

a 29 de agosto de 2018


 
 

A morte, provavelmente por execução, do traidor John McCain, sinaliza uma nova fase na remoção da cabala criminosa que controla os EUA, desde 1913, concordam as fontes do Pentágono e agências. "O traidor McCain pode ter sido a primeira pena de morte por tribunal militar, permitido morrer com honra, como Rommel, para proteger a reputação da Marinha, enquanto assusta o estado profundo", foi como uma fonte do Pentágono descreveu a situação.

No entanto, a verdadeira batalha começará depois que o ramo dos EUA da cabala for removido, o que colocará o complexo industrial-militar dos EUA contra uma falsa aliança eurasiana, sediada na Suíça.

Essa batalha terminará, ou numa "guerra mundial" ou num completo remodelamento das instituições pós-guerra como a ONU, BIS, FMI, UE, etc. O objetivo é atingir o complexo de fundações (juntamente com o Banco do Vaticano) usado pela máfia khazariana para acobertar o controle dos bancos centrais de propriedade privada, as corporações da Fortune 500 e a maioria dos líderes mundiais.

Os fogos de artifício devem começar em Setembro e se intensificar no período que antecede as eleições intermediarias de Novembro nos EUA, onde a divisão da máfia khazariana espera recuperar seu poder e afastar o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

No entanto, tenham em mente que, até agora, Trump tem sido apenas o menor de dois males, se comparado com Hillary Clinton. Ele ainda tem que provar que não passa de mais um agente de Rothschild, lutando contra a coligação Bush/Clinton/Rockefeller, baseada nos EUA. Lembrando que o regime de Trump, ainda tem que expor a verdade sobre crimes como o 11 de Setembro e Fukushima e, nem remotamente  tentou algo como um Jubileu.

O ex-agente de inteligência da CIA e da Marinha, Robert David Steele, diz que “a verdade sobre 11 de Setembro está na mesa. O Presidente prometeu chegar no fundo da questão e está indeciso sobre se deve fazer isso, antes ou depois das eleições, por medo de uma crucificação (crucificação fictícia) de Dick Cheney e dos neoconservadores que trabalham como agentes sionistas  de Israel dada a proximidade das eleições e pela existencia de uma coleção de memorandos presidenciais preparados pelos 28 principais estudiosos, espiões e engenheiros de alto nível, disponível gratuitamente online:




Uma toca de coelho que vai ainda mais fundo do que o 11 de Setembro, obviamente, é o 11 de Março de 2011 (11/3) é o evento nuclear, tsunami  e assassinato em massa de Fukushima. Nesta frente, a destituição, na semana passada, do Primeiro-Ministro (Goldman Sachs) da Austrália, Malcolm Turnbull, pode levar à revelação da verdade sobre o 11/3, de acordo com informações de dois agentes do Serviço Secreto Australiano, envolvidos com Fukushima.

Estes agentes, em 2010, forneceram evidências ao Primeiro-Ministro australiano, Kevin Rudd, de que uma arma nuclear roubada em 2000 do submarino russo Kursk, havia sido contrabandeada para o Japão, para ser  usada num ataque terrorista contra aquele país. No dia seguinte que  Rudd recebeu essa evidência e tentou agir, foi destituído pelo “Federal Reserve Board (EUA)”, disseram os agentes.

Juntamente com a inteligência militar japonesa, os agentes continuaram a rastrear a arma, quando foi colocada a bordo do navio japonês Chikyu e dividida em cinco armas menores e instaladas em  perfurações no fundo do mar, em Fukushima, para serem detonadas e causarem um terremoto e tsunami. Apesar disso, nenhuma autoridade interveio para impedir este ataque. Além disso, após o ataque, o ex-presidente dos EUA, Barack Obama, contatou a White Dragon Society (WDS)/Sociedade Dragão Branco (SDB), para se justificar de que não tinha conhecimento ou envolvimento nesse ataque contra o Japão.

Na verdade, o rastro de evidências e a NSA juntaram todos os detalhes que levam ao antigo "Papa Negro" (Primeiro Jesuíta) Peter Hans Kolvenbach e ao Primeiro-Ministro de Israel,  Benjamin Netanyahu. A partir daí, a trilha leva a satânica Loja Maçônica P2, à Suíça e ao BIS. É por isso que é interessante notar que o Papa Jesuíta Francisco, agora, está sob ataque sem precedentes pelo encobrimento de pedofilia. Apesar de toda sua conversa sobre reforma, Francisco não divulgou o envolvimento do Vaticano em eventos como o crime de Fukushima contra a humanidade.

“A renúncia do Papa Francisco é cada vez mais provável, depois de sua fracassada viagem à Irlanda, pela denúncia do Papa pelo arcebispo Carlo Maria Viganò e uma onda crescente de ataques em diferentes países contra padres considerados pedófilos. Nosso entendimento, é que, apenas, um em cada dez padres é pedófilo, todavia, a cultura de impunidade para a pedofilia e a homossexualidade dentro do Vaticano, agora, está levando-o a uma implosão”, observou Steele. “No Vaticano, existe um lugar onde só há espaço para mais uma imagem do Papa e a lenda diz que o próximo será o último. Um líder católico com tenho falado, está profundamente preocupado”, acrescentou Steele. Outras fontes da CIA e do Pentágono concordaram com essa análise.

O Papa e o Vaticano são fundamentais para uma mudança real na forma como administramos este planeta, já que a maioria dos líderes mundiais é controlada pelo Vaticano, por meio de uma combinação de suborno (através de contas bancárias bilionárias no Vaticano) e ameaças de assassinato ou remoção do poder.

A trilha do ataque de Fukushima, também, leva para uma zona de crepúsculo, onde maçons P2 de alto nível, como o Cavalier dos Cavaleiros Teutônicos (e assassino do Vaticano), Vincenzo Mazzara, afirmam que recebem ordens de uma entidade chamada "sol negro", que "se comunica via ondas eletromagnéticas situadas no espectro dos Raios Gama”. Isso pode ser apenas cortina de fumaça e espelhos colocados para nos distrair dos verdadeiros culpados (humanos). No entanto, fontes do Pentágono insistem que existe uma dimensão esotérica ou extraterrestre envolvida na batalha pelo planeta Terra e dizem que, nesta frente, “com mais terremotos, os últimos redutos (bases subaquáticas e subterrâneas) estão sendo sistematicamente destruídos”.


Enquanto isso, aqui na superfície da Terra, a melhor maneira de descobrir o que realmente está acontecendo seria tomando medidas militares contra e ocupar fisicamente as fortalezas da cabala khazariana, como o BIS e o complexo da família Rothschild em Zug, Suíça.

É improvável que isso aconteça sob o governo  Trump, uma vez que, quando era um homem de negócios, toda vez que ele foi à falência, foi resgatado pelos Rothschilds (e isso pode ser facilmente confirmado através de relatos da mídia de seus dias de negócios).

Um sinal claro de que Trump é uma oposição, controlada por banqueiros centrais veio quando ele disse à Fox TV que, se fosse destituído, o mercado de ações cairia. Como mostram os gráficos no link abaixo, os mercados acionários mundiais só estão subindo devido à impressão de dinheiro por bancos centrais de propriedade privada. Em outras palavras, parece que os bancos centrais estão usando Trump para emitir ameaças de que derrubarão os mercados, caso o seu presidente de oposição controlada for retirado do poder.




Muitas pessoas acham que a alta do mercado de ações seja uma coisa boa. Todavia, o que realmente está acontecendo é que os bancos centrais estão imprimindo dinheiro de graça e distribuindo para seus amigos que  usam  dinheiro para recompras de ações e, dessa forma, consolidar o controle das grandes corporações e ficarem mais ricos. Um verdadeiro líder confiscaria todos os ativos comprados em todo o mundo com dinheiro de bancos centrais e os devolveria às pessoas do planeta, por meio de uma medida do tipo de um Jubileu.

De qualquer forma, mais evidências vêm de representantes do ex-Ministro das Finanças japonês, Heizo Takenaka, que dizem ter entregado o controle das corporações japonesas para a máfia khazariana, pelo fato do Japão ter sido ameaçado ser atacado com armas de terremoto. De qualquer modo, o Japão foi atacado, porque, depois que Takenaka renunciou, o Imperador tentou reafirmar o controle japonês sobre o Banco do Japão, segundo fontes da Família Real Japonesa.

A notícia de que uma superarma nuclear russa está desaparecida, provavelmente seja uma ameaça khazariana velada, de  usá-la para criar outro incidente de assassinato em massa do tipo Fukushima se seu poder for ameaçado. Pode ser por essa razão que as pessoas (ou devo dizer ícones da cabala) como Hillary Clinton permanecem livres.




No entanto, enquanto muitos dos principais criminosos khazarianos permanecem livres, ataques contra a cabala em níveis mais baixos estão tendo um impacto de bola de neve. Nesta frente, a mais recente informações de fontes do Pentágono é que “a gigante química alemã, Bayer, foi autorizada a comprar a Monsanto, uma vez  que ações judiciais maciças e investigações sobre glifosato, OGMs, etc, irão derrubar essa corporação da cabala”. As fontes acrescentam que “Big Farma, também, não é apenas alvo de indignação pública pelos altos preços dos medicamentos, mas também, pela produção de vacinas assassinas por parte da Merck”.

Além disso, nos EUA, “o exército privado da máfia [khazáriana] judaica, o corrupto Departamento de Polícia de Nova York (NYPD), pode ser investigado por impor cotas ilegais em prisões, intimações e multas de muçulmanos e minorias, enquanto protege os bairros judeus”. A maioria dessas pessoas está sendo presa por falsas acusações (por exemplo, 48,6% dos presos federais estão detidos por delitos relacionados com drogas) como uma maneira de fornecer trabalho escravo para prisões privadas. Nesta frente, é interessante notar que os trabalhadores escravos na prisão entraram em greve.




Noutra frente, Trump escalou sua guerra cultural contra a máfia judaica atacando, não apenas, os membros da NFL, mas as redes de TV judaicas como ESPN, CBS, Fox e NBC, que recentemente se recusaram a exibir o Hino Nacional Americano.

Além disso, citando novamente Steele, “Trump pode estar dando a Jeff Sessions uma última chance de realizar investigações públicas significativas dos Clintons (por traição, pedofilia, fraude eleitoral e fraude de caridade), bem como John Brennan. Enquanto Hillary Clinton se prepara para encabeçar três eventos de arrecadação de fundos democráticos, numa lembrança pública significativa de que seus altos crimes e delitos como Secretária de Estado - incluindo a venda do Líbano para a França, da Síria e do Iêmen para a Arábia Saudita e do Uranium One para a Rússia - pode ser o prego no caixão Democrata nas eleições de Novembro”.

Pessoal, preparem-se para um Outono movimentado.

 
Fim.


Benjamin Fulford
 

 
 
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.

 
 
geoglobe1
 


Flag Counter
 



Porque o Google está censurando alguns artigos, estamos a mudar para:


Nossas desculpas pelo incidente.


Se se lembrar do nome do autor ou a palavra-chave, tente o elo abaixo em letras minúsculas.
  • http://achama.biz.ly/cgi-bin/blog?tags=
examplo: 

Se o nome for José Freeman = jose freeman ou jose+freeman

http://achama.biz.ly/cgi-bin/blog?tags=jose freeman

Cole uma cópia na barra de endereço do seu navegador e digite.
 

Julho 26, 2018

chamavioleta



   MÁFIA CAZARIANA CONDENADA COMO RESULTADO DO ACORDO SECRETO ENTRE PUTIN/TRUMP

Por Benjamin Fulford,

Sociedade Dragão Branco 

(White Dragon Society), 

23 de julho de 2018

Fonte: https://benjaminfulford.net/

Tradução: Candido Pedro Jorge.

 

 
 

Hoje em dia, ler o The New York Times e outras propagandas da máfia khazariana é como ler o Pravda, pouco antes da queda da União Soviética. Ninguém mais acredita em mentiras. No entanto, mesmo estas mídias estão sendo forçadas a relatar que a União Europeia Socialista Soviética está em apuros. Isso, porque o presidente dos EUA, Donald Trump  e o presidente russo, Vladimir Putin, concordaram que seu inimigo comum é a máfia khazariana e estão agindo sobre isso de muitas maneiras, como veremos abaixo.

Retornaremos a isso, mas, primeiro, vamos dar uma olhada em  duas recentes pesquisas de opinião, que mostram que a máfia khazariana perdeu o controle nos EUA. A primeira é uma pesquisa do Axios, que mostra que 92% dos Republicanos e 72% dos americanos acreditam que as “maiores e tradicionais fontes de notícias relatam notícias que sabem ser boatos, falsas ou propositadamente enganosas”.


Outro fato é uma pesquisa do Gallup que perguntou aos americanos sobre o que eles estavam preocupados. O “aquecimento global” não teve nenhum registro nada e a Rússia ficou com menos de 1%, apesar de uma massiva e prolongada campanha da mafiosa mídia khazariana promover essas duas questões como as preocupações mais importantes do planeta.


Isto é justamente como foi com o Pravda ("Verdade"), pouco antes da queda da União Soviética controlada pela máfia khazariana.

A mídia de propaganda khazariana, também, foi atingida por uma devastadora "bomba da verdade", lançada pelo presidente russo Vladimir Putin na conferência de imprensa que se seguiu à reunião de 16 de Julho com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Putin falou para centenas de jornalistas e propagandistas que “os associados de negócios da [neoconservadora corretora de energia Bill] Browder ganharam mais de US $ 1,5 bilhão na Rússia. Nunca pagaram impostos, nem na Rússia nem nos Estados Unidos e, ainda assim, o dinheiro escapou do país, sendo transferido para os Estados Unidos”, quando “enviaram uma enorme quantia, cerca de US $ 400 milhões, como uma contribuição para o país, para a campanha de Hillary Clinton”.

Apenas esta verdade detonou toda a campanha do Russiagate contra Trump, que os khazarianos esperavam que os salvasse. No entanto, eles não serão salvos, porque perderam totalmente o controle do aparato militar e de inteligência. Fontes do Pentágono, dizem que as informações fornecidas por Putin sobra a Browder, ajudarão a "destruir Hillary e sua cabala".

Além disso, o mais recente desertor de alto perfil do controle khazariano é o ex-diretor de inteligência nacional James Clapper, dizem fontes do Pentágono. "Clapper nunca esqueceu seu juramento militar e os horrores dos tribunais militares como general de três estrelas da Força Aérea (USAF) e que atirou Obama sob o ônibus", disseram as fontes.

O depoimento de Clapper “pode mandar Hillary Clinton, o ex-diretor do FBI James Comey, o ex-diretor da CIA John Brennan e outros traidores para a forca. De fato, Clapper pode ter agido em conjunto com o almirante Mike Rogers, da National Security Agency e os Chefes do Estado Maior o tempo todo, dizem as fontes do Pentágono.

O fato de que o Departamento de Estado dos EUA retirou uma declaração culpando a Rússia pela queda do voo 17 da Malásia sobre a Ucrânia, um dia depois do encontro de Trump com Putin pode ser um sinal de que essa é a questão que derrubará o ex-presidente Barack (Candidato da Manchúria) Obama .

Também, existem outros sinais de que esse incidente poderia ser importante. Um deles é a prisão do ex-presidente da Malásia Najib Razak devido a um escândalo de corrupção de US $ 4,5 bilhões.


Este é um grande problema porque, neste escândalo, a trilha levou ao Rothschild Bank AG em Zurique, na Suíça. Este banco, por sua vez, é uma subsidiária da filial francesa da Rothschild & Co., com sede em Paris e controlado pela família Rothschild.

Esta investigação, juntamente com o depoimento de Clapper é susceptível de implicar a filial francesa dos Rothschilds no sequestro dos voos 370/17 da Malásia. Este avião, na realidade uma aeronave de segunda mão comprada da Malásia, foi “sequestrado” na Malásia e enviado via Tel Aviv para a Flórida, onde foi carregado com armas nucleares e usado pelo antigo regine para ameaçar 58 líderes, reunidos na Holanda para um “encontro  de segurança nuclear”.


Após o Voo 370, foi repintado para o Voo 17, lotado com cadáveres e enviado para a Ucrânia, onde foi abatido, numa vã tentativa de iniciar uma guerra nuclear com a Rússia. O ponto aqui é que o testemunho de Razak e Clapper, juntamente com a trilha do escândalo Malaio, levou diretamente ao ramo francês dos Rothschilds.

Os Rothschilds franceses possuem enorme influência na Ásia. Por exemplo, Zhou Enlai, o primeiro premier da China comunista, bem como o ex-lider Deng Xiaoping e muitos outros, foram todos educados na França por comunistas franceses. Esses comunistas franceses eram agentes da máfia khazariana, provavelmente, financiados pelos Rothschilds franceses, de acordo com um professor comunista francês que participou da revolução comunista chinesa e suas consequências.

A filha do Ministro das Finanças do Japão, Taro Aso, também está vinculada com a filial francesa dos Rothschilds. Eles usam Aso, entre outros, para comprar apoio para o seu governo secreto na Ásia de gângsteres chineses e japoneses, de acordo com um colaborador próximo de Aso. Isso ajuda a confirmar o que a NSA tem nos dito sobre a influência dos Rothschild na China e no Japão.

Os Rothschilds franceses, também, enviaram um representante para se reunir com a Sociedade Dragão Branco (SDB) após o ataque nuclear em 11 de Março de 2011 resultando no tsunami e um assassinato em massa no Japão, para ameaçar com outros ataques, disseram as fontes da SDB. Eles recuaram, após receberem ameaças contrárias, como a de atacar a Ilha de La Palma no Atlântico com armas de terremoto e enviar um tsunami de 100 metros para a Costa Leste dos EUA, disseram as fontes. Vocês podem confirmar que, imediatamente após o ataque de Fukushima ocorreu um enorme e inexplicável enxame de terremotos em La Palma.

Por sua vez, o ramo suíço foi educadamente solicitado pelas famílias reais asiáticas para devolver o ouro roubado que vinha usando para financiar o BIS e o G7. Se nenhuma resposta satisfatória estiver disponível, Forças Especiais e possivelmente armas nucleares serão empregadas, prometem os membros da SDB.

O fato de Trump ter dito à CBS News que a UE de propriedade de Rothschild era um "inimigo" e de também sugerir de que não arriscaria uma Terceira Guerra Mundial para proteger países europeus, mostra que esses países não têm mais forças militares para apoiá-los. Portanto, é apenas uma questão de tempo de como e quando a Rússia e os EUA removerão controladores Rothschild da UE.

Enquanto isso, nos EUA, muitas batalhas ainda estão por vir. O médico cardiologista de George W. Bush foi morto na semana passada, o que levou fontes do Pentágono a dizer que este incidente poderia provocar os disparos das "Armas de Agosto".

As “armas de Agosto” podem ser necessárias para preparar uma segunda reunião, dessa vez de cúpula com Trump e Putin, que fontes do Pentágono dizem que pode acontecer em Setembro. Presumivelmente, a informação dada por Putin a Trump ajudará o Pentágono a convidar quem mais precisa participar da reunião nos EUA.

Fontes do Pentágono ofereceram o seguinte indício sobre o que esperar: “Depois de chamar seus seguidores de superelite, Trump teve o poder de derrubar não só o Vale do Silício e Hollywood, mas também o Federal Reserve Board e a Big Farma.”

Além disso, fontes do Pentágono dizem que a eleição no Zimbábue, que deve ocorrer no dia 30 de Julho, será importante para que o ouro africano seja necessário para sustentar uma nova moeda africana como parte da próxima revisão monetária global.

Num sinal de que os antigos governantes sabem do que está escrito na parede, Henry Kissinger, que apenas presidiu uma reunião da Bilderberg, na Itália, disse que Trump “pode ser uma daquelas figuras da história que aparecem de tempos em tempos para marcar o fim de uma era e forçar tais governantes a desistirem de suas velhas pretensões”.

Isso soa como uma declaração de rendição.

 
Fim.


Benjamin Fulford
 

 
 
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.

 
 
geoglobe1
 
1 via PayPal

Junho 12, 2018

chamavioleta


 

  O ENCONTRO DE CÚPULA ENTRE KIM E TRUMP, OS ROTHSCHILDS E A GUERRA FINANCEIRA ESTÃO TODOS INTERLIGADOS.

Por Benjamin Fulford,

Sociedade Dragão Branco 

(White Dragon Society), 

11 de junho de 2018

Fonte: https://benjaminfulford.net/

Tradução: Candido Pedro Jorge.

 

 
 

A reunião de cúpula desta semana entre o presidente dos EUA, Donald Trump e o poderoso norte-coreano Kim Jong-um, foi precedida por uma onda de diplomacia pública e secreta de alto nível, uma vez que  não se trata de uma reunião comum, concordam várias fontes. A cúpula não só discutirá a paz na península coreana, bem como o futuro do sistema financeiro e, portanto, o futuro do mundo, de acordo com a Coréia do Norte, Pentágono, Illuminati e outras fontes.

As reuniões públicas no último fim de semana foram: A reunião de cúpula do G7 (agora G6 após a retirada de fato dos EUA), dos líderes ocidentais e uma reunião de cúpula da Organização de Cooperação de Xangai (também conhecida como a Aliança Eurasiática). As reuniões secretas foram: O Encontro de Bilderberg, na Itália e reuniões entre membros da realeza asiática com representantes da Sociedade Dragão Branco (SDB), realizada no Japão, de acordo com fontes da Sociedade Secreta Asiática.

O Encontro de Bilderberg foi presidido pelo fraudador financeiro de alto nível Henry Kissinger e, aparentemente, pela primeira vez, incluiu um representante do Vaticano, o cardeal Pietro Parolin, cuja agenda principal foi o "Populismo na Europa"...

…O que significa que camponeses com forcados estão se levantando contra essa elite satânica no Reino Unido, na Itália, na Hungria e praticamente em qualquer outro lugar na Europa. Como as coisas estão indo, não demorará muito para que esses assassinos em massa de crianças sejam arrastados para fora de suas casas e "pendurados nos postes mais próximos", conforme a famosa previsão de George Bush Pai.

Na verdade, na semana passada, “a cabala de Bush foi dizimada, quando seu principal legalista e fundador do Carlyle, Frank Carlucci, foi de encontro ao seu criador”, dizem fontes do Pentágono. Elas também observam que o “Relatório do Inspetor-Geral do Departamento de Justiça será divulgado em 14 de Junho, quando o número de acusações for superior a 35.000 e que o DOJ reforçou seu quadro com mais 300 procuradores”. Além disso, “o recesso do Senado, em Agosto, foi cancelado para juízes federais e sua extensão para outros nomeados de Trump, também, pode ser confirmada”, observam.

Em 07 de junho, uma mensagem foi enviada à família real holandesa, a fundadora de Bilderberg, no dia em que a reunião começou, quando a irmã da rainha Máxima, Ines Zorreguieta, foi encontrada “enforcada na Argentina, numa mensagem à realeza”, disseram fontes do Pentágono. Isso aconteceu quando 160 crianças foram libertadas, numa operação de combate ao tráfico de crianças, em Atlanta, observaram.

https://www.theguardian.com/world/2018/jun/07/dutch-queens-sister-found-dead-at-home-in-buenos-aires

Além disso, na Inglaterra, tumultos explodiram com a prisão de Tommy Robinson, acusado de reportar sobre um julgamento em massa de pedófilos.

https://www.zerohedge.com/news/2018-06-10/watch-chaos-erupts-tommy-robinson-protest-police-chased-down-street-1000s-rage

No entanto, foi na Suécia onde a ação real pôde ser vista. Lá, o governo “mobilizou sua guarda e reservistas para limpar os sequestradores muçulmanos”, dizem fontes do Pentágono. O general norte-americano Joseph Dunford, na semana passada, viajou para a Finlândia para se encontrar com russos e finlandeses, "para ajudarem os suecos em seu momento Trump", disseram as fontes. Na semana passada, a Áustria, também, expulsou um grupo de pregadores pseudo-muçulmanos salafistas, levando o presidente turco, Recep Erdogan, a alertar que isso levaria o mundo a "uma guerra entre a cruz e o crescente".

https://www.timesofisrael.com/erdogan-warns-austria-imam-crackdown-will-lead-to-holy-war/

É claro que os agentes públicos de Rothschild reunidos na reunião do G6, no Canadá, na semana passada, não mencionaram nada disso em seu comunicado e que, em vez disso, tagarelaram sobre coisas como “gênero” (algo que a Mãe Natureza já descobriu na aurora dos tempos).

O G6 também deixou claro que deseja manter o controle do sistema financeiro mundial, por meio do esquema fraudulento de responsabilizar as emissões de "CO2 pela causa do aquecimento global", afirmando que "Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Reino Unido e União Européia reafirmam. Na semana passada, o Papa Francisco, que deixou claro que seu verdadeiro chefe (insinuando... não ser Deus), também, apoia essa fraude não científica, cujo objetivo real é perpetuar o controle financeiro de linhagens de sangue khazarianas (Rothschild, etc...).

Trump expressou seus verdadeiros sentimentos sobre o G6 e a União Européia numa reunião com o escravo Rothschild, quando o presidente Emmanuel Macron propôs: “Vamos trabalhar juntos, nós dois temos um problema na China” e Trump respondeu: “A UE é pior do que a China".

https://www.axios.com/donald-trump-emmanuel-macron-eu-worse-than-china-trade-tariffs-57f53e00-8b5c-4931-9d05-97ee0b510fd5.html?utm_source=twitter&utm_medium=twsocialshare&utm_campaign=organic

Isto leva ao cerne da histórica reunião de cúpula entre Trump e Kim, em Cingapura, esta semana, onde o tópico real da discussão será a remoção dos controladores khazarianos do sistema financeiro do G6, concordam várias fontes.

A parte encontro de cúpula Kim/Trump, que envolve o sistema financeiro, diz respeito aos direitos de propriedade do ouro da dinastia Manchu (Qing), de acordo com o herdeiro Manchu Zang Seungshick (張勝 植) e outro régio Manchu que prefere permanecer anônimo.

Ambas as fontes, que não sabiam que estavam, simultaneamente, entrando em contato com a SDB, forneceram documentação para mostrar que, em 1947, o ouro Manchu estava na Suíça sob o controle da família Rothschild. Eles alegam que o ouro foi desviado pelos Rothschilds e usado para financiar o Plano Marshall, após a Segunda Guerra Mundial. Esse ouro também financiou a fundação da CIA e de Israel (País), afirmam e que, ainda, financia o G6, dizem eles, mas que não financiou o desenvolvimento do Leste Asiático conforme prometido. O ouro está escondido nas montanhas, atrás de Basileia, na Suíça e o período de 70 anos, após o qual deve ser devolvido termina em Julho deste ano, afirma Zang.

As fontes dizem que o então presidente chinês Chiang Kai-shek, o imperador japonês Hirohito e o presidente sul-coreano, Syngman Rhee, estavam todos envolvidos nesse esquema. O ex-primeiro-ministro japonês Kishi Nobusuke, o avô do atual primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, também participou desse esquema, afirma Zang. O atual gerente Rothschild desses fundos desviados no Japão, é o ministro das Finanças Taro Aso, diz ele. "Os Rothschilds deveriam ser os banqueiros que, supostamente, deveriam estar manipulando dinheiro de outras pessoas e que, ao invés disso, se apropriaram indevidamente", afirma Zang.

Trump  recebeu essa informação de Kim, quando se encontraram em segredo na vila de Panjunmon, na fronteira entre o Norte e o Sul da Coréia, em Novembro do ano passado, afirmou Zang. Fontes do Pentágono confirmaram a esse escritor que Kim e Trump se encontraram em segredo nessa época.

Zang diz que foi preso na Coréia do Sul, pouco depois de se encontrar com este escritor, em 2015. Ele diz que só foi libertado, porque o presidente Park Geun-hye, um "agente de Rothschild", foi preso em Abril deste ano.

Além disso, Zang agora afirma que Kim Young-hee (金 英 姫), que participou com ele no encontro com este escritor, em 2015, é filha do tio executado por Kim Jong-un, Jang Song-thaek e que, portanto, é prima em primeiro grau de Kim. Jang foi executado porque trabalhava para os Rothschilds, afirma Zang. Não foi possível entrar em contato com Kim Young-hee (o caractere de Hee (姫), significa princesa) para confirmar isso, todavia, esperamos que ela entre em contato conosco ao ler este artigo.



http://www.sementesdasestrelas.com.br/2015/05/benjamin-fulford-caos-no-eua-na-medida.html

O Conselheiro de Segurança Nacional dos EUA, John Bolton e o Vice-Presidente dos EUA, Michael Pence, também são "agentes de Rothschild" que estão tentando bloquear os direitos dos Manchus (norte-coreanos) a seu ouro, afirma Zang. Certamente, Bolton tem tentado inviabilizar a cúpula, como pode ser visto por suas ações públicas, com sua reivindicação em público de que a Coréia do Norte teria um tratado como a Líbia.


Essas afirmações dos Manchus são interessantes, uma vez que foram os países do G7 quem mais se beneficiaram com o Plano Marshall e são eles que, com exceção do regime de Trump, tentam atrapalhar a cúpula Kim/Trump. Também, é interessante notar que esses países, junto com o Papa Francisco, como mencionado acima, apoiam o Acordo de Paris, como uma maneira de manter o sistema financeiro sob o controle da linhagem de sangue. Trump, como anteriormente observamos, saiu da reunião do G7 antes do início das discussões sobre o Acordo de Paris.

A julgar pelas expressões, a fotografia neste link, pode estar mostrando os servos Rothschild em pânico, depois que Donald Trump lhes mostrou documentos afirmando os direitos norte-coreanos (Manchu) ao ouro que, por fim, suporta o G7 (agora G6) e os sistemas financeiros israelenses.

https://www.bbc.com/news/world-us-canada-44426442

O outro real Manchu, aquele que evita a publicidade, irá apresentar os títulos na Embaixada dos EUA, em Tóquio, Japão e exige que o Conselho do Federal Reserve honre seus compromissos, monetizando os títulos, diz ele. A SDB apoiará suas reivindicações, assim como as Sociedades Secretas Asiáticas, os Illuminati e outros grupos poderosos, disseram fontes da Sociedade Secreta. O objetivo será libertar a humanidade, ao acabar com o domínio da máfia khazariana sobre o sistema financeiro, concordam as fontes. “Esta será a queda da Babilônia, já que os ladrões não deveriam estar no comando dos bancos”, foi o que a realeza Manchu (Qing) disse.

Os judeus dos EUA, embora ainda sob os efeitos de uma completa lavagem cerebral, estão começando a acordar e, agora, discordam dos judeus israelenses em muitos e importantes assuntos.

https://apnews.com/ec170f8efeb64169b34f0fed2b432776?utm_campaign=SocialFlow&utm_medium=AP&utm_source=Twitter&__twitter_impression=true&__twitter_impression=true

Além disso, os Judeus Iraquianos parecem ter descoberto que Israel é um trabalho satânico e começaram a retornar à sua verdadeira terra natal, na Mesopotâmia, o verdadeiro cenário de grande parte do que está no Antigo Testamento.

https://www.middleeastmonitor.com/20180604-sadr-welcomes-return-of-iraq-jews-from-israel/

É claro que a conclusão da libertação dos Estados Unidos será a chave para garantir que tudo isso venha a acontecer. Nesta frente, “a bruxa liberal anticristã Ruth Bader Ginsburg (a notória RBG) e a cripto-Judia [satanista] Sonia Sotomayor… foram alvos de Trump, para serem removidas da Suprema Corte”, apontam  fontes do Pentágono.

É claro que a máfia khazariana não irá desistir sem briga, tendo, recentemente, "suicidado" denunciantes de uma maneira muito ativa. Nessa frente, fontes do Pentágono observam que a designer de bolsas Kate Spade (cunhada do ator/comediante David Spade) e o chef celebridade, Anthony Bourdain, foram “suicidados” por enforcamento, porque estavam prestes a expor “anéis de pedofilia”.

Numa nota final, em algo não relacionado ao resto deste artigo, todavia, interessante, na semana passada, fomos contatados por um denunciante da NSA que nos disse que o jogo Pokemon Go, foi desenvolvido pela NSA para transformar seus jogadores em espiões. A ideia é colocar monstros raros em lugares “onde pessoas suspeitas vão para se divertir” ou onde, por outras razões, precisam de fotografias. Isso explica a erupção de jogadores Pokemon Go entrando e tirando fotos em áreas restritas ao redor do mundo.

https://www.deccanchronicle.com/lifestyle/viral-and-trending/270716/chinese-army-bans-hong-kongs-pokemon-players-from-barracks-1.html

Fim.


Benjamin Fulford

 
 
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.

 
 
geoglobe1
 
$1 via PayPal

Junho 05, 2018

chamavioleta


 

  QUEDA DE ISRAEL PODE SER IMINENTE, NA MEDIDA EM QUE A OTAN RETIRA SUA PROTEÇÃO.

Por Benjamin Fulford,

Sociedade Dragão Branco 

(White Dragon Society), 

4 de junho de 2018

Fonte: https://benjaminfulford.net/

Tradução: Candido Pedro Jorge.

 

 
 

Mudanças tectônicas na paisagem geopolítica continuam num ritmo vertiginoso ao redor do mundo, na medida em que a turba satânica khazariana está sendo sistematicamente removida de todos os centros de poderes mundiais, concordam múltiplas fontes. A situação chegou tão longe que o grande Kahuna Khazari, Israel, em breve, poderá ser libertado dos satanistas, dizem fontes do Pentágono. Na Europa, as mudanças de governo na semana passada na Itália, Espanha e Eslovênia significam que apenas uns restantes na França, Alemanha e Holanda permanecem sob controle khazariano, dizem as fontes.
A libertação Ocidental é necessária, para garantir que as negociações Oriente/Ocidente, em Cingapura, na semana que vem, não resultem numa ordem mundial em que somente a China venha substituir a máfia khazariana no topo do mundo, dizem as fontes.
Vamos começar examinando a situação em Israel, onde o principal líder satanista, Benjamin Netanyahu, como seu antecessor Adolf Hitler, agora está escondido num bunker, enquanto se prepara para sua inevitável derrota. A declaração pública do Secretário-Geral da Otan, Jens Stoltenberg, na semana passada, de que a aliança não virá em defesa de Israel, no caso de ser atacado pelo Irã é um sinal visível da iminente mudança de regime em Israel.
https://nypost.com/2018/06/02/nato-chief-says-alliance-wont-protect-israel-if-iran-attacks/
O mais importante, ainda, é o não dito, segundo fontes do Pentágono, de que “a OTAN não defenderá essa entidade sionista ilegítima do urso [russos]”. De qualquer forma, Netanyahu e seu regime perderam o apoio da maioria dos judeus reais (em oposição aos satanistas armados) por causa de seu comportamento assassino.
Esta denúncia pública de Israel acontece, quando a Arábia Saudita se prepara para anunciar Mutaib bin Abdullah como seu novo governante, substituindo o sionista Bin Salman, que foi assassinado em 21 de Abril, disseram fontes do Pentágono.
https://www.reuters.com/article/us-saudi-government-defence-newsmaker/saudi-prince-relieved-from-national-guard-once-seen-as-throne-contender-idUSKBN1D40VG
https://en.wikipedia.org/wiki/Mutaib_bin_Abdullah
Isso é importante porque significa que o controle do petróleo saudita, o principal suporte do petrodólar, saiu das mãos dos sionistas, dizem as fontes. Com certeza, Bin Salman, que estava diariamente presente na imprensa, até o tiroteio em seu palácio em 21 de Abril, desapareceu da vista do público. No entanto, um anúncio público será necessário, para confirmar o que essas fontes estão dizendo. 
Todavia, uma fonte diferente do Pentágono, na semana passada, avançou com notícias relacionadas que podem afetar o gerenciamento e a propriedade da maioria das empresas ocidentais listadas publicamente. De acordo com essa fonte, os apoiadores militares do regime Trump, estão considerando dar a Leo Wanta e seu pessoal, o controle dos US $ 26 trilhões em fundos que eles alegam terem sido ilegitimamente tirados deles pela facção Bush, da máfia khazariana. Wanta foi convidado para ir a Washington DC, esta semana, para discutir esses fundos, diz a fonte. "Se conseguirem esse dinheiro para a Wanta, eles terão que retirá-lo do Vanguard Group", disse a fonte. O Vanguard (Bush?), Junto com a State Street Coprporation (Rockefeller?) E Blackrock, Inc (Rothschild?), controlam a maioria das grandes corporações ocidentais. 
http://theconversation.com/these-three-firms-own-corporate-america-77072
https://steemit.com/news/@sione/these-big-four-companies-control-the-world-yet-you-ve-probably-never-heard-of-them
O movimento dos militares dos EUA para assumirem o Vanguard e, possivelmente, a State Street, assim como a Blackrock pode estar em preparação para um confronto com uma aliança euroasiática pelo controle do sistema financeiro mundial. Neste contexto, a cúpula da próxima semana entre o presidente dos EUA, Donald Trump e o líder norte-coreano Kim Jong-un é muito mais do que apenas a paz na península coreana. De acordo com os Illuminati Gnósticos, Kim Jong-um, de fato, é o líder de uma aliança que controla a China, bem como grande parte do Leste da Ásia.
Independentemente de saber se isso é verdade ou não, sobre quem Kim venha a ser, uma olhada na situação global do mundo, indubitavelmente, demonstra que o complexo militar-industrial ocidental e uma aliança eurasiana estão negociando uma nova maneira de gerir o planeta.
A chave, a respeito de quem sairá por cima, parece cada vez mais estar com a Índia. A Índia tem uma população jovem, aproximadamente, igual em tamanho ao rápido envelhecimento da população da China. É por isso que o lado dos EUA, tem tentado convencer a Índia a unir-se se unir numa aliança com o Japão, Austrália e Indonésia para "conter a China". Na semana passada, os EUA renomearam seu Comando do Pacífico para Comando Indo-Pacífico, como parte de seu apelo à Índia.
No entanto, os chineses parecem ter a vantagem, na medida em que a Índia se uniu à Rússia e à China como parte da Organização de Cooperação de Xangai, uma aliança econômica e militar na Eurásia.
Na semana passada, o primeiro-ministro indiano Narendra Modi, falando no encontro de Shangri La, em Cingapura, deixou claro que a Índia não estava interessada em participar de grandes jogos de poder, dizendo que “uma Ásia de rivalidade vai nos levar de volta ao passado, enquanto uma  Ásia de cooperação moldará este século”. Recomendamos ler o discurso não muito longo de Modi, no link abaixo:
http://mea.gov.in/Speeches-Statements.htm?dtl/29943/Prime_Ministers_Keynote_Address_at_Shangri_La_Dialogue_June_01_2018
De qualquer forma, a reunião de Shangri La, em Cingapura, é apenas uma das várias reuniões de alto nível, que acontecerão na preparação para o encontro Kim Trump, na próxima semana. Nesta semana, também, será realizada uma cúpula do G7 (governo ocidental) no Canadá, bem como uma reunião de Bilderberg (governo Ocidental secreto), na Itália, enquanto o Ocidente tenta coordenar sua posição nas negociações de poder maior com a Ásia, na próxima semana.

Agora, vamos voltar para a situação Ocidental, começando pela Europa. Em primeiro lugar, provavelmente não seja coincidência que a reunião de Bilderberg deste ano, esteja acontecendo na Itália, uma vez que o novo regime italiano se opõe ao euro e, portanto, é uma ameaça existencial à União Européia, tal como se encontra agora. Em termos básicos, a matemática econômica torna muito óbvia de que o Sul da Europa (Espanha, Itália, Grécia e Portugal) estaria melhor sem o euro e essa é uma realidade que a elite secreta inevitavelmente terá de enfrentar. Além disso, a queda da casa nazista Bush, significa que, no momento atual, não há mais nenhum apoio sério da indústria militar ocidental para o projeto da UE centrado na Alemanha. Um colapso que, no entanto, acontecerá em câmera lenta.
A outra questão, é que a Eslovénia (a pátria de Melania Trump) juntou-se à Polónia e à Hungria na eleição de um regime que se opõe à atual política de imigração em massa da UE, principalmente de países muçulmanos. A tendência geral é que a Europa Central, agora, esteja se unindo ao Sul da Europa para se afastar da dominação da UE pela Alemanha (mais os lacaios franceses), embora por diferentes razões. O Reino Unido, com o seu Brexit, também já disse não à UE. Claramente, uma Europa profundamente dividida não está em posição de representar o Ocidente em grandes negociações com o Oriente.
O outro importante centro de poder do G7, o Japão, também está em profunda desordem, porque o regime lá é visto pelo submundo asiático como um governo colonial de escravos. Os norte-coreanos são vistos como o governo legítimo da Coreia e do Japão, dizem fontes de direita japonesas e, é por isso que os japoneses foram excluídos das negociações norte-americanas e norte-coreanas. Além disso,  representantes de Bush como Richard Armitage (primo de Barbara Bush) perderam  poder, o que significa que existe um vácuo na rede de controle colonial dos EUA no Japão.
É neste contexto que devemos olhar para a decisão de Trump, de impor tarifas sobre o aço e o alumínio europeus,  japoneses e canadenses. O objetivo é usar essa medida para forçar uma mudança na governança econômica do Ocidente. De certa forma, Trump está certo em dizer que, se os EUA têm um déficit comercial de US $ 800 bilhões por ano, ganhar uma guerra comercial é algo óbvio.
No entanto, o que ele está apenas percebendo, é que a economia dos EUA foi deixada de lado por enormes déficits comerciais, porque os donos do atual sistema financeiro, centrado nos petrodólares, em sua maioria, eram não americanos ou patriotas americanos. Nossas fontes sugerem que é por isso que a mudança com Wanta, se for verdade, pode ser um sinal de que Trump, finalmente, está encontrando o alvo certo. Se Trump conseguir o controle do sistema baseado no dólar, euro e iene, ele estará numa posição muito mais forte para negociar uma nova arquitetura financeira/política global com a aliança eurasiana. Seu regime só precisa reunir mais alguns oligarcas e ele pode ser capaz de fazer isso. Nessa frente, um progresso constante continua, dizem fontes do Pentágono.  
Por outro lado, "A líder nº 2 do culto sexual NXIVM, a atriz Allison Mack, pode ter cantado para derrubar Hollywood e a Bronfmans", dizem as fontes. A família Bronfman enriqueceu vendendo bebida alcoólica para Al Capone e, agora, é uma das principais famílias controladoras de gigantes da mídia como a AOL - Time Warner.
A outra grande entidade da mídia sionista sob ataque é a Disney. "Roseanne Barr, da ABC, foi 'martirizada' para derrubar Valerie Jarret, manipuladora de [Barak} Obama  e seu defensor da Disney, o CEO Bob Iger, CEO da Disney e que seu programa cancelado, pode ser passado para a Fox", dizem fontes do Pentágono. Além disso, eles acrescentam: “Harvey Weinstein e seu ex-empregador, a Disney e outros, podem ser acusados de violações da RICO, por administrarem uma empresa sexual criminosa, uma vez  que Trump pode, até mesmo, nacionalizar esse ícone cultural para proteger as crianças”.
Além disso, em Washington, DC, “agentes do Estado Profundo e Sionistas são história, na medida em que o Departamento de Defesa assume o processo de credenciamento de segurança para todo o governo, permitindo apenas chapéus brancos e patriotas”, dizem as fontes.
O que tudo isso significa é que por trás de Trump, o governo militar está solidificando sua posição como representante do Ocidente nas negociações com a Aliança Eurasiana.
No entanto, Trump precisa aprender que tentativas de intimidação e batidas na mesa não são bem vistas na Ásia. A China deixou claro que vai se encontrar com os EUA na metade do caminho, mas que qualquer tentativa de Trump de tentar causar problemas em suas metas em algum acordo, irá sair pela culatra, emitindo uma declaração que disse, em parte:
"Todos os resultados econômicos e comerciais das negociações não terão efeito se o lado americano impuser quaisquer sanções comerciais, incluindo aumento de tarifas."
http://www.xinhuanet.com/english/2018-06/03/c_137227287.htm
Não obstante, todos os movimentos descritos acima representam uma mudança fundamental de direção, na forma de como o mundo é governado. Agora que o pesadelo apocalíptico sionista está terminando, a humanidade está sendo libertada.

Fim.


Benjamin Fulford

 
 
 
Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português: 
 




Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.

 
 
geoglobe1
 
$1 via PayPal


Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub